Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Quinta-feira, 08 de janeiro de 2004 - Nº 945 Edições Anteriores

Barra da Lagoa Porto das Artes BIL

Região
Chuva muda lazer de turista no litoral
Tempo continua ruim hoje, diz previsão
Oito praias da região estão poluídas por esgoto
Presidente da Cetesb visitará a região


Caraguatatuba
Caraguá recebe até o final do mês o ‘Interior na Praia’
Fogos marcam o Réveillon de Caraguá
Acaju promove canoagem ecológica no Rio Juqueriquerê
Aulas abertas são opções em Caraguá
Caraguá resgata a música nos coretos
Começa recreação esportiva nas praias de Caraguá
BR'OZ quer mostrar valor


Ilhabela
Presa mulher de fazendeiro assassinado em Ilhabela
Casal já esteve envolvido em polêmica
Cobrança de tarifa na travessia de lancha começa na próxima semana
Em Ilhabela, cartões do SUS serão distribuídos a partir de hoje 


São Sebastião
Cebimar prorroga data de inscrição para concurso

Ubatuba
Nesta sexta-feira tem banda Lira Padre Anchieta
Feira Livre em Ubatuba tem nutricionista
Prefeitura de Ubatuba incentiva produção de hortaliças
Alunos da Estufa II têm trabalhos expostos na Prefeitura
Ubatuba recebe 213 crianças do Programa Caravana do Conhecimento
Um escritor apaixonado pelo mar
Jogos Para Olímpicos prometem movimentar a região

Seções
Artigo
Carta do Leitor
Foto do Dia



Notícias da Região Topo

Chuva muda lazer de turista no litoral
Restaurantes e shoppings têm movimento intenso; tempo ruim deve continuar até amanhã, diz previsão

Litoral Norte - O mau tempo obrigou o turista a procurar outras opções de lazer, além da praia, ontem no Litoral Norte. Restaurantes, shoppings e casas de jogos eletrônicos 'comemoraram' a chuvinha fraca que caiu durante todo o dia e registraram movimento intenso desde cedo.
O turista vai precisar de criatividade para estender hoje o seu lazer fora da praia. Segundo a previsão, o tempo deve continuar ruim até amanhã, com muita nebulosidade, chuva fraca e temperaturas mais amenas (leia texto nesta página).
A estudante Natália Domingues, 17 anos, de São Paulo, disse que foi para o shopping ontem à tarde devido ao tempo ruim. "O shopping é uma boa opção para o dia de chuva pois podemos passear nas lojas. Também aproveito para assistir televisão e jogar baralho com meus amigos", disse.
A estudante Carolina Costa, 17 anos, também de São Paulo, afirmou que, além do shopping, as feiras de artesanatos são uma boa opção para o dia chuvoso. "Para distrair, vou à feira e fico conversando com meus amigos no calçadão da cidade", disse.
A desempregada Maria Ribeiro, 37 anos, de Itaquera (SP), afirmou que aproveitou o dia de ontem para descansar. "Como vou passar mais dias na cidade, fiquei dormindo para depois sair de casa", disse.
Para a estudante Maria Flávia Macarini, 14 anos, de Presidente Prudente (SP), a Lan House (casa de jogos em computador) é uma boa opção para o dia de chuva.
"Gosto de ir às casas pois, além de passar o tempo, posso ficar na internet conversando com as pessoas", disse Maria Flávia.
Já sua tia, Cristina Macarini, 38 anos, de Campinas (SP), prefere os bares e uma boa leitura em casa.
ÁGUA FRIA - Nas praias, os turistas trocaram o mar pelos quiosques e pela areia. Na Martin de Sá, apenas os mais corajosos entraram na água gelada.
A professora aposentada Tania Mara Valente, 56 anos, e seu marido, o médico Ademur Valente, 62 anos, de Campinas, se arriscaram a ir à praia Martin de Sá ontem mas ficaram só na areia.
"Não deixo de ir à praia por causa do mau tempo, apenas se tiver muita chuva. Fico na areia vendo as pessoas e a paisagem", disse a professora.
MOVIMENTO - Segundo o gerente de marketing do Caraguá Praia Shopping, Marcos Roberto Nardi, em dias de chuva, o movimento começa mais cedo.
"Quando o tempo não é favorável para a praia, o movimento começa a partir do meio-dia. Ao contrário dos dias com sol, que tem um público das 10h às 12h e depois às 17h", disse.
O proprietário do restaurante Tapera Branca, Mário Paulo Garcia, disse que, nos dias chuvosos, o movimento é concentrado no período das 13h às 15h.
"O movimento é maior na hora do almoço pois as pessoas vêm direto para o restaurante. Com sol, o turista acaba comendo na praia", disse Garcia. (Fonte: ValeParaibano)

Tempo continua ruim hoje, diz previsão

Litoral Norte - A chuva não deve dar trégua ao turista hoje no Litoral Norte. Assim como ontem, o tempo deve ficar nublado com períodos de chuva durante o dia, segundo o Cptec (Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos) de Cachoeira Paulista.
Áreas de instabilidade estariam provocando as chuvas, de acordo com o órgão.
Desde o primeiro dia do ano, o tempo no litoral está com muita nebulosidade e pontos de chuva.
O Cptec informou que o céu hoje estará com muitas nuvens e, devido à chuva, as temperaturas estarão em ligeiro declínio. Ontem, a máxima em toda a região foi de 30ºC e, para hoje, a previsão é de 29ºC.
O tempo também deve ficar chuvoso no Vale do Paraíba e Serra da Mantiqueira. A chuva deve permanecer em toda a região amanhã e sexta.
Mesmo com a previsão de chuva, a temperatura máxima no litoral deve chegar a 28ºC e a mínima, a 21ºC. No Vale, a máxima será de 29ºC e a mínima, de 22ºC. Na Serra da Mantiqueira, as temperaturas devem oscilar entre 14ºC e 23ºC. (Fonte: ValeParaibano)

Oito praias da região estão poluídas por esgoto

Litoral Norte - Oito praias da região estão poluídas por esgoto, conforme boletim da Cetesb (Companhia Estadual de Tecnologia de Saneamento Ambiental), divulgado ontem. É o mesmo número do boletim anterior, mas em Caraguatatuba saiu da lista negra a praia de Martim de Sá e entrou a do Centro, conti- nuando imprópria a praia do Porto Novo. Em Ubatuba, continuam poluídas as praias do Itaguá e Perequê Mirim. 
Em São Sebastião continua poluída a praia do Porto Grande e voltam ao rol das impróprias as praias de São Francisco e Pontal da Cruz. Em Ilhabela, deixaram a lista as praias do Perequê, Portinho e Grande, mantendo-se poluída a praia do Pinto.
A Cetesb monitora 23 praias de Ubatuba, 12 em Caraguatatuba, 24 em São Sebastião e 11 em Ilhabela, mantendo atenção especial nas que apresentam variação no nível de balneabilidade ou que são mais freqüentadas por banhistas. Os banhistas devem evitar, sempre, ficar próximos a cursos d’água que deságuam no mar, porque podem apresentar altas concentrações de agentes nocivos à saúde. (Fonte: Imprensa Livre)

Presidente da Cetesb visitará a região
No sábado, Rubens Lara fará exposição em São Sebastião sobre o Projeto Verão Limpo 2004 

Litoral Norte - O presidente da Cetesb (Companhia Estadual de Tecnologia e Saneamento Ambienta), Rúbens Lara, estará no Litoral Norte amanhã e no sábado. Na sexta-feira, às 10h, ele visitará a agência da Cetesb em Ubatuba, e a partir do meio-dia, o prefeito da cidade, Paulo Ramos. Às 14h, Lara visitará o prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos da Silva.
No sábado, a partir das 10h, Rubens Lara estará na Videoteca de São Sebastião, para expor o programa “Verão Limpo 2004 – Qualidade de Vida é Nossa Praia”, lançado dia 18 do mês passado, em Santos.
A assessoria de imprensa da SMA (Secretaria Estadual de Meio Ambiente) explica que Rubens Lara, desde que assumiu a presidência da Cetesb, em fevereiro do ano passado, comparece às agências da Cetesb para acompanhar os trabalhos e discutir os problemas pertinentes a cada região em termos ambientais. É com este objetivo que ele estará na Cetesb em Ubatuba. Com os prefeitos desta cidade e de Caraguatatuba, ele também discutirá questões relativas ao meio ambiente.
Na Videoteca de São Sebastião, que fica no centro da cidade, Rubens Lara falará sobre o Projeto Verão Limpo 2004, que conta com novas ações relacionadas à qualidade das águas marinhas. Trata-se da Agenda Ambiental do Mar. Seminário sobre o mesmo assunto foi realizado em Santos, quando do lançamento da campanha, que atinge os 15 municípios do litoral paulista durante toda temporada de férias, até o Carnaval, no final de fevereiro.
A partir deste ano, a Cetesb intensifica o monitoramento em águas mais profundas, analisando a qualidade nos pontos onde são desenvolvidas atividades de maricultura e nas áreas que sofrem influência dos lançamentos dos emissários marinhos, acompanhando também o surgimento e as causas da proliferação de algas tóxicas. 
As análises sobre os emissários começaram em 2002, com duas coletas anuais. A proposta é realizar quatro coletas e intensificar o acompanhamento nas áreas de influência dos sete sistemas de pré-condicionamento de esgoto existentes no litoral, para estabelecer padrões de procedimento do órgão ambiental no monitoramento e no licenciamento dos emissários.
O sistema de pré-condi-cionamento consiste na separação dos detritos sólidos, na cloração e no afastamento do esgoto urbano, em alto mar. O monitoramento é feito para verificar a eficiência do sistema, os níveis de bactérias fecais e de nutrientes presentes nos efluentes lançados. Em São Sebastião, o emissário da Sabesp, no Canal de São Sebastião, opera sem licença ambiental há mais de 15 anos. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caraguatudo Albatroz Pousada

Caraguá recebe até o final do mês o ‘Interior na Praia’
Nesta primeira semana do projeto, cerca de 240 crianças viram o mar pela primeira vez e participaram de atividades culturais na cidade. Ao todo, Caraguá receberá alunos de 22 escolas de todo o Estado

Caraguatatuba - Cerca de 80 crianças, que participam do programa Interior na Praia, das cidades de Araçariguama e Arandu, visitaram a praia do Indaiá na manhã desta quarta-feira, 07. Para a maioria delas, esta foi a primeira oportunidade de ver o mar de perto.
O evento, que é promovido pela Secretaria de Estado da Educação em parceria com a Fundação Prefeito Faria Lima - Cepam, tem como público os alunos da rede pública de ensino com idades entre 8 e 11 anos. “Achei o mar bonito e o que eu mais gostei foi de juntar conchinhas na areia”, disse a estudante de Arandu, Jéssica Crisitina de 11 anos.
Além de Araçariguama e Arandu, Caraguá hospeda, esta semana, 240 alunos, das cidades de Espírito Santo do Pinhal, Riversul e Vargem Grande do Sul. Elas estão alojadas em escolas da cidade. Durante o mês de janeiro, Caraguatatuba receberá 22 escolas de cidades do interior paulista.
As visitas são monitoradas por 60 profissionais e, durante os dias em que ficam alojadas, as crianças, além de visitarem as praias do Indaiá, Prainha e Mococa, participam de atividades culturais, como visitas ao Parque Estadual da Serra do Mar, ao Morro de Santo Antônio, ao projeto TerraAmar, ao Museu de Arte e Cultura, à Praça da Igreja Matriz e assistem a teatro infantil.
No alojamento, os estudantes têm horários para café da manhã, almoço, lanche, higiene pessoal e sessões de cinema.
Programação
1ª semana de 05 até 09 de janeiro
Cidades: Araçariguama, Arandu, Espítito Santo do Pinhal, Riversul e Vargem Grande do Sul.
2ª semana de 12 até 16 de janeiro
Cidades: Bady Bassit, Guapira, Ibitinga, Reginópolis e Valentin Gentil.
3ª semana de 19 até 23 de janeiro
Cidades: Avanhadava, Joanópolis, João Ramalho, Mombuca, Rinópolis e Taguaí.
4ª semana de 26 até 30 de janeiro
Cidades: Barrinha, Carapicuíba, Guaimbê, Miguelópolis, Rinópolis e Urupês. (Fonte: PMC)

Fogos marcam o Réveillon de Caraguá

Caraguatatuba - A cidade recebeu no feriado cerca de 800 mil pessoas e mais de 500 mil delas se emocionaram com os shows pirotécnicos realizados nas praias do Centro e Massaguaçu
Cerca de 500 mil pessoas acompanharam a queima de seis toneladas de fogos durante a virada do ano em Caraguatatuba. O evento foi promovido pela Prefeitura de Caraguatatuba, no Centro e na Praia de Massaguaçu, Região Norte da cidade.
Durante o feriado de Ano Novo, Caraguatatuba foi visitada por uma média de 800 mil pessoas.
No Centro, a queima foi realizada em dois pontos da orla da praia e, por vinte minutos, o público presente se emocionou e aplaudiu o show pirotécnico, que coloriu o céu da cidade. Após a queima de fogos, turistas e moradores dançaram ao som das bandas Swing Nagô e Blizz, que tocaram na Praça de Eventos, na Avenida da Praia.
No bairro Massaguaçu, não foi diferente. Além da queima de fogos, realizada em um ponto da praia, as pessoas presentes se divertiram com o ritmo baiano do Trio Elétrico ‘Ô Bahia’. (Fonte: PMC)

Acaju promove canoagem ecológica no Rio Juqueriquerê

Caraguatatuba - Todos os anos, a Acaju (Associação Caiçara Juqueriquerê) realiza um evento no Rio Juqueriquerê para coletar lixo nas suas margens. Em 2004, a Canoagem Ecológica acontecerá no próximo dia 17 de janeiro, Sábado
A Acaju (Associação Caiçara Juqueriquerê) vai promover no dia 17 de janeiro, sábado, a Canoagem Ecológica, no Rio Juqueriquerê. O evento tem como objetivo reunir todas as pessoas que têm barcos e canoas para participarem da coleta de lixo nas margens do Rio Juqueriquerê. Quem coletar maior quantidade, em quilos, de resíduos, levará para casa um troféu.
Segundo o presidente da Acaju, Pedro Paes Sobrinho, a associação realiza a coleta para estimular as pessoas a preservarem o maior rio do Litoral Norte. “Todos os anos, procuramos realizar a Canoagem Ecológica e retirar todo tipo de lixo do Rio Juqueriquerê”, afirmou.
A saída dos barcos, no dia 17, acontecerá às 10 horas na Ponte do Rio Juqueriquerê, no bairro Porto Novo. (Fonte: PMC)

Aulas abertas são opções em Caraguá

Caraguatatuba - O banhista pode optar por aeróbica, lambaeróbica, aerosamba ou aeropagode. Os eventos são realizados, gratuitamente, pela Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria Municipal de Turismo, nas praias do Indaiá, da Cocanha e do Centro, em horários alternados
Para quem gosta de dançar, as aulas abertas de ginástica, aeróbica, lambaeróbica, aerosamba e aeropagode são opções de atividades recreativas em três praias de Caraguatatuba, durante o verão. O evento é promovido pela Secretaria Municipal de Turismo da cidade e atrai, às areias, dançarinos de todas as idades.
Segundo a diretora escolar, de Passa Quatro (MG), Ninfa Saullo, de 50 anos, é impossível ficar parado nas praias da cidade. “As pessoas têm que perder a vergonha e dançar, sem se importar com a idade”, disse.
Ninfa participou da aula aberta de lambaeróbica, promovida para mais de 50 pessoas, na praia do Indaiá, nesta quarta-feira, 7. “Não existe lugar melhor para relaxar do que Caraguá”, ressaltou.
As aulas começaram no último dia 20 e seguem por todos os dias da semana até o final de março, em horários alternados. Na praia do Indaiá acontece das 11h às 12h, na Cocanha das 16h às 17h e no Centro, das 20h às 21h.
Mais informações sobre as aulas podem ser obtidas pelos telefones 9765-6842 (Guedes) e 3882-3429 (Chaves). (Fonte: PMC)

Caraguá resgata a música nos coretos

Caraguatatuba - Uma iniciativa da Fundacc (Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba) tenta resgatar a tradição da música nos coretos nesta temporada.
A partir de amanhã, turistas e moradores poderão assistir a diversas apresentações musicais em coretos no centro e em bairros da cidade por meio do projeto Coreto em Sol, que terá uma programação variada como MPB e chorinho.
Os shows acontecem sempre entre sexta-feira e domingo na praça Cândido Motta, no centro, e nos coretos dos bairros Perequê-Mirim, Massaguaçu e Porto Novo, aos sábados.
As apresentações são abertas ao público e vão até 15 de fevereiro (veja quadro nesta página).
"O projeto resgata a cultura da música nas praças", disse a presidente da Fundação, Eloiza Andrade Antunes.
Na praça do Caiçara, no centro da cidade, será realizado também o projeto Pôr-do-Sol Musical, com apresentações gratuitas todas as quinta-feiras. (Fonte: PMC)

Começa recreação esportiva nas praias de Caraguá
A prefeitura está disponibilizando monitores esportivos e arenas de volei, futvolei e futebol de areia, nas praias da cidade; além da Clínica de Vôlei Banespa, que volta à Caraguá, dia 21.

Caraguatatuba - As atrações esportivas começam a agitar as praias de Caraguá no sábado, dia 10, com o projeto da Secretaria de Esportes e Recreação do município que irá oferecer aulas e torneios de voleibol dupla, futvolei e futebol de areia em arenas montadas nas praias Martin de Sá e Indaiá. Nas arenas também haverá monitores disponíveis que darão aulas para quem quiser aprender sobre as modalidades.
O projeto estará acontecendo na Praia Martin de Sá, com Futvôlei e Voleibol, com realização de torneios e atividades recreativas. Na Praia do Indaiá haverá duas quadras para beach soccer (futebol de areia), na área do Módulo e Axé Varandão.
Ginásios Esportivos - Esporte e recreação sob orientação de monitores. Os torneios serão realizados de quartas-feiras a domingos; e as aulas com os monitores acontecerão de quartas a sextas-feiras.
No dia 21 de janeiro, haverá Clínica de Vôlei com a equipe do Banespa, na Praia do Indaiá, quiosque Varandão.
Outro atrativo esportivo da programação de Verão de Caraguá é a aula aberta de Aeróbica, Lambaeróbica, Aerosamba e Recreação na praia. As aulas acontecem na Praia Indaiá - 11h às 12h., na Praia da Cocanha - das 16h às 17h; na Praia do Centro - das 20h às 21h, e na Aulas abertas de ginástica, aeróbica, lambaeróbica, aerosamba e aeropagode. 
Mais informações pelos telefones 9765-6842 (Guedes) e 3882-3429 (Chaves). (Fonte: PMC)

BR'OZ quer mostrar valor
Similar masculino do grupo Rouge, também revelado na TV, grupo de meninos mostra repertório amanhã em Caraguá

Caraguatatuba - Dando continuidade a sua maratona de shows, o Caraguá Planet Music traz amanhã para a arena da Praça de Eventos a banda pop BR'OZ. Em São Sebastião, amanhã, tem Chico César no Maré MPB e Axé Blond, na Rua da Praia (Projeto Verão).
Integrantes do BR'OZ, André Marinho, 24 anos, Filipe Duarte, 22 anos, Jhean Marcell, 22 anos, Matheus Rocha, 22 anos, e Oscar Tintel, 21 anos, sobem ao palco com um repertório e apresentação extremamente dançantes, que incluem performances variadas.
Grupo pop, ao estilo boyband norte-americana --embora insistam em dizer que não se inspiram em ninguém e defendam um estilo próprio--, o BR'OZ foi formado com os cinco finalistas da versão masculina do reality-show Popstars, do SBT, e estreou com grande projeção nacional.
"Essa é a diferença, mas também uma grande responsabilidade. Todos nós já tínhamos grande amor e contato com a música, só que tivemos pouco tempo para cantarmos juntos e logo já estávamos nos apresentando em um programa de grande audiência nacional (Domingo Legal, de Gugu Liberato)", disse Matheus em recente entrevista dada ao ValeParaibano.
Segundo ele, o apoio mútuo foi fundamental. "Desde o início demos muita força uns aos outros e fomos criando laços de uma amizade muito legal e sincera."
Para o Caraguá Planet Music o grupo trará um repertório baseado em seu primeiro disco (BR'OZ, da Sony Music) e alguns hits pops a la Jon Bon Jovi, Backstreet Boys e N'Sync. Aliás, o próprio disco do grupo conta com canções de compositores que já foram gravados por esses artistas.
"Esse álbum tem a nossa cara, um estilo particular e não se espelha em nenhum outro grupo. Nele fazemos um mix de estilos, mas a base é o pop mesmo. São diferentes vertentes da música pop, indo do dance ao Rythm'n'blues, passando por baladas, rock e até 'nu metal'. Temos também influências ciganas e muita brasilidade, acima de tudo", afirmou Matheus, que promete que o show não deixará ninguém parado.
PROGRAMAÇÃO - No sábado, quem sobe ao palco é o grupo de pagode Raça Negra. O Caraguá Planet Music, que vai até 24 de fevereiro, ainda tem na programação nomes como o do astro teen Felipe Dylon (dia 16), CPM 22 (dia 17), Chiclete com Banana (dia 21), Bezerra da Silva (dia 23) e Kaleidoscópio (dia 24), entre outros. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Sailing Shop

Presa mulher de fazendeiro assassinado em Ilhabela
Vítima, morta com requintes de crueldade em dezembro, era fazendeiro em Goiás e fundador de entidade ruralista

Ilhabela - A advogada Eneida Campos Agel, 51 anos, foi presa ontem à tarde em Goiânia (GO) suspeita de matar o marido, o fazendeiro goiano Colemar Rodrigues de Resende, 68 anos, em um condomínio de luxo em Ilhabela. A vítima foi assassinada com requintes de crueldade no dia 14 de dezembro.
A advogada teve a prisão temporária decretada pela Justiça e foi presa na casa de familiares por policiais civis de Ilhabela. A suspeita deve chegar hoje à cidade por volta das 9h, onde vai ficar detida na delegacia.
Resende foi encontrado morto no dia 17 de dezembro no Condomínio Palmares, no bairro Itaguaçu. O corpo estava parcialmente carbonizado, com o rosto desfigurado e sinais de espancamento.
O corpo do fazendeiro foi localizado pela polícia depois que vizinhos sentiram um forte cheiro e notaram um rastro de sangue saindo do apartamento.
Resende foi um dos fundadores da UDR (União Democrática Ruralista) de Goiás e morava há dois anos em Ilhabela com a atual mulher, com quem era casado há cinco anos. Ele tinha três filhos de outro casamento.
No dia em que Resende foi morto, sua mulher viajou para Goiânia, onde se internou no Pronto-Socorro para tratar de queimaduras no braço e perna direita. O fato chamou a atenção da polícia, que passou a investigar a advogada.
Eneida teria pago R$ 1,5 mil por uma viagem de van de São Sebastião à Goiânia. O motorista da van, cujo nome não foi revelado, depôs na delegacia após a descoberta do corpo.
CONTRADIÇÕES - Na véspera de Natal, Eneida foi ouvida por precatória e respondeu a 51 perguntas, que foram enviadas para o delegado de Ilhabela, Vanderlei Pagliarini de Almeida Filho.
Segundo o delegado, o depoimento da mulher apresenta contradições com o relato do motorista da van em relação aos horários da viagem, o que teria reforçado a suspeita.
"Ela disse que saiu às 10h da manhã de São Sebastião, mas o motorista tem um comprovante de travessia da balsa às 9h52 que derruba a versão da mulher", disse.
Com relação às queimaduras, a suspeita alegou que havia sofrido um acidente doméstico enquanto fritava bananas.
Policiais também encontraram na cena do crime pegadas e um chinelo feminino na lavanderia do apartamento.
Os investigadores de Ilhabela cumpriram um mandado de busca e apreensão na casa de Eneida, mas nada foi apreendido. A polícia esteve também no hospital em que a advogada ficou internada para tratar das queimaduras.
Eneida foi levada para o Departamento de Capturas da Polícia Civil de Goiânia e seria levada de avião ontem à noite para Ilhabela.
A Polícia Civil deverá marcar uma acareação entre a advogada e o motorista da van e reconstituir os últimos dias do casal em Ilhabela.
Eneida teve a prisão temporária decretada por cinco dias, podendo ser prorrogada. Resende foi enterrado no dia 20 no cemitério da Consolação em São Paulo. (Fonte: ValeParaibano)

Casal já esteve envolvido em polêmica

Ilhabela - A advogada Eneida Campos Agel, 51 anos, ficou conhecida em todo país em 1989 quando seu filho, Said Agel Filho, na época com 9 anos de idade, foi vítima de um sequestro em Goiânia.
O menino foi levado com outros três reféns --duas jornalistas e um motorista-- e passou dias dentro de um carro-forte que saiu de Goiás e parou em Piraposinho, divisa de São Paulo com Paraná. Após libertarem os reféns, os bandidos fugiram em um avião para o Paraguai e continuam foragidos.
Eneida assumiu a presidência da Associação de Pais e Alunos de Goiás e, em 1999, foi indiciada por receptação de veículo roubado. A polícia havia encontrado na casa da advogada uma caminhonete S-10 roubada de um comerciante.
O fazendeiro Colemar Resende, um dos fundadores da UDR (União Democrática Ruralista) de Goiás, ganhou notoriedade ao ter sua fazenda ocupada pelo MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra). Atualmente, a propriedade abriga um assentamento com 350 famílias sem-terra.
Seu corpo, encontrado em estado de decomposição e carbonizado, foi reconhecido pelo genro, Walter Fernandes Mezzetti, por meio de uma cicatriz no peito e devido à vítima ter uma perna mais curta.
A família da vítima não foi localizada ontem pelo ValeParaibano para comentar o assunto. (Fonte: ValeParaibano)

Cobrança de tarifa na travessia de lancha começa na próxima semana
Enquanto o morador de Ilhabela que apresentar a carteirinha do SUS como comprovante de residência pagará R$ 0,70 centavos, a passagem do turista custará R$ 3,50. Situação dos moradores de São Sebastião que trabalham no arquipélago ainda não foi definida 

Ilhabela - No próximo dia 13, a travessia de lancha São Sebastião-Ilhabela passará a ser cobrada. Até então, desde que o serviço foi reinaugurado, no mês passado, o transporte de passageiros é gratuito. 
A cobrança gera polêmica, principalmente, por causa da tarifa diferenciada. Segundo a Dersa, moradores de Ilhabela que apresentarem a carteirinha do SUS (Sistema Único de Saúde) como comprovante de residência pagarão R$ 0,70 centavos. O documento estará sendo entregue à população a partir de hoje (leia mais nesta página).
Para os demais passageiros, a tarifa será de R$ 3,50. A situação dos moradores de São Sebastião que trabalham em Ilhabela e, portanto, fazem a travessia diariamente, continua indefinida. 
No dia 13 de dezembro, durante a cerimônia de reinauguração do sistema de travessia por lanchas, o secretário estadual de Transportes, Dario Rais Lopes, falou sobre a possibilidade de incluir os sebastianenses na tarifa diferenciada. “Estamos pesquisando uma forma para atendê-los. Na ilha, os moradores apresentarão uma carteirinha, comprovando que são da cidade”, disse Lopes, no mês passado.
Ainda em dezembro, o chefe de gabinete da Prefeitura de São Sebastião, Ubirajara Nascimento, disse que o governador Geraldo Alckmin, em visita a Caraguatatuba, garantiu que os moradores da cidade que trabalham no arquipélago também seriam beneficiados com o preço de R$ 0,70 centavos. Contudo, a medida depende da forma de comprovação. 
Ontem à tarde, o chefe de Operações da Travessia/Dersa, Ibsen Trench Gomes, informou que o caso de São Sebastião ainda não havia sido definido. “A Dersa está à disposição para discutir a questão”, enfatizou.
Também na tarde de ontem, o chefe de gabinete Ubirajara Nascimento afirmou que o prefeito Paulo Julião entraria em contato com o secretário de Transportes, Dario Rais Lopes, para garantir que o mesmo benefício dado à população de Ilhabela, seja concedido aos moradores de São Sebastião. 
A Dersa investiu cerca de R$ 1 milhão para recuperar as duas lanchas utilizadas na travessia, uma com capacidade de atender 200 passageiros e outra para até 100. De acordo com a empresa, a operação das embarcações não interfere na travessia das balsas. Ou seja, o pedestre pode optar pelo serviço gratuito, só que até a Barra Velha. As lanchas fazem o trajeto Porto de São Sebastião/Perequê/Vila. 
Usuários - Para os usuários, a diferença de preço tem dois lados. Alguns turistas acreditam que a tarifa deveria ser igual para todos os passageiros, porém, mais baixa. 
“Se cobrarem R$ 3,50 por pessoa será muito caro. Assim, vai ser mais vantagem atravessar de carro”, comentou o publicitário Ademir Neves, de São Paulo. 
“É quase que discriminação cobrar um preço mais alto do turista. Acho que deveriam rever os conceitos”, completou a dona de casa Heloísa Gomes Pereira, também da capital paulista.
Já para os moradores de Ilhabela, a passagem mais barata significa maior utilização do sistema. 
“Se tivermos de pagar o valor inteiro, acredito que ninguém usará a lancha, só a balsa, que é gratuita. Agora, com os R$ 0,70 centavos vale a pena”, disse o eletricista João Augusto Leite, que mora no arquipélago. “Espero que o benefício seja mantido e não mudem de última hora”, concluiu a moradora Alessandra Cristina Silva. (Fonte: Imprensa Livre)

Em Ilhabela, cartões do SUS serão distribuídos a partir de hoje 

Ilhabela - Pelo menos 21 mil cartões provisórios de identificação do SUS (Sistema Único de Saúde) já foram confeccionados pela Prefeitura Municipal. Ilhabela é a primeira cidade da região a cadastrar todos os moradores, conforme prevê o programa do Governo Federal. 
A entrega oficial do primeiro lote, com a presença de autoridades, será hoje à noite, das 19h às 22h, no ginásio de esportes, que fica no Itaquanduba. Já a partir de amanhã, os cartões estarão disponíveis nas unidades básicas de saúde e o morador deverá fazer a retirada onde foi cadastrado. 
Excepcionalmente, no próximo sábado, todos os postos estarão de plantão para a entrega dos cartões do SUS, das 13h às 19h. Em Ilhabela, o cadastramento foi concluído em março de 2003.
Até novembro de 2002, o Ministério da Saúde havia emitido pouco mais de 8 mil cartões magnéticos. Assim, a prefeitura decidiu antecipar a confecção e atender toda a população. 
O cartão provisório tem validade até junho deste ano. A antecipação da entrega visa, principalmente, beneficiar os moradores com o desconto no transporte por lanchas entre São Sebastião e Ilhabela. “É mais uma conquista em benefício da população de Ilhabela”, comemora o prefeito Manoel Marcos de Jesus Ferreira. 
O secretário municipal de Saúde, Antônio Colucci, temia por um possível atraso. “Embora tivéssemos o compromisso do Governo Federal de entrega dos cartões definitivos em junho, com a possibilidade concreta de eventual atraso, decidimos não arriscar a perda do desconto na cobrança da tarifa da lanchinha para usuários residentes em Ilhabela”, disse Colucci, que conseguiu a confecção dos cartões sem custo para o município, numa parceria com a iniciativa privada.
Além da tarifa diferenciada, o cartão magnético possibilitará a unificação dos prontuários do sistema de saúde. Desta forma, o paciente que tenha atendimento emergencial no Pronto-Socorro poderá ter continuidade do tratamento em uma unidade básica em seu bairro. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Cebimar prorroga data de inscrição para concurso

São Sebastião - O Cebimar/USP (Centro de Biologia Marinha da Universidade de São Paulo) prorrogou o prazo de inscrição para o concurso de auxiliar de laboratório, a fim de atuar na Divisão Técnica de Ensino e Pesquisa. As inscrições podem ser feitas entre 12 a 16 deste mês, das 13h30 às 16h30. 
A prova escrita foi transferida para o dia 21 deste mês, às 14h, e a prova prática será realizada nos dias 27 e/ou 28, também deste mês, às 9h. Inscrições e provas serão feitas na sede do Cebimar, que fica na Rodovia Manoel Hippolyto do Rego, km 131,5, Praia do Cabelo Gordo, em São Sebastião. 
Os profissionais interessados devem ser maiores de 18 anos, ter diploma do ensino fundamental, carteira válida de Arrais Amador e credencial para mergulhador autônomo. A taxa de inscrição é R$ 11,00.
O salário inicial está na ordem de R$ 800,00 (valor referente a dezembro/2003). Mais informações são fornecidas pelo Cebimar/USP, telefone (12) 3862-7149. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Setur Pousada da Almada

Nesta sexta-feira tem banda Lira Padre Anchieta

Ubatuba - A partir das 19h desta sexta-feira, 9, a Fundart (Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba) estará apresentando na Fundação a banda Lira Padre Anchieta dentro do projeto “Sexta-Básica Musical”. A Lira trará um repertório somente instrumental. O evento é gratuito e tem cerca de duas horas de duração. Simultaneamente estará sendo aberta a exposição de alunos das oficinas da Fundart, às 20h30. Vale a pena conferir. (Fonte: ACS-PMU)

Feira Livre em Ubatuba tem nutricionista

Ubatuba - O ano de 2004 chegou com novidades na Feira Livre do Produtor Rural de Ubatuba. A partir deste mês de janeiro, a Secretaria de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Saab) da Prefeitura de Ubatuba estará todo sábado com plantões de nutricionista e de engenheiro agrônomo para oferecer atendimento com orientações aos consumidores da feira. Para o consumidor isto significa mais informação com orientação nutricional e também informações sobre produção de alimentos orgânicos com biofertilizantes (adubos) produzidos pela Saab. O atendimento será todo sábado das 9 às 13h na sala da Administração da Feira, que fica na Praça BIP. (Fonte: ACS-PMU)

Prefeitura de Ubatuba incentiva produção de hortaliças

Ubatuba - Produtores rurais de Ubatuba participaram da “1ª Oficina Técnica de Cultivo Protegido de Hortaliças” promovido pela Secretaria de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Saab) da Prefeitura de Ubatuba em parceria com o Sindicato dos Trabalhadores Rurais. A Oficina foi aplicada pela engenheira Agrônoma Cristina Maria de Castro no final do mês de dezembro na Unidade de Produção Familiar, no bairro da Marafunda, e contou com a participação de várias famílias que são atendidas pela Saab no “Projeto Horta Ecológica”. O objetivo é fazer com que o produtor rural de Ubatuba tenha a possibilidade de plantar e colher hortaliças que encontram dificuldade em se desenvolver no município, devido ao grande índice de chuvas que ocorrem durante o ano.
A Oficina ensinou o cultivo alternativo de baixo custo, no sistema orgânico e com qualidade garantida da produção. O método prevê a cobertura da área a ser cultivada com estrutura de vergalhão ou bambú encapados por mangueira e plástico para proteger as hortaliças das chuvas, que é aberto nos horários mais quentes. Segundo o secretário da Saab, Antônio Marchiori, o objetivo é viabilizar a produção no sistema orgânico de hortaliças folhosas, sem agrotóxico, que possuem grande demanda. “O nosso grande problema é a chuva constante que inviabiliza a produção de alface, rúcula, acelga, entre outras, que tem suas folhas danificadas pela chuva. Desta forma estamos incentivando ainda mais a agricultura familiar e a inclusão social”, finalizou Marchiori. (Fonte: ACS-PMU)

Alunos da Estufa II têm trabalhos expostos na Prefeitura

Ubatuba - Teve início nesta segunda-feira, 5, a exposição dos trabalhos artísticos desenvolvidos pelos alunos da escola Municipal Maria Josefina Giglio Silva, que fica no bairro da Estufa II. Durante todo o mês de janeiro serão expostos no Paço Anchieta da Prefeitura de Ubatuba cerca de 160 telas de alunos de 7 a 12 anos que cursam o ensino fundamental, de 1ª a 4ª série. A exposição é de segunda à sexta-feira, das 8 às 17 horas.
A exposição faz parte do projeto “Arte Plástica na Escola” que vem sendo desenvolvido há dois anos, desde a fundação da escola, pela artista plástica Jaqueline Soares do Carmo, que é a coordenadora do projeto. Carmo avalia que a iniciativa proporciona concentração, coordenação motora, melhor absorção das matérias e melhora o lado psicológico das crianças, trabalhando com relaxamento e respiração.
Cerca de 500 alunos da escola da Estufa II participam do projeto. São ministradas aulas sobre a história da arte, desenho e pintura. Durante o ano vão sendo identificadas os alunos que possuem aptidão para arte. As aulas acontecem uma vez por semana com duas horas de duração, sem interferir na grade educacional. A secretaria Municipal de Educação apoia a iniciativa com o fornecimento de materiais como tinta, tela e pincéis.
Segundo a diretora da escola, Marina Soares do Carmo, os trabalhos produzidos são expostos durante o ano na própria escola, na semana da educação e na feira pedagógica. Carmo avalia que o conjunto das atividades proporciona um resultado muito positivo no desempenho individual e coletivo de cada aluno. (Fonte: ACS-PMU)

Ubatuba recebe 213 crianças do Programa Caravana do Conhecimento

Ubatuba - O Programa interior na Praia em Ubatuba teve início nessa última segunda-feira, 5, quando recebeu 213 crianças das cidades de Lavrinhas, Nova Granada, Potirendaba, São José do Barreiro e duas turmas de Onda verde. A comitiva das quatro cidades conta ainda com 25 monitores, oito motoristas e um policial. A iniciativa é do governo do Estado em Parceria com a Secretaria de Educação da Prefeitura de Ubatuba. Silvia Issa é a coordenadora do Programa em Ubatuba. Todas as crianças permanecerão por uma semana no município e ficarão hospedadas na escola Anchieta. Este Programa será desenvolvido durante todo o mês de janeiro. Na noite de segunda-feira o prefeito Paulo Ramos, o vice Moralino Valim e o secretário Corsino Mezquita estiveram reunidos com todos os visitantes para desejar boas vindas e orientar quanto as questões de segurança.
A secretaria de Educação servirá café da manhã, almoço, janta e lanche da noite. Diariamente todas crianças estarão conhecendo o mar até às 11h30. Após o almoço, das 14h30 às 18h, serão promovidos passeios culturais e à noite atividades recreativas. Este programa de turismo educacional tem por objetivo trazer para o Litoral crianças do interior do Estado que nunca viram o mar e que por recursos próprios não teriam oportunidade de conhecer o Litoral, com os diferentes ecossistemas, a Serra do Mar, suas histórias, geografias, física, ciência e ecologia. Segundo Silvia Issa, o Programa proporciona às crianças novas vivências enriquecedoras, permitindo que experimentem novas emoções completamente diferentes desconhecidas , de grande repercussão sobre suas mentes e de benéfica influência em seu futuro.
Esta programação só foi possível devido ao entendimento das Prefeituras do Litoral Paulista com as secretarias de Educação, de Economia e Planejamento representada pelo CEPAM. Com a participação das secretarias da Juventude, da Saúde, de Segurança Pública da Assistência e Desenvolvimento Social e de Transportes. Contou ainda com o apoio da Sabesp, da Associação dos Municípios e do Fundo de Solidariedade do Estado. (Fonte: ACS-PMU)

Um escritor apaixonado pelo mar
Flávio Girão foi morar em Ubatuba em 1964 e desde então passou a retratar a vida dos caiçaras e pescadores em suas obras literárias

Ubatuba - Apesar de ser formado em agronomia, ele não esconde que desde menino sempre gostou muito de escrever. Flávio Girão Carvalho, mora atualmente em Ubatuba e relata em suas obras a paixão que tem pelo mar.
Seus livros --dois de ficção, além de um livro de contos não publicado e um outro que está em fase final de acabamento-- estão relacionados com a vida que leva na beira do mar.
Segundo o autor, sua paixão pelas letras começou com o incentivo de um tio, que era professor de português. "Ele participou inclusive do processo de padronização da língua portuguesa e com ele aprendi desde cedo a gostar dos livros. Vivia nas bibliotecas."
Girão afirmou que estudou agronomia, porque era difícil em sua época escolher alguma profissão que não fosse técnica. "Mesmo assim sempre colaborava com os jornais."
Na década de 50, o escritor começou a escrever artigos e poesias para os jornais Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo. "Quando aconteceu a Revolução de 64 fui mandado embora do Estado de S. Paulo e cheguei até mesmo a ser perseguido. Foi quando fui morar em Ubatuba e comecei a trabalhar com paisagismo."
Segundo Girão, foi nessa época que ele viveu intensamente a vida dos caiçaras. "Aprendi a mergulhar, pescar e vivia com os pescadores. Passei três meses dentro de um barco de pesca e fomos do Litoral Norte até Santa Catarina."
O autor afirmou que aprendeu sobre os problemas de maré, a importância da previsão do tempo para os pescadores e, dessa experiência, foi que resultou o seu primeio livro 'Rumos e Rezas - Contos do Mar'. Foram 5.000 exemplares que se esgotaram em três meses. Segundo o escritor, ele chegou até mesmo a comprar um barco e viveu muito tempo nele. "Pescava e ganhava dinheiro com a pesca."
CUNHO SOCIAL - Girão então resolveu escrever o segundo livro -- 'Ao Longe o Mar'. "Senti que faltava algo no primeiro livro. Contei a história de um menino que nasceu no mar, foi para São Paulo, onde se tornou advogado, e voltou para o litoral. O livro foi editado pela Global e a apresentação ficou por conta de Carlos Drummond de Andrade e Ignácio de Loyola Brandão.
"Os livros que escrevi têm cunho social. Querem mostrar que o que aconteceu em Ubatuba, aconteceu no Brasil. Seu povo vivia no paraíso e foi expulso pelos loteadores."
O terceiro livro de Girão --'Ossos da Sede'-- está pronto há três anos, mas ainda não foi publicado. "São contos que não têm a ver com o mar. É uma obra latino-americana."
Seu quarto livro, 'Meu Pai Comandava os Ventos', ainda está em fase de acabamento e conta a história de quatro homens que se reúnem, fabricam um barco e partem para uma viagem pelo mundo.
FUNDART - Flávio Girão sempre teve uma ligação muito forte com a cultura. Foi o responsável, em 87, pela criação da Fundart (Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba), onde trabalhou dois anos.
Na década de 80 foi colaborador do ValeParaibano com artigos sobre literatura e arte. Também já foi jurado de concursos de contos da Fundação Cultural Cassiano Ricardo, em São José dos Campos. (Fonte: ValeParaibano)

Jogos Para Olímpicos prometem movimentar a região

Ubatuba - No próximo final de semana a cidade vai respirar esporte. A 3ª edição dos Jogos Para Olímpicos de Ubatuba, marcada para os dias 16, 17 e 18 de janeiro, deve reunir cerca de 200 atletas.
O evento, que vai rolar o dia inteiro, será realizado no complexo esportivo Tubão, localizado na Av Professor Thomas Galhardo. A entrada é gratuita e serão sorteados prêmios para quem comprar a cartela, que custará R$10, em prol da entidade ADUBA (Associação dos Deficientes de Ubatuba), ong que organiza a competição.
Os Jogos Para Olímpicos reúnem atletas portadores de deficiências de todo o Estado de São Paulo, entre eles a bicampeã dos jogos, a AACD de São Paulo, além da GAPNE, de São José dos Campos, APART de Taubaté e APDSS, de São Sebastião.
Segundo a assessoria da entidade, o objetivo do encontro, além do aprimoramento físico, é o aumento da auto-estima dos participantes e motivação àqueles que acreditam não ser mais possível reiniciar a vida ou encontram-se desanimados por qualquer motivo.
Fazem parte dos Jogos Para Olímpicos a natação, basquetebol em cadeiras, tênis de mesa, damas, dominó e truco.
Ainda estão programadas palestras e passeio à ilha Anchieta, durante o dia. A partir das 18h, haverá shows com as bandas 5º Elemento, Pracanis, Arame Farpado e Forró com Mel. Outra atração durante os jogos será o bingo beneficente, que terá como prêmio uma moto Honda 2004, quatro televisores, DVDs, bicicletas, dois tanquinhos, um vídeo game, liquidificador e sanduicheira.
As inscrições terminam na próxima terça-feira, dia 13, e podem ser feitas pelo telefone (12) 3833 4466, pelo e-mail doc@aduba.org.br ou pelo site www.aduba.org.br.Quem quiser participar como voluntário na ação será bem-vindo, basta se cadastrar junto à ADUBA e pegar um crachá e camiseta da entidade para atividades durante 2004.
“No ano passado foi criada a Federação do Litoral Norte da Pessoa Portadora de Deficiência, entre Ubatuba e São Sebastião. Queremos que no ano que vem o evento fique mais forte”, contou o presidente da ADUBA, André Luiz dos Santos. (Fonte: Imprensa Livre)

Artigo Topo

Brasil x EUA

Acompanhei nos ultimos meses as noticias que os Brasileiros estão sendo fichados ao entrar nos EUA, houve indignação por parte dos brasileiros, " onde já se viu sermos tratados como terroristas..".
Na semana passada o Brasil iniciou, com turistas americanos, o mesmo procedimento, algumas pessoas acharam a idéia ótima, "olho por olho". A unica coisa que os brasileiros não esperavam e que, nossa estrutura policial não está a altura de tal operação e o que é pior, para os americanos estes procedimentos não tem a mínima importância, afinal eles vivem em um país no qual essas coisas são corriqueiras e respeitam o Brasil por adotar tais medidas.
Agora, o brasileiro não, ele sempre se imagina constrangido, " onde já se viu pedir identificação e me fichar como se eu fosse um bandido... Você sabe com quem você está falando??" Isso só funciona no Brasil, nos EUA as leis são para todos, por isso eles aceitam o que nós fazemos pois, é apenas uma questão democrática e de cidadania. Nos EUA é assim. Se no Brasil também é assim, devemos aceitar e pronto. Apenas acho que isso é mais uma daquelas "modas (digo leis)" que depois que parar de falar na televisão termina, tudo volta ao normal e, os brasileiros continuam sendo fichados,.... nos EUA.
Picuinha é mera perda de tempo e dinheiro.

Rigoberto Soler Braga Roman
Caraguatatuba, SP

Carta do Leitor Topo

Descaso - Eis aqui mais uma amostra do descaso da Sabesp e da baixa qualidade do asfalto em Ubatuba. As fotos mostram claramente, o que o motorista é obrigado a fazer, diante dos "obstáculos" que Ubatuba oferece. As ruas do Itaguá e do Pq. Vivamar, apesar de pouco uso, estão em estado
lamentável. Isso se deve á variação do nível do lençol freático, que é muito grande na época de chuva.
Agora fica uma questão: Pq com o asfalto da avenida da praia, apesar de ter um uso muito maior, não ocorre o mesmo?
Resposta: Pq a espessura tanto da base, quanto da capa asfáltica nestes bairros é inferior ao exigido em norma.
E pq somente nos bairros? ...mistério.
A prefeitura tenta camuflar com a operação "tapa buraco", mas isso não resolve. Uma solução para funcionar durante um período maior de tempo, seria o recapiamento. Isso não será problema para a prefeitura, já que pagaremos o IPVA neste começo de ano, o qual destina 50% da arrecadação para o município, no meu caso a conta fica em R$ 1.300,00, e teoricamente, não terei que pagar a manutenção da suspensão do veículo.
Com relação à Sabesp, existem casos onde passaram mais de 6 meses após a manutenção, e até agora continuam os buracos (vide foto).

    

    

Algo deve ser feito, não só para os turistas, mas também para os moradores de Ubatuba, que pagam IPTU e IPVA aqui no município.

Eng.º Civil Roberto Russo
Ubatuba, SP


IPTU de São Sebastião - O Sr, Secretário da Fazenda, Sr. Oswaldo Julião ( será irmão do nosso alcaide ??), tem pressa na distribuição dos carnês, quem não recebeu procure a prefeitura para que possa gozar dos 10 % mendigados oferecidos.
Apenas uma pergunta... pressa para cobrar... muita pressa, e os requerimentos pedindo recalculo dos impostos de 2003?? Ficaram no ostracismo ou na incompetência dos barnabés?? Desde fevereiro de 2003 não obtivemos resposta, no meu caso aumento de 125%... Então Sr. Secretário como ficamos????
A inadimplência este ano que passou foi na casa dos 36 milhões e este ano como ficará?? tirar água de pedra é meio difícil né!!!!!!
Aguardemos, este é o ano para pensar e pensar muito.
Abraços aos amigos.

Francisco J. Marciglia
São Sebastião, SP

Foto do Dia Topo


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:

Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor