Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 30 de agosto de 2002 - Nº 606 Edições Anteriores

Naturali Garden Center

Litoral Norte:
   Litoral tem novos casos de clonagem

Caraguatatuba:
   Condomínio mal-construído irrita moradores de Caraguá
   CAR do Servidor prorroga prazo para propostas
   Vereador pede Raio-X para UBS do Porto e Massaguaçu
   São maiores os problemas na UBS do Morro do Algodão
   Vereador Aurimar quer UBS funcionando até às 22 horas
   Valmir da Colônia consegue água para Morro do Algodão

Ilhabela:
   Navios fazem a festa em Ilhabela
   Trânsito de Ilhabela será alterado para comemorações de aniversário

São Sebastião:
   Prefeitura multas obras irregulares
   Incêndio revela situação perigosa no Centro Histórico
   Vereadores querem providências contra falta de empregos
   Desde 1995 PAT tem cadastradas mais de 12 mil pessoas
   Secretários discutem com lideranças o Orçamento de 2003
   Prefeitos propõem criação da Secretaria de Turismo

Ubatuba:
   Chegam mais veículos para Prefeitura
   Ciclovia da Av. Iperoig está sinalizada
   Circuito Municipal de Skate atrai grande público
   Comunicado da SAU
   Encontro pela paz
   Jurídico da Prefeitura de Ubatuba já tem novo Secretário
   Preparação do solo em destaque

   Carta do Leitor


Litoral tem novos casos de clonagem

Litoral Norte - A Polícia Civil registrou 10 casos de clonagem de telefones em Caraguatatuba e São Sebastião. Até então, no Litoral Norte, apenas Ubatuba havia registrado ocorrências do gênero.
Em toda a região, Paraibuna, Jacareí e Taubaté também tiveram consumidores lesados pelo golpe.
A delegacia de São Sebastião atendeu nove casos. A maioria dos clientes são da região central. Em Caraguá, o único registro foi no Barranco Alto. Em Ubatuba, onde havia denúncia de 15 casos, as ocorrências somam 40.
O delegado seccional de São Sebastião, João Barbosa, disse que todos os casos estão sendo investigados pela polícia dos municípios e pela Polícia Federal do Rio de Janeiro.
"Não temos como detectar de que lugar são realizadas as ligações. Os números de telefones que constam nas listas de cobranças dos clientes são de telefones públicos", disse.
O delegado afirmou que é necessária atenção dos clientes para qualquer ligação suspeita.
A assessoria de imprensa da Telefônica informou que a empresa adotou medidas de segurança para impedir novas clonagens de números.
A empresa informou que não possui nenhum procedimento de solicitação de informações por telefone. VALE

Condomínio mal-construído irrita moradores de Caraguá
Rachaduras nas paredes e esgoto lançado nas ruas são principais problemas

Caraguatatuba - Moradores do condomínio idealizado pelo SindServ (Sindicato do Servidor Público Municipal), no bairro do Travessão, em Caraguatatuba, reclamam de problemas de infra-estrutura nas casas. Rachaduras nas paredes, piso se soltando, vazamento de esgoto pelas ruas do bairro estão entre os principais transtornos.
A dona-de-casa Flávia Farias Fernandes disse que há quase um ano as paredes de sua casa começaram apresentar rachaduras.
"A casa tem somente dois anos e as paredes já estão todas com trincas. As paredes do quarto e do banheiro tremem quando fecho as janelas", disse.
Ela afirmou ainda que o piso do chão da cozinha começou levantar e que algumas partes apresentam rachaduras", disse.
"Gastei todas as minhas economias na compra deste imóvel e não tenho condições de morar em outro lugar. Já reclamei para o sindicato e até agora nada foi resolvido", disse
Sebastião Gomes, também morador do bairro, disse que desde quando mudou para sua casa, há quase dois anos, está enfrentando problemas com rachaduras.
"A parede da minha cozinha está rachando e o chão da sala está afundando. Nos dias de chuva fico com medo que as paredes não suportem", disse.

ESGOTO - A dona-de-casa Cristina Rocha, disse que além dos problemas interno, o esgoto das casas está sendo lançado nas ruas devido ao entupimento das fossas.
"Somente na minha rua mais de quatro casas estão com problemas nas fossas, que ficam na frente às residências", disse.
"O cheiro é intenso e fico todos os dias com a casa fechada. E isso não impede que ratos e baratas, atraídos pelo esgoto, entrem em minha residência", disse.
A dona-de-casa Márcia Souza disse que já entrou em contato com a construtora e com os diretores do sindicato, mas nenhuma providência foi tomada.
"No sindicato e na financiadora falaram que os problemas internos das casas eram de responsabilidade da construtora, que já veio uma vez ao bairro e nunca mais voltou", disse.
Ela afirmou ainda que a prefeitura realiza periodicamente a limpeza do local, mas o problema está no modo como foram construídas as fossas e as casas.
O ValeParaibano entrou em contato telefônico com a construtora Guebara, em São Paulo, e só há apenas uma gravação pedindo para deixar recado. Os moradores dizem que tentam entrar em contato com a construtora e só ouvem a gravação há mais de um mês.
A presidente do Sindicato do Servidores, Vera Lúcia Magalhães Reis Albok, disse que não poderia comentar o assunto ontem por causa de um compromisso. VALE

CAR do Servidor prorroga prazo para propostas

Caraguatatuba - A Comissão de Assuntos Relevantes do Servidor Público (CAR), que analisa projeto do Executivo que trata do Estatuto do Servidor, Reforma Administrativa, Plano de Cargos e Carreira e o Estatuto da Educação, prorrogou o prazo de entrega das propostas para o dia 5 de setembro. O pedido foi aceito e feito pelo Sindserv (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Caraguatatuba).
A Comissão foi aprovada no final do mês de junho, mas sua portaria só foi publicada em 16 de julho - a de número 95/02. O período oficial de trabalho é de 60 (sessenta) dias, podendo ser prorrogado por igual período. Fazem parte da comissão os Vereadores José Benedito Gonçalves Pinto - o Zézinho Prequeté (PDT), como presidente e a Vereadora Vera Lúcia Moreira Peixoto - Vera Peixoto (PSDB), como relatora, além de José Mário da Silva, da Câmara Municipal; Benedito Donizete Pereira, pela Prefeitura e Ezequiel Guimarães de Almeida, pela CaraguaPrev, o Instituto de Previdência do município.
O pedido de prorrogação foi feito pelo Sindserv, que alegou mais tempo devido ao volume de serviço interno e a quantidade de Servidores que desejam apresentar suas propostas para os projetos. O prazo anterior de entrega estava estipulado para 20 de agosto e até esta data, aproximadamente 25 propostas foram entregues.
Segundo ofício encaminhado pela CAR, após o recebimento serão feitas as análises, discussões, debates e deliberações sobre as propostas recebidas. Em seguida terão início os trabalhos finais, conferência de textos, oitiva dos técnicos e a decisão sobre a forma do Relatório Final, para conseqüentemente ser feito e apresentado o Relatório Final. Pelo cronograma, antes da alteração da data de entrega das propostas, a data marcada para o final da CAR era 30 de setembro. Com a alteração, estima-se que este prazo chegue até a primeira quinzena de outubro.
Para o Vereador Presidente da CAR, mais conhecido como Zézinho Prequeté o grande número de propostas significa o interesse do Servidor Público no assunto. "O prazo anterior já provocou motivação entre os Servidores e com a prorrogação então, isto só vem a mostrar que há um interesse único, pois este projeto decide e modifica a vida do Servidor e qualquer alteração pode ser prejudicial", disse. CMC

Vereador pede Raio-X para UBS do Porto e Massaguaçu

Caraguatatuba - O Vereador Aurimar Mansano - Vereador Aurimar (PTB), da Câmara Municipal de Caraguatatuba, fez 2 indicações, que deverão ser encaminhadas ao prefeito municipal, solicitando informações sobre a possibilidade de instalar, nas UBS do Porto Novo e Massaguaçu, aparelhos de Raio-X. A intenção do Vereador é a de agilizar o atendimento, bem como reduzir a burocracia médica que existe atualmente para o fato.
A solicitação do Vereador é feita com base nas suas visitas pelas unidades de saúde da rede pública municipal, como Vereador e Presidente da Comissão Temporária da Saúde, que tem prazo até 2004.
Segundo o Vereador, para um usuário necessitar de um exame de Raio-X, é necessário passar por uma consulta médica, dentro da UBS e deste ser encaminhado para um especialista, que indicará a Casa de Saúde Stella Maris para a realização do exame. Este trâmite pode levar até 20 dias para finalizar.
Para o Vereador, com a instalação de um Raio-X nas UBS do Porto Novo e Massaguaçu, que representam os extremos da cidade, zonas sul e norte, e os bairros mais populosos e com maior densidade de crescimento, além de reduzir a burocracia referente ao assunto, traria uma baixa no atendimento da Casa de Saúde Stella Maris.
De acordo com Aurimar, a melhoria na Saúde se fará, entre outros fatores, com a compra de equipamentos. "Devemos trabalhar na melhora do atendimento, na compra de equipamentos, na contratação de mais médicos e na manutenção dos materiais permanentes, como os remédios", disse.
Dentro do mesmo assunto, o Parlamentar cita que além do pedido às UBS, a Comissão Temporária de Saúde conseguiu a vinda de um aparelho de Raio-X para a Casa de Saúde Stella Maris. O aparelho chegou após uma reunião que a comissão teve com a direção do hospital, que resultou em um ofício endereçado ao órgão competente.
Com a mesma confiança de quem conseguiu trazer o Raio-X para o hospital local, Aurimar espera fazer o mesmo nas UBS. "Um dos fatores para a melhora da saúde é a compra de equipamentos. Com o Raio-X nas UBS, além de reduzirmos a burocracia, agilizaremos o atendimento e a solução dos problemas dos usuários", disse. CMC

São maiores os problemas na UBS do Morro do Algodão

Caraguatatuba - A Comissão Temporária da Saúde, da Câmara Municipal de Caraguatatuba, visitou na manhã de hoje, quinta-feira, 29 de agosto, a UBS do Morro do Algodão, zona sul da cidade. A visita foi feita aproximadamente um após a comissão ter visitado o local. Os problemas continuam e até aumentaram neste período.
A comissão constatou que o portão de entrada continua enferrujado e torto, oferecendo risco aos usuários. Ao mesmo tempo não há placa de identificação externa e foi encontrado, dentro da área do prédio, uma propaganda particular de tapeçaria.
Os usuários reclamaram da demora para a realização de exames e do agendamento das consultas, bem como do turno dos médicos e da falta de dentistas, pois o único profissional da área, numa região que vai desde o bairro do Poiares, só é encontrado no Morro do Algodão.
Há falta também de instrumentos, equipamentos e acessórios. A estufa para esterilizar instrumentos e gazes quebrou na manhã de ontem, depois de apresentar pequenos problemas há meses. A demora da ambulância também foi alvo de reclamações dos funcionários, que estimaram a média de 30 minutos a uma hora.
Mesmo com a informação de que uma nova UBS vai ser construída no bairro, os membros da comissão não imaginavam que iriam encontrar esta situação no local atual, depois de um ano. "Vamos fazer vários Requerimentos pela comissão e pedir providências. Temos atuado e conquistado várias vitórias para a Saúde e não poderemos deixar que isso aconteça", disse Aurimar Mansano. CMC

Vereador Aurimar quer UBS funcionando até às 22 horas

Caraguatatuba - O Vereador Aurimar Mansano (PTB), aprovou Requerimento pedindo informações ao prefeito sobre a possibilidade das UBSs (Unidades Básicas de Saúde), dos bairros do Porto Novo e Massaguaçu, funcionarem até às 22 horas. O Vereador acredita que haveria redução no volume de atendimento na Casa de Saúde Stella Maris.
O Parlamentar fez o pedido baseado na sua experiência como presidente da Comissão Temporária da Saúde, da Câmara Municipal, quando tem feito visitas periódicas as unidades de saúde da rede pública no município.
Para o Vereador, com as UBSs destes bairros, que representam os extremos das zonas sul e norte da cidade, funcionando em horário diferenciado, os usuários teriam mais tempo para sanar seus problemas de saúde, reduzindo ainda mais o volume de atendimentos na Casa de Saúde Stella Maris - o Hospital local, pois estes procedimentos médicos, comuns nas UBSs, tornam-se emergências no Pronto-Socorro do hospital. As UBSs atendem de segunda a sexta-feira, das 7 às 17h30.
Outro ponto levantado pelo Vereador, diz respeito ao aumento da população nestas regiões, o que gera a necessidade de aumento do horário de atendimento. "Estes bairros representam os extremos do município e crescem assustadoramente a cada dia. Além dos problemas normais, não há como atender os usuários com um expediente tão apertado", disse.
O Requerimento foi encaminhado ao prefeito, que terá 15 (quinze) dias para responder. CMC

Valmir da Colônia consegue água para Morro do Algodão

Caraguatatuba - As famílias que moram na rua 9 (nove), no bairro do Morro do Algodão, na zona sul de Caraguatatuba conseguiram a tão sonhada extensão da rede de água em suas casas. A conquista veio após uma reunião com o prefeito Antonio Carlos e a intercessão do Presidente da Câmara, Valmir Gonçalves - o Valmir da Colônia (PSDB).
A reunião ocorreu no dia 19 deste mês, no bairro do Morro do Algodão, na residência da Presidente da Associação dos Moradores do Bairro do Morro do Algodão, Sônia Fernandes, mais conhecida como "Sônia Carambola". No encontro estiveram presentes membros da diretoria, o Assessor Legislativo Lúcio Fernandes, o Presidente da Câmara, Valmir da Colônia (PSDB), o vice-prefeito José Pereira de Aguillar (PPS) e o prefeito Antonio Carlos da Silva (PSDB).
Durante o encontro, que discutiu melhorias para o bairro e reivindicações da comunidade para a região, uma comissão de moradores da rua 9 (nove), pediu para participar da reunião. Segundo aqueles moradores a rua em questão, bem como todo o loteamento, não tinham água encanada e usavam a água emprestada de vizinhos de outras ruas. A rua tem extensão aproximada de 500 metros e nela vivem cerca de 30 famílias. O custo da implantação da rede de água no local tem valor estimado em cerca de R$ 160 mil.
Depois da reivindicação dos moradores, o Presidente da Câmara intercedeu junto ao prefeito, para que fosse feita a obra, o que foi aceito pelo chefe do Executivo, que garantiu o benefício àqueles moradores. Segundo Sônia Fernandes, as obras tiveram início nesta quinta-feira, dia 29 de agosto.
A presidente da Associação de Bairro se diz felicíssima com a obra. "Isso é crescimento para o bairro. Sem luz você passa, mas água é fonte de vida", disse. De acordo com Sônia Fernandes, naquela rua há moradores idosos, doentes e muitas crianças, com um total aproximado de 150 moradores. A Presidente fala em vitória. "Essa é uma vitória do prefeito, da comunidade e da Câmara, que batalharam por isso", frisou. CMC

Navios fazem a festa em Ilhabela

Ilhabela - Dois navios da Marinha do Brasil participam no próximo dia 3 de setembro das festividades em comemoração ao aniversário de 197 anos de Ilhabela. Os navios Sirius e Fragata Niterói estarão abertos à visitação pública e serão ancorados em frente à Vila, na região da central da cidade.
Segundo o capitão de Fragatas da Capitania dos Portos de São Sebastião, Paulo Rogério de Souza Almeida, o navio Sirius foi construído na década de 70 e era usado pela Marinha para estudos e pesquisas oceanográficas. O Fragata Niterói era um navio de guerra. Os armamentos incluem desde canhão de 4.000 polegadas até lançador de míssil anti-submarino.
Os navios participarão de um desfile cívico e da salva de tiros em homenagem ao aniversário da cidade.
A comemoração de aniversário da cidade conta ainda com a tradicional Corrida de Canoa, que começa hoje a partir das 18h, com a participação de cerca de 100 competidores.
A corrida --que pode ser disputada em dupla ou individualmente-- terá um percurso de três quilômetros, com largada na praia do Centro e chegada no bairro do Perequê. VALE

Trânsito de Ilhabela será alterado para comemorações de aniversário

Ilhabela - As comemorações de aniversário da cidade já começaram. Para manter o trânsito fluindo e evitar acidentes, a Prefeitura de Ilhabela através da Divisão de Trânsito esta implantando medidas de segurança como cones com placas indicando velocidade e a supervisão de agentes de trânsito nos locais próximos aos eventos. Para os dias de maior movimento as alterações vão implicar nas mudanças de direção do trânsito e locais de estacionamento e até interdição de ruas. PMI

Desfile 3 de setembro - A Rua Dr. Carvalho, na Vila, estará interditada para a realização dos desfiles Militar, Cívico e Estudantil. As transversais Benedito Cardeal Sobrinho (Rua da Câmara), Santa Tereza e Washington Luiz (trecho do Banco Bradesco) também terão o trânsito impedido.
As vagas normalmente utilizadas na lateral da Praça Cel. Julião, na Rua da Padroeira (trecho do Banco Nossa Caixa) estará proibido para estacionar, trecho que também será convertido em mão dupla. Quem segue do norte para o sul, poderá ir direto pela Rua da Padroeira até a Avenida Pedro de Paula Morais.
Quem segue sentido norte deverá subir a Rua Washington Luiz, passando pela Igreja Matriz e Santa Casa, retornando a Rua da Padroeira (próximo ao Colégio Gabriel) pela Rua São Benedito. O trecho da avenida em frente ao colégio também estará proibido para estacionamento.
Na Rua 7 de setembro estarão concentradas as escolas e a Fanfarra Municipal, portanto estará impedida de circular e estacionar. As alterações entrarão em operação às 6h da manhã do dia 3.

Dias de shows - Os shows que vão acontecer na Praça de Eventos Prefeito Roberto Fazzini (Antigo Campo de Aviação) nos dias 1, 2 e 3 de setembro, também receberão um esquema de trânsito especial para atender o público. As mudanças terão início às 19h de cada dia.
A entrada principal para a Praça de Eventos estará interditada para o trânsito. O acesso poderá ser feito por uma das transversais. Para estacionar, o público terá opções nas ruas próximas ao local e parte da praça. Toda região estará devidamente sinalizada indicando os locais permitidos para estacionamento.
A Divisão de Trânsito pede a colaboração de toda população para o trânsito fluir normalmente sem acidentes, respeitando sempre a velocidade, a sinalização e a orientação dos agentes de trânsito. PMI

Prefeitura multas obras irregulares

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião multou em R$ 4.000 proprietários dos imóveis irregulares que estão em construção no bairro Barra do Una, na costa sul da cidade.
Anteontem, a secretaria do Meio Ambiente demoliu uma barragem de 10 metros e um muro de 50 metros que foram construídos dentro do rio Una --que corta o bairro. O muro teria sido feito para impedir a passagem da água.
Três pessoas foram detidas pela Polícia Ambiental e cerca de seis obras de grande e médio porte foram embargadas.
Segundo o diretor de Meio Ambiente, Nivaldo Simões, 300 metros depois da instalação da barragem, um muro impedia a passagem da água entre os rios Cristina e Una.
"O local é área de preservação permanente e a descaracterização do trecho do rio é crime ambiental. O acúmulo de água poderia causar uma imundação no bairro", disse.
Há um mês, fiscais da prefeitura demoliram um muro de cerca de 40 metros no mesmo local. A prefeitura ameaça demolir construções clandestinas nos próximos dias.
"Caso os proprietários não façam a demolição, a prefeitura vai fazer o serviço", disse Simões. Os proprietários não foram identificados. VALE

Incêndio revela situação perigosa no Centro Histórico

São Sebastião - O incêndio em uma casa do Centro Histórico, em São Sebastião, no último domingo, revelou a situação de fragilidade das construções tombadas pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arqueológico e Turístico do Estado de São Paulo).
Em razão da proximidade das casas, esse incêndio poderia ter tido proporções maiores e atingido outros imóveis. O fogo foi controlado pelo Corpo de Bombeiros.
O Centro Histórico compreende uma área de oito quarteirões formados por imóveis antigos que, em sua maioria, foram construídos com vigas de madeiras e suas paredes erguidas com argila, pedras e pó de conchas.
Um dos imóveis que está em situação precária é a antiga casa de aves Gaivota, atingida por incêndio em 1995.
O acidente despertou a preocupação do vereador Marco Souza, que apresentou indicação à Câmara sugerindo ao Executivo que reveja a lei estadual 38.069/1993 e também os procedimentos exigidos para concessão de alvará de funcionamento cedido aos comerciantes.
De acordo com o parlamentar, a lei atual é rigorosa e precisa ser adequada de forma que todos os comerciantes possam cumpri-la. “A lei exige uma série de quesitos que, muitas vezes, não podem ser cumpridos pelo comerciante devido ao rigor. Pode parecer incoerente o que digo, mas na atual situação o comerciante não tem nem como cumprir o básico”, disse.
Marcos Souza solicita a revisão na lei devido ao estado de conservação dos imóveis. “Com o tempo de existência dessas casas, elas podem não suportar nem o peso de uma caixa d’água”.
O vereador disse ainda que pretende encaminhar sua indicação para outros municípios da região que possuam Centro Histórico para fazer um “lobby” político e sensibilizar a Assembléia Legislativa na mudança da lei.
Bombeiros - De acordo com o Corpo de Bombeiros, em São Sebastião, em área comercial, os estabelecimentos que possuam área inferior a 750 metros quadrados devem cumprir normas de processo simplificado informando o ramo de atividade, parte estrutural e materiais utilizados no estabelecimento.
Acima de 750 metros quadrados, a instalação dos aparelhos contra incêndio é feita após analise de projeto técnico solicitado pelos Bombeiros e prefeitura para atender as normas de segurança.
Neste caso, o projeto deve conter proposta do sistema contra incêndio, assinado pelo proprietário e responsável técnico, engenheiro ou arquiteto habilitado junto ao CREA(Conselho Regional de Engenheiros e Arquitetos).
O Corpo de Bombeiros ainda informou que após a entrega do projeto é realizada vistoria no imóvel que deve estar de acordo com as normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). IMP

Vereadores querem providências contra falta de empregos

São Sebastião - Vereadores de São Sebastião estão preocupados com a falta de vagas no mercado de trabalho da cidade. O vereador Marco Souza quer saber quais são os critérios do PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) para a indicação de desempregados a firmas interessadas na contratação. Um requerimento foi encaminhado ao órgão.
Marcos de Souza afirmou que há cerca de 12 mil pessoas registradas no PAT aguardando vagas no mercado de trabalho. “Isto representa 25% da população local”. O parlamentar defende a necessidade de se privilegiar os que já estão cadastrados no PAT há mais tempo.
O PAT, órgão ligado à Secretaria Estadual de Empregos e Relações do Trabalho), até ontem, tinha 12.415 pessoas cadastradas, mas este número não representa total de desempregados.
Marcos Souza afirma que a cada dia recebe cerca de 20 pessoas em seu gabinete, sendo 18 para tentar conseguir um emprego. “Essa não é função de vereador”, ele lembra. “Em razão desta demanda temos dificuldade de executar atividade de parlamentar”. Ele considera que os poderes públicos têm de agir para amenizar a falta de vagas no mercado.
O vereador Wagner Teixeira também quer esclarecimentos sobre os critérios do PAT. “Faltam vagas para o pessoal da Costa Sul”.
O vereador Dalton José da Silva afirmou ter estranhado um fato na semana passada. “Na quinta-feira vi jovens no PAT fazendo inscrições e depois iriam se submeter a uma entrevista no Ceprom (Centro Profissionalizante Municipal) para serem contratados por uma firma que fará cadastros do IPTU”. O parlamentar disse que pediu esclarecimentos à prefeitura, uma vez que não soube de divulgação sobre estas vagas, mas não obteve respostas.
O vereador Erwin Mota afirma que não existe a chamada lista de espera no PAT. “A indicação depende do currículo”, diz. Para Mota, uma proposta emergencial para amenizar o desemprego seria a prefeitura evitar que empresas que realizam obras municipais contratem pessoal de outras cidades. IMP

Desde 1995 PAT tem cadastradas mais de 12 mil pessoas

São Sebastião - O PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), em São Sebastião, foi criado em 1998 e, desde então, são 12.415 pessoas cadastradas com a finalidade de obter vagas no mercado de trabalho. Mas este volume não significa o total de desempregados até o momento, conforme afirma o assistente técnico do PAT, Silvio Célio Nascimento.
Ele explica que não há condições de realizar todas as baixas porque o PAT não tem controle sobre os candidatos que conseguem emprego por outros meios e não retornam para avisar.
Nascimento conta que em julho, foram feitos 504 novos cadastros no posto. No mesmo mês, outras 1361 pessoas retornaram para verificar se haviam vagas disponíveis. No volume total de 1865 atendimentos feitos no período, o PAT conseguiu indicar, com sucesso, 65 candidatos para 73 vagas no mercado.
O PAT, da Secretaria Estadual de Relações do Trabalho, é mantido com parceria da prefeitura, que cede funcionários e espaço físico. “Atendemos empresas contratadas pela prefeitura porque 80% da mão-de-obra deve ser formada por trabalhadores residentes na cidade”, explica Nascimento.
Ele afirma que, em média, as pessoas cadastradas no PAT têm o ensino médio completo. São candidatos também de Caraguatatuba e Ilhabela, além de pessoas nascidas em outras cidade e regiões do país.
Há bastante pessoas com nível superior, como engenheiro, desenhista industrial, advogado e jornalista cadastrados, mas também há analfabetos e semi-analfabetos. Entre janeiro e julho deste ano, o PAT conseguiu inserir 324 pessoas no mercado de trabalho.
Sobre os questionamentos do vereador Dalton José da Silva, Nascimento esclarece que na semana passada foram feitos cadastros de pessoas para servir à firma Indort, que fará trabalho para pagamento de dívida ativa, por meio de negociação com inadimplentes do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano). “Atendemos a 187 pessoas neste dia”.
Os candidatos pré-selecionados foram submetidos a entrevistas, palestra e treinamento no Ceprom (Centro Profissionalizante Municipal). “Encaminhamos 87 pessoas ao Ceprom, 20 foram contratadas, diz Nascimento.
Ele afirma que as informações sobre estas vagas foram anunciadas na Rádio Morada e pelo site da Internet da prefeitura. Declara que não houve tempo para divulgação no jornal porque a firma contratante tinha muita pressa.
Nascimento afirma que a grande maioria das vagas no mercado de trabalho exige o ensino médio completo, experiência comprovada e até noções de informática. “No comércio, lojas de roupas estão exigindo este conhecimento. Suponho que chegará dia em que empregado doméstico precisará de noções de informática; hoje já estão querendo candidatos com, pelo menos o ensino fundamental completo (antigo 1° grau) para esta função”.
O assistente do PAT observa também que as pessoas precisam se empenhar e buscar qualificação. Ele convida os vereadores para comparecer ao PAT a fim de conhecer os procedimentos. O posto fica na rua Capitão Luiz Soares, 545, centro, em frente ao Hospital de Clínicas. O telefones são (12) 3892-1600/4605.

Migração e desemprego - Há cerca de 20 dias, José Carlos Ribeiro, 26 anos, chegou a São Sebastião, acompanhado por sua mulher. Ele, letreiro, ela balconista, deixaram a pequena cidade de Paraisópolis, ao sul de Minas Gerais, em busca de oportunidade de emprego e melhor qualidade de vida em São Sebastião.
Ele é um exemplo de migrante que procura vereadores para conseguir algum emprego. O casal viajou de ônibus até São Sebastião. Ele conta que, primeiro, se dirigiu à Igreja Matriz, onde foi pedir apoio espiritual para conseguir trabalho. Na igreja, soube da existência do Posto de Atendimento ao Trabalhador, onde se inscreveu.
Ribeiro afirma que recebeu informações para procurar o “vereador Marquinho”, Marco de Souza. “Acho que os políticos podem me ajudar”, disse Ribeiro, argumentando que trabalhou por muito tempo na prefeitura de Paraisópolis.
Ribeiro não cursou o ensino médio. Ele parou de estudar ao completar a 6ª série para trabalhar. Ele conta que morava em um porão de uma casa em Paraisópólis.
“Viemos para São Sebastião com R$ 40 somente para pagar a viagem” - Segundo ele, o dinheiro foi doado pelo seu sogro. No município, o casal foi recebido pela irmã de Ribeiro. “Minha irmã veio há quatro anos de Paraisópolis e é gerente de loja aqui. Ela me disse que a vida é difícil na cidade, mas como me conhece, sabe que tenho força de vontade para conseguir viver aqui”, diz.
Ele acrescentou que “na Câmara de vereadores de Paraisópolis, também me disseram que a prefeitura de São Sebastião cuida bem da cidade”. IMP

Secretários discutem com lideranças o Orçamento de 2003

São Sebastião - Secretários municipais da Prefeitura de São Sebastião estiveram reunidos ontem, dia 29, das 10h às 14h, na padaria da Ponte, em Boiçucanga, com lideranças comunitárias da costa sul, com o objetivo de discutir a viabilidade, em termos legais, de algumas questões consideradas prioritárias pelas entidades.
O resultado da reunião irá resultar na formulação do questionário que será respondido pela população durante o programa Orçamento Cidadão 2003, que acontecerá de 7 a 15 de setembro. A votação irá definir uma série de propostas que serão incluídas na dotação orçamentária do município.
No ano passado, 5775 pessoas manifestaram suas preferências e definiram as prioridades que integraram o Orçamento Municipal de 2002, sendo que 5115 votaram nas urnas eletrônicas e 660 pela internet. Esses números representaram mais de 15% da população votante, que se encontra superior a 37 mil.
Na apuração geral, a Guarda Municipal foi apontada como o método que pode ser adotado pela Prefeitura para melhorar a segurança da cidade, com 40,5% dos votos. No transporte público, 45,7% da população sugeriram a diminuição do tempo de espera nos pontos de ônibus.

Para o ensino público -  47,7% dos moradores solicitaram a criação de cursos universitários. Já na saúde, 36,5% das pessoas querem um aumento no número de profissionais na área médica.
Questionados sobre opções nas áreas de cultura, turismo e lazer, 34,1% da sociedade pediram ampla programação de eventos. Na área social, programas de qualificação profissional foram os mais votados, representando 39,5% do total de votos.
Para a questão do lixo e limpeza urbana, a melhoria no serviço de varrição de ruas e praias foi a mais votada, totalizando 32,4% dos votos. Entre os programas de desenvolvimento do município, 35,7% dos moradores pediram a construção de casas populares.
Já no Orçamento Cidadão Mirim cerca de 1,5 mil alunos, da 4ª a 8ª séries, de 20 escolas do ensino fundamental, solicitaram, como prioridade, reformas e construções de quadras de esportes, computadores, instrumentos musicais e curso de informática.

Resultados - Na reunião de ontem foi apresentado o resultado do questionário respondido pelas lideranças comunitárias da macro-região da costa sul.
Nas questões sócio-econômicas, a Saúde e a Educação, tiveram uma melhora significativa, sendo que 64% e 84% das respostas, respectivamente, consideraram essas áreas boas ou regulares. Os pontos críticos apontados pelos moradores foram: alcoolismo, drogas, a falta de empregos, criminalidade e o atendimento ao menor.
O secretário da Saúde, Aldo Pedro Conelian Júnior, afirmou que a grande transformação na área da saúde ocorreu com a implantação do Programa de Saúde da Família. “Resta muito a fazer. A prioridade agora é a implantação de uma unidade pré-hospitalar na costa sul, com centro obstétrico e um pequeno laboratório de análises clínicas”, disse.
Já a secretária da Educação, Vera Hislt, afirmou que este ano o maior investimento na área ocorreu com as reformas, ampliações e construções das unidades escolares, implantação de laboratórios de informática e a criação de cursos de aperfeiçoamento para os professores.
“Nossa prioridade na costa sul é enfrentar a situação crítica que existe em alguns locais, como em Maresias, onde muitos alunos ainda estudam em bairros periféricos, e Barra do Una, onde existem crianças estudando em conteiners”, adianta.

Nas questões urbanísticas - ambientais, a coleta de lixo, iluminação urbana e limpeza das ruas tiveram resultados positivos, com relação ao ano passado. Porém, a pesquisa mostrou a necessidade de priorizar a questão da habitação e a falta de assoreamento de rios e córregos.
Já no tópico Legal- Fiscal, o comércio clandestino, a legislação existente, que determina sobre o uso e ocupação do solo e a falta de um centro de zoonoses, são os principais motivos de reclamação dos moradores da costa sul
No quesito Organizativo, a prioridade apontada pelos moradores da costa sul é a maior autonomia da Sub-prefeitura.
Na próxima segunda-feira, dia 2, às 15 horas, na Pousada Tambayba, em Maresias, acontecerá a última etapa do planejamento estratégico do Orçamento Cidadão 2003, com uma reunião envolvendo o prefeito Paulo Julião, secretários municipais e as lideranças comunitárias das costa sul e norte e do centro.

Orçamento Cidadão 2003 - Ao contrário do ano passado, quando o questionário do Orçamento Cidadão foi elaborado pela Prefeitura e o Cepam – Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal, dessa vez, as prioridades foram discutidas previamente com lideranças comunitárias, tornando o processo ainda mais democrático.
Para isso, a cidade foi dividida em sete micro-regiões: Boracéia/ Juquehy, Preta/ Boissucanga, Maresias/Guaecá, Barequeçaba /Praia Preta, Topolândia/Olaria, Centro/ Cigarras e Enseada/Canto Mar.
As reuniões com as lideranças comunitárias tiveram início no dia 20 de agosto e em torno de 180 entidades participaram do processo de planejamento estratégico, abordando questões ligadas aos seguintes tópicos: sócio-econômico, urbanístico ambiental, organizativo e legal-fiscal.
Durante esses encontros, os moradores responderam um questionário com perguntas relativas ao desenvolvimento da população, os serviços prestados ao cidadão, a relação da prefeitura com a sociedade e sobre a relação da sociedade para com o espaço urbano.

Orçamento Mirim - Simultaneamente, os alunos das 54 escolas municipais de São Sebastião estarão participando do Orçamento Cidadão Mirim.
Dessa vez, além de opinar sobre as prioridades das suas escolas, os estudantes também vão discutir sobre pontos críticos da cidade. No dia 12 de outubro, quando é comemorado o Dia da Criança, o documento será entregue em forma de documento para o prefeito Paulo Julião.
“O importante é que todos participem e tenham retorno daquilo que foi atendido no ano passado”, disse a secretária de Educação, Vera Hilst.

Votação - As questões relacionadas pelas entidades, que dizem respeito às diretrizes municipais, serão transformadas num único questionário. No total, 150 urnas serão disponibilizadas em locais estratégicos da cidade, como nos Postos de Saúde, Biblioteca, Centros de Ensino Profissionalizantes, comércios locais, entre outros.
A contabilização final dos votos acontecerá nas 54 escolas municipais, no dia 15, quando também haverá a Festa da Cidadania. Todas as prioridades escolhidas pela comunidade, por maioria de votos, serão integradas ao Projeto de Lei do Orçamento, que deverá ser entregue à Câmara Municipal até o dia 30 de setembro.
Para acompanhar mensalmente o cumprimento das metas, este ano, cada micro-região vai escolher um representante que definirá um grupo comunitário gestor do Orçamento Cidadão. PMSS

Prefeitos propõem criação da Secretaria de Turismo

São Sebastião - O conselho de prefeitos das cidades turísticas do Estado decidiu ontem, em reunião realizada na estância de Águas de Lindóia, encaminhar aos candidatos ao governo do Estado e ao governador Geraldo Alckmin - ele próprio candidato à reeleição -, moção solicitando a criação da Secretaria de Turismo do Estado, órgão específico para condução das ações públicas e privadas relativas ao setor. O presidente da Associação dos Prefeitos das Cidades Estância do Estado de São Paulo - APRECESP, Paulo Julião, prefeito de São Sebastião, explica que a moção, subscrita por prefeitos e representantes de quarenta municípiosturísticos paulistas, não é motivada por descontentamento com o secretário da Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, Rui Altenfelder, que recebeu em sua pasta a inclusão da área do turismo, quando da extinção da Secretaria de Esportes e Turismo do Estado.
- Os prefeitos chegaram à conclusão de que a importância e o peso das questões ligadas à ciência, tecnologia e desenvolvimento econômico é de tal ordem relevante para o Estado e o Brasil que o turismo, mesmo com as evidências de seu crescimento como indústria geradora de divisas e empregos, ficaria em terceiro ou quarto plano nas prioridades da secretaria onde se encontra - afirma Julião, que como presidente do Consórcio de Desenvolvimento Integrado do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira - CODIVAP, recebe hoje (sexta-feira) o secretário Altenfelder como convidado para a reunião plenária do órgão, na cidade de Bananal.
O tema da reunião de hoje do Codivap é justamente o turismo. Além do secretário estadual da área estarão presentes representantes do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias - DADE, o presidente do Conselho Pró-Turismo do Cone Leste Paulista, Ramón Tourón, e o coordenador da área de turismo do SEBRAE.
Na reunião da APRECESP encerrada ontem o diretor do DADE, Ronaldo Assumpção, apresentou aos prefeitos os dados do balanço de investimentos e recursos liberados pelo órgão desde 1989, ano de sua criação. Dos R$ 273 milhões de reais destinados até hoje pelo governo do Estado ao desenvolvimento das estâncias paulistas, nada menos que R$ 170 milhões foram liberados pelo governador Geraldo Alckmin, que colocou em dia as pendências de liberação existentes entre o Estado e as estâncias. "Todos os convênios que estão com sua documentação em dia foram liberados pelo governador", afirmou Assumpção, que apresentou dados para demonstrar aos prefeitos a prioridade devotada pelo governo do Estado à área do turismo.
Férias compartilhadas
O prefeito Paulo Julião expôs aos demais representantes dos municípios presentes à reunião de Águas de Lindóia as tratativas mantidas com a direção nacional da Associação Brasileira das Agências de Viagens - ABAV, em congresso realizado na semana passada no Recife, no sentido de se adotar nacionalmente - ou ao menos no Estado de São Paulo -, o sistema de férias escalonadas, ou férias compartilhadas, vigente em diversos países da Europa e que minimizaria os impactos do excesso de turistas em períodos de pico de temporada, em constraste com os vazios provocados pela sazonalidade.
A proposta, defendida há algum tempo pelos agentes de viagem, foi apresentada na reunião da ABAV aos representantes dos candidatos a presidente da República José Serra e Luis Inácio Lula da Silva, que participaram dos debates de Recife, e será encaminhada também ao governador Geraldo Alckmin:
- Ficou claro para todos que, se o Estado de São Paulo, que é responsável por cerca de 50% da emissão turística no Brasil, adotar as férias escalonadas, a questão da sazonalidade, no país todo, será bastante amenizada - disse Julião.

Presidenciáveis - Os representantes dos candidatos presidenciais, Edson Ortega, coordenador do plano de governo do candidato José Serra e Eduardo Sanovicz, responsável pelo plano de turismo da candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva, participaram da plenária realizada no 30º Congresso da ABAV - Associação de Agências de Viagens, no Centro de Convenções de Pernambuco. Cada representante apresentou os planos de governo, voltados a área do turismo nacional, aos representantes de agências, congressistas e jornalistas. Falaram de temas como aumento na geração de empregos, ampliação do turismo brasileiro
incentivando o turismo interno, política dos cruzeiros, dentre outros.
Ortega e Sanovicz também abordaram a questão das férias escolares escalonadas, que deve ser novamente tratada em nível de governo federal. O assunto foi abordado pelo prefeito de São Sebastião e presidente da Aprecesp - Associação das Prefeituras de Cidades Estâncias do Estado de São Paulo, Paulo Julião, durante sua participação no Congresso.Para Ortega, a questão necessita ter o apoio dos governos estaduais e municipais. Segundo ele, com a mudança das férias no Estado de São Paulo, cerca de metade dos fluxos do consumo turístico interno no mercado brasileiro também mudaria.
O subsecretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Turismo do Estado, Virgilio de Carvalho, disse que a secretaria já está atuando neste sentido e que a proposta inicial seria a mudança das férias de julho para agosto, além da criação de novos períodos de folgas durante o ano.
A alteração no calendário escolar já foi implantada em outros países como França e Inglaterra, onde as escolas chegam a ter até oito períodos diferentes de folgas.
Dentre as propostas de governo de José Serra, as férias brasileiras seriam mais curtas, mas haveriam novos períodos distribuídos numa agenda durante o ano. "Essas alterações melhorariam a praticidade nos locais que concentram um grande número de turistas nas férias e, com esta redistribuição, haveria uma menor demanda, mas em várias épocas do ano", disse Edson Ortega.
Os estados e municípios ainda receberiam investimento em infra-estrutura e, de contra partida, estes investimentos seriam utilizados na propagação do turismo. "Seria como um contrato de gestão visando a formação de uma agência de fomento ao turismo, mas também à indústria e ao comércio como divulgadores desta
área", explicou o coordenador peessedebista.
Durante o congresso o presidente da ABAV Nacional, Tasso Gadzanis, disse que a associação já tratou desta questão há dois anos e, segundo ele, só
não surtiu resultados por falta de interesse político. Ele ainda disse que a ABAV é defensora da idéia e está disposta a retomar a questão.
No entanto, Eduardo Sanovicz, do plano de turismo da candidatura de Lula, disse que a questão não chegou a atingir o grau de consenso necessário no ongresso. "Eu, pessoalmente, fui favorável ao compartilhamento das férias, mas como o assunto não passou pelo congresso, este tema segue aberto na agenda do turismo nacional, já que as regiões norte e sul de São Paulo atendem uma grande demanda nos períodos de férias escolares", disse.
Os candidatos Ciro Gomes e Antoni Garotinho não participaram e não mandaram representantes.

Turismo à melhor idade - Outro setor turístico abordado por Edson Ortega como proposta do governo de José Serra é o incentivo ao turismo à melhor idade, com a indústria desta área
oferecendo atrações voltadas às pessoas com mais de 50 anos.
Segundo ele, no Brasil os idosos não têm o hábito de viajar como em outros países do exterior. "Este é um segmento que deve ser explorado no país, por isso, as
cidades turísticas e as redes hoteleiras precisam abrir este mercado, adequando os estabelecimentos comerciais com preços e roteiros destinados a estes novos
clientes", propôs Ortega.
Os dados da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Turismo, apontam que em todo o Estado há 350 clubes organizados da melhor idade, reunindo mais de 150 mil associados. PMSS

Chegam mais veículos para Prefeitura

Ubatuba - Dentro da política de renovação da frota de veículos da Prefeitura de Ubatuba, chegaram nesta quarta-feira, 28, mais três Gol básicos 1.0 modelo Special, para a secretaria de Finanças, no valor de R$ 45 mil. Já para a secretaria de Educação foi adquirido um Furgão Sprinter para servir o setor de merenda escolar, com investimentos da ordem de R$ 70 mil. Chegaram, também, três novos caminhões modelo 1729 de Mercedes Benz para a secretária de Obras e um caminhão modelo 710 da Mercedes Benz para o setor de Trânsito. Este último veículo será adaptado com a colocação de cabine dupla. O valor da compra dos caminhões foi de cerca de R$ 300 mil.
Em 2001, a administração Paulo Ramos deu início à renovação da frota municipal com a compra de 15 novos veículos, 6 motocicletas e 20 bicicletas, com valor total de R$ 536.808,06 de investimentos. Em 2002, foram comprados 16 novos veículos e 20 bicicletas, no valor de R$ 931.316,49. Em um pouco mais de um ano e meio de administração foram investidos R$1.468.124,85. O prefeito de Ubatuba, Paulo Ramos (PFL), considera fundamental a renovação da frota para oferecer melhor atendimento ao munícipe e melhores condições de trabalho ao servidor que operava há mais de quatro anos com uma frota totalmente sucateada. PMU

Ciclovia da Av. Iperoig está sinalizada

Ubatuba - A sinalização que está sendo implantada na ciclovia da Av. Iperoig vai diminuir os riscos de acidentes pois ciclistas e pedestres terão como se orientar. O Serviço Municipal de Trânsito – SMT e a Secretaria de Arquitetura e Urbanismo – SAL iniciaram os serviços em cerca de 1.500 da orla da praia com a pintura das guias, faixas divisórias , setas indicativas de direção e de faixas para pedestres. Também estão programadas cerca de 10 rampas para deficientes. Numa próxima etapa serão colocadas placas educativas para completar os itens de segurança e orientação de trânsito para aquele trecho. PMU

Circuito Municipal de Skate atrai grande público
Evento realizado na praça Capricórnio contou com a participação de cerca de cinqüenta atletas e a presença de um público estimado em mil pessoas

Ubatuba - Cerca de mil pessoas estiveram acompanhando a primeira etapa do I Circuito Municipal de Skate, promovido no domingo, 25. A realização do evento foi feita em conjunto pela Secretaria de Esportes e Lazer (SEL) da Prefeitura de Ubatuba e pela Associação dos Skatistas de Ubatuba (ASU), contando com o apoio da Sthill, Turco Loco e Água Bioleve.
O Circuito Municipal de Skate engloba a competição nas modalidades “Mini-ramp” e “Street”. A abertura do evento, que contou com a presença do prefeito Paulo Ramos (PFL), aconteceu às 9h na pista de Skate João Serpa (Fifo) e Alfredo Vieira, localizada na praça Capricórnio, Centro.
A etapa contou com a participação de cerca de cinqüenta skatistas, divididos nas categorias mirim, iniciante, amador, feminino e livre. O encerramento do evento aconteceu por volta das 17h. Acompanhe o resultado final:

Modalidade Mini-ramp - Categoria livre
1º Virgílio Oliveira - Patrocínio Trash
2º Anderson Domingues (Batata)
3º Deverton Martins (Toquinho)

Modalidade Street - Categoria Feminino
1º Cristiane Louise (Cris)
2º Jaqueline Simone Lee

Categoria Mirim
1º Thiago da Silva Fialho (Boto) – Patrocino: Trash, Detenção, Eletrofenile, New Star
2º Fábio Valério (Guelo)
3º Lázaro

Categoria Iniciante
1º Igor Fontelas – Patrocínio Trash
2º Rafael Souza (Saponga)
3º Guilherme Okamoto

Categoria Amador
1º Caio Rodrigues – Patrocínio Trash, Rust Tattoo
2º Alberto Moreno (Neguinho)
3º Anderson Araújo (Ferrugem)

Comunicado da SAU aos engenheiros, arquitetos e construtores

Ubatuba - A SAU - Secretaria de Arquitetura e Urbanismo - da prefeitura de Ubatuba comunica aos engenheiros, arquitetos, construtores e a todos os profissionais que realizam projetos de edificações de acesso público no município que será cobrado a adaptação de todos os projetos ao uso para deficiente físico. O alvará e o habite-se estarão condicionados a esta exigência prevista em Lei Federal. PMU

Encontro pela paz

Ubatuba - A comunidade de Ubatuba estará reunida pela paz no dia 13 de setembro durante apresentações de orações, palestras e bandas concentradas em um palanque que será montado na av. Iperoig, próximo ao Centro de Informações Turísticas (CIT).
O projeto denominado “ Encontro pela Paz” é uma realização da Prefeitura, Comtur e Fundart, com apoio da Paróquia Exaltação à Santa Cruz e Conselho de Pastores Evangélicos de Ubatuba.
O Presidente da Comtur, Luiz Bischof, diz que a iniciativa busca incentivar a paz e a tranqüilidade da comunidade de Ubatuba, pois somente com a paz conseguiremos atingir nossos objetivos.
No dia 13, sexta-feira, a abertura será às 19h com a apresentação da Aldeia Indígena Boa Vista, palestras relacionadas com a Paz e dos Atletas de Cristo, tendo na seqüência a apresentação de bandas Gospel da comunidade local.
Os organizadores contam com a presença de um grande público em razão da diversificação de atrações que abrangem camadas diferenciadas da população e do principal objetivo proposto pelo encontro, ou seja, a Paz, indispensável em todas as atividades exercidas pelo ser humano. PMU

Jurídico da Prefeitura de Ubatuba já tem novo Secretário

Ubatuba - O advogado Luiz Bitetti da Silva, 42, é o novo secretário de Assuntos Jurídicos da Prefeitura de Ubatuba. A pasta foi assumida na manhã desta quarta-feira, 28, a convite do prefeito de Ubatuba, Paulo Ramos (PFL). Os procuradores do setor receberam com entusiasmo o novo secretário, pelo currículo e experiência que possui. Bitetti resumiu que seu trabalho estará pautado na integração dos poderes Judiciário e Legislativo com o Executivo, buscando harmonia nas relações para que a Administração venha cumprir seu plano de governo e promover o desenvolvimento da cidade de Ubatuba. A pasta estava sem secretário desde o dia 21 deste mês.
Bitetti estava há cinco meses na Administração com o cargo de Assessor de Gabinete, organizando o setor do Plano de Contribuição de Melhoria (PCM). Durante este período iniciou todo o levantamento topográfico do município, como necessidades de asfalto, guia, sarjeta e galerias, para retomada do asfaltamento da cidade. “Este trabalho será encerrado em outubro e serão priorizadas as regiões que receberão este benefício”, afirmou Bitetti. O novo nome que ficará à frente do PCM deverá ser definido nos próximos dias pelo prefeito Paulo Ramos.
O novo secretário é advogado e tem 21 anos de experiência na área jurídica. De 2001 a 2002 foi procurador chefe da Prefeitura de Caraguatatuba. Durante três anos foi Procurador Jurídico da Prefeitura de Taubaté e foi também sub-procurador da Universidade de Taubaté (Unitau), de 1985 a 1987. Por mais de 12 anos respondeu pela gerência na área jurídica da EletroPaulo do Vale do Paraíba e Baixada Santista. Possui conhecimento do contencioso, tributária, penal, fiscal, trabalhista, direito administrativo e empresarial.
Ramos considera que foi uma escolha correta a nomeação de Bitetti. “A experiência, o conhecimento, o humanismo e a sensibilidade são característica que fazem o diferencial da pessoa e do profissional. A soma de suas características trarão novos rumos ao setor jurídico da nossa Administração”, afirmou o prefeito. Bitetti sente-se orgulhoso em fazer parte da Administração Paulo Ramos e da família ubatubense. “Tenho certeza de que com muita fé em Deus e juntamente com meus companheiros caminharemos lado a lado com o prefeito, secretários e funcionários oferecendo todo o suporte jurídico necessário para garantir o desenvolvimento de Ubatuba e sua população”, concluiu o novo secretário. PMU

Preparação do solo em destaque

Ubatuba - A Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAAB) da Prefeitura de Ubatuba encerrou a fase de preparação de solo na região Centro, onde predomina o cultivo olericola, ou seja, verduras e legumes em geral. A região abrange os bairros da Estufa, Marafunda, Rio Escuro até o Monte Valério. O programa é desenvolvido em parceria com o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, encarregado da divulgação junto à comunidade agrícola. Cabe a Prefeitura a cessão de trator, funcionário e de um engenheiro agrônomo que dá as instruções de plantio direto e técnica agro-florestal. O encerramento deste ciclo foi comemorada na residência do produtor Pedrinho, na Estufa, com a presença de 15 agricultores. A próxima etapa desse programa vai beneficiar a Região Sul.
Um dia de campo - O campo experimental de gengibre, no Araribá, recebeu, na última quarta-feira, a visita de produtores do município que conheceram as técnicas do plantio e beneficiamento do produto. A SAAB mantém parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro e Embrapa para melhorar e aumentar a produção do gengibre que coloca a região do litoral como um dos principais polos de exportação do País. A técnica proposta pela SAAB é denominada de “aleias” que baixa o custo do cultivo. PMU

Carta do Leitor

Desabafo I - O desabafo do tal profissional do Sebrae revela seu despreparo, sua falta de conhecimento da economia hoteleira e principalmente uma pessoa desequilibrada. Não foi um desabafo, foi um deslise profissional. No meu hotel ele jamais entraria, nem para vender sabonete.

Eliana Toni
Hoteleira de São Paulo
Frequentadora dos hotéis do Litoral Norte


Desabafo II - Em consonância com a leitora Luciana Carvalho, peço ao sr. Marcos Pires, que de "nomes aos bois¨, providenciando o endereço e nome do estabelecimento hoteleiro, para que outros clientes não mais sejam obrigados a "lavar sua égua", ou para que o proprietario mude de ramo adquirindo um haras ou coisa parecida.

Sergio Abreu
Ubatuba, SP


Desabafo III - Também sou de opinião que o Sr. Marcos Augusto Pires Silva, deve dizer o nome deste hotelzinho que não merece seu silêncio.
Deve dizer em alto e bom tom seu nome, para que possamos divulgar aos amigos e parentes que, as vezes, pedem informações sobre Hotéis aqui em Caragua.

José Leonardo Angerami
Caraguatatuba, SP


Desabafo IV - Sr. Marcos Augusto Pires. Realmente lamentável o tratamento que lhe foi dispensado pelo tal hotel. Não faz lembrar a Lei de Gerson? Aquela de levar vantagem em tudo? Mas acho imprescindível, que o nome do estabelecimento seja declinado, aliás, como é de seu conhecimento, existe ai um Codigo do Consumidor, um Procon, acho que deveria fazer valer seus direitos.
Aguardamos o nome do estabelecimento.

Moacyr Colli Júnior
Juquehy
São Sebastião, SP


Comentário Una - É mesmo uma vergonha o que está ocorrendo no Rio Una, a que ponto chega a falta de respeito das pessoas para com a natureza?
Agora eu pergunto: por que uma pessoa escolhe comprar um terreno na praia? Para ficar longe da balbúrdia urbana e perto das maravilhas cênicas da natureza, não é?
Por que uma pessoa escolhe justo Barra do Una, justo perto do rio, justo próximo ao sertão, que é simplesmente m-a-r-a-v-i-l-h-o-s-o, para descansar? Só pode ser porque acha aquilo tudo realmente lindo e relaxante demais...
E como essa mesma pessoa pode fazer o que fez (interromper o curso do rio, suprimir a APP, aumentar o tamanho da sua propriedade), um desrespeito tão grande a esse recurso natural vital, que é a água, e desrespeito a tudo e todos que dela dependem???
Olha, se essa pessoa não sabe o que fazer com o seu imóvel, dá para mim que eu sei muito bem o que eu faria!!! Troco por um apartamento no centro de SP, que é onde essa pessoa devia passar seus finais de semana, de castigo, por alguns anos, até aprender a admirar e respeitar a natureza!
É o fim da picada o que houve, e o pior é saber que esse não é o único rio que está sendo ou foi aterrado na região. É lamentável o rumo que as coisas estão tomando, mas eu fico muito feliz cada vez que eu fico sabendo de mais uma atitude digna por parte dos órgãos responsáveis e parabenizo todos aqueles que participam de ações como essas, denunciam, batem o pé, reividicam, etc...

Luciana M. Frazão

 


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão:

Clique Aqui.


Free Wallpaper Basfibra

As notícias e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo.


Receba as notícias via e-mail:

Quero receber o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:
Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:


Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor