Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 26 de abril de 2002 - Nº 520 Edições Anteriores

Studio Maranduba BIL - Bolsa de Imóveis do Litoral

Busca por palavras no Litoral Virtual:

Principais Manchetes:

Ex-prefeito é nova vítima da dengue em São Sebastião
Julião nega falha e critica antecessor
Estado suspende exames para diagnóstico
Polícia prende 6 pessoas e apreende 800 kg de palmito
XV tenta inscrever 3 reforços
Ondas baixas adiam provas masculinas
Andréa amplia o recorde de pontos
Tartarugas podem ter morrido intoxicadas por algas em Ubatuba
Projeto da Comtur promove intercâmbio com outras cidades
Diretrizes orçamentárias em audiência pública
Ubatuba apresenta produtos caiçara na Feira Internacional
Marafunda ganha espaço cultural
Recuperação do Sobradão do Porto
Teatro mistura talentos na Fundart
Fundart oferece incentivo a grupos folclóricos
Trabalhador ganha festa no 1º de Maio
Reflorestamento da Bacia do Rio Grande
Apresentação das escolas atraiu centenas de pessoas à Fundacc
CEI Rio do Ouro recebeu visita de educadoras de Alagoas
Hapki-Do é nova opção de esporte em Caraguatatuba
Vereadores visitaram o CEI Rio do Ouro
Carta do Leitor



Ex-prefeito é nova vítima da dengue em São Sebastião
João Siqueira contrai a doença em bairro nobre e culpa sucessor por avanço da epidemia na cidade

São Sebastião - O ex-prefeito de São Sebastião João Siqueira (PSB), 66 anos, e a sua mulher Priscila Dalledone Siqueira, 60 anos, engrossaram as estatísticas da epidemia de dengue que atinge a cidade.
Eles contraíram a doença e apresentaram os primeiros sintomas no final de março. Há 825 vítimas da dengue no município. "Senti dores no corpo, na cabeça, mas agora já me sinto melhor", disse Siqueira, que está sob cuidados médicos em São Paulo.
A limpeza de terrenos baldios foi uma das "bandeiras" do governo do ex-prefeito. Entre 96 e 2000, ele intensificou o cerco --e as notificações-- aos proprietários de lotes na cidade.
São Sebastião concentra 70,69% do total de infectados do Vale do Paraíba e Litoral Norte. Desse total, 94,58% dos casos são autóctones (contraídos no município).
O número de casos suspeitos também é o maior da região: 41,40% das notificações foram registradas no município.
As áreas mais atingidas são Itatinga, com 324 casos confiamdos, Topolândia, 123, região central, 83 e São Francisco, 26.
O bairro onde mora o ex-prefeito, Pontal da Cruz, é o quarto em incidência de dengue na cidade, ao lado do bairro São Francisco. "Mais de 30 pessoas ficaram doentes só na minha rua. É uma calamidade", disse Siqueira.
Para ele, a epidemia é resultado de um "desmonte" da Vigilância Epidemiológica, após sua saída da administração.
"Tínhamos uma equipe eficiente, que foi desmontada pela atual gestão", afirmou.
Segundo Siqueira, a prefeitura foi avisada pela Sucen (Superintendência de Controle de Endemias) sobre uma possível epidemia de dengue desde 1998. "Sabíamos do problema há muito tempo. Conseguimos manter controle enquanto estivemos na prefeitura", disse Siqueira.
Para o atual prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB), Siqueira estaria "mal informado".
"Se houve erro foi na administração dele. A dengue é um caso nacional e se temos epidemia hoje é fruto de uma má administração em 2000" (leia texto nesta página).
TURISMO- Comerciantes de São Sebastião temem que o avanço da epidemia afugente turistas do município.
O presidente da Aciss, Artur Ramirez Balut, disse que está preocupado com os números da doença.
"Ainda não sentimos impacto nas vendas, mas sem dúvida os turistas podem se afastar daqui. As pessoas não vão querer viajar e voltar com dengue", afirmou Balut.
CONTROLE- Desde quarta-feira, a Secretaria de Saúde do Estado interrompeu a realização dos exames de sangue para diagnosticar a doença na cidade.
A medida foi tomada porque São Sebastião utrapassou a incidência de 300 casos por 100 mil habitantes.
A Secretaria Municipal de Saúde decidiu assumir a sorologia para manter controle sobre os casos (veja texto nesta página). (Fonte: ValeParaibano)

Julião nega falha e critica antecessor

São Sebastião - O atual prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB), rebateu as críticas de seu antecessor e disse que vem priorizando as medidas de controle da dengue na cidade desde que assumiu a administração.
O ex-prefeito João Siqueira (PSB), que contraiu a doença, culpa Julião pelo avanço da epidemia na cidade. Ele atribuiu a alta incidência a um possível "desmonte" da Vigilância Epidemiológica na gestão tucana.
Para Julião, o ex-prefeito estaria "mal informado" ao atacar o atual governo. "Tivemos casos de dengue desde o ano passado. Se a época de procriação maior é o inverno, então a epidemia é fruto de um mau trabalho do Siqueira em 2000", disse o prefeito.
Segundo o secretário de Saúde, Aldo Conellian, 70 agentes da Vigilância Epidemiológica fazem o monitoramento da dengue na cidade. "Estamos fazendo um trabalho intensivo de precaução, limpando terrenos e orientando as pessoas", afirmou o secretário.
Pelo menos 300 armadilhas foram colocadas em pontos estratégicos. "Apesar dos números, já tivemos uma redução de focos positivos". (Fonte: ValeParaibano)

Estado suspende exames para diagnóstico

São Sebastião - A alta incidência de dengue levou o governo do Estado a suspender o exames de sangue para diagnosticar a doença em São Sebastião.
A Secretaria da Saúde interrompeu o envio de kits usados na sorologia anteontem.
A medida foi tomada porque o município ultrapassou o limite de 300 casos por 100 mil habitantes. A prefeitura decidiu bancar os exames a partir da próxima segunda-feira, para análise dos casos suspeitos. Os exames foram interrompidos na quarta-feira.
Segundo o secretário de Saúde, Aldo Pedro Conellian Júnior, serão adquiridos cerca de 300 kits por mês. O valor unitário do material varia entre R$ 2 e R$ 15.
"Vamos bancar os exames porque achamos importante manter um padrão de controle", disse.
O material deverá ser comprado hoje. A prefeitura não divulgou o nome da empresa que vai fornecer os kits.
Segundo o diretor da Vigilância Epidemiológica da DIR 21 (Diretoria Regional de Saúde), Antonio Carlos Vanzeli, a suspensão do envio de kits para cidades com alta incidência da dengue já estava prevista desde 2000.
Para o pesquisador da Sucen (Superintendência do Controle de Endemias) de São Paulo, Ricardo Ciaravolo, os municípios com epidemia como São Sebastião não necessitam de exame sorológico para diagnóstico da doença.
"Nestas ocasiões, basta a análise médica, que chamamos de critério clínico epidemiológico". (Fonte: ValeParaibano)

Polícia prende 6 pessoas e apreende 800 kg de palmito

Caraguatatuba - A Polícia Ambiental de Caraguatatuba prendeu seis pessoas na madrugada de ontem em uma fábrica clandestina de palmito industrializado. Os policiais foram recebidos a tiros pelo grupo que mantinha na casa quase uma tonelada do produto em vidros.
A fábrica, no bairro Pegoreli, área urbana de Caraguá, não possuía condições mínimas de higiene. O material seria distribuído provavelmente para restaurantes e lanchonetes no Estado.
A polícia chegou até a casa após receber uma denúncia anônima, passada também para a Polícia Militar. A denúncia era da existência de armas e drogas no local.
Segundo a Polícia Ambiental, dois carros da PM e Ambiental fizeram o cerco e renderam o bando. Até o final da tarde de ontem as armas não haviam sido encontradas.
A quadrilha foi presa por acondicionamento ilegal de palmito, que é crime ambiental. Foram apreendidos 800 quilos do produto em 448 vidros com 1,8 kg por embalagem, e vários rótulos.
No local a polícia também apreendeu uma picape Ford Rural, um Fusca e um caminhão baú Mercedes-Benz carregado com 600 vidros para palmito vazios.
Foram presos o autônomo Moacir Machado de Sousa, 34 anos, de Miracatu (SP), o lavrador Maurilis Martins Barbosa, 34 anos, e a empregada doméstica Andréia Ribeiro Barbosa, 25 anos, ambos de Juquiá (SP), os balconistas Márcio Guilherme Oliveira da Silva, 19 anos, e Maria Aparecida de Vasconcelos, 20 anos, e o serralheiro Ronaldo Augusto Marcelino, 36 anos, moradores de Caraguá.
Para a Polícia Ambiental, a quadrilha tinha encomendas de atravessadores. A Polícia Civil vai investigar o caso para saber de onde o palmito foi extraído. Há suspeita de que o produto possa ter sido retirado do Parque Estadual da Serra do Mar, área de proteção ambiental.
Segundo a Polícia Ambiental, cada palmeira juçara com 9 anos pode produzir apenas 2 kg de palmito em conserva.
A quadrilha foi levada para a Cadeia Pública da cidade. As mulheres presas devem ser transferidas para a Cadeia Feminina de Ubatuba. (Fonte: ValeParaibano)

XV tenta inscrever 3 reforços

Caraguatatuba - O XV de Caraguatatuba está tentando inscrever três novos jogadores que reforçariam a equipe no domingo, às 11h, em São Bernardo, contra o Palestra, pela Série B-1.
Trazidos e bancados por um dos empresários que abastecem o clube, o atacante Romano e os volantes Rodrigo e Oséas já entraram nos planos do técnico Paulo Roberto Messias, o Paulão.
"Tivemos que formar o elenco durante a competição, mas estou satisfeito com o nível dos garotos que chegam", disse o treinador quinzista.
O Guaratinguetá suspendeu as contratações de mais alguns jogadores, pois antes o técnico Gilmar da Costa irá reavaliar a equipe na partida de amanhã, às 15h, conta o Guarulhos, fora de casa.
Partindo para o seu segundo jogo no cargo, o treinador guaratinguetaense fez algumas experiências no coletivo de ontem à tarde e deixou a definição da equipe para hoje, provavelmente com a reestréia do volante Jéferson.
Reservas do Jacareí que entraram e corresponderam na partida anterior, o meia Juninho e os atacantes Fabinho e Charles disputam posições na equipe que amanhã realizará a sua primeira partida em casa pela Série B-3, às 15h, recebendo o Serra Negra.
Mesmo satisfeito com as vitórias do Atlético Joseense sobre o Paulista de Caieiras e a Ponte Preta-B, pelo marcador de 1 a 0, o técnico Paulo Davoli tem aproveitado a semana para aprimorar as finalizações.
"Podemos aproveitar melhor as oportunidades de gol que felizmente estão surgindo", disse Davoli. (Fonte: ValeParaibano)

Ondas baixas adiam provas masculinas
Repescagem ficou para hoje em Maresias com a presença de 12 dos melhores surfistas do ranking nacional

São Sebastião - A praia de Maresias ontem amanheceu com ondas ainda menores que na quarta-feira e a repescagem masculina do SuperSurf de São Sebastião acabou sendo adiada.
O segundo dia da etapa de abertura do 16º Circuito Brasileiro de Surfe Profissional ficou reservado para as disputas da repescagem e da terceira fase da categoria feminina. Já os 32 atletas que vão disputar a repescagem masculina foram dispensados e uma nova chamada foi confirmada para as 7 horas de hoje, quando será decidido se haverá ou não a continuação da competição.
A previsão é que só no final de semana as ondas voltem a subir e as finais podem até ser realizadas na segunda-feira.
"Não tem onda hoje (ontem) e se tem uma previsão de swell (ondulação) para o final de semana, vamos esperar porque do jeito que está não dá para surfar", disse o tricampeão brasileiro Peterson Rosa, que perdeu para o seu conterrâneo Jihad Kohdr na primeira fase e está escalado para enfrentar o cearense Claudemir Lima na repescagem.
Jihad foi uma das surpresas da quarta-feira no SuperSurf.
"Apesar de me sentir bem cansado, porque acabei de chegar da Austrália e estou com o fuso meio atrapalhado, consegui fazer uma estréia bem legal", falou Kohdr, um dos onze surfistas que estão estreando na elite nacional do SuperSurf neste ano.
"Agora, já passei para a terceira fase e vou ganhar uma folguinha para depois estrear em baterias homem-a-homem. Quero tentar me dar bem porque o SuperSurf é um dos principais campeonatos do mundo e a premiação é excelente", disse Kohdr.
Quem também destacou a premiação do SuperSurf 2002 foi o cabo-friense Victor Ribas, mais um que só chegou da Austrália na terça-feira à noite.
Assim como Kohdr, ele estreou na elite nacional em São Sebastião também com uma vitória nas pequenas ondas de meio metro de altura na quarta-feira.
"Estou superfeliz por estar competindo no Brasil. A premiação para o campeão brasileiro já era boa e agora vai ter uma Saveiro também e isso nos deixa ainda mais motivados. Em nenhum outro lugar do mundo existe um circuito tão forte, com etapas de quase 50.000 dólares só para surfistas do país. Só espero que as ondas aumentem para o show ficar mais bonito", disse Victor Ribas.
REPESCAGEM DE GALA - Na repescagem programada para hoje, entre 32 surfistas, 12 estão entre os 16 melhores do ranking brasileiro do ano passado.
Os três primeiros colocados do SuperSurf 2001 vão abrir a repescagem, com o atual campeão brasileiro Tânio Barreto (AL) enfrentando ao baiano Wilson Nora na primeira bateria.
Outro confronto que deverá chamar a atenção na repescagem é o da 11ª bateria, com Joca Júnior (RN) e Raoni Monteiro (RJ) revivendo a final da etapa do SuperSurf 2000, que foi vencida pelo potiguar. (Fonte: ValeParaibano)

Andréa amplia o recorde de pontos

São Sebastião - Apesar das ondas pequenas, a carioca Andréa Lopes ampliou o recorde de pontos do SuperSurf 2002 ontem em São Sebastião.
A atual campeã brasileira marcou 23,07 pontos para vencer a sua bateria na terceira fase da categoria feminina e superou os 22,33 pontos que o baiano Armando Daltro havia registrado anteontem.
"Tudo pode acontecer num mar desse e eu ainda estou buscando um melhor ritmo de competição, já que a temporada só começou agora em abril", disse Andréa.
A potiguar Alcione Silva competiu duas vezes contra a Andréa e ganhou a disputa pela segunda vaga nas quartas-de-final.
"Eu não comecei bem ontem (quarta-feira) e fui para a repescagem, mas hoje (ontem) me recuperei e consegui passar para as quartas-de-final", comemorou Alcione.
O outro grande destaque de ontem foi a niteroiense Taís de Almeida, que registrou a segunda maior marca da categoria - 21,83 pontos - em sua vitória sobre Francisca Pereira (SP), com ambas eliminando a novata Cláudia Gonçalves (SP).
"O campeonato está show. A premiação começou com R$ 15 mil por etapa, subiu para R$ 20 mil e agora vai ter um carro pra campeã brasileira e isso serve para que a gente treine cada vez mais para poder brigar por estes prêmios", afirmou Taís, que irá enfrentar Alcione Silva nas quartas-de-final.
Mas, a primeira disputa por vagas nas semifinais será entre Andréa Lopes (RJ) e Francisca Pereira (SP). Os outros desafios envolverão Suelen Naraisa (SP) contra a vice-campeã brasileira Juliana Guimarães (RJ) e Viviane Maria (RN) contra Brigitte Mayer (RJ). (Fonte: ValeParaibano)

Tartarugas podem ter morrido intoxicadas por algas em Ubatuba

Ubatuba - O Projeto Tamar, que dá proteção às tartarugas marinhas, removeu, há duas semanas, os dez animais que ficavam em tanques do núcleo instalado na ilha Anchieta, em Ubatuba.
No início do mês, uma tartaruga morreu no local. Outras três morreram após a retirada dos tanques, enquanto estavam sendo tratadas pelos biólogos.
A causa da morte dos animais ainda não foi identificada, mas a equipe técnica do Tamar apura a suspeita de intoxicação por proliferação de algas.
A retirada dos animais do tanque foi uma medida preventiva tomada pelo Tamar para evitar a morte de outros animais.
O biólogo José Henrique Becker disse que a retirada dos animais é temporária. As tartarugas devem retornar aos tanques depois que a causa das mortes seja identificada e solucionada.
"Estamos cuidando das tartarugas que ficaram doentes e não podemos devolver os animais aos tanques sem resolver o problema", disse.
A exposição das tartarugas, que eram utilizadas nos programas de educação ambiental, é uma das principais atrações da ilha Anchieta, que recebe por ano aproximadamente 60 mil turistas.
Na ilha, ficavam as espécies conhecidas como cabeçuda, de pente e a verde, esta a mais abundante em Ubatuba.
Os biólogos do projeto recolheram amostras da água e encaminharam para análise na USP (Universidade de São Paulo), para que seja apurada a suspeita de intoxicação por algas.
Becker disse que, em oito anos do núcleo, foi o primeiro registro de mortes de tartarugas por contaminação.
Programa - O núcleo de Ubatuba, onde está o programa do Tamar, é uma área classificada pelos biólogos do projeto como rica em alimentos. O local é escolhido pela tartarugas marinhas para crescimento e alimentação.
A área é uma das poucas no país que apresentam atividades desenvolvidas pelo núcleo durante o ano inteiro e não só no período de desova. Na região, o Tamar já salvou cerca de 3.500 tartarugas, que são monitoradas pelo projeto. (Fonte: Folha)

Projeto da Comtur promove intercâmbio com outras cidades

Ubatuba - O projeto “Cidadania e Turismo” desenvolvido pela Comtur (Companhia Municipal de Turismo) em parceria com a secretaria municipal de Educação da Prefeitura de Ubatuba, provocou o interesse da Prefeitura de Morungaba, São Paulo. Na última segunda-feira, 22, a prefeita Maria Rossi solicitou à Comtur informações sobre o projeto, para adaptá-lo às condições de sua cidade que é estância climática.
Em Ubatuba, o projeto será desenvolvido dentro das escolas municipais, estaduais e particulares. O objetivo é inserir o turismo no currículo educacional, para que os alunos conscientizem-se do potencial e da vocação turística de Ubatuba. Com isso, tornem-se receptivos em potencial para atender a demanda turística da cidade.
O projeto foi inscrito no XXII Congresso Brasileiro de Turismo e foi selecionado entre 92 concorrentes. O Congresso será realizado de 13 à 19 de maio, em Foz do Iguaçú, no Paraná. O presidente da Comtur, Luiz Bischof, afirma que este intercâmbio é fundamental para o desenvolvimento turístico das cidades com vocação para o segmento. (Fonte: ACS-PMU)

Diretrizes orçamentárias em audiência pública

Ubatuba - A Prefeitura Municipal apresentou na última quarta-feira, dia 24, na Câmara Municipal, a Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO, contendo os programas e os objetivos e metas para o próximo ano. Por meio de uma exposição detalhada, mostrando as ações prioritárias as serem desenvolvidas em cada secretaria e Câmara Municipal , o Secretário de Finanças, Luiz Nunes, cumpriu a exigência legal de levar ao público as projeções para 2.003. A previsão de arrecadação para o próximo ano é da ordem de R$ 64,0 milhões e, para este ano, de R$ 59,3 milhões. Todas as secretarias e órgãos da Prefeitura constam das diretrizes com destaque para as áreas de Saúde, Educação, Obras, Assistência Social , Agricultura e Abastecimento e Turismo. A peça orçamentária será analisada pela Câmara Municipal , com possibilidade de emendas, e encaminhada ao Executivo para ser sancionada. A LDO já vem montada com base na Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF, em que, entre outras exigências, está a de não gastar além do que a Prefeitura arrecada. (Fonte: ACS-PMU)

Ubatuba apresenta produtos caiçara na Feira Internacional

Ubatuba - O stand de Ubatuba na 52ª Udesejo (Feira Internacional do Conforto, Beleza e Lazer), que está acontecendo no Pavilhão de Exposições do Parque Anhembi, em São Paulo até o dia 28 de abril, além de divulgar e prospectar o turismo com farta distribuição de folders, está apresentando a indústria caiçara de pescado, como a sardinha anchovada, produtos naturais como a bananada artesanal entre outros produtos derivados que já são exportados para o mercado internacional. O stand está divulgando também o 1º Festival de Frutos do Mar que acontecerá de 29 de maio à 2 de junho, nos hotéis e restaurantes cooperados.
Na segunda-feira, 22, o vice-prefeito, Moralino Valim (PMDB), acompanhado do presidente da Comtur, Luiz Bischof, esteve visitando o stand de Ubatuba na Udesejo, que ocupa uma área de 25 m2. Valim elogiou a organização e a decoração que conta com muitas fotos de Ubatuba, uma canoa caiçara, uma rede de pescador e muita mídia impressa dos hotéis e restaurantes cooperados que participam do evento. Para Bischof, só foi possível a inserção de Ubatuba no evento a partir da parceria da Comtur, Prefeitura, Sindicato dos Hotéis, Associação Comercial e da JC Promoções. A organização do evento estima um fluxo de visitantes de cerca de 500 mil pessoas. (Fonte: ACS-PMU)

Marafunda ganha espaço cultural

Ubatuba - As antigas instalações de consultório odontológico e, mais recentemente, de instalação da Guarda Municipal, na Marafunda, serão utilizadas pela Fundart, mediante cessão de uso, para funcionar como espaço cultural. “ A Fundação pretende montar no local uma mini-biblioteca, oficinas culturais e levar cursos que tenham identificação com as vocações do bairro”, diz Silvia Issa, presidente da Fundart. Trata-se da sequência do projeto “Cidadãos do Amanhã”, voltado para crianças e adolescentes dos bairros , que teve início no bairro do Itamambuca e conta hoje com mais de 60 alunos frequentando as aulas de capoeira. O prédio na Marafunda, localizado à rua José Pinto Ferreira, em frente ao campo de futebol, sofrerá pequenas reformas e adaptações para dar início ao projeto pioneiro naquele bairro. (Fonte: ACS-PMU)

Recuperação do Sobradão do Porto

Ubatuba - O Fundo de Cultura, do Governo Federal, está destinando R$ 125 mil á Fundart para dar continuidade as obras de recuperação do Sobradão do Porto principalmente no que se refere a reforma do telhado, troca de madeiramento e instalações elétricas. O projeto vem sendo detalhado e tem o acompanhamento da Secretaria de Arquitetura e Urbanismo – SAU, da Prefeitura, com supervisão do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, órgão responsável pelo setor. O prédio ganhou maior visibilidade com a derrubada de paredes e colocação de grades e terá uma área coberta para o curso de cerâmica e outras atividades. (Fonte: ACS-PMU)

Teatro mistura talentos na Fundart

Ubatuba - Um grupo harmônico, de talentos diferenciados e boas perspectivas de sucesso. Esta análise é do artista plástico, ator e diretor de teatro Luiz Roberto Lopreto ao comentar o curso de teatro da Fundart, com 40 alunos, que teve início no último final de semana. O projeto é desenvolvido pela Fundart em parceria com a Secretaria de Cultura do Estado , vai até 29 de junho, e terá como ponto básico a performarce, criada pelos próprios alunos , e a formação de um núcleo permanente de teatro de Ubatuba. (Fonte: ACS-PMU)

Fundart oferece incentivo a grupos folclóricos

Ubatuba - A Fundart tem reunido os grupos folclóricos para reativá-los e colocá-los em condições de apresentações em em festas tradicionais dentro e fora do município. No último dia 18 de abril , a fundação reuniu cerca de 30 participantes dos grupos de chiba e ciranda do Promirim e no dia 21, no Poruba, com integrantes da Congada de São Benedito. Este final de semana será com os caiçaras do Itaguá, dos grupos “Caiçarada” e da Dança do Chapéu. Além da organização dos grupos, a Fundart vai participar com a oferta de trajes típicos padronizados, garantindo a memória dos grupos de danças que compõe o fandango de nossa cidade. (Fonte: ACS-PMU)

Trabalhador ganha festa no 1º de Maio

Ubatuba - Na próxima terça-feira, dia 30 e no feriado de 1º de Maio, a Sociedade Amigos do Bairro do Ipiranguinha – SABI, estará promovendo em parceria com a Prefeitura, Fundart e Comtur, a 2a Festa do Trabalhador, com apresentação de bandas, competições esportivas, assistência na área da saúde e prestação de serviços. Os eventos estão concentrados no palco armado pela Prefeitura na rua Bosque dos Coqueirais. A programação terá início na Terça-feira, ás 19 horas, com a Banda Som Caô, seguida da saudação da autoridades e finalizando com o show da Banda Orfeu, que participou do projeto “Agita Verão”, da TV Vanguarda. No dia seguinte, feriado de 1o de Maio, as atrações começam a partir das 9 horas com o Festival de Futebol de Salão, no Ginásio de Esportes Ipiranguinha; corrida pedestre pelo bairro e recreação para adultos e crianças. Durante o período da manhã, estão programados, mediante a apresentação de senhas, corte de cabelo para crianças, medição de pressão arterial, assessoria jurídica prestada pela Ordem dos Advogados do Brasil – OAB e preenchimento de carteiras de trabalho. No período da tarde do feriado, o bairro do Ipiranguinha vai Ter oportunidade de assistir a apresentação do Grupo TAU e dos grupos de teatro da Escola Idalina Graça; das Academias de Capoeira dos professores Noel e Chicão e da Caravana da Alegria Infantil. Á noite, as bandas de forró “ Sóxote” e “Criativa”, além do sorteio de bicicletas e cestas básicas fecham a programação que vai homenagear o trabalhador do bairro e da nossa cidade com muita diversão. (Fonte: ACS-PMU)

Reflorestamento da Bacia do Rio Grande

Ubatuba - O programa de preservação da região que compreende a Bacia do Rio Grande em Ubatuba teve início nesta quinta-feira, 25, e terá a duração de dois meses. Nesta primeira fase, serão plantadas duas mil mudas de plantas nativas entre Jequitibá, Pau-jacaré, Guapuruvu, Araçá, entre outras. São mais de 200 variedades de plantas doadas pelo grupo Votorantim. O programa é desenvolvido pelo Comitê de Bacias Hidrográficas do Litoral Norte (CBH/LN), que tem como presidente o prefeito de Ubatuba, Paulo Ramos (PFL). Este programa conta com apoios do Instituto Florestal (IF), Polícia Ambiental, Associação Amigos do Pé da Serra, Unitau e secretarias municipais de Agricultura, Arquitetura, Meio Ambiente e Obras da Prefeitura de Ubatuba.
Cerca de 30 pessoas participaram neste primeiro dia de reflorestamento. Estiveram presentes o prefeito Paulo Ramos, secretários municipais de Agricultura e Meio Ambiente e membros das entidades que participam do programa. A área de produção hídrica da Bacia do Rio Grande tem cerca de 80% dos três mil hectares totalmente intacta e protegida pelo Parque Estadual da Serra do Mar. As mudas estão sendo plantadas antes da área onde ocorre a captação de água para abastecimento de cerca de 88% da população de Ubatuba. Segundo Paulo Ramos, o reflorestamento ocorre na área que apresenta maiores problemas, como a ocupação desordenada, o que reflete na quantidade e na qualidade da água.
A coordenadora do grupo de trabalho, Viviane Buchianeri do IF, explica que na área de reflorestamento existem fatores que podem oferecer riscos de doenças à população. Entre os riscos estão a captação clandestina de água que é desperdiçada 24 horas e retorna para o leito do rio em forma de esgoto e a criação de animais como porcos, patos, cachorros entre outros, que produzem excrementos que também poluem e comprometem o curso da água. Buchianeri informa que este trabalho ocorrerá durante o ano inteiro e que o total de mudas doadas pelo grupo Votorantim será de 20 mil. “Com o reflorestamento das matas ciliares estaremos preservando a fonte de abastecimento do município”, afirma Buchianeri.
A duas mil mudas chegaram em dezembro dentro de tubetes. Foram transplantadas para saquinhos até atingir o tamanho ideal para o plantio, que é de um a dois metros. Neste tamanho ficam imunes à pragas e doenças. Neste período, houve a participação dos alunos da escola do Horto que também tiveram palestras ecológicas. Enquanto as mudas cresciam nos viveiros do IF, a Associação dos Moradores do Pé da Serra e diversos órgãos ambientais identificaram e cadastraram as principais áreas para o início do reflorestamento das matas ciliares. Este programa faz parte do Plano de Manejo da Bacia do Rio Grande, que busca soluções para a manutenção da quantidade e da qualidade da água fornecida à população de Ubatuba. (Fonte: ACS-PMU)

Apresentação das escolas atraiu centenas de pessoas à Fundacc
A Prefeitura Municipal de Caraguatatuba, através da Secretaria Municipal de Educação mostrou parte do trabalho realizado nas escolas de Ensino Fundamental, com projetos fora do horário de aula, nas áreas de dança, pintura, atividades esportivas, xadrez, entre outros. A apresentação do projeto de Dança desta vez aconteceu num lugar muito especial fora da escola: no palco da Fundacc

Caraguatatuba - A apresentação de dança, resultado do projeto especial de Educação Física, foi realizada com sucesso no auditório da Fundacc. Estiveram presentes o prefeito Antonio Carlos da Silva, a secretária de Educação, Roseli Morilla Baptista dos Santos, equipe da Secretaria Municipal de Educação, diretores, professores, pais de alunos e comunidade, que conferiram de perto o trabalho realizado pelas professoras de Educação Física Rosemary, do Estrela Dalva, Adriana Pileggi, do Morro do Algodão e Laís, do Tinga.
Estiveram participando cerca de 100 crianças das três escolas onde acontece o projeto de dança, e foram apresentados vários estilos de dança, em 10 coreografias. O encerramento teve a participação de alunos das três escolas e os alunos foram aplaudidos com entusiasmo pela platéia. Foram homenageadas as diretoras das escolas municipais participantes, a supervisora da área de Educação Física, Rosana Leite de Albuquerque, a secretária de Educação, Roseli Morilla e o prefeito Antonio Carlos, que em suas palavras falou da importância em investir na Educação. “Eu tenho filhos e zelo pela educação delas, e meu compromisso com a Educação torna minha responsabilidade ainda maior, com todas as crianças da rede municipal, garantindo um ensino de qualidade para que a criança seja o cidadão do futuro, que irá governar essa cidade e exercer a cidadania”, explicou Antonio Carlos, que na ocasião aproveitou para fazer uma conscientização sobre a importância em eliminar possíveis focos de Dengue nas casas.
Estiveram prestigiando a apresentação de dança cerca de 200 pessoas. (Fonte: PMC)

CEI Rio do Ouro recebeu visita de educadoras de Alagoas
O CEI - Centro de Educação Infantil “Profª Honorina Pacheco Corrêa”, no Rio do Ouro, recebeu nesta Quarta ferira 24, a visita de duas coordenadoras pedagógicas da rede municipal de ensino de Batalha, Estado de Alagoas

Caraguatatuba - Objetivando conhecer e tirar idéias do trabalho realizado no CEI - Centro de Educação Infantil “Profª Honorina Pacheco Corrêa”, no Rio do Ouro, as coordenadoras pedagógicas Sheila Bastos e Almira Albuquerque, do município de Batalha, em Alagoas, visitaram o CEI, nesta Quarta-feira 24.
Segundo Sheila Bastos, a cidade de batalha está firmando uma parceria com a Fundação Orsa, investindo na educação de 4 a 6 anos, que até então não existia no município.
Para conhecer melhor o trabalho pedagógico e as atividades da creche de Caraguá responsável pelo prêmio nacional Mérito Municipal, as educadoras passaram a manhã inteira conhecendo os ambientes e interagindo com as crianças de 3 meses a 3 anos e 11 meses que passam grande parte do dia na escola, participando de atividades para desenvolvimento motor, sensorial, entre outros, através de brincadeiras, ritmos, sons, e outros recursos estudados pelos educadores da creche e aplicados no dia-a-dia das crianças.
Segundo as coordenadoras, o ensino de 4 a 6 anos é uma novidade na cidade de Batalha e está começando neste ano, apenas em uma escola, na região central, onde participam da rotina diária cerca de 300 crianças.
A Fundação Orsa está realizando o Programa de Formação de Educadores neste município de Alagoas e paralelamente, implantando a educação de 1ª infância. Para isso, nada melhor que conhecer o trabalho realizado através da parceria entre a Prefeitura de Caraguá e Fundação Orsa, que há 1 ano vem mostrando bons resultados. (Fonte: PMC)

Hapki-Do é nova opção de esporte em Caraguatatuba
A cada dia novas atividades esportivas tem agitado em Caraguá e atraído diferentes pessoas, de idades também variadas. Um esporte que chegou para ficar é o Hapki-Do, que em Caraguá tem aulas ministradas pelo professor Luizão

Caraguatatuba - Caraguá tem de tudo: aeróbica, futsal, escolinha de surf, dança, enfim, uma gama de atividades esportivas para todas as idades e gostos. Para quem gosta de lazer e autodefesa, as melhores modalidades são Tae Bo, atividade que teve como grande precursora em Caraguá a professora Eliane Medrado, e agora a novidade é o Hapki-Do, que em Caraguá tem Luizão como monitor.
Neste Sábado, 20 de abril, aconteceu na Caraguá Training uma aula-exibição da arte marcial, ministrada pelo professor Carlos Machuca, de Jacareí, Campeão Brasileiro e Tetra-Paulista.
Mas o que é o Hapki Do? Esse esporte teve origem a cerca de 1500 anos na Coréia do Sul e tem como principal característica a diversificação de golpes, entre eles: imobilizações, torções, chutes e outros. Trata-se de uma atividade ideal para defesa pessoal. Na aula aberta, um dos principais temas esteve relacionado às técnicas de Solo. Na ocasião houve ainda um intercâmbio de conhecimentos entre os professores Carlos Machuca e o professor Luizão, monitor de Hapki-Do aqui em Caraguatatuba, com o objetivo de difundir a luta e ao mesmo tempo incentivar a irmandade entre os participantes. Prova de que a arte marcial já está bem sólida na região é a realização do Campeonato Paulista de Hapki-Do, que acontecerá no Sesi, em Jacareí, no dia 26 de Maio. Cerca de 300 atletas participarão da competição. Os interessados em participar dessa nova modalidade contam com a bagagem e técnica do professora Luizão. Para quem curte outros esportes como natação, futsal, karatê, tae-bo, vôlei, aeróbica e tantos outros esportes... Caraguatatuba continua oferecendo o que há de melhor! Caraguá não é só Turismo! É Educação, Cultura, Saúde, Esporte e Lazer! (Fonte: PMC)

Vereadores visitaram o CEI Rio do Ouro
Os vereadores da Comissão Relevante de Educação Vera Peixoto, Dalva Santana e Anderson Bertoncini estiveram no CEI Rio do Ouro nesta Quarta-feira 24, e conheceram parte das atividades realizadas com as crianças de zero a 3 anos

Caraguatatuba - O CEI - Centro de Educação Infantil “Profª Honorina Pacheco Corrêa”, no Rio do Ouro, uma parceria entre a Prefeitura de Caraguatatuba e Fundação Orsa, recebeu nesta Quarta-feira 24, a visita dos vereadores Vera Peixoto, Dalva Santana e Anderson Bertoncini, integrantes da Comissão de Assuntos Relevante de Educação.
Na ocasião, os legisladores conheceram as salas, ambientadas especialmente para as crianças, e puderam conhecer algumas atividades pedagógicas realizadas com os alunos do CEI.
As impressões foram boas. O CEI Rio do Ouro teve seu projeto pedagógico “Colorindo Nosso Tempo” reconhecido, já que o trabalho foi vencedor do Prêmio Mérito Municipal, na categoria Educação, quando Caraguatatuba concorreu com cidades de todo o Brasil. Nessa época a creche não tinha mais de 9 meses de vida.
Segundo as vereadoras Vera Peixoto e Dalva Santana, a visita ao CEI não foi com o intuito de realizar uma inspeção, mas de perceber se a escola tinha necessidade de alguma coisa, de materiais e infra-estruturas, porque a Comissão, fazendo seu papel, levaria ao prefeito sugestões a respeito.
Os vereadores conheceram as salas de berçário, mini-grupo e grupos I e II, e acompanharam a refeição feita pelas crianças no horário do almoço. Durante a visita, os legisladores encontraram com as coordenadoras pedagógicas de Alagoas, que elogiaram a iniciativa dos vereadores, em se preocupar com a educação. “Seria muito bom se em nossa cidade, os vereadores tivessem essa visão com relação a área educacional”, finalizou Almira Albuquerque, coordenadora pedagógica da rede municipal de Batalha- AL. (Fonte: PMC)

Carta do Leitor

Grana pra burro, mas... - Em socorro ao nosso aflito amigo Moacyr Colli, que manifestou ontem sua incompreensão quanto a alguns aspectos da administração pública sebastianense, venho informar qual tem sido a evolução do orçamento municipal desde 1997.
Por ora, uma simples leitura permitirá que se chegue a algumas conclusões. Imagino que, diante das evidências, poucos leitores poderão atribuir a falta de recursos os problemas citados por Moacyr Colli.

 

São Sebastião – Receita Corrente Líquida

Ano

Valor

Variação

1997

R$ 62 milhões

 

1998

R$ 67 milhões

+ 6,3%

1999

R$ 83 milhões

+ 23,8%

2000

R$ 95 milhões

+ 14,4%

2001

R$ 125 milhões

+ 31,5%

2002 (*)

R$ 153 milhões

+ 22,4%

(*) Receita Orçamentária projetada


Vitório Manoel Moreira Papini
Boiçucanga, São Sebastião, SP
Litoral Nort
e

 


Hansamarc BIL - Bolsa de Imóveis do Litoral

As notícias e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando nescessariamente a opinião deste informativo.


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão:

Clique Aqui.


Receba as Últimas Notícias do Litoral via e-mail!
e-mail:
Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

As notícias e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando nescessariamente a opinião deste informativo.


Leia também as colunas:
Para Refletir
Para Refletir
Margareth Bravo

Opinião

Ronaldo Dias

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor