Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Terça-feira, 09 de julho de 2002 - Nº 568 Edições Anteriores

Yurg´s Portal do Sol Flamboyant

Caraguatatuba:
   Curso de História do Teatro abre novas vagas
   Preso suspeito dos assassinatos no ônibus da Autoviass

Ilhabela:
   Etapa de Maratonas Aquáticas reuni atletas de todas as idades
   O verdadeiro objetivo da Maratona
   Ilhabela realiza pré-triagem em crianças

São Sebastião:
   Prefeitura derruba quatro imóveis em loteamento ilegal
   Pintura de faixas de pedestre atrapalha trânsito em véspera de feriado
   Em uma semana, mais um assassinato no Jaraguá
   UNITAU inicia projeto de urbanização da Vila Tropicanga
   Conseg 2º DP recebe doação de equipamentos para Polícia Civil
   Setec inaugura obra e homenageia os 100 anos do Colégio Henrique Botelho
   Ecomuseu leva prefeito de São Sebastião à França
   São Sebastião ganha primeira medalha de ouro

Ubatuba:
   Catarinense é zebra no SuperSurf de Ubatuba

   Carta do Leitor



Curso de História do Teatro abre novas vagas

Caraguatatuba - A Fundacc está realizando um curso de história do Teatro Moderno, em parceria com a Secretaria de Estado da Cultura, com o diretor de teatro e artista plástico José Roberto Lopreto, que vinha acontecendo às quintas-feiras, das 18h30 às 22h30 no CPP - Centro do Professorado Paulista. A partir do dia 13, as aulas passam a acontecer no Pólo Cultural Profa Adaly Coelho Passos, que já estará inaugurado.Com essa nova fase do curso, a Fundacc abriu mais algumas vagas.
Segundo Lopreto, o curso é muito importante para quem quer seguir a área artística, ou ao menos, conhecer o mundo mágico do teatro - “A importância de um curso de História do Teatro se dá pela natureza esclarecedora das épocas e suas histórias de vida, suas obras com seus vilões e heróis. Conta também a vida do homem comum e as paisagens que acolheram tais gerações, seus sonhos e batalhas, suas visões de mundo e frustrações e realizações. Portanto, não interessa apenas e exclusivamente a alunos de teatro, mas sim a toda e qualquer pessoas interessada em entrar em contato com nossa herança cultural, nossa formação ética e moral. Aprendemos no teatro a conhecer e lidar melhor com mais desenvoltura com nossa realidade íntima e também coletiva, através das histórias transcorridas em suas peças. Como nos espelho nos olhamos e nos vemos, ou nas fotos, reconhecendo o momento de um instante não como registro, mas a eternização desse instante. É no teatro, entre todas as artes, aquela que nos liga ao mundo das expressões criativas, de imediato, porque a manifestação final nos é apresentada na nossa frente, enquanto acontece no corpo do outro, nos surpreendemos e nos maravilhamos com a transfiguração mágica que o teatro nos presenteia. O teatro nos ensina a viver espelhando suas expressões, que também vivem em nós, nos ajuda a discutir a vida de maneira a confrontar-mos com toda a realidade possível ou impossível do mundo material ao mundo das idéias e ideais.
Você pode não querer ser ator ou atriz, achar que não leva jeito para isso, mas no mínimo tem o direito de ser um excelente espectador, interagindo com fatos, mágicas e sonhos, fazendo o curso de História do Teatro” finaliza o diretor.
Os interessados em participar do curso, podem obter mais informações na Fundacc - Rua Santa Cruz, 396, centro ou pelos telefones 12 423-7555/3883-3737/3883- 3727. (Fonte: PMC)

Preso suspeito dos assassinatos no ônibus da Autoviass

Caraguatatuba - Investigadores do 1º Distrito Policial de Caraguatatuba prenderam ontem E.G.F., 29 anos. Ele é o principal suspeito de um duplo homicídio registro em junho, dentro de um ônibus da Autoviass, empresa concessionária do transporte coletivo urbano de São Sebastião.
Ele foi reconhecido por testemunhas.
O ônibus, que fazia a Linha Canto do Mar, em São Sebastião, passava pelo bairro do Perequê-Mirim, quando aconteceu o crime.
O delegado titular do DP, Wuppslander Ferreira Netto, solicitou à justiça a decretação da prisão temporário do suspeito, pelo período e 30 dias, para apurar os fatos. “Temos testemunhas que disseram ter visto o suspeito entrar em sua casa logo após os assassinatos.”
E. foi levado ontem para uma cela do ‘seguro’ na cadeia pública de Caraguatatuba, onde ficará durante as investigações. O período de um mês pode ser prorrogado.
Segundo uma das testemunhas ouvidas pela polícia, E. teria entrado no ônibus portando uma arma de fogo e efetuou os disparos contra Sérgio Ferreira da Silva, funcionário da Autoviass, que também havia acabado de entrar no coletivo.
Durante os disparos, uma bala atingiu Elias Francisco de Aguiar, que estava dormindo no veículo. Ele não resistiu ao ferimento. Sérgio, que também foi baleado, foi levado para o Hospital de Clínicas de São Sebastião, em coma, e morreu na semana passada.
O crime causou comoção nos dois municípios e, de acordo com o delegado Wuppslander, é preciso checar todas as informações. Segundo ele, a arma do crime ainda não foi localizada. (Fonte: Imprensa Livre)

Etapa de Maratonas Aquáticas reuni atletas de todas as idades

Ilhabela - A V Etapa do Calendário de Maratonas Aquáticas de Ilhabela reuniu neste Domingo, 7, cerca de 130 pessoas na praia Pedras Miudas. Participaram do evento atletas das cidades de Santos, São Paulo, São Sebastião, Caraguatatuba, Ubatuba, Guarujá, São Vicente, Cubatão, além dos ilhabelenses. O vento frio e céu fechado não desanimou os competidores que, junto com visitantes, trataram de se aquecer e cair no mar.
As Provas de Melhor e Menor Idade contaram com a presença da nadadora mais velha do grupo, Dona Cleusa Santana dos Santos de 69 anos e a mais nova, Cintia Maraes Graciano de Meneses, 9, além de Samanta Angelo e Sohan Bello e Silva de 10 anos, Suryah S. R. Silva de 11 anos, Fabrício Carlos da Silva, 13 anos e Amanda Arruda de Aquino Tubís Martins de 15 anos.
Os atletas de Ilhabela fizeram bonito na V Etapa de Maratonas Aquáticas ficando com as primeiras colocações em quase todas as categorias.
Classificação final da etapa:
Categoria A masculino - 1º Erick Luiz, 2º Valdemir Filho, 3º Ismael H. S. Junior
Categoria A feminino – 1º Samanta Angelo, 2º Suryah S. R. Silva
Categoria B masculino – 1º Eros Santiago Pinna, 2º Adailton dos Santos, 3º João Paulo Silva, 4º Samuel Vaz Taveres
Categoria B feminino – 1º Satya Capisano
Categoria C masculino – 1º Alain Briatte Mantchev, 2º Erico de Oliveira Vieira
Categoria D feminino – 1º Patrícia Ribeiro Augusto, 2º Monica Gomes
Categoria E masculino – 1º Adilson M. J. Oliveira, 2º Acácio Borges
Categoria F feminino – 1º Beatriz Schlegel Bello
Categoria H masculino – 1º Manoel de Carvalho
Categoria I masculino – 1º Mario Bello
Categoria I feminino – Iraídes Santana
Colaboraram para esta maratona: Bar Pescador, Padaria Show Pão, Auto Viação e Turismo Ilhabela, Bar Marola, Centro Náutico, Rotary Club de Ilhabela, Colonial Dive, Restaurante Viana, Supermercado Frade, 17º GB, Pousada Villa da Prainha Flats e Banco Banespa de Ilhabela. (Fonte: PMI)

O verdadeiro objetivo da Maratona
Atrás de competições e medalhas existe um grande filosofia

Ilhabela - A maratona não visa apenas a competição esportiva onde os mais preparados fisicamente, os mais jovens e os mais fortes saem vencedores. A convivência, a troca de conhecimentos, o esforço de cada um e interação entre crianças, jovens, homens e mulheres é a verdadeira vitória dos participantes. A soma de atividades em conjunto é o maior objetivo e não apenas o primeiro colocado, que também tem seu mérito pelo seu trabalho, esforço e capacidade.
A sociabilização é um fator importante para o ser humano, comprovado cientificamente, por isso esta filosofia de integrar as pessoas e o esporte em ambiente natural e belo vem ganhando força e acontecendo cada vez mais pelo mundo. E Ilhabela não poderia ficar para trás cerrando fileiras nesse ideal que é “Ludis Jungit” (União das pessoas através do esporte) e “Fair Play” (Jogo Justo) tem despertado interesse cada vez maior por parte dos nadadores que a cada prova trazem amigos e colegas de clube.
Este ideal esta sendo realidade porque as “forças vivas” de Ilhabela estão unidas e colaboram de maneira decisiva para que, em parceria com a Diretoria de Esportes, coloquem a disposição do povo a prática da natação. (Fonte: PMI)

Ilhabela realiza pré-triagem em crianças

Ilhabela - A Secretaria de Educação da Prefeitura de Ilhabela, realizou com alunos da 2ª série do ensino fundamental, uma pré-triagem auditiva dentro do Programa "Quem ouve bem, aprende melhor". A pré-triagem foi realizada pela fonoaudióloga Flávia Carneiro em 15 escolas do município, sendo cinco delas em comunidades isoladas. Os alunos que apresentaram falhas auditivas vão passar por um médico especialista, além de fazer um exame fonoaudiológico completo. As crianças que necessitarem, vão receber aparelhos auditivos. (Fonte: ValeParaibano)

Prefeitura derruba quatro imóveis em loteamento ilegal

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião demoliu no último final-de-semana quatro imóveis em construção em um loteamento irregular em Maresias, costa sul do município. Uma pessoa foi detida no local.
Segundo o diretor do Meio Ambiente da prefeitura, Nivaldo Simões, foram demolidas duas casas inacabadas e dois barracos.
Desde o início do ano passado, a prefeitura já demoliu cerca de 250 obras irregulares. A operação de fiscalização na cidade é feita em conjunto com as polícias Militar e Ambiental.
Simões disse que a área, de aproximadamente 4.500 metros quadrados, é considerada uma APP (Área de Proteção Permanente) e apresenta risco de inundação, devido à um córrego que corta o terreno.
Segundo ele, não há possibilidade nenhuma de regularizar o terreno para que seja feita alguma construção no local.
As casas estavam sendo erguidas em lotes de cerca de 90 metros quadrados cada um e tinham aproximadamente 40 metros quadrados de área construída.
Simões afirmou que os fiscais já estavam observando o loteamento irregular desde o dia 17 de junho, quando receberam uma denúncia. A prefeitura apreendeu na área 15 metros cúbicos de brita, areia e tijolos.
A Polícia Militar deteve no local João Brás, acusado de comprar e vender os lotes. José Luiz da Silva é acusado de invadir o terreno para dividi-lo em lotes e está foragido.
O proprietário da área, Sérgio Kelman, afirmou à prefeitura que não autorizou nenhuma obra em seu terreno e que também foi surpreendido com a invasão. Segundo a prefeitura, Kelman disse que o terreno está avaliado em R$ 410 mil. (Fonte: ValeParaibano)

Pintura de faixas de pedestre atrapalha trânsito em véspera de feriado

São Sebastião - O Departamento de Tráfego (Detraf) da prefeitura atrapalhou ontem, por cerca de duas horas, o trânsito da avenida Walkir Vergani, em Boiçucanga, enquanto uma equipe pintava faixas de pedestre.
O morador Maurício Waissman disse ter ficado espantado com a escolha do dia e horário para a execução do serviço. “Parece até de propósito parar o trânsito em véspera de feriado, das 10h ao meio dia.
Dá a impressão que escolheram a dedo o dia e o horário”, disse.
Segundo Maurício, o nesse horário o tráfego era intenso, típico de véspera de feriado. “Muitos ônibus, carros de turistas, barcos na rua. Ficou muito complicado. Não é um tipo de serviço urgente, como um buraco na pista que precisa ser consertado. Poderiam ter deixado isso para depois”, disse.
O diretor do Detraf, Carlos Eduardo da Costa Carvalho, disse que “havia um clamor da população para que o serviço fosse feito para o feriado”. Ele disse que a data foi escolhida porque o Detraf julgou o feriado como sendo fraco, com pouco movimento de veículos.
“Que eu saiba, não houve lentidão ou nenhum tipo de problema. Temos um corpo de agentes de plantão, que pararia o trabalho se houvesse muito trânsito. Se tivesse acontecido algum problema, eu teria sido comunicado por esses agentes”, explicou. (Fonte: Imprensa Livre)

Em uma semana, mais um assassinato no Jaraguá

São Sebastião - Os registros de criminalidade nos bairros do Jaraguá, Enseada e Canto do Mar, na Costa Norte, têm aumentado nas últimas semanas. O mais grave foi aconteceu no mês passado quando dois passageiros de um ônibus da Autovias foram mortos
Neste domingo, mais um caso de homicídio eleva a estatística. José Augusto Martins foi assassinado no bairro do Jaraguá por volta das 20h30.
A vítima, que aparentava ter entre 25 e 30 anos, foi atingida pelas costas com vários tiros e foi encontrada na avenida Dario Leite Carrijo. Apesar disso, a polícia acredita que ele tenha sofrido os disparos em outro local, mas conseguiu chegar até o terreno de uma casa abandonada.
A polícia também aprendeu junto à vítima, um vídeo cassete, que segundo moradores pode ter sido o motivo da morte. Algumas moradores disseram à polícia que José Augusto havia comprado recentemente o aparelho, mas insatisfeito com o produto queria devolvê-lo. Como o vendedor não estava disposto a desfazer o negócio, os dois estavam brigando constantemente.
Canto do Mar - Ainda no final de semana foi registrada uma tentativa de homicídio no Canto do Mar. Cosme João da Cruz Santana, 36 anos, levou quatro disparos de arma de fogo próximo ao Posto Paúba. A vítima foi levada ao pronto-socorro Central, onde foi medicado e passa bem. (Fonte: Imprensa Livre)

UNITAU inicia projeto de urbanização da Vila Tropicanga

São Sebastião - O Departamento de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Taubaté (Unitau), iniciou ontem, através de seu Núcleo de Habitação e Desenvolvimento Urbano (NHDU), um projeto que visa urbanizar a área da Vila Tropicanga, em Boiçucanga. O projeto é financiado pela Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo).
A primeira fase do projeto será realizada durante esta semana, e consiste em uma pesquisa sócio-econômica dos moradores da área, com ênfase na questão fundiária. João Carlos Correia, professor que coordena o grupo, formado por alunos de graduação do curso de Arquitetura e Urbanismo, disse que a primeira fase traçará um perfil da comunidade da Tropicanga, e extrairá subsídios para a segunda fase.
A segunda fase inclui a medição da área, a elaboração das plantas das casas existentes e as indicações de como adequá-las para a regularização. Segundo João Carlos, o grupo entrará em contato com o Ministério Público para verificar a situação do embargo, e o que poderá ser feito para regularizar as casas que estão abaixo da cota 100 e fora de área de risco. “As casas acima da cota 100, onde começa o Parque Estadual da Serra do Mar, e as casas em área de risco terão de ser removidas”, disse João Carlos. Ele disse que também entrará em contato com a prefeitura para acompanhar o andamento das casas populares que serão feitas com verba da CDHU (Companhia de
Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo). De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura, a CDHU destinou R$ 4,8 milhões para o município, que construirá 48 casas populares na área da Tropicanga.
A fase de pesquisa irá detectar os principais problemas das moradias, como as ligações irregulares de energia e água, a destinação do esgoto e a localização em área com risco de desabamento. “Todo mundo quer viver, e ter água, luz, e um endereço é fundamental para que se viva. Para muitos aqui, ver a prefeitura lançando o IPTU de suas casas é uma vitória, é sentir-se cidadão”, disse João Carlos.
Os moradores presentes à reunião feita com a equipe da Unitau, no domingo, disseram se sentir abandonados pelo poder público. Eles irão ajudar a equipe da Unitau na fase de pesquisa, acompanhando os estudantes que aplicarão os questionários. A Associação de Moradores da Tropicanga ( Amotrop), também receberá apoio do Departamento Jurídico da Unitau, para a regularização do estatuto e do funcionamento legal da entidade.
João Carlos também coordenou o grupo que fez o primeiro projeto da Praça do Por do Sol, que está em fase de construção. (Fonte: Imprensa Livre)

Conseg 2º DP recebe doação de equipamentos para Polícia Civil

São Sebastião - O Conseg (Conselho de Segurança) 2º DP recebeu, na reunião de sexta-feira, a doação de um computador e uma impressora, que serão usados pela Polícia Civil. A doação foi feita pelo Juquehy Praia Hotel.
De acordo com a presidente da entidade, Éder Ávila Castanha Monteiro, o 2º Distrito Policial está mal equipado. “Estamos tentando conseguir, através das sociedades amigos de bairro, a doação de equipamentos e móveis. Precisamos de mais três computadores, e móveis como cadeiras e mesas de escritório”, disse. Éder esclarece que os equipamentos doados pertencerão ao Conseg, que cederá o uso à Polícia Civil, no 2º DP.
A presidente disse ainda que os participantes da reunião, que aconteceu em Juquehy, disseram ter sentido melhora na questão de segurança pública com a chegada de reforço policial. “Todos concordaram que já há uma melhora. Agora que já pedimos muito, cobramos muito, queremos colaborar, conseguindo esses equipamentos para o uso da polícia”, disse Éder.
Estiveram presentes à reunião o coronel Rui Nogueira, da Assessoria de Assuntos da Defesa Civil e Proteção ao Cidadão, e o tenente Igor Klein, do Corpo de Bombeiros (Salvamar Paulista), que fizeram exposição de seus trabalhos.
Ela também anunciou que o Conseg irá promover um baile, com show de Ítalo Nascimento, para arrecadação de fundos, no próximo dia 24, em Boiçucanga. “A prefeitura irá patrocinar o show e os equipamentos, e o vereador Wagner Teixeira cedeu sua casa noturna, a Tribus, para realizarmos a festa”, explicou. A mesa para quatro pessoas no baile custará 40 reais. (Fonte: Imprensa Livre)

Setec inaugura obra e homenageia os 100 anos do Colégio Henrique Botelho

São Sebastião - A Secretaria de Esporte, Turismo e Cultura (Setec) da Prefeitura de São Sebastião, entregou ontem, dia 7, a última fase do restauro do prédio onde funcionava o Grupo Escolar Henrique Botelho e que hoje se encontram as instalações da Setec.
O local, onde funcionou a primeira escola pública de São Sebastião, volta às suas origens após passar, num período de 14 meses, por várias fases de restauros. Nesta última, houve a troca do piso de lajota fria por assoalho de madeira, ao mesmo estilo do ano de 1902, quando a escola foi inaugurada.
Numa noite saudosista, ex-professores, ex-alunos e convidados relembraram a época do colégio nas diversas apresentações como a do Coral Municipal "Mestro Sinésio Pinheiro", que interpretou músicas de épocas que marcaram a vida de muitos daqueles que fizeram parte da família escolar do Henrique Botelho. Uma escola que, nos seus 100 anos de existência, formou várias gerações de cidadãos caiçaras e que agora, passa por um processo de resgate e valorização da cultura deste povo.
A apresentação dos alunos das Oficinas Culturais e das crianças do Projeto Cidadão Criança, que encenaram a cerimônia diária que antecipava a entrada dos alunos nas salas de aula, ao som da música "o Colibri", canção entoada entre as décadas de 50 e 60, também trouxeram à memória dos presentes uma rotina que eles conheceram muito bem.
Para o secretário de Esportes, Turismo e Cultura, José Cardim de Souza, o projeto faz parte de uma política da administração municipal, que consiste na recuperação e restauro dos patrimônios que compõem o município, como este construído no século XIX. "Quando nós assumimos esta secretaria, havia uma desorganização na estrutura e composição das oficinas culturais, onde as atividades desenvolvidas pela prefeitura se misturavam num mesmo espaço, sem qualquer distinção. Por isso, nós decidimos, com a autorização do prefeito Paulo Julião, buscar a revalorização deste patrimônio histórico", explicou Cardim.
Desta forma, segundo o secretário, está sendo realizado um trabalho de resgate de um prédio que, por 70 anos, fez a evolução da educação no município.
Paulo Julião disse aos presentes sobre o processo de municipalização do ensino, que vem sendo realizado nas escolas, atingindo 100% de abrangência para os níveis de 1ª a 4ª séries e de 50% entre as 5ª e 8ª séries. "É um trabalho sério que realizamos e, mesmo com os problemas devido a esse processo de transição, estamos mostrando que podemos assumir esta responsabilidade", citou Julião.
Para ele, o resgate da história e da cultura do município estão além de interesses pessoais e partidários. "A história do Henrique Botelho somos todos nós, um local onde mais do que o ensino do "bê-a-bá", é o responsável pela formação do cidadão, do nosso futuro", completou o prefeito, destacando que a idéia do restauro do prédio teve início na sua última gestão, entre os anos de 89 e 92.
A programação foi encerrada com a apresentação do maestro e saxofonista Almir Clemente.

O Restauro - Em dezembro do ano passado, o prédio da Setec foi entregue à população com parte das suas origens resgatadas, trazendo as características encontradas em documentos como fotografias e no contexto histórico do município, da época de 1902.
Dentre as alterações mais marcantes está a troca das janelas – antes de madeira em estilo guilhotina – para estrutura de ferro, mais propícia para uma escola. Também, as dezenas de portas, em forma de arcos ao redor do prédio, foram fechadas e, em alguns lugares, substituídas por "janelões".
Situado em frente ao Canal de São Sebastião, o prédio também abrigou, há cerca de 200 anos, um grande mercadão, que com o passar tempo sofreu muitas alterações em sua arquitetura original.
Para a realização do trabalho, foram feitos estudos pelo Departamento de Patrimônio Histórico, que foram levados à apreciação do Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arquitetônico e Turístico do Estado de São Paulo).
Para o desenvolvimento das atividades culturais, quatro imóveis foram alugados, permitindo que o prédio voltasse a ter a sua característica e, desta forma, receber moradores e turistas em situações diversas, como exposições, saraus (apresentação de música e poesia), lançamentos culturais, dentre outros eventos. Estas atividades atraíram ao local, no período de um ano, cerca de 40 mil pessoas (que constam no livro de registro).
"Não há um turista que não fique admirado ao entrar neste prédio. Todos se encantam", diz o secretário Cardim, destacando que a importância do espaço vai além da técnica da construção, já que faz parte da história de uma comunidade, que por muitas gerações viveu a sua infância e adolescência escolar num período de 70 anos.

Arquitetura - O estilo neoclássico do prédio marca a chegada da família real ao Brasil, em 1808, quando trouxe consigo a "Missão Francesa", grupo de artistas e arquitetos. Nas pequenas cidades, fez o que se pode, tentando acompanhar a moda dos grandes centros. A antiga sede do Grupo Escolar Henrique Botelho é um exemplo dessa situação.
Na construção do prédio foram utilizadas três técnicas construtivas: pedra e cal, alvenaria de tijolos e o pau-a-pique; com portas e janelas com voltadas para a rua, cobertura com três caídas, parede de empena ou "oitão", pé-direito alto e portas com bandeiras de vidro. (Fonte: PMSS)

Ecomuseu leva prefeito de São Sebastião à França

São Sebastião  - O prefeito de São Sebastião, Paulo Julião, e o secretário de Turismo, Esportes e Cultura, José Cardim de Souza, viajarão na próxima segunda-feira, dia 8, para Colmar, na região da Alsácia, oeste da França, onde a reconstrução de casas medievais forma um importante ecomuseu. A volta está prevista para o próximo dia 15.
Durante a viagem, o prefeito e demais acompanhantes irão realizar uma visita técnica (a convite da prefeitura) ao porto de Brest, na região da Bretanha, considerado um dos maiores do mundo, e utilizado tanto para pesca como para turismo e fins comerciais.
Em julho de 2001, o etnólogo e professor da Universidade de Brest, o francês Patrick Le Guierriec, acompanhado por Ariane Porto, do “Projeto São Sebastião Tem Alma”, apresentou ao prefeito uma proposta de transformar o tradicional bairro São Francisco, na região central, em um ecomuseu.
Segundo Le Guirriec, a idéia não é construir nada, mas explicar uma realidade que já existe. “O bairro São Francisco é perfeito para um museu porque não é preciso construir nada, já possui a população, construções e o saber tradicional”, explica.
Esse projeto, que também é conhecido como Centro de Interpretação da Realidade, prevê a restauração dos casarões como forma de recuperar o patrimônio histórico, ambiental e cultural do local. “O Brasil está atravessando um momento especial que confronta tradição e modernidade. Um país que não tem passado, não tem raízes, não tem futuro”, disse Le Guirriec.
Antes de dar andamento ao projeto, que além de resgatar e valorizar a cultura caiçara, irá transformar o bairro em um ponto turismo, o prefeito Paulo Julião decidiu conhecer a proposta na prática.
“O potencial econômico de São Sebastião está no incremento ao turismo, com ruas estreitas e casas singelas”, explica Julião. Segundo ele, “o bairro de São Francisco abriga o prédio mais antigo da cidade - o Convento de Nossa Senhora do Amparo , que foi construído em 1684, e também a maior colônia de pescadores, por isso acredito que seja o lugar perfeito para um ecomuseu”, completou o prefeito de São Sebastião. (Fonte: PMSS)

São Sebastião ganha primeira medalha de ouro

São Sebastião - São Sebastião está em 5º lugar no ranking de medalhas dos 46º Jogos Regionais, com 1 ouro, 4 pratas e 3 bronzes. O resultado parcial corresponde aos três primeiros dias da competição.
Até o momento, o município está à frente das outras cidades do Litoral Norte, com 32 pontos. Ubatuba, aparece em 2º lugar, com 9 pontos; Caraguatatuba soma 4 pontos e Ilhabela ainda não pontuou.
O campeonato é marcado pela supremacia de São José dos Campos, Suzano e Mogi das Cruzes em quase todas as modalidades. Os três ocupam os primeiros lugares, com 75, 63 e 51 pontos, respectivamente.
São José dispara na frente com 37 medalhas de ouro, 18 de prata e 9 de bronze. Enquanto isso, Pindamonhangaba corre por fora e está em 4º lugar no ranking, com 39 pontos.
"Por enquanto estamos em 5º lugar, mas ainda temos chance de melhorar nossa colocação porque só agora começam as disputas nos esportes coletivos", afirmou o diretor de esportes de São Sebastião, Francisco Neto de Oliveira. (Fonte: PMSS)

Catarinense é zebra no SuperSurf de Ubatuba

Ubatuba - O surfista Andreas Eduardo, de Santa Catarina, foi a grande surpresa na final da etapa de Itamambuca, em Ubatuba, do SuperSurf 2002. Derrotando o paranaense Maicon Rosa por apenas 10 pontos (1.800 a 1790), Andreas comemorou seu primeiro título no campeonato. "Pedi a Deus por boas ondas e elas vieram. O pessoal sempre teve respeito por mim, porque tenho um surfe agressivo. Só faltava conseguir um resultado como esse", disse o campeão. Antes deste domingo, o melhor resultado deste surfista de 24 anos havia sido um nono lugar, em 2000. A próxima etapa do SuperSurf será entre 31 de julho e 4 de agosto, em Saquarema-RJ. (Fonte: ValeParaibano)

Carta do Leitor

De Volta ao Futuro - Ao final da tarde desta segunda-feira, 8/7/02, em Maresias, foi realizada uma palestra a respeito do lixo que produzimos. O encontro destinava-se a orientar os funcionários do comércio daquele bairro, responder às suas dúvidas e ouvir o que teriam a dizer. Além dos funcionários, estiveram presentes alguns empresários do setor de recepção e entretenimento aos turistas e pessoas interessadas no tema, algumas já desenvolvendo pequenos projetos de responsabilidade ambiental, como a reciclagem de papel.
Poderia ter sido mais uma entre outras tantas feitas e por fazer, mas, fugindo ao padrão, assistimos uma exposição de hábitos, velhos hábitos, que devemos retomar em defesa da modernidade; voltar ao passado para garantir o futuro!
O dilema resulta em como reagir às imposições do mercado, seja o da esquina, que o leitor certamente freqüenta, ou aquele outro, que embala produtos e remete às prateleiras. Como podem perceber, nessa história de embalagens, mais embalagens, modernas embalagens, acabamos empacotados. Tudo em nome da praticidade, do merchandising, do appeal comercial, da conservação do produto, da acomodação nas gôndolas, nas estantes, nos armários etc.
Como se nota, os magos do mercado pensam em tudo, sua imaginação vai à ponta, até você. Infelizmente não são perfeitos, esqueceram-se da outra ponta. Pois é essa outra ponta, a do descarte, que tem mobilizado a sociedade em busca de soluções. Criamos materiais tão resistentes para embalar nossos produtos que somente o tempo saberá o que fazer deles. Não há tecnologia disponível capaz de desfazer o imbróglio.
Perdemos a batalha, fomos envolvidos pelo adversário? Não! Por uma razão muito simples: o mercado não costuma contrariar o cliente, não é insensível a tal ponto. Temos a prerrogativa de mudar o mercado, mudando nosso comportamento. Esse foi o extrato da palestra, que tratou também da separação, limpeza e reutilização de materiais recicláveis. Nos próximos dias, Maresias dará início a um novo trabalho de conscientização ambiental, em seqüência aos outros tantos postos em prática no bairro. A proposta é despertar nas pessoas a possibilidade real de redução do lixo.
Se o prezado leitor quiser entrar nessa, a receita é muito simples: da próxima vez que for às compras, não se deixe embrulhar, leve sua própria embalagem!
Atenciosamente,

Vitório Manoel Moreira Papini.
Boiçucanga, São Sebastião, SP

 


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão:
Clique Aqui.


Free Wallpaper Chalés Gaivota

As notícias e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando nescessariamente a opinião deste informativo.


Receba as notícias via e-mail:

Quero receber o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:
Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Leia também as colunas:

Pense a respeito...
Para Refletir
Twister
Para Refletir
Para Refletir
Opinião


Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor