Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 10 de fevereiro de 2003 - Nº 719 Edições Anteriores

Cooperativa Educacional Ubatuba Pousada das Cachoeiras Naturali Garden Center

Litoral Norte:
   Cidades do litoral esticam temporada de verão
   Shows trazem nomes de peso
   Turistas prefere praia em fevereiro

Caraguatatuba:
   Caraguá e São Sebastião têm 30,5% dos furtos de energia da Bandeirantes
   PM apreende crack em Caraguá
   Inquérito será concluído na terça
   Caraguá faz apreensão de 19 bicicletas
   Giovani e Tande ensinam vôlei na Martin de Sá
   Vereadora quer fim do lançamento de esgotos no rio Juqueriquerê
   Servidores pedem ajuda a Vereador sobre Salários
   Comissão de Saúde quer melhor atendimento à população
   Empresa diz que faz locação de jet-ski em Caraguá para pessoa não-habilitada

São Sebastião:
   Capitania diz que prática é ilegal
   Fazenda não crê em aumento nos royalties
   Diretor vê necessidade de mais investimentos no ecoturismo
   Hoje é o último dia para pagamento do IPTU com desconto

   Carta do Leitor



Cidades do litoral esticam temporada de verão
Rede hoteleira, comércio e prefeituras criam atrativos para segurar os turistas por mais tempo

Litoral Norte - As cidades do Litoral Norte estão usando de artifícios para "esticar" a temporada de verão. O comércio e a rede hoteleira estão reduzindo os preços dos produtos em até 40% para atrair os turistas em fevereiro. As prefeituras estão investindo em atrações musicais e esportivas para garantir o público nos finais de semana nas praias (leia texto nesta página).
Segundo o secretário de Turismo de Caraguatatuba, Paulo Noronha, a expectativa é receber um público de pelo menos 20 mil pessoas por final de semana.
"As semanas que antecedem o Carnaval são idéias para receber os turistas. A cidade está mais tranqüila, os preços dos produtos são acessíveis e o visitante tem a garantia de temperaturas elevadas", disse.
Noronha afirmou que o período de temporada foi reduzido por causa das chuvas da segunda quinzena de janeiro.
"A idéia é oferecer entretenimento para as pessoas e garantir o faturamento dos comerciantes que sobrevivem do turismo local", disse.
O presidente da Associação Comercial e Industrial de Caraguá, Jorge Washington, disse que o comércio teve uma redução de cerca 30% no valor das mercadorias. Ele afirmou que outra vantagem são as promoções e liquidações oferecidas pelos lojistas.
"A preocupação dos lojistas é oferecer produtos de qualidade para os turistas. O período proporciona redução dos preços que ajuda conquistar os clientes", disse.
O secretário de Turismo e diretor da Associação de Hotéis e Pousadas de Ubatuba, Sérgio Eric de Carvalho, disse que o preço da hospedagem da rede hoteleira teve uma queda de cerca 40%, em relação ao mês de janeiro.
Carvalho afirmou que para atrair a clientela os estabelecimentos oferecem atividades de lazer incluso nos pacotes de hospedagem.
"Tivemos uma redução de pelo menos 20% no número de hóspedes e esperamos recuperar o prejuízo no carnaval. Em fevereiro, os preços mais acessíveis e as atrações gratuitas atraem os turistas de final de semana", disse Carvalho. (Fonte: ValeParaibano)

Shows trazem nomes de peso

Litoral Norte - As atrações musicais, esportivas e culturais vão agitar os turistas nos finais de semana de fevereiro nas praias do Litoral Norte.
Em Caraguatatuba, a programação de eventos termina somente após o Carnaval. Para os próximos finais de semana estão agendados shows na praça Cândido Motta, no centro, e nos bairros Massaguaçu, Perequê-Mirim e Porto Novo.
A praia Martin de Sá, considerada a mais popular da região central, será o palco de atividades esportivas como aeróbica, vôlei e futvôlei. Todos os eventos serão gratuitos.
Os turistas de Ilhabela poderão curtir até o dia 23 de fevereiro, o Festival de Verão. As apresentações acontecerão no Deck da Vila, na região central, com entrada franca. Nos próximos finais de semana, os turistas poderão assistir os shows de blues de Nuno Mindélis, o Jazz Band, Paulicéia Combo, os cantores André Cristóvão e Guinga e a banda Mantiqueira.
A prefeitura de São Sebastião já confirmou para o próximo final de semana o show da cantora Gal Costa. A apresentação será na avenida da Praia, a partir das 22h.
A prefeitura de Ubatuba, não agendou oficialmente nenhuma programação para o mês de fevereiro. (Fonte: ValeParaibano)

Turistas prefere praia em fevereiro

Litoral Norte - A aeromoça de São José dos Campos, Adelaide Ribeiro, 29 anos, disse que prefere visitar as cidades litorâneas no período de baixo movimento de turistas.
"O mês de fevereiro é ideal para visitar as praias. Como o movimento é inferior podemos curtir as atividades de lazer com tranqüilidade", disse.
O mesmo motivo foi indicado pelo analista de sistemas, Anderson Uchoa, 25 anos, morador de São José dos Campos, que revelou aproveitar a época para descansar na praia.
"Tenho uma vida agitada e busco no litoral uma forma de relaxar. Depois de janeiro, o turista tem a oportunidade de conhecer os pontos turísticos sem precisar enfrentar filas", disse.
Já a fotógrafa de Atibaia (SP), Renata Pelaes, 34 anos, afirmou que os preços dos produtos são mais acessíveis nas praias em fevereiro.
"O turista tem a oportunidade de adquirir mercadorias com preços inferiores e até negociar o valor do produtos", disse. (Fonte: ValeParaibano)

Sabesp é multada por falha em esgoto

Litoral Norte - Oito estações de tratamento de esgoto da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) no Litoral Norte foram advertidas e uma delas multada pela Cetesb (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) devido a irregularidades no sistema, principalmente de vazamento de esgoto.
O caso mais grave foi constatado na estação de tratamento de Ilhabela, que recebeu uma multa de R$ 1.000. Os técnicos da Sabesp fiscalizaram 26 estações no Litoral Norte.
"As estações vistoriadas apresentavam várias irregularidades, inclusive de vazamento de esgoto na rede", disse o gerente da agência ambiental da Cetesb em Ubatuba, Silvio Bohn Júnior.
O gerente afirmou que foram aplicadas advertências nas estações de Caraguatatuba, Ubatuba e São Sebastião.
Bohn Junior disse que as vistorias nas possíveis fontes de poluição foram intensificadas no mês de janeiro por causa das constantes reclamações de vazamentos no sistema de esgoto.
"Nas estações que apresentaram funcionamento inadequado foram realizadas coletas do material para análise", disse o gerente.
A Sabesp no Litoral Norte informou que todos os problemas identificados pela companhia foram solucionados e que não foi notificada oficialmente sobre a autuação aplicada na estação de tratamento de Ilhabela. (Fonte: ValeParaibano)

Caraguá e São Sebastião têm 30,5% dos furtos de energia da Bandeirantes

Caraguatatuba / São Sebastião - A Empresa Bandeirante, responsável pela energia elétrica em 15 cidades do Vale do Paraíba e Litoral Norte, registrou 491 casos de furto de energia em 2002. Desse total, 150, cerca de 30,5%, aconteceram nas cidades de Caraguatatuba e São Sebastião.
A situação ficou crítica, principalmente com o início da temporada, por isso a equipe técnica da empresa está realizando fiscalizações para detectar os usuários irregulares.
Uma dessas ações aconteceu na noite de quinta-feira, em Caraguatatuba, e foi constatado o furto de energia feito por duas barracas instaladas na Avenida da Praia, centro da cidade. Outras três estavam com as ligações na iluminação pública, mas não estavam abertas, por isso não houve flagrante.
A fiscalização ocorreu em parceria com a prefeitura municipal e apoio da Polícia Militar.
O técnico de eletricidade da Bandeirante, Messias Goulart de Toledo, constatou que as duas barracas utilizavam energia clandestina puxada da iluminação pública.
Para confirmar a ação, foram desligadas todas as luzes públicas. “A avenida Arthur Costa Filho (Avenida da Praia) ficou apagada, assim como as barracas que utilizavam a energia dos postes. Os dois pro-prietários das barracas foram encaminhados para a delegacia”.
O delegado de plantão Marcelo Abreu registrou boletim de ocorrência de furto contra os comerciantes D.S.G., 36 anos e S.S.T, 60 anos.
“Notificamos os clientes irregulares com um termo de ‘ocorrência de irregularidade’ e os convocamos para fazer acordo. Nossa única intenção é fazer com que estas ligações clandestinas acabem”, disse Toledo.
Irregular - O gerente executivo da Bandeirante, Edson Neves, disse que há vários tipos de irregularidades, mas as mais comuns são quando o usuário faz uma ligação clandestina para não pagar conta.
A fraude ocorre ainda quando violam o lacre do medidor. “Mas há também os des-vios de energia, no qual um consumidor passa a pagar pela utilização de outros beneficiados que fazem ligações clandestinas”.
De acordo com o chefe da Fiscalização o Comércio de Caraguatatuba, Eduardo Machado de Castro, os ambulantes da Avenida da Praia têm licença para a venda nos ‘carrinhos’ de cachorro quente, e não das barracas. “Os carrinhos não precisam de energia e um lampião ou um gerador, resolve o problema de iluminação”.
Ainda de acordo com Castro, para o caso dos artesãos que expõem na praça de eventos da praça Diógenes Ribeiro de Lima, quando é feito o pedido de licença, é encaminhada a solicitação de iluminação.
Castro ressalta que, com a reurbanização da avenida da praia, provavelmente os ambulantes de alimentos terão um local padronizado para a venda de seus produtos.
Ambulante terá que voltar ao lampião - S.S.T, 60 anos, há mais de oito anos sustenta a família com o ‘carrinho’ de cachorro quente. Ele explica que são dois carrinhos no local durante o ano e que os dois são recolhidos no final do expediente.
Neste último mês coloquei uma lona em cima do carrinho por causa das chuvas, mas apareceram outras barracas”, explica.
Com relação ao uso irregular de energia, ele conta que foi informado por um conhecido que a prefeitura instalaria uma rede de energia para atender os ambulantes até o carnaval.
“Até pediram para eu comprar um disjuntor, mas não acreditei. Outro dia cheguei e tinha uma tomada, por isso trouxe uma geladeira e um freezer, pois gasto mais de três sacos de gelo por dia para refrigerar as bebidas”.
S. disse que, depois da fiscalização, voltará ao lampião. “Mas o pior de tudo é que fui negociar na Bandeirantes e eles calcularam o valor de mais de R$ 6 mil divididos em 24 meses. Vou ter que comprovar que não sabia da ligação clandestina e que ela ficou aqui menos de duas semanas”.
Bandeirante Energia recadastra clientes de baixa tensão - A Bandeirante Energia envia a partir de segunda-feira a cada um de seus clientes de baixa tensão (cerca de 1 milhão) uma ficha para recadastramento acompanhada de carta com orientações sobre o preenchimento.
A pesquisa alcançará residências, indústrias, comércios e até shopping centers. A partir de março, técnicos da empresa visitarão os clientes para recebimento das fichas. Na ocasião, os profissionais farão inspeções no centro de medição das unidades consumidoras.
Com a iniciativa, a Bandeirante pretende atualizar as informações sobre seus clientes, o que permitirá a melhoria da qualidade do serviço prestado serviços mais eficientes. (Fonte: Imprensa Livre)

PM apreende crack em Caraguá

Caraguatatuba - A Polícia Militar de Caraguatatuba apreendeu cerca de 1,5 kg de crack no terminal rodoviário Aldo Novaes Magalhães, na região central da cidade. A droga foi descoberta por volta das 15h de ontem dentro de um ônibus que fazia a linha São Paulo/Caraguá.
Duas pessoas foram presas no local. A polícia considera a apreensão de crack a maior desde o início do ano passado.
Segundo a Polícia Militar, pelo menos 30 pedras de crack estavam embaladas. A PM calcula que as pedras pesavam cerca de 50 gramas cada. A droga estava sendo transportava pela costureira Rita Maria Freire, 35 anos, que vinha da capital.
Na rodoviária, o desempregado Roberto Cândido Ferreira Souza, 29 anos, estava esperando pela mercadoria. Os suspeitos foram surpreendidos no momento em que a costureira entregava o pacote. Souza portava cerca de R$ 1.000 em dinheiro. A polícia chegou até os traficantes por meio de denúncia anônima.
"Registramos nos últimos meses várias apreensões de entorpecentes no município, mas acreditamos que essa seja a maior de crack desde 2002", disse o comandante Polícia Militar de Caraguá, Valter Padula.
A costureira foi levada para uma cela na delegacia e o desempregado, para a cadeia pública. (Fonte: ValeParaibano)

Caraguá faz apreensão de 19 bicicletas

Caraguatatuba - Na primeira semana da campanha "Projeto Ciclista: Seja Vivo", a Prefeitura de Caraguatatuba apreendeu 19 bicicletas cujos condutores foram flagrados infringindo o Código de Trânsito Brasileiro.
Para recuperar a bicicleta, os proprietários serão obrigados a participar de um curso de trânsito com duração de 4 horas.
O objetivo do projeto é reeducar os ciclistas da cidade. Desde o início da campanha, outros 123 ciclistas foram autuados por estarem desrespeitando as normas do trânsito.
Segundo o diretor da Divisão de Trânsito, Celso Rapaci, os ciclistas de Caraguá cometem constantemente infrações primárias no trânsito.
"Eles andam na contramão, pedalam fora da ciclovia, andam na calçada e ainda provocam grandes acidentes. Por isso, resolvemos penalizar aqueles que desrespeitam a lei", disse o diretor.
Em 2002, ocorreram 56 acidentes em Caraguá envolvendo ciclistas. A cidade tem mais de 14 km de ciclovia. (Fonte: ValeParaibano)

Giovani e Tande ensinam vôlei na Martin de Sá

Caraguatatuba - Os atletas da equipe de vôlei do Banespa vão realizar hoje uma "clínica" para ensinar o esporte na praia da Martin de Sá, em Caraguatatuba. Os jogadores da equipe como Giovani, Rodrigão e Tande, vão oferecer gratuitamente aos visitantes e moradores técnicas básicas de vôlei como bloqueio, toque, saque, manchete, entre outros. As aulas serão realizadas a partir das 14h, na quadra de areia da praia, próximo à sede do Corpo de Bombeiros. Não há limite de idade. O projeto visa ainda atividades esportivas voltadas para o público infantil. (Fonte: ValeParaibano)

Vereadora quer fim do lançamento de esgotos no rio Juqueriquerê

Caraguatatuba - A vereadora Madalena Fachini, de Caraguatatuba, está pedindo solução para lançamento de esgoto no rio Juqueriquerê, no Porto Novo. Na tarde de ontem, ela se reuniu com o secretário municipal de Meio Ambiente, Auracy Mansano, e o superintendente da Sabesp no Litoral Norte, João Carlos Simões.
Segundo Madalena, o bairro conta com a rede de esgoto, porém, falta a Estação de Tratamento. Ela explica que algumas casas já estão ligadas irregularmente, poluindo o rio.
Por causa das ligações, o esgoto chega a transbordar em postos de visita da rede. Os moradores reclamam do mau cheiro.
Ainda na reunião, a vereadora ressaltou que o fato também ocorre na região central da cidade. “Tem muita gente que joga direto no rio Santo Antônio e isso precisa ser fiscalizado. Queremos voltar a tomar banho na praia da frente”.
Madalena Fachini disse que esperava respostas mais concretas. “A reunião foi produtiva, mas queríamos a solução do problema”.
Durante o encontro, moradores de outros bairros aproveitaram para cobrar melhorias. Foi o caso de Lenimar Saraiva, da Sociedade Amigos do Portal das Flores, na divisa entre Caraguá e São Sebastião. “O esgoto vai direto para o rio Perequê Mirim, que precisa ser desassoreado”.
A moradora destacou que, devido ao assoreamento, algumas casas chegam a ser invadidas pela água do mar. “Abriram um cotovelo e piorou a situação. As prefeituras devem entrar num acordo para conter o mar”.
Representantes da Sociedade Amigos da Caputera cobraram a implantação da rede de esgoto e pavimentação. O superintendente da Sabesp, João Carlos Simões, disse que vai verificar se o projeto faz parte do pacote de obras dos próximos dois anos. (Fonte: Imprensa Livre)

Servidores pedem ajuda a Vereador sobre Salários

Caraguatatuba - O Vereador Aureliano Gonçalves Pereira - o AG Pereira (PTB), da Câmara Municipal de Caraguatatuba, convocou uma reunião na tarde de quinta-feira, dia 6 de fevereiro, com o Secretário Municipal de Administração e um grupo de Servidores, para tratar da situação dos funcionários que trabalham em regime CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas).
Com o novo Plano de Cargos e Carreiras estes servidores não tiveram os seus salários majorados, pois o plano reenquadrou apenas os ocupantes em Regime Estatutário.
A Prefeitura está no regime Estatutário desde 1967, sendo que o Estatuto do Servidor foi atualizado em dezembro de 2002. Mesmo assim, ainda constam nos quadros, cerca de 100 Servidores CLT, beneficiados pela Constituição Federal de 1988 e mantidos em um grupo especial pelo Poder Público.
Tendo em vista esta disparidade, este grupo de Servidores clamou pela ajuda do Vereador AG Pereira, que pediu a convocação da reunião durante a Sessão de Prestação de Contas do prefeito Antonio Carlos da Silva (PSDB), na sede do Legislativo, na última terça-feira.
O Secretário Senna Filho explicou que com o Plano de Cargos e Carreiras, os cargos dos Servidores Estatutários sofreram algumas modificações, visto a diferença de valores pagos a cargos com as mesmas funções, o que não ocorreu com os Servidores CLT. Ao mesmo tempo, Senna Filho informou que quando o prefeito municipal conceder um aumento de valores aos Servidores, todos receberão, sejam eles Estatutários ou Cltistas.
O Vereador, bem como o grupo de Servidores considerou a reunião produtiva, pois houve o esclarecimento para aqueles funcionários. "Quando uma dúvida ocorre, principalmente com o contribuinte, seja ele Servidor Público ou não, é dever do Vereador levar o povo até o dono da solução", disse. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Comissão de Saúde quer melhor atendimento à população

Caraguatatuba - A Comissão Temporária de Saúde, da Câmara Municipal de Caraguatatuba retornou às suas atividades, depois do recesso de fim de ano no Legislativo. O reinício dos trabalhos se deu com uma visita a Casa de Saúde Stella Maris, o hospital local.
A Comissão de Saúde, presidida pelo Vereador Aurimar Mansano (PTB), visitou a Casa de Saúde Stella Maris a pedido da Vereadora Leonor Diniz (PDT), que também faz parte como membro. Estiveram presentes também funcionários da Câmara e o suplente Zé Pedro (PRP), juntamente com o ex-Vereador José Benedito Gonçalves Pinto - Zézinho Prequeté (PDT), que hoje assume a Direção Geral do Legislativo. Zé Pedro irá substituir Prequeté na comissão, a pedido de Mansano.
A recepção da comissão se deu pela diretora e vice-diretora da entidade, respectivamente irmãs Francisca Tereza e Sílvia Helena e ocorreu na sala de reuniões da diretoria.
Na visita os membros da comissão constataram que fica cada vez mais difícil conseguir um melhor atendimento à população, visto que equipamentos como o Intensificador de Imagens ainda não chegou ao hospital e a demanda para cirurgias eletivas ultrapassa a casa das 100 pessoas.
Outro problema apontado pela direção do hospital diz respeito ao fechamento do ambulatório de ortopedia da rede pública, que sobrecarregou os atendimentos no hospital, além do corte do reembolso dos exames de alta complexidade pela Secretaria Municipal de Saúde.
No âmbito dos pedidos e reivindicações, a Comissão irá pedir uma audiência com o Secretário Estadual de Saúde, Luiz Roberto Barradas, para objetivar a ampliação da verba da Operação Verão durante todo o ano, para a entidade. Ainda sobre verbas, a comissão irá requerer da Prefeitura informações sobre o repasse da mesma verba, que ainda não foi depositada à entidade.
Falando sobre Operação Verão, a Casa de Saúde Stella Maris tentará um remanejamento da verba, em 25%, para a compra de remédios. Atualmente a verba visa somente a contratação de médicos e funcionários. A falta de um Pediatra tem ocasionado problemas no plantão do hospital e para tentar reverter este problema, a comissão irá pedir ajuda ao representante da APM (Associação Paulista de Medicina), no Litoral Norte, o pediatra Pedro Norberto dos Santos, a divulgação da vaga no informativo da entidade.
A comissão irá reinterar pedidos junto ao Governo do Estado, quanto ao restante da verba para a construção da nova maternidade, na casa dos R$ 300 mil. A segurança do Pronto-Socorro foi outro tema de pedido da entidade. Com base nisso, a comissão irá requisitar da Polícia Militar que um policial fique de plantão, no período noturno, entre quinta-feira e domingo, durante a temporada de verão.
Para o Vereador Mansano a solução dos problemas da saúde envolve união, dedicação e parceria. "É o Legislativo, que ouvindo as diversas categorias da Saúde, que irá implementar esforços para resolver os problemas de atendimento da população nessa área", finalizou. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Empresa diz que faz locação de jet-ski para pessoa não-habilitada
"Artifício" é utilizar monitor na garupa; Capitania dos Portos diz que prática é totalmente ilegal

Caraguatatuba - A única empresa responsável pela locação de jet-ski na praia da Tabatinga, em Caraguatatuba, informou ontem que aluga os aparelhos para pessoas não-habilitadas e disponibiliza um monitor para ir na garupa. A prática é considerada ilegal pela Capitania dos Portos.
O "artifício" é uma maneira para tentar driblar a fiscalização. A irregularidade foi descoberta pelo ValeParaibano, ao ligar na empresa para pedir informações sobre a locação. No primeiro contato, a reportagem não se identificou como sendo do jornal.
A praia da Tabatinga foi "palco" de um acidente no mês passado com um jet-ski, onde duas pessoas morreram.
A proprietária da empresa de locação na Tabatinga, Zilda Freitas Rodrigues, disse que a pessoa não-habilitada pode alugar um jet-ski acompanhada por um monitor da empresa, mesmo na garupa. Ela exige o uso do colete salva-vida e condutores maiores de 18 anos.
"Somos uma escola de jet-ski e temos a autorização para esse tipo de locação. Mesmo sem a documentação, o condutor pode sair com o equipamento acompanhado por um instrutor da escola", disse.
Zilda afirmou, em um segundo contato do ValeParaibano em sua empresa identificando-se como sendo do jornal, que a prática é legal e que há 12 anos tem licença para trabalhar na locação de jet-ski. O aluguel custa em torno de R$ 140 a hora.
A Capitania dos Portos de São Sebastião, informou que somente é autorizado a locação de jet-ski para pessoas com habilitação náutica e maiores de 18 anos (leia texto nesta página).
O encarregado do setor de Fiscalização do Comércio de Caraguá, Nilo Sérgio de Oliveira, disse que as empresas são responsáveis pelos clientes que alugam os equipamentos.
"A empresa recebe uma autorização da prefeitura para alugar o jet-ski somente para pessoas habilitadas e experientes. O descumprimento das normas acarreta a suspensão da licença e multa de cerca R$ 400", disse.
Oliveira afirmou que durante a temporada a fiscalização nas empresas é feita diariamente e nos demais meses somente aos finais de semana.
MEMÓRIA - No último dia 24, morreram João Batista Silva Alves, 35 anos, que estava dirigindo um jet-ski e José Luiz Martins Júnior, 12 anos que estava na garupa. Martins Júnior ficou internado durante 14 dias em coma e morreu esta semana.
O piloto, que morreu no acidente, pegou o jet-ski sem autorização do proprietário. (Fonte: ValeParaibano)

Capitania diz que prática é ilegal

São Sebastião - A Capitania dos Portos de São Sebastião informou que a locação de jet-ski para condutores sem habilitação é ilegal, mesmo acompanhado de uma pessoa experiente.
"É extremamente proibido o uso de jet-ski sem a documentação do condutor e do equipamento. A pessoa deve ter idade superior a 18 anos e usar colete salva-vida", disse o comandante da Capitania dos Portos, Paulo Rogério de Souza Almeida.
Ele afirmou que a ausência das documentações acarreta multas que variam de R$ 40 a R$ 2.200 cada. O jet-ski irregular pode ser apreendido.
O comandante disse que a Marinha não tem conhecimento de registro de escola náutica para instruções de jet-ski na região.
"Mesmo com o acompanhamento de um monitor a prática é ilegal. Caso a Marinha identifique a locação a empresa poderá ser penalizada", disse.
Almeida afirmou que foi constatado uma redução de pelo menos 75% no número de usuários de jets-ski depois do acidente na praia da Tabatinga.
Desde novembro, a capitania realizou 18 apreensões de jets-ski irregulares no litoral. (Fonte: ValeParaibano)

Fazenda não crê em aumento nos royalties

São Sebastião - O secretário da Fazenda de São Sebastião, Luís Leite Santana, contesta projeção sobre aumento de repasse de royalties de petróleo para as regiões do Litoral Norte e Vale do Paraíba.
Conforme informações divulgadas pelo jornal Valepa-raibano, o aumento pode chegar a 140%. “Não conheço a fonte desta informação, mas é chute, não é nada disto”, diz o secretário.
Santana afirma que sua secretaria acompanha com rigor as variações dos índices de repasse. “O que ocorre neste ano é variação em torno de 30%”.
Ainda afirma que para março haverá retração em razão de trabalhos de manutenção do terminal em São Sebastião e paralisação dos trabalhos em Angra dos Reis em decorrência de acidente.
Os royalties pagos em um determinado mês se referem ao recolhimento feito a dois meses anteriores.
Santana explica que são três os critérios que interferem na variação dos valores de royalties. Trata-se do volume de petróleo produzido, o preço do barril no exterior e a cotação do dólar no mercado internacional.
O secretário calcula que em 2002 a prefeitura de São Sebastião recebeu cerca de R$ 24 milhões em royalties de petróleo. Em janeiro e fevereiro
deste ano o repasse foi de R$ 3,8 e R$ 3,2 milhões, respectivamente.
O secretário de Finanças de Ilhabela, Élcio Roefero, também disse ontem que não tem informações dando conta de novo aumento do repasse de royalties. Segundo ele, em 2002 a cidade recebeu cerca de R$ 9,1 milhões. Até novembro do ano passado, o valor se mantinha em aproximadamente R$ 600 mil/mês.
A partir de novembro, houve cerca de 50% de aumento, segundo Roefero diz. (Fonte: Imprensa Livre)

Diretor vê necessidade de mais investimentos no ecoturismo

São Sebastião - O diretor do Parque Estadual da Serra do Mar em São Sebastião, Edson Marques Lobato, alerta para a necessidade de desenvolvimento do ecoturismo na cidade.
“Temos potencial enorme, a Serra do Mar, a Zona Costeira, a Mata Atlântica”. Ele afirma que o mercado cresce 20% no mundo. “Estamos muito incipientes nesta área”.
Lobato cita que há no município alguns receptivos (agências de turismo). Ele também lembra que a prefeitura tem o serviço de informações turísticas, onde são agendadas visitas monitoradas às trilhas. “Mas há carência de investimentos estruturais e ações para disciplinar a atividade”.
O diretor afirma que o Programa Municipal de Ecoturismo, adotado pelo governo anterior, está parado. Segundo ele, o programa prevê ações conjuntas entre Estado e município para desenvolvimento de atividades durante o ano inteiro e capacitação de monitores. Um grupo de monitores recebeu o treinamento. Por meio de decreto, foram oficializadas quatro trilhas no Parque Estadual; a da Cachoeira do Itu, a da Praia Brava, do Guaecá e da Estrada da Limeira.
“Mas faltam medidas para disciplinar o uso das trilhas e dotá-las de infra-estrutura; além disto já existem outras trilhas sendo exploradas, como em Cambury e Barra do Una, não previstas em decreto”.
Sustentabilidade - Lobato afirma que pode-riam ser instaladas, por exemplo, guaritas. “Também poderíamos adotar a venda de adesivos com símbolos de campanhas aos visitantes do parque. Isto provocaria a auto-sustentabilidade do programa”.
Lobato afirma que o período de baixa temporada é o melhor para ecoturismo, mas durante todo o ano a atividade é ótima alternativa, inclusive para a prática de esportes radicais, como rapel e tiroleza.
O diretor pretende se reunir com o prefeito Paulo Julião para discutir todo o assunto e a retomada do Programa Municipal de Ecoturismo. “Minha expectativa é que ele possa incrementar ao máximo o ecoturismo”.
Estrada-parque - Lobato também defende a instalação de estradas-parque na Limeira e na Praia Brava. Quanto à primeira, a prefeitura e a direção do Parque Estadual já solicitaram parceria da Petrobras/Transpetro, que mantém oleodutos em ambos os locais.
O diretor do Parque Estadual afirma que conheceu uma estrada-parque na Alemanha. “É altamente aproveitada, tem loja de suvenir e restaurante. O ecoturismo é rede de negócios e geração de mercado de trabalho. Ainda dá para se via-jar muito nesta idéia”, entu-siasma-se”.
Lobato considera que São Sebastião ainda não é uma cidade turística porque atrai, em sua maioria, veranistas com a chamada segunda residência. “Que tipo de desenvolvimento queremos, a expansão imobi-liária, como o que aconteceu com a Baixada Santista?”, questiona.
O diretor ainda afirma os investimentos públicos podem ser reforçados com parceria da iniciativa privada e o assunto deve ser pensado de maneira regional. “Temos tudo para acontecer, só é preciso vontade política”, conclui.
Município pretende alterar decreto - O diretor de Turismo de São Sebastião, Daniel Augusto, afirma que já está pronta a proposta para reformular o decreto municipal que cria as trilhas oficias do município. O objetivo é incluir outras áreas e também atividades, como esportes radicais e abertura de guaritas.
Ele lembra que também são feitas reuniões desde o final do ano passado com os monitores de ecoturismo, a fim de otimizar o agendamento de passeios às trilhas. “Devemos ter nova reunião após a temporada de verão”.
Conforme o diretor, o setor de informações turísticas da prefeitura tem agendado vários passeios monitorados às trilhas. Mas ele reconhece que muitas pessoas têm acesso às trilhas sem acompanhamento de monitores. É o caso da Trilha do Itu, em Boiçucanga, a mais frequentada. Mas não há placas no local informando sobre a necessidade de monitoramento, nem sequer sobre os limites do Parque Estadual.
As propostas de refor-mulação do decreto municipal devem ser apresentadas ao prefeito Paulo Julião na próxima semana.
Daniel Augusto sustenta que a prefeitura tem trabalhado bastante para desenvolver o ecoturismo. Ele cita cursos de capacitação, estudos para atualização e melhoria sobre o decreto municipal e contatos com apoiadores, que devem ser bem sucedidos. (Fonte: Imprensa Livre)

Hoje é o último dia para pagamento do IPTU com desconto

Ilhabela / São Sebastião - Em Ilhabela, o IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano), para os contribuintes que optaram pelo regime de cota única têm até hoje para serem beneficiados com o desconto de 20%.
Já em São Sebastião há duas opções de pagamento da cota única, com descontos de 10% até hoje, e de 5% até o dia 20.
Quem optou pelo parcelamento do valor do imposto poderá pagar a primeira parcela também até hoje.
Em ambos municípios o pagamento poderá ser feito em todas as agências bancárias. Após o vencimento, apenas no Banco do Brasil, em Ilhabela, e no Banespa, em São Sebastião.
As duas cidades estimam arrecadar mais de 80% dos carnês emitidos. Em Ilhabela foram emitidos 15.960 carnês. O número não foi informado em São Sebastião. (Fonte: Imprensa Livre)

Carta do Leitor

Frouxidão e Solidão - Queremos apresentar nossos protestos à missiva do último dia 03, assinada pelo Dr. Vicente Pagliuso, que fez uma confusão dos diabos, colocando em um só cesto várias entidades e poderes publicos. Ofendeu a Associação em Defesa do Povo Caiçara. Destratou também a Câmara Municipal e a Promotoria Pública. Um verdadeiro massacre não distinguindo gregos ou troianos.Ou melhor, caiçaras e carcamanos. Mas por que a Associação foi xingada? É que a Associação foi procurada pelo citado doutor para assinar uma certa ação judicial que não tinha relação nenhuma com os objetivos do nosso estatuto e, evidentemente, nos recusamos a ser massa de manobra. E, mesmo depois de muitos meses, aquela recusa ficou atravessada em sua garganta e, agora, muito grosseiramente, chamou a ADPC de Associação de Macaquinhos. É deprimente, mas precisamos chamar ao bom senso aquele cidadão, que atacando a todos, acaba atirando em seus próprios pés e fica esacreditado por aqueles que defendem a ética e a justiça.

Jairo dos Santos
Coordenador da ADPC
Ubatuba, SP


O Sonho - Antes de dormir, soube da votação da câmara municipal referente a cassação do prefeito. Durante a madrugada acordei assustado, sem entender o que estava acontecendo, pois havia tido um sonho.
Com algum esforço tentei focaliza-lo desde o inicio e consegui lembrar o seguinte: Estava eu, de pijama, na avenida Iperoig, no meio de uma multidão cantando e pulando como se fosse o maior carnaval já realizado em Ubatuba. Porém era um carnaval diferente, fora de época, onde a maioria das pessoas portavam faixas com o nome de diversos vereadores, gritando JÁ GANHOU, enquanto o trio elétrico tocava a AQUARELA DO BRASIL outros cantando o HINO NACIONAL, enfim um pandemônio nunca visto na cidade.
Atordoado e sem entender o que ocorria, perguntei a um folião o significado de tudo aquilo, e ele me respondeu as gargalhadas: De qual planeta você veio para não saber o que está acontecendo? Simplesmente disse que estava dormindo. Aí ele explicou que a CÂMARA DE VEREADORES atendendo aos reclamos da população resolveu moralizar o município aprovando a cassação do prefeito, derrubando o veto da zona azul, procurando sanear a COMTUR e muitas outras questões que estão por vir a tona, então toda a população saiu as ruas para festejar. E acrescentou: Você não leu as faixas? Está vendo os nomes dos vereadores nelas? Pois são os heróis incorruptíveis que motivaram esta manifestação. Serão os nossos futuros candidatos nas próximas eleições, pois são os únicos que respeitamos, confiamos e aprovamos.
Queria fazer outra pergunta mas ele virou as costas, levantou os braços e saiu cantando feliz da vida, OI ABRE ALAS, QUE EU QUERO PASSAR....
Aí voltei para a cama querendo a continuação deste sonho, porém como participante da felicidade geral da população, e não como um mero SONHADOR.

Jose Ricardo
Um dos milhares de eleitores que ainda tem um sonho
Ubatuba, SP


Denúncia contra o prefeito de Ubatuba - Admiro a Dona Cida, por ter tanta coragem de ainda estar levando denuncias a Câmara dos Vereadores, mas tenho certeza que com isso ela deva perder muitas noites de sono, porque, mecher com o poder não é fácil, e o pior é que os advogados do Prefeito vão procurando os atalhos, os recursos, e empurrando com a barriga, para que tudo acabe em pizza como o caso da COMPRA DO PASSAT. Admiro também os vereadores que estão exercendo suas funções com competência e dignidade, sabemos quais são e não esqueceremos até as próximas eleições.

Bel Dergham
Sertão da Quina
Ubatuba - SP


Trio elétrico, um desacerto - Na madrugada do dia 08 de fevereiro resolvi tomar um chope na Av. Iperoig antes de ir para casa. Logo que cheguei no bar sentei-me junto a um casal conhecido, porém, a banda tocava num volume tão alto que era absolutamente impossível conduzir uma conversação com meus amigos. Assim que a banda fez um intervalo entrou uma musica que pensei fosse mecânica, do próprio bar, numa intensidade sonora ainda maior. Reclamamos e, pasmem vocês, o tal som provinha de um famigerado arremedo de trio elétrico, contratado, segundo informaram, pela COMTUR, para infernizar a vida já tão difícil dos ubatubenses e turistas que tentam freqüentar essa cidade.
O líder da banda veio a nossa mesa se desculpando pelo alto volume com que tocavam, explicando que tentavam sobrepujar o som institucional. A dona do bar foi até o trio elétrico pedir que diminuíssem o volume com que propagavam a emissão sonora, mas não teve sucesso.
Há muito impera em Ubatuba a cultura do barulho. Há um falso entendimento de que propagar som em altíssimo volume é sinal de qualidade, e que tal procedimento poderia atrair endinheirados turistas para passar horas gastando na avenida da praia. Todavia, o efeito é exatamente contrário, pois resultou que pagássemos nossa conta e fossemos embora, tendo em vista que o ruído ensurdecedor era simplesmente impossível de ser tolerado. Pobre Av. Iperoig, pobre Ubatuba (cada vez mais).

Thomas De Carle
Ubatuba, SP


Acidente com jet ski - Não quero puxar a sardinha para nenhum dos lados, mas fazer o quê aconteceu esta fatalidade, mas nós que estamos de fora não somos ninguém para julgar nem fazer críticas, pois já aconteceu, devemos nos unir e nos compadecer com ambas famílias, pois neste acidente foi um pai de família e um jovem que iria começar a viver. E nos atentar para que este tipo de coisa não volte a acontecer.

Eduardo Alves

 

Foto do Dia:
Pereque Mirim e Santa Rita
Ubatuba
Pereque Mirim e Santa Rita
© Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Clique Aqui para acessar o arquivo de Fotos Publicadas

 
Gaivota FM
Participe você também com seu cometário, crítica ou sugestão no programa
Estação Ubatuba c/ Tony Luiz
De segunda a sexta das 12 as 14 hs na Gaivota FM 104.9
Sempre com entrevistados diários e variados, falando sobre todos os temas
Ligue 3833.5550


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui.


MUseu Caiçara Ubatuba Solar das Águas Cantantes

As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  idenficação do autor.


GRÁTIS!!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:
Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:
Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:


Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor