Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 15 de março de 2002 - Nº 491 Edições Anteriores
BIL - Bolsa de Imóveis do Litoral Modulo

Busca por palavras no Litoral Virtual:

Principais Manchetes:

Polícia acha notas falsas em duas cidades
Píers incrementam turismo e geram empregos no Litoral
Mostra de Arte Conteporânea em Ilhabela
São Sebastião lança roteiro cultural no domingo
Câmara rejeita pedido de informações ao gerente do porto
Vereador questiona associação de estudantes técnicos e universitários
Ubatuba presente no Congresso Estadual de Municípios
Fundart: Paixão de Cristo com mais emoção
Cursos da Fundart começam 2ª feira
Sábado tem Folia do Divino
Mais 8 salas de aula para o Ipiranguinha
Circuito Ubatuba de Águas Abertas começa neste domingo
Projeto Cidadão divulga cursos para 2002
Mais crédito aprovados no Banco do Povo
Surfistas de Ubatuba confirmados no Hang Loose no Guarujá
Ubatuba promove Cidadania e Turismo na rede municipal de ensino



Polícia acha notas falsas em duas cidades

Ilhabela - A Polícia Civil de Ilhabela prendeu anteontem A.G., 30 anos, acusado de passar notas falsas no comércio local. Com ele, foram encontrados R$ 880 em notas de R$ 10. Todas eram falsas. A prisão ocorreu depois que G. entregou uma nota em um posto de combustível. O delegado Eliel Rizziolli disse que o acusado já tem antecedentes. Em Cruzeiro, a polícia também apreendeu ontem R$ 1.620 em notas falsas de R$ 10. Segundo o delegado José Antônio de Paiva Gonçalves, o dinheiro estava com o comerciante Valmir de Jesus Meireles, 28 anos. A penalidade para o crime varia de 3 a 12 anos de prisão e multa. (Fonte: ValeParaibano)

Píers incrementam turismo e geram empregos no Litoral

São Sebastião - Para incentivar o turismo náutico na região e aumentar a geração de empregos, as prefeituras do Litoral Norte estão investindo na implantação de píers flutuantes na costa. O primeiro deles, em São Sebastião, será entregue neste domingo.
A prefeitura está investindo R$ 240 mil para implantar três píers no centro e na costa norte. A principal novidade é o píer flutuante da rua da praia, que entra 70 metros no mar.
Essa estrutura poderá ser usada como apoio para embarcações pesqueiras e de lazer, que hoje utilizam uma estrutura particular localizada na balsa ou píers artesanais, como o que está em funcionamento no bairro São Francisco, reduto de pescadores, que também vai ganhar um atracadouro flutuante no próximo mês.
Na avaliação do prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB), com essa nova estrutura, haverá um incremento maior nesses atracadouros e a tendência é aumentar o movimento e a geração de emprego.
As duas estruturas custaram R$ 140 mil.
MARINA - Em Ubatuba, a Comtur (Companhia Municipal de Turismo) elabora um projeto para a implantação de um píer e uma marina flutuante no cais do Itaguá. O presidente da empresa, Luiz Bischof, disse que a verba para isso será pleiteada junto ao DADE (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias), órgão da Secretaria de Turismo. (Fonte: ValeParaibano)

Mostra de Arte Conteporânea em Ilhabela

Ilhabela - Acontecerá em Ilhabela de 15 a 31 de março de 2002 a Mostra de Arte Contemporânea, com a participação de vários artistas de renome. A vernissage de abertura será no dia 15 às 21:30 horas no Espaço Cultural 'Pés no chão" - Rua da Cocaia,720 - Ilhabela - (12) 3896. 6727.

São Sebastião lança roteiro cultural no domingo

São Sebastião - O município de São Sebastião ganhará no domingo, dia 17, uma nova atração turística. O roteiro cultural vai desencadear a história de um povo, calada por tantos anos, a beleza esculpida em seus prédios - datados dos séculos XVIII, XIX e a cultura dessa cidade, descoberta em 1502.
A história de São Sebastião começou em 20 de janeiro de 1502, quando a esquadra do navegador italiano Américo Vespúcio, que estava a serviço da coroa Portuguesa, em uma expedição de exploração, passou pelo canal de São Sebastião e - como João Batista - batizou a terra com o nome do santo do dia, “São Sebastião”.
Depois de se tornar uma vila, em 16 de março 1636, São Sebastião continuou crescendo e foi elevada à categoria de cidade, em 1875. Além da intensa atividade portuária, o desenvolvimento econômico foi baseado nas culturas de cana de açúcar, café, fumo e pesca de baleia. Por volta de 1850, a região possuía 106 fazendas e uma população estimada em 4 500 pessoas, sendo 2000 delas escravas.
O que restou dessa época e alguns marcos culturais contemporâneos, como o arrojado Teatro Municipal inaugurado em setembro do ano passado hoje poderá ser mais conhecido por turistas, veranistas e, também, pelos moradores.
Dois microônibus farão o transporte durante o percurso do roteiro, que inclui o Centro Histórico e uma ida à Fazenda Santana, no bairro Pontal da Cruz. Construída em 1743, a Fazenda era o de engenho de açúcar. Construído em pedra e taipa, o sobrado ainda abriga a residência da família. No local ainda há a Capela e um Engenho. E o passeio continuará em direção ao Convento de Nossa Senhora do Amparo - prédio mais antigo da cidade, localizado à beira mar, no bairro de São Francisco.
O Sítio Arqueológico, com mais de 200 anos de história, com ruínas de uma enorme e rica fazenda de escravos, também está incluído no trajeto. Localizado a 260 metros de altura, o sítio possui uma vista magnífica do bairro São Francisco e do Canal de São Sebastião.
O Centro Histórico abriga sete quarteirões tombados pelo Condephaat – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico Artístico e Arquitetônico do Estado de São Paulo e inclui obras como a Capela São Gonçalo, a Igreja Matriz, o antigo prédio do Colégio Henrique Botelho, onde hoje funciona a Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura.
Com saída da Setec, o roteiro passará pela Casa Esperança, antigo Hotel São Paulo, Teatro Municipal, Casa de Câmara e Cadeia, Casa Dória, Câmara Municipal, Igreja Matriz, Arquivo Histórico, Capela São Gonçalo, Antigo Hotel Indaiá, Fazenda Santana, Rua do Fogo (Entrada do Bairro São Francisco), Praça dos Pescadores, Convento Nossa Senhora do Amparo, Espaço Cultural e Sítio Arqueológico.
O tempo previsto para percurso é de duas horas e, para os adeptos da caminhada leve, de quatro horas, com passagem pelo Sítio Arqueológico.
O lançamento oficial do roteiro será às 16h30, na Rua da Praia – Centro de São Sebastião. Folhetos explicativos das atrações incluídas no roteiro serão distribuídos em pontos comerciais da cidade, restaurantes turísticos e em toda a rede hoteleira espalhadas pelos mais de 100 quilômetros de praias de São Sebastião.
Os interessados em agendar saídas para o roteiro devem ligar para o Centro de Informações Turísticas pelo telefone (12) 4521808 e 4522620. (Fonte: PMSS)

Câmara rejeita pedido de informações ao gerente do porto

São Sebastião - A Câmara Municipal de São Sebastião rejeitou por maioria de votos, 7 a 6, o requerimento 069/02, de autoria do vereador Edvaldo Amarante Reimberg (PPS), que solicitava informações ao gerente do porto de São Sebastião.
No documento, Reimberg indaga se a área de transbordo de lixo, utilizado pela firma ENOB AMBIENTAL LTDA., possui autorização da gerência para realizar o serviço e se a direção do porto recebe aluguel da empresa em relação a área.
O vereador Marquinho Souza (PSDB) adiantou que seria contrário ao documento porque, de acordo com ele, algo nesse sentido já existe na Prefeitura. “Duplicar a informação é perseguir demais a administração”, acredita.
Foram contrários ao requerimento os parlamentares Marquinho Souza, Marcos Aurélio Leopoldino (PSDB), Marcos Fuli (PFL), Joel Manoel de Mattos (PPB), Carlos Antônio de Souza Borba (PMDB), João Barreto (PRP) e Dalton José da Silva (PRP).
O vereador Zezinho da Piscina (PSB) faltou a sessão. (Fonte: Câmara Municial de São Sebastião)

Vereador questiona associação de estudantes técnicos e universitários

São Sebastião - A Câmara Municipal aprovou por unanimidade de votos o requerimento 070/02, de autoria do vereador Capitão Mota (PDT), que solicita informações a Associação dos Estudantes Técnicos e Universitários (AETU) sobre a falta de passes escolares, entre outras questões.
Segundo ele, o documento foi apresentado mais pela formalidade e com o objetivo de obter outras indagações, uma vez que boa parte do requerimento já havia sido respondido durante encontro realizado dia 11, nas dependências da Câmara, com representantes da AETU.
No entanto, ele declarou que há inúmeras reclamações por parte dos pais dos alunos em relação a secretaria municipal de educação quanto a falta de explicações sobre a lista de espera, por exemplo.
De acordo com ele, um projeto de lei contendo novidades e benfeitorias será apresentado na próxima sessão ordinária, 18, contemplando a categoria. “O aumento da verba vai eliminar a fila de espera”, garante. Mota disse que a quantia a ser repassada pela Prefeitura será na ordem de R$100mil, mas que, em conformidade com a lei, seria em torno de R$200mil.
Dentre os questionamentos, Mota quer saber qual o valor da verba oriunda da Prefeitura; quanto gasta com os alunos residentes no local do estabelecimento de ensino e qual a quantidade de reembolso de passagens e passes. Além disso, o vereador pergunta se a AETU tem despesas com aluguel de prédio, água, luz, telefone, pagamento de funcionários (neste caso, relacionando os servidores com respectivos salários); se a presidência e diretoria recebem algum salário e quanto; qual o número de estudantes beneficiados com o repasse da verba, discriminando nomes e quantidade de passes; se existe lista de espera e qual o valor necessário para atender a todos.
Os vereadores Aldo Pedro Conelian Júnior (PV) e Wagner Teixeira de Oliveira (PV) informaram que haviam elaborado uma proposta de forma a atender os estudantes não habilitados - aqueles que não estavam contemplados - , mas que a AETU, em parceria com a Secretaria da Educação, tinham redirecionado o conteúdo de forma mais abrangente, o que agradou a todos os parlamentares que participaram do diálogo realizado no dia 11.
Para Marquinho Souza (PSDB) está na hora de todos refletirem sobre o benefício concedido pela administração municipal porque a cada ano que passa o número de estudantes aumenta, tendo como conseqüência o aumento da verba. “Até quando o município vai arcar com esta despesa?”, pergunta. Segundo ele, a pretensão não é acabar com o convênio, mas trabalhar de forma com que uma faculdade possa ser implantada na cidade. “Poderíamos lançar um movimento pró-universidade no município”, sugere.
O mesmo pensamento tem o vereador Marcos Aurélio Leopoldino (PSDB). “Há muitas pessoas que estão estudando fora e passam por dificuldades financeiras”.
O parlamentar Aldo também acredita que seria interessante e importante a cidade ter uma faculdade contendo cursos, como por exemplo, de oceanografia e engenharia náutica. “Infelizmente o benefício concedido não pode ser a todos. É preciso dar prioridade para os que moram no município”, salienta.
Para o vereador Joel Manoel de Mattos (PPB), fica difícil acreditar que uma cidade com quase 366 anos de emancipação político-administrativa não tenha, ainda, uma faculdade ou uma instituição de nível técnico. “Não dá para continuar do jeito que está”, disse.
Na opinião do parlamentar Benedito Amâncio dos Santos (PPS) as autoridades precisam proporcionar condições para que as pessoas possam estudar e melhorar sua situação de vida. (Fonte: Câmara Municial de São Sebastião)

Ubatuba presente no Congresso Estadual de Municípios

Ubatuba - O prefeito de Ubatuba, Paulo Ramos (PFL), estará participando de 18 a 23 de março do 46º Congresso Estadual de Municípios, em Serra Negra. O Congresso é uma realização da Associação Paulista de Municípios. Entre os temas que serão abordados estão as novas receitas para os municípios, o estatuto da cidade e sua função social, educação, modernização da administração tributária, saúde, reforma tributária, precatórios, meio ambiente e Lei de Responsabilidade Fiscal.
Na segunda-feira 18 o prefeito Paulo Ramos estará atendendo ao público normalmente, já que viaja para Serra Negra à noite. (Fonte: ACS-PMU)

FUNDART: Paixão de Cristo com mais emoção

Ubatuba - A encenação da Paixão de Cristo no próximo dia 29 de março, sexta-feira Santa, promovida pela Fundart, com apoio da Prefeitura, poderá ter como novidade a narração de toda a peça ao vivo e não gravada como nos anos anteriores.” Com isso, o espetáculo ganharia a dimensão de uma grande peça teatral, com atuação mais viva dos atores, tornando a peça mais envolvente” afirma Evaldo Todão, o “Bado” que representa o papel de Cristo e dirige o espetáculo há 11 anos. Silvia Helena Thomas Issa, presidente da Fundart diz que a Encenação da Paixão, que retornou o ano passado após dois anos de interrupção, é uma festa aguardada com muita ansiedade pelo povo, principalmente pela comunidade religiosa, além de ser considerada uma forte atração turística. “Apesar de todas as dificuldades, vamos reeditar a Encenação com recursos técnicos mais criativos, principalmente na ressurreição, o ponto mais emocionante do espetáculo” afirma a Presidente.
O roteiro - A encenação tem início às 21 horas, na Praça Capricórnio, em frente ao Aeroporto, onde serão montados os palcos para as cenas do nascimento de Cristo até a condenação por Pilatos. Em seguida, vem a representação da Via Crucis pela Praia de Iperoig com o enforcamento e malhação de Judas; as quedas de Cristo e a consolação das mulheres, o encontro com Simão Cirineu, que presta ajuda e o canto de Verônica mostrando o rosto de Cristo estampado em sangue. Os atos finais são a crucificação e a ressurreição no Morro da Prainha, cercados de efeitos especiais e queima de fogos. É a atração que reúne o maior público da cidade. Entre elenco de apoio e figuração do Grupo “Bambu de Vez”, todos participantes, não atores da comunidade ubatubense, calcula-se 200 a 250 pessoas envolvidas na peça. A primeira representação em 1991 contava com 30 figurantes.
Os interessados em participar do elenco como figurantes deverão procurar a sede da Fundart, no Sobradão do Porto ou informar-se por meio do telefone 3833.7000 ramal 24. (Fonte: Fundart)

Cursos da Fundart começam 2ª feira

Ubatuba - As aulas dos cursos da Fundart terão início nesta Segunda-feira, dia 18 com as seguintes modalidades: balé, cerâmica, entalhe, desenho e pintura, piano, teclado, violão, coral infanto-juvenil, alongamento, desenho, teatro, capoeira, aquarela, tai chi chuan, histórias que a dança conta, pintura em tecido, tricô e crochê. As informações complementares poderão ser obtidas na sede da Fundart ou por meio do telefone 3833.7000 ramal 30. (Fonte: Fundart)

Sábado tem Folia do Divino

Ubatuba - A primeira apresentação da Folia do Divino deste ano será no bairro da Fazenda da Caixa, sábado, dia 16, logo após a missa na Igreja Matriz, às 7:30h, para a benção da bandeira e dos seus integrantes. A comemoração acontece em nossa cidade desde 1866 com a folia percorrendo todas as capelas, da Tabatinga até o Camburi, revivendo uma das nossas mais legítimas tradições. A Folia é promovida pela Igreja Exaltação à Santa Cruz com apoio da Fundart que coloca seu pessoal e viatura à disposição dos organizadores para garantir o sucesso da folia. (Fonte: Fundart)

Mais 8 salas de aula para o Ipiranguinha

Ubatuba - No último dia 12, terça-feira, a Prefeitura fez a entrega da E.M. “Governador Mário Covas Jr”, no bairro do Ipiranguinha, com 8 salas de aula e 16 classes e que inicia com todas as 570 vagas ocupadas. Alguns ítens relativos a equipamentos escolares serão entregues nos próximos dias. “Trata-se de uma obra custeada integralmente pela Prefeitura e vai atender os estudantes do bairro e tranquilizar os pais que não ficar mais preocupados com os filhos que tinham que fazer a travessia da rodovia Oswaldo Cruz para estudar na escola Madre Glória”, disse o prefeito Paulo Ramos durante o ato que marcou o início das aulas. A escola, com 996 m2 de área coberta, com 6 banheiros, cozinha (a maior da rede com 40 m2), 3 almoxarifados, sala de professores e vestiário para merendeiras, custou cerca de R$ 256 mil. O secretário da Educação, Corsino Alizte Mesquita, ressaltou que a obra estava paralisada e finalmente a comunidade podia contar com uma escola dentro de padrões modernos. A diretora é a professora Marisa da Silva Toledo.
Aparecida de Fátima Ferreira, mineira de Itajubá, moradora do bairro e mãe de Vanessa de Paula Peixoto, de 6 anos, disse que a escola facilita a vida de todas as mães pela proximidade de suas casas. “Além disso contamos com uma merenda de primeira”, diz. Falou ainda da vinda de sua sobrinha Bruna, filha de sua irmã Luciana Ferreira, que transferiu-se da escola Madre Glória para o Ipiranguinha.
Micro para educação - Durante encontro de prefeitos em Tremembé , no último Sábado, o Governador do Estado, Geraldo Alkmin fez a entrega de um micro-ônibus com capacidade para 24 lugares destinado a Secretaria Municipal de Educação para transporte de alunos. As chaves do veículo foram entregues ao prefeito Paulo Ramos que estava acompanhado do secretário Corsino Alizte Mesquita. A secretaria conta agora com 4 micro-ônibus para atender aos alunos principalmente dos bairros mais distantes. PMU
Quadras cobertas - Cinco escolas da rede estadual receberão cobertura de suas quadras esportivas. A confirmação veio através da Secretaria Estadual de Educação em atendimento a solicitação do Prefeito Paulo Ramos desde o ano passado.
O custo da cobertura está estimado em R$ 40 mil por unidade melhorando as condições para as práticas esportivas, incluindo o período noturno. Os recursos serão repassados para as Associações de Pais e Mestres – APM e a Secretaria da Educação coloca-se à disposição para a emissão de cartas-convite e assessoria técnica. Serão atendidas as seguintes escolas: EEPG Professora Dionísia Bueno Veloso ; EEPG Professora Florentina Martins Sanches; EEPSG Cap. Deolindo de Oliveira; EEPG Aurelina Ferreira e EEPG Áurea Moreira Rachou. (Fonte: ACS-PMU)

Circuito Ubatuba de Águas Abertas começa neste domingo

Ubatuba - A secretaria de Esportes da Prefeitura de Ubatuba está com a infra-estrutura pronta para a 1ª prova do VI Circuito Ubatuba de Águas Abertas, que será disputada neste domingo, 17, na praia da Enseada. Segundo a organização do evento, mais de 200 pessoas devem se inscrever até o dia da competição.
A prova da praia da Enseada está divida em 24 categorias, computando a divisão entre atletas do sexo masculino e feminino. As crianças de 7 e 8 anos percorrerão 250 metros, assim como as de 9 e 10 anos. Os atletas de 11 e 12 anos competem em 500 metros enquanto os de 13 e 14 anos completam os mil metros. Nas faixas compreendidas entre 15 e 16, 17 e 18, de 19 aos 24, de 25 aos 30 e de 31 aos 39 anos, a disputa ocorre em 3 mil metros. Três categorias adultas estão inseridas em disputa de mil metros, com idades entre 31 a 39, 40 a 49 e acima de 50 anos.
Aproveitando o histórico de tradição do município nas competições deste estilo, a secretaria planejou para o Circuito Ubatuba de Águas Abertas em quatro etapas. A 2ª prova deve ocorrer no dia 28 abril, na praia da Picinguaba, seguida pela etapa da praia da Almada, no dia 29 de setembro. O encerramento da competição ocorre no dia 10 novembro na praia da Maranduba.
Os oito melhores colocados em cada prova receberão medalhas. No final do Circuito, os três atletas com melhores resultados na classificação geral serão premiados.
O atendimento para as inscrições estará sendo feito até o dia da prova. Os atletas da natação contam ainda com a tradicional Prova Natatória Cidade de Ubatuba, que deve ser realizada no dia 26 de maio, de acordo com o calendário anual de eventos da secretaria de Esportes de Ubatuba. A Prova Natatória Cidade de Ubatuba não está inserida no Circuito de Águas Abertas. (Fonte: ACS-PMU)

Projeto Cidadão divulga cursos para 2002

Ubatuba - “O Projeto Cidadão, Ubatuba no Combate ao Desemprego”, desenvolvido pela secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Ubatuba divulgou nesta semana os cursos de capacitação profissional e treinamentos para este ano. Os cursos nas áreas administrativa, marketing e desenvolvimento pessoal serão ministrados pelo Centro de Ensino Profissionalizante Integrado Comunitário (CEPIC), de Ubatuba. Já as oficinas de produção de cosméticos e industrialização de doces de banana serão ministradas pelo SEBRAE.
O secretário de Assistência Social, Edson Alves, diz que os cursos são de baixo custo para que a população em geral tenha acesso. “Nos casos de carência, pedimos que a pessoa interessada nos cursos seja encaminhada por escrito para avaliação e atendimento do serviço técnico de assistência social da secretaria. Não queremos que nenhuma pessoa seja excluída, pois nosso objetivo é o resgate da cidadania e da auto-estima do trabalhador de Ubatuba”, explicou Edson Alves.
Neste final de semana, 16 e 17, o CEPIC estará ministrando o curso Empreender, Administrar e Vencer na sede do Projeto Sol Nascente, no Horto Florestal. Para os interessados ainda há vagas para o curso e as inscrições podem ser feitas na secretaria de Assistência Social, na rua Paraná, 375, centro, com Geruza Rocha, coordenadora de cursos. Para outras informações, o telefone é o 432-6038. Os cursos e seminários serão comunicados por meio de rádio, jornais, faixas, cartazes e informativos que serão enviados quinzenalmente para todos os segmentos de Ubatuba. (Fonte: ACS-PMU)

Mais crédito aprovados no Banco do Povo

Ubatuba - Na quarta-feira, 13, o Banco do Povo de Ubatuba aprovou mais três créditos. Foram contempladas Jerusa Aparecida Parada, Maria Roseli Santos Silva e Rosana de Oliveira Jubran. No mês de fevereiro o Banco do Povo entregou os primeiros créditos para as costureiras Maria Aparecida dos Santos e Maria de Fátima Piton.
Jerusa Aparecida Parada é professora de Educação Física e proprietária de academia de ginástica no bairro da Silop. Obteve um crédito de R$ 2.966,70 para a compra de materiais de construção para a cobertura da piscina de sua academia. Maria Roseli Santos Silva, moradora do bairro da Estufa II é vendedora de roupas informal. Seu crédito aprovado foi R$ 500,00 para a compra de roupas para revenda. A terceira beneficiada, Rosana de Oliveira Jubran é comerciante e proprietária da loja Jubran Modas. Com seu crédito de R$ 780,00 irá construir uma vitrine para a loja.
O Banco do Povo atendeu mais de 230 pessoas somente em janeiro, após sua inauguração no dia 10. Em fevereiro foram registradas 228/dia. Segundo o agente de crédito, Alex Rodrigues Simões muitas pessoas procuram o Banco, se interessam pelo financiamento mas não retornam com a documentação necessária para o estudo da aprovação do crédito. Os valores de financiamento variam de R$ 200 até R$ 5000,00 para pessoas física ou jurídica. Já cooperativas e associações podem obter linha de financiamento de R$ 200 a R$ 25.000,00, limitado ao máximo de R$ 5000,00 por associado, se o total de sócios for menor que cinco. A taxa de juros é de 1,0% ao mês.
O Banco do Povo é um convênio entre Prefeitura, Governo do Estado e Associação Comercial e Industrial de Ubatuba e tem como objetivo proporcionar linha de financiamento popular em benefício de pequenos empreendedores formais, informais, autônomos e cooperativas A Prefeitura cedeu dois funcionários que foram treinados e habilitados para a função de agentes de crédito. A sede da agência do Banco do Povo está instalada na Associação Comercial de Ubatuba, localizada na avenida Dona Maria Alves, 865, centro. Os telefones para informações são 3833-7880 e 3833-7884 e o endereço eletrônico é bpovopmu@iconet.com.br. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h. Na quarta-feira, só há atendimento ao público durante o período da manhã.
Pescadores - O Banco do Povo tem novidades de financiamento para o setor pesqueiro. Para isso, o Banco do Povo convida todos os pescadores de Ubatuba para uma reunião na próxima quinta-feira, 21, às 10 horas, na Casa da Agricultura. (Fonte: ACS-PMU)

Surfistas de Ubatuba confirmados no Hang Loose no Guarujá

Ubatuba - Os surfistas de Ubatuba participam da etapa de abertura do Circuito Hang Loose Júnior e Mirim de Surfe, prevista para o sábado e domingo, 16 e 17, na praia do Tombo, em Guarujá.
No ano passado, os ubatubenses conquistaram três dos cinco títulos em disputa: na categoria júnior (até 18 anos), com Eduardo Silva, na grommets (até 12 anos) e petit (até 10 anos), ambos com Mateus Toledo. Os guarujaenses venceram na mirim (até 16 anos), com Heitor Pereira, e na iniciantes (até 14 anos), com Adriano Mineirinho.
O ex-juiz internacional Alberto Jacob é responsável pelas estratégias de Ubatuba, respondendo pelo comando técnico da equipe. “Estaremos lá com vontade de ganhar, mas todo mundo está treinando para isto. No Hang Loose não é fácil, porque a molecada, apesar de nova, sabe competir muito bem”, afirma Jacob, que comemora o sucesso da Escolinha de Ubatuba. Neste verão, foram 370 inscritos e uma lista de espera com 50 nomes. Um terço dos alunos (120) é do sexo feminino. “Infelizmente não temos como atender a todos. Isto é reflexo dos resultados, com as conquistas no Hang Loose, o vice-campeonato brasileiro profissional do Odirlei Coutinho, e o título no campeonato de escolinhas”, destaca Jacob. (Fonte: ACS-PMU)

Ubatuba promove Cidadania e Turismo na rede municipal de ensino

Ubatuba - A secretaria de Educação da Prefeitura de Ubatuba está iniciando a implementação do projeto Cidadania e Turismo, desenvolvido em parceria com o campus de Ubatuba da Unitau (Universidade de Taubaté) e com a Comtur (Companhia Municipal de Turismo). Voltado para os ensinos infantil, fundamental e profissionalizante, o objetivo do projeto é a orientação aos professores sobre a importância do turismo como fonte de renda.
Com as informações, os professores passarão a conscientizar os alunos durante as aulas sobre a importância do turismo. O conteúdo aprendido deve ser repassado pelos alunos aos pais, parentes e amigos, produzindo um “efeito cascata” que pretende atingir grande parte da população ubatubense.
Nas palestras mensais com profissionais ligados às áreas de cidadania e turismo, voltadas aos professores, serão abordadas noções básicas de introdução e desenvolvimento do turismo, noções de termos técnicos utilizados na área e da maneira adequada para a recepção do turista na cidade.
O projeto culmina com uma feira pedagógica em julho, na qual as escolas irão expor as produções confeccionadas pelos alunos durante o período de conscientização. “O eixo temático passa pela conscientização da população através do aluno”, explica Nirta Maria Noronha Mendes, servidora da secretaria de Educação responsável pela coordenação do projeto.
Na Unitau, os estudantes universitários Rodrigo Ferrari, Cíntia Manfredini e Solange Wilmers desenvolvem os trabalhos sob a supervisão dos coordenadores da área. (Fonte: ACS-PMU)

 

Vulcano Sununga Flats CFBM

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão:
Clique Aqui.

 

Receba as Últimas Notícias do Litoral via e-mail!
e-mail:
Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Leia também as colunas:
Para Refletir
Para Refletir
Margareth Bravo

Opinião

Ronaldo Dias

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor