Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Terça-feira, 04 de dezembro de 2001 - Nº 429 Edições Anteriores
BIL - Bolsa de Imóveis do Litoral Modulo

Busca por palavras no Litoral Virtual:

Principais Manchetes:

Rua em Caraguá continua fechada após explosão
Capacidade das balsas é reduzida 20%
Operação de resgate salva criança na Martim de Sá
Urbanismo e Meio Ambiente redobram fiscalização durante o verão
Ecoturismo com segurança em Caraguá
2ª Festa Caiçara reuniu centenas de pessoas no Cief Porto Novo
“Caraguá Paz e Verão”
Cantora de Caraguá lança CD evangélico
Escolinha de Ubatuba é campeã do “Quiksilver Surf School”
Carta do Leitor



Rua em Caraguá continua fechada após explosão


Caraguatatuba - A Cetesb (Companhia de Tecnologia e Saneamento Ambiental) está fazendo o monitoramento da tubulação subterrânea que explodiu na última sexta-feira na rua Altino Arantes, no centro de Caraguatatuba, deixando ferido o técnico em telecomunicações Aloísio Francisco da Silva, 38 anos. O objetivo é verificar se não há mais nenhum vazamento de gás no local. Enquanto o trabalho não for concluído, o trecho de um quarteirão da rua permanecerá interditado. Silva continua internado na Santa Casa com 60% dos corpo queimado. (Fonte: ValeParaibano)

Capacidade das balsas é reduzida 20%

Ilhabela - A partir de amanhã as balsas que fazem a travessia entre São Sebastião e Ilhabela passam a operar com 20% a menos de sua capacidade. A previsão é de que haverá filas de até uma hora em horários de pico durante a semana e por mais tempo na temporada de verão.
Essa redução é para que os veículos possam ter as portas abertas sem dificuldade. Pela determinação da Diretoria de Portos e Costas da Marinha, o espaço é necessário para garantir a segurança dos passageiros.
A balsa FB-18, que estava sendo reformada, voltou a operar com 15% de sua capacidade. Ela tinha espaço para 43 veículos e só poderá embarcar 36 carros. Está sendo exigido o espaço de metro entre os veículos. A FB-20 terá reduzida sua capacidade de 60 para 48 veículos.
Para amenizar o problema, a Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A) está tentando conseguir uma quinta balsa junto à operadoras do Amapá. A embarcação é aguardada para o dia 30 de dezembro, quando o fluxo de veículos deve ser superior a 20 mil.
O prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos (PTB), disse que a chegada da quarta balsa e a promessa da quinta embarcação serão alternativas para que os turistas que visitam a cidade em grande número nos finais de semana e na temporada não sejam prejudicados. (Fonte: ValeParaibano)

Operação de resgate salva criança na Martim de Sá

Caraguatatuba - Uma operação de resgate envolvendo a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros salvou a vida de uma criança recém-nascida neste último Sábado na praia Martin de Sá. O carro estava com a chave no contato além de documentos e a porta aberta. Os pais não estavam no local segundo a Unidade URSA 38 do Corpo de Bombeiros presente no local. O bebê estava há um bom tempo dentro de um carro (Palio com Placa de Curitiba), chorando provavelmente pelo intenso por volta das 13h. O caso foi passado para a Polícia Militar que localizou os pais da criança sem a necessidade de registrar a ocorrência. O cabo Paulo, que acompanhou o caso, disse que o avô da criança estava ao dormindo ao lado do automóvel. A Polícia também disse que tanto o avô como os pais estavam alcoolizados. A ação entre as duas corporações têm mostrado a eficiência dos profissionais que vêm prevenindo mais acidentes, com maiores ocorrências durante o verão. (Fonte: PMC)

Urbanismo e Meio Ambiente redobram fiscalização durante o verão

Caraguatatuba - A Secretaria de Urbanismo e Meio Ambiente reforçará seus trabalhos de fiscalização durante a temporada de verão 2001-2002. Segundo o setor, haverá a atuação dos fiscais em horários alternados. O intuito é visitar comércios alertando quanto à renovações e situações de regularidade, além de fiscalizar veículos que entram na cidade irregularmente. Estes automóveis turísticos (Vans e Micro-Ônibus), de acordo com a Secretaria, não devem estacionar nas praias, mas sim no Terminal Turístico de Caraguatatuba. O endereço é na Avenida Miramar, em frente ao quiosque 52, na Praia das Flecheiras, Porto Novo.
No total são quatro profissionais fiscalizando veículos durante a manhã e mais quatro de madrugada. Já no comércio, tanto em estabelecimentos como para vendedores ambulantes nas praias, o horário não será de rotina, permitindo uma melhor atuação por parte dos 8 fiscais. Fora de temporada só há a fiscalização no Domingo das 9h ao meio-dia. (Fonte: PMC)

Ecoturismo com segurança em Caraguá
Para os amantes da natureza, que curtem estar em contato direto com a natureza através de trilhas, cachoeiras, e outros programas ecológicos, a Setur - Secretaria de Turismo de Caraguatatuba tem a opção certa de lazer

Caraguatatuba - Proporcionando lazer, aventura e diversão para todos os gostos e idades, a Secretaria de Turismo e Fomento de Caraguatatuba está com uma inovação no que diz respeito à ecologia. Os amantes da natureza podem respirar aliviados com a nova programação da Setur, que inclui muito verde, em trilhas que podem ser feitas até mesmo por grupos de crianças.
Ecoturismo com segurança é prioridade para a Setur, que encontrou a parceria certa para esse trabalho, fechando com a empresa “Cachoeiras e Trilhas Adventure”, que oferece atividades de ecoturismo de aventura, com segurança e claro, profissionalismo.
Inicialmente serão oferecidas duas opções de trilhas e um curso de Rappel, para que os aventureiros possam descer altas distâncias com segurança, curtindo ao máximo esse contado direto com a natureza. A “Cachoeiras Adventure” oferece ainda trekking familiar na trilha Paraíso, que fica nas imediações do Sertão dos Tourinhos (Massaguaçu) e possui cerca de 2h30 de duração, incluindo visitas à cachoeiras e piscinas naturais. O trajeto pode ser feito até mesmo por crianças, acompanhadas ou autorizadas pelos pais, com idade mínima de 4 anos.
Para os amantes da aventura, a melhor opção de lazer é a trilha Tupinambá, que tem cerca de 6h de duração e consta catalogada no guia de trilhas internacionais, e começa no Pouso Alto e Natividade da Serra, descendo até Caraguatatuba pela mata atlântica. Esse trajeto pode ser feito por crianças com no mínimo 12 anos de idade, com autorização dos pais ou responsáveis.
A “Cachoeiras e Trilhas” é a primeira empresa de ecoturismo a se credenciar pela Secretaria de Turismo e Fomento de Caraguatatuba, e tem especialização para promover a atividade com segurança em Caraguatatuba, proporcionando mais uma atividade de lazer para a alta temporada de 2002.
Haverá ainda um curso de rappel, apostilado, com aula teórica sobre noções de segurança, ancoragem, nós e equipamentos, durante a manhã e prática na parte da tarde; a atividade é habilitada pelo Corpo de Bombeiros. Esse curso é agendado mensalmente e pode ser feito por jovens a partir de 16 anos.
De acordo com o secretário de Turismo Salim Burihan, “esta é a primeira parceria que estamos fazendo com relação a ecoturismo, mas a Setur continua aberta à novas propostas, podendo qualquer empresa da cidade procurar nosso apoio, estando devidamente regularizadas”, explicou.
Vale lembrar que as trilhas podem ser feitas por no mínimo 10 pessoas e no máximo 20 pessoas e devem ser agendadas com antecedência. Acompanham os passeios entre 2 e 3 profissionais, com curso especial de sobrevivência, pronto-socorrismo, especialização em animais peçonhentos e resgate, com atuações no Exército Brasileiro, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.
Com esse novo ramo de lazer em Caraguatatuba, a temporada de Verão 2002 estará completa para todos os gostos, oferecendo muito agito e para quem curte uma tranqüilidade, um passeio pelas nossas matas.
Os interessados em participar das trilhas podem entrar em contato pelos telefones (12) 422-2829 e 9767-6139, com Amadeu ou Adilson. (Fonte: PMC)

2ª Festa Caiçara reuniu centenas de pessoas no Cief Porto Novo
O Cief do Porto Novo realizou neste sábado, 1º de dezembro, pela segunda vez, uma Festa Caiçara, com culinária típica, trabalhos infantis, além de apresentações de alunos e oficinas da Fundacc

Caraguatatuba - A 2ª Festa Caiçara realizada pelo Cief do Porto Novo, no dia 1º de dezembro (sábado) foi um grande sucesso. Centenas de pessoas compareceram à escola para participar do evento, assistindo às exposições, apreciando os pratos tipos e trabalhos realizados pelas crianças. Os pescadores do Juqueriquerê também marcaram presença no local. Além do tradicional Azul Marinho (peixe com banana) foram vendidas a preços populares diversos tipos de comidas típicas. Teve ainda dança caiçara e exposição de trabalhos, com o objetivo de trazer a comunidade caiçara para dentro da escola, participando junto desta comemoração às nossas raízes.
A Prefeitura Municipal de Caraguatatuba realizou o evento através do Cief Porto Novo com o apoio da Secretaria Municipal de Educação, Fundacc - Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba e Acaju - Associação Caiçara Juqueriquerê - esta em especial preparou pratos típicos como o “Lambe-Lambe”, “Torta de Bibigão”, e muitas outras delícias da culinária caiçara.
As crianças do Cief, fizeram ao longo do ano pesquisas sobre o assunto, explorando lendas, trabalhos manuais, livretos de culinária e desenhos e expuseram sua obra de arte no salão da escola. A turma de Educação Infantil teve como tema a Pesca, a 1ª série ficou com Comidas Típicas, a 2ª série com Turismo, a 3ª série com Danças, a 3ª série do Barranco Alto também marcará presença com exposição de Ervas Medicinais, a 4ª série estará mostrando parte da Mata Atlântica, o EJA - Educação de Jovens e Adultos estará expondo nossas lendas e as salas do Poço das Antas estarão mostrando um pouco da comunidade local. Uma festa caiçara como essa resgata a história da cidade e incentiva as crianças acontecer seu passado e os meios de sobrevivência da região.
Em apoio a festa, a Fundacc participou do encontro, com apresentações de Maculelê, Puxada de Rede, Capoeira, Moçambique e Folia de Reis do Tinga. (Fonte: PMC)

“Caraguá Paz e Verão”
Evento vai lançar Verão de Caraguá em São José dos Campos

Caraguatatuba - O evento “Caraguá Paz e Verão” vai lançar a programação de verão no dia 20 de dezembro em São José dos Campos, com coquetel e show do Ivan Lins. No evento estarão presentes jornalistas de todo o Vale do Paraíba, Litoral Norte e regiões do Estado de São Paulo e Campinas. O prefeito Antonio Carlos acha importante fazer o lançamento em São José dos Campos para que os jornalistas da região com sua presença possam estar informados, o mais rápido possível, sobre a programação dos eventos de verão.
Segundo a Secretaria de Turismo de Caraguá, a programação de verão deste ano terá inúmeras novidades. “A intenção é fazer um verão agitado mas com segurança e tranqüilidade para as famílias que visitam nossa cidades no verão”, disse o secretário Salim Burihan. Entre as novidades divulgadas até agora estão a caminhada monitorada, no calçadão da avenida da Praia, das 9 às 10h e das 18 às 19h. As massagens são outra grande novidades para este verão. A Secretaria de Turismo está selecionando terapeutas e massagistas para prestar o serviço que irá atender banhistas na Martim de Sá. O projeto “Sons do Verão” trará várias bandas regionais para tocar na Praça de Eventos, na Avenida da Praia, à partir do dia 28 de dezembro, às quartas, quintas e domingos. Logo após a passagem de ano, com show pirotécnico e musical na Praça de Eventos e em outras praias da cidade, começa o projeto Brincando na Praia. O projeto vai oferecer uma área na Martim de Sá com monitores que farão recreação com crianças na areia.
O Agito TV Vanguarda - Micareta é uma das grandes atrações para os dias 5 e 6 de janeiro em Caraguá, com show da banda Orfeu.
Outras novidades já estão programadas para acontecer, como Rally Náutico, dias 26 e 27 de janeiro, Festival de Vôo Livre e Parapente, além de show de aeromodelismo e automobilismo e skate, em data ainda não determinada. (Fonte: PMC)

Cantora de Caraguá lança CD evangélico
Rachel Santos está em seu segundo trabalho, que será lançado na igreja Assembléia de Deus, na divisa da Caraguá com São Sebastião

Caraguatatuba - A cantora Rachel Santos, moradora do bairro Travessão, na região Sul de Caraguatatuba, estará lançando no dia 22 de dezembro (sábado), seu segundo CD, entitulado “Vaso Renovado”.
Nascida em São Paulo, a cantora reside em Caraguatatuba com sua família e canta desde os 9 anos de idade, tendo mostrado o potencial de sua voz em diversas igrejas em cidades como Vitória (ES), Niterói, Nova Iguaçu, Cabo Frio, Angra dos Reis, (RJ), Caraguatatuba, São Sebastião, Ilhabela, Ubatuba, São Paulo, Santos, Guarujá, São José dos Campos, Taubaté, Caçapava, entre outras.
Rachel cantou também com o movimento carismático do Travessão, que realiza trabalhos para tirar os jovens do mundo das drogas. Seu novo trabalho musical será lançado no dia 22, às 19h30, no salão da igreja Assembléia de Deus - Ministério de Caraguatatuba, que fica na avenida José Herculano nº 9325, na divisa de Caraguatatuba com São Sebastião.
Vale lembrar que toda a comunidade de Caraguatatuba está convidada a participar do evento, para o qual haverá transporte gratuito.
O ônibus sai do bairro Tinga, em frente a igreja Jesus Nazareno, na rua Euvira Perpeta nº 447, às 19h, retornando ao local às 22h. (Fonte: PMC)

Escolinha de Ubatuba é campeã do “Quiksilver Surf School”
Os ateltas sebastianenses, Thiago Camarao, local da praia de Juquehy venceu o Actual Surf Session e Pedro Jose, de Guaeca foi o vice

Ubatuba - A Escolinha Municipal de Surfe de Ubatuba/Sthill é a campeã do Quiksilver Surf School, o inovador campeonato entre escolinhas de iniciação ao surfe. Com a vantagem de competir em casa, a equipe não deu chances às adversárias na 4ª e última etapa do ranking, disputada domingo (dia 2), na Praia Grande, em Ubatuba.
Comandado pelo experiente professor Alberto Jacob, o time foi o único que chegou nas quatro finais, mostrando a grande safra de novos talentos. Nessa competição, os campeões somaram na final 36,10 pontos, deixando em 2° lugar a Escolinha Municipal de Itanhaém/Van Gogh, com 31,50. A caçula das escolinhas, a da Praia da Baleia/SP Comp, de São Sebastião, ficou em 3° lugar, com 26,20 pontos. E a Pró Kids, de Guarujá, considerada a outra favorita, ficou na 4ª posição, com 23,70.
No ranking, os alunos do professor Jacob marcaram 3.629 pontos. A Pró Kids, sob comando do surfista profissional Paulo Kid, e vencedora das duas primeiras etapas, foi a vice-campeã, com 3.159. Itanhaém ficou em 3° na classificação geral, com 2868, seguida da Escolinha Municipal de São Sebastião, do professor Gedeon Gonçalves, com 2796 pontos; e a da Baleia, do também surfista profissional Wagner Pupo, com 2721.
A competição apresentou um formato inovador. O tag team, um revezamento onde os cinco surfistas da equipe têm de somar o máximo de pontos em 15 ondas surfadas (três por atleta). “Este sistema foi ótimo, porque pudemos mostrar um trabalho de equipe. Este campeonato para a escolinhas foi muito importante porque aqui mostramos tudo o que desenvolvemos durante o ano”, disse Alberto Jacob, que é ex-juiz de surfe internacional e trabalha no esporte desde 1975.
A Escolinha de Ubatuba foi fundada em abril de 1995 e já revelou grandes talentos da nova geração. Entre eles os campeões paulistas Renato Galvão, Saulo Júnior, Edgley Santos, Eduardo Silva Hizunomê Bettero e Mateus Toledo. “Temos de agradecer muito ao prefeito Paulo Ramos, que sempre nos dá apoio e foi com ele que começamos o trabalho em 95”, destacou Jacob.
Quem também comemorou bastante foi Luiz César Morcego, da Escolinha de Itanhaém. Depois de perder as três primeiras etapas na semifinal, ele chegou à decisão e perto da vitória. “Finalmente mostramos que a nossa cidade tem uma boa equipe. No ano que vem vamos estar mais motivados do que nunca”, afirmou Morcego. (Fonte: Gedeon)

Carta do Leitor

Indústria de Multas I - Prezada Senhora Ana Maria, Venho pela presente manifestação endossar em número, gênero e grau a vossa indignação com relação a nossa velha e conhecida "industria de multas", que é artificiosamente montada quando se aproximam os períodos de eleições e certos políticos se valem do expediente para invadiram a algibeira dos contribuintes, visando na maioria das vezes, o custeio de outros interesses de cunho pessoal e político.
Eu mesmo fiz um juramento, o qual aconselhei e aconselho a todas as pessoas que conheço e com quem tenho contato : "... não passem na ARMADILHA montada na via da praia de Caraguatatuba, para não estragarem a sua paz, o seu sossego e a sua tranqüilidade...". Evitem aquele lugar, se possível, a própria cidade. Eu mesmo nunca mais passei por ali. Dirijo e tenho carta de motorista profissional desde maio de 1959 sem acidentes, sem multas de estradas ou de transgressões de trânsito, mas... Caraguá, NUNCA MAIS, pois não é uma questão do valor da multa em si, mas o constrangimento causado pelo abuso de poder e a conseqüente revolta que invade o sentimento do violado em sua harmonia. Nem se alegue que alguém pretenda fazer de uma avenida da beira-mar, pistas de corrida, por onde circulam centenas de pessoas que se dirijam às praias, porém o bom senso deve e precisa ser usado, tal como passarelas, túneis e outros recursos, que deixam de serem providos pela Prefeitura, obviamente, por serem onerosos, e aí torna-se mais fácil rebuscar com a sequiosidade da ganância pública, o bolso do já tão espoliado contribuinte.
Sempre que tenho que passar por lá, em Caraguatatuba, dai pra frente, o faço por ruas diversas, trilhos ou trilhas, estradinhas de terra, bairros periféricos e assim sucessivamente, pois ao contrário, prefiro dar a volta por Taubaté e descer a serra por lá do que ir me aborrecer por passar em Caraguatatuba.

Dom Malachias
São Paulo - SP
dommalachias@uol.com.br


Indústria de Multas II - A respeito da industria de multas de Caraguatatuba, realmente é um caso muito sério para se discutir. Pois bem, vejamos:
1- Se a prefeitura abrir mão da velocidade na Av. da Praia, logo virão os apressadinhos que farão da mesma uma pista de corrida.
2- Em contrapartida esta velocidade maxima estabelecida realmente é ridicula, pois hoje em dia os automóveis quase não conseguem, devido á evolução mecanica, andar nesta velocidade.
3- Então, por bem, a prefeitura atraves do seu departamento de transito, poderia rever a velocidade maxima estabelecida que deveria, ao meu ver, ser estabelecida em 70 km/h. seria uma velocidade razoavel para o motorista e não daria chance ao apressadinho.
Precisa haver um ponto em comum entre Ditran e população. Os turistas e população local, que já são muitos, insatisfeitos não teriam muito mais o que reclamar pois a velocidade seria razoavel e a impressão de indústria de multas cairia por terra.

Luiz (Luizão Tabakana)
Caraguatatuba - SP
tabakana@uol.com.br

 

Free Wallpaper PAS

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão:
Clique Aqui.

 

Receba as Últimas Notícias do Litoral via e-mail!
e-mail:
Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Leia também as colunas:
Para Refletir
Para Refletir
Margareth Bravo

Opinião

Ronaldo Dias

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor