Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 14 de abril de 2003 - Nº 762 Edições Anteriores

BIL Nautica Naturali Garden Center

Litoral Norte:
   Litoral tem 90% de partos pelo SUS
   Receita recupera R$ 1,6 milhão sonegados no Litoral Norte
   Cresce o índice de cura da tuberculose no Litoral e Vale

Ilhabela:
   Pesquisa aponta aumento de gordura corporal em adolescentes de Ilhabela
   Começa licitação para obra de pavimentação do Bexiga
   Aventura “Volta a Ilha” cumpre parte social do evento

São Sebastião
   Paciente tem problema renal após parto
   Julião lança pacote de R$ 6,2 mi

Ubatuba:
   Triathlon em Ubatuba
   Homens são presos com drogas em Ubatuba

   Carta do Leitor



Litoral tem 90% de partos pelo SUS

Litoral Norte - A rede pública de saúde no Litoral Norte é responsável por mais de 90% dos partos realizados na região. Os particulares não ultrapassam uma média de um por mês na Casa de Saúde Stela Maris, em Caraguatatuba, e oito no Hospital de Clínicas de São Sebastião.
Nas unidades, o número de partos pelo SUS (Sistema Único de Saúde) é de 80 (98,7% do total) e 90 (91,8%) por mês, respectivamente.
O clima de insegurança após a morte de uma parturiente no hospital de São Sebastião está fazendo com que as gestantes procurem alternativas.
Segundo os hospitais, a procura pelo atendimento gratuito é alto devido aos preços do particular, que pode chegar a R$ 1.800 no parto normal e R$ 3.000 para cesarianas.
"O SUS mantêm o mesmo padrão de qualidade do serviço particular ou de convênio", disse a provedora do hospital de São Sebastião, Elisabeth Chagas.
Para a ginecologista-obstetra, Ana Maria Veronesi Garro, de Caraguá, os riscos de incidentes no momento do parto são iguais em todos os sistemas.
MEDO - A gestante Enriana Lacerda, 31 anos, de São Sebastião, disse que está com receio de ter o seu filho no hospital. Ela está no sétimo mês.
"Desde o início da gravidez tinha planejado o nascimento do bebê no hospital, mas somente vou marcar a cirurgia quando forem divulgadas as causas do problema."
A advogada Bruna Ishi, 25 anos, disse que começou a pesquisar hospitais em São José e São Paulo para a realização do parto. Ela está no oitavo mês de gestação do primeiro filho. (Fonte: ValeParaibano)

Receita recupera R$ 1,6 milhão sonegados no Litoral Norte

Litoral Norte - A Delegacia da Receita Federal em São Sebastião divulgou ontem uma nota sobre as fiscalizações aos contribuintes (pessoa física) em 2002 e expectativa para este ano. Aproximadamente 300 pessoas foram chamadas para acertar as contas com o Leão.
Foram recuperados R$ 1.608.417,46 em créditos tributários. Deste total, R$ 1.139.585,97 estão relacionados ao cruzamento de informações de movimentação financeira, por meio da CPMF, incompatível com o rendimento declarado.
O restante é referente a inconsistência nas declarações de rendimento, tais como: omissão de valores recebidos de empresas, ganho de capital não declarado, variação patrimonial, e outros.
Desta forma, a Receita Federal alerta para o preenchimento correto das declarações de Imposto de Renda. A multa para os sonegadores varia de 75% a 150% sobre o valor do imposto.
Além disso, o infrator corre o risco de ser enquadrado nos crimes contra a ordem tributária. Para este ano espera-se incremento significativo nos valores recuperados, uma vez que ainda estão sob fiscalização vários contribuintes que não declararam o imposto de renda e movimentaram em conta corrente mais de R$ 16 milhões.
"Quando os dados obtidos não batem com a declaração, nós lavramos o auto de infração", frisa o delegado Carlos Nacif.
Os contribuintes que necessitarem de esclarecimentos sobre a declaração do Imposto de Renda podem comparecer ao Centro de Atendimento da Delegacia da Receita Federal em São Sebastião, na avenida Dr. Altino Arantes (Rua da Praia), 614, no Centro. O atendimento é feito das 9h às 11h30. (Fonte: Imprensa Livre)

Cresce o índice de cura da tuberculose no Litoral e Vale

Litoral Norte - O Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo divulgou o índice de cura da tuberculose, que apontou crescimento no Litoral Norte e Vale do Paraíba. Mesmo com o aumento da doença em todo o país, os resultados obtidos nas últimas pesquisas são animadoras.
São José dos Campos, por exemplo, é o segundo município do Estado com melhor índice de cura. Entre os 212 pacientes que iniciaram o tratamento da doença em 2001, 176 foram curados. Isto significa a melhora em 83% dos casos.
Na tabela divulgada pela Secretaria Estadual da Saúde, Ubatuba aparece em 4º lugar no ranking, apresentando índice de 82,2% de cura. Jacareí ocupa a 7ª colocação com 81,3% e em 8º lugar está Caraguá, que teve 80,3% dos casos solucionados.
A primeira cidade do ranking é Itanhaém, no Litoral Sul, com índice de 85,5%. Este foi o único município a ultrapassar a meta da Organização Mundial de Saúde (OMS), de 85%.
Taubaté apareceu em 7º lugar na tabela dos 10 municípios do Estado de São Paulo com o "pior" índice de cura. O coeficiente de incidência de casos de tuberculose é de 50 (número de casos por 100 mil habitantes).
Para a coordenadora do Programa de Controle da Tuberculose de São José dos Campos, Denise Pessanha de Melo, o índice de cura tem crescido por causa dos incentivos aos doentes com tratamento supervisionado.
Neste processo, os pacientes têm de ser vistos tomando os remédios diariamente pelos agentes de saúde para evitar o abandono de tratamento. Assim, o doente pode ir todos os dias a uma determinada unidade básica de saúde para tomar o remédio ou ser medicado em casa por um funcionário.
Segundo Denise Pessanha, o fator mais prejudicial é a desistência do tratamento. "Em dois meses a pessoa já está bem e acha que está curada", declarou. Após 15 dias de uso dos remédios o paciente já não transmite mais a doença, porém, a cura só acontece depois de, no mínimo, seis meses.
Em Ilhabela, a Secretaria Municipal de Saúde conseguiu atingir 85% de cura da tuberculose em 2001. Conforme informou a enfermeira Simone Fortes de Souza, coordenadora do Programa de Controle da Tuberculose, este ano foi registrado apenas um caso.
Já em Ubatuba, atualmente, existem 19 casos. No ano passado, o índice de cura também chegou a 85%. "Há três semanas realizamos uma campanha de busca ativa de novos casos, oferecendo o exame de escarro ao asilo, casas de apoio e também para qualquer pessoa nos postos de saúde, onde continuam sendo feitos", disse Patrícia Machado Sanches, responsável pela estatística do Serviço de Saúde Coletiva da Prefeitura de Ubatuba.
A reportagem não obteve informações sobre o número de casos de tuberculose registrados este ano em São Sebastião e Caraguatatuba.
Conheça a doença - A tuberculose é uma doença infecciosa que atinge principalmente os pulmões, mas também pode ocorrer nos gânglios, rins e ossos. Ela é causada pela bactéria Mycobacterium tuberculosis, conhecida como Bacilo de Koch, em homenagem ao seu descobridor, o médico alemão Robert Koch.
Quem tem tuberculose no pulmão transmite a doença pela tosse, fala ou espirro. Nem todas as pessoas contaminadas pelo micróbio adoecem.
Às vezes, o bacilo fica guardado no organismo e, quando a pessoa tem uma queda de resistência, desenvolve a doença. Os sintomas são: tosse por mais de três semanas, febre, emagrecimento, fraqueza, perda de apetite, suores noturnos e dores no peito e nas costas.
A prevenção usual é a vacina BCG, aplicada nos primeiros 30 dias de vida, capaz de proteger contra as formas mais graves da doença. Se houver a contaminação, o tratamento consiste basicamente na combinação de três medicamentos: rifampicina, isoniazida e pirazinamida.
O tratamento dura em torno de seis meses. Se o tuberculoso tomar as medicações corretamente, as chances de cura chegam a 95%. É fundamental não interromper o tratamento, mesmo que os sintomas desapareçam. (Fonte: Imprensa Livre)

Pesquisa aponta aumento de gordura corporal em adolescentes de Ilhabela

Ilhabela - As crianças e pré-adolescentes de Ilhabela, hoje, têm de 15% a 35% mais gordura que há 20 anos, variando conforme a faixa etária e sexo. Os dados, divulgados no Projeto Ilhabela, mais conhecido como "Teste da Bicicleta", surpreenderam mesmo os organiza-dores da pesquisa, que toma como parâmetros os anos de 1980 e 2000 e as crianças de classe média a baixa, das escolas públicas da Ilha.
"Começamos a avaliar as crianças, em 78, para quantificar os casos de desnutrição. Hoje, 25 anos depois, deparamos com o extremo oposto, casos de sobrepeso e obesidade infantil, em volumes de três a cinco vezes maiores que os de crianças subnutridas", avalia o professor Vitor Matsudo, do Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul (Celafiscs), responsável pela avaliação.
Matsudo conta que se a subnutrição é um fato grave, o sobrepeso e a obesidade também o são: "O que acontece é que a criança gorda e sedentária está mais sujeita à hipertensão (pressão alta), diabetes e ao colesterol alto, o que pode transformá-la em um adulto com problemas de cardíacos e circulatórios, como anginas, enfartos e derrames.
Paralelamente podem também surgir efeitos como osteoporose e depressão, o que pode levar ao suicídio". A pesquisa avalia também dados sócio-ambientais, para tentar explicar as evoluções nas condições físicas. E o que foi apurado em aproximadamente uma centena de entrevistas aplicadas em pré-adolescentes (dos 11 aos 14 anos) é que os meninos passam em média 4h12 em frente à TV e as meninas, algo em torno de 4h. E isso sem contar o tempo que as crianças passam em frente ao vídeogame e computador.
Nesse meio tempo, têm uma alimentação para lá de inadequada: "Os pesquisados se entopem de frituras, salgadinhos e refrigerantes, quando deviam consumir mais sucos, frutas e verduras, para suprir suas necessidades de vitaminas, fibras e minerais", comenta a nutricionista Marcela Telles Ferreira.
O resultado imediato é o aumento de gordura, mas existem também outras conse-qüências nem tão visíveis, como a redução de reflexos, força muscular e agilidade e até a maturação sexual precoce.
Marcela explica que os hormônios sexuais "se alimentam" de gordura e podem ser estimulados quando a criança tem um índice de massa corporal alto (adiposidade). Assim, explica-se até o aumento do número de casos de adolescentes grávidas. Meninas que atingiram a maturidade sexual sem que a maturidade emocional acompanhe tal crescimento.
O que dá para se ler pelas entrelinhas da pesquisa é que as famílias de Ilhabela, a exemplo daquelas de grandes cidades, estão se descuidando dos filhos, deixando que suas falhas comportamentais se reflitam em suas saúdes. O que leva outra vez aos números: "Nas meninas, o aumento de tecido adiposo (gordura) foi de 13% a 18%, conforme a idade. No caso dos meninos, o resultado foi ainda mais grave: de 25% a 33%. Isso porque as crianças - principalmente as do sexo masculino - deixaram de brincar na rua e se voltaram para a televisão", acrescenta Matsudo.
Em termos absolutos, o excesso de peso e a obesidade infantil (caso mais grave) atingem aproximadamente uma a cada cinco crianças na ilha, indiferentemente de sua classe social. Ou seja, 20%. Cinco vezes mais que subnutrição, ainda um problema grave, que chega a 4%.
"O Governo Federal fala no 'Fome Zero'. Concordo com ele. Mas deveríamos também ter um 'Banha Zero', já que o excesso de peso pode trazer conseqüências tão graves como a subnutrição", avalia o pesquisador.
Duas vezes por ano, aproximadamente 15 profissionais das áreas de Educação Física, Nutrição, Medicina e Fisioterapia e 10 estagiários, liderados por Matsudo, vêm à E.E. Eva Esperança, na Água Branca (foto), para avaliar fisicamente as crianças e adolescentes que se inscreverem. São realizadas várias medições, como a de altura, pressão arterial, peso, flexibilidade, freqüência cardio-respiratória, gordura acumulada e medidas da ossatura, entre outras. Depois entram os testes, que medem a agilidade, velocidade e agilidade motora.
Os dados obtidos, depois da bateria de exames, são colocados em um banco de dados, que monitora cada criança e compara os resultados com os obtidos nos testes anteriores - há pessoas que continuam a fazer os testes há 25 anos - pela mesma equipe e com os mesmos critérios.
"Mantemos as mesmas avaliações, época do ano e população para evitar desvios na pesquisa. Assim, podemos acompanhar os resultados com um mínimo de desvios" explica o estudioso, que tem apresentado os resultados desta e de outras pesquisas em vários pontos do mundo. (Fonte: Imprensa Livre)

Começa licitação para obra de pavimentação do Bexiga

Ilhabela - A Prefeitura de Ilhabela através de seu setor de licitações realizou nesta quinta, dia 10, o início da sessão de abertura do processo para pavimentação do bairro do Bexiga, costa sul, onde 12 empresas estão concorrendo por um dos três lotes da obra. A obra está orçada em R$ 912 mil.
A reunião contou com a presença de representantes dos bairros do Bexiga, Valdir A. de Oliveira, Miguel C. Barreto e Cristina L. dos Santos e Praia Grande, José L. da Silva e Flávio Miguez, além dos vereadores Luiz Antonio dos Santos (Luiz Lobo) e Maria da Graça F. S. Souza (Gracinha).
O convite feito pelo prefeito Manoel Marcos agradou a moradora Cristina, que considera importante acompanhar as questões que envolvem o bairro onde mora, principalmente se tratando de um benefício como este. (Fonte: PMI)

Aventura “Volta a Ilha” cumpre parte social do evento

Ilhabela - As comunidades tradicionais de Castelhanos, Praia Mansa, Praia Vermelha e Praia da Figueira receberam nesta quarta, dia 9, os kits comemorativos arrecadados para integrar a parte social da aventura “Volta a Ilha”, que aconteceu dia 21 de março deste ano.
Quem realizou a entrega foi a secretaria municipal da saúde através da funcionária Vera Lacava representando o diretor administrativo da secretaria da saúde Márcio Tenório e o organizador do evento professor Mário Bello.
A pedido da prefeitura municipal através diretoria de esportes e professor Mario Bello, a secretaria da saúde disponibilizou o jipe com motorista e a funcionária Vera, que também foi voluntária na aventura, para realizar a entrega, também acompanhada pelo diretor de comunidades isoladas Dito Dória.
As comunidades restantes receberão os kits nas próximas viagens da equipe da secretaria da saúde ainda este mês. (Fonte: PMI)

Paciente tem problema renal após parto

São Sebastião - Uma das pacientes que tiveram complicações pós-parto no Hospital de Clínicas de São Sebastião começou a fazer sessões de hemodiálise após passar nove dias na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).
A paciente apresentou problemas nos rins após cesariana feita na semana passada. Outras sete mulheres apresentaram problemas pós-parto --uma morreu e três tiveram o útero retirado.
Sexta-feira, a Polícia Civil ouviu uma paciente e um médico do hospital no inquérito que apura o caso .
O Instituto Adolf Lutz adiou para segunda-feira a divulgação do resultado da análise do medicamento Oxiton --suspeito de ter causado as reações nas pacientes. A previsão era que a análise fosse concluída ontem. (Fonte: ValeParaibano)

Julião lança pacote de R$ 6,2 mi

São Sebastião - O Prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB), anunciou ontem um pacote de obras de R$ 6,2 milhões para área da Educação.
O tucano prevê a construção de duas escolas e a ampliação de cinco unidades. As obras vão beneficiar 2.000 alunos. Do total investido, R$ 1,2 milhão foi liberado pelo Estado.
No bairro de Maresias será construída uma escola de educação infantil e quatro salas para alunos de 1ª a 8ª série. No Barra do Una, será instalada uma escola infantil com 12 salas.
O pacote inclui ampliação das escolas: Nair Ferreira Neves, no bairro São Francisco, e Dulce César Tavares, em Maresias, Plínio Gonçalves de Oliveira, em Juquehy, Maria José da Penha Frúgoli, na Enseada e Sebastiana, em Barra do Una. (Fonte: ValeParaibano)

Triathlon em Ubatuba

Ubatuba - Ubatuba sediou ontem, a partir das 8h, o Power Bar Triathlon Long Distance, com cerca de 300 atletas, que percorreram 1,9 km de natação, 90 km de ciclismo e 20 km de corrida. Paralelamente have a prova de short triatlon com 750 m de natação, 20 km de ciclismo e 5 km de corrida. A organização foi concentrada no Centro de Informações Turísticas, na avenida Iperoig, na praia central da cidade. Estiveram no evento Alexandre Manzan, Oscar Galindez (argentino), Renato Dantas e Vinícius Santana, grandes feras da modalidade. (Fonte: ValeParaibano)

Homens são presos com drogas em Ubatuba

Ubatuba - Dois homens foram presos na manhã de sexta-feira em flagrante suspeitos de tráfico de drogas em Ubatuba. Segundo a Polícia Civil, o desempregado César Augusto de Souza, 22 anos, foi detido portando cerca de 20,5 gramas de maconha no bairro do Taquaral. Ele teria alegado à polícia que a droga seria vendida em frente a uma escola no bairro Perequê-Açu. Por volta das 8h, cerca de 143 gramas de cocaína e 10 gramas de maconha foram apreendidas na casa de Clodoaldo dos Santos, 34 anos, no bairro Usina Velha. Parte da droga estava enterrada no quintal da residência. Os dois suspeitos foram encaminhados para cadeia pública. (Fonte: ValeParaibano)

Carta do Leitor

Violência em Ilhabela - Quanto a noticia sobre o descaso da polícia em Ilhabela, quero aqui concordar com a reclamação da leitora, pois já entraram em minha casa na Barravelha 5 vezes, levaram TUDO, inclusive geladeira e pia com gabinete. Meus 2 vizinhos também vem sendo alvo de furtos em suas residências.
Pergunto: Será que Ilhabela é tão grande assim que não dá pra saber quem são esses ladrões?!
Eu moro em São Paulo e ocasionalmente vou para minha casa da praia, mas o pessoal que mora pelas redondezas diz que todos sabem quem são os ladrões e traficantes de Ilhabela, será que só a polícia não sabe???? Estão entrando em pousadas, e casas de veraneio e fazendo, verdadeiros arrastões. Até quando vamos aguentar esse descaso? Estão querendo abafar isso para que não diminua o turismo. Não adianta fazer marketing para atrair turistas estrangeiros e deixar que esse paraiso apodreça por culpa de incompetentes. Ou será que há outros interesses escusos por traz disso?????????
Nós brasileiros estamos cansados de ser maltratados por aqueles que estão numa delegacia para nos atender com respeito, educação e no mínimo cumprir seu dever que é investigar e prender bandidos. Devemos sempre lembrá-los que estão lá recebendo salários provenientes dos impostos que pagamos e que não são baratos. Temos direito a segurança... temos que lembrar sempre disso... principalmente em períodos eleitorais.

Carolina Abranches
São Paulo, SP


Radio Integração - Muito se fala nesta rádio integração, dita como sendo comunitária. Porém, basta uma consulta ao site da ANATEL e poderemos ver que de comunitária ela nada tem, pois não obedece à lei vigente, conforme reportagem recentemente divulgada em jornal
local.
Um dos itens da lei, diz que a rádio comunitária pode ter alcance máximo de um quilometro. Moro na prainha e sintonizo essa rádio (com certeza estou a mais de um quilometro de sua localização). Gostaria de saber por que os detentores do poder de fiscalização ainda permitem a existência dessa rádio, quando outras de menos "fama" e "famosos", são imediatamente fechadas e seus responsáveis penalizados?
Será que a lei só vale para aqueles que não são amigos do Rei?
atenciosmente,

Dimas Vieira da Rocha
Caraguatatuba, SP


Saúde de Ubatuba - Gostaria de estar cumprimentando o Sr. Carlos Fragmann, que recentemente assumiu a Secretaria de Saúde de Ubatuba, dizer que esperamos dele um bom trabalho, e aproveito para lhe dar conhecimento de algumas ocorrências deste setor. Aqui na Unidade Mista da Maranduba estamos sem atendimento de Clinico Geral nas segunda, terça e quarta-feira.
Domingo passado, assim como hoje também (domingo), precisei de atendimento medico nesta unidade. Nos dois dias me foram receitados DIPIRONA, um medicamento básico, para dor e febre, e em nenhum destes dias tiveram para fornecer. Veja bem, aqui é um local de muitas pessoas carentes, e se chega uma criança com febre, vai sair com a receita, sem o medicamento e o problema continua.
Quando na semana passada precisei de um encaminhamento para oftalmologista e fui agendar no Posto de Ubatuba, que surpresa! O oftalmo está atendendo a fila de espera do ano passado, e a lista de espera deste ano já está no numero quatrocentos e alguns, espera de mais ou menos seis meses, isto é realmente um absurdo que precisa ser revisto, precisamos de soluções urgentes, pois uma Unidade Mista que deveria ter medico todos os dias da semana, está com três dias sem, não ter a medicação mais básica para fornecimento, e uma espera de seis meses para consulta com oftalmo, isto e um caos!!! Mas apesar de tudo isto, gostaria de estar parabenizando o atendimento medico de dois profissionais da Maranduba: Dra. Graziela, acho que o que ela não conseguir curar com remédio, ira curar com o amor, carinho e atenção, e o Dr. Davidson, outro profissional muito competente e atencioso, só que precisam de ferramentas para trabalhar.
Dr, Carlos Fragmann, estamos aguardando providencias.

Bel Dergham
Sertão da Quina
Ubatuba, SP

Foto do Dia:
Praia do Itaguaçu
Ilhabela
Praia do Itaguaçu
© Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Clique Aqui para acessar o arquivo de Fotos Publicadas

 
Gaivota FM
Participe você também com seu comentário, crítica ou sugestão no programa
Estação Ubatuba c/ Tony Luiz
De segunda a sexta das 12 as 14 hs na Gaivota FM 104.9
Sempre com entrevistados diários e variados, falando sobre todos os temas
Ligue 3833.5550


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui.


Marcos Borges da Silva - artista plástico Disk Denúncia Polícia Militar Flamboyant

As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:
Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:
Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:


Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br


©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor