Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 28 de junho de 2002 - Nº 561 Edições Anteriores

Saint Tropez Flamboyant Chalés Gaivota

Litoral Norte:
   PM ganha casa para morar no Litoral Norte

Caraguatatuba:
   Uso de trator da prefeitura é investigado
   5ª Caminhada para Hipertensos e Diabéticos
   Dise prende traficante condenado e procurado em Caraguatatuba

Ilhabela:
   Ilhabela tem oficina e música
   Hospital será inaugurado na segunda, mas funciona de forma parcial
   Ilhabela conquista vice-campeonato em Guaratinguetá

São Sebastião:
   Inauguração do Entreposto de Pesca celebra o Dia de São Pedro
   Jornada Paulista de cerimonial encerra com saldo positivo
   Basquete vence Jacareí na casa do adversário
   Proerd entrega certificados para alunos de Boiçucanga

Ubatuba:
   Litoral de Ubatuba pode ganhar píers
   TCE suspende concorrência em Ubatuba
   Velejadores de Ubatuba se preparam para eventos em Ilhabela
   Pesca artesanal será incentivada em Ubatuba
   Prefeitura poderá ingressar na era digital
   Ubatuba nas finais da Livovali
   Aeroporto será reformado e Centro de Convenções está garantido

   Carta do Leitor



PM ganha casa para morar no Litoral Norte
Prefeituras oferecem moradias e abonos salariais para policiais militares se fixarem no Litoral Norte

Litoral Norte - Prefeituras do Litoral Norte estão tentando aumentar o efetivo da Polícia Militar na região pagando um salário extra e construindo casas para os policiais. Segundo a PM, a maior dificuldade para fixar efetivo na cidade é o alto custo de vida e de imóveis.
O déficit de policiais seria o principal motivo para o aumento nos índices de crimes como roubos a residências, comércio e de veículos nas cidades do litoral.
Os casos mais graves são registrados na costa sul de São Sebastião, que possui cinco PMs e duas viaturas, e na costa norte de Caraguatatuba, que tem apenas dois policiais.
Em maio, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) prometeu um reforço de 41 policiais militares para São Sebastião, sendo 19 para a costa sul, onde o comando da PM pretende instalar um pelotão.
Para garantir a permanência dos policiais na região, a prefeitura pretende oferecer casas aos policiais. A sede do pelotão será construída na Barra do Una em parceria da comunidade com a prefeitura. O prédio, orçado em R$ 190 mil, será feito pelos moradores.
Segundo o presidente da Sociedade Amigos da Barra do Una, Fernando Antônio Gonçalves da Silva, no local serão construídas seis casas para familiares de PMs. A previsão é terminar a obra até dezembro.
O comandante da 1ª Companhia da PM, tenente Fernando Marcos Pedroso de Carvalho, afirmou que o efetivo extra deve chegar em agosto.
O prefeito Paulo Julião (PSDB) afirmou que as casas para policiais poderão ser construídas em outros bairros. Ele disse que também está sendo estudado um projeto, em conjunto com a PM, para pagar um bônus aos policiais que trabalharem na folga.
PRÓ-LABORE -- A Câmara de Caraguatatuba vota hoje um projeto de lei que inclui uma emenda de complementação salarial para os policiais. Caso seja aprovada a lei, será o primeiro município da região a pagar salário extra aos PMs.
Em Ilhabela, a Câmara também deverá votar um projeto para pagamento de pró-labore de até R$ 400 para PMs. Segundo o vereador José Donizette da Silva (PFL), a previsão é que o projeto seja votado ainda este ano. (Fonte: ValeParaibano)

Uso de trator da prefeitura é investigado

Caraguatatuba - Vereadores da bancada de oposição ao prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos da Silva (PSDB), pretendem denunciar a administração ao Ministério Público por suposto uso de máquinas públicas em obras particulares na cidade.
A vereadora Madelena Fachini (PSB) afirma ter flagrado veículos oficiais em um terreno pertencente à secretária de Finanças, Emília Kawata de Sá.
No local, de 60 mil metros quadrados, deve ser construído um cemitério particular. O trator da prefeitura teria retirado terra no terreno.
Madalena encaminhará uma representação à promotora de Cidadania, Elaine Taborda.
DOAÇÃO- O prefeito Antonio Carlos da Silva confirmou o serviço. Ele disse, no entanto, que a terra retirada no local onde será construído o cemitério foi doada à prefeitura.
"Era de nosso interesse retirar o material, que servirá para aterramentos", afirmou o tucano.
Antônio Carlos também confirmou que o terreno é de propriedade da secretária de Finanças. Ele informou que o serviço no local teria sido feito independentemente da doação da terra.
"Lá será construído um cemitério que concederá à prefeitura um total de 120 vagas por ano. É importante que ajudemos para que a obra seja concluída o mais rápido possível, uma vez que o cemitério municipal não tem mais vagas", disse o prefeito. (Fonte: ValeParaibano)

5ª Caminhada para Hipertensos e Diabéticos
Participantes do grupo de orientação para diabéticos e hipertensos dos bairros Casa Branca e Olaria caminharam nesta quinta-feira até a praia Martim de Sá, onde farão também exercícios físicos adaptados e alongamento

Caraguatatuba - A equipe do PSF Programa Saúde da Família dos bairros Olaria e Casa Branca realizou a 5ª Caminhada para Hipertensos e Diabéticos nesta quinta-feira, dia 27 de junho, à partir das 7h30 com os participantes do grupo de orientação para hipertensos e diabéticos.
O trajeto foi da Unidade de Saúde do bairro até a praia Martim de Sá. Antes da saída e no retorno do passeio, a equipe do PSF mediu a pressão arterial dos participantes. Na praia, os participantes tiveram aulas de alongamento e exercícios leves adaptados para a idade média dos participantes. Em seguida, todos retornaram para o bairro, onde fizeram uma breve confraternização. O projeto contou com o apoio e a colaboração da Ditran e da Prefeitura Municipal.
Esta é mais uma atividade social do PSF e está incluída na programação do grupo de orientação visando prevenir agravações e complicações da diabetes ou hipertensão. O PSF tem obtido excelentes resultados com os grupos de orientação para quem sofre destas e de outras doenças em todo o município. Também foram formados nestes e em outros bairros, grupos de orientação para 3ª idade, gestantes, mães, dependentes químicos, crianças desnutridas, entre outros grupos.
A equipe de médicos, enfermeiros e auxiliares do PSF trabalham a conscientização sobre a doença, sua prevenção e dicas para evitar complicações da doença através de uma vida mais saudável. A prática de exercícios, a boa alimentação e a informação são muito estimulados nestes grupos. (Fonte: PMC)

Dise prende traficante condenado e procurado em Caraguatatuba

Caraguatatuba - A Dise (Delegacia de Investigação Sobre Entorpecentes) do Litoral Norte prendeu ontem, R.F.S., 33 anos, acusado de tráfico de drogas, e P.A.F.L., 47 anos, procurado pela Justiça de Atibaia, desde 1999. As prisões foram feitas em Caraguatatuba e partiram de dois mandados de busca e apreensão.
Pela manhã, no bairro Praia das Palmeiras, os policiais foram verificar uma denúncia de tráfico, onde o informante dizia que P. fazia o comércio de entorpecentes. No local, eles não encontraram droga, mas descobriram que P. tem um pedido de prisão, expedido pela Justiça de Atibaia, em uma condenação de receptação.
Morador em São Paulo, P. alegou à polícia que veio visitar a família da mulher que reside em Caraguatatuba.
No período da tarde, no bairro Jardim Gaivota, a Dise prendeu R., que quando viu os policiais tentou engolir 11 pedras de crack.
R. engasgou e acabou cuspindo a droga, que era vendida por R$ 10,00 cada pedra. Ele negou o tráfico alegando que era para consumo. R., morador no Tinga, estaria fazendo o tráfico na casa da sogra, onde dormia com a mulher. Com ele também foi apreendido R$ 25,00. (Fonte: Imprensa Livre)

Ilhabela tem oficina e música

Ilhabela - O Espaço Cultural Pés no Chão, em parceria com a Unitrilhas, vai promover nos dias 29 e 30 de junho o "Instrumental Pés no Chão". O evento fecha a programação do primeiro aniversário da Entidade que ocorreu no dia 18 deste mês.
A programação do Instrumental incluirá, no sábado, a trilha para a cachoeira da Água Branca, às 13h30; oficina 'Sonhos no Vento', com confecção de pipas, às 14h e Oficina 'Mãos na Massa', às 15h.
Domingo, dia 30, as atividades começam bem cedo. Às 7h30 será realizada outra trilha, desta vez rumo à Cachoeira da Laje. Às 15h, oficina "Lixo e arte" e a oficina "História da Viola", com Ivan Vilela, às 16h.
A programação noturna começa no sábado, às 19h, com um estudo cênico do Teatro de Oz. A peça, "A terceira Margem", é de Guimarães Rosa, com a direção de Juliana Sussel e interpretação de Cleiton Moreira.
Logo após o espetáculo teatral, terão início as apresentações musicais de Eduardo Agni, Ivan Vilela e Renato Anesi.
Eduardo Agni é violonista e compositor, desenvolvendo a técnica de duas mãos. Ivan Vilela é um mestre da viola brasileira e profundo pesquisador das nossas tradições e Renato Anesi é compositor e multi-instrumentista, toca violão de 7 cordas, bandolim e viola caipira, tendo gravado dois CDs, Corda Coral e Rosa dos Tempos.
Entrada Gratuita. Informações pelo telefone (0xx12) 3896.6727. (Fonte: ValeParaibano)

Hospital será inaugurado na segunda, mas funciona de forma parcial

Ilhabela- O Hospital Municipal de Ilhabela será inaugurado na próxima segunda-feira, mas vai funcionar parcialmente. De início, somente o pronto-socorro e a maternidade estarão em atividade e irão custar ao município R$ 70 mil por mês. A utilização total dos serviços ocorrerá conforme o aumento da receita da prefeitura que, espera gastar cerca de R$ 300 mil mensais com a instituição.
As obras estavam paradas desde 2000 e foram reiniciadas em novembro do ano passado. Para terminar a construção foram investidos R$ 2,5 milhões e levou sete meses para ser concluída. O hospital possui três mil metros quadrados de área construída. Nesse espaço, além da maternidade e do pronto-socorro, o local conta com dois centros cirúrgicos, sala de pediatria e 50 leitos.
O prefeito Manoel Marcos disse que foram várias viagens para São Paulo para capitar verbas junto ao Governo do Estado. “Também estivemos em Brasília para angariar fundos para a compra de equipamentos como raio-x e os instrumentos cirúrgicos.”
O prefeito disse que a inauguração do Hospital Municipal representa um marco na história de Ilhabela. “Há muito tempo a população local clama pela construção do hospital e, finalmente, a obra ficou pronta. A partir desse momento, o município se torna auto-suficiente em matéria de saúde.”
Para a cerimônia de inauguração foram convidados o governador Geraldo Alckmin, o secretário estadual da Saúde, José da Silva Guedes, o presidente da Assembléia Legislativa, Walter Feldman e os prefeitos do Litoral Norte. (Fonte: Imprensa Livre)

Ilhabela conquista vice-campeonato em Guaratinguetá

Ilhabela - Neste domingo, 23, a equipe do futebol feminino de Ilhabela conquistou o vice-campeonato em disputa com Lorena pelo V Campeonato Regional de Guaratinguetá, promovido pela Liga Municipal de Guará. Ilhabela fez uma ótima campanha desde o começo chegando invicta na final até sofrer a primeira derrota no campeonato contra Lorena, que é considerada uma equipe forte e tradicional no esporte.
Foram três meses de competição onde o futebol feminino de Ilhabela cresceu e mostrou força e competência derrotando equipes fortes como São Sebastião e Guaratinguetá. Para o técnico Everaldo Vieira o 2º lugar não foi motivo de tristeza e considera o campeonato uma preparação para os Jogos Regionais.
O jogo Ilhabela X Lorena começou com a vice-campeã abrindo o placar aos 5 minutos do primeiro tempo com gol de Fábia, que conquistou a vice-artilharia do campeonato com 14 gols. Ainda no primeiro tempo, Lorena marcou um gol de falta e outro de penalti. No segundo só deu Ilhabela no ataque, mas no final do jogo Lorena marcou o último gol finalizando em 3x1.
Segundo Everaldo o campeonato também foi válido para conhecer as outras equipes, que também disputarão o 46º Jogos Regionais em Mogi das Cruzes. A equipe do futebol feminino contou com o apoio da Prefeitura Municipal através da Diretoria de Esportes. (Fonte: PMI)

Inauguração do Entreposto de Pesca celebra o Dia de São Pedro

São Sebastião - Neste sábado, 29, às 17 horas, a Prefeitura de São Sebastião irá inaugurar o entreposto de pesca, localizado no bairro São Francisco, região central, em comemoração ao Dia de São Pedro.
O local está em funcionamento desde o início do mês de junho, quando terminou a época do defeso, administrado pela Cooperpescass – Cooperativa de Pesca -, composta por cerca de 56 integrantes, sendo duas equipes: uma na terra – formada pelas mulheres dos pescadores, responsáveis pela limpeza do pescado e a venda –, e outra no mar – composta pelos homens.
A obra do entreposto foi orçada em R$ 144 mil. A maior parte do recurso – R$ 130 mil – advém de convênio assinado com a Secretaria Estadual de Agricultura e foi destinado à compra de materiais para a construção dos boxes e de equipamentos como câmara frigorífica e fábrica de gelo.
O entreposto é uma luta antiga dos pescadores do bairro. Por falta de um local apropriado para comercialização da pesca, cerca de 20% do lucro da venda era gasto com o frete para transporte do produto ao Ceasa.
Com isso, em época de defeso, de abril a junho, segundo o pescador Paulo Roberto Costa, a renda semanal do pescador girava em torno de R$ 20 a R$ 30 e, quando a pesca do camarão estava liberada, a renda líquida chegava a R$ 800, ficando apenas um quarto (R$ 200) para o pescador e o restante para o proprietário do barco.
Com a formação da Cooperativa de Pesca, essa realidade já começou a mudar. Com a venda no atacado e comercializando direto com o Ceagesp, sem a intervenção de atravessadores, segundo o presidente do órgão, Celso Bonotti, 42, o preço do camarão na cooperativa de pesca é 50% menor do que nas peixarias.
Com cerca de 20 embarcações, o custo da pesca – óleo de motor e gelo - também diminuiu em 10%, na mesma proporção que aumentou a venda. Com uma produção estimada em 3 mil kg/dia, os pescadores já pensam em investir para dobrar a produção em 1 ano.
“Com a cooperativa a renda dos pescadores aumentou em 15%. Nesta primeira quinzena, o valor pago às embarcações variou de R$500 a R$ 4 mil, de acordo com o tamanho do barco”, explica Bonotti.
As mulheres dos pescadores são as mais animadas com o resultado. Algumas, como dona Célia Testa Surgino, 47, nunca haviam trabalhado fora de casa e, com a cooperativa, estão tendo a oportunidade de ingressar no mercado. “Vamos trabalhar juntos para ir mais longe”, disse.
A idéia de criar a cooperativa de pesca surgiu através da parceria da Prefeitura Municipal, por intermédio da Assessoria de Assuntos Comunitários, com o Sebrae – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, que realizaram diversas reuniões com os pescadores mostrando os benefícios que esta iniciativa traria a classe.
Esta parceria resultou na entrega do Selo Prefeitura Empreendedora – Prêmio Governador Mário Covas ao prefeito Paulo Julião pelo diretor superintendente do Sebrae/ SP, José Luiz Ricca, no dia 8 de junho. (Fonte: PMSS)

Jornada Paulista de cerimonial encerra com saldo positivo

São Sebastião - Foi encerrada ontem, dia 27, em São Sebastião, a 1ª Jornada Paulista de Cerimonial, realizada no Teatro Municipal, numa iniciativa da Prefeitura em parceria com o CNCP - Comitê Nacional de Cerimonial Público.
O evento contou com a presença de pessoas renomadas na área como Nelson Speers, consultor do CNCP; Hugo de Faria Almeida, presidente do CNCP; Brasília Arruda Botelho, chefe do cerimonial do Governo do Estado de São Paulo e diretora adjunta do CNCP, além de outros especialistas.
No total, participaram do evento 148 pessoas que representaram 49 municípios do Estado de São Paulo, assim também como dos Estados do Rio de Janeiro e do Amazonas. Os participantes puderam participar de palestras e trocar experiências sobre diversos assuntos que abordam a questão do cerimonial como a captação de patrocínios para eventos dos órgãos públicos, visitas de autoridades governamentais e não-governamentais, organogramas para cerimoniais, uso de bandeiras e convites, além de cerimoniais militares.
Para Leslie Anne Khoury, da equipe do cerimonial da Prefeitura de São Sebastião, o encontro foi muito proveitoso pois, diferentemente de um curso, a jornada enriquece um cerimonialista devido a possibilidade da troca de experiências. “A idéia foi muito válida. Nós tivemos a participação de muitos chefes de gabinetes que vieram descobrir neste evento, a importância de se ter uma equipe preparada para o cerimonial e, desta forma, pretendem levar a jornada para os seus municípios”, destacou Leslie.
A profissional de Relações Públicas e chefe do cerimonial da Prefeitura de Hortolândia, Marisilvia Ribeiro, sentiu-se satisfeita com o evento. Segundo ela, poder trocar experiências e receber informações de tudo o que se aprende em livros com exemplos consistentes nas aplicações práticas, enriquece a performance do profissional da área de cerimonial. “Nós temos de destacar a iniciativa e o valor que o prefeito destinou para esta jornada, trazendo profissionais que são mestres em cerimonial. É uma atitude diferenciada de muitos políticos que não conseguem enxergar a importância dos cerimonialistas à qualquer administração pública”, exemplificou Marisilvia.
O prefeito Paulo Julião esteve no Teatro para realizar o encerramento do evento e ficou satisfeito em saber da aceitação geral e que, desta forma, poderá contribuir para uma melhora na qualidade do cerimonial de cada cidade que esteve presente nos dois dias da jornada.
O presidente da CNCP, Hugo de Faria Almeida, informou da possibilidade de se realizar, no segundo semestre de 2004, o Congresso de Cerimonial em São Sebastião. (Fonte: PMSS)

Basquete vence Jacareí na casa do adversário

São Sebastião - Na última quarta-feira, dia 26 de junho, a equipe sebastianense de basquetebol masculino adulto fez o primeiro jogo da fase final do campeonato pela Liga de Basquetebol do Vale do Paraíba e Litoral Norte.
O adversário de São Sebastião foi a equipe do Trianon de Jacareí, e após um jogo bastante disputado, na casa do adversário, o placar final foi 106 a 74. As parcias foram: 22 x 16; 27 x 25; 26 x 13 e 31 x 20.
O cestinha de São Sebastião foi o pivô Adilson com 24 pontos, mas o destaque vai novamente para o pivô Felipe, que fez 22 pontos, deu 4 assistências e pegou 16 rebotes, favorecendo a equipe. O armador Marcelo, também teve uma participação especial na partida com 17 pontos e 09 assistências. “Mantivemos um ritmo de jogo muito bom e toda a equipe se concentrou perfeitamente nas estratégias criadas para este jogo. Esta integração da equipe é muito importante nestas horas de decisão, além do que, existe muita seriedade, concentração e respeito pelo basquetebol e pelas pessoas que nos apoiam nesta batalha árdua.” Diz o pivô Adilson.
O segundo jogo que estava marcado para este sábado, foi transferido pela Liga Regional para quarta-feira, dia 03 de julho, no Ginásio Municipal de Esportes “José de Souza Gringo”, às 21:00 horas e caso haja necessidade de um terceiro jogo, o mesmo deverá acontecer também em São Sebastião, na quinta-feira, dia 04 de julho, às 21:00 horas. E os jogadores fazem o convite, “Em nome dos jogadores, gostaria de aproveitar a oportunidade para convidar a população de São Sebastião, para comparecer ao jogo nesta Quarta. A presença da torcida sempre é essencial porque passa segurança e boas vibrações para nós que estamos dentro da quadra. Se vencermos o próximo jogo contra Jacareí, seremos campeões da Liga Regional e gostaríamos de dividir este título com a comunidade local.” Finaliza o armador Fernando. (Fonte: PMSS)

Proerd entrega certificados para alunos de Boiçucanga

São Sebastião - Cerca de 100 alunos da escola municipal Guiomar Aparecida Conceição Souza, em Boiçucanga, receberam certificados de participação do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e Violência), desenvolvido pela Polícia Militar. Os alunos de 4ª série participaram da cerimônia que aconteceu no Centro Cultural Municipal da Costa Sul.
O programa, que existe desde 1998, já atinge a 100% das escolas do município, segundo a sargento Sônia Ribeiro Gonçalves. “Atuamos inclusive nas comunidades isoladas do Montão de Trigo, Abras do Una e na aldeia guarani de Boracéia”, disse.
A sargento explicou que a questão das drogas e violência é trabalhada em 17 aulas, que acontecem uma vez por semana. “Nós elevamos a auto-estima das crianças, incentivamos a prática de esportes.
Mostramos que toda uma comunidade acredita nelas, já o comércio local patrocina as camisetas do curso”, falou.
A policial, , que dá a aulas desde o início do projeto, disse se sentir recompensada com o carinho dos alunos. “Os ex-alunos sempre me dizem que ainda são Proerd, quer dizer, estão longe das drogas”, disse. (Fonte: Imprensa Livre)

Litoral de Ubatuba pode ganhar píers

Ubatuba - Ubatuba está estudando a implantação de píers em 15 praias até a próxima temporada de verão. O objetivo é atrair navios de turismo e para facilitar o embarque e o desembarque de passageiros de pequenas e médias embarcações, e de cargas nos locais.
Representantes da prefeitura, proprietários de escunas e da Associação Comercial navegaram por várias praias para verificar os melhores pontos para instalação dos píers.
O projeto está sendo elaborado pela administração. A proposta será apresentada à comunidade. Os píers --plataforma utilizada como uma espécie de cais-- terão 25 metros de comprimento cada.
Entre os locais que poderão receber os píers flutuantes estão as praias do Cruzeiro, Toninhas, Enseada, Picinguaba, Almada, Sete Fontes, Lagoinha, Maranduba e as ilhas das Couves e do Promirim.
A administração ainda não concluiu o levantamento dos custos para o projeto. Segundo o presidente do Comtur (Companhia Municipal de Turismo), Luiz Bischof, um projeto-piloto foi concluído há 15 dias e os estudos com levantamento de custos e detalhamento dos píers está em andamento.
"A construção será feita em parceria com a iniciativa privada", disse Bischof. (Fonte: ValeParaibano)

TCE suspende concorrência em Ubatuba

Ubatuba - O TCE (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) determinou a suspensão do processo de licitação aberto pela Prefeitura de Ubatuba para a concessão de transporte coletivo do município.
O resultado da avaliação das propostas técnicas das quatro empresas que participam do certame seria divulgado ontem pela comissão, mas foi adiado pela Comissão Especial de Licitações.
"O TCE suspendeu o procedimento no começo da noite de ontem (anteontem). O tribunal pediu mais informações sobre o processo de licitação", afirmou o membro da Comissão Especial de Licitações da prefeitura, Jean Briet.
A licitação foi suspensa porque a Viação Costamar Transportes, que atualmente presta serviços em caráter precário no município, encaminhou uma representação ao TCE questionando o certame.
Participam do processo de licitação a Auto Viação São Sebastião, que opera o sistema de transporte em São Sebastião, a Rodoviário e Transportes São José, de Guaratinguetá, a Primavera Transportes e Turismo, de Santo André, e a Novo Milênio Turismo Ltda, de Camaçari (BA).
Está a segunda vez que o processo licitatório é suspenso pelo TCE. Em fevereiro, a licitação foi suspensa porque o tribunal aceitou os questionamentos feitos pela Costamar. "Temos uma liminar do TJ (Tribunal de Justiça) que permite a licitação", disse Briet.
RECURSO - A sócia-proprietária Viação São José, Edna Abdala, afirmou ontem que pretende encaminhar um mandado de segurança pedindo a continuidade da licitação .
"A Costa Mar teve prazo para participar do processo. Ela retirou quatro editais e não participou porque não quis", afirmou Edna.
O representante do Viação Costa Mar não retornou a ligação para comentar o assunto. (Fonte: ValeParaibano)

Velejadores de Ubatuba se preparam para eventos em Ilhabela

Ubatuba - A equipe de velejadores da AVM (Associação de Velejadores de Monotipo) do Saco da Ribeira se prepara para participar da Semana de Vela de Monotipo que acontece em Ilhabela nos dias 6, 7 e 8 de julho. A AVM é formada por uma equipe de marinheiros e representa a cidade de Ubatuba no evento, disputando com dois atletas na classes Laser (olímpica) e três na classe Holder, categoria que vem crescendo nos últimos anos e na qual os velejadores ubatubense vem conseguindo maior destaque. A AVM vem recebendo o apoio da secretaria de Esportes e Lazer (SEL) da Prefeitura de Ubatuba.
Segundo Marlon Cândido, marinheiro de 27 anos e vice-presidente da AVM, residente no Saco da Ribeira, os velejadores de Ubatuba também participarão da tradicional Semana de Vela de Ilha Bela, evento que reúne os principais atletas do esporte, com previsão para ser iniciada no dia 17 de julho. No ano passado, a AVM conquistou o título no Grand Prix na categoria ILC 25, que envolve nível profissional com barcos de velocidade para competição, com uma equipe formada por Marlon Cândido, Thiago Carlos, Claudinei dos Santos e José Antônio, o “Zequinha”, presidente da AVM. Segundo Cândido, os barcos que serão utilizados estão sendo transportados para Ilha Bela.
“Nossa secretaria procura apoiar o esporte de forma geral. Com a vela não é diferente. Estamos auxiliando os atletas de Ubatuba na questão do transporte e ajudamos na infraestrutura. Acreditamos no potencial dos nossos velejadores”, avaliou Richard Ricardo, secretário municipal de Esportes e Lazer.
A Associação de Velejadores de Monotipo se localiza no Pier do Saco da Ribeira. Contatos e informações pelos telefones (12) 9767-1112 ou 9767-6948. (Fonte: ACS-PMU)

Pesca artesanal será incentivada em Ubatuba
Projeto de implantação de arrecifes artificiais visa preservação e manutenção da pesca

Ubatuba - A secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAAB) da Prefeitura de Ubatuba está desenvolvendo o projeto de implantação de arrecifes artificiais nas comunidades do Camburi na região norte do município, divisa com o estado do Rio de Janeiro, e nas comunidades do Bonete e da Caçandoca, região Sul. O projeto tem como objetivo melhorar a produtividade da pesca artesanal e a proteção das vidas naturais. Esta tecnologia é utilizada com êxito nos países da Europa e da Ásia.
Segundo o secretário da SAAB, Antonio Marchiori, este tipo de projeto foi implantado há cerca de quatro anos no município de Bertioga, Litoral Sul Paulista, com resultados extremamente positivos. A comunidade do Camburi já conta com 20 estruturas de concreto há mais de dois anos. “Agora, haverá uma avaliação da equipe técnica da secretaria, dos órgãos ambientais e da própria comunidade para saber dos resultados reais e a possibilidade de ampliação”, afirma Marchiori.
Após a avaliação, serão implantados mais 100 módulos na praia do Camburi. Esses módulos são de concreto, com dimensão de um metro quadrado, vazados e empilhados em três módulos, que transformam-se em verdadeiros criadouros de peixes, crustáceos, moluscos, entre outras espécies marinhas. Com isso, preserva-se e garante a pesca artesanal. Nas praias do Bonete e da Caçandoca, o projeto será totalmente piloto, por solicitação das comunidades. (Fonte: ACS-PMU)

Prefeitura poderá ingressar na era digital

Ubatuba - O coordenador do Centro de Processamento de Dados (CPD) da Prefeitura de Ubatuba, Roberto de Carvalho Rezende, vem desenvolvendo o estudo para interligar todos os setores administrativos da Prefeitura através de fibra óptica. Esses estudos tiveram início em abril deste ano e a primeira etapa está concluída pela equipe do CPD, que é formada pelos técnicos Luiz Antonio de Oliveira Serpa e Adriano Narcizo. O objetivo é a modernização de todos os setores da cidade, atendendo o munícipe e o turista através da instalação de quiosque de informações em locais estratégicos da cidade. Este estudo foi encaminhado à Furukawa, empresa especializada em redes de fibra ótica e desenvolvimento de softwares, para a elaboração de um anti-projeto.
Na sexta-feira, 21, o coordenador do CPD, acompanhado do vice-Prefeito, Moralino Valim Coelho (PMDB), e da secretária de Planejamento, Marico Utiyama Eghashira, esteve na sede da Furukawa, em São Paulo, onde foi conhecer o anti-projeto, denominado Prefeitura Digital. O anti-projeto foi apresentado pelo Diretor Comercial, Roberto Badur, pelo Sales Manager, Gilberto Celso Lam, pelo Diretor Técnico, Marcelo Sanada e pelo Diretor, Antonio Pedro Guerreiro. Os benefícios apresentados da implantação da rede denominada de Infovia da Cidadania são a melhoria do atendimento ao cidadão, aprimoramento dos instrumentos de gestão, monitoramento e redução de gastos, aprimoramento das informações sobre receitas, fortalecimento do governo municipal, qualificação da informação e planejamento e a melhoria da qualidade dos procedimentos e rotinas administrativas.
A aplicação prática deste projeto prevê em estudo inicial 219km de rede óptica, sendo 45 km de rede aérea e 174km de rede subterrânea. Os estudos apontam a instalação de 49 pontos de atendimento às redes municipal de educação e saúde. Este projeto também tem aplicação prática com o acesso à internet nas escolas, canal de comunicação com o cidadão, telefonia e câmeras de segurança. A abrangência é do Camburi, divisa com o estado do Rio de Janeiro, até a Maranduba, divisa com Caraguatatuba. Agora, a Prefeitura de Ubatuba e a Furukawa estão estudando a implantação deste projeto no município, que terá a duração de cerca de 2 anos para a conclusão. (Fonte: ACS-PMU)

Ubatuba nas finais da Livovali

Ubatuba - A equipe infantil de vôlei masculino da secretaria de Esportes e Lazer (SEL) da Prefeitura de Ubatuba conseguiu a classificação para a fase final da Liga de Vôlei do Vale do Paraíba e Litoral Norte (Livovali).
A classificação foi obtida na noite de quarta-feira, 26, após a ausência da equipe de Mogi das Cruzes (SP), que deveria ter comparecido ao ginásio de esportes Bendito Pinho Filho, o Tubão, para disputar a semifinal. Com isso, a equipe ubatubense comandada pelo técnico Marcos Jardim venceu por W.O. e passou as finais, aguardando agora a definição do adversário.
A equipe infanto juvenil masculino decide a vaga para a final em jogo contra a equipe de São Sebastião, nessa sexta-feira, 28, em partida disputada às 20h no Tubão. (Fonte: ACS-PMU)

Aeroporto será reformado e Centro de Convenções está garantido
Prefeito Paulo Ramos consegue atrair cerca de R$ 2,5 milhões para o desenvolvimento turístico e a geração de empregos no município.

Ubatuba - Na última terça-feira, 26, o secretário de Arquitetura e Urbanismo da Prefeitura de Ubatuba, Sidney Giraud, o secretário de Turismo, Sérgio Carvalho, o presidente da Comtur, Luiz Bischof, o diretor Financeiro da Comtur, Claudino Velloso, e o vereador Ricardo Barbosa (PPB), estiveram no DAESP (Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo) para cuidar do projeto encaminhado pela Prefeitura para ampliação das estruturas do aeroporto Gastão Madeira e da urbanização de toda a área. Em seguida, a comissão de Ubatuba esteve na secretaria de Turismo do Estado para tratar da construção do Centro de Convenções e Eventos.
O superintendente do DAESP, Dário Rais Lopes, informou que o projeto está em fase final de licitação e deverá ser concluído nas próximas duas semanas. O valor é de cerca de R$ 1 milhão e será pago pelo órgão Estadual. A obra deverá ser concluída até o final do ano. Através de ofício, os diretores da Comtur solicitaram a concessão de uso de área por 99 anos para a construção do Centro de Convenções e Eventos. Lopes permitiu o empreendimento e garantiu a oficialização em breve, podendo a Comtur avançar nos trâmites para a viabilização da construção. Nesta área também será construída a sede do Corpo de Bombeiros.
O projeto aprovado pelo DAESP foi desenvolvido pela SAU há cerca de 3 meses. Prevê o recapeamento da pista de cerca de 800 m, um novo terminal de passageiros, melhorias da sinalização e equipamentos. Ainda dentro do projeto, a urbanização da área lateral com a construção de praças, áreas de lazer e estacionamento com capacidade para 400 veículos. Já o Centro de Convenções e Eventos terá 3 mil m2 de área construída no valor de cerca de R$ 1,5 milhão. A primeira fase terá a capacidade para 1600 pessoas e o projeto final para 3200 pessoas. O projeto também será desenvolvido pela SAU e deverá estar pronto no próximo ano.
Na secretaria de Turismo do Governo do Estado, a comissão tratou da inserção do Centro de Convenções na Associação Brasileira das Empresas Organizadoras de Congressos e Eventos (ABEOC), para que garanta o atendimento deste segmento. Segundo Bischof, o Centro de Convenções é uma iniciativa da Administração Municipal e será um empreendimento viabilizado pela iniciativa privada, coordenado pela Prefeitura, Comtur, Sindicato dos Hotéis, Associação de Pousadas e Associação Comercial. O secretário de Turismo, Sérgio Carvalho, já adiantou a questão do financiamento junto a CEF (Caixa Econômica Federal).
Na próxima quarta-feira,3, a comissão municipal agendou reunião na sede da ABEOC que dará todas as coordenadas técnicas para a elaboração do projeto e construção de Centro de Convenções e Eventos, dentro dos padrões internacionais. Para o prefeito Paulo Ramos são fundamentais estas iniciativas que trarão a qualificação e profissionalização do turismo em Ubatuba com a criação deste nicho de mercado que é o turismo de negócios. “Sem dúvida, o aeroporto em condições apropriadas de operação poderá servir toda a nossa região. Todo este complexo turístico estará também garantindo a geração de empregos”, concluiu Ramos.
O projeto do Centro de Convenções e Eventos de Ubatuba está divido em oito fases: ante projeto e liberação e concessão da área pelo DAESP, que estão praticamente concluídos; assessoria da ABEOC que será acertada na próxima semana; aprovação da especificação do prefeito Paulo Ramos; carta da CEF garantindo financiamento para futuros empreendedores; projeto executivo da SAU; criação do Ubatuba Convention & Visitours Bureau, que fará a parte administrativa juntamente com a ABEOC; e por fim, a implantação da obra que deverá estar pronta no próximo ano.
Para Ramos, Ubatuba alcança uma marca de 336 meios de hospedagens, com disponibilidade de 21 mil leitos, números que colocam Ubatuba ao lado de destinos turísticos como Foz do Iguaçu, Porto Seguro, Salvador e Rio de Janeiro. “A construção do Centro de Convenções e Eventos é uma necessidade urgente para que possamos reduzir a sazonalidade na demanda turística hoje existente, que limita-se aos períodos de férias escolares e feriados prolongados. Diante disso estamos reunindo todos os setores para que juntos possamos trazer o desenvolvimento turístico para o município”, concluiu Ramos. (Fonte: ACS-PMU)

Carta do Leitor

Em resposta à carta da internauta Yara Rovai - O Sr. Secretário da Saúde de São Sebastião, tem a esclarecer o seguinte, na presente data: "Temos a informar que a Secretaria da Saúde de São Sebastião conta com equipe de ortopedia para atendimento 24 horas.
A informação fornecida no Pronto Socorro de Boiçucanga não corresponde a orientação desta Secretaria. Toda e qualquer pessoa com necessidade de avaliação de especialidades deve ser o paciente encaminhado para a área referida, no caso específico o Pronto Socorro Central.
Lamentamos ainda que a informação tenha sido erradamente transmitida por duas vezes ao paciente. Estamos tomando as providências necessárias para que fatos como este não mais ocorram, fazendo, principalmente, contato com as pessoas envolvidas neste episódio."

Dr. Aldo Pedro Conellian Júnior
Secretário da Saúde
São Sebastião - SP


Criatividade - A matéria do Valeparaibano reproduzido pelo ótimo Litoral Virtual coloca na minha boca frases inteiras e opiniões que eu absolutamente não disse. Minha única frase para o repórter foi que acho a iniciativa da prefeitura de fiscalizar quem está fechando praias muito boa, já que a lei tem que ser cumprida. Mas o moço colocou na minha boca que "em vez de multas eu acho que a Prefeitura deveria dialogar." Que eu acho que "a Prefeitura tem que fazer cumprir a Lei Municipal, Estadual e Federal". E que sei de "um local, na praia do Una, que a Prefeitura ainda não fiscalizou, onde um cara fechou a praia".
Imagina você se eu iria dizer que a Prefeitura tem que fazer cumprir legislação Estadual e Federal!? Além do mais, nem sei quais são os casos que a Prefeitura está tratando e autuando, muito menos sei de condomínio que tenha fechado praia na Barra do Una, que o repórter, aliás, chama de praia do Una. ..
Ele também me perguntou se Paúba era uma praia e graças a Deus não publicou nada sobre Paúba, por que poderia ter posto na minha boca que Paúba era uma corveta... Ou o nome de uma avenida em Manaus...
Estou enviando carta ao Valeparaibano sobre essa criatividade do repórter. Para o Litoral Virtual é só um desabafo.
Grata pela publicação.

Regina Helena de Paiva Ramos
Federação Pró Costa Atlântica
São Sebastião - SP


La garantia soy yo! - Muito oportuno o comentário do Vitório sob o titulo “Bico calado...”. Entretanto, não se pode deixar de acrescentar, alguns tiquinhos de tempero nesse assunto do Lixão. Preliminarmente é de se dizer que em matéria ambiental, o Lixão sempre foi um lixo.
Nesse sentido, a Sociedade Amigos da Baleia, somente em 1989, propôs face a Prefeitura, ação civil pública objetivando o cumprimento da legislação de proteção ambiental, para inclusive preservar a vida humana.
Agora, após muitos anos (a justiça é assim mesmo, é cega e lenta) o Tribunal de Justiça de São Paulo, determinou a desocupação da área. Vejam bem, determinou a desocupação da área e não a correção no tratamento do lixo.
A prefeitura, com os tolerantes, e inclusive municiada com atestado de boa conduta ambiental, assinado pelo presidente da Sociedade Amigos da Baleia, dizem que pressionado por forças ocultas, deverá interpor recurso junto ao TJSP, objetivando continuar amontoando lixo, pelo sistema alemão, em área de preservação ambiental. Assim, é lamentavelmente provável, que continuaremos a assistir, ainda por um bom tempo, a CETESB lavrando autuações em decorrência da má acomodação do lixo. Também é provável, que por um bom tempo, continuaremos assistindo o chorume produzido no Lixão, penetrar pelos vãos do solo, para afinal engrossar as águas dos córregos que deságuam na praia da Baleia.
Nossa esperança, é que o administrador público, que prometeu resolver os problemas do município, inclusive se empenhando muito para ser eleito, encare com seriedade sua responsabilidade na solução para a questão do nosso lixo domiciliar.

Moacyr Colli Júnior
Juquehy - São Sebastião - SP


Em resposta ao artigo “O Paladino Caiçara” - Com toda a certeza o professor da Unitau Joaquim Diniz está profundamente equivocado quanto as suas colocações e conclusões finais. Talvez seja por estar a muitíssimo pouco tempo em terras caiçaras Ubatubanas ou, talvez, pelo simples capricho e missão de promover a agenda negativa do município, contradizendo todos os seus modernos conceitos de marketing turístico. Aliás, está mais para marketing político de guerra.
Esclarecemos que o valor do veículo adquirido pela Prefeitura para servir esta administração em viagens oficiais é de R$126 mil, comprado direto da fábrica a custo de fornecedor, em uma operação totalmente legal e embasada juridicamente. Aliás, não é festa do dinheiro público como afirma o nobre professor do apocalipse, é investimento puro e necessário para atender as necessidades de deslocamentos de todo o secretariado municipal.
Como diz o velho ditado: o pior cego é aquele que não quer enxergar a verdade. É isso mesmo meus caros! O nobre professor, que é também um dos responsáveis por levar o nome da cidade à lona com manchetes negativas em capas de jornais, recusa-se a reconhecer que esta administração, antes de adquirir o veículo oficial, renovou a sua frota sucateada com a compra de mais de 40 novos veículos para saúde, educação, guarda municipal, trânsito, entre outros, com investimentos da ordem de mais de R$ 1,2 milhão. Só para se ter uma idéia, os pacientes de hemodiálise que eram transportados diariamente em kombis sucateadas e desconfortáveis para Taubaté, São José e São Paulo, hoje possuem um pouco mais de conforto quando viajam em vans da Sprinter. Ambulâncias novas foram adquiridas, alunos da rede municipal ganharam dois novos micro ônibus, dá pra entender?!
Aliás, fica muito visível a oposição gratuita e desfundamentada exercida pelo acadêmico, com o simples objetivo de tentar desestabilizar uma Administração que vem trabalhando incansavelmente pelo desenvolvimento do município. Caro Diniz, sua fonte não é uma das mais precisas. Quando o caro professor diz que a Prefeitura iniciou o seu informativo na rádio Costa Azul em junho deste ano, errou! Foi em março de 2001 e o nome é Rede Caiçara. E, não é alusão ou imitação de programa algum, mesmo porque o contéudo é para informar aos munícipes sobre as realizações da Prefeitura, não tendo nada a ver com a divulgação da cultura caiçara. Procure ouvir e sentir a diferença. Acreditamos que terá discernimento suficiente para mensurar esta profunda diferença. Mais outro equivoco caro professor! (É lamentável ter que perder tempo em responder estas afirmações irresponsáveis, mas é importante que todos saibam onde está a verdade) O valor que se paga a rádio Costa Azul é de R$ 7.500,00 e não os alardeados R$ 28 mil.
Professor Joaquim Diniz. Já que o senhor é o arauto da moralidade, da sabedoria, do marketing turístico, da razão da verdade, do absoluto e de tudo o mais, por que não busca efetivamente contribuir com esta municipalidade trazendo todas as suas experiências à serviço de Ubatuba e de toda a sua população. Fica aqui o convite!

Assessoria de Comunicação
Prefeitura Municipal de Ubatuba


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão:
Clique Aqui.


Yurg´s Portal do Sol


As notícias e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando nescessariamente a opinião deste informativo.


Receba as notícias via e-mail:

Quero receber o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:
Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Leia também as colunas:

Pense a respeito...
Para Refletir
Twister
Para Refletir
Para Refletir
Opinião


Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor