Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Quinta-feira, 07 de agosto de 2003 - Nº 839 Edições Anteriores

Barra da Lagoa Porto das Artes Naturali Garden Center

Litoral Norte
Feijoada de Frutos do Mar agora no Mirante da Orla


Caraguatatuba:
Polícia investiga fraude em concurso público de Caraguá
Press Tour reúne jornalistas em Caraguá
Festival de Surf em Caraguatatuba
Fundacc apresenta espetáculo teatral “Por pior que vá, eu te amo”
Fundacc leva o melhor do artesanato local para Brasília
Morro do Algodão recebeu Mutirão da Prefeitura
Equipe Prata de Damas visita Vereador Bolha
Comerciante vendia ração e mantinha disque-maconha em loja


Ilhabela:
Campanha de Vacinação Anti-Rábica começa próximo dia 11
Manoel Marcos participa de manifestação em São Paulo
Câmara volta ao trabalho acatando vetos do prefeito a dois projetos


São Sebastião:
Mutirão tira meia tonelada de entulho no litoral
Alunos do Ceprom são recepcionados com Café da Manhã


Ubatuba:
Zizinho é condenado a pagar multa
Mini Workshop de Visão em Ubatuba
Comerciante fica com medo de registrar roubo na delegacia
Polícia estoura ponto de tráfico em casa de ex-presidiária
Polícia apreende duas máquinas de caça níquel em bar no Pereque-Açú
Tubulação no Parque Guarani
Açude na Aldeia Boa Vista


Seções:
Carta do Leitor
Foto Saudade


Notícias do Litoral Norte Topo

Feijoada de Frutos do Mar agora no Mirante da Orla

Litoral Norte - Uma verdadeira delícia gastronômica pode ser saboreada todos os sábados no restaurante Mirante da Orla  (http://www.litoralvirtual.com.br/mirante/), no bairro do Getuba, em Caraguatatuba: Feijoada de Frutos do Mar.
A proprietária Maria Izaura Vilela explica que a idéia partiu de poder oferecer um prato apreciado nacionalmente, que é a feijoada, aliado a produtos regionais, que são os frutos do mar. O resultado é um prato gostoso, não tão "pesado" como a feijoada tradiconal, que ainda encanta os apreciadores de frutos do mar.
O prato para duas pessoas serve feijão branco com lula, polvo, marisco e camarão, linguiça de peixe e camarão (exclusividade da casa), manjubinha e iscas de peixe fritas, banana a milanesa, torresminho de peixe, farofa de casca de camarão, couve e arroz branco.
O Restaurante Mirante da Orla fica na Rod. Caraguá-Ubatuba, 397, bairro do Getuba. (Fonte: Litoral Virtual)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Polícia investiga fraude em concurso público de Caraguá
Candidatos denunciam irregularidades e prefeitura estuda anulação de prova

Caraguatatuba - A Polícia Civil e a Prefeitura de Caraguatatuba estão investigando uma suposta fraude nas provas práticas do concurso público para o cargo de agente administrativo 1, realizadas no último domingo.
Até anteontem, 60 pessoas haviam ingressado com recurso pedindo o cancelamento das provas. Amanhã a Comissão de Concursos Públicos e a empresa responsável pelo exame decidem se cancelam ou não as provas práticas.
A primeira fase do concurso, realizada em maio, já havia sido cancelada pela administração municipal por "falhas técnicas".
As provas foram aplicadas novamente no dia 6 de julho para 4.586 inscritos disputando 116 vagas em diversas áreas. O delegado Fábio Léllis disse que 12 pessoas chegaram a registrar boletim de ocorrência por suspeita de o gabarito da prova ter se "extraviado".
"Estamos analisando o caso. Eles (concursados) entendem que houve uma suspeita de fraude e pedi que fosse feito um relatório com detalhes", disse o delegado.
O relatório sobre a denúncia dos concursados será encaminhado para o delegado titular do município, Leon Nascimento Ribeiro, que decidirá como será feita a apuração do caso. A Polícia Civil registrou o caso como "preservação de direitos".
Na fase de domingo, segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, de 1.500 inscritos para o cargo, 540 foram aprovados na prova teórica de julho e fizeram as provas práticas em computadores.
A Comissão de Concursos Públicos da prefeitura e a empresa Astec-Centro de Estudos Técnicos e Soluções Alternativas, responsável pelas provas, estão avaliando os recursos que foram impetrados.
DENUNCIAS - Um webdesigner que preferiu não se identificar disse ter conseguido cópia da prova de um outro concursado devido aos grupos terem sido divididos em vários horários.
"Foi dado um disquete para gravarmos as provas. Consegui cópia da prova e entrei com recurso pedindo o cancelamento do concurso", disse.
Segundo o candidato, os teclados dos computadores não digitavam "ç" e estavam desconfigurados.
O webdesigner disse ainda que a prova foi entregue em preto e branco e um dos exercícios mencionava um texto em azul. "Como iríamos enxergar texto em azul em uma prova preto e branco?", disse.
A candidata A.P., 39 anos, disse que as provas eram iguais e as turmas foram divididas nos horários entre 8h e 12h em várias escolas. "Eram apenas 45 minutos para se responder 10 questões em textos mal redigidos. Soubemos que as primeiras turmas levaram os disquetes (com cópia da prova) para as últimas turmas", disse. (Fonte: ValeParaibano)

Press Tour reúne jornalistas em Caraguá

Caraguatatuba - Jornalistas de diversas regiões do estado de São Paulo e outros estados brasileiros chegam à Caraguatatuba nesta sexta-feira, dia 8 de agosto. Os jornalistas convidados estarão na cidade nos dias 8, 9 e 10 de agosto com o objetivo de conhecer e divulgar a cidade em seus mais diversos aspectos.
O encontro está sendo realizado pela Secretaria de Turismo e vai acontecer no Ceprolin. O objetivo é divulgar para colunistas e proprietários de órgãos de informação impressa da capital e interior do Estado, a cidade de Caraguá como destino turístico.
É a terceira vez que a prefeitura realiza o encontro. Este ano a Secretaria de Turismo e a Associação de Hotéis e Pousadas de Caraguá, estará recebendo um selecionado grupo de profissionais de imprensa, que será levado para conhecer melhor o potencial turístico da cidade, seus atrativos, os pontos turísticos e as principais obras que alavancaram o desenvolvimento e que transformaram a cidade num atraente pólo turístico da atualidade.
“Caraguá é hoje uma cidade moderna e urbanizada que tem como prioridade o desenvolvimento cultural e educacional de sua população. Os investimentos têm sido marcantes e seus resultados já podem ser notados por todos”, comentou a diretora de turismo, Selma Gallo. (Fonte: PMC)

Festival de Surf em Caraguatatuba
Em comemoração à abertura da temporada de ondas em Caraguá, o Festival Maré-Seca de Surf vai promover em setembro, campeonatos de várias categorias de surf com premiações, desfile de modas e um luau com shows de reggae e surf music.

Caraguatatuba - Com uma festa de abertura marcada para o dia 30 de agosto, o Festival Maré-Seca de Surf de Caraguatatuba dará início a uma série de campeonatos de surf durante o mês de setembro, na praia Massaguaçu. O público presente no luau de abertura vai assistir a shows musicais de reggae e surf music.
O evento está sendo realizado pelo surfista e professor de Educação Física Rodrigo Neves e o também surfista Daniel Almeida, ambos de Caraguá. Para realizar a festa, os produtores contaram com o apoio de vários comerciantes e também da Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Turismo de Caraguá.
O Festival prevê vários campeonatos em datas a serem marcadas pelos produtores, de acordo com a formação de ondas durante o mês. “Caraguá reserva em algumas épocas do ano, ondas com formações perfeitas, esperadas por muitos surfistas locais e turistas. Em setembro, é a vez da Praia Massaguaçu dar um show natural com suas ondas”, comentaram os produtores.
Serão disputadas as modalidades de surf longboard, open (para locais e aberto a todos) e feminino. Haverá premiação extra para a maior onda do festival e também para a melhor foto. A exposição de fotos acontecerá na Água do Mar Surf Shop após cada etapa do campeonato. Outra atração do evento é um desfile de moda praia e surf que vai acontecer no final do evento.
As datas serão comunicadas pela internet pelo site www.massaguasbeach.com.br e também por telefone aos inscritos. As inscrições podem ser feitas pelo site ou pelo telefone 9766-0013. (Fonte: PMC)

Fundacc apresenta espetáculo teatral “Por pior que vá, eu te amo”

Caraguatatuba - A Cia Popatapataio, de Caraguatatuba, apresenta nos dias 7 e 8 de agosto, às 19 horas, no Auditório do Centro Cultural Maria Stella de Oliveira, sede da Fundacc, o espetáculo “Por pior que vá, eu te amo”, autoria e direção de Daniel Forjaz.
Os ingressos serão vendidos a R$3,00. A Cia concorreu na fase municipal do Mapa Cultural Paulista 2003/2004 e ficou em 2º lugar, com uma série de prêmios e indicações: Melhor Atriz:Ana Paula Santos; Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Figurino e Melhor Maquiagem: Akito Iwai e Melhor Atriz Coadjuvante:Ana Carolina. O espetáculo tem no elenco 6 atores, e a trilha sonora é executada ao vivo, pelo músico Jeferson Amorim, nos teclados.
O trabalho surgiu de uma predisposição do grupo em trabalhar com a linguagem de Clown, e conta a história de uma eterna competição entre dois amigos pobres que sofrem com a fome que é o grande pivô de suas discussões. (Fonte: Fundacc)

Fundacc leva o melhor do artesanato local para Brasília
O trabalho de realizado pela Fundacc através da comissão de artesanato já está dando frutos. Caraguatatuba está presente nos grandes eventos que reúnem a verdadeira cultura regional como o Revelando São Paulo, realizado pela Secretaria de Estado da Cultura,a Feiarte - Feira Internacional de Curitiba, entre tantos outros e em agosto, o destino é Brasília.

Caraguatatuba - Caraguatatuba e seu artesanato local será representada em Brasília, DF, através da participação da ComArte - Comissão de Artesanato da Fundacc - Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba, na “3ª Mostra de Artesanato do Vale do Paraíba e Região Serrana”, de 18 a 22 de agosto, que acontecerá no Tribunal Superior do Trabalho, em Brasília, em parceria com a APAE de São José dos Campos.
Dos trabalhos que serão levados para Brasília, podemos destacar peças em diversos materiais, como fibras, madeira, cerâmica, couro, resinas e metal.
O convite para a mostra partiu do Grupo Balaio da Terra, de São José dos Campos, devido ao nível dos trabalhos que a Comissão de Artesanato tem apresentado nos eventos que participa, como o Revelando São Paulo - Vale do Paraíba, acontecido recentemente em São José dos Campos.
“Acredito que o trabalho que a comissão de artesanato da Fundacc está realizando no município, através da estruturação dos grupos e mostrando os verdadeiros mestres de ofícios em cada técnica, está resultando em ações e propostas com identidade com o município. Dessa maneira, estamos mostrando o verdadeiro artesanato local, valorizando o artesão e naturalmente divulgando o município” comenta Juliano Junqueira, coordenador da artesanato da Fundacc. (Fonte: Fundacc)

Morro do Algodão recebeu Mutirão da Prefeitura
Mutirão veio através de pedido do Vereador Valmir da Colônia

Caraguatatuba - O bairro do Morro do Algodão, na zona sul de Caraguatatuba recebeu na última semana um mutirão da Prefeitura, ordenado pelo Prefeito em exercício e Secretário Municipal de Serviços Municipais (SSM), José Pereira de Aguilar (PPS). A ordem partiu de um pedido do Vereador Valmir Gonçalves - Valmir da Colônia (PSDB).
Segundo o prefeito em exercício e chefe da SSM, foram utilizados 6 caminhões, 5 máquinas e 8 homens, que fizeram um mutirão em toda a parte central do Morro do Algodão, que fica na zona sul de Caraguatatuba. Este trabalho durou cerca de 10 dias.
O mutirão consistiu em fazer a limpeza e desassoreamento de valas e córregos, nivelamento e cascalhamento das ruas e limpeza das calçadas. Para Aguilar este é um serviço comum, mas periódico. "As ruas e bairros que não tem na sua totalidade calçamento, calçadas, guias e sarjetas, tem que receber os mutirões. É um trabalho periódico, quase como um ciclo", explica.
Para o Vereador Valmir da Colônia esta ação é a prova de um estreito relacionamento entre Executivo e Legislativo. "Recebi o pedido daqueles moradores e observei a situação do bairro, encaminhando o pedido. Prontamente o chefe do Executivo ordenou que o mutirão fosse feito, mostrando que mesmo independentes, os poderes são harmônicos e amigos, objetivando sempre o bem comum", disse. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Equipe Prata de Damas visita Vereador Bolha
Jogadores falaram sobre Regionais 2003 e convites para 2004

Caraguatatuba - A equipe de Damas Misto de Caraguatatuba, Medalha de Prata nos Jogos Regionais 2003 - Pindamonhangaba, visitou na tarde de segunda-feira o Vereador Laércio Aparecido de Andrade - Bolha (PPS). A conversa girou entre os jogos deste ano e do ano que vem, que será em Caraguatatuba.
Apenas 4 (quatro) dos 8 (oito) que compõe a equipe estiveram com o Vereador. Caraguatatuba tem um histórico de vitórias em Damas nos últimos Regionais. Em 2000 e 2001 foram Medalha de Ouro e Prata em 2002 e 2003.
Com a boa colocação em Pinda a equipe já está automaticamente classificada para os Jogos Abertos, que serão realizados no mês de setembro na cidade de Santos. Os jogadores, que estão juntos há 8 (oito) anos, tem idades que variam de 16 à 21 anos e treinam em média 4 horas por dia.
Os jogadores falaram com o Vereador sobre os Jogos Regionais de 2004, que acontecerão em Caraguatatuba e a respeito dos convites que receberam de cidades como Ubatuba, São Sebastião e Pindamonhangaba e segundo os membros da equipe, deverão ser concretizar, pois a Secretaria Municipal de Esportes não mostrou interesse em patrocinar estes atletas.
Para o Vereador Laércio Aparecido de Andrade situações como esta tem que ser contornadas. "Não podemos perder atletas por causa do poder do dinheiro. Além do amor à cidade, que deveria ser o principal dos atletas, a Prefeitura e a Secretaria de Esportes deverão encontrar um denominador comum para possamos ser, além de bons anfitriões, anfitriões medalhistas", disse. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Comerciante vendia ração e mantinha disque-maconha em loja

Caraguatatuba - O comerciante E.D.F., 39 anos, foi preso na noite de segunda-feira, pela Dise (Delegacia de Investigação Sobre Entorpecentes) do Litoral Norte.
Os policiais tinham denúncias de que ele, que é proprietário de uma loja de ração, no bairro Rio do Ouro, vendia maconha por encomenda ao telefone.
Segundo a Dise, os contatos com os usuários eram feitos por telefone, quando ele combinava a quantia, deixando a droga pronta para o “cliente” passar na loja e pegar.
Escondido no quintal da casa, nos fundos da loja, a polícia encontrou três pedaços da droga, totalizando 40 gramas, ao lado de uma gaiola com passarinho, e uma faca, utilizada para cortar o entorpecente.
A denúncia informava que ele estaria para receber um carregamento grande da droga, mas teria recusado a entrega, pois desconfiava que era investigado.
A loja fica cerca de 200 metros de uma escola, tornando o crime mais grave. E. morava na casa, nos fundos do estabelecimento, com a mulher e duas filhas, sendo uma adolescente e a outra ainda bebê.
Os antecedentes criminais revelaram que ele já tem passagens policiais por furto. E. foi conduzido à delegacia e autuado por tráfico, ficando recolhido na cadeia pública. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ilhabela Topo

Campanha de Vacinação Anti-Rábica começa próximo dia 11

Ilhabela - A Prefeitura Municipal de Ilhabela através da Secretaria Municipal de Saúde e Vigilância Epidemiológica realiza de 11 de agosto a 9 de setembro a Campanha de Vacinação Anti-rábica canina e felina 2003. Em 2002 a campanha superou as expectativas atingindo 104% de cobertura vacinal com 4720 animais vacinados. Para este ano a expectativa é de vacinar 4.500 animais, cerca de 3.800 cães e 700 gatos. Animais de rua e semi-domiciliados também serão vacinados.
O proprietário do animal deverá comparecer a um dos postos fixos determinados no cronograma de vacinação acompanhado da carteirinha de vacinação do animal. Recomenda-se que os animais sejam levados por adultos e para os animais que ainda não possuem a carteirinha, levar o endereço, o nome completo do proprietário e telefone.
A veterinária da prefeitura Dr. Olga L. I. Souza também recomenda aos proprietários de gatos que, ao leva-los aos posto de vacinação, faça-o com o animal enrolado em algum tipo de proteção, como uma toalha, para evitar arranhões. “O gato fica muito estressado ao ver uma grande quantidade de cães e isso pode levar a ferimentos nos próprios donos”, disse.
Animais a partir dos 4 meses de idade e fêmeas prenhas poderão ser vacinados. Já os animais que estiverem muito debilitados e apresentarem características como: barriga grande denotando verminose, corrimento ocular, corrimento nasal, olhos lacrimejando, diarréia, animais em recuperação de algum tratamento e com mais de 50% de sarna no corpo não serão vacinados. É importante que o dono dê vermífugo para seu animal antes de vaciná-los.
A Raiva - A Raiva é uma zoonose causada por um vírus que se aloja nas glândulas salivares dos animais. A transmissão ao homem pode ser fatal e ocorre através do contato com a saliva dos animais doentes.
Existem algumas características que podem indicar que o animal está contaminado. Os donos devem prestar atenção a qualquer distúrbio de comportamento. O animal que normalmente é dócil pode ficar violento por conta da doença, o latido e miado ficam diferentes, o animal baba muito, tem dificuldade para engolir e pode apresentar paralisia nas patas traseiras. (Fonte: PMI)

Manoel Marcos participa de manifestação em São Paulo
Das quatro cidades do Litoral Norte, o prefeito de Ilhabela foi o único a comparecer entre os 400 prefeitos de municípios paulistas

Ilhabela -O prefeito Manoel Marcos participou na última terça, dia 5, da manifestação organizada pela APM (Associação Paulista de Municípios), na Assembléia Legislativa, em São Paulo, com o objetivo de protestar contra a queda de repasses federais e estaduais.
Das quatro cidades do Litoral Norte, Manoel Marcos foi o único que compareceu ao evento. O prefeito também acatou ao pedido do Governador Geraldo Alckmin e manteve normal o funcionamento no Paço Municipal.
A atual situação financeira das prefeituras paulistas foi o motivo para que a manifestação acontecesse. Ao longo dos últimos anos, as prefeituras assumiram encargos cada vez maiores, como nas áreas da educação, saúde, saneamento básico, promoção social e segurança.
Devido à crise econômica, a demanda pelos serviços municipais aumentou, exigindo um volume maior de recursos financeiros para fazer frente a nova situação. Ao mesmo tempo a participação dos municípios no montante da receita pública nacional vem caindo substancialmente, passando de cerca de 18% em 1989 para algo em torno de 13% hoje.
Na reunião ficou aprovado o Manifesto “SOS Município”, onde os prefeitos dos municípios paulistas apresentam suas principais reivindicações. O documento será encaminhado ao governador do estado de São Paulo, ao governo federal, a Assembléia Legislativa e ao Congresso Nacional.
Entre os pedidos para providências emergenciais estão: a compensação das perdas do FPM (fundo de participação dos municípios) em contas extras mensais; a atualização do valor do repasse unitário para a merenda escolar, de R$0,13 para R$0,60; atualização dos valores de todos os procedimentos médicos da tabela SUS em, no mínimo, 100%; retomada imediata de todos os convênios formalizados entre o governo federal e os municípios, com a correspondente liberação dos recursos financeiros.
Além destas medidas, os municípios reivindicam medidas estruturais, que preservam o pacto federativo e divide de forma adequada a receita pública brasileira. Para isso é importantes que propostas como inclusão da CPMF e da CIDE, no cálculo do repasse do FPM, transferência para os municípios da cobrança do Imposto Territorial Rural e inclusão das despesas com merenda escolar e assistência à saúde nos 25% aplicados no ensino obrigatoriamente, sejam aprovadas na reforma tributária.
Ainda no encontro ficou definido que uma comissão, formada por representantes da APM e entidades regionais de chefes do executivo, se reunirão ainda este mês em Brasília com a bancada paulista no congresso, com objetivo de conseguir o apoio dos parlamentares. (Fonte: PMI)

Câmara volta ao trabalho acatando vetos do prefeito a dois projetos

Ilhabela - Na sua primeira sessão ordinária depois do recesso de meio de ano, segunda-feira, a Câmara acatou dois vetos a projetos de lei, ambos pelo mesmo motivo, indexador ilegal.
Os vetos parciais, propostos pelo Executivo para os projetos de lei 04 e 016 (respectivamente, a exigência de Carteira de Identificação do Trabalhador de Ilhabela (Citi) e a obrigatoriedade de inserção do nome de Ilhabela em todas as propagandas que usarem imagens do município), foram motivados, ambos, pelo mesmo erro quando de sua redação: utilização do salário mínimo como referência para as multas.
O texto do projeto que exige a Citi dos trabalhadores empregados em empresas sediadas no município, de autoria da vereadora Maria das Graças Ferreira dos Santos Souza, sugere que, quando da vistoria municipal, os empregadores sejam autuados com uma multa equivalente a um salário mínimo por empregado que não portasse a Citi, Em caso de reincidência, o valor dobraria. No 016, ocorre o semelhante.
No texto de autoria do vereador Luiz Lobo Antonio dos Santos, a não inserção do nome de Ilhabela em todas as propagandas que usarem imagens do município seria punida por multas variando de 10 a 100 salários mínimos, dependendo do tipo de empresa que se utilize os cenários do município para vender seus produtos.
No parecer do Departamento Jurídico da Prefeitura tais multas iriam contra a lei federal 6.205/75. Ela diz que “os valores monetários fixados com base no salário mínimo não serão considerados para quaisquer fins de direito”. Com a lei federal lutando contra o indexador das multas, os vereadores não tiveram opção senão a de aceitar o veto. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de São Sebastião Topo

Mutirão tira meia tonelada de entulho no litoral

São Sebastião - Cerca de 150 pessoas, entre pescadores, moradores, estudantes, membros da Defesa Civil e funcionários da empresa de coleta de lixo, realizaram ontem durante todo o dia um mutirão de limpeza no rio Boiçucanga, na costa sul de São Sebastião. Segundo a sub-prefeitura, até o final da tarde de ontem, meia tonelada de entulho já havia sido retirada do rio, a maior parte formada de galhos e troncos de árvores. O grupo contou com barcos, dois caminhões e dois tratores. Também foram plantadas nas margens do rio 2.000 mudas de plantas nativas. (Fonte: ValeParaibano)

Alunos do Ceprom são recepcionados com Café da Manhã

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião – através do Ceprom (Centro Profissionalizante Municipal) - realizou, ontem, na unidade II (Abrigo dos Anjos), no bairro de São Francisco, uma recepção para cerca de 40 alunos dos cursos de “Recepção – Qualidade no Atendimento” e “Chefe de Recepção”, que estão retornando das férias, e para a nova turma de “Qualidade no Serviço de Camareira e Arrumadeira”.
Segundo o professor Carlos Roberto da Silva, o objetivo da recepção é mostrar aos alunos a importância que eles têm na escola, além de valorizar os cursos. “Com pequenas atitudes, conseguimos conquistar os alunos. E é preciso valorizar o aluno e também o curso, que é gratuito e de excelente qualidade. O brasileiro precisa parar com essa mania de que só o que é caro é que tem valor”, disse.
Geny Duarte Filha Rodrigues e Maria Diva Pasterna já fizeram “Cozinha Industrial” e agora vão fazer o de “Qualidade no Serviço de Camareira e Arrumadeira”. “Pela maneira como fomos recebidas, já dá para perceber que o curso vai ser ótimo”, disse Geny. Para Maria Diva, que vem de Maresias para assistir as aulas, o professor parece ser muito bom.
Revista de Turismo - Os 24 alunos do curso de “Recepção – Qualidade no Atendimento” foram divididos em quatro grupos para desenvolver um trabalho de pesquisa para a produção de uma revista – que será apresentada no mês de outubro - cujo tema será “Turismo em São Sebastião”.
“A revista será apresentada para a conclusão do curso e nosso objetivo é atrair patrocínios para que ela seja veiculada no município. Outra opção é fazermos uma revista eletrônica, isso ainda não foi decidido”, contou o professor. Na revista serão abordados os temas “Hotéis e Pousadas”, “Bares e Restaurantes”, “Turismo e Lazer” e “Centro Histórico”.
Haidee Valeriano já fez vários outros cursos oferecidos pelo Ceprom (“Cozinha Industrial”, “Cozinha Diet e Light”, “Garçom” e “Qualidade no Serviço de Camareira e Arrumadeira”) e agora está fazendo o de “Recepção – Qualidade no Atendimento”. A turma dela está responsável pela parte de Hotéis e Pousadas da revista. “Estou adquirindo conhecimento, me preparando para transmitir informações, em relação a tudo que a cidade oferece, não só para os hóspedes,”, disse.
Renata Alves Mota faz parte do grupo responsável pelas informações sobre o Centro Histórico, que serão publicadas na revista. “Estou enriquecendo meu conhecimento e fico feliz de poder informações para frente. Na revista vamos falar não só do Centro Histórico, mas também de outros pontos históricos do município, como o Sítio Arqueológico do bairro de São Francisco, e a Fazenda Santana, no Pontal da Cruz”, contou.
Segundo Fernanda Maria da Silva e Carla Patrícia Aleixo, do curso de “Chefe de Recepção” , a experiência e o certificado ajudarão muito na hora de batalhar por um emprego. “Nesse curso, temos outra visão da recepção. Aprendemos como ser líder, além de trabalhar em grupo”, disse Carla.
Na próxima quarta-feira, dia 13, os alunos irão visitar hotéis da Costa Sul e fazer entrevistas, para colher mais material para a revista.
O Ceprom, além de possuir convênio com o Senai, conta com a parceria do PAT – Posto de Atendimento ao Trabalhador - e da Assessoria de Relações Comunitárias, além de outras parcerias. (Fonte: PMSS)

Notícias de Ubatuba Topo

Solazer Ubatuba Anuncie Aqui Pousada Maranduba

Zizinho é condenado a pagar multa

Ubatuba - A Justiça de Ubatuba condenou o ex-prefeito Zizinho Vigneron e o atual presidente da Câmara, Rogério Frediani (PTB), a pagar cada um R$ 4.800 por crime eleitoral que teria sido cometido em 96.
A juíza Eva Lobo Chaib considerou que houve fraude eleitoral no processo de filiação partidária de Vigneron, que concorria à prefeitura. Na época, Frediani seria seu vice na chapa.
Para fechar os nomes na chapa, Vigneron precisava se desfiliar do PMN, partido ao qual pertencia, para ingressar no PRP. A desfiliação foi feita depois do prazo legal, segundo a Justiça.
Em manifestação à Justiça Eleitoral, que resultou na condenação dos réus, o promotor de justiça de Ubatuba, Marcelo Alexandre de Oliveira constatou a irregularidade.
O ex-prefeito não retornou as ligações do ValeParaibano para comentar o assunto. Frediani também não foi localizado para comentar o assunto. (Fonte: ValeParaibano)

Mini Workshop de Visão em Ubatuba

Ubatuba - Acontecerá em Ubatuba, no próximo sábado, dia 09, o Mini Workshop de Visão de Ubatuba. O evento será apresentado no Solazer Ubatuba Chalés e Pousada pela facilitadora Carminha, Terapeuta Corporal e Visual com 15 anos de experiência, formação no Brasil, Inglaterra e EUA em Massage Practitioner / Practitioner Educator Training pela School for Self - Healing - SF - Califórnia.
Neste mini Workshop serão apresentados como aprender a curtir e a cuidar de seus olhos; entender como os olhos funcionam e como acontece a visão; aprender exercícios fáceis, seguros e eficazes para eliminar o stress visual; descobrir um modo mais relaxado e vivo de ver e melhorar sua condição visual e criar um balanceamento no uso da visão central e periférica.
A quem se destina? Pessoas com vista cansada, miopia, astigmatismo, hipermetropia, catarata, degeneração de mácula, glaucoma, retinite pigmentosa, entre outras.
Venha ver o que o Método Meir Schneider - Self - Healing Trabalho visual e corporal, pode fazer por você.
Meir Schneider nasceu com catarata congênita, e até os 17 anos viveu como cego em Israel, quando começou a desenvolver a base do Método, a partir do seu próprio trabalho para recuperar sua visão. Desde 1975 tem ajudado centenas de pacientes a se recuperar de condições degenerativas, tanto visuais como corporais. Atualmente possui carteira de motorista sem restrições na Califórnia - EUA.
Você também pode! Venha tentar, traga os amigos.
Dia: 09/agosto/2003 - Horário: 09:30 hs às 12:30 hs.
Inscrições: R$ 30,00 (vagas limitadas) - (casal R$ 50,00).
Local : Solazer Ubatuba Chalés e Pousada (www.solazerubatuba.com.br)
Av: Padre Manoel da Nóbrega, 1263 / Perequê - Açú - Tel: (12) 3832-3684.

Comerciante fica com medo de registrar roubo na delegacia

Ubatuba - A comerciante M.A.A.M., 40 anos, teve medo de registrar na delegaciaum roubo que sofreu na noite de segunda-feira. Dois assaltantes invadiram seu estabelecimento, no bairro Sumidouro, e com ameaças, levaram cigarros e dinheiro.
Após a fuga da dupla, a vítima chamou a Polícia Militar, que sugeriu que ela fosse registrar o crime na delegacia. A mulher informou que não iria, pois temia represália.
Mesmo assim, os policiais registraram o fato na delegacia. Os assaltantes encapuzados entraram na padaria da mulher, se aproximando do caixa e avisando do assalto. Eles pegaram vários maços de cigarros e R$ 80.
Um dos assaltantes era moreno e baixo e o outro seria branco e teria cavanhaque. Antes de fugir, eles ameaçaram a vítima, caso chamasse a polícia.
Conforme a polícia, Sumidouro é próximo ao Pereque-Açu, bairro que tem registrado muitos crimes. (Fonte: Imprensa Livre)

Polícia estoura ponto de tráfico em casa de ex-presidiária

Ubatuba - A Polícia Civil estourou um ponto de venda de drogas na manhã de ontem, na favela Anchieta, no Centro. Os investigadores entraram na casa, surpreendendo M.R.S., 40 anos, dormindo. A mulher, que alegou ser confeiteira, é reincidente no crime.
Renato Boulos
Na casa da confeiteira foi apreendido material próprio para manipular cocaína e maconha
O SIG (Setor de Investigação Gerais) da polícia há cerca de 20 dias estava apurando uma denúncia de que M., conhecida por “Bina”, estaria traficando. A confeiteira, que já tinha sido presa por tráfico, foi alvo de investigação.
Na manhã de ontem, antes que ela pudesse mostrar reação, os policiais entraram na casa com um mandado de busca e apreensão, encontrando escondido dentro de uma tomada na parede, 40 gramas de cocaína e cinco de maconha.
Na residência também estaria funcionando uma pequena fábrica, onde a droga era preparada, misturando com fermento em pó e embalando em pedaços de plástico e fita adesiva. Na casa, a polícia ainda apreendeu R$ 236, que seriam referentes à venda do entorpecente.
Segundo a polícia, a denúncia informava que ela vendia a porção por R$ 10 e R$ 15. Ela negou a posse da droga, alegando que “alguém arrumou para ela”. “Bina” foi conduzida à delegacia, onde permaneceu recolhida, acusada novamente de tráfico de drogas. (Fonte: Imprensa Livre)

Polícia apreende duas máquinas de caça níquel em bar no Pereque-Açú

Ubatuba - A Polícia Civil apreendeu na manhã de ontem, no bairro Pereque-Açu, duas máquinas de caça níquel. Elas estavam no estabelecimento do comerciante M.H., 45 anos, na rua Padre Manoel da Nóbrega.
Os policiais faziam diligências no bairro, investigando outros crimes, quando depararam com as máquinas. Eles fizeram a apreensão delas, uma vez que o proprietário não teria autorização.
Estas máquinas, de acordo com a Polícia Civil, são proibidas. O comerciante que estiver abrigando estes aparelhos está sujeito a responder processo por contravenção penal, no caso jogo de azar. (Fonte: Imprensa Livre)

Tubulação no Parque Guarani

Ubatuba - A Prefeitura deverá iniciar nos próximos dias a colocação de tubos na Travessa Acre, no Parque Guarani, em uma extensão de 120 m eliminando o crônico problema de enchente e água parada. O levantamento topográfico foi concluído e, com essa tubulação, será possível o melhor aproveitamento da área de lazer que incluirá, além da área para futebol existente, a demarcação de uma quadra de volei e play-ground. Marcos Pereira de Moura, presidente da Sociedade Amigos do Parque Guarani, diz que a comunidade aguardava há muito tempo este benefício. Marcos anuncia ainda que no próximo dia 15 de agosto, sábado, a partir das 21 horas, a diretoria do bairro estará promovendo o II Campeonato de Videokê com a renda revertida em prol da construção da sede Sociedade Amigos de Bairro bem como nos equipamentos para área de lazer. O campeonato, que no ano passado teve CD gravado, será realizado durante tres finais de semanas consecutivos. O evento conta com apoio da Prefeitura por meio da Assessoria de Assuntos Comunitários. (Fonte: ACS-PMU)

Açude na Aldeia Boa Vista

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba , com recursos da ordem de R$ 13 mil da Caritas Diocesana de São José dos Campos e da CNBB de Caraguatuatuba vem construíndo um açude na Aldeia Boa Vista, no bairro do Promirim, região Norte do município e que vem sendo inundado desde a última semana. Com 1.600 m de área e profundidade média de 1,20m ,será aproveitado para a criação de peixes. Para isso, os índios contam a assessoria de uma bióloga que vem orientando sobre como proceder para o melhor aproveitamento dessa cultura. A Secretaria de Obras da Prefeitura elaborou o projeto e participa com equipamentos, principalmente no corte de morros. A obra leva em conta a topografia do terreno, inundando uma pequena área entre duas elevações, sendo a água canalizada de um pequeno córrego existente no local.
A Secretaria da Educação distribuiu na Aldeia Boa Vista 380 kg de alimento não perecível arrecadado durante a IX Semana da Educação realizada na última semana. A Prefeitura desenvolve no local um programa de assistência na aldeia que vai desde a melhoria das condições da estrada de acesso, além da ampliação da escola em mais 2 salas, cozinha, bateria de sanitários até padaria comunitária, totalizando investimentos da ordem de R$ 120 mil. Tres índios fazem curso fora do município e em breve estarão capacitados para dar aula para crianças e adultos da própria aldeia. (Fonte: ACS-PMU)

Carta do Leitor Topo

Gente Bonita de Litoral Virtual - Eu sou uma Uruguaia, que ha 9 anos conheceu Ubatuba e se apaixonò por ela e sua gente, desde faiz 6 anos eu vou todo ano de férias para lá e fico mais o menos 20 días, me deleitando junto com meu marido e meus filinhos com as belezas de ese lugar tao mágico que ese bendito pais, Brasil, posui. Sò querìa madar um agradecimento muito grande paratoda a gente de Litoral Virtual, por a labor de comunicaçao, que ele tao beim fasem.
Um abraço e muito carinho.

Ghelssy Pereyra
Montevideo, Uruguai


Telefones - Conforme diz em carta Regina Teixeira, estamos indignados e prejudicados com a falta de telefones. Esta noite, 05 para 06 de agosto, também ficamos sem. Em nosso caso particular, com duas crianças deficientes, morando a 20 km da cidade, no Felix, a situação é, negativa e potencialmente, vital. Apreensivos, em face dos problemas de saúde de nossa família, estamos sofrendo, por enquanto, danos morais com o medo e, se Deus quiser, não o sofremos materiais, por falta de socorro acessável via telefone para os nossos.

Roberto de Mamede Costa Leite
Praia do Felix
Ubatuba, SP


Ubatuba sim, sim, sim... - Gostaria apenas de parabenizar o jornal Litoral Virtual, que ao abrir espaço para que o leitor possa se expressar com relação a assuntos diversos, recebe cartas maravilhosas como a do Sr. Maurício Moromizato, que fala sobre os "interessados pelo turismo em Ubatuba". Em um pequeno texto ele diz tudo o que a população de Ubatuba precisa saber e para que fique mais atenta.
As eleições estão aí!!! Devemos ter cuidado!!!

Ricardo V. Alves.
Ubatuba, SP


Reinvindicação - Prezados Srs. Meu nome é Rodolfo Brockhof, sou morador da cidade de Pindamonhangaba/SP., e sempre que possível visito as lindas praias da cidade de Ubatuba com minha família. Em que pese a beleza natural ser majestosa, a negligência da fiscalização por parte dos órgãos Municipais vem trazendo, em volume cada vez maior, um sério problema para o uso das praias.
Ao longo dos anos venho notando que o número de pessoas que freqüentam as praias acompanhados de cachorros tem sido cada vez maior, mas em que pese alguns gostarem de cachorros, outros não o problema envolvido é de saúde pública de extrema gravidade. E não se trata de mera micose!!!
As fezes e urina dos animais possuem uma bactéria que embora seja via de regra inofensiva ao ser humano nas mulheres grávidas provoca sérios danos ao feto, ocasionando paralisia celebral da criança, ou seja, comumente torna-se " um vegetal".
Desta forma, faz-se necessário que se tomem medidas sérias a fim de coibir a entrada de animais nas praias.
Atenciosamente.

Rodolfo Brockhof
Pindamonhangaba, SP


Urbanização da marginal do Bairro Perequê-Mirim - Parabéns ao Sr. Prefeito e a secretária de obras por conseguir a liberação de verbas junto ao governo estadual para melhoria dos bairros do município, dessa forma se consegue melhorar a estrutura e conseqüentemente a vida dos moradores e turistas.
O projeto de urbanização da marginal do Perequê-Mirim é uma antiga reivindicação da SDPM que por diversos motivos não foi possível a sua realização, esperamos que o projeto seja concluído da forma em que foi elaborado.
Quanto ao debate de ações com a Sabesp precisamos cobrar a continuidade das obras das estações de tratamento, uma vez, que no Perequê-Mirim e provavelmente em outros bairros as redes de coleta de esgotos estão prontas, ha algum tempo, esperando pelo termino das obras das estações de tratamento, assim poderemos despoluir os rios que desaguam nas praias evitando uma serie de doenças que são transmitidas aos moradores, turistas e pescadores.
Preservação do meio ambiente, a devastação no bairro do Perequê-Mirim continua a prefeitura através da secretaria do meio ambiente com ajuda do Ibama deveria demarcar as encostas dos morros informando que a área é de preservação ambiental e que é proibida da derrubada de arvores e destruição da mata.
Quando se chega a noite pela rodovia no Bairro do Perequê-Mirim é que se tem idéia da devastação observando-se a quantidade de luzes na encosta da serra.
O mapeamento iniciado para identificar invasores nas áreas de risco no bairro do Perequê-Mirim, não resolve o problema o que deve ser feito alem da remoção desse pessoal para outras áreas seguras, é a demarcação do que ainda esta preservado. Entendemos que o problema social deve ser levado em consideração mas não podemos aceitar a destruição do que é preservado por lei. Entendo também que não ha mágica para resolver todos os problemas de um dia para outro, mas com apoio dos administradores de Ubatuba, das associações de bairro e dos moradores, teremos que conseguir preservar Ubatuba para as próximas gerações.

Pascoal Spinelli
Ubatuba, SP


O governo Paralelo - Todo nós sabemos que os órgãos públicos com suas diversas secretarias, não conseguem mais administrar sozinhas as cidades. Necessitam do auxílio de diferentes associações e ONG's (Organizações Não Governamentais) como parceiras. Nada contra, pois administrações públicas bem pautadas em participações e parcerias dos diversos seguimentos de uma sociedade, são mais justas e eficazes.
O questionamento torna-se preeminente quando alguns empresários, bem intencionados, diga-se de passagem, manifestam o desejo de investir uma quantia razoável em benfeitorias para a cidade, especificamente em Ubatuba, na orla marítima da Praia Grande.
Colocam como ressalva que o dinheiro só será empregado, se houver a participação governamental e ou política. A virá de um grupo de empresas, diretamente para uma associação , que se encarregará da benfeitoria da orla marítima.
Associação esta que não é de conhecimento dos moradores/proprietários. Não houve edital de convocação para ser estabelecida sua diretoria. Não é de conhecimento dos moradores/proprietários o estatuto social, assim as atribuições desta diretoria que se auto elegeu.
Por maior que seja o desejo de ser resolvido um problema que se desenrola há anos, sobre o congestionamento e a eficiência da infra-estrutura que ocorre na temporada da Praia Grande, é necessário uma discussão bem apurada sobre o assunto.
Porque este grupo de empresas não firma um contrato, junto a Prefeitura, onde fique especificado que a cada semestre, por exemplo, o prefeito em audiência pública relate o quanto da verba foi investido, quais as melhorias efetuadas, etc..., etc... ?
Não conseguimos entender como a Prefeitura, as Secretarias, a Câmara dos Vereadores aceitam, ou estão à ponto de aceitar, tamanha interferência no espaço público e na administração de uma cidade turística como Ubatuba,. Já dizia o dito popular "Abrir precedente, é criar serpente".
Se realmente ocorre tal previsão, mais praias ficarão à mercê de grupos pequenos que alegando benefícios para a população, irão angariar fundos para legislar em causa própria, estabelecendo aos poucos o caos e o GOVERNO PARALELO, sim!
Gostaríamos que alguém respondesse:
Quem ou qual empreiteira ou construtora irá administrar ou construir as obras projetadas para a orla marítima, uma vez que não haverá concorrência pública?
Qual mão de obra que será utilizada, uma vez que não haverá frente de trabalho e ou concurso público?
Quem administrará os recursos públicos que são captados?
Lembre-se que o grupo de empresas que irá investir na Praia Grande, não aceita a participação de poderes públicos. Por isso as rua do bairro não serão urbanizadas, pois esse grupo entende que é de competência dos órgãos governamentais, tal melhoria.
No entanto as associações têm por finalidade promover o progresso da comunidade local atuando junto aos poderes públicos na consecução de tal fim. Por isso tem que ocorrer uma cooperação entre o governo municipal e a iniciativa privada.
Acreditamos que os poderes públicos também terão capacidade para propor parcerias, de maneira que juntos promovam um governo único, em benefício da comunidade local.

Zeev Frajnovits
Iaranita Ferreira de Castro Frajnovits
Praia Grande, Ubatuba


...DE CIMA DO MURO? - Primeiramente, gostaria de apresentar minhas desculpas aos leitores pelo meu (mau) hábito de não revisar meus textos. Gostaria também de cumprimentar o Emílio, por este espaço democrático do Litoral Virtual onde seus leitores podem expressar seus pensamentos e opiniões. Sou assíduo nesta coluna, por convite do próprio Emílio e, pela satisfação que tenho em expor e defender meus pontos de vista nos assuntos que imagino ter algum conhecimento, deixando claro que mesmo assim, não sou dono das verdades, mesmo porque ela pode ser relativa e até mutante no tempo.
Longe de querer contestar opiniões, mas de esclarecer meus pontos de vista, cabe esclarecer que estou em Ubatuba há quase 30 anos e tenho quatro filhos, dois, orgulhosamente caiçaras, nascidos na Santa Casa. Nestes anos todos, participei sim, de alguma forma em ações cívicas ou entidades públicas e ou privadas. Nunca políticas partidárias. ACIU, associação de hotéis (que virou sindicato) Ubatuba SIM!, CUMTUR (sou um de seus idealizadores, sócio fundador e seu primeiro presidente) Santa Casa e outros que não me lembro.
Em cada uma delas, tive bons e maus companheiros para colher vitórias e derrotas. Sobre detalhes de cada uma delas também posso, a quem interessar, explicar (dentro do meu ponto de vista) quais eram e foram nossos objetivos nestas participações. Posso adiantar que as derrotas foram causadas, principalmente, pala falta de participação dos (maiores) interessados em cada uma delas que esperavam apenas pelos nossos (bons) resultados. Em segundo lugar e principalmente pelo primeiro, pelas ações políticas partidárias e outros interesses políticos. Gosto também de defender boas idéias do interesse coletivo e acredito nas pessoas bem intencionadas, até prova em contrário. Sinto-me na obrigação responsável, de contribuir com o que puder com o lugar que me recebeu.
Apoio sim o Sr Sérgio, o novo secretário, bem como sua proposta e planejamento (profissional de longo prazo) para o desenvolvimento econômico e social do município (que deve ainda estar disponível aqui no Litoral Virtual). Conheço também casos de sucesso do PMNT (programa de Municipalização do Turismo). Tenho acompanhado o trabalho diário do secretário e participo de uma das Câmaras setoriais do programa. Acredito ter fortes razões para otimismo principalmente pelo “quadro” de perspectivas que nos encontrávamos, anterior a nomeação do Sr Sérgio como secretário de Turismo. Ele não é o prefeito, não é o governador do Estado nem tem as prerrogativas das dotações orçamentárias.
Ele é apenas o novo secretário de Turismo, subordinado ao prefeito. Diariamente, no centro de Informações Turísticas ele pode ser encontrado e poderá (e deverá) responder todas as dúvidas, de quem quer que seja, nos assuntos pertinentes a sua secretaria.Tenho como certo que as “coisas” (fora às coincidências) não acontecem por si só. Todas dependem das pessoas. Estamos vivendo um momento em que a participação da sociedade é fundamental (vide todos os movimentos sociais). O futuro dependerá desta participação. Não será diferente aqui em Ubatuba. Não conseguiremos NADA sem ela. Nosso futuro não será melhor se esperarmos “ALGUÉM” um “SALVADOR” um “MÁGICO” aparecer, para em NOSSO lugar, fazer o NOSSO trabalho. Tenho isso como ABSOLUTAMENTE CERTO. Tenho também como certo que o pior dos cegos é aquele que não quer ver, tanto quanto o que vê, e não quer enxergar.Também tenho restrições a críticas destrutivas e gratuitas, principalmente aquelas sem conhecimento de causa. Por exemplo, apesar da minha curiosidade em vários assuntos e, de nunca ter visto, em lugar algum, uma cobertura de massa asfáltica de 10 centímetros, não vou, de pronto, questionar a “recomendação” do engenheiro, a pesar de acha-lá literalmente absurda.
Seria muito bom, insisto a participação corajosa, de todos os “pensantes” e “enxergantes” da dita “sociedade” “Ubatubana” (só dela, pois sapo de fora não chia) que se acham (ou se mantém) excluídos do processo, na confortável posição da crítica. Ou ainda, que em possuindo idéias e/ou melhores alternativas, que se apresentem com elas. Afinal, lá se vão quase 500 anos. Temos infindáveis problemas. Sim. Alguns praticamente insolúveis.
Somos, na verdade uma pequena amostra do Brasil. Nada se constrói com apenas boas intenções. Podemos sim, ter um horizonte melhor. MAS se não houver participação, se as criticas não forem acompanhadas de soluções, e tiverem apenas a intenção do controverso, elas não somarão, nem agregarão valor... “Definitivamente, não dá”.

Ronaldo Dias
P.S Estou à disposição (no que puder) para qualquer esclarecimento que possa contribuir com os leitores
ronaldo@corsario.com.br

 

Foto Saudade Topo
 
Ubatuba

Praia da Santa Rita Ubatuba

Praia da Santa Rita
????*

*Identifique o ano que a foto retrata e ganhe um protetor de telas (wallpaper) com todas as imagens da seção!

Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Clique Aqui para acessar o arquivo Fotos Saudade

 

Gaivota FM
Participe você também com seu comentário, crítica ou sugestão no programa
Estação Ubatuba c/ Tony Luiz
De segunda a sexta das 12 as 14 hs na Gaivota FM 104.9
Sempre com entrevistados diários e variados, falando sobre todos os temas
Ligue 3833.5550


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


Marcos Borges da Silva - artista plástico Free Wallpaper

As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:

Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor