Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Quinta-feira, 18 de janeiro de 2001 - Nº 212 Arquivo
Giorgio Restaurante American Bar
Truckmodelismo Brasil
  
Receba as Últimas Notícias do Litoral via e-mail!
e-mail:
Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Principais Manchetes:

Condomínios reforçam a segurança
Esgoto clandestino causa mau cheiro
Ubatuba faz estudo para verticalização
São Sebastião tem ponte interditada
Eventos de verão viram opção de emprego
Vagas crescem 200% no verão, segundo o PAT
Festival de verão “Tributo à Bossa Nova”  agita Ubatuba
“Verão ondefor vá com Tess” chega a Ubatuba
Circuito de Vôlei de Praia Tess/Ondefor.com
Litoral realiza o combate à dengue


Condomínios reforçam a segurança

Litoral Norte - O grande número de turistas no Litoral Norte está provocando um reforço na segurança de condomínios que dão acesso às praias. O reforço está sendo feito com a contratação de seguranças particulares.
O Condomínio Baleia, na costa sul de São Sebastião, contratou três seguranças para trabalhar na temporada. O zelador Mário de Souza disse que o objetivo é evitar furtos a residências.
Segundo ele, desde que começaram os reforços na temporada, há 3 anos, apenas um furto foi registrado na área.
O administrador do condomínio Domingas Dias, em Ubatuba, Messias José Rodrigues, disse que contratou mais dois seguranças para ampliar o atendimento e cobrir toda a extensão do residencial este ano.
Ele não quis revelar quantos homens trabalham no residencial, que colocou um segurança na orla para garantir o cumprimento de normas. "Não é permitido o acesso de cachorros à praia. Esse é um dos nossos problemas."
A empresária Maria Elizabeth Mazzuca, 45 anos, de São Paulo, aprovou o aumento de seguranças. "Esses dias vi uma senhora com cachorro na praia e na mesma hora o segurança solicitou que ela levasse o animal."
Em Itamambuca, costa norte de Ubatuba, a polícia conseguiu prender duas quadrilhas especializadas em furtos de CD's em veículos com a ajuda de seguranças, que notaram pessoas estranhas no local. (Fonte: ValeParaibano)

Esgoto clandestino causa mau cheiro

Caraguatatuba - O mau cheiro provocado pelo esgoto em duas ruas do bairro Porto Novo, região sul de Caraguatatuba, está irritando os moradores. Eles reclamam que o acúmulo de água suja em valetas está infestando a região de pernilongos.
Tubulação clandestina pode ter causado o escoamento do esgoto nas ruas. Na junção das ruas Antônio Luiz Câmara com a Lourenço da Veiga, a água empoçada na valeta é um "problema crônico", segundo os moradores. A dona-de-casa Olga Macedo, 79 anos, disse que morou 20 anos na região, fez fossa conforme determinação técnica e a água vive retornando pelo ralo.
A comerciante Juliane Rossi, 37 anos, disse que mudou para o bairro há cinco meses e nesse período a água com mau cheiro não seca. "Já tentei arrumar alguém para consertar esse trecho, mas disseram que seria perda de tempo."
O operador de empilhadeira Ailson Sérgio Nardo, 31 anos, de Jundiaí, não suportou o cheiro e pagou para tirarem a areia molhada de frente à casa, que alugou para passar a temporada. "O cheiro ruim está muito forte."
O vendedor João Alfredo de Miranda Neto, 41 anos, disse que já cansou de ligar para a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo). "Tem dia que o cheiro é insuportável."
Segundo a Sabesp, a empresa não tem responsabilidade pelo vazamento de esgoto na região porque o bairro não está com o sistema ligado em.
O secretário de Obras de Caraguá, Gilson Mendes de Souza, disse que o problema é ocasionado por moradores que não fizeram suas fossas e já jogavam o esgoto direto na rua antes da pavimentação.
Ele adiantou que a situação só deve melhorar quando a Sabesp terminar a construção da ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) e da ligação da rede coletora de esgoto. (Fonte: ValeParaibano)

Ubatuba faz estudo para verticalização

Ubatuba - O prefeito de Ubatuba, Paulo Ramos (PFL), vai encomendar ao Departamento de Arquitetura da Unitau (Universidade de Taubaté) um estudo para subsidiar a alteração do Plano Diretor, permitindo a verticalização da cidade.
Ramos planeja modificar ainda a lei de uso do solo para viabilizar a construção de edifícios com até oito andares --atualmente, o limite é de quatro pavimentos.
"Com este levantamento, vamos definir a melhor maneira de planejar o desenvolvimento da cidade sem causar prejuízos ao meio ambiente", afirma o prefeito.
O objetivo da mudança, segundo Ramos, é conter a ocupação ilegal de áreas de preservação. Ao mesmo tempo, a iniciativa visa criar um novo nicho de expansão do turismo de negócios. "Queremos atrair investimentos do ramo hoteleiro para abrigar convenções e eventos", disse Ramos.
O presidente da ACIU (Associação Comercial e Industrial) de Ubatuba, Josias Baltazar Sabóia, afirma que a medida tem que ser analisada com cautela.
"O estudo tem que ser bem feito para saber se é isso que Ubatuba quer", afirma Sabóia, que articula uma audiência pública para debater o assunto. (Fonte: ValeParaibano)

São Sebastião tem ponte interditada
Defesa Civil aponta falta de segurança em ponte sobre o rio Una; comerciantes temem desabastecimento

São Sebastião - A Defesa Civil de São Sebastião interditou ontem à tarde parte da ponte que passa sobre o rio Una, em Barra do Una, costa sul da cidade. O fechamento ocorreu após a constatação que a ponte não apresenta condições mínimas de segurança para a trânsito de veículos pesados.
Durante uma vistoria, ficou comprovado que as vigas horizontais e transversais estão comprometidas pela ação do tempo e as colunas de sustentação de aço estão em adiantado estado de corrosão.
Segundo o agente da Defesa Civil, Ivan Moreira Silva, em julho passado, já havia sido feita uma vistoria na ponte em que foram detectados alguns problemas.
"Foram feitos escoramentos e melhorias na ponte para garantir a passagem dos veículos, mas após a avaliação de hoje (ontem) ficou comprovado que o problema não foi solucionado."
A presidente da ONG (Organização Não-Governamental) SÓS Barra do Una, Traúde Rossi, disse que a ponte, de 55 metros de comprimento, é fundamental para a comunidade que tem cerca de 2.000 moradores.
A condenação da ponte foi feita pelo engenheiro civil da prefeitura, José Teixeira Filho, que fez uma avaliação da estrutura debaixo da ponte e constatou a falta de segurança para o tráfego de veículos pesados.
Com isso, ônibus e caminhões ficam impedidos de usar a ponte que leva ao outro lado do bairro. Serão colocadas placas informando sobre a interdição e dando como alternativa a estrada da Fazenda São Paulo.
O novo percurso representa um acréscimo de 500 metros. A principal preocupação dos usuários da ponte é com a falta de manutenção da estrada, que tem pedras grandes e buracos.
Segundo a prefeitura, a Regional Sul iniciou ontem o trabalho de recuperação da estrada colocando terra nos buracos. Ainda não há previsão de quando a ponte poderá ser liberada para o uso dos veículos.
Essa é uma preocupação para os comerciantes que dependem de caminhões dos fornecedores que fazem reposição das mercadorias.
A proprietária do Hotel Canoa, Mônica Fuhrhausser, disse que se houver uma outra alternativa para o trânsito, não deve haver muito problemas.
Segundo a Prefeitura, serão feitos estudos para saber se a ponte tem condições de ser recuperada ou se será necessária a construção de uma nova passagem. (Fonte: ValeParaibano)

Eventos de verão viram opção de emprego
Em busca de vagas temporárias, adolescentes e jovens unem trabalho e lazer nas praias do Litoral Norte

Caraguatatuba - Os eventos de verão que estão sendo realizados nas praias do Litoral Norte por grandes empresas são mais uma opção de emprego para quem fica esperando uma vaga durante a temporada de férias.
Aliás, esse é o tipo de serviço que é almejado por muitos jovens que estão desempregados e sonham unir à necessidade ao lazer. Esse seleto grupo tem a oportunidade de trabalhar em belas paisagens durante o dia e podem ao mesmo tempo cumprir as obrigações e curtir a praia.
Esse é o caso de Adriana Rodrigues, 30 anos, que está fazendo a campanha do Jet Bronze, na praia Martin de Sá, em Caraguatatuba. "Sempre trabalhei com eventos e é gostoso ficar na praia."
Para ela, o mais importante é que a empresa contratou apenas garotas de Caraguatatuba, sendo que o mesmo foi feito nas outras cidades onde o produto está sendo divulgado.
Outra empresa que valorizou a mão-de-obra local foi a Indústria de Eventos, organizadora do Música Mar 2001. Segundo a diretora do PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) de Caraguá, Ana Cristina Reis Souza, foram 60 empregos oferecidos para seguranças e equipes de montagens para o Música Mar.
A Latasa também contratou mão-de-obra local para o posto de recolhimento de latas que montou nas principais praias do Litoral Norte.
Luciano Emanoel Almeida, 28 anos, foi um dos beneficiados. Há três anos ele é chamando para trabalhar no posto. Além do salário no período, ele recebe 1% do valor de cada quilo arrecadado. Em um mês, o ponto da Martin de Sá recolheu 5,5 toneladas de latas.
Em São Sebastião, o PAT conseguiu vagas na Vigor e na Cetesb (Companhia de Tecnologia e Saneamento Ambiental) que vão realizar o projeto Verão Limpo na costa sul da cidade.
MODELOS - Algumas das empresas que estão promovendo eventos no litoral preferem trazer profissionais da capital para divulgarem seus produtos. Esse é o caso da Telesp Celular, que está com um grupo de pelo menos 40 pessoas na região.
Sammy Daniel Abrahão, 23 anos, que trabalha para a Telesp, disse estar mais satisfeito com o trabalho temporário, onde a oportunidade de ganho é muito melhor --varia de R$ 80 a R$ 200 por dia-- do que se estivesse em um emprego fixo.
A promoter Anne Caroline Pericle, 21 anos, que está fazendo a promoção das pastilhas Garoto em Ubatuba, disse que só pelo mês de janeiro ela deve receber R$ 1.200. "Ainda tenho a oportunidade para conhecer várias praias do Estado."
O supervisor da Garoto, Jonatan Ferreira da Silva, 28 anos, disse que dificilmente a empresa contrata pessoas no local onde vão trabalhar porque os promoters, na sua maioria modelos, são treinados com antecedência para o trabalho e o evento acaba sendo um pacote fechado. (Fonte: ValeParaibano)

Vagas crescem 200% no verão, segundo o PAT

Caraguatatuba - Se há dificuldade para os desempregados conseguirem uma colocação junto às empresas que fazem promoção de verão, o número de vagas para empregos temporários em estabelecimentos fixos cresce mais de 200% neste período do ano.
A diretora do PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) de Caraguatatuba, Ana Cristina Reis Souza, disse que só no mês de janeiro foram colocadas 368 pessoas no mercado de trabalho.
A média mensal na cidade é de 100 vagas por mês. O setor hoteleiro e o comércio são os principais empregadores nesta época do ano.
Ana Cristina disse que sente a dificuldade para conseguir vagas em outros setores. "A maior parte das empresas que está fazendo promoção na cidade já esteve aqui em outras temporadas e formou um banco de dados semelhante ao que temos hoje."
A coordenadora do PAT de São Sebastião, Branca Antônia da Jesus, também sente o crescimento do mercado interno, com o aumento em cerca de 80% na procura por mão-de-obra, mas encontra dificuldades para os eventos temporários. (Fonte: ValeParaibano)

Festival de verão “Tributo à Bossa Nova”  agita Ubatuba

Ubatuba - O II Festival de Verão do Litoral Norte “Tributo à Bossa Nova” estará em Ubatuba nos meses de janeiro e fevereiro. O festival estreará em Ubatuba no próximo domingo, dia 21, com os shows de Johnny Alf e Claudete Soares. No dia 28 é a vez de Alaíde Costa e Grupo A Três. Em fevereiro, no dia, 4 estarão se apresentando Billy Blanco, Célia e Zé Luis Mazziotti. No dia 11, encerram o festival em Ubatuba Rosa Passos e Marcos Valle.
O Festival é uma realização da secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. Os shows acontecerão no Coreto da praça da Matriz, sempre a partir das 20h30.
JOHNNY ALF - Aos 70 anos, sendo 50 deles dedicados à música, o pianista, compositor e cantor Johnny Alf é reverenciado como um dos pais da bossa nova. Um perfeccionista que registrou seus acordes e harmonias diferentes em setes LPs, quatro discos de 78 rpm e cinco Cds.
Com mais de 100 composições inéditas, nem assim pára de compor. Sempre atualizado, costuma ouvir de tudo, desde os clássicos Ravel e Debussy, como se liga no pop de Peter Gabriel e Simply Red, Anita Baker e Talking Heads.
Ativo e tímido, foi apresentar-se no exterior pela primeira vez em 1990, fazendo uma turnê pelo Japão. Sempre muito atuante, está levando seus shows por todo o Brasil, divulgando seus novos trabalhos em CD e mostrando a modernidade de sua música, que até hoje influencia toda uma legião de músicos. 1999 marcou seus 50 anos de carreira e a vitória do Prêmio Shell para Música pelo conjunto e importância de sua obra.
CLAUDETE SOARES - Claudete empresta sua voz à MPB há meio século, mas conserva a mesma energia e vigor do início de sua carreira. A princesinha do baião continua com a mesma altura (ela tem apenas 1,48 metros), mas como intérprete é uma gigante, como foi Elis. Sua voz perdeu aquele tom infantil e assumiu a maturidade sem deixar de lado suas principais características, como a voz sussurrada e a versatilidade, que a colocou entre as melhores cantoras brasileiras de todos os tempos.
Claudete Soares foi a responsável pelo lançamento de dois dos maiores compositores da MPB. Em 1967 lançou Taiguara ao cantar a música “Hoje” e dividir o palco com ele no show “1º Tempo 5x0”. Dois anos depois apresentou o então desconhecido Gonzaguinha, ao interpretrar “mundo novo, vida nova”, no Festival Universitário. Foi ela também que lançou o pianista César Camargo Mariano. Na carreira fonográfica e com ele gravou cinco discos. Neste show será acompanhada por Marco Tomaso, teclado; João faria, baixo; Alexandre Costa, bateria; Chico Costa no sax. (Fonte: ACS-PMU)

“Verão ondefor vá com Tess” chega a Ubatuba

clique aqui para acessarUbatuba - O “Verão ondefor vá com Tess” traz este final de semana para a praia Grande, em Ubatuba, uma série de entretenimentos. Serão atividades esportivas, brincadeiras, cinema ao ar livre, distribuição de brindes, além da instalação de uma arena para a realização do Circuito de Vôlei de Praia Tess/Ondefor.Com. O Circuito ainda será realizado em Bertioga (Riviera de São Lourenço) e Santos (Canal 3). Cada sede abrigará o evento durante dois finais de semana. O evento será desenvolvido em Ubatuba de 19 a 21 e de 26 a 28 de janeiro. (Fonte: ACS-PMU)

Circuito de Vôlei de Praia Tess/Ondefor.com

Ubatuba - O I Circuito de Vôlei de Praia Tess/ondefor.com será formado por dois eventos paralelos. O Torneio Popular é aberto a duplas masculinas e femininas acima de 16 anos de idade, que em Ubatuba poderão se inscrever nos seguintes locais: Loja Brasimac, Lojas Cem, Marim Informática e Casas Pernambucanas.
O Torneio Profissional reservou para Ubatuba e Santos a categoria masculina e Bertioga para a feminina. As três finais do profissional serão transmitidas pelo Sport TV, canal Globosat. Para a etapa profissional de Ubatuba estão confirmadas as duplas pernambucanas Garrido e Murilo, Adriano e Lula, e as paulistas Marcelo e Carlão II e Guto e Fábio. (Fonte: ACS-PMU)

Litoral realiza o combate à dengue

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião contratou 60 pessoas, em caráter emergencial, pelo período de dois meses, para combater a dengue.
Divididos em 20 grupos de três pessoas, os agentes vão visitar as casas dos bairros Topo, Centro, Porto Grande e Pontal da Cruz, onde a Sucen (Superintendência de Controle de Epidemias) localizou focos do mosquito "Aedes aegypti", transmissor da doença, em dezembro. (Fonte: Folha Vale)




Leia também as colunas:
Para Refletir
Para Refletir
Margareth Bravo

Opinião

Ronaldo Dias
Navegando
Navegando
 Pedro Monte-Mór

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2000 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor