Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 22 de abril de 2002 - Nº 516 Edições Anteriores
Clique Aqui para acessar edição comemorativa de aniversário de Caraguatatuba

Busca por palavras no Litoral Virtual:

Principais Manchetes:

MP amplia cerco a crimes ambientais
Cetesb vê aumento de poluição em praias
Fiscalização mapeia área degradada
Campeonato das categorias Fraldinha e Dente de Leite começam dia 28
Jogos Abertos da Juventude
Técnico promete vitória na Livovali
Secretaria de Administração é reformada
Palestra sobre fisioterapia na terceira idade
Dois ônibus para o servidor
Hanseníase: vamoe eliminar esta doença
Continua a vacinação contra a gripe para pessoas com mais de 60 anos
Ubatuba presente no Congresso Brasileiro de Turismo 2002
Investimentos na Educação chegam a quase 4 milhões
Público comparece e aplaude comédia no Tubão
Mapa Cultural Paulista tem 4 finalistas de Ubatuba
Espaço Cultural na Marafunda
Balé da Fundart revela talentos
Dia do Índio reabre discussão sobre a questão indígena
Projeto Habitacional Indígena
Barequeçaba terá escola para mais 20 anos
Basquete vence Pindamonhangaba por 17 pontos
Projetos do Executivo dominam a pauta em Caraguá
Carta do Leitor



MP amplia cerco a crimes ambientais
Promotoria abre 500 inquéritos para investigar degradação de áreas verdes nas quatro cidades do Litoral Norte

Litoral Norte - As quatro cidades do Litoral Norte têm 500 inquéritos civis em andamento no Ministério Público para investigação de danos ambientais.
Nos últimos cinco anos, o número de casos apurados pela Curadoria do Meio Ambiente em Caraguatatuba, Ubatuba, Ilhabela e São Sebastião aumentou cerca de 50%.
A especulação imobiliária e a construção de condomínios fechados e empreendimentos comerciais em áreas de preservação permanente são apontados pelos órgãos de fiscalização como os principais motivos do registro de infrações ambientais.
Segundo a promotora Elaine Taborda Ávila, o aumento do número de inquéritos é conseqüência da ação mais efetiva de fiscalização da Polícia Ambiental, em parceria com órgãos técnicos competentes, como Cetesb (Companhia de Tecnologia e Saneamento Ambiental) e o DPRN (Departamento de Proteção aos Recursos Naturais).
"Quanto mais se procura, mais se acha. Com a ação mais intensiva de órgãos fiscalizadores, tivemos um aumento no número de infrações na região".
Segundo Elaine Ávila, não há um tempo médio para a obtenção dos resultados do inquérito civil. "Vai depender do tipo de degradação, da área de preservação envolvida e do tamanho da construção, no caso de desmatamento", afirma.
A última operação da Polícia Ambiental no Litoral Norte foi realizada na sexta-feira passada.
Dos 51 boletins de ocorrência realizados, foram embargadas cinco obras na costa sul de Ubatuba e São Sebastião.
Quatro construções foram notificadas e aguardam localização dos responsáveis para receber as infrações.
Segundo levantamento da Polícia Ambiental do Litoral Norte, somente em São Sebastião, já foram embargadas 200 obras irregulares, construídas em área de preservanção ambiental durante o ano passado.
Os autos de infração resultaram, no mesmo período, em 190 embargos registrados em Ubatuba, 185 em Caraguatatuba e 82 na Ilhabela.
A Polícia Ambiental tem a função fiscalizadora e, portanto, pode multar e embargar construções irregulares.
No caso do DPRN, a função se restringe à vistoria (laudos técnicos) e ao licenciamento para a realização das obras, de acordo com o que está previsto na Lei de Crimes Ambientais, de 1998.
Os prazos para a emissão de um laudo técnico podem variar de 30 a 90 dias, dependendo do tipo de construção. A Cetesb atua na área de poluição e contaminação da água, do ar e do solo.
MULTA -- Segundo o oficial administrativo do DPRN de Ubatuba, Carlos Roberto Paiva da Silva, o valor da multa oscila de acordo com o tipo de degradação, da área envolvida (mananciais, áreas de parque, manguezais) e do tamanho do empreendimento construído.
Atualmente, a multa administrativa mais alta é de R$ 7,5 mil para construções em áreas de parque e de R$ 7 em casos de poda irregular de árvores.
"O DPRN, como é um órgão do Estado, não tem capacidade profissional para fornecer laudos técnicos e prestar consultorias para particulares. O nosso objetivo é trabalhar em parceria com a Polícia Ambiental e emitir laudos para delimitação e licenciamento de áreas", afirma. (Fonte: ValeParaibano)

Cetesb vê aumento de poluição em praias

Litoral Norte - Para a Cetesb (Companhia de Tecnologia e Saneamento Ambiental), o problema mais grave de poluição ambiental no Litoral Norte está relacionado à balneabilidade das praias.
A qualidade do ar é classificada como "boa" na maioria dos boletins emitidos diariamente pelo órgão ambiental.
Acidentes com embarcações com conseqüente derramamento de óleo próximo à costa são apontados como os principais motivos da poluição do mar.
Somente em 2000, o Tebar (Terminal Marítimo Almirante Barroso), em São Sebastião, registrou sete acidentes.
Desde 1978, já ocorreram pelo menos 176 acidentes na região, que resultaram em vazamentos de óleo na orla marítima --incluindo rompimentos de dutos e problemas com embarcações.
O último vazamento de óleo mais grave ocorrido no canal de São Sebastião foi em novembro de 2000.
O acidente de manobra do navio Virgínia 2, no Tebar, provocou o derramamento de 86 mil litros de óleo, atingindo 21 praias do Litoral Norte. O navio bateu no píer quando se preparava para atracar, o que resultou em uma fissura no casco. A mancha se estendeu por 150 metros de comprimento e 50 de largura.
Técnicos da Secretaria de Estado do Meio Ambiente trabalharam durante mais de dois meses para a limpeza das praias das quatro cidades do Litoral Norte.
De acordo com a assessoria de imprensa do Tebar, no caso de acidentes, a primeira medida a ser tomada é colocar barreiras para evitar que o óleo se espalhe. (Fonte: ValeParaibano)

Fiscalização mapeia área degradada

Litoral Norte - Mais de 70 homens da Polícia Ambiental do Litoral Norte realizaram uma operação para controlar a degradação do meio ambiente na região na última sexta-feira. A ação fiscalizou a costa sul de Ubatuba e São Sebastião.
Nas duas cidades foram registradas 51 boletins de ocorrência e 5 multas. O total de área degradada no Litoral Norte em 2001 é de 638.120 metros quadrados.
Segundo o tenente da Polícia Ambiental do Litoral Norte, Davi de Sousa Silva, a operação tem o objetivo de delimitar as áreas de maior impacto ambiental para intensificar a fiscalização.
"Nos anos de 99 e 2000, tivemos um pico no número de embargos. Daqui pra frente, a tendência é estacionar e começar a diminuir esse índice", disse.
Silva afirmou ainda que o crescimento na área degradada é consequência do aumento das ações de fiscalização nos últimos dois anos. (Fonte: ValeParaibano)

Campeonato das categorias Fraldinha e Dente de Leite começam dia 28

Ubatuba - Os campeonatos da escolinha municipal de futebol “Rubens Salles” da secretaria de Esportes e Lazer da Prefeitura nas categorias Fraldinha (7, 8 e 9 anos) e Dente de Leite (13, 14 e 15 anos) terão sua solenidade oficial de abertura no estádio municipal no domingo, 28, com o desfile dos atletas e a realização das primeira rodadas.
Na categoria Fraldinha, sete equipes disputam turno e returno. As quatro primeiras se classificam paras as semifinais, de onde saem as finalistas. Na Dente de Leite, duas chaves abrigarão seis equipes cada. No 1º turno, as chaves se cruzam e os dois primeiros times de cada chave se classificam para as semifinais, de onde saem os finalistas, que decidem quem leva o título de campeão do turno. No 2º turno, as equipes se enfrentam dentro das chaves, com o mesmo critério de classificação. O grande campeão sairá da final entre o campeão do 1º e 2º turnos.
De acordo com o coordenador da escolinha, Almir Ramos Corrêa, 32, conhecido como “Pipoca”, 460 crianças estão participando das aulas na escolinha, sendo 192 na categoria Dente de Leite, 110 na fraldinha e 158 no Dentinho (10, 11 e 12 anos). (Fonte: ACS-PMU)

Jogos Abertos da Juventude

Ubatuba - A equipe de futebol da secretaria de Esportes da Prefeitura de Ubatuba está classificada para a fase regional dos Jogos Abertos da Juventude (competição voltada para atletas com até 18 anos de idade) que deve ocorrer do dia 1º ao dia 5 de maio, em Guaratinguetá (SP).
A classificação foi obtida em uma vitória sobre a equipe de São Sebastião por 2x1, em jogo disputado na noite de quarta-feira, 10, no Centro Esportivo de Caraguatatuba. “Estamos treinando forte para a próxima etapa”, comentou o técnico André Paulo Alizte, 27. (Fonte: ACS-PMU)

Técnico promete vitória na Livovali

Ubatuba - As equipes de Ubatuba entram em quadra neste final de semana em jogos válidos pela Liga de Vôlei do Vale do Paraíba e Litoral Norte (Livovali).
Neste sábado, 20, a equipe infantil feminina enfrenta o time de Cruzeiro, às 15h, no Tubão. No domingo, 21, as meninas do infanto juvenil vão até São Sebastião, onde enfrentam a equipe da casa. “Vamos ganhar esse jogo”, prometeu o técnico das equipes femininas de Ubatuba, Geraldo Vanoni, 38.
Resultados negativos na rodada passada - No sábado, 13, a equipe infantil feminina perdeu por 3x2 (21/25, 25/15, 25/18, 18/25, 12/15) para a equipe de Jacareí (SP). O jogo foi disputado no ginásio de esportes do SESI (serviço Social da Indústria).
No domingo, 14, a equipe infanto-juvenil feminina perdeu por 3x2 (22/25, 17/25, 25/16, 25/18, 07/15) para Pindamonhangaba (SP), no ginásio Juca Moreira. (Fonte: ACS-PMU)

Secretaria de Administração é reformada

Ubatuba - Preocupada com as condições de trabalho dos servidores, a atual Administração conclui neste mês de abril a reforma completa da secretaria de Administração. Os investimentos foram da ordem de R$ 80 mil. A reforma compreendeu toda a estrutura, com a instalação de divisórias, troca de pisos, forro, parte elétrica e telefônica e a construção de dois banheiros.
Cerca de 30 funcionários trabalham no novo espaço, que compreende o expediente e protocolo da secretaria, Serviço de Recursos Humanos, Seção Pessoal, Setor de Patrimônio e Serviço de Supervisão de Controle Administrativo. Dentro de alguns dias a Seção de Arquivo e Documentação também estará integrada ao novo local.
“Devemos dar condições dignas de trabalho ao servidor, oferecendo estruturas normais de trabalho e atendimento”, afirma o secretário de Administração Luiz Marino Jacob. (Fonte: ACS-PMU)

Palestra sobre fisioterapia na terceira idade

Ubatuba - O PSF do Perequê Açú realizou na quinta feira passada dia 18, uma palestra com a Dra Ana Maria Gomes dos Santos sobre as diversas formas de fisioterapia usadas na terceira idade. O grupo do Perequê Açú que já vinha desenvolvendo um trabalho de caminhadas e outros exercícios para manter a forma, como a cada dia aumenta mais a procura por este serviço foram implantados pela equipe de profissionais que trabalham no Posto outros programas para o idoso
Na palestra foram tratados diversas formas de tratamento através da fisioterpia como termoterapia, eletroteapia, Cinésioterapia. “A fisioterapia objetiva efeito analgésico, a preservação e aumento da amplitude e força muscular (tonus ), melhora as funções motoras e como consequencia atua como prevenção de deformidades.” diz Ana Maria Gomes dos Santos. Este grupo e outras pessoas na mesma faixa etária frequentam a piscina da Prefeitura para hidro - ginástica todas as quintas feiras das 14:15 ás 15:30 e vão participar dos jogos regionais, com várias atividades, no dias 17 e 18 de Abril cujas inscrições estão abertas no Tubão. Todas as terceiras quinta - feiras, de cada mês tem uma palestra ou evento agendado no Hotel Castelo Balmoral que gentilmente sede o espaço. A próxima palestra será ministrada pelo Dr. José Gil sobre a visão. (Fonte: ACS-PMU)

Dois ônibus para o servidor

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba adquiriu neste mês de abril dois ônibus Mercedes Bens para o transporte do servidor. Cada veículo tem capacidade para 45 pessoas sentadas. Os funcionários que usam o Vale Transporte passarão a partir do dia 6 de maio utilizar os novos ônibus. A Administração está estudando horários e itinerários para comunicar os servidores através de circular.
Com o Vale Transporte a Prefeitura gasta por ano em torno de R$ 600 mil. A proposta da Administração, com a compra dos veículos é a redução de custos para os cofres municipais. Para alguns bairros, como os mais distantes, a Prefeitura continuará distribuindo o Vale Transporte. O custo de cada ônibus foi de R$ 99.800,00. (Fonte: ACS-PMU)

Hanseníase: vamoe eliminar esta doença

Ubatuba - No período de 22 a 26 de abril, estará ocorrendo em todo o Estado de São Paulo, a “CAMPANHA DE SENSIBILIZAÇÃO E PREVENÇÃO EM HANSENÍASE”, sob o tema acima, com o intuito de detectar casos e encaminhá-los para tratamento.
A meta proposta pela OMS (Organização Mundial de Saúde) é de que até o ano de 2005 a Hanseníase deixe de ser um problema de Saúde Pública no Brasil.
Alguns países da América Latina, como a Argentina, o México, a Colômbia e a Venezuela, entre outros, já atingiram a meta antes do ano 2.000.
Em termos estatísticos mundiais, o Brasil apresenta cerca de 70.000 doentes, sendo atualmente o 2º colocado, perdendo a “liderança” apenas para a Índia. Destes 70.000 casos, cerca de 6.000 doentes encontram-se no estado de São Paulo. No município de Ubatuba, temos cerca de 34 pacientes em tratamento, atualmente. Apesar de não parecer significativo em termos de número absoluto, em termos estatísticos representa um alto índice de prevalência da doença. Aqui, bem como nas cidades vizinhas de Caraguatatuba, São Sebastião e Ilhabela, observamos taxas de prevalência da doença muito parecidas, na ordem de 5,75 doentes/10.000 habitantes. Esta média indica uma alta endemia da doença, conforme os parâmetros da OMS:
· Alta: > 5,0 casos/10.000 habitantes
· Média: 1,0 – 5,0 casos/10.000 habitantes
· Baixa: < 1,0 caso/10.000 habitantes
A Hanseníase é uma doença infecciosa causada por um microrganismo bacteriano (o bacilo de Hansen). A doença manifesta-se principalmente na pele e nos nervos, com evolução muito lenta e progressiva, de forma que muitos doentes não suspeitam inicialmente da Hanseníase. As primeiras manifestações são geralmente manchas claras ou avermelhadas, em qualquer parte do corpo, que apresentam sensibilidade diminuída ou abolida ao calor, à dor e ao tato (manchas dormentes). Muitas vezes, as manchas passam desapercebidas pelo fato de não incomodarem (não doem e nem coçam). Quando afetam os nervos dos braços e pernas, podem causar progressivamente paralisia das mãos e pés, e devido à insensibilidade, podem ocorrer deformidades devido ferimentos traumáticos.
São as complicações secundárias que tornam a doença mutilante.
A transmissão acontece principalmente através das vias respiratórias e raras vezes pelo contato com ferimentos. Os doentes transmissores (aqueles com alta carga bacilar), quando iniciam o tratamento, deixam de ser contagiantes.
Portanto é necessário salientar que a Hanseníase tem cura e que todos os esforços sejam concentrados para uma detecção e tratamento precoces. O tratamento é ambulatorial, sem necessidade de internação e a medicação é distribuída gratuitamente nos serviços de saúde da rede pública .Convocamos a população do município a participar da Campanha, orientando as pessoas com suspeita da doença a procurarem o Centro de Saúde ou as Unidades de Saúde dos Bairros para esclarecimento e tratamento.
Segunda feira dia 22 Dra. Marina estará na Tenda da Saúde, no Calçadão, mostrando através de vídeos e material impresso, “ A CAMPANHA DE SENSIBILIZAÇÃO E PREVENÇÃO EM HANSENÍASE.”
Dra. Marina Midori Edamatu-
Médica dermatologista do Centro de Saúde. (Fonte: ACS-PMU)

Continua a vacinação contra a gripe para pessoas com mais de 60 anos

Ubatuba - Você que já completou 60 anos não deve perder a oportunidade de ser vacinado contra a gripe. Esta é a última semana da Campanha Nacional. Os postos que estarão fazendo a vacina são. A vacinação é a prevenção de males que podem evitar grandes transtornos até mesmo fatais ou internações.

2ª Feira 22/04 - Manhã: Camburi, Maranduba -
Tarde - Itaguá, Taquaral e Maranduba

3ª Feira - 23/04 - Manhã: Associação dos Aposentados e Camburi
Tarde: Lar Vicentino, Taquaral, Aldeia Boa Vista e Ipiranguinha

4ª Feira - 24/04 - Manhã: Saco da Ribeira, Ipiranguinha, Maranduba, Fortaleza e Camburi
Tarde: Itaguá, Ipiranguinha, Maranduba e Saco da Ribeira

5ª Feira - 25/04 - Manhã: Ipiranguinha, Camburi e Maranduba
Tarde: Usina Velha, Ipiranguinha, Taquaral, Sesmaria e Maranduba.

6ª Feira - 26/04 - Manhã: Perequê-Açu, Casanga, Baixa Camburi e Itaguá
Tarde: Associação dos Aposentados e Monte Valério

O horário de funcionamento das unidades de Saúde durante a campanha é das 8 às 12 horas e das 14 às 16 horas.
Atenção dia 23 terça feira, a Secretaria de Saúde estará fazendo a vacinação no calçadão na tenda da Saúde para facilitar ainda mais aqueles que ainda não tenham recebido a vacina em algum posto. (Fonte: ACS-PMU)

Ubatuba presente no Congresso Brasileiro de Turismo 2002

Ubatuba - Projetos desenvolvidos pela parceria UNITAU / COMTUR foram aprovados no XXII Congresso Brasileiro de Turismo da ABBTUR – Associação Brasileira de Bacharéis de Turismo, que será realizado de 14 a 18 de maio deste ano, na cidade de Foz do Iguaçu, Paraná.
O “Projeto de Conscientização Turística para o Município de Ubatuba” elaborado pelos acadêmicos do 4º ano de Administração com habilitação de Hotelaria e Turismo da Universidade de Taubaté e estagiários da COMTUR – Companhia Municipal de Turismo de Ubatuba-, Cíntia Manfredini, Rodrigo Augusto Ferrari de Almeida e Solange Cozac Wilmers, o projeto “Estabecendo Parcerias: Uma contribuição para a formação dos profissionais do Século XXI”, elaborado pelas professoras e coordenadoras Patrícia Ortiz e Julianna Bussolotti e o projeto “Capacitação de Monitores Ambientais da Ilha Anchieta-Ubatuba, SP” da professora doutora Maria de Jesus Robim e a professora, coordenadora Juliana Bussolotti serão apresentados pelos respectivos autores durante o evento.
Entre 82 trabalhos inscritos de todo o país, foram aprovados no total 52 temas, dos quais fazem parte os trabalhos encaminhados por estes profissionais do turismo de Ubatuba. Estes projetos estão em andamento, repercutindo em todo o trade turístico do município, com apoio fundamental do Diretor Presidente da COMTUR, Luiz Antonio Bischof, que iniciou a parceria entre a Prefeitura Municipal, COMTUR, Secretaria da Educação e Unitau. Após a realização do evento será divulgado pela COMTUR o resultado desta participação do grupo. (Fonte: ACS-PMU)

Investimentos na Educação chegam a quase 4 milhões

Ubatuba - Em pouco mais de 1 ano, a Prefeitura construiu e reformou diversas escolas com recursos próprios e em parcerias travadas com o Estado.
Desde o início da atual administração, a secretaria municipal de Educação iniciou processo de relacionamento amistoso e cooperativo com a secretaria de Estado da Educação. Nesse processo cooperativo o município assumiu, através da municipalização, os alunos de 1ª a 4ª série de ensino fundamental de todos os bairros de Ubatuba, se utilizando de recursos municipais e da colaboração do Estado dando apoio no atendimento dos alunos enquanto o município se estrutura para conseguir por conta própria.
A colaboração, de parte a parte, vem sendo feita através de parceria que tem beneficiado a secretaria de Educação. Ações como escolas compartilhadas tem sido adotadas com bastante sucesso. Além disso, nessa partilha foram envolvidos prédios municipais como o ocupado pela EE “Professora Maria Alice Alves Pereira” e prédios estaduais como o partilhado na EE “Professora Semírames Prado de Oliveira” (Saco da Ribeira) e EE “José Celestino Aranha”, no Horto Florestal.
Para acompanhar o crescimento do alunado municipal, Estado e município tem desenvolvido verdadeira maratona cooperativa, construindo escolas e salas de aula que possam, oferecer ambientes adequados e ministrar educação de qualidade, como as escolas já construídas:

Escola Municipal Bairro Recurso Nº de Salas
Sebastiana Luiza de Oliveira Prado Araribá Estado e Município 03
Maria Josefina Giglio Silva Estufa II Estado e Município 03
Gov. Mário Covas Junior Ipiranguinha Município 08
Judith Cabral dos Santos Perequê Mirim Município 03
Profª Marina Salete N. Amaral Perequ~e Açú Município 05
José Belarmino Sobrinho Poruba Município 03
Bela Vista Bela Vista Município 02
Madre Maria da Glória Pque dos Ministérios Minicípio 02

Os investimentos em todas essas obras superam R$ 1,1 milhão. São 32 novas salas de aula que já estão sendo utilizadas em dois turnos atendendo mais de 1.800 alunos, todas já prontas e com exceção a do Araribá, em que as obras estão em fase de conclusão. O trabalho cooperativo continua em processo crescente. Para este ano estão previstas novas ações de parceria Estado e município para ampliar, reformar e construir novas escolas do Estado e do município. Para essas obras a secretaria estadual de Educação repassará para o município mais de R$ 2,5 milhões. Para esta programação estão previstas:

Reformas de escolas estaduais:
Dr. Esteves da Silva (centro), Professora Sueli Aparecida Figueira dos Santos (Estufa II), Professora Dionísia Bueno Velloso (Perequê-Açu) e Professora Florentina Martins Sanches (Perequê-Mirim)

Ampliações:
EE “Áurea Moreira Rachou” (Sertão da Quina) - 03 salas
EM Indígena Tembiguai (Promirim) - 02 salas
EM “Professora Maria Josefina Giglio Silva” (Estufa II) - 04 salas

Escolas Novas:
EM do Taquaral (Vila Suré) - 04 salas
EM do Ipiranguinha - 12 salas
EM do Horto/Figueira - 06 salas
EM Professora Semíramis P. de Oliveira (Saco da Ribeira) - 06 salas
EM Bela Vista/Marafunda - 08 salas
EM Sertão da Quina - 06 salas
EM do Perequê-Açu - 12 salas
EM do Perequê-Mirim - 08 salas

“Por sua parte, o nosso município terá que investir importância equivalente para desapropriar áreas, desenvolver processos técnicos e de licitação e complementar as verbas do Estado”, explicou o secretário municipal de Educação de Ubatuba, professor Corsino Aliste Mezquita. Por intermédio do prefeito de Ubatuba, Paulo Ramos (PFL) foram conseguidas cinco quadras cobertas para as escolas estaduais Áurea Moreira Rachou, Florentina Martins Sanches, Aurelina Ferreira, Dionísia Bueno Velloso e Capitão Deolindo de Oliveira Santos. A Prefeitura de Ubatuba também recebeu do Governo do Estado dois microônibus zero quilometros para o transporte de alunos.
Corsino Aliste enfatiza que o processo de cooperação da secretaria estadual de Educação tem sido de fundamental importância para o município. “Com essa ajuda já estamos superando todas as dificuldades. Fazermos a lição de casa tem sido importante”, explicou. (Fonte: ACS-PMU)

Público comparece e aplaude comédia no Tubão

Ubatuba - Um público animado de cerca de 1.500 pessoas compareceu no último Sábado, dia 13, ao Ginásio do Tubão, para assistir a peça “ 0900 Disquei e me estrepei”, promovido pela Fundart , tendo Vitor Branco como ator e diretor além de um elenco de outros colegas de novelas da TV Globo. O ingresso, um quilo de alimento de não perecível, rendeu mais de uma tonelada e foi revertido para a Associação Promocional de Apoio ao Farmaco-Dependente – APAF, atualmente com 22 residentes . “ É um grande incentivo quanto a alimentação, mas o mais importante é o reconhecimento da Fundart de um trabalho sério que estamos desenvolvendo” afirma Marco Antonio de Almeida Goulart, presidente da APAF.
O enredo da peça diz respeito aos desencontros de um ex-separado, que é incentivado por um amigo a navegar pela Internet na busca de um novo par por meio de uma agência matrimonial. A comédia interativa, que já conta com 120 apresentações na Capital e cidades do interior paulista , tem o patrocínio da Lei Roanet de incentivo cultural e, em nossa cidade, o apoio da Rádio Costa Azul e do comércio local.
“Mais uma vez trouxemos um espetáculo teatral para Ubatuba graças ao apoio do prefeito Paulo Ramos e da Fundart, que não mediram esforços para a realização do espetáculo”, disse Branco.
Silvia Issa, presidente da Fundart, animada com o sucesso do espetáculo, elogiou o comportamento do público que permitiu a apresentação apesar das precárias condições do Tubão , principalmente de acústica. “ Estamos mantendo contatos para trazer outras peças para a cidade, além de colocar a fundação aberta para os atores locais”, diz a presidente.
O curso de teatro da Fundart, que começa na Sexta-feira, dia 19, com o ator e diretor Luiz Roberto Lopreto, para uma turma de 35 alunos, terá como objetivo também a formação de um grupo que possa representar a cidade em caráter permanente. O projeto é realizado pela Fundart em parceria com a Secretaria de Cultura do Estado. (Fonte: ACS-PMU)

Mapa Cultural Paulista tem 4 finalistas de Ubatuba

Ubatuba - Ubatuba estará sendo representada na fase final do Mapa Cultural Paulista, promovida pela Secretaria de Cultura em parceria com a Fundart, por Silmara Retti, na categoria contos; Roberto Mei, artes plásticas e Franklin Espíndola de Oliveira e José Bernardes de Almeida Gil, desenho de humor. Os resultados finais do projeto serão anunciados, respectivamente dias 9 de maio (contos) e 20 de maio ( artes plásticas e desenho de humor). A premiação em valores são de R$ 2 mil; R$ 3 mil e R$ 5 mil para os primeiros colocados. Além disso, os contos classificados entram em uma publicação da Secretaria da Cultura, enquanto as demais categorias farão parte de um catálogo específico do projeto. O Mapa Cultural , dividido em 3 fases ( Municipal, Regional e Estadual) é composto por 10 modalidades artísticas: artes plásticas, canto coral, composição musical, conto, dança, desenho de humor, fotografia, poesia, teatro e vídeo. Ubatuba, com a coordenação da Fundart, esteve presente em todas as modalidades. (Fonte: ACS-PMU)

Espaço Cultural na Marafunda

Ubatuba - As antigas instalações de consultório odontológico e, mais recentemente, da Guarda Municipal, na Marafunda serão utilizadas pela Fundart, mediante cessão de uso, para montagem de um espaço cultural. A fundação pretende montar no local uma mini-biblioteca , oficinas culturais e cursos como parte do projeto “Cidadãos do Amanhã”, voltado para crianças e adolescentes. Localizada ä rua José Pinto Ferreira, próximo ao campo de futebol e a EE Maria Alice, o prédio deverá receber reforma com adaptações. No Itamambuca, onde a Fundart deu início ao projeto, a Fundart já conta com 60 alunos frequentando o curso de capoeira . O professor Fábio Ferrari diz que a capoeira, categoria regional, está voltada para o esporte e demonstrações, além de contribuir para a integração social. Devido ao aumento do número de alunos, as aulas que eram dadas no pátio da Igreja ocuparam também o campo de futebol. (Fonte: ACS-PMU)

Balé da Fundart revela talentos

Ubatuba - A introdução de ritmo com instrumentos de percussão como guizo, pandeiro e tambores é a novidade introduzida pela Fundart, por meio da professora Alessandra Penha nas aulas de balé para a turma mais nova, a partir dos 7 anos. Uma vez por mês são projetados vídeos com balé de repertório e palestras acompanhadas de apostilas. A turma mais nova conta hoje com 60 alunos, distribuídas em 3 turmas com aulas 2 vezes por semana. As alunas de nível intermediário confirmaram presença no 5o Litoral Dance Festival, promovido pela Fundac, de Caraguatatuba, nos dias 17, l8 e 19 de maio, com a coreografia “Cenas Napolitanas” , cujas apresentações foram bastante elogiadas no ano passado. (Fonte: ACS-PMU)

Dia do Índio reabre discussão sobre a questão indígena

São Sebastião - O prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB), e representantes do governo estadual, juntamente, com as lideranças indígenas estiveram reunidos hoje, dia 19, às 11 horas, na Reserva Ribeirão Silveira, localizada no bairro de Boracéia, divisa entre os municípios de São Sebastião e Bertioga, em visita às obras do Conjunto Habitacional Indígena, o primeiro erguido no Brasil com verbas do programa de habitação popular.
O encontro teve a participação especial do índio, de etnia xavante, Tsereruremedzayxa, conhecido também por Inácio, natural de Sacramento, no Mato Grosso do Sul, que afirmou ter gostado bastante do projeto das ocas. "É muito bom. Nossa aldeia não recebe tanta ajuda do governo e da prefeitura", lamentou.
Durante a visita as crianças da aldeia realizaram uma apresentação de canto indígena para as autoridades. "Os índios guaranis foram um dos primeiros a manterem contato com os portugueses, mas preservamos a nossa língua e cultura", afirmou o cacique Adolfo.
Para o prefeito Paulo Julião a visita à aldeia foi um ato simbólico, que representa um resgate de uma antiga dívida do "homem branco" com os índios, em todo mundo. "Neste dia acho importante refletir sobre a questão indígena e acredito que a melhor forma de preservar essa cultura é ensiná-la às crianças", diz.
Já o chefe do posto da Funai (Fundação Nacional do Índio) da aldeia do Ribeirão Silveira, Márcio Alvim, salientou que São Sebastião deve servir como exemplo para outras cidades, no que se refere a questão indígena. "Aqui o índio é tratado com dignidade e respeito e têm seus direitos e costumes respeitados". (Fonte: PMSS)

Projeto Habitacional Indígena

São Sebastião - O projeto habitacional indígena, resultado da parceria entre Governo do Estado, prefeitura de São Sebastião e Funai, visa dar melhores condições de vida a 59 famílias, num total de 280 pessoas, ao mesmo tempo respeitando seus costumes e tradições.
O projeto, pioneiro no Brasil, foge totalmente dos padrões convencionais estabelecidos pela CDHU – Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano, que, usualmente, utiliza na construção das casas populares blocos de cimento, tijolo baiano e telhas de barro.
As novas residências dos índios de São Sebastião possuem piso de cimento liso, as paredes serão construídas com madeira de eucalipto tratado (autoclave) e o teto é de piaçava trazida da Bahia. Outro diferencial é o formato circular, como ocas, e a localização das casas que, ao invés de serem construídas em um único lugar (tipo geminadas) estão sendo dispostas à distância umas das outras, como na aldeia, de acordo com a vontade de seu morador.
O projeto, de aproximadamente R$ 1.050 mil, teve início no ano 2000, quando o atual prefeito era deputado, e atuou no Legislativo para resolver essa questão específica de São Sebastião e não transformará os índios da Aldeia do Ribeirão Silveira em mutuários do sistema de habitação estadual, pagando prestações mensais, uma vez que os recursos alocados pela CDHU e pela contrapartida do município serão contabilizados a fundo perdido.
O projeto habitacional teve preocupações específicas, principalmente em relação ao saneamento básico e infra estrutura em geral, e prevê a construção de um total de 59 moradias, sendo casas denominadas "tipo 1" – com aproximadamente 49 metros quadrados, com um dormitório, sala, cozinha, banheiro e varanda – e "tipo2", com 60 metros quadrados, tendo o mesmo número de cômodos.
Até o momento, 21 casas estão em fase de construção, sendo que oito aguardam apenas as ligações de rede de esgoto, água e luz elétrica. As ocas são construídas em fundação direta (sapata corrida), com piso de cimento liso, com entorno revestido de madeira de eucalipto tratado (autoclave), com banheiros em alvenaria com lavatório e ducha. O teto será também de madeira de eucalipto, com feixes de piaçava tratada.
A parte elétrica está sendo elaborada de acordo com as normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), com caixas de entrada independentes. Já as instalações hidráulicas terão caixas d`água com capacidade de 500 litros cada e distribuição em tubulação de PVC rígido.
As instalações sanitárias do conjunto receberam atenção especial. Para evitar danos ao meio ambiente numa região de Mata Atlântica, serão instalados tubos coletores de PVC rígido, com caixas de inspeção e gordura em alvenaria, tendo seu tratamento final em filtros biológicos, anaeróbios e valas de infiltração. (Fonte: PMSS)

Barequeçaba terá escola para mais 20 anos

São Sebastião - Os alunos do bairro de Barequeçaba, em São Sebastião, receberam na tarde de hoje, 19, a nova Escola Municipal, construída pela prefeitura do município.
Após 12 meses de obras, a escola conta com oito salas de aula, laboratório de informática, biblioteca, sala dos professores, sala de apoio psicopedagógico, além das demais dependências, que irão atender 245 alunos, num investimento de R$ 700 mil.
Segundo o prefeito Paulo Julião, a escola tem condições de atender ao crescimento do bairro para os próximos 20 anos. “Com o crescimento populacional que temos hoje no município, de 5% ao ano, a escola atenderá a demanda para os próximos 20 anos”, disse o prefeito.
Ele também lembrou o novo padrão de ensino implantado pelo Governo do Estado e que está na metodologia do município, com a separação das esco1as infantis, de 1ª a 4ª séries, de 5ª a 8ª séries e de segundo grau. “O Estado “pôs o dedo na ferida da educação” e, desta forma, fez a maior revolução educacional do país. As crianças não podem conviver com os jovens de 15, 16, 17 anos, seja pela questão pedagógica, seja pela questão de convivência social”, acrescentou Julião, destacando que o projeto municipal de educação visa levar às escolas de todos os bairros o mesmo padrão de ensino.
As novas instalações são divididas em dois módulos, sendo um para educação infantil e outro para 1ª a 4ª séries.
O laboratório de informática também será utilizado pela população do bairro, que poderá freqüentar aulas de computação no período noturno. Cerca de 225 vagas estarão disponíveis.
A Escola Luiza Helena de Barros, municipalizada em fevereiro de 2000, que abrigava os alunos do bairro, ficará com o ensino de 5ª a 8ª séries, além do supletivo, que também será implantado em Barequeçaba.
“O método pedagógico da escola visa o professor como mediador e o educando como um construtor de seu conhecimento. As atividades desenvolvidas com os alunos são baseadas em projetos de trabalho, assegurando à criança o direito de ser, pensar e sentir”, explicou a secretária da Educação, Vera Hilst, enfatizando que o local foi construído para que os alunos tenham vontade de estar dentro da escola.
A escola de Educação Infantil Emile Lévi – Arco Íris, fundada em 1986, atende 95 crianças dos bairros de Barequeçaba, Guaecá e Pitangueiras.
O nome da escola - Emile Lévi - é uma homenagem ao francês, presidente e fundador do Lions Clube de São Sebastião, que chamava o município de paraíso. Ele foi um dos grandes incentivadores a construção de uma escola para atender ao bairro de Barequeçaba, chegando a realizar vários eventos voltados a este intuito. O francês faleceu antes de ver seu sonho realizado.
A nova Escola Municipal de Barequeçaba, que está localizada na Alameda dos Eucaliptos, esquina com a rua Emílio Gomes, é a quinta a adquirir sala de informática. Desde o inicio da administração, já foram construídas 27 novas salas de aula em todo o município. (Fonte: PMSS)

Basquete vence Pindamonhangaba por 17 pontos

São Sebastião  - Na quinta-feira, dia 18 de abril, a equipe sebastianense de basquete na categoria adulto masculino enfrentou Pindamonhangaba na casa do adversário. O jogo aconteceu no Ginásio “João do Pulo”, às 20:00 horas e São Sebastião venceu por um placar de 96 à 79.
As parciais foram: 22 a 19 no 1º quarto, 15 a 14 no 2º quarto, 29 a 21 no 3º quarto e 30 a 25 no 4º quarto. Este jogo é válido pela Liga de Basquetebol do Vale do Paraíba e Litoral Norte.
Os cestinhas do jogo foram: o capitão do time, Neto e Felipe, ambos com 25 pontos cada e Thiagão com 21 pontos e 13 rebotes. Os destaques foram: Wesley - o Mineiro com 06 assistências, Marcelo com 05 assistências e Felipe, que além dos 25 pontos ainda pegou 18 rebotes.
Segundo o técnico, Adriano José Ruiz, este foi um jogo atípico devido a ausência de alguns jogadores, principalmente na posição de pivô. “Tivemos que improvisar com alguns jogadores a posição de pivô e isso causou uma instabilidade muito grande durante a partida. Mesmo assim, conseguimos obter um resultado positivo e ganhar com uma diferença de 17 pontos do adversário.”, afirma Ruiz.
Apesar do desfalque, a equipe tem um potencial técnico muito grande e utilizou muito bem esta virtude durante o jogo. “Mais uma vez volto a insistir , isto é resultado de muito esforço dos nossos atletas que treinam diariamente, seguindo uma programação que começa logo pela manhã e se estende durante todo o dia, sempre acompanhados de um profissional que ministra os treinamentos físicos e acompanha os atletas 24 horas. No nível em que estamos, precisamos estar totalmente voltados para as partidas e os nossos adversários . Temos todo apoio necessário da Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura, através do Departamento de Esportes e graças a credibilidade e confiança que o Prefeito Paulo Julião vem depositando na equipe, estamos podendo mostrar o real valor do basquetebol de São Sebastião.” completa.
O próximo adversário da equipe sebastianense que está invicta tanto na Liga Paulista como na Liga do Vale do Paraíba e Litoral Norte é a equipe de Cubatão. Os representantes de São Sebastião viajam no Sábado para jogar na casa do adversário e na quinta-feira, dia 25 de abril, São Sebastião enfrenta a equipe da cidade de Taubaté em casa. “Estamos preparando umas novidades para a torcida, mas é surpresa, é preciso vir ao jogo para saber.” finaliza Adriano. (Fonte: PMSS)

Projetos do Executivo dominam a pauta em Caraguá

Caraguatatuba - Os projetos do Executivo dominam a Ordem do Dia da 11ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Caraguatatuba, que acontece semanalmente, toda terça-feira, a partir das 19h30, com entrada gratuita. O primeiro doa área para a Fundação Renascer e o segundo, para a Associação dos Engenheiros locais. No projeto da Renascer há Vereadores contrários a propositura.
Projeto do Vereador Aurimar Mansano (PTB), acrescenta artigo a lei 864/00 que denomina avenida Benedito Fortunato a antiga avenida B, localizada no Parque Santa Helena, no Perequê-Mirim. Na época da aprovação da referida lei, em 2000, a digitação avenida B não aparecia na propositura.
O Executivo apresenta projeto que dá a Fundação Renascer direito real de uso de imóvel no bairro do Indaiá, com mais de 7.500 metros², além de uma doação de R$ 400 mil para a construção, pela entidade, de um Centro de Recuperação para Dependentes Químicos. Recentemente uma comitiva de Vereadores, acompanhados do prefeito municipal, visitaram local idêntico da entidade, em Santana de Parnaíba, onde puderam conhecer o sistema de trabalho.
A comitiva de Vereadores ficou encantada com as instalações, que deverão abrigar 90 jovens em regime de internato, por um período de 180 dias. Aliado ao centro, existe o Gauf (Grupo de Apoio e União da Família), que orienta tanto o dependente quanto a sua família, para o retorno ao convívio social.
Mesmo com a predileção de alguns Parlamentares, outros se manifestaram contrários, como Laércio Aparecido de Andrade - o Bolha (PPS), que não concorda com o sistema adotado pela Prefeitura. "No local seria implantada uma praça. O que será feito dos contribuintes que compraram seus imóveis numa área nobre, pensando na praça para valorizar suas residências?", pergunta. Para o Parlamentar, o mais correto seria doar a área, mas em local afastado, para que não houvesse contato com os internos até o final de seu período.
Outro ponto observado pelo Vereador, diz respeito as entidades já existentes no município. "Por que a Prefeitura não investe no que já temos, ao invés de trazer mais uma entidade de fora, com tantos benefícios", indaga.
Outro projeto do Executivo também fala na doação de uma área para a AEAA-C (Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Caraguatatuba). A área mede 1.658 metros² e está localizada no Pontal SantaMarina, localizado na zona sul da cidade. O prazo de concessão de direito real de uso será de 20 anos, com prorrogação por igual período. Este projeto já faz parte dos planos da entidade desde 97, quando o então presidente, Nilton de Oliveira e Silva, desejava uma nova sede para a entidade, que até hoje paga aluguel por uma casa no centro da cidade. Segundo o projeto, a construção deverá ser feita em 12 meses e ao final, toda benfeitoria será revertida ao município, sem a obrigação do pagamento de qualquer valor. (Fonte: Câmara Municial de Caraguatatuba)

Carta do Leitor

Antena de Celular - Moro aqui na Martin de Sá, em Caraguatatuba, e estou indiguinada com nosso sistema. Ao lado da minha casa estão começando a fazer uma dessas antenas de celular. Mas sabe da boa? Tem uma Lei Estadual que diz que não pode construir a menos que trinta metros de cada lado, mas cadê a nossa lei? Estao construindo a um metro e meio da minha casa. Gente, esta encostado na minha casa! De altura vai ter 40 metros. Por favor publiquem isso e se quiserem venham na minha casa ver que barbaridade.
Também estou sabendo que estão construindo uma antena em frente a Santa Casa. Será que não pensam na saúde dos doentes? Tenho infromações que as ondas emitidas pelas antenas são abortivas e podem cau sar câncer, e também prejudicar os aparelhos da Santa Casa.

Débora Fernanda Belutti
Martim de Sá
Caraguatatuba - SP


Parabéns Caraguá! - O CPEVAP - "Clube dos Pescadores do Vale do Paraíba", entidade que atua nas belíssimas praias desta querida cidade parabeniza-a pela passagem de mais uma data festiva de comemoração de aniversário de emancipação política.
Parabéns Caraguatatuba a mais bela e agradável cidade do Litoral Norte Paulista.

CPEVAP
Clube dos Pescadores do Vale do Paraíba

 



Clique Aqui para acessar a edição comemorativa de aniversário de Caraguatatuba


As notícias e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando nescessariamente a opinião deste informativo.


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão:

Clique Aqui.


Receba as Últimas Notícias do Litoral via e-mail!
e-mail:
Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

As notícias e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando nescessariamente a opinião deste informativo.


Leia também as colunas:
Para Refletir
Para Refletir
Margareth Bravo

Opinião

Ronaldo Dias

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor