Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Quarta-feira, 05 de novembro de 2003 - Nº 903 Edições Anteriores

Barra da Lagoa Porto das Artes Hansamarc

Região
-


Caraguatatuba
Moradores de Caraguatatuba aprovam animais fora da praia
Acidente na Tamaios mata um e fere 3
Caraguá Tuning Show acontece no próximo domingo
Novo prédio da PM já esta em construção
Estréia do Alô Prefeito aconteceu ontem
MACC apresenta “Os Orixás”
Projeto Golfinho premia estudantes e incentiva visita ao MACC
Módulo faz intercâmbio cultural com alunos da Ilha Montão de Trigo
Ademar de Barros Filho visita Secretaria de Educação
Madalena vai ao MP contra Prefeitura
Câmara participa do Inter Secretarias


Ilhabela
Ilhabela aprova a operação 'fecha-bar'


São Sebastião
ONGs contestam mudança no zoneamento
Sessão da Câmara de São Sebastião virou bagunça
Vereadores querem evitar loteamento em área de proteção
São Sebastião apresenta sistema de coleta seletiva ao Cone Leste
II Fest Art começa na Costa Norte


Ubatuba
SETUR presta contas e apresenta projeto para o verão 2003/2004
Ubatuba acusa empreiteiras do DER de demolir guia e sarjeta
Cadastramento para natação
Ponte ganha passarela para pedestre
Sabesp não sinaliza obra
Bingo para sede no Itamambuca
Assembléia geral no Sertão da Quina
Capacitação para enfrentamento a violência Doméstica e Sexual Contra Criança e Adolescente
Investimento na criança e adolescente
Defesa Civil organiza plano preventivo
Boletim Ubapesc

Seções
Crônica
Carta do Leitor
Foto do Dia



Notícias da Região Topo

-
Notícias de Caraguatatuba Topo

Caragua Virtual PAS

Moradores de Caraguatatuba aprovam animais fora da praia
Campanha começa em dezembro, mas comunidade já é orientada sobre como ajudar

Caraguatatuba - Moradores e comerciantes de bairros de Caraguatatuba aprovam a campanha contra a presença de animais nas praias, que foi lançada pela prefeitura e será implementada na temporada de verão, a partir de dezembro. Para eles, a presença de cachorros e outros animais assusta os banhistas e deixa as praias sujas.
Associações de moradores e donos de quiosques vão entrar na luta para informar a população sobre normas de passear com animais em Caraguá. A campanha tem apoio também da Cecan (Centro Comunitário de Apoio ao Animal).
Por enquanto, a população está recebendo orientações de como participar da campanha. Segundo o secretário da Associação de Moradores do Indaiá, Hume Silveira, a divulgação da campanha é importante e os próprios moradores devem ajudar. Para ele, é errado que animais sejam levados para a praia. "É de interesse que essa lei seja cumprida. Queremos ajudar e vamos resolver em breve, em nossas reuniões mensais, o que faremos", disse.
Para a aposentada Isabel Cristina Tomaz de Assis, 46 anos, principalmente os donos dos cachorros não limpam as sujeiras deixadas pelos animais na areia da praia. "Além disso, a presença desses animais traz insegurança para as pessoas que querem ficar tranqüilas no litoral", afirmou. Isabel mora perto da praia Martin de Sá e tem um gato de estimação. "Eu nunca levaria um animal para a praia. A sujeira deles pode causar doenças de pele", disse.
COMÉRCIO - Quiosques de Caraguatatuba também vão participar da divulgação da campanha para os freqüentadores da praia, com cartazes informando sobre a lei, que existe de 1980.
Segundo Ari Carlos Barbosa, 42 anos, dono de um quiosque na Martin de Sá, a medida deve mobilizar todos os setores da sociedade. Para ele, a campanha é favorável até mesmo aos donos dos animais, pois evitam incidentes. "Isso seria importante para a segurança do turista. Eu mesmo já fui mordido na perna por um cachorro que estava no quiosque", afirmou.
CECAN - Para a presidente do Cecan (Centro Comunitário de Apoio aos Animais), Amariles Roncon Perez, todos os problemas com os animais na praia poderiam ser evitados com educação e cidadania das pessoas. "Até acho que não é aconselhável animal na praia, ainda mais na temporada, mas tudo é questão da educação dos seus donos", afirmou. (Fonte: ValeParaibano)

Acidente na Tamaios mata um e fere 3

Caraguatatuba - Uma pessoa morreu e outras três ficaram feridas em um acidente que envolveu quatro veículos na tarde de ontem, no km 79 da rodovia dos Tamoios, em Caraguatatuba. Renato Gato Rosa, 46 anos, de São José, morreu na Santa Casa de Caraguá minutos após o acidente.
A colisão entre os veículos interditou as duas pistas da Tamoios por quase uma hora e meia --das 12h25 às 13h45-- e causou vários quilômetros de congestionamento.
Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, um caminhão da cidade paulista de Ibiúna, uma picape Courier de São Paulo, uma Fiorino de São Luís do Maranhão e um Honda Civic de São José, se envolveram no acidente.
Segundo a Polícia Rodoviária, o caminhão, que trafegava no sentido Caraguatatuba-São José dos Campos, colidiu de frente com o Honda após bater nas laterais da Courier e da Fiorino.
Além da vítima fatal, Carlos Carderaro dos Santos, 51 anos, Tânia Bueno, 43 anos, e Roberto Medeiros Machado, 50 anos, todos ocupantes do Honda, ficaram feridos.
O setor de emergência da Santa Casa de Caraguatatuba não informou durante toda a tarde de ontem o estado de saúde das vítimas que estavam internadas. (Fonte: ValeParaibano)

Caraguá Tuning Show acontece no próximo domingo

Caraguatatuba - Caraguá sediará, pela primeira vez, exposição e campeonato de som e carros rebaixados. Com apoio da Secretaria Municipal de Turismo da cidade, a realização do evento é da Gutierrez Mega Eventos e do Arruda Tuning. O encontro, que reunirá carros antigos, hot-roud e turbinados, acontecerá no próximo dia 09 de novembro, domingo, a partir das 9 horas, na Praça de Eventos, no Centro.
Além da exposição de carros, serão montados estandes de lojas e fábricas de peças do ramo.
Para o campeonato, serão julgadas três categorias: tuning passeio pequeno, tuning passeio médio e tuning passeio grande. Pick ups, carros antigos e importados também podem participar. Segundo os organizadores do evento, quanto menos original o carro for, melhor. O júri será formado por representantes da MTM Brasil, empresa especialista no ramo.
A entrada para o evento será um quilo de alimento não perecível, que será entregue para entidades assistenciais de Caraguá.
Mais informações pelos telefones (11) 9836-2929 e (12) 9721-8011. (Fonte: PMC)

Novo prédio da PM já esta em construção
Há mais de 15 anos funcionando provisoriamente, obra é iniciada

Caraguatatuba - Há pelo menos 15 anos funcionando provisoriamente junto à Delegacia da Polícia Civil, o novo prédio da Companhia da Polícia Militar da cidade já está em construção e será no bairro Jardim Aruan, na avenida Rotary nº 33, ao lado da sede do Sindserv (Sindicato dos Servidores Públicos de Caraguatatuba).
Este antigo anseio dos cerca de 100 policiais militares que trabalham na cidade se concretizou graças à parceria do Governo do Estado e da Prefeitura Municipal, que já repassou R$ 65 mil para o início da obra. “O alojamento que temos hoje está bem aquém do que precisamos.
A nova sede terá estacionamento e oficina mecânica para as viaturas, além de salas apropriados para atender melhor a população”, explica o Capitão da PM na cidade, Valter Padula.
Para o próximo dia 15, está previsto o término da primeira parte da construção pré-moldada, que consiste no ‘esqueleto’ do prédio, com paredes e cobertura já levantados. A previsão de inauguração da nova sede é para maio do próximo ano, e a obra completa está avaliada em até R$ 250 mil, segundo o capitão Padula.
O novo prédio terá alojamento, posto médico e odontológico, cozinha, refeitório, oficina mecânica, almoxarifado, centro de operações e salas de aulas aparelhadas. O Estado já se comprometeu em doar todo o piso da obra. (Fonte: Imprensa Livre)

Estréia do Alô Prefeito aconteceu ontem

Caraguatatuba - O prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos da Silva, concedeu sua primeira entrevista na estréia do programa Alô Prefeito, transmitido pela Rádio Oceânica AM. A partir de ontem, todas as terças-feiras, haverá uma entrevista com o prefeito ou com secretários municipais, a partir das 9h30, na qual a população poderá fazer perguntas ao vivo.
Durante a estréia do programa "Alô Prefeito", da Rádio Oceânica AM, o prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos da Silva, apresentou um panorama geral das realizações de sua administração na cidade e também respondeu aos questionamentos do jornalista Oscar Oliveira. O "Alô Prefeito" será inserido no tradicional programa "A Cidade se Comunica". Serão cerca de 30 minutos semanais, quando a população poderá também participar fazendo perguntas.
Na estréia, o prefeito foi questionado sobre o aumento dos índices de violência na cidade. "O que os índices não dizem, é que dos 60% de aumento da violência, 73% já são casos solucionados", disse.
Segundo o prefeito, Caraguá tem feito o que o poder público pode fazer para a redução de envolvimento da população com a criminalidade. "Nós já instalamos mais de 5 mil luminárias, mais de 1 mil postes, construímos 8 ginásios de esporte, temos todas as crianças na escola, realizamos projetos de geração de renda e de atividades culturais. Agora, estamos realizando os trabalhos de educação profissionalizante no Ceprolin, enfim, tudo que é da competência do poder público, a prefeitura de Caraguá faz", declarou o prefeito, que em entrevista à TV Vanguarda Paulista, fez as mesmas afirmações.
Ele acrescentou que a questão da segurança pública é um problema de todo o país e é muito preocupante. "Todos os dias, vemos nos jornais como a violência vem se alastrando por todos os lugares e é algo lamentável. No município, o que deve ser feito está sendo. A segurança pública é de competência do estado, pois nós não temos dinheiro para isso".
O prefeito Antonio Carlos foi questionado sobre o orçamento previsto para a área de Saúde no município, e sobre o assunto, declarou que "a vontade política de um político pode ser medida pela quantidade de recursos que ele coloca em cada área. Peguem o orçamento de 2004 e vejam que a porcentagem de verbas para a Saúde é de 22% do total. Vejam esse valor e cobrem o próximo prefeito para que ele, pelo menos, mantenha esse número".
O prefeito citou as novas unidades de saúde no Massaguaçu, Tinga, Morro do Algodão e Olaria. Além das reformas do Porto Novo, Perequê Mirim e Jaraguazinho.
Antonio Carlos aproveitou para falar sobre as obras da Tamoios, que estão paralizadas. "Nós lutamos por muitos anos para trazer a obra para cá, e agora, que ela está aí, com alguns problemas, nós estamos cobrando e buscando um acompanhamento para que não haja tantos transtornos aos pedestres e motoristas. O DER está ciente do que está acontecendo no local e está trabalhando pelo andamento das obras". Ele acrescento que a ciclovia, muito usada pela população de Caraguá, é um item indispensável e foi acrescido na obra.
O jornalista Roberto Espíndola acrescentou ao esclarecimento do prefeito que, há pelo menos 15 anos, outros políticos já falaram em trazer as obras da Rodovia para a cidade e nada foi feito. (Fonte: PMC)

MACC apresenta “Os Orixás”

Caraguatatuba - Em comemoração ao Dia Nacional da Consciência Negra, em 20 de Novembro, a Fundacc promove no MACC – Museu de Arte e Cultura de Caraguatatuba, a exposição “Os Orixás”, da artista Ikalondegy, de 6 de novembro a 14 de dezembro de 2003.
São obras representando a cultura africana; esculturas, e objetos em palhas de coqueiro e palmeira, e também vestimentas. São peças onde a artista transmite toda a expressão de religião e cultura sobre os orixás. O trabalho apresentado nesta mostra é fruto de sua viagem à Nigéria, onde aprofundou-se na religião e cultura yorubá.
Através da sua arte e artista visa difundir a herança que cultural que a África divide em comum com o povo brasileiro. “A mãe cultura é uma herança que recebemos ao nascer, e a nossa, é a grande mãe África, de nossa cultura maior. A arte africana nos encanta, seduz com um toque mágico, exercendo um papel fundamental para seus descendentes, inspirando-nos a dar continuidade a ela”comenta a artista.
A artista - Ykalondegy E. A. Paula vive em São Paulo, onde trabalha em seu ateliê. É pintora e escultora. Depois de sua visita á África, em 1998, já realizou inúmeras exposições e ações em Encontros de Cultura Afro em várias cidades do estado de São Paulo, assim como galerias de arte, shoppings, espaços interiores de empresas privadas e órgãos públicos.
A exposição “Imagens da Cultura Africana” pode ser visitada de terça a domingo, das 10 às 18 horas, com entrada franca. O MACC fica no Pólo Cultural Profª Adaly Coelho Passos, na Praça Dr. Cândido Motta, nº 72, no centro de Caraguá.  (Fonte: Fundacc)

Projeto Golfinho premia estudantes e incentiva visita ao MACC

Caraguatatuba - A Fundacc está promovendo mais uma edição do Projeto Golfinho de Arte-Educação, e inicia mais uma premiação. Na terça-feira, 4, a diretora do MACC, a historiadora Luzia de Toledo Prado, a diretora de cultura da Fundacc, Maria do Carmo Cunha Ferreira, e a Secretária de Educação, Roseli Morilla, estiveram na EMEF Maria Aparecida Ugio, e premiaram os alunos do 3º ano do Ensino Fundamental e a professora Lílian. Eles obtiveram o 1º lugar com o trabalho “Meio Ambiente”. Durante a semana, estarão premiando os alunos do 1º ao 4º ano da EMEF Poço da Anta, da professora Lindaura, com “Desenhos de Caraguá”, em 2º lugar e também os alunos do Centro Educacional AMA, da 2ª série, professora Marisa, com o trabalho “Folclore”.
O que é o Projeto Golfinho? - Visando promover a integração das crianças e jovens de Caraguatatuba com o MACC – Museu de Arte e Cultura de Caraguatatuba, contribuindo na formação e construção de sua cidadania através da interação com o patrimônio, a Fundacc criou o Prêmio Golfinho de Ação Educativo-Cultural, em 2002.
Fazendo parte da proposta pedagógica do Pólo Cultural Profº Adaly Coelho Passos, o projeto tem como parceiros, a Rádio Oceânica e o Jornal da Cidade, através do jornalista Roberto Espíndola.
Através das visitas monitoradas pela historiadora Luzia de Toledo Prado, e pelas arte-educadoras, as crianças fazem um passeio pelas salas do museu, conhecendo a história de Caraguatatuba, e as exposições em cartaz. Em suas escolas, produzem um trabalho artístico sobre um tema visto na visita, que ficam em exposição no MACC, são julgados por uma comissão e premiados com um golfinho de madeira, símbolo do projeto. (Fonte: Fundacc)

Módulo faz intercâmbio cultural com alunos da Ilha Montão de Trigo

Caraguatatuba - Os alunos de 1ª a 4ª séries do Colégio Módulo estão participando, desde setembro, de um intercâmbio cultural com alunos da Ilha do Montão de Trigo, em São Sebastião. O intercâmbio inclui aulas sobre os habitantes da Ilha e contato por correspondência. Sete alunos da Ilha responderam a 71 cartas dos alunos do Módulo. Esta foi uma maneira de os alunos conhecerem suas diferentes realidades.
O trabalho está sendo coordenado pela professora de Holística, Rosângela Segóbia Silveira, e sua professora do curso de Pedagogia, Benedita Ferreira Salgues. O objetivo, segundo elas é estimular o aluno a valorizar sua própria vida, aceitando e valorizando as diferenças entre as pessoas. “Vivemos num mundo imediatista, que faz com que as crianças se desenvolvam sem conhecer seus verdadeiros valores, como a importância do diálogo e da comunicação entre pessoas diferentes. Com este trabalho, os alunos estão conhecendo valores importantes como os da população da Ilha , que vive mais próxima da natureza”, comentou a professora da Faculdade de Pedagogia.
Alguns alunos já conheceram de perto a população, como Rafael Neves Rocha Junior e seu pai Wirley, que foram visitar os novos amigos e gostaram tanto que pretendem voltar. De acordo com Wirlei Batista Rocha Jr, saber das necessidades dos habitantes da Ilha chamou a sua atenção. "É uma comunidade carente que tem necessidades básicas, mas por outro lado são pessoas felizes, carinhosas e atenciosas. Isso nos faz ter mais vontade de continuar ajudando", disse. Wirley doou uma máquina de costura e roupas que arrecadou numa campanha entre amigos.
Outros alunos do Colégio ficaram sabendo do trabalho e, sensibilizados, fizeram uma campanha para arrecadar alimentos e brinquedos para as crianças da Ilha. A próxima ação será levar um psicólogo para atender a comunidade. “Também faz parte do trabalho estudar a história da Ilha, seus habitantes, a situação econômica, a economia local, entre outros dados”, explica a professora. (Fonte: PMC)

Ademar de Barros Filho visita Secretaria de Educação

Caraguatatuba - O político Ademar de Barros Filho, que esteve em Caraguá na semana passada, assinando um termo de doação de terras no gabinete do prefeito Antonio Carlos da Silva, aproveitou a ocasião para conhecer a sede da Secretaria Municipal de Educação, onde juntamente com o prefeito, a visita foi recepcionada pela Secretária Roseli Morilla Baptista dos Santos. Após assistir ao vídeo institucional que mostra as ações da Educação, bem como as obras sociais da Administração Municipal, Barros Filho conheceu todos os setores da SME e pôde conferir o resultado de vários projetos realizados nas unidades escolares por meio das exposições dos trabalhos feitos por alunos de todas as unidades da Prefeitura de Caraguá.
Doação de área - Caraguatatuba recebeu na última semana a visita do político e empresário Ademar de Barros Filho, que na ocasião oficializou a doação de terras para o município. Segundo ele, essa doação visa contribuir na melhoria da qualidade de vida para a população que reside na região sul.
As terras, antes pertencentes à Fazenda de Cacau da Lacta e agora de sua propriedade têm um total de 121 mil metros quadrados e o valor do metro quadrado está estimado em R$20. "Essas áreas poderão abrigar projetos sociais, de saúde, de educação e esportes, além de melhorar acessos com vias públicas, que o prefeito Antonio Carlos vai fazer", disse Barros Filho. Segundo ele, existe uma parceria com a cidade que vem de longa data, desde a época de seu pai.
Durante a assinatura do termo de doação, que aconteceu no gabinete do prefeito Antonio Carlos da Silva, ele agradeceu a doação, lembrando que a família do político tem história em Caraguá e que, mais uma vez, está contribuindo para o desenvolvimento da cidade. "Ele já tinha nos cedido a área onde está instalado o Ciefi do Travessão, e agora, com as novas áreas doadas, vamos instalar um distrito industrial não poluente, que vai gerar empregos em nosso município", afirmou o prefeito.
O advogado Roberto Celeste, assessor de Barros Filho, lembrou também que em 1968, foi concedido o Título de Cidadão Caraguatatubense, aprovado pela Câmara Municipal da época, a Ademar de Barros Filho. "O importante é que mesmo 30 anos depois, Ademar continua provando que é cidadão de Caraguá", falou.
O prefeito Antonio Carlos ressaltou a importância de se resgatar um passado, para que exista o futuro. "Temos sempre que nos fortalecer através da memória". (Fonte: PMC)

Madalena vai ao MP contra Prefeitura
Derrubada de árvores na Martin de Sá gerou protesto da Parlamentar

Caraguatatuba - A Vereadora Madalena Fachini (PSB), da Câmara Municipal de Caraguatatuba deu entrada no Ministério Público com uma queixa, sobre a derrubada indiscriminada de árvores na praia de Martin de Sá. Para a Vereadora um crime ambiental em alto grau foi cometido, em nome das obras de reforma e ampliação no local.
A praia de Martin de Sá é a mais famosa da cidade, pois atrai vários segmentos da Sociedade nos 3 períodos do dia, tornando-se um ponto de encontro a qualquer hora. Atualmente a praia sofre uma grande obra de reforma e ampliação na malha viária, com a execução de estacionamentos, ciclovia e calçadão.
A reclamação da Vereadora se bate principalmente a falta de respeito ao Meio Ambiente em relação a obra, pois houve a derrubada de todas as árvores que ornamentavam a orla marítima. “Algumas árvores ali tinham mais de 30 anos e por causa da obra foram derrubadas, ao invés de retiradas e replantadas em outro lugar. Não sou contra a obra, mas poderiam ter procedido de outra maneira”, disse.
Na Polícia Ambiental a Vereadora descobriu que não houve pedido formal e que o mesmo não teria obrigação, bem como que a entidade desconhecia o fato, pois não se tratava de espécie nativa ou em extinção. O desconhecimento do fato chegou até a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, pois o servidor público especializado neste caso ficou sabendo do assunto através da Parlamentar. Segundo a Vereadora, o caso é mais específico, necessitando de providências por parte do Ministério Público. “Estas árvores compõe o Patrimônio Público da praia e não poderiam ser derrubadas, retiradas e transplantadas no máximo, mas nunca derrubadas”, frisou.
A Vereadora argumenta que as opiniões no local estavam divididas devido a ação da Prefeitura, que teve ordem direta do Prefeito Antonio Carlos da Silva (PSDB). “Comerciantes e moradores estão divididos, agora o pior foi ouvir de alguns que as árvores escondiam marginais. Este é o fim da picada”, relata. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Câmara participa do Inter Secretarias
Participação do Legislativo resultou em boas colocações no futebol e truco

Caraguatatuba - A Câmara Municipal de Caraguatatuba participou na última semana do torneio Inter Secretarias, promovido pela Prefeitura Municipal. Foram jogos em diversas modalidades e categorias e ao final o Legislativo mostrou estar afinado com o esporte.
O Parlamento Municipal de Caraguatatuba participou com o time de Futebol de Salão feminino e masculino, além do truco. Os jogos foram realizados no Centro Esportivo Municipal Ubaldo Gonçalves (Cemug), durante a semana e finais de semana, nos períodos diurno e noturno.
Ao final a Câmara conseguiu o 4º lugar no Futebol de Salão feminino e sagrou-se campeão no masculino. Outra grande vitória foi no truco, com a dupla Marcelo Pereira e Cláudio Porazza, respectivamente assessores dos Vereadores Aureliano Gonçalves Pereira – AG Pereira (PTB) e Celso Pereira – Celsinho (PSDB). Outro destaque na atuação da Câmara no torneio foi a funcionária Roselaine Santos, artilheira feminina da Câmara, com 6 gols. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Notícias de Ilhabela Topo



Ilhabela aprova a operação 'fecha-bar'

Câmara restringe funcionamento de estabelecimentos após as 23h em bairros periféricos da cidade

Ilhabela - A Câmara de Ilhabela aprovou anteontem o projeto que prevê o fechamento de bares após as 23h. A proposta, de autoria da vereadora Maria das Graças Ferreira dos Santos Souza (PSDB), atinge 11 bairros considerados periféricos.
A medida, que visa reduzir a violência, foi acolhida por nove votos a um --três vereadores não participaram da votação.
Segundo o projeto, durante os dias da semana os bares poderão funcionar no período entre 6h e 23h. Nos sábados, domingos e dias que antecedem os feriados, o horário de fechamento será 'esticado' até 1h.
A lei é válida para os bairros Barra Velha, Água Branca, Perequê, Green Park, Cocaia, Bexiga, Itaguassú, Costa Bela, Itaquanduba, Morro do Cemitério e Reino.
"O fechamento dos bares vai garantir mais segurança aos moradores. Com a lei, a polícia poderá controlar o horário de funcionamento dos estabelecimentos", disse Maria das Graças.
A vereadora afirmou que o projeto não cria uma discriminação devido aos bares serem das regiões carentes.
"O funcionamento de bares após 23h não gera nada de positivo para a sociedade", disse.
SANÇÃO- O prefeito Manoel Marcos (PTB) afirmou ser favorável a lei, que deve ser sancionada nos próximos dias.
"O município vai ganhar mais segurança pois a maioria das ocorrências acontece após o horário (23h) e nas imediações dos bares. Os próprios donos podem ser vítimas de assaltos", disse.
Para o presidente da Associação Comercial de Industrial de Ilhabela, Marcelo Antônio de Freitas Carlos, o horário de fechamento não prejudica o comércio, pois os bares estariam localizados fora da área comercial.
O vereador José Pereira Brandão (PSDB) disse que o projeto gera uma discriminação com a população carente. "A lei deveria ser para todos os estabelecimentos e não apenas aos moradores das regiões periféricas."
Para Brandão o fechamento dos bares não vai ajudar na redução da violência. "Para controlar a violência é preciso mais policiais nas ruas." (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

ONGs contestam mudança no zoneamento
Ambientalistas recorrem à Justiça para revogar leis que disciplinam uso do solo em São Sebastião

São Sebastião - Representantes de associações e ONGs (Organização Não-Governamentais) de São Sebastião planejam ingressar com um mandado de segurança contra a Câmara para tentar anular dois projetos que modificam a lei de uso e ocupação do solo nas regiões sul e central.
O grupo pede a revogação das leis que já foram sancionadas pelo prefeito Paulo Julião (PSDB). Ontem, a sessão do Legislativo foi marcada por protestos. Os ambientalistas se posicionavam contra as propostas e os empresários também fizeram um ato em favor da mudança.
Os projetos são de autoria do presidente da Câmara, Marcos Leopoldino (PTB). Um das propostas autoriza a instalação de postos de combustíveis, oficinas mecânicas e similares na rodovia Rio-Santos entre os bairros Praia Deserta e São Francisco.
Na costa sul, a área de construção do bairro Paúba reduziu de 600 metros quadrados para 400 metros quadrados e do Costão do Guaecá até a Praia Preta de 5.000 metros quadrados para 600 metros quadrados.
O presidente da Federação Pró-Costa Atlântica, Téo Balieiro, disse que os projetos prejudicam o meio ambiente. O caso deve ser encaminhado ao Ministério Público nos próximos dias.
"A solução seria a anulação dos projetos que foram aprovados e sancionados sem uma discussão com os moradores", disse.
O comerciante Paulo Batista da Costa afirmou que a instalação de novos estabelecimentos vai melhorar a qualidade dos serviços oferecidos.
"Haverá investimentos e a população será beneficiada com a livre concorrência", disse.
A assessoria de imprensa da prefeitura informou que a possível revogação da lei só poderia partir do Legislativo e não do prefeito Paulo Julião.
O ValeParaibano entrou em contato durante dois dias consecutivos com o vereador Marcos Leopoldino na Câmara, assessoria de imprensa e celular, mas ele não retornou às ligações da reportagem. (Fonte: PMSS)

Sessão da Câmara de São Sebastião virou bagunça

São Sebastião - A sessão da Câmara Municipal, ontem à tarde, acabou virando caso de polícia. Logo após o encerramento, por volta das 19h30, a ex-representante do Voto Consciente, Cláudia Wczassek, moradora do Portal da Olaria, registrou um boletim de ocorrência por “calúnia” contra o vereador Carlos Antônio de Souza Borba (PMDB), no 1º DP.
Os dois tiveram uma ríspida discussão no pátio interno da Câmara. Minutos antes, Borba havia feito um discurso na tribuna, no qual - no entender de Cláudia - teria ofendido a moradora. “No Portal da Olaria terreno não é barato, em média R$ 50 mil. Uma moradora me disse que o bairro não era para pobre. O pobre tem dignidade e alcançará o reino dos céus.
Logo quando meu projeto foi rejeitado, essa moradora saiu comemorando na rua e fez rever meus conceitos sobre ela. Se existe pobre hoje é por culpa de alguns poderosos”, declarou o vereador.
Ainda durante seu discurso, Carlos Borba foi interrompido por Cláudia Wczassek, que assistia à sessão. “Não falei nada disso”, enfatizou a moradora. Ao deixar a tribuna, já do lado de fora do plenário, Borba e Cláudia trocaram acusações.
Indignada, ela foi à delegacia e registrou o boletim de ocorrência.
Na semana passada, um projeto de autoria do vereador, que tratava do parcelamento do solo no Portal da Olaria, foi rejeitado por maioria de votos. Carlos Borba e a moradora Cláudia Wczassek haviam se falado antes da votação.
Ontem à noite, Carlos Borba garantiu que nesta conversa a ex-representante do Voto Consciente se manifestou de forma preconceituosa. “Não houve calúnia ou difamação de minha parte. O que ela falou para mim é que com o desmembramento previsto no meu projeto iria morar pobre no bairro. Hoje (ontem), depois da Tribuna, ela é que veio me agredir, me chamando de ignorante”, defendeu o vereador.
Cláudia Wczassek, que é filiada ao PV, negou qualquer tipo de preconceito. “Faz oito anos que freqüento esta Casa em toda sessão. Nunca fiz distinção de ninguém. Não sou racista. Só que a gente luta para ter um terreno e o vereador apresenta um projeto para oficializar imóveis irregulares”.
Segundo ela, algumas pessoas compram um terreno e constroem duas casas, o que não é permitido no bairro. Para a moradora, a proposta beneficiaria proprietários de imóveis irregulares. Borba se defende e diz que as casas existentes tiveram projeto aprovado na prefeitura.
Caso o projeto de lei complementar 007/2003 fosse aprovado, o loteamento Mirante da Olaria teria autorização para desmembramento. Conforme o artigo 1º, o objetivo era autorizar a ocupação do terreno por mais de uma unidade residencial, na forma de construção individual, geminada ou condomínio.
No dia 29 de outubro, quando a proposta foi votada e rejeitada, alguns vereadores criticaram a iniciativa. Um abaixo-assinado com 109 assinaturas também foi apresentado à Câmara. (Fonte: Imprensa Livre)

Vereadores querem evitar loteamento em área de proteção

São Sebastião - Desde a polêmica aprovação em regime de urgência do projeto de lei complementar 016/2003, no dia 14 de outubro, alterando parte da Lei de Uso e Ocupação do Solo no município, uma área de proteção ambiental passou ter permissão para loteamento. Trata-se da área conhecida como Costão do Guaecá.
O artigo 2º do projeto 016/2003, que virou a lei 039/2003, altera a “zona de proteção” para “zona de média restrição” a área localizada entre a SP-55 e a encosta, da Prainha Preta ao Guaecá. A principal mudança é a redução do lote mínimo permitido de 5 mil m² para 600 m².
Além disso, a taxa de ocupação sobe para 30% e a área pode ter aproveitamento de 60% podendo ser utilizada para residências e estabelecimentos comerciais.
O artigo 1º muda a “zona de média restrição” para “zona de baixa restrição” a área que se inicia no Rio Paúba e vai até a cota 40 em ângulo 90º, seguindo sentido sul até encontrar a SP-55. Trata-se da diminuição do tamanho mínimo de lote de 600 m² para 400m², no bairro Paúba.
Ontem à noite, os vereadores Marco Antônio de Souza, Marcos Fuly, José Luiz Ribeiro, Joel de Matos, Ronaldo Lourenço e Dalton José da Silva apresentaram o projeto de lei complementar para a tirar o Costão do Guaecá dos efeitos da lei 039/2003. Para isso, a redação do artigo 2º foi alterada.
A área volta a ser ZP (Zona de Proteção) e não mais ZMR (Zona de Média Restrição). Em entrevista no mês passado, o prefeito Paulo Julião relatou que mesmo com a nova lei não haveria risco de problemas ambientais no local em razão da existência de outras regulamentações.
Novo protesto - Ontem à noite, a sessão da Câmara de São Sebastião, foi marcada por um novo protesto. Desta vez, moradores com faixas e cartazes com mensagens favoráveis aos projetos de alteração da Lei de Uso do Solo, aprovados com urgência no mês de outubro. Na semana passada, representantes da sociedade civil organizada fizeram um manifesto contra os vereadores que votaram a favor das mudanças na lei sem consulta pública.
O empresário Paulo Contesini, que participou do protesto de ontem, disse que é a favor da lei 038/2003, que autoriza a instalação de postos, garagens, mecânicas, entre outras atividades, da região central a Costa Norte. “Vim para dar apoio, pois existem pessoas interessadas em novos empreendimentos. A reserva de mercado que estão querendo não é saudável”, declarou.
Já o pescador Ubiracy Guilherme da Silva afirmou que sua participação no protesto foi por mais emprego. Ele chegou a ser retirado do plenário pela polícia por tumultuar à sessão. A Associação dos Empreiteiros de Obras também mostrou faixas a favor das mudanças. (Fonte: Imprensa Livre)

São Sebastião apresenta sistema de coleta seletiva ao Cone Leste

São Sebastião - Cerca de 50 pessoas, entre representantes do 38 municípios do Cone Leste Paulista, comparecem ontem ao seminário “Reciclar Vale”, no Teatro Municipal de São Sebastião.
Também compareceram membros da Coopersuss (Cooperativa de Triagem de Sucata União de São Sebastião). O evento foi promovido pela prefeitura e pela Caixa Econômica Federal.
O gerente da agência da Caixa, em São Sebastião, Ivan Sumner de Oliveira, afirmou que “Recicla Vale” é um programa da Caixa, que visa incentivar a troca de experiências entres os municípios para a coleta seletiva.
O prefeito de São Sebastião, Paulo Julião, lembrou que além do benefício ao meio ambiente, a coleta seletiva é importante para a geração de renda familiar, por meio da comercialização.
A bióloga Christiane Cruz Silva de Moraes, educadora ambiental da prefeitura, expôs o processo que envolve a coleta seletiva na cidade e o tratamento mecânico-biológico, no depósito da Baleia, na Costa Sul. A coleta seletiva em São Sebastião teve início há mais de 14 anos.
Segundo ela, são recolhidas 80 toneladas de lixo por dia na cidade. O volume chega a 270 toneladas/dia em época de alta temporada. Em termos de sucata (nome adotado para o material reciclável), são coletadas 12 toneladas/dia e 23 toneladas na temporada.
Pilhas, pneus e lâmpadas fluorescentes são enviados para empresas no Vale do Paraíba. Baterias de telefones celulares ficam sob responsabilidade das revendedoras, conforme preconiza lei municipal.
O diretor de Meio Ambiente da Prefeitura de São Sebastião, Nivaldo Simões, que também proferiu palestra, disse que no país não existe cidade com coleta seletiva em todos os bairros, como ocorre em São Sebastião.
A prefeitura discute o planejamento para melhorar as práticas de reutilização, minimização e reaproveitamento do lixo, em 2004. “A cidade de São Paulo entra no mercado de sucata, podemos não mais conseguir escoar nosso produto”, disse Simões.
O diretor lembrou que o Brasil é campeão mundial em reaproveitamento de latinhas de alumínio, “o que é bom em termos”. Segundo ele, na Dinamarca, por exemplo, é proibido fabricar recipientes de alumínio. “As indústrias são obrigadas a produzir embalagens retornáveis”.
Ele também afirmou que na Europa, as indústrias são responsáveis pelo recolhimento e destino final das embalagens que fabricam. “Na Europa, o consumidor paga pelo lixo que gera, e não pela sucata que devolve”.
Nivaldo Simões criticou o fato do Brasil não prever em projeto que dispõe sobre a Política de Resíduos Sólidos, responsabilidades sobre os produtores de embalagens. “Isto contradiz a tendência mundial; hoje o poder municipal é responsável pelo lixo.
Uma das idéias da prefeitura de São Sebastião é beneficiar o morador que separa os resíduos para a coleta adequada. Isto poderá ser feito estabelecendo taxas para quem não colabora com a coleta seletiva.
Estudos revelaram que a produção de lixo na cidade não acompanha o crescimento demográfico. Enquanto a população cresce até 7% ao ano, o volume de lixo apresenta queda. Isto se deve a várias pessoas e donos depósitos de sucata, que coletam recicláveis pelas ruas a fim de gerar renda. Alguns supermercados não mais dispõem recicláveis para a coleta pública. “A Coopersuss terá de rever estratégias para competir com este mercado”.
Simões contou que estão surgindo serviços para lavagem de sucata porque recipientes limpos são mais caros. Um vidro sujo, por exemplo, custa apenas um centavo.
Saco de plástico fino é um grande problema porque chega ao aterro da Baleia contaminado pelo lixo, não podendo ser reaproveitado. Estes sacos, em geral de supermercado, são amplamente usados pelos moradores para armazenar lixo. Em São Sebastião, 10% do lixo coletado é formado por estes saquinhos, o que representa enorme volume.
Ainda há muita sucata no depósito de lixo, e muito lixo, nos dois centros de triagem de sucata cidade. Restos de alimentos, podas e plástico representam 50% do lixo coletado. Entre as metas de 2004, a minimização da produção deve começar pela sacola plástica.
Nivaldo Simões acentuou o grande número de pessoas pelas ruas, mexendo em sacos de lixo. “Tiramos os catadores do antigo lixão, agora trabalham pelas ruas; isto mostra a realidade no país”, ele finalizou. (Fonte: Imprensa Livre)

II Fest Art começa na Costa Norte

São Sebastião - Teve início ontem, dia 4, na Escola Municipal do Canto do Mar, costa norte de São Sebastião, o II Festival de Teatro Estudantil (Fest´Art), formado por estudantes do município e por integrantes da comunidade escolar, que prosseguirá até o dia 13 de novembro. Cerca de dois mil alunos participarão do evento e as apresentações serão realizadas em duas etapas. Haverá uma seleção regional na Costa Norte (rua do Parque, 30) até hoje; nos dias 06 e 07, as apresentações dos grupos do Centro acontecem na E.M. Henrique Botelho (Rua Caraguatatuba, 203), e nos dia 10 e 11, os grupos da costa sul se apresentam na Praça do Pôr do Sol, em Boiçucanga. Nas apresentações, que acontecem sempre das 09h às 22h30, serão selecionados os melhores grupos de cada região (costa norte, costa sul e centro) nas categorias infantil, infanto-juvenil e adulta. As peças selecionadas irão participar da Seleção Final, que acontece nos dias 12 e 13 de novembro, no Teatro Municipal, que fica na avenida Altino Arantes, Centro. (Fonte: PMSS)

Notícias de Ubatuba Topo

Marcenaria e Carpintaria Progresso Jornal A Semana Pousada Maranduba

SETUR presta contas e apresenta projeto para o verão 2003/2004
Secretário Sérgio Carvalho presta contas e apresenta ações a serem implantadas para a temporada de verão

Ubatuba - O secretário de turismo, Sérgio Carvalho, apresentou ontem para um público de mais de 150 empresários no hotel Recanto das Toninhas um balanço do que foi realizado pela SETUR até o momento. Entre as conquistas estão as oficinas de turismo, a capacitação profissional de pessoas das comunidades locais, parcerias e investimentos para o município.
Carvalho também informou que estaria assumindo a COMTUR, em caráter de urgência, para viabilizar e sanear a empresa, para que ela possa ser um braço executivo da SETUR. "Não será uma tarefa fácil, mas aceitei este desafio para que possamos dar continuidade nos projetos que visam a revitalização da economia do município", declarou o secretário.
O evento também serviu para a apresentação do site da SETUR - www.setur.com.br  - que apresenta várias informações relativas ao turismo, assim como informações da própria secretaria, conquistas, metas e realizações. O secretário informaou que o domínio "www.setur.com.br" foi gentilmente cedido pelo empresário Josias Saboia (Jija), do site www.ubatubasp.com.br para utilização pela secretaria de turismo. O site, ainda em fase de finalização, receberá mudanças sugeridas pela própria comunidade e empresários visando seu aperfeiçoamento.
A empresa TGI Produções e Eventos apresentou através de seu diretor, Vinícius Vasconcellos, um projeto para o verão 2003/2004, assim como um calendário de eventos para todo o ano de 2004. É um projeto ambicioso que visa atrair investimentos do setor privado, atraindo também um público qualitativo, melhorando com isto a qualidade do turismo do município.
A grande maioria dos empresários presentes aprovou o projeto e acreditam que com o comprometimento de todos as ações têm tudo para dar certo.
Lamentou-se somente a ausência dos demais secretários municipais, assim com representantes da câmara municipal, prefeitura e demais segmentos de relevante importância para o município, todos devidamente convidados para o evento. (Fonte: Litoral Virtual)

Ubatuba acusa empreiteiras do DER de demolir guia e sarjeta

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba acusa as empreiteiras do DER (Departamento de Estradas de Rodagem) de terem demolido as guias, canteiros e sarjetas e de destruírem a arborização da rodovia Rio-Santos no trecho da praia Grande. As melhorias foram implantadas pela prefeitura durante uma obra de pavimentação.
No local, uma obra de recuperação e duplicação está sendo realizada pelo Estado desde abril.
Segundo o secretário de Obras de Ubatuba, Jeriel Silva Rocha, com a retirada das melhorias houve uma duplicação da pista dificultando a travessia de pedestres. As guias e canteiros separavam a pista das duas marginais, que ficam ao lado da rodovia.
"Não estamos contra as obras. Mas, é necessário uma mudança pois o pedestre terá que atravessar quatro faixas sem nenhuma segurança", disse.
Rocha afirmou que no local não existe sinalização para pedestres e motoristas como cones, placas e faixas.
A assessoria de imprensa do DER (Departamento de Estradas de Rodagem) informou ontem que desconhece que tenha ocorrido alguma interferência no trecho apontado pela prefeitura.
O DER informou também que a obra está sendo feita apenas nas áreas pertencentes ao órgão como a pista e acostamento. A entrega da obra no trecho está marcada para junho de 2004.
A Prefeitura de Ubatuba também reivindica que o prazo de entrega das obras fosse reduzido, em razão da temporada de verão, para evitar congestionamentos no local. O DER informou que não há como diminuir o cronograma da obra. (Fonte: ValeParaibano)

Cadastramento para natação

Ubatuba - A Secretaria de Esportes e Lazer da Prefeitura de Ubatuba comunica que entre os dias 24 e 28 de novembro estará realizando o cadastramento de crianças nascidas entre 1993 e 1997 para se habilitarem as vagas para 2004 na Escola Municipal de Natação. O cadastro deverá ser feito na Secretaria da Piscina Municipal, de 2a a 6a feira, das 8h00 às 12h00 e das 14h00 ás 189h00. Informações complementares poderão ser obtidas pelo telefone 3832. 4261. (Fonte: ACS-PMU)

Ponte ganha passarela para pedestre

Ubatuba - A ponte sobre o Rio Grande, de acesso ao bairro do Perequê-Açu, em Ubatuba, contará em breve com uma passarela lateral para pedestre. Com 105 m de extensão e 1,20 m de largura será construída em estrutura metálica e concreto. Vai permitir que o espaço dividido atualmente entre pedestre e bicicleta na ponte existente seja utilizado apenas por ciclistas. “ Estamos dando continuidade a ciclovia da avenida 9 de julho e Iperoig em direção ao Perequê-Açu. Com este projeto, estamos separando o pedestre do ciclista garantindo mais segurança para ambos”, afirma Jeriel Rocha, Secretário de Obras. Os serviços terão início nesta terça-feira, 04, e complementam a urbanização das duas avenidas que vem sendo executadas em parceria com o Governo do Estado. A passarela está estimada em R$ 60 mil e deverá estar concluída antes da temporada de verão. Durante e após a construção, o Serviço Municipal de Trânsito - SMT, montará a sinalização adequada para orientar os usuários. (Fonte: ACS-PMU)

Sabesp não sinaliza obra

Ubatuba - Na confluência das ruas Liberdade com Salvador Corrêa um afundamento resultou em uma grande depressão que vem prejudicando o tráfego no local. A Sabesp, de acordo com Jeriel Rocha, Secretário de Obras, além de não concluir os serviços ainda compromete a segurança de veículos e pessoas colocando uma sinalização inadequada. “Não é possível conviver com este tipo de problema que há alguns meses obrigou a Prefeitura a suspender a empreiteira da SABESP e exigir que o pavimento fosse refeito e colocada a sinalização exigida por lei”, diz o secretário. Jeriel informa que já foram realizadas inúmeras reuniões, inclusive com a presença do prefeito Paulo Ramos, exigindo que a estatal colabore com a Prefeitura no sentido de manter as ruas em condições ideais. (Fonte: ACS-PMU)

Bingo para sede no Itamambuca

Ubatuba - O Centro Esportivo e Recreativo Itamambuca - CERE promove neste sábado, 08, a partir das 18h, com apoio da Prefeitura, um bingo beneficente para arrecadar fundos para conclusão de sua sede. Após as 22h a animação fica por conta da banda Parceria do Forró. A entidade atua na assistência a crianças e jovens do bairro e região com a realização de cursos promovidos pela Fundart e atualmente já conta com uma representação da Guarda Mirim. A corporação do bairro deverá apresentar-se durante o evento consolidando mais uma ação da Prefeitura no sentido de orientar os adolescentes. Marcio de Oliveira Neves, presidente do CERE, convida toda a comunidade do Itamambuca e bairros vizinhos para colaborarem para tornar possível a conclusão da obra. Os organizadores estarão montando barracas na sede em construção onde serão servidos salgados, churrasquinho e bebidas. (Fonte: ACS-PMU)

Assembléia geral no Sertão da Quina

Ubatuba - A Sociedade Unidos do Sertão da Quina - SUSQ, convida seus associados e interessados para a Assembléia Geral onde será discutida a mudança de estatuto.
Dia : 17/11/ 2003 - Segunda-feira
Primeira Chamada : 19h00
Segunda Chamada: 19h30
Local: EMEI Tereza dos Santos ( Rua Manoel Gaspar dos Santos, 93 b - Sertão da Quina)
Presidente: Luciana Machado Resende (fone : 3849. 8096 e 3849. 8733). (Fonte: ACS-PMU)

Capacitação para enfrentamento a violência Doméstica e Sexual Contra Criança e Adolescente

Ubatuba - “Panorama Nacional do enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes”- “A importância da Rede de intervenção para casos de violência doméstica e sexual contra crianças e adolescentes “Conceitos de violência doméstica e sexual”- O atendimento específico aos casos de violência doméstica e sexual contra crianças e adolescentes” são os módulos que foram abordados nos dias 03 e 04 de novembro de 2003 na Associação Comercial de Ubatuba. O evento foi realizado pela Fundação Orsa e Pacto de São Paulo com o apoio da Associação Comercial , Prefeitura Municipal e Câmara Municipal de Ubatuba. Dia 03 os palestrante foram Maria Gorete Vasconselos Secretária Executiva da Pacto de São Paulo, psicóloga com especialização na área de violência sexual- CEARES/USP e em psicologia Clínica -ÚNICA/PE e Marcos Valdir Silva - Assistente Social do CEDECA de São José dos Campos e membro do CMDCA de São José. Dia 04 os palestrantes foram Marcelo Moreira Neumann, mestre em psicologia social pela PUC/SP, professor da FAPSS-SCS,consultor do Pacto São Paulo e Presidente do CEPESP e Linda Simone Mallak - coordenadora do programa Respeitar - Fundação ORSA, psicóloga com especialização na área da violência sexual.
A criação ou o fortalecimento da rede de proteção a criança e ao adolescente é o primeiro passo para rompermos como pacto do silêncio. O Estatuto da Criança e do Adolescente Lei 8069/90 foi um marco fundamental , pois deixa de ser objeto de intervenção para ser considerada sujeito de direito com direitos e deveres determinados em lei. Foi dentro desta linha que a SAMU, a Vara da Infância e Juventude a APAE as Secretarias de Educação e Assistência Social de Ubatuba , bem como os Escoteiros , a Casa dos Professores, a OAB, o Colégio TABA, a Polícia Militar, O CMDCA e Conselho Tutelar também de Ubatuba se uniram para promoverem as palestras para maior conhecimento e troca de experiências para a compreensão da violência sexual contra a criança e adolescente, em uma perspectiva multidiciplinar. (Fonte: ACS-PMU)

Investimento na criança e adolescente

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA estão convidando para uma reunião amanhã, quarta-feira, dia 05, às 19 horas, na sala de reunião da Secretaria da Educação abordando as alternativas de investimentos em áreas que visem a promoção da criança e do adolescente no município.
A entidade pode receber recursos das devoluções do Imposto de Renda de pessoa física ou jurídica. As condições para estas aplicações serão detalhadas pelos representantes da Receita Federal que estarão participando do encontro. (Fonte: ACS-PMU)

Defesa Civil organiza plano preventivo

Ubatuba - O monitoramento das áreas de risco quanto a vulnerabilidade do solo quanto aos escorregamentos e deslocamentos de rochas estão entre os temas a serem abordados a partir de amanhã, quarta-feira, 05, durante os cursos promovidos pela Comissão Municipal de Defesa Civil - COMDEC, no auditório da UNITAU. A reunião anual visa preparar a equipe da comissão para o próximo período chuvoso, de 1o de dezembro à 31 de março de 2004, com especial atenção para as previsões metereológicas. A abertura contará com a presença do prefeito em exercício, Moralino Valim Coelho que destaca a importância do trabalho da Defesa Civil bem como a participação de seus membros. Desde sua criação por decretro em 9 de fevereiro de 1976 e após sua reorganização em 1995, o Sistema Estadual de Defesa Civil considerou a participação comunitária imprescindível, pois nenhum governo tem a capacidade de solucionar sózinho os problemas que afetam as comunidades. De acordo com Arly de Oliveira Cruz, Presidente da COMDEC, os cursos serão realizados em dois dias com palestras de técnicos do Instituto de Pesquisas Tecnológicas -IPT, do Instituto Geológico - IG, meteorologistas da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil - CEDEC e demonstrações práticas de ações da equipe municipal da Defesa Civil. (Fonte: ACS-PMU)

Boletim Ubapesc

Ubatuba - Ainda existem vagas para os pescadores interessados em participar do 3º Ubapesc, que acontece nos dias 8 e 9 na praia do Cruzeiro. Para este ano a organização decidiu limitar em 100 o número de duplas participantes, para melhor atender os atletas. As inscrições devem ser feitas até as 16 horas de sexta-feira, dia 7, através do telefone 0xx(12) 3833-7074, sendo que os pescadores de Ubatuba podem se dirigir à sede do CPU, que fica na Rua Paranaense, 366, Estufa 2. Maiores informações também pelo e-mail clubepescaubatuba@yahoo.com.br .
Já confirmaram participação clubes e equipes tradicionais na pesca esportiva, como o CPEVAP, Brasa, Mauá, Papaiz, Marlin , Gaivota, entre outras. Para os pescadores de outras cidades o CPU tem uma relação com opções de hospedagem. A organização lembra que o sorteio dos boxes terá início às 11 horas de sábado, dia 8. A realização do 3º Ubapesc é do C. P. U - Clube de Pesca de Ubatuba, direção CBPDS – Confederação de Pesca e Desportos Subaquático, fiscalização FPPL – Federação Paulista de Pesca e Lançamento e a arbitragem da CNA – Comissão Nacional de Árbitros.

Crônica Topo

Um jornalista sai a campo
Sidney Borges

Sempre que converso com os meus ex-colegas de trabalho, sejam eles jornalistas ou professores, sou visto como alguém que realizou um sonho quase impossível para a maioria. Abandonar a cidade, os congestionamentos, a ameaça de desemprego, a violência, e morar num lugar calmo e bucólico, cercado pela natureza. Após uma série de desencontros filosóficos com os patrões, em São Paulo, resolvi mudar de vida, radicalmente. Estou morando quase dentro da mata atlântica, em Ubatuba, onde escrevo muito, dou aulas de física, e observo a natureza. Esta atividade primordialmente. A vida no campo tem um lado que não é imaginado pelos urbanos. Enquanto vivia em São Paulo, jamais haveria de pensar que um dia, minha primeira tarefa de uma sexta-feira, seria convidar uma carinana de pouco mais de um metro a retirar-se do jardim. Devo confessar que a gentil criatura não fez qualquer tipo de oposição e foi-se embora, luzidia e brilhante, como chegou. Para os radicalmente urbanos, devo informar que carinanas são cobras, não venenosas. Depois do entrevero ofídico fui fazer a barba e tomar banho. Quando já estava saindo de casa, tratei de soltar a Mamãe Noel, que como sempre estava presa em minha sala, esperando ser liberada para cumprir sua agenda lotada de afazeres. Penso que ela sabe que será solta por mim, tantas vezes isso já aconteceu. Mamãe Noel é o apelido de uma fêmea de sabiá, que vem alimentar os filhotes, que está criando dentro do sifão da lareira. O ninho, construído no alto da chaminé, cedeu, ficando os pequeninos presos no fundo da lareira, que é separado da parte frontal por uma laje inclinada a quarenta e cinco graus. Na parte superior da laje há uma abertura de uns vinte centímetros, por onde a fumaça passa, curvando-se, antes de sair, através da chaminé. A princípio, pensei que os filhotes iriam morrer, passei uma noite difícil pensando em uma forma de resgatá-los. Não encontrei solução. Seria preciso remover alguns tijolos, não havia outro jeito. Na manhã seguinte, já decidido a chamar o pedreiro, fui alertado pela empregada. Ao chegar, ela encontrou um pássaro grande, preso na sala. O pássaro estava encurralado em uma prateleira, onde se encontrava a coleção de miniaturas de cerâmica do mestre Vitalino. Desnecessário dizer que ao agitar as asas o pobre e aterrorizado animal transformou as obras de arte em quase farelo. Com cuidado e um saco plástico, capturei o intruso e o soltei. Antes de sair para o trabalho, examinei a lareira. Estava silenciosa, como sempre fica quando não está acesa. Não havia sinal dos filhotes barulhentos do dia anterior, data do desmoronamento. Pensei que tivessem morrido. Naquela tarde, ao retornar, tive outra surpresa. Encostado numa parede de vidro, um pássaro debatia-se tentando encontrar a saída. Era grande. Tive a impressão de já tê-lo visto. Repetiu-se a cena do saco plástico, soltei o bicho que voou para a mata. Só então me dei conta que não havia como esse pássaro estar dentro de casa. A não ser que tivesse entrado pela chaminé, e chegado à sala pela abertura do sifão da lareira. Finalmente tudo estava claro. Aquela era a mãe dos pimpolhos barulhentos, que fazia esse caminho tortuoso para alimentar os filhotes. Depois que cumpria a obrigação, saía da lareira e ficava presa naquele lugar tão estranho. Ela entrava, como se fosse Papai Noel e acabava na minha sala. Para ela, era um lugar misterioso, cheio de paredes que deixavam passar a luz, mas impediam-na de voar para a floresta. Depois de algumas ajudas de minha parte, ela já nem faz menção de fugir quando me aproximo, inclusive tomei a liberdade de acariciar a sua cabecinha cheia de responsabilidades. Ela fechou os olhinhos de satisfação. Dessa forma estamos criando uma família de sabiás, dos quais me considero padrinho, desde o dia em que o ninho caiu. Preciso terminar logo este texto, minha mulher está dizendo que tem uma perereca no box do chuveiro. Onde está o saco plástico?

Sidney Borges

Carta do Leitor Topo

-


Lei de Uso do Solo de Ubatuba

Aproveitando a discussão sobre o Projeto de Lei de Uso do Solo de Ubatuba, estamos disponibilizando na íntegra o material para que nossos leitores possam conhecer, discutir, sugerir e opinar sobre este assunto que norteará o futuro de Ubatuba.

Projeto de Lei de Uso do Solo de Ubatuba
Clique Aqui para acessar

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Praia do Bonete - Ubatuba

Praia do Bonete
©2003 Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

Gaivota FM
Participe você também com seu comentário, crítica ou sugestão no programa
Estação Ubatuba c/ Tony Luiz
De segunda a sexta das 12 as 14 hs na Gaivota FM 104.9
Sempre com entrevistados diários e variados, falando sobre todos os temas
Ligue 3833.5550


 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


Marcos Borges da Silva - artista plástico Free Wallpaper

As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:

Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor