Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 10 de dezembro de 2001 - Nº 433 Edições Anteriores
BIL - Bolsa de Imóveis do Litoral Modulo

Busca por palavras no Litoral Virtual:

Principais Manchetes:

Polícias iniciam dia 26 "Operação Verão" no litoral de São Paulo
Há relação entre morte de prefeito e seqüestradores, diz ouvidor
São Sebastião é favorável a união dos portos
Motoristas não encontram filas nas balsas
Nove mil alunos promoveram a 2ª Feira Pedagógica
Secretaria de Esportes surge como favorita ao título
Projeto de urbanização da praia Grande é apresentado aos quiosqueiros
Vigilância Sanitária realiza vacinação contra Rubéola
Convênio com Segurança Pública é retirado da pauta em Caraguá
Comerciante é morto no litoral de SP
Carta do Leitor



Polícias iniciam dia 26 "Operação Verão" no litoral de São Paulo


Litoral Norte - As polícias Civil e Militar deslocarão 1.794 homens da capital e do interior para as cidades do litoral paulista entre 26 deste mês e 17 de fevereiro do próximo ano, como parte da Operação Verão 2001/2002.
A maioria do contingente é integrada por policiais militares. Dos 1.794, 382 são policiais civis dos departamentos de Investigações Sobre Narcóticos e de Combate ao Crime Organizado, que atuarão na repressão ao contrabando e ao tráfico de drogas.
O total de homens é superior ao enviado à região na temporada de verão passada, quando reforçaram a segurança nas ruas 1.313 policiais, exclusivamente militares.
O anúncio da Operação Verão foi feito nesta sexta-feira pelo secretário estadual da Segurança Pública, Marco Vinicio Petrelluzzi, em visita às cidades de Peruíbe, Praia Grande, Santos, São Sebastião e Ubatuba.
Em Santos, Petrelluzzi inaugurou a Delegacia do Porto, a primeira do gênero no país. A delegacia atenderá aos passageiros dos navios de cruzeiros marítimos que atracam no cais santista nesta época do ano e terá ainda a tarefa de combater furtos, roubos e demais casos na faixa portuária que não sejam prerrogativa exclusiva da Polícia Federal.
A Operação Verão vai acrescentar 13 bases comunitárias móveis da Polícia Militar às 11 atualmente existentes. Além disso, haverá quatro helicópteros disponíveis _um com base no litoral norte, outro na Baixada Santista, um terceiro no litoral sul, e o quarto que realizará deslocamentos ao longo de toda a costa.
Na faixa de areia das praias, policiais pilotarão quadriciclos (motocicletas com quatro pneus). Por meio de convênio com a Petrobras, foram contratados exclusivamente para a temporada 275 guarda-vidas, que auxiliarão os bombeiros nas tarefas de salvamentos no mar. (Fonte: Folha)

Há relação entre morte de prefeito e seqüestradores, diz ouvidor

Caraguatatuba - O ouvidor da Polícia do Estado de São Paulo, Fermino Fechio Filho, afirmou que há relação entre o assassinato do prefeito Antonio da Costa Santos (PT) e a quadrilha de seqüestradores mortos pela polícia em Caraguatatuba, no litoral Norte do Estado. - Os próprios policiais de Campinas que participaram da ação em Caraguatatuba disseram que os homens mortos estariam envolvidos no assassinato do prefeito - disse.
A morte dos seqüestradores aconteceu em outubro e, segundo a Polícia Civil, os policiais foram para o Litoral em busca de dois homens que seriam foragidos da cadeia de Hortolândia. Teria havido resistência na hora da prisão e por isso houve troca de tiros. A ação é questionada pela Ouvidoria da Polícia.
Se os próprios policiais que participaram da ação falaram sobre a relação dos dois casos, deveriam ter preservado o local com o máximo de cuidado - disse Fechio.
O ouvidor define como "lastimável" o que aconteceu no Litoral.
Se os procedimentos legais tivessem sido observados, talvez não estivéssemos na estaca zero quase três meses depois do assassinato do prefeito - disse.
O deputado estadual Renato Simões (PT), que integra a comissão da Prefeitura e do PT que acompanha as investigações da morte de Toninho, afirmou que irá pedir que a Ouvidoria da Polícia do Estado acompanhe a investigação do caso de Caraguatatuba.
Simões reafirmou o pedido da Prefeitura e da Câmara, divulgado na sexta-feira, para a saída do delegado seccional de Campinas, Osmar Porcelli, das investigações da morte de Toninho. Nesta semana, os três homens maiores de 18 anos que estavam presos sob suspeita de terem participado do assassinato de Toninho foram liberados por falta de provas. (Fonte: O Globo)

São Sebastião é favorável a união dos portos

São Sebastião - O prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB), é favorável que os portos de Santos e São Sebastião sejam administrados por uma única empresa. A integração administrativa dos portos foi proposta pelo governo estadual na primeira reunião da Comissão Mista para a Regionalização do Porto de Santos. "O Estado é um só. Santos é o porto mais importante, mas São Sebastião pode contribuir com o desenvolvimento da economia paulista", acredita Julião.
"Com pequenos investimentos podemos incrementar a movimentação portuária e dar um melhor aproveitamento ao calado do porto de São Sebastião", explica o prefeito. A idéia do governo estadual é que a empresa que administrará o porto de Santos regionalizado pode, em cinco anos, gerenciar também o de São Sebastião. A administração conjunta faz parte do Plano Diretor de Desenvolvimento de Transportes (PDDT). Se a proposta for aceita pela comissão, a nova empresa também terá representantes das prefeituras de São Sebastião e Ilhabela.
O porto de São Sebastião poderá receber investimentos da ordem de R$ 12 milhões com o arrendamento de três áreas. Termina em 8 de janeiro, o prazo para as empresas retirarem os editais. A estimativa é que a movimentação anual de cargas aumente em até 30% com a ampliação das instalações.
O arrendamento é o primeiro passo para a construção de mais dois berços no cais. São três áreas disponíveis no edital de licitação, sendo duas com 5 mil metros quadrados cada e a outra com 6 mil metros quadrados. Os vencedores da licitação terão que construir áreas para armazenamento com capacidade mínima para estocagem de 5 mil toneladas. Essas áreas poderão ser usadas pela empresa ou por terceiros sendo os preços negociados entre usuários e arrendatários.
O porto de São Sebastião é considerado um dos mais privilegiados por ter um calado de mais de 8 metros de profundidade. O porto tem uma área total de 400 mil metros quadrados, destes 283 mil metros foram destinados à ampliação. Com novos atracadouros, o porto pode chegar a ter 14 metros de profundidade.
Análise - As propostas do presidente do Sindicato dos Empregados na Administração Portuária (Sindaport), Everandy Cirino dos Santos, sobre o processo de regionalização serão analisadas pelo ministro dos Transportes, Alderico Jefferson Lima. O sindicalista entregou as propostas na quarta-feira, 5.
A iniciativa pretende impedir a extinção da Codesp e a administração conjunta dos portos. Lima estudará as sugestões, mas aguardará o término dos trabalhos da comissão para emitir um parecer. (Fonte: Costa Norte)

Motoristas não encontram filas nas balsas

Litoral Norte - Os motoristas não encontram filas em nenhuma das travessias de balsas do Litoral Paulista, segundo a Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S.A.). Chuvas isoladas atingem a região. Santos-Guarujá opera com quatro embarcações, Guarujá-Bertioga com uma, São Sebastião-Ilhabela com três, e Cananéia-Ilha Comprida, uma. (Fonte: O Globo)

Nove mil alunos promoveram a 2ª Feira Pedagógica

Ubatuba - Encerrou nesta sexta-feira, 7, a 2ª Feira Pedagógica organizada pela Secretaria de Educação da Prefeitura de Ubatuba. Nove mil alunos de todas as escolas municipais apresentaram os trabalhos que realizaram no segundo semestre sobre o tema do projeto “Meio Ambiente”. Foi uma semana de Feira, que teve apresentações teatrais, danças, debates, palestras e exposição das pesquisas e trabalhos realizados pelos alunos em sala de aula.
A orientadora do projeto, professora Nirta Noronha, disse que o resultado foi extremamente positivo, já que conseguiu envolver as comunidades. “O que fez dar certo este projeto foi a participação efetiva dos pais dos alunos nos temas abordados pelas unidades escolares, que retrataram o seu próprio ambiente apontando soluções e conscientizando a população. Outro aspecto importante é a interdisciplinaridade assimilada e colocada em prática por todos os professores da rede municipal”, concluiu Noronha.
Todas as escolas municipais participaram do Camburi ao Sertão da Quina. Cada uma junto aos seus alunos levantou os problemas ambientais do seu bairro e procurou conscientizar os moradores da importância de cuidar e atuar no lugar que se mora. Para o Secretário de Educação, Corsino Aliste Mezquita, é de suma importância trabalhar projetos nas escolas, pois asseguram envolvimento dos pais, vivência dos alunos e conseqüentemente aprendizagem. (Fonte: ACS-PMU)

Secretaria de Esportes surge como favorita ao título
Equipes da SEL foram campeãs no vôlei e basquete masculino e no basquete feminino, mas o título geral ainda não está decidido. No futebol, a campeã foi a equipe da secretaria de Obras

Ubatuba - Começam a surgir as equipes campeãs da 4ª edição dos Jogos Inter Secretarias (JOIS). A secretaria de Esportes vem mostrando muita força e conquistou os títulos nas modalidades vôlei e basquete masculino, além da equipe feminina de basquete que conquistou o título na abertura da competição. O título no vôlei foi conquistado numa vitória por 2x0, frente a equipe da Administração e no basquete a equipe venceu a Guarda Municipal por 104x66. No futebol, considerado ponto de honra entre os atletas, o título ficou com a equipe da secretaria de Obras, que venceu a Guarda Municipal por 3x1. A secretaria de Esportes ficou em terceiro e a equipe da Saúde na quarta posição. No xadrez, o servidor Jairo conquistou o título para a secretaria de Educação, Luiz ficou em segundo pela equipe da Obras e Ivanildo em terceiro pela Fundart.
Organizados pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer da Prefeitura de Ubatuba, os jogos envolvem diversas modalidades esportivas, desde o surf até o xadrez, passando pelo basquete, vôlei, vôlei de praia, atletismo, tênis de mesa, futebol de campo, futebol society, truco, dominó, damas, malha e natação.
A competição está agradando e vem acirrando a “rivalidade sadia” entre as seções da Prefeitura e deve prosseguir até o dia 15 de dezembro, com a participação de 600 dos cerca de 1800 servidores municipais. O objetivo é promover a confraternização dos servidores municipais. (Fonte: ACS-PMU)

Projeto de urbanização da praia Grande é apresentado aos quiosqueiros

Ubatuba - Nesta semana, a Secretaria de Arquitetura e Urbanismo (SAU) da Prefeitura de Ubatuba apresentou o projeto de urbanização da praia Grande à Associação de Quiosques daquela praia. A apresentação foi na Associação de Aposentados de Ubatuba e reuniu 16 proprietários de quiosques. O projeto é dividido em duas fases e propõe a parceria entre Prefeitura e empresariado, para a viabilização econômica.
O projeto prevê 34 mil m2 de urbanização. A primeira fase será na faixa de 1700 metros de extensão, paralela à rodovia. Propõe-se a construção de ciclovia, calçadão, jardins, 8 pontos com monumentos artísticos, 9 sanitários públicos e todos os quiosques terão seus próprios sanitários, para uso exclusivo de funcionários. A urbanização contará com acesso para deficientes e área exclusiva para containers, carga e descarga. A segunda fase será a pavimentação das áreas entre os quiosques, a instalação de playgrounds e o ajardinamento do local.
O projeto foi desenvolvido pelo secretário Sidney Giraud, que contou com o apoio técnico dos arquitetos da Prefeitura, Ivan Carlos Amado e João Batista Silva. O chefe do Serviço Municipal de Trânsito, Douglas Liberti Incáo, teve importante participação no projeto, auxiliando na formatação onde indicou a necessidade dos acessos para deficientes e para ambulantes. Incáo liderou a mobilização dos membros da Associação de Quiosqueiros da praia Grande.
Na apresentação do projeto, os participantes levantaram dúvidas e fizeram diversas sugestões para aprimorar e ter um maior aproveitamento com a urbanização. O secretário Giraud considerou a receptividade e a participação, fatores importantes para a realização desta obra. “A praia Grande, por ser um cartão postal e também de visita, merece o que de melhor pudermos fazer por ela”. afirmou Giraud.
Ao final da reunião, ficou acertado um novo encontro, provavelmente após a temporada, para que a Secretaria de Arquitetura e Urbanismo possa promover as alterações no projeto que foram sugeridas pelos proprietários de quiosques, inclusive com a apresentação dos custos. Nesta oportunidade estarão tomando decisões mais concretas para a implantação e execução do projeto de urbanização da praia Grande. (Fonte: ACS-PMU)

Vigilância Sanitária realiza vacinação contra Rubéola
O setor também realizou campanha à gestantes para prevenção da Rubéola que terá prosseguimento no próximo dia 12

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguatatuba, através do setor da Vigilância Epidemiológica, realizou do último dia 17 de novembro ao dia 30 uma grande campanha para vacinação contra a Rubéola. O objetivo foi conscientizar principalmente as mulheres gestantes sobre o perigo de contrairem a doença, podendo prejudicar o desenvolvimento do feto.
No total foram vacinadas 80% de pessoas. A Secretaria da Saúde informou que o objetivo é prevenir a doença atingindo até 95% de pessoas imunizadas. Quanto ao exame de tuberculose (baciloscopia) que foi realizado no último dia 30, foram feitas 3 mil entrevistas. Deste número somente 3 casos acusaram positivo. O processo de vacinação e exame também ocorreu nos asilos, presídio e Santa Casa de Misericórdia de Caraguá.
Os locais de vacinação foram as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do Tabatinga, Massaguaçú, Jetuba, Casa Branca, Centro de Saúde do Centro, Jaraguazinho, Tinga, Morro do Algodão, Porto Novo, Perequê-Mirim e Casa de Saúde Stella Maris.
Haverá no próximo dia 12 e 13 de dezembro no posto de saúde do centro de Caraguá uma nova etapa de vacinação de Rubéola. O endereço é Avenida Anchieta, 475. O telefone para contato é o (0**12) 3883-9903, falar com Eliene. (Fonte: PMC)

Convênio com Segurança Pública é retirado da pauta em Caraguá

Caraguatatuba - O líder do prefeito na Câmara, Vereador Wilson Gobetti (PPS), retirou da Ordem do Dia projeto de lei do Executivo que estabelece convênio com a Secretaria de Segurança Pública. Houve uma forte pressão dos Vereadores, que não aceitaram os teores da propositura.
A 10ª Sessão Extraordinária da Câmara tinha em sua Ordem do Dia 4 projetos: Veto parcial do Executivo ao projeto sobre o Estágio Probatório dos Servidores; projeto que autoriza Convênio com a Secretaria de Segurança Pública e com o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Social) e o de Decreto Legislativo, que concede título de cidadão ao senhor João Prado Júnior.
O veto do prefeito foi acatado por 8 votos favoráveis e 7 contrários, (faltaram a sessão os Vereadores José Benedito Gonçalves Pinto (PDT) e Omar Kazon (PL). Alguns Vereadores chegaram a comemorar, pensando que tinham derrubado o veto do Executivo, mas o Departamento Jurídico da Câmara informou que a derrubada do veto só seria possível com os votos da maioria simples dos membros da Câmara e não dos Vereadores presentes.
O convênio com o BNDES foi aprovado e tratava de empréstimo de até R$ 2 milhões através do Banco do Brasil, com base no PMAT (Programa de Modernização da Administração Tributária). O título de cidadão, de autoria da Vereadora Leonor Diniz (PDT), também foi aprovado.
A maior polêmica ocorreu no projeto de convênio com a Secretaria de Segurança Pública. Segundo a propositura, a Prefeitura poderá dar auxílio financeiro na reforma e aquisição de prédios para a Polícia Militar, fazer a manutenção de suas viaturas, pagar adicional de salário aos policiais que trabalham na cidade, bem como construir e reformar a cadeia e auxílio no combustível, entre outros.
Boa parte dos Vereadores se revelou contrário ao projeto, alegando que os custos seriam altos demais e que a responsabilidade pela segurança cabe ao estado e não ao município. Para outros Vereadores não há como dar adicional aos policiais e deixar os Servidores Municipais sem aumento. O Vereador Aurimar Mansano havia feito 2 emendas, estendendo o adicional aos policiais civis e suprimindo a frase “construir cadeias”, modificando-a para “reforma e conservação da atual Cadeia Pública”. O projeto foi retirado por tempo indeterminado, por ordem do líder do prefeito na Câmara, Vereador Wilson Gobetti. (Fonte: Câmara Municial de Caraguatatuba)

Comerciante é morto no litoral de SP

Caraguatatuba - O comerciante Albéri Lima foi morto nesta madrugada dentro do seu bar, no bairro Travessão, em Caraguatatuba, litoral norte de São Paulo. Ele foi atingido no peito por um tiro.
O cliente Júlio Área Santos Filho também levou um tiro no ombro e foi atendido no Pronto Socorro da cidade, sendo liberado em seguida. A polícia ainda não sabe quem cometeu o crime e quais os motivos. (Fonte: O Globo)

Carta do Leitor

II Seminário de Cooperativismo - Venho a informar que no dia 11 e 12 de dezembro deste ano, na escola municipal Tancredo A Neves na Av. Rio Grande do Sul, das 08:00 ás 17:30 horas, será realizado pela Prefeitura Municipal de Ubatuba, através da Secretaria de Assistência Social, pelo "Projeto Cidadão" Ubatuba no combate ao desemprego, o IIº Seminário de Cooperativismo de Ubatuba, as inscrições deverão ser feitas na própria secretaria na rua Paraná, 375 Centro, na recepção com a Rabeca, para maiores informações entrar em contato com Enrico ou Gerusa no telefone (012) 432-6038.
Este Seminário vem suprindo a necessidade de informação que o cidadão de Ubatuba vem cada vez mais exigindo, este assunto tem mostrado muito interesse pela população e vem trazendo uma perspectiva ou alternativa diferente de trabalho, em conjunto com mais pessoas, interessadas no mesmo objetivo de vida.
Hoje o Projeto representa cerca de 500 pessoas e vem demonstrando para que veio, ajudando, incentivando, capacitando e elevando a auto estima do trabalhador do município. Estará presente no evento varias personalidades publicas da cidade e vizinhas, também contamos com um renomado palestrante,o Prof. Benedito Roberto Zurita Gerente do SEBRAE/SP, com uma bagagem de mais de quarenta anos de cooperativismo no pais e fora. Quero convidar a todos para este evento, que será aberto ao publico em geral, contamos com a sua presença, obrigado.

Enrico Bonomo - Coordenador do Projeto Cidadão
Secretaria de Assistência Social - PMU
coop@pratica.com.br


Fábrica de Multa - Gostaria de parabenizar os Senhores Dom Malachias e Sérgio, pela habilidade na escrita, apesar da questão não ser de semântica e sim da pratica do comportamento social. Os dois tem suas razões, mas fecho com o Sr Sérgio uma vez que o Brasil precisa parar com o "jeitinho", uma vez que nossas leis são bem estruturadas embora não sejam cumpridas em sua plenitude, portanto, precisamos segui-las independente de nossos conceitos ou habilidades específicas. Faz parte do bom funcionamento da sociedade.
Feliz natal aos dois, e espero que o Sr. Malachias considere a possibilidade vir sempre a Caraguá, pois estamos de braços abertos.

Rigoberto Soler
E.R. Litoral Norte
rigobertor@sebraesp.com.br


Fábrica de Multas II - Quando eu me manifestei aqui no "nosso" Litoral Virtual a respeito de multas em Caraguá, o meu intuito era simplesmente colocar e protestar que:
- Uma pequena avenida com 3 radares de cada lado da pista, é realmente um exagero, e isto prova que a indústria de multas é um fato.
- Defendi a idéia de voltar a colocar a polícia militar orientando o trânsito, pois isto ajuda o sistema logístico de combate a violência urbana.
- O fator punição por radar passou a ter uma conotação social.
- A presença de homens com poder de polícia no trânsito, poderia fazer prevalecer o bom senso, sendo que as infrações cometidas seriam observadas com olhos humanos.
- Os turistas, são prioridade em qualquer estância como Caraguatatuba.
- Fatores técnicos e legais, comporiam o direito do motorista e do pedestre, sendo monitorados por pessoal especializado.
- Chamar a atenção dos responsáveis pelo trânsito de Caraguatatuba, a rever posições tomadas.
- Multas, são receitas extra orçamentarias, e não um valor incorporado que se possa contar com ele.
Concluindo;
o canal aberto para discussões saudáveis e democráticas, tornou-se um veículo de opiniões incisivas e agressivas. Ninguém é obrigado a aceitar a opinião alheia, mas o mínimo que devemos fazer é respeita-la. O que foi colocado até o momento, foi um descontentamento com a política de trânsito em Caraguá. A maioria se agrediu, e o problema continua.
Por outro lado, ninguém defendeu os loucos ao volante, rachadores, bêbados e inconseqüentes que põem em risco a vida das pessoas, mas fomos tratados como tal. Afinal, excesso de velocidade e transgressões, quando se tem problemas dentro de seu carro, são perfeitamente contornáveis e aceitos, se vc tiver um policial para te ajudar e te orientar. Com radares, se vc errar, ele vê, mas se vc precisar de ajuda vc não tem.
Ambulâncias, bombeiros, policiais em ação, resgate, passam sinais fechados, pulam canteiros, passam em cima de calçadas, entram contra-mão, pois cada segundo é importante, e são transgressões institucionalizadas e necessárias. Eu pediria também, aos ofensores e ofendidos, que se entendam em carta fechada, pois os leitores, devem ser respeitados.

Josino Bernardes Rodrigues
jbrlogistica@teranet.com.br


Fábrica de Multas III - Referente as multas gostaria de dizer que fui multado dia destes na SP 55 em frente a Skol, as 7:40h da manhã por falta de capacete. Em primeiro lugar ando de moto há pelo menos quinze anos, nunca sem capacete, e um guarda rodoviário as 7:40H na rodovia em frente a Skol, nunca vi e moro nesta região há uns dez anos.

Paulo Cesar
Caraguatatuba  - SP
ppmmh@uol.com.br

 

Chalés Saint Tropez Villa Bella Chalés Maranduba

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão:
Clique Aqui.

 

Receba as Últimas Notícias do Litoral via e-mail!
e-mail:
Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Leia também as colunas:
Para Refletir
Para Refletir
Margareth Bravo

Opinião

Ronaldo Dias

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor