Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 24 de outubro de 2003 - Nº 895 Edições Anteriores

Barra da Lagoa Porto das Artes Hansamarc

Região
Ubatuba e Ilhabela terão audiências do Gerenciamento Costeiro


Caraguatatuba
Caraguá abre exposição de carro antigo
O Vigilante Rodoviário estará em Caraguá para o Veteran Car
Prefeito participa de programa da TV Band
Prefeitura corta árvores de calçadão
Diretor Regional do PAT vem a Caraguá conhecer o programa
Sebrae-SP apresenta diagnóstico do setor hoteleiro
Receptadores invadem casa de veraneio
Lei de Aurimar beneficia Servidor Universitário


Ilhabela
Feras de Optimist disputam final do Paulista no fim de semana
Ação conjunta para reduzir acidentes
Fundo Social de Solidariedade faz entrega de certificados
Obras em escolas estão atrasadas


São Sebastião
Entidades pedem veto para alteração da Lei de Uso do Solo
Poluição não é causada por emissário da Sabesp, segundo Fundespa
Sabesp afirma que atende exigências ambientais
Encontro de Motociclistas quer arrecadar 3t de alimentos
Billabong volta a Maresias para decisão das vagas para o Mundial
Adolescentes invadem bar e roubam dinheiro e cigarros
Ladrão não perdoa luto e rouba bolsa da mãe do morto no velório


Ubatuba
Começa hoje a Feira das Nações
Câmara libera quiosque em 3 praias de Ubatuba
Inaugurado o Novo Almoxarifado e Centro de Especialidades
Ubatuba só perde para medalhista olímpico
Mais 4 escolas serão construídas
Ubatuba recebe atores da Rede Globo para jogo de futebol
Atleta de Ubatuba é campeão nos Jogos Abertos do Interior
Campeonato Estadual de Futebol

Seções
Conto
Carta do Leitor
Foto do Dia



Notícias da Região Topo

Ubatuba e Ilhabela terão audiências do Gerenciamento Costeiro

Litoral Norte - Estão confirmadas mais duas au-diências públicas sobre o Gerenciamento Costeiro do Litoral Norte. Em Ilhabela o evento vai ocorrer no dia 21 de novembro, sexta-feira, a partir da 17h, na Câmara Municipal, centro.
Em Ubatuba, a audiência será realizada no dia seguinte, 22 sábado, na Escola Municipal Padre Anchieta, que fica na rua Amazonas, 595, também no centro do município.
As audiências públicas, sob rito do Consema (Conselho de Meio Ambiente) do Estado, já foram realizadas neste mês em São Sebastião e Caraguatatuba, objetivando atender também o público de Ilhabela e Ubatuba. Mas ambas cidades solicitaram audiências locais, o que teve apoio da secretária adjunta da SMA (Secretaria de Estado do Meio Ambiente) Suani Teixeira Coelho.
Conforme a secretaria executiva do grupo de trabalho tripartite, Marta Emerich, que elaborou a minuta do Gerenciamento Costeiro, a comunidade de São Sebastião e de Caraguatatuba também pode participar das audiências públicas em Ilhabela e Ubatuba.
Recentemente, um grupo de empresários da construção civil, engenheiros e arquitetos de São Sebastião se reuniram para protestar contra a chamada minuta 3 do Gerenciamento Costeiro. “Queremos a anulação da minuta”, afirmou o engenheiro Breno de Luca. Segundo ele, a proposta de zoneamento “engessa a cidade”.
O zoneamento sócio-econômico objetiva ordenar a expansão do Litoral Norte, onde for possível, ou seja, respeitando as leis, como o Código Florestal, que tratam da preservação do meio ambiente. A minuta deve regulamentar o Gerenciamento Costeiro no Litoral Norte, com base na lei estadual 10.019/1998.
As discussões para a elaboração da minuta e do mapa de zoneamento começaram há mais de dez anos, por um grupo de trabalho tripartite, formado por representantes do Estado, das prefeituras e da sociedade civil. Houve muita polêmica até o consenso que resultou no terceiro documento.
Marta Emerich evidencia que a proposta de Geren-ciamento Costeiro ainda está aberta para discussões. Assim, as audiências públicas em Ilhabela e Ubatuba podem ser boa oportunidade para debate e apresentação de sugestões.
O protesto do grupo de profissionais ligados à construção civil não tem nenhuma relação com a Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de São Sebastião. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caragua Virtual Nova Opção Imóveis

Caraguá abre exposição de carro antigo

Caraguatatuba - A abertura da segunda edição do Veteran Car, exposição de carros antigos, deverá reunir hoje mais de 150 veículos em Caraguatatuba. Os carros são das décadas de 20 até 60 e estarão expostos na praça de Eventos, na avenida Arthur Costa Filho, avenida da Praia, no centro.
A principal atração será o ator Carlos Miranda, que participou nos anos 60 do seriado O Vigilante Rodoviário, da extinta TV Tupi.
Miranda estará no veículo original do seriado, um Simca Chambord de 1959, junto com um cachorro pastor alemão, representando o Lobo, parceiro do vigilante na série. O ator vai usar o uniforme da Polícia Rodoviária Estadual da época.
Durante a exposição, Miranda vai atender o público para fotos e distribuição de autógrafos.
O Veteran Car acontece hoje das 18h à meia-noite. No sábado, das 10h à meia-noite. No domingo, o encerramento será às 17h. A entrada é franca.
MOTOS - Em São Sebastião, acontece o 2º Encontro Nacional de Motociclistas até domingo. A abertura será a partir do meio-dia no Balneário dos Trabalhadores, no bairro Praia Grande. A prefeitura espera receber mais de 5.000 pessoas. O ingresso para o evento será um quilo de alimento não perecível. (Fonte: ValeParaibano)

O Vigilante Rodoviário estará em Caraguá para o Veteran Car
Saiba mais sobre o ídolo dos seriados nos anos 60, que deixou uma lição de vida a ser seguida.

Caraguatatuba - A bordo de uma Harley-Davidson 1952 ou um "inovador" Simca Chambord 1959, o ator Carlos Miranda e seu inseparável amigo Lobo, ainda trazem boas lembranças para quem era criança nos anos 60.
Carlos se envolveu tanto com o personagem que acabou ingressando na Polícia Rodoviária, anos depois.
Desde a implantação da televisão no Brasil, em 1950, até o final daquela década, só eram exibidos filmes estrangeiros. Mas, ainda em 1958 um grupo de idealistas do nosso cinema decidiu criar uma série toda nacional, escrita, interpretada, dirigida e confeccionada por artistas e técnicos brasileiros. Assim nasceu inspirado na Polícia Rodoviária (criada em 1948 no Estado de São Paulo), o primeiro seriado para a televisão da América Latina, O VIGILANTE RODOVIÁRIO.
Como o policial da história precisaria de um companheiro, foi incorporado ao script outro personagem, o pastor alemão Lobo, amigo de aventura do INSPETOR CARLOS, uma dupla unida contra o crime e a injustiça, utilizando para isso tanto uma motocicleta H.D., como um Simca Chambord. A dupla era (sem os abusos decorrentes do uso inadequado da força), bastante simpático a população, inspirando proteção e segurança, além de veicular mensagens educativas.
A idéia era realizar 39 filmes, pois quando se vende um seriado anual para a televisão (52 semanas), pode-se exibir, por exemplo 39 episódios, com 13 reprises ou 26 episódios com 26 reprises. Desse modo, resolveram produzir um episódio-piloto, que possibilitaria dar uma visão global do produto aos eventuais anunciantes, chamado "Diamante Gran Mongol", realizado em Santos, litoral de São Paulo no ano de 1959.
A moto usada era uma Harley-Davidson norte-americana, fabricada em 1952. Este modelo pertencia a Policia Rodoviária Estadual, na época vinculada ao Departamento de Estrada de Rodagem (e não a Policia Militar, como é hoje). Está HD, atualmente estava em um museu particular na cidade de Bebedouro, em São Paulo.
A série começou a ser exibida em março de 1961, na TV Tupi de São Paulo, transmitida todas as quartas-feiras a partir das 20:00 hs, após o telejornal "Repórter Esso", numa época que já estavam prontos 10 episódios. No Rio de Janeiro, O VIGILANTE RODOVIÁRIO, era exibido às quintas feiras, pois dado às dificuldades tecnológicas da época, era necessário levar a cada emissora para que este fosse transmitido.
Apesar destas dificuldades, a popularidade superou todas as expectativas, e logo o seriado se transformou no líder de audiência, alcançando um dos maiores índices de da história da televisão brasileira, com 92% em São Paulo, e 100% no Norte e Nordeste.
Verdade seja dita, ou escrita, que naquela época nem 40% das casas tinham televisão, mas haviam muitos "televizinhos".
Por causa dos poucos aparelhos de TV existentes no País, a alternativa para conquistar outro público foi investir no cinema. Inicialmente com o filme "O VIGILANTE CONTRA O CRIME", e dois anos depois, com o "VIGILANTE EM MISSÃO SECRETA", cada um reunindo 04 episódios da televisão.
Dos 39 episódios previstos 38 histórias foram filmadas e, entre os atores lançados pelo seriado, estão conhecidos ídolos em todo o Brasil, Ary Fontoura, Ary Toledo, Juca Chaves, Fulvio Stefanini, Milton Gonçalves, Rosa Maria Murtinho e Stênio Garcia entre outros.
De qualquer modo a imagem da moto e do carro do Vigilante com a pintura preta e amarela, já estava consolidada, apesar dos problemas crônicos apresentados pelos primeiros Chambord.
O LOBO - O pastor alemão LOBO nasceu em 1955 e pertencia a Luiz Afonso, um soldado da extinta Força Pública.
Dividia o estrelato no seriado com Carlos e já era famoso por ter sua figura usada no símbolo dos móveis de aço Fiel. Seu nome original era King, mas mudou em função do seriado, no qual não poderia ter nome estrangeiro.
Tinha quase 5 anos quando começou a trabalhar com Carlos, e a afinidade entre eles foi tão grande que passou a recusar-se a voltar para casa. Lobo era muito inteligente e fazia todas as cenas sem dublê.
O fiel Lobo ficou até o fim de sua vida com Carlos, até que alguns anos após o fim do seriado, saiu de casa e entrou no mato, como se previsse seu fim e não quisesse dar trabalho ao amigo sendo encontrado morto. (Fonte: PMC)

Prefeito participa de programa da TV Band

Caraguatatuba - A convite do apresentador Antonio Leite, da TV Band Vale, o prefeito Antonio Carlos da Silva participou, na última Quarta-feira, dia 22, de uma entrevista, ao vivo, na emissora
O prefeito de Caraguatatuba Antonio Carlos da Silva esteve ontem, dia 22, em São José dos Campos, para conceder uma entrevista ao apresentador Antônio Leite, da TV Band Vale. O programa foi exibido ao vivo, a partir das 12h45.
Na ocasião, o ACS iniciou um bate-papo descontraído com o entrevistador falando sobre o grande potencial turístico que o Litoral Norte possui. "Estamos numa região privilegiada, pois além das belezas naturais, temos uma ótima localização. O Litoral Norte está próximo do Vale do Paraíba, da cidade de São Paulo, da Serra da Mantiqueira. Enfim, uma região que vem se desenvolvendo nos últimos anos gerando empregos com o turismo", disse o prefeito.
Antonio Carlos foi questionado sobre como estão as obras da Rodovia dos Tamoios. "É uma conquista para Caraguá recebermos essas obras do DER em parceria com o BID. Nós lutamos pelas ciclovias, já que a bicicleta é um transporte muito usado, barato e acessível à população da cidade. Procuramos insistir na prioridade das ciclovias".
Durante a entrevista, dois ouvintes participaram e fizeram questionamentos ao prefeito, que respondeu aos veranistas. Um deles gostaria de que a prefeitura reavaliasse o local para a realização da "feira da barganha", no Indaiá, e o outro pediu que uma praça fosse construída na Ponte Seca. Antonio Carlos disse que fará uma avaliação sobre um novo local para a feira e que iria consultar o setor de obras sobre um projeto da praça.
Mais uma vez, Antonio Carlos foi questionado sobre quem seria seu candidato a prefeito para as próximas eleições e ele confirmou ser o vice-prefeito de Caraguá, José Pereira de Aguilar. "Meu candidato é o Aguilar, pois tenho certeza que fará um bom trabalho na cidade, já que tem acompanhado nosso trabalho de perto por tanto tempo", afirmou.
O prefeito aproveitou para falar que seu sucessor irá assumir a prefeitura sem dívidas e com dinheiro em caixa. "Quando entrei na administração, nós tínhamos 70% de déficit orçamentário, não tínhamos infra-estrutura nenhuma...o próximo prefeito terá as contas em dia e estará preparado para enfrentar, por exemplo, o desafio de aumentar 1600 vagas nas escolas por ano".
Pegando o gancho das vagas, ACS falou sobre sua prioridade na Educação. Contou sobre as realizações no ensino infantil, sobre os prêmios e convênios firmados para se obter cada vez mais qualidade. "Fomos destaque no Congresso Internacional de Educação Infantil no México e recebemos vários prêmios no setor. Isso é uma prova da seriedade do nosso trabalho com o ensino".
Após falar sobre educação, foi exibido, na íntegra, um vídeo institucional sobre Caraguatatuba e, em seguida, o prefeito falou sobre a realização do Veteran Car Rogério Guerra e sobre as atividades para a temporada de verão. "Como em todos os anos, as secretarias de Turismo, Comunicação, Esportes e Fundacc vão trabalhar juntas na temporada. Vamos realizar uma série de eventos nas praias, shows e atividades recreativas e esportivas".
Ao término do programa, o apresentador Antonio Leite pediu ao diretor da TV, Cláudio Giordani, que desse mais tempo para o programa. "Ô Cláudio Giordani, para trazer o prefeito de Caraguá para falar, precisamos de mais tempo". (Fonte: PMC)

Prefeitura corta árvores de calçadão

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguatatuba está retirando as árvores do calçadão da praia Martin de Sá, para as obras de reurbanização. O corte está dividindo a opinião de moradores e comerciantes.
Mais de 20 árvores já foram cortadas. São plantas das espécies Seringueira, Chapéu de Sol e Figueira --a maioria plantada há mais de 15 anos.
A Secretaria de Obras Públicas de Caraguá informou que as árvores impedem a execução do projeto, que prevê ampliação do calçadão, pavimentação e ciclovias.
Segundo a secretaria, o corte foi autorizado pela Polícia Ambiental e os galhos das árvores serão replantados em uma praça do bairro.
"A retirada das árvores é um absurdo, elas são antigas. A prefeitura deveria fazer a obra sem interferir na natureza", disse o atendente Nilton César de Souza, 33 anos.
Para a comerciante Cleide da Silva, 60 anos, as árvores prejudicam a iluminação pública. "A rua fica escura e facilita a ação de criminosos", disse. (Fonte: ValeParaibano)

Diretor Regional do PAT vem a Caraguá conhecer o programa

Caraguatatuba - O prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos da Silva, receberá em seu gabinete nesta sexta-feira, 24, às 15 horas, o diretor regional do PAT - Posto de Atendimento ao Trabalhador, Carlos de Brito. O motivo da visita é projeto desenvolvido pelo PAT de Caraguá "Potencializando o Trabalhador", que será apresentado ao diretor, que tem a intenção de implantar o mesmo projeto em outros PAT's.
O projeto instituiu no último semestre, uma programação de cursos de capacitação profissional, treinamento e orientações sobre postura no trabalho. Atualmente 26 pessoas estão empregadas, todas após participarem de um dos programas - o "Caminho da Conquista", que atende no momento mais 14 pessoas.
Para realizar este programa, o PAT conta com o apoio de voluntários, que são pessoas com 2º grau completo e conhecimentos em informática. O voluntário que não tem conhecimentos em informática faz o curso no PAT. O treinamento é feito no próprio PAT, onde o participante põe em prática trabalhos administrativos, de atendimento ao público, recepção, noções de informática, atendimento ao telefone, visita para captação de vagas.
Os participantes do projeto após o treinamento e, com um pouco mais de experiência passam a ter acesso a uma lista de vagas do PAT, que seleciona e encaminha o candidato já preparado para atender às exigências da vaga. "Os empregadores sempre optam pelo candidato enviado com referências pelo PAT", disse a coordenadora do PAT, Cristina Bota.
O PAT de Caraguá atende cerca de 140 pessoas por dia, oferecendo os serviços de seguro desemprego, intermediação de mão-de-obra, Banco do Povo, projetos de Capacitação Profissional, cooperativas, entre outros. A coordenadora Crsitina Bota lembra que é importante que as pessoas que se cadastraram no PAT compareçam para atualização de seus dados. "Às vez tems vagas para determinada pessoa e não a encontramos por conta de informações desatualizadas no cadastro", afirma. (Fonte: PMC)

Sebrae-SP apresenta diagnóstico do setor hoteleiro

Caraguatatuba - O Sebrae-SP apresenta o Estudo de Atividade do Setor Hoteleiro aos empresários de Caraguatatuba no dia 24 as 17 horas na Pousada das Garças.
O Estudo de Atividade Empresarial, realizado pela Unidade de Apoio Empresarial do Sebrae, vem sendo desenvolvido com vários segmentos de negócios em todo o País. O seu objetivo é possibilitar o conhecimento geral de uma determinada atividade em uma localidade ou região, identificar os recursos existentes e a sua operacionalização, além de permitir conclusões que apontem os fatores de sucesso e de fracasso, visando a prática da sua viabilização.
Em toda a região englobada pelo escritório, que inclui Caraguatatuba, Ubatuba, São Sebastião e Ilhabela, foram cerca de 120 dias de acompanhamento das atividades de 35 estabelecimentos, entre hotéis e pousadas. Os empreendimentos foram analisados em seus mais diversos aspectos, desde o atendimento a clientes até a manipulação de alimentos, passando pelo gerenciamento.
A apresentação acontecerá na Pousada da Garças sito a Rua Banco Itaú,339.Bairro Porto Novo. Caraguatatuba. (Estrada Caragua-São Sebastião Km 108) - Tel.: 3887.1300 (Fonte: SEBRAE-SP)

Receptadores invadem casa de veraneio

Caraguatatuba - Uma casa de veraneio na avenida Domingos Martins Cabreira, bairro Golfinhos, foi invadida por receptadores. No local, a polícia encontrou um veículo, placas e peças de carros que foram furtados ou roubados.
O dono da casa, morador em São Paulo, soube da invasão por vizinhos e avisou a Polícia Militar.
Na residência, a polícia encontrou apenas U.N.B., 23 anos. Ela disse que tinha se mudado há uma semana junto com o companheiro, de nome Márcio que, naquele momento, estava trabalhando como mecânico na casa de um amigo, cujo endereço ela desconhecia.
Na garagem da residência, estava estacionado um Fiorino, que foi furtado de Mogi das Cruzes, no último dia 9. Placas de carro de Jacareí e Caraguatatuba e de carrocerias de Passat, além de bicicletas e ferramentas, também foram apreendidas no quintal.
Dentro de uma caixa de papelão, em um dos quartos da casa, a polícia ainda encontrou um revólver, calibre 38 municiado. U. foi conduzida à delegacia e autuada por receptação e porte ilegal de armas. Ela foi recolhida na cadeia feminina de Ubatuba. O companheiro dela não foi localizado. (Fonte: Imprensa Livre)

Lei de Aurimar beneficia Servidor Universitário
Propositura que concede bolsa universitária já privilegiou mais de 40 estudantes-servidores

Caraguatatuba - O Vereador Aurimar Mansano (PTB), da Câmara Municipal de Caraguatatuba, tem firmado o seu segundo mandato no trio Educação,Saúde e Segurança Pública, conquistando nas últimas eleições o posto de segundo Parlamentar mais votado em Caraguatatuba e no Litoral Norte.
Com base nesta plataforma o Parlamentar tem conseguido diversas vitórias e a mais recente foi na área da Educação, com a constatação de que 46 Servidores Públicos Municipais, tem usado o benefício proposto por ele, que é o de pagar apenas 50% da mensalidade da Universidade, com a metade restante sendo paga pela Prefeitura de Caraguatatuba.
A lei que beneficia o Servidor Público que cursa o nível superior é a 743/99, de autoria do Vereador Aurimar Mansano (PTB). Na propositura, o Poder Executivo concede bolsa de estudo ao servidor municipal estudante de nível superior, sendo extensivo a apenas um filho por família, na porcentagem de 50% do valor da mensalidade durante o período do curso.
Para conseguir o benefício o servidor deverá ter sido contratado na forma de concurso sendo efetivo, não ter penalidade de suspensão nos últimos 36 meses e devidamente matriculado em curso de 3º grau, não podendo ser reprovado.
Desde que sancionada, a lei tem beneficiado 46 servidores públicos municipais, que tem desconto para o estudo de nível superior, tendo a chance de evolução no mercado de trabalho, melhores chances de cargo e promoções, bem como o gasto reduzido para a sua manutenção na universidade.
Para o Vereador a base do cidadão é a educação. “Um velho ditado diz que ‘construindo escolas não existirão mais cadeias’. Esta frase sempre me tocou muito, ainda mais pelo fato de ser Delegado de Polícia Civil. Não há nada melhor do que incentivar a educação como forma de crescimento de uma sociedade para melhorar a qualidade de vida de uma comunidade”, disse. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Notícias de Ilhabela Topo



Feras de Optimist disputam final do Paulista no fim de semana

Ilhabela - Neste final de semana as feras do optimist vão se reunir na capital da vela para disputar a etapa final do Campeonato Paulista.
A segunda fase da 2ª Etapa do Campeonato Paulista de Veteranos e 2ª Etapa da Taça Cosp 2003 – Copa Freecard (veteranos e principiantes), será realizada no Centro de Regatas da Secretaria de Turismo, no bairro Pequeá. A primeira regata de sábado está marcada para as 13h.
No final de semana passado foram realizadas cinco regatas da 2ª etapa. O velejador ilhabelense Baepi Pinna (Grêmio de Vela de Ilhabela) é o atual líder na classificação geral entre os veteranos. Baepi, que participou no mês de julho do Campeonato Norte Americano, ficou em primeiro lugar em três regatas e em terceiro nas outras duas, fechando as regatas do final de semana com seis pontos. Gabriel Melchert, que participou em julho do Campeonato Mundial de Optimist na Espanha, é o segundo colocado, seguido por Juan Ignacio Carri.
Entre os principiantes o velejador de Ilhabela Ronyon Silva Oliveira (Grêmio de Vela de Ilhabela) está em primeiro lugar. O velejador terminou as regatas do fim de semana em 22º lugar na classificação geral.
No total, 51 velejadores participaram da primeira fase, entre eles 23 de Ilhabela entre veteranos e principiantes do Clube Municipal de Iatismo, Projeto Navegar e Grêmio de Vela de Ilhabela.
Os velejadores que representarão o Estado no Campeonato Brasileiro de Optimist serão definidos no final de novembro.
Classificação Geral Campeonato Paulista Op
1º Baepi Lacativa Pinna
2º Gabriel Melchert
3º Juan Ignacio Carri
4º Rafael Georgevich Bastos
5º Fábio Melchert Galvenese (Fonte: Imprensa Livre)

Ação conjunta para reduzir acidentes

Ilhabela - A Divisão de Trânsito, Polícia Militar e Polícia Civil estarão intensificando, a partir de novembro, a fiscalização de veículos em todo município. As batidas deverão acontecer em vários pontos da ilha, em horários diferenciados.
O objetivo é reduzir o número de acidentes causados por motoristas e motociclistas que abusam de bebidas alcoólicas, drogas e que andam em alta velocidade - principal motivo dos acidentes que acontecem na cidade.
“A intenção é alertar os motoristas quanto à responsabilidade que se deve ter ao dirigir em vias públicas”, disse o diretor de divisão de trânsito, Ludelino Carlos de Souza Dias. O diretor também afirmou que a maioria dos acidentes acontece com motociclistas.
Ontem, aconteceram cinco acidentes no município, três deles com vítimas que sofreram lesões graves. Segundo o soldado Domingues, da Polícia Militar, estas ações serão importantes para inibir os motoristas. Se ficar provado que o condutor está alcoolizado, ele terá o veículo apreendido, além pagar uma multa. (Fonte: Imprensa Livre)

Fundo Social de Solidariedade faz entrega de certificados

Ilhabela - 35 mulheres receberam nesta quarta, dia 22, no Centro Comunitário, certificados de conclusão dos cursos de panificação e pintura em tecido.
O curso de panificação foi especialmente oferecido para as mães que tem seus filhos na creche.
Até agora o Fundo já capacitou mais de 200 pessoas com o curso de panificação. O curso deverá se estender a todos os bairros de Ilhabela.
Os curso foram promovidos pelo Fundo Social de Solidariedade de Ilhabela e tiveram como monitoras Dona Nininha e Jucimara Pereira Lima.
A presidente do Fundo Social de Ilhabela, Célia Heidorn Reale Ferreira fez a entrega dos certificados, juntamente com as monitoras e a diretora da creche Catarina Roefero. (Fonte: PMI)

Obras em escolas estão atrasadas

Ilhabela - O vereador José Pereira Brandão (PSDB) está solicitando informações do secretário de Obras, João Marques da Costa Neto, sobre o prazo de entrega das obras que estão sendo feitas nas escolas municipais da Água Branca e Morro dos Mineiros.
Ele e afirma que as obras estão praticamente paradas. O atraso na entrega das obras prejudicará os alunos e o município acaba arcando com os custos do aluguel.
Ele alerta para o fato ocorrido no ano passado, quando houve atraso das obras da Escola Municipal Eurípides da Silva Ferreira, o que resultou no atraso do início das aulas.
De acordo com o secretário de Obras, João Marques, houve alguns imprevistos, mas as obras estão andando de acordo com a planilha de execução.”A construtora pediu um aditamento de prazo de entrega, porém está previsto em contrato”.
Para o engenheiro responsável da Pré Engenharia Construções e Comércio Ltda, Pedro Henrique V.M.da Silva, da empresa licitada na construção das escolas, o pedido de prorrogação das obras das escolas do Portinho, Itaquanduba e Água Branca, se deu porque houve um atraso no início das obras.
Ele explicou que na escola do Portinho, as obras só foram iniciadas em agosto, já que a prefeitura aguardou o período de férias para remoção dos alunos para outro local. “Depois tivemos que demolir a antiga para começar a construção”. O prazo de entrega da obra seria de 120 dias a partir da ordem de serviço, do dia 5/7/03.
Já na escola do Itaquanduba a construtora teve que aguardar aterro, terraplanagem e canalização da água, que segundo Pedro são de responsabilidade da prefeitura, para começar os trabalhos.
Em relação à escola da Água Branca, o problema foi com o atraso da entrega da terra pela prefeitura e ainda houve um período de espera para a rescisão de contrato da antiga empreiteira e sua retirada do local. “Dependeu da liberação do terreno para a construtora”, afirmou.
O prazo de entrega das Escolas da Água Branca e Itaquanduba é de 210 dias a partir da ordem de serviço do dia 5/5/03.
Pedro disse ainda que a construção - das três escolas municipais - se encontra atualmente na altura da laje. E que o ofício enviado ao secretário de Obras, em outubro, no qual afirma “será pedida prorrogação de prazo para entrega das obras até o prazo máximo de fevereiro de 2004”, era para informar o andamento das obras contratadas junto a empresa. (Fonte: PMI)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Entidades pedem veto para alteração da Lei de Uso do Solo

São Sebastião - Novas entidades estão pedindo o veto dos projetos de lei complementar 015 e 016/2003, aprovados pela Câmara Municipal no dia 14 de outubro, em regime de urgência.
Ontem, a Associação Comercial e Industrial de São Sebastião, presidida pelo empresário Artur Ramirez Balut, protocolou um ofício no gabinete do prefeito Paulo Julião.
Ele considerou a rapidez da aprovação das propostas como “desrespeito à Constituição, ao Estatuto das Cidades e ao sagrado e pétreo direito constitucional à democracia”. Balut diz que a forma da votação impediu estudos e discussões aprofundadas do tema.
Na última terça-feira, a Federação Pró-Costa Atlântica (entidade que reúne as principais sociedades amigos de bairro da Costa Sul) já havia feito o mesmo pedido ao prefeito. “O planejamento urbano tem que ter a participação da sociedade civil.
Não é legítima a forma que esse projeto foi aprovado”, declarou Téo Balieiro, presidente da federação.
Ontem, o Imprensa Livre recebeu um manifesto do Diretório Municipal do PT, presidido por Luiz Carrança Rodrigues, que considerou os projetos como um “golpe à democracia e ao direito de participação popular”.
Rodrigues acredita que o proposta 016/2003 provocará o adensamento urbano dos bairros, gerando impacto ambiental no entorno do Parque Estadual da Serra do Mar.
Para o presidente do PT, a Câmara ignorou as diretrizes aprovadas no Plano Diretor Municipal e passou por cima da autoridade do Comdurb (Conselho Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo).
“Afrontou nosso direito de cidadania. Conclamamos a comunidade de São Sebastião a se unir neste protesto para exigir o veto a esta lei e impedir sua publicação. É bem possível que nossa Lei de Uso e Ocupação do Solo precise ser revista e ajustada às necessidades do desenvolvimento do município e à própria realidade social que já se instalou em alguns destes bairros.
Mas que isto seja feito de forma democrática, respeitando a legislação, os critérios ambientais, os órgãos constituídos e o direito à participação de todos”, concluiu.
Também na tarde de ontem, a presidente da Federação Facenorte (entidade que reúne as principais sociedades amigos de bairro da Costa Norte), Rosely Santaella, a-diantou que outras instituições devem pedir o veto dos projetos.
“Tivemos uma reunião na quarta-feira para definir o posicionamento de todos. O prefeito deve vetar, pois o povo não está informado sobre a extensão destas propostas. Ele é lúcido e inteligente para saber que não é bom para a comunidade”, enfatizou Rosely.
Retrospectiva - O projeto de lei complementar 016/2003, em seu artigo 2º, altera a “zona de proteção” para “zona de média restrição” a área localizada entre a Rodovia Manoel Hyppólito do Rego e a encosta, da Prainha Preta ao Costão do Guaecá.
A principal mudança é a redução do lote mínimo permitido de 5 mil m² para 600 m². Além disso, a taxa de ocupação sobe para 30% e a área pode ter aproveitamento de 60% podendo ser utilizada para residências e estabelecimentos comerciais.
Já o artigo 1º altera a “zona de média restrição” para “zona de baixa restrição” a área que se inicia no Rio Paúba e vai até a cota 40 em ângulo 90º, seguindo sentido sul até encontrar a SP-55. Trata-se da diminuição do tamanho mínimo de lote de 600 m² para 400m², no bairro Paúba.
Em reportagem publicada na edição de quarta-feira, o presidente da Câmara, Marcos Leopoldino, defendeu a necessidade de novos loteamentos. O projeto 015/2003 autoriza a instalação de postos de combustíveis, mecânicas, garagens, entre outros serviços, do Centro a Costa Norte. Paulo Julião diz que ainda estudará a proposta para definir o que será feito. (Fonte: Imprensa Livre)

Poluição não é causada por emissário da Sabesp, segundo Fundespa

São Sebastião - “Esgotos não ligados às redes da Sabesp, o defluvio terrestre e vazamentos de fossas são causas de contaminação das praias”.
É o que relata o diretor-presidente da Fundespa (Fundação de Estudos e Pesquisas Aquáticas), professor Luiz Roberto Tommasi, quanto às praias da região central de São Sebas-tião. Em especial no verão, elas apresentam maior índice de poluição por esgoto doméstico.
“Acredito que não tenha relação com o funcionamento do emissário submarino do Araçá”, ele disse, com referência ao emissário de esgoto, da rede da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), na região central da cidade.
O emissário opera há 15 anos sem licenciamento ambiental da Secretaria Estadual de Meio Ambiente.
“Devemos ressaltar que a Cetesb tem registrado progressiva melhora da qualidade da água das praias em seu monitoramento da balneabilidade”, o professor afirma.
Segundo ele, isto se deve a maior atendimento pela Sabesp da coleta, transporte e destino final dos esgotos, e maior conscientização da comunidade.
Temporada de verão - Conforme dados da Cetesb, durante todo mês de janeiro deste ano, período de alta temporada de verão e férias escolares, as praias de São Francisco, Pontal da Cruz e Porto Grande estavam impróprias para banhos. Durante três semanas do mesmo mês, a praia do Arrastão também ficou poluída.
Durante todo mês de abril, a praia de São Francisco esteve imprópria. A partir de junho, os dados da Cetesb apontam balneabilidade em todas as praias.
A Fundespa já realizou muitos estudos no Canal de São Sebastião, em relação a condições oceanográficas e quanto à poluição por esgoto doméstico, petróleo e derivados. Atua a serviço da Petrobras e da Sabesp, por meio de contratos.
“Além de trabalhos por iniciativa própria, os contratos visam atender a exigências da Cetesb, do Ministério Público e do Ibama”, explica Tommasi.
Atualmente, a Fundespa tem monitorado os efeitos da disposição oceânica dos esgotos de São Sebastião através do emissário submarino no Araçá. “Inclusive tem realizado modelagem matemática do comportamento da pluma do emissário no canal e do decaimento bacteriano que ocorre na mesma”.
Ele esclarece que a modelagem matemática permite rea-lizar simulação de como se comportará a pluma de esgoto de um futuro emissário ou de como se comporta a pluma de um emissário em funcionamento.
“Da mesma forma permite saber como morrerão os organismos fecais pela ação depuradora da água do mar, e se a pluma ao atingir, por exemplo, Ilhabela, qual terá sido o decaimento bacteriano, etc”.
Emissário mais longo - Conforme Tommasi, há necessidade de se alongar o emissário submarino do Araçá, para que passe a lançar o esgoto mais longe da costa e em profundidade maior, onde as correntes marinhas o levem de modo mais eficiente para longe, permitindo transporte, mistura, diluição e inativação dos microrganismos fecais de modo mais eficiente. A Sabesp já anunciou que realizará estas melhorias.
“A Sabesp está hoje consciente de que as mudanças em seu emissário submarino permitirão muito maior garantia de que não induzirá impactos ecológicos nem riscos à saúde pública do que com o comprimento atual do emissário; com a modificação, sem dúvida o sistema poderá, com segurança, receber mais esgotos de São Sebastião”, Tommasi evidencia.
Conforme o professor, o comprimento atual do emissário do Araçá é de 1.600 metros.
O professor explica que uma das preocupações em relação à disposição oceânica de esgotos municipais via emissários submarinos são os efeitos cumulativos. “Um desses efeitos é uma crescente eutrofização do corpo hídrico receptor (Canal de São Sebastião).
A eutrofização implica risco do desenvolvimento de marés vermelhas, que são florescimentos de microalgas tóxicas, provocados por dinoflagelados produtores de toxinas. Estes organismos, conforme o professor, podem provocar morte de peixes e também se acumular em moluscos comestíveis pelo homem, com risco de morte por paralisia respiratória.
De acordo com Tommasi, o emissário do Araçá funciona bastante razoavelmente. “O aumento de seu comprimento aumentará a sua eficiência e segurança ambiental de seu desempenho”.
Ele conta que, como toda a disposição oceânica de esgotos municipais, sempre nas vizinhanças dos difusores haverá alteração em parâmetros químicos da água do mar, concentrações por vezes elevadas de coliformes fecais, e redução da diversidade bentônica (organismos marinhos).
“Isso ocorre também em relação ao emissário do Araçá, mas numa área próxima ao emissário”, completa o professor. “Um pouco mais distante esses efeitos não mais aparecem”.
Ele acentua que o aumento do comprimento do emissário permitirá reduzir essa área de influência direta da disposição oceânica, em especial, a área de diluição inicial. “Nela, sempre, em qualquer local do mundo onde ocorra disposição submarina de esgotos municipais, há efeitos sobre as características químicas e biológicas do mar”.
Impacto em Ilhabela - Tommasi afirma é fator preocupante se a sua pluma de esgoto lançada pelo emissário do Araçá for transportada pelas correntes intensas do Canal de São Sebastião e atingir, por exemplo, Ilhabela. “A modelagem que temos realizado mostra que isso depende em muito do grau de cloração do esgoto antes de seu lançamento no mar”.
Ele esclarece que com baixa cloração há possibilidade da pluma chegar a Ilhabela com densidades superiores a 1000 coliformes fecais/100 ml, o que compromete a balneabilidade. “Mas com média ou alta cloração isso não mais ocorrerá, e esses níveis mais elevados de cloração são exatamente os praticados pela Sabesp”.
Tommasi afirma que toda vez que se aceita a disposição submarina, implicitamente, deve-se aceitar a existência de área sacrificada, ou seja, de diluição inicial. “Por isso mesmo, temos de procurar reduzir ao máximo o tamanho da área. “A Cetesb tem feito exigên-cias quanto à dimensão dessa área de diluição inicial, preocupada em fazer com que seja a menor possível”.
Ele cita que na enseada do Araçá há um córrego que descarrega águas bastante contaminadas por esgotos, e que seria responsável pela má qualidade das águas. (Fonte: Imprensa Livre)

Sabesp afirma que atende exigências ambientais

São Sebastião - A estação de tratamento de esgoto e o lançamento via emissário no Canal de São Sebastião cumprem as exigências ambientais. É que afirmou, na noite de terça, o engenheiro José Antonio Prado, gerente do Departamento de Empreendimentos da Superintendência da Unidade de Negócios do Litoral Norte, órgão da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo).
Prado fez exposição sobre o tema a “Construção do Emissário Araçá”, no Teatro Municipal de São Sebastião. Trata-se do seminário Tratamento de Esgoto e Disposição Oceânica, promovido pela Prefeitura de São Sebastião.
Tanto a estação no Itatinga como o emissário submarino no Araçá operam há mais de 15 anos, sem licença ambiental da Secretaria de Estado do Meio Ambiente. Durante o seminário, o superintendente da Unidade de Negócios da Sabesp, João Carlos Simões, afirmou que a Cetesb poderia responder melhor por quê o empreendimento ainda não foi licenciado.
Simões falou em resposta a questionamento do presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), de São Sebastião/Ilhabela, Luiz Tadeu de Oliveira Prado.
Praias impróprias - As praias da região central de São Sebastião, com freqüência, apresentam falta de balneabilidade; no verão a si-tuação é pior. O engenheiro Prado afirmou que o emissário submarino não é responsável por este problema, já que as correntes no Canal variam de norte a sul. As praias da Costa Sul do município costumam não ser afetadas por poluição decorrente de esgoto.
A Sabesp quer ampliar em mais dez metros de profundidade o emissário submarino, para aumentar o nível de dispersão plena do esgoto, e ampliá-lo em mais 400 metros em direção ao oceano. João Carlos Simões disse que o projeto de ampliação do emissário é apenas para atender à demanda de esgoto de residên-cias ainda não conectadas à rede de captação da Sabesp.
O gerente do Departamento de Controle Sanitário e Ambiental da Sabesp, Américo de Oliveira Sampaio, afirmou que a empresa providencia estudo ambiental da área do emissário submarino. “Dependemos dele para o licenciamento”, disse.
Cerca de 100 pessoas compareceram para assistir ao seminário. Estavam presentes diretores e secretários da prefeitura e representantes de setores da sociedade civil. A vice-prefeita Claudia Flausino representou o prefeito Paulo Julião. Também compareceu o presidente da Câmara de São Sebastião, Marcos Leopoldino.
Desequilíbrio ecológico - O professor doutor Aristides de Almeida Rocha, diretor da Faculdade de Saúde Pública da USP (Universidade de São Paulo) fez palestra sobre o tema “Poluição e Meio Ambiente”. Falou sobre o desequilíbrio ecológico no mundo, causado pelo homem, obrigado a criar mecanismos para minimizar os problemas que cria no “planeta água”.
Roque Piveli, também especialista da Faculdade de Saúde Pública da USP, expôs o tema Tratamento de Esgoto Doméstico. Fez abordagem sobre opções de sistemas existentes e declarou ser difícil conceber a estação mais viável, em razão de várias condicionantes para a preservação do ecossistema e da saúde pública.
A professora e doutora Denise Navas Pereira, também da USP, desenvolveu o tema Impactos da Disposição Oceânica dos Esgotos Domésticos na Biologia Marinha. Segundo ela, a disposição oceânica (via emissários submarinos) é usada em todo mundo há mais de 100 anos.
Explicou que o processo adequado depende do tratamento do efluente, da extensão da tubulação, da profundidade do lançamento e das posições dos difusores em relação à condição oceanográfica.
Conforme a professora, o esgoto que sai de emissários sobe para a superfície porque a água do mar é mais densa.
Neste ponto, ela disse que a qualidade da água fica prejudicada, por isto a importância de se conhecer a condição dos ventos e da corrente marítima.
Denise explicou que impactos negativos podem ser provocados por falta de estudos oceanográficos prévios, de monitoramento dos impactos e de análise das condições físicas dos emissários, uma vez que os difusores podem entupir.
Entre vantagens, ela citou que o sistema devidamente controlado atende flutuações e densidades, permite correção do nível de tratamento e alterações no comprimento da tubulação e dos difusores. Conforme a especialista, a disposição oceânica, se efetuada com eficiência, pode ser feita de forma a garantir a saúde pública e o ecossistema.
O emissário lança esgoto próximo à Ponta do Araçá, no Canal de São Sebastião. Da estação da Sabesp no Itatinga, Itatinga, o esgoto captado entre os bairros Praia Grande e São Francisco é lançado no Canal de São Sebastião, por meio do emissário.
Efeitos cumulativos - Em entrevista concedida em dezembro de 2002 ao Imprensa Livre, publicada no dia 21 do mesmo mês, o presidente da Fundespa (Fundação de Estudos e Pesquisas Aquáticas), Luiz Roberto Tommasi, afirmou que a maior preocupação ambiental em relação ao Canal de São Sebastião são os efeitos cumulativos em decorrência do derrame de efluentes, que não se limitam ao Tebar (Terminal Marítimo Almirante), da Petrobras/Transpetro.
Disse que outras fontes de emissão de efluentes são, além da Petrobras, a Sabesp, o Porto da Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A), os navios petroleiros e as chuvas, que arrastam esgoto de áreas sem saneamento básico para o canal.
O professor evidenciou que as características das correntes marítimas facilitam a dispersão dos efluentes, mas isto não quer dizer que não haverá impacto, em razão dos efeitos cumulativos.
Na mesma entrevista, ele explicou que há necessidade de estudo sobre todas as fontes de emissão e como os efluentes interagem no canal. No efluente da Sabesp também há detergentes, inseticidas, cloro e amônia, conforme explicou Tommasi. Ontem, o Imprensa Livre não conseguiu contato com o professor Tommasi.
Conforme a assessoria de imprensa da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, a Cetesb (Companhia Estadual de Tecnologia e Saneamento Ambiental) e o Daia (Departamento de Análise de Impacto Ambiental) poderão conceder entrevista hoje. (Fonte: Imprensa Livre)

Encontro de Motociclistas quer arrecadar 3t de alimentos

São Sebastião - Pelo segundo ano consecutivo o município é sede do Encontro de Motociclistas. Assim como na primeira edição, este ano é necessário apresentar um quilo de alimento não perecível para curtir as atrações. Entre elas, shows musicais em um palco que será montado no Balneário dos Trabalhadores. Lá será a “casa” dos motoqueiros por três dias.
O encontro, organizado pelo Albatroz Motoclube, tem o apoio da Prefeitura e da Secretaria de Turismo e Cultura.
O total de alimentos arrecadado será repassado ao Fundo Social de Solidariedade do município.
Conforme Mauro Alex Penteado, da organização, os integrantes dos cerca de 180 clubes - que devem passar pelo evento-, terão segurança feita por uma Base Comunitária da Polícia Militar e ainda com seguranças contratados para agir em caso de emergência.
Esta edição trará também outra novidade: a “motociata” que vai reunir os motoqueiros nas ruas da cidade.
Alex Penteado disse que haverá barracas para vendas de bebidas exóticas e artigos do segmento de motos. “Também vai ser feito um búfalo no rolete aos motociclistas”, completa.
Cyganus completa sexto aniversário
Este ano, o Cyganus MotoClube participa, pela segunda vez do encontro, mas agora com um incentivo a mais: irá comemorar o sexto ano de fundação.
Para o presidente do clube paulistano, que mantém uma instituição com crianças no Capão Redondo - uma das re giões mais violentas da capital -, este encontro será melhor, pois “foi bastante divulgado nas grandes cidades. (Fonte: Imprensa Livre)

Billabong volta a Maresias para decisão das vagas para o Mundial

São Sebastião - A final do Billabong Pro Júnior de Surfe 2003, marcada inicialmente para acontecer em Florianópolis (SC), será realizada, novamente, na praia de Maresias, dos dias 20 a 23 de novembro.
A competição, que revela novos talentos, vai definir o campeão sul-americano profissional sub 21 e também os seis surfistas que vão buscar o título no Billabong World Junior, o mundial da categoria, de 1º a 8 de janeiro em North Narrabeen, na Austrália.
A etapa de abertura do Billabong também foi realizada em Maresias, com a vitória do carioca Gustavo Fernandes, que superou três paulistas na grande final (Bruno Moreira, David do Carmo e Ricardo Ferreira).
Estarão em disputa U$$ 5 mil, sendo 1.800 para o vencedor, além de uma passagem aérea para a Austrália para o número um do ranking.
A Onda dos Sonhos - Também vai rolar em Maresias, junto com a disputa da nova geração masculina, o Billabong Girls Pro 2003 – “Circuito A Onda dos Sonhos”, etapa válida pelo ranking Abrasp Super Trials, e a inovadora categoria pro júnior feminina. Nessas duas provas, as vencedoras foram a carioca Juliana Guimarães e a ubatubense Suelen Naraísa, respectivamente.
Além da final do Billabong Pro Júnior, a praia de Maresias será palco de outras duas grandes decisões neste final de temporada - o Circuito Paulista FreeSurf Protrials e o Lui Lui Surf Festival, o Brasileiro de Surf Universitário.
Um final de semana antes de a nova geração brigar pelas vagas para o mundial na Austrália, nos dias 14, 15 e 16, será a vez da 3ª e decisiva etapa do FreeSurf Protrials.
De 2 a 6 de dezembro, será a vez dos estudantes universitários de todo o litoral brasileiro disputarem a grande final do Lui Lui Surf Festival. O campeão voltará para casa com um automóvel Renault e uma passagem aérea da TAM para Paris, na França.
Na categoria feminina, a melhor do país também ganhará uma passagem para a capital francesa. Além das disputas individuais, estarão em jogo os títulos do tag team (revezamento) entre universidades e por estados. (Fonte: Imprensa Livre)

Adolescentes invadem bar e roubam dinheiro e cigarros

São Sebastião - Os pais dos adolescentes R.S.A., 17 anos e F.C., 14 anos, tiveram uma decepção na noite de terça-feira. Usando uma pistola de brinquedo eles foram acusados de roubar um bar, na rua Poços de Caldas, bairro En-seada. Os pais foram à delegacia, buscar os filhos, que foram detidos pela Polícia Militar.
O comerciante J.A.R., 49 anos, se surpreendeu por volta das 21h30, quando dois menores entraram portando uma arma e se aproximaram do caixa. Os dois roubaram quatro maços de cigarros e R$ 111.
A vítima chamou a Polícia Militar, que em patrulhamento deparou com os suspeitos na rua Dóris, no mesmo bairro do crime.
Os dois, que moram no Pegorelli e Travessão, em Caraguatatuba, foram reconhecidos pela vítima e levados ao plantão do 1° Distrito Poli-cial. Ambos portavam o dinheiro e cigarros levados do bar.
Compromisso - Na delegacia, a polícia registrou o ato infracional/roubo e os adolescentes foram liberados aos pais, que assinaram um termo de responsabilidade e compromisso de apresentá-los à Vara da Infância e Juventude. A pistola plástica, encontrada em um terreno próximo, ficou apreendida na delegacia.
O delegado José Lamartine Fagundes, que atendeu o caso, explicou que não pediu a custódia de ambos na cadeia. Apesar de ser um roubo, disse o delegado, não houve grave ameaça física à vítima, que teria suspeitado ser uma arma de brinquedo.
Além disso, disse o delegado, esta também teria sido a primeira vez que os menores se envolvem em crime, e os pais compareceram na delegacia logo após a chegada da polícia com eles. Todos estes fatores teriam sido levados em conta para liberá-los. (Fonte: Imprensa Livre)

Ladrão não perdoa luto e rouba bolsa da mãe do morto no velório

Bertioga - Achando que em um enterro ninguém fosse perceber um furto, o auxiliar de topógrafo E.B., 41 anos, não perdoou o luto de uma família e tentou levar a bolsa da mãe do falecido, que chorava a morte do filho de 22 anos, vítima de um acidente de trânsito, onde a moto que pilotava bateu em um carro.
O auxiliar deu azar, pois a tentativa de furto, ocorrida na manhã de quarta-feira, foi presenciada pelo amigo da família, o jardineiro J.C.C., 33 anos, que segurou o ladrão até a chegada da Polícia Militar.
O jardineiro contou que o jovem era velado no cemitério de Bertioga. Os pais estavam inconsoláveis, principalmente a mãe, que chorava e não percebeu que um desconhecido no meio dos amigos e parentes vasculhava a sua bolsa, que continha documentos dela e do morto.
Sem perdão - “Fui para o lado dele, coloquei a mão na cintura para ver se tinha arma. Ao confirmar que estava desarmado, segurei e gritei que era ladrão. Pôxa, ele não perdoou nem um velório”, se indignou o jardineiro.
O suspeito, morador na Vila Cachoeirinha, em Guarujá, foi levado à delegacia de Bertioga e autuado em flagrante por tentativa de furto, ficando recolhido na cadeia pública.
O suposto ladrão não conhecia o morto nem sua família, moradora em Bertioga. Ele teria se aproveitado do movimento, entrando no cemitério. “Se ele não tivesse tentado pegar a bolsa, ninguém iria perceber sua presença, achando que era amigo”, comentou o jardineiro. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Marcenaria e Carpintaria Progresso Jornal A Semana Pousada Maranduba

Começa hoje a Feira das Nações

Ubatuba - A partir de hoje às 18h, quem gosta de saborear pratos variados, típicos de diversos países deve de ir até a Avenida Iperoig, no centro da cidade, visitar a Feira das Nações. Além de várias opções de pratos, como o já tradicional yakissoba, servido na barraca da China, quem comer por lá estará contribuindo na renda de entidades que realizam trabalhos sociais na cidade.
No caso da barraca da China, a entidade responsável é a Apae, que participa da Feira desde sua primeira edição. “Esperamos que o resultado seja tão bom quanto nos outros anos!”, torce Lucilena Camilo Verneque, da que organiza as vendas junto com o pessoal da Apae.
A Feira das Nações foi criada pelo Rotary Club de Ubatuba, em 1988, com a intenção de engrandecer os festejos de aniversário da cidade e ao mesmo tempo poder criar condições para as entidades obterem lucro para seus trabalhos.
De acordo com o coordenador da festa neste ano, Adriano Klopfir, a organização da feira começa oito meses antes, e as entidades participantes se reúnem uma vez por mês para discutir como será a edição do ano corrente.
Além das barracas típicas da Arábia (Aduba), Japão (Seicho-No-Ie), França (Cooperativa Educacional), Portugal (Lar Vicentino), Itália (Paróquia Exaltação da Santa Cruz), Alemanha (Rotary Club), China (Apae) e Brasil (Associação dos Funcionários da Santa Casa), há uma novidade: a barraca do México, organizada pela Santa Casa de Ubatuba.
A Feira das Nações acontece nos dias 24, 25, 26, 27, 28 e 31 de outubro e nos dias 1 e 2 de novembro das 18h às 0h. (Fonte: Imprensa Livre)

Câmara libera quiosque em 3 praias de Ubatuba

Ubatuba - A Câmara de Ubatuba aprovou o projeto de lei que autoriza a instalação de quiosques em três praias do município --Vermelha do Norte, Barra Seca e Prumirim. A proposta foi aprovada por unanimidade. Segundo o autor do projeto, vereador Domingos dos Santos (PT), nas três praias existem apenas barracas de madeira para atender os turistas. "Os comerciantes terão a oportunidade de adequadar o estabelecimento sem perder a tradição caiçara. Eles atuam na região há mais de 20 anos", disse. Segundo ele, um grupo de 15 comerciantes trabalha nas praias. O projeto será encaminhado ao Executivo para ser sancionado. (Fonte: ValeParaibano)

Inaugurado o Novo Almoxarifado e Centro de Especialidades

Ubatuba - O prédio do Almoxarifado e Centro de Especialidades foi inaugurado dia 22 com a presença do Prefeito Paulo Ramos e várias autoridades.
As obras onde hoje funciona a Secretaria de Saúde que estiveram paralisadas durante a gestão passada foram reiniciadas, terminadas e ainda houve tempo e espaço para o Centro de Especialidades e o Novo Almoxarifado.
O Prefeito Paulo Ramos destacou em seu discurso, que essas obras visam um lugar que propicie para os funcionários uma melhor qualidade de trabalho, para que os pacientes também tenham um melhor atendimento, que a finalidade de sua administração.
No novo prédio além de um espaço bem grande e confortável, para o almoxarifado, serão atendidos os pacientes com moléstias infecto - contagiosas, a EPAA - equipe de atendimento e prevenção a AIDS - também terá sua sala no novo prédio e as enfermeiras terão sua sala. Os pacientes estarão sendo muito mais bem atendidos num espaço bem mais confortável. (Fonte: ACS-PMU)

Ubatuba só perde para medalhista olímpico

Ubatuba - Os atletas de Ubatuba conseguem o 2º lugar no Iatismo na Classe Oceano IMS nos Jogos Abertos do Interior. Esse grande feito só foi possível porque de última hora os atletas Tiago Carlos, Marcos Cândido, José Antonio, Michel, Alexandre e Artur foram convidados à participarem da Regata em Santos, válida pelos Jogos Abertos do Interior. Com barco de amigos em Santos, conseguiram apenas perder para o medalhista olímpico Lars Grael, também Secretário Estadual de Esportes, e ficaram com a medalha de Prata.
Esta competição foi muito disputada, em virtude de ser o esporte onde participava o maior número de competidores com nível olímpico, inclusive a família Grael e outros medalhistas. Com mais essa medalha a cidade de Ubatuba se consolida como a maior ganhadora de medalhas dentre todas as cidade do Litoral Norte, com 2 de ouro, 2 de prata e 1 de bronze. (Fonte: ACS-PMU)

Mais 4 escolas serão construídas

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba, por meio da Secretaria da Educação está iniciando a construção de 4 escolas nos bairros do Sertão da Quina ( 6 salas), Saco da Ribeira ( 6 salas), Bela Vista (Marafunda - 10 salas) e Perequê-Açu ( 12 salas). Serão investidos, em parceria com o Governo do Estado, R$ 2, 3 milhões para a construção das 34 salas. Os prazos para construção variam de 6 meses, no caso do Saco da Ribeira até um ano com relação ao Perequê-Açu. “ Com estas novas salas estaremos atingindo 100 salas de aula durante a nossa administração”, afirma o prefeito Paulo Ramos. (Fonte: ACS-PMU)

Ubatuba recebe atores da Rede Globo para jogo de futebol

Ubatuba - A Liga Ubatubense de Futebol organizou um jogo amistoso com cinco atores da Rede Globo a ser realizado no próximo domingo, dia 26 de outubro, às 15h, no Estádio Municipal Cicillo Mattarazo, no Perequê-Açú. O evento é beneficente e pretende ajudar as entidades sociais do município.
Eri Johnson, Kadu Moliterno, Nicolas Siri, Carlos Bonow e Fábio Villaverde estarão distribuindo autógrafos, no domingo pela manhã, antes do jogo, no Supermercado Paulista.
Durante o jogo de futebol contra um combinado da cidade, serão sorteados brindes e cinco garotas ganharão um almoço com os atores no Hotel Recanto das Toninhas.
Os ingressos custam R$2,50, mais 1kg de alimento e estão à venda na Liga Ubatu-bense de Futebol, Porto Vitória Veículos, Supermercado Paulista, Smid Calçados, Padaria Japão e Associação Comercial e Industrial de Ubatuba. (Fonte: Imprensa Livre)

Atleta de Ubatuba é campeão nos Jogos Abertos do Interior

Ubatuba - O lutador de jiu-jitsu, Oziel Hecher, no último final de semana, na Vila Belmiro, em Santos, ganhou medalha de ouro nos Jogos Abertos do Interior, na categoria acima de 97 kg. Foi a primeira medalha de um atleta ubatubense conquistada nos jogos.
Oziel treina desde os 8 anos e atualmente é campeão brasileiro, paulista e regional, além de ser líder no Circuito Nacional. A competição envolveu dezoito participantes do interior do estado.
As próximas etapas ocorrerão em novembro sendo que uma delas, a Copa Ribeirão Preto vale pontos para o ranking do circuito. “Agradeço a minha família e aos comerciantes da cidade que sempre me incentivaram”, disse.
Hecher recebe o apoio da Eletronorte, PHM pneus, Jija bikes e motos, sorvetes Nestlé, restaurante Sem Miséria, Altrisom e do vereador Rogério Frediani. (Fonte: Imprensa Livre)

Campeonato Estadual de Futebol
Escolinha Municipal “Rubens Salles” demonstra sua força na Fase Sub-Regional

Ubatuba - Foi realizado no último dia 22/10 no Centro Esportivo Municipal Ubaldo Gonçalves, na cidade de Caraguatatuba/SP a Fase Sub-Regional do Campeonato Estadual de Futebol e mais uma vez Ubatuba foi destaque. As equipes da Escolinha “Rubens Salles” disputaram 03 partidas nas categorias Dentinho (nascidos em 91,92 e 93), Dente de Leite (nascidos em 89 e 90) e Dentão (nascidos em 87 e 88) contra equipes de Caraguá e venceram todas. Na primeira partida, válida pela categoria Dentinho a equipe treinada pelo técnico Reginaldo Barreto venceu a equipe da Gelaf/Caraguá pelo placar de 2X0, numa partida bem disputada, com vários lances bem disputados e alguns gols perdidos pela equipe de Ubatuba, somente no segundo tempo os gols aconteceram. Na segunda partida a equipe Dente de Leite, treinada pelo Professor André Paulo venceu bem a equipe Praia Soccer/Caraguá pelo placar de 4X0, nesta partida Ubatuba perdeu várias oportunidades de gols, mas no intervalo o técnico André Paulo acertou a equipe e no final valeu o maior entrosamento da equipe da Escolinha Municipal “Rubens Salles”. Na última partida do dia jogaram os atletas da categoria Dentão, e a equipe treinada pelo técnico André Paulo venceu a equipe Secer/Cemug pelo placar de 3X0. Nesta categoria a equipe da Escolinha “Rubens Salles”, que conta com vários atletas que disputam o Campeonato Municipal Juvenil e onde todos os atletas começaram os treinamentos na Escolinha com o técnico André Paulo desde 1997. “Os resultados obtidos pela Escolinha Municipal “Rubens Salles” de Futebol nas últimas competições que disputou refletem o bom trabalho realizado pelos nossos Professores, pois mesmo tendo como premissa básica a formação do caráter e disciplina de nossos alunos o lado das competições não foi prejudicado, pois Ubatuba sempre teve bons valores individuais e que agora estão sendo melhor trabalhados, através de uma melhor estrutura para o Setor de Futebol proporcionada pela Secretaria de Esportes e Lazer.” comentou Almir Ramos Corrêa, o Pipoca que é o Encarregado do Setor de Futebol. (Fonte: ACS-PMU)

Programação Aniversário da Cidade

Ubatuba - As comemorações do 366º aniversário da emancipação político-administrativa de Ubatuba contarão com atrações diversificadas com destaques para inauguração de escola e ginásio de esportes no Taquaral, prédios das Secretarias da Educação , Assistência Social e anexo da Secretaria da Saúde ,além da estátua em homenagem ao caiçara e do asfaltamento da estrada municipal UBT - 355, ligando o bairro do Rio Escuro ao Monte Valério.
tradicional desfile será realizado dia 28 de outubro na Av. Iperoig estando confirmada a participação de 80 entidades. Este ano, a Secretaria de Esportes e Lazer - SEL inclui uma série de competições na modalidades de pedestrianismo , natação e partida de futebol com artistas da TV Globo e a final do campeonato municipal no dia do aniversário.

24 de outubro (sexta-feira)
10h00 - Inauguração do Edifício-Sede da Secretaria Municipal de Educação
“Francisco Matarazzo Sobrinho” - Ciccilo Matarazzo
Local: Rua Gastão Madeira, 101 - Centro
19h00 - Abertura da XVI Feira das Nações
Local: Avenida Iperoig

25 de outubro (sábado)
10h00 - Passeio Ciclístico na Estrada Municipal UBT-355 - Rio Escuro-Monte Valério
20h30 - Madrigal Música na Catedral - Camerata Zaydenbaum - Local: Igreja Matriz
21h00 - Apresentação da Banda Musical da Faculdade São Luis (Jaboticabal)
Local: Avenida Iperoig

26 de outubro (domingo)
10h00 - 7o Circuito Ubatuba de Águas Abertas - 3a etapa - Local: Praia do Cruzeiro
15h00 - Futebol com artistas da Rede Globo
Local: Estádio Municipal “Francisco Matarazzo Sobrinho” - Bairro do Perequê-Açu

27 de outubro ( segunda-feira)
20h00 - Culto Evangélico promovido pelo Conselho de Pastores - Local: Av. Iperoig
27 a 31/10 - Projeto “SEBRAE na rua” - Palestras e oficinas

28 de outubro (terça-feira) - ANIVERSÁRIO DA CIDADE
8h00 - Cerimônia de Hasteamento da Bandeira
8h30 - Desfile Oficial. Tema: Pluralidade Cultural - Local: Av. Iperoig
15h00 - Final do Campeonato Municipal de Futebol
Local: Estádio Municipal “Francisco Matarazzo Sobrinho” - Bairro do Perequê-Açu
19h30 - Missa na Igreja Matriz
20h00 -Sessão solene na Unitau - Entrega de títulos de “Cidadão Ubatubense”

31 de outubro (sexta-feira)
20h00 - I Salão de Artes Plásticas de Ubatuba
Local: Salão Igreja São Francisco  (Fonte: ACS-PMU)

Conto em capítulos Topo

Clique para Acessar o Conto
Clique para acessar os capítulos anteriores

Capítulo 3: Grapette com pé-de-moleque

Blood Mary, para quem não sabe, é uma mistura de vodka e suco de tomate, temperada com sal, molho inglês, pimenta do reino e suco de limão. O tempero é por conta do gosto de cada um, há os que colocam muita pimenta, outros preferem carregar no sal, outros ainda, quase não colocam vodka, praticamente bebendo suco de tomate temperado, com aroma alcoólico. De qualquer forma é uma bebida eficaz, no combate à ressaca, eficácia garantida se for seguida de suco de melancia e água de coco. Depois do segundo blood mary, eu estava pronto para retomar as investigações. Olhei para o envelope cuidadosamente, tive o cuidado de examinar os detalhes, usando uma lente de aumento. Afora o fato de ter sido manipulado por alguém que tinha as mãos oleosas, nada havia que pudesse despertar meu interesse. O bilhete que estava contido no envelope era enigmático, quem o escreveu sabia meu nome, e as informações que continha aguçaram minha curiosidade. Quem teria sido o autor, ou quem sabe autora? A letra não apresentava maneirismos que me dessem indícios do sexo do(a) escriba. Minhas instruções eram claras, eu deveria seguir até o Perequê-Mirim, e encontrar a casa do inglês. De costas para a porta principal, eu veria, do outro lado da estrada, uma viela. Caminhando por ela, encontraria um barzinho, após a segunda curva. Lá, eu deveria pedir uma grapette e um pé-de-moleque. Em seguida perguntar da casa do Danilo. Era a senha, eu estava sendo esperado. Segui as instruções e logo estava caminhando em direção ao “Morro do Funhenhado”, onde finalmente haveria de encontrar algum tipo de resposta para as perguntas que se avolumavam em meu cérebro. Eu seguia um tipo que não era dado a conversas, depois de tentar por várias vezes fazer perguntas e só obter respostas monossilábicas, desisti e assim caminhamos em silêncio a maior parte do tempo, apenas trocando palavras triviais quando parávamos para descansar. Então fumávamos um cigarrinho e logo depois a caminhada era retomada. Durante o trajeto eu pensava no infeliz que dera o nome ao acidente geográfico para o qual nos dirigíamos. Quem seria o tal do “Funhenhado”? Chegamos depois de caminhar pouco mais de duas horas, quase sempre subindo, o que tornou a caminhada extremamente cansativa. O local onde nos encontrávamos, era uma espécie de centrinho comercial de um vilarejo de casas esparsas, havia um açougue, uma venda e um barzinho coberto de sapé, bastante agradável se considerássemos a precariedade de tudo. Sentamos ao redor de uma mesa metálica vermelha, com a pintura descascada. Meu guia pediu que eu ficasse esperando, ele iria avisar ao Danilo da minha chegada. Atrás do balcão, uma adolescente de no máximo quinze anos, me observava com ar de curiosidade. Chamei-a e perguntei se havia alguma coisa gelada. Ela disse que havia refrigerantes e cervejas. Pedi uma Brahma, veio quase congelada, no ponto. - Esperando o Danilo? Ela perguntou, sugerindo que se não o fizesse explodiria de curiosidade. Eu disse que sim, e mais não disse, pois logo entrava no bar o guia conciso, acompanhado de um senhor de longos cabelos brancos e pele cor de cobre. Era o Danilo, em carne e osso. O guia nos deixou a sós, eu me apresentei e começamos a conversar. Falei do meu interesse em saber mais da história dos gêmeos, que apesar de parecer absurda era verossímil exatamente pelo fato de incorporar fenômenos além da capacidade inventiva do homem que a contara. Ele assentiu com a cabeça, esperando ouvir mais do que eu tinha a dizer. Continuei falando de como eu ficara intrigado com o fato de ninguém ter dado importância ao que o caiçara alto disse naquela tarde, e estranhei também o desaparecimento dele, já que era uma figura fisicamente difícil de ser ignorada. Seguiu-se um silêncio nervoso, eu estava sendo observado e isso me incomodava. Finalmente perguntei o que ele tinha para me informar, já que eu estava ali seguindo instruções, que provavelmente partiram dele mesmo. Antes que ele pudesse responder à minha pergunta, qual não foi a minha surpresa ao ver entrar no recinto o homem do tapa-olho, desta vez sóbrio, e em nada lembrando o caiçara bêbado que eu havia encontrado ao lado da peixaria. Ele juntou-se a nós, cumprimentou-me como se fossemos velhos conhecidos e em seguida me perguntou: - Você se acha em condições psíquicas de enfrentar o que lhe vai ser revelado? Eu respondi que não sabia o que me seria revelado, e, portanto, não poderia avaliar se tinha ou não as tais condições. Ele então me olhou bem nos olhos, com um olho só, o outro estava tampado. Semblante grave, sério, virou-se para o outro e depois de alguma exitação explodiram numa gargalhada sem fim, deixando-me com cara de bobo. Muito bem garotão você está em ótimas condições para saber tudo sobre o sexo das abelhas, mas agora vamos tomar uma que o dia está quente. A garota veio de imediato, com duas cervejas geladíssimas e três copos cobertos por uma fina película de gelo. Tudo normal, a não ser o fato do abridor de garrafas, que colocado por ela a girar sobre a mesa, permaneceu rodando por mais de cinco minutos, acelerando, diminuindo a rotação, invertendo o sentido de giro, acelerando. Quanto mais eu ficava intrigado, mais os dois riam do meu desconforto. Súbito o abridor acelerou e desapareceu como que por milagre. Quando me dei conta, a garota o segurava nas mãos, sorrindo marotamente. Definitivamente, eu estava viajando em terra estranha...

Continua na próxima sexta-feira...

Sidney Borges

 
Carta do Leitor Topo

Aprovação da Lei 016/2003 em São Sebastião - Faço parte da Sociedade Amigos de Paúba, acompanhei esta semana a repercussão sobre a aprovação do projeto de lei 016/2003 de autoria do vereador Marcos Leopoldino, minha indignação a forma como foi "imposto" tal projeto me levou a escrever algumas linhas.
Dia 14 de outubro, foi aprovado em regime de urgência o projeto 016/2003, de autoria do vereador Marcos Leopoldino - presidente da Câmara de São Sebastião, projeto este, que altera dispositivos na Lei de Uso e Ocupação do Solo (561/87).
O artigo 1º do projeto prevê a alteração da “zona de média restrição” para “zona de baixa restrição” na área que se inicia no Rio Paúba e vai até a cota 40 em ângulo, seguindo sentido sul até encontrar a SP-55, prevendo também a diminuição do tamanho mínimo de loteamento, que passará de 600m², o mínimo, para 400m².
Isso significa que, o que antes era denominado “zona de média restrição”, limitando tal área quase que exclusivamente ao uso residêncial, hoje, com a alteração deste dispositivo para “zona de baixa restrição”, abre espaço para bares, padarias, lavanderias, oficinas, etc.
O Estatuto das Cidades prevê a participação da sociedade civil na elaboração de projetos que lhe sejam de interesse.
O projeto 016/2003 foi aprovado sem consulta da sociedade, sem justificativa anterior de seu autor Marcos Leopoldino, que se quer chegou a apresentar estudo ou pesquisa sobre o real impacto que tais alterações podem vir a causar.
Se hoje vivemos com sérios problemas de ocupações irregulares, deve-se em grande parte, a total falta de planejamento. “Empurrando” esta lei à sociedade sem prévia consulta nem planejamento algum, só nos cabe lamentar o surgimento a médio prazo de mais inúmeros problemas de esgoto, lixo e etc.
Sem dúvida é importante a preocupação relativa às políticas habitacionais, mas mudanças têm de ser planejadas e as reais demandas identificadas. Da maneira como o projeto foi encaminhado passou-se por cima de etapas que não só são fundamentais, como também estão previstas na lei.
No www.pauba.com  é possível encontrar um breve relato dos acontecimentos.
Atenciosamente,

Luis Filipe Rodrigues
São Sebastião, SP

Aos comentários de Regina Helena de Paiva Ramos e Carlos Marcelo da Silva - Estou atualmente em São Paulo concluindo curso superior, mas sou de São Sebastião, e neste último fim de semana em São Sebastião, precisei levar minha namorada (que também é moradora) ao Pronto Socorro do centro da cidade. Fazia algum tempo que não entrava lá e vi que a reforma ficou muito boa e provavelmente cara. Tinham muita pessoas a serem atendidas sem que fosse feita uma triagem para saber quais eram os mais graves e urgentes. Mas essa triagem ocorria de forma natural, pois as pessoas que não aguentavam de dor, febre, náusea ou até mesmo angustiadas pela espera pediam "encarecidamente" que fossem atendidas primeiro. Foi o que ocorreu com a minha namorada. Fomos para uma fila interna de urgências onde as crianças eram passadas na frente (pelo menos isso), e descobrimos que só havia um médico para atender a todos os "pacientes" (e põem paciência nisso!!!). Nesta fila as pessoas estavam indignadas, e lamentando o estado em que se encontra o atendimento do Pronto Socorro que mesmo continua com os mesmos velhos problemas só que agora com uma "roupa" nova. Por fora bela viola por dentro... Bem, passamos 2 horas entre o atendimento e o encaminhamento à medicação para um problema muito simples porem urgente. Nos relatos da Sra. Regina, do Sr. Marcelo e no meu vemos os problemas que São Sebastião enfrenta há muito tempo como a violência que cresce a cada dia, pessoas infelizmente eleitas pelo povo que não pensam no futuro da cidade e $im no próprio futuro e no descaso com a saúde. Gostaria de lembrá-los que no ano que vem teremos eleições e eu espero sinceramente que as pessoas pensem direito em quem irão eleger para governar São Sebastião, e essa decisão deverá ser elaborada pensando nesses relatos acima e não nos shows milionários nas épocas de festa. Desculpem pelo desabafo...

Carlos
São Paulo, SP


Bicicletas em Ubatuba - Complementando o comentário da Sra. Regina Teixeira, o qual concordo plenamente, venho questionar a administração municipal sobre a identificação e apreensão de bicicletas e sobre o treinamento e multa dos ciclistas, como ocorre em Caraguá. Por quê não temos em Ubatuba? Quantas pessoas ainda vão se machucar ou até morrer até que se tome alguma atitude?

Roberto Russo
Ubatuba, SP


Lei de Uso do Solo de Ubatuba

Aproveitando a discussão sobre o Projeto de Lei de Uso do Solo de Ubatuba, estamos disponibilizando na íntegra o material para que nossos leitores possam conhecer, discutir, sugerir e opinar sobre este assunto que norteará o futuro de Ubatuba.

Projeto de Lei de Uso do Solo de Ubatuba
Clique Aqui para acessar

 

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Praia do Perez- Ilhabela

Praia do Perez
©2003 Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

Gaivota FM
Participe você também com seu comentário, crítica ou sugestão no programa
Estação Ubatuba c/ Tony Luiz
De segunda a sexta das 12 as 14 hs na Gaivota FM 104.9
Sempre com entrevistados diários e variados, falando sobre todos os temas
Ligue 3833.5550


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


Marcos Borges da Silva - artista plástico Free Wallpaper

As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:

Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor