Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Quinta-feira, 25 de março de 2004 - Nº 998 Edições Anteriores

Barra da Lagoa Porto das Artes BIL

Região
Chuva amplia de 7 para 19 as praias impróprias no litoral
'Vale' publica série de sete entrevistas

Faltará luz em bairros de Caraguatatuba e São Sebastião

Caraguatatuba
Antonio Carlos prega união do litoral
Negativo: Saúde é alvo de críticas da oposição
Positivo: Educação tem saldo favorável no governo
Paróquia abre inscrições para casamento comunitário
Prefeitura aumenta segurança com novo Posto da Polícia Rodoviária em Caraguá
Caraguá pede ajuda no combate à dengue
Arrastão continua até abril
Fundacc promove oficina de mímica e máscaras
Dia Internacional do Teatro terá apresentações de espetáculos
MACC mostra "Imigrantes"
Exposição "Afinidades Brasilis" vai até 31 de março
Prefeitura de Caraguá promove treinamento de ergonomia para funcionários
CEI Rio do Ouro realiza “Tarde da Comunidade Voluntária” no dia 31
1º Brechó Comunitário acontece no CEI Ipiranga em Caraguá
Rock, Blues e Pizza
Câmara aprova apenas Título e Emenda a LOM
Vereador Nézão consegue mutirão na zona oeste

Ilhabela
Baepi Pinna disputa sul americano de Optimist
TCE arquiva processo movido contra a Prefeitura

Castelhanos pode ter manutenção da secretaria de Agricultura

São Sebastião
Audiência pública apóia os novos dutos no Tebar
Filmes sobre meio ambiente serão mostrados no Canadá e na Itália

Ubatuba
Doente mental quase foi enterrado como indigente
Liberdade provisória pode ter sido concedida com três dias de atraso
Tia da vítima aponta “descaso” dos responsáveis pela cadeia
Dupla armada rouba loja em Ubatuba

Seções
Artigo
Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

Chuva amplia de 7 para 19 as praias impróprias no litoral

Litoral Norte - O número de praias impróprias para banho no Litoral Norte passou de 7 para 19 em apenas uma semana, segundo o boletim de balneabilidade divulgado na tarde de ontem pela Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental).
O motivo seria a chuva que atingiu a região na última semana. A situação é mais crítica em Ilhabela. Das 11 praias analisadas pela Cetesb somente uma apresentou boa qualidade na água.
Os banhistas devem evitar as praias Armação, Pinto, Sino, Siriúba, Itaguaçu, Perequê, Portinho, Feiticeira, Grande e Curral.
Em São Sebastião, as praias do Una, Porto Grande, Pontal da Cruz e São Francisco estão contaminadas. A poluição também atingiu as praias do Centro e Indaiá, em Caraguatatuba, e Santa Rita, Perequê-Mirim e Enseada, em Ubatuba.
Segundo o responsável pela Divisão de Qualidade das Águas da Cetesb, José Eduardo Bevilacqua, a chuva colaborou para carregar o esgoto doméstico lançado clandestinamente em rios e córregos para o mar.
"Apesar da chuva não ter sido intensa nas últimas semanas, as praias apresentaram aumento nos indicadores fecais", disse.
Bevilacqua afirmou que a Cetesb recomenda que os banhistas evitem as praias após um período de chuva, mesmo se houver classificação positiva.
"Mesmo com a bandeira verde, indicando boa qualidade, pode ocorrer uma variação na balneabilidade devido à chuva", disse. (Fonte: ValeParaibano)

'Vale' publica série de sete entrevistas

Litoral Norte - O ValeParaibano dá prosseguimento hoje à série de entrevistas exclusivas com os prefeitos das principais cidades da região, que servirá como pontapé inicial da cobertura das Eleições 2004.
O jornal pretende traçar um diagnóstico das administrações com base nas realizações de cada governante comparadas às promessas feitas durante a campanha eleitoral de 2000.
O objetivo do ValeParaibano é oferecer subsídios aos leitores para uma avaliação minuciosa dos prefeitos no último ano do atual mandato.
Depois de veicular entrevista exclusiva com os prefeitos Vito Ardito Lerário (PSDB), de Pinda, e Francisco Carlos Moreira dos Santos (PSDB), de Guará, o personagem de hoje é o tucano Antonio Carlos da Silva, de Caraguá.
Ainda serão entrevistados na série, pela ordem, os prefeitos de Jacareí, Marco Aurélio de Souza (PT), de Taubaté, José Bernardo Ortiz (PSDB), de São José, Emanuel Fernandes (PSDB), e de Caçapava, Adilson Natali (PMDB). (Fonte: ValeParaibano)

Faltará luz em bairros de Caraguatatuba e São Sebastião

Litoral Norte - A Bandeirante Energia informa que deverão ocorrer cortes eventuais de energia elétrica em algumas localidades de Caraguatatuba e São Sebastião, para a realização de serviços de melhoria na rede.
A empresa alerta que, embora o fornecimento possa estar interrompido, como medida de segurança, os clientes que por acaso forem trabalhar com energia elétrica deverão desligar as chaves dos relógios elétricos de seus imóveis.
Para chamadas de emergência, está disponível o telefone 0800-55-0800. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caraguatudo O Guaruçá

Antonio Carlos prega união do litoral
Tucano afirma que sucessor herdará 'Nova Caraguá' e cobra integração de prefeituras para atrair turistas

Caraguatatuba - O prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos da Silva (PSDB), afirma que seu sucessor vai herdar 'uma nova cidade' e planeja investir pelo menos R$ 16 milhões em um pacote de 20 obras até o final de seu segundo mandato para garantir a hegemonia tucana no pleito de outubro.
Ele vai apoiar a candidatura de seu vice, José Pereira Aguilar (PSDB), à prefeitura e promete ampliar sua base política para o plano regional depois de deixar o cargo.
Em entrevista exclusiva ao ValeParaibano, o tucano conta porque desistiu de disputar as prefeituras de Jacareí e Lorena, critica o governo Lula e defende uma união das quatro administrações públicas do Litoral Norte para atrair mais turistas fora da temporada de verão.
Leia abaixo os principais trechos da entrevista.

ValeParaibano - Qual balanço o senhor faz do atual mandato?
Antonio Carlos da Silva - Nós tivemos uma série de conquistas que fica até difícil enumerá-las, principalmente na área de saneamento básico. Nós pegamos o município com 8% de esgoto coletado e tratado e vou deixar após esses dois mandatos com 85%. Vou deixar 97% do município abastecido de água tratada, quando assumi tinha no máximo 60%.
Na área da educação, 100% da demanda de educação infantil e fundamental atendidas, com ensino de qualidade. Na área de saúde, já temos 20 equipes de Programa de Saúde da Família atendendo todo o município. Estamos criando agora o CGD, Caraguá Governo Digital, informatizando toda a prefeitura.

ValeParaibano - O que mudou do Antônio Carlos do mandato anterior para o atual?
Antonio Carlos - Mudou que quando assumimos a prefeitura pegamos um município quebrado, devendo R$ 19 milhões, cerca de 70% do orçamento. Fizemos uma administração com planejamento para oito anos. Ganhamos a reeleição com dinheiro em caixa, portanto está mais fácil administrar. Além disso, estou mais experiente, isso ajuda.

ValeParaibano - No ano passado, a maioria dos prefeitos reclamou de dificuldades financeiras devido à queda de repasses federais. O senhor também enfrentou esse problema?
Antonio Carlos - No ano passado tivemos superávit de 9% do orçamento, cerca de R$ 9 milhões. Não sentimos essa dificuldade. Nós crescemos em outras arrecadações. Repito, a Prefeitura de Caraguatatuba não enfrentou crise financeira em 2003.

ValeParaibano - Alguns prefeitos consideraram que esse 'arrocho' financeiro imposto aos municípios foi culpa do governo Lula. Como o senhor avalia o primeiro ano de mandato do presidente?
Antonio Carlos - Eu sou suspeito para falar, já que sou do PSDB e não acredito no governo do PT. Mas estou torcendo, já que antes de ser partidário sou brasileiro.
Agora, o Lula precisa colocar o pé no chão e deixar um pouco de fazer marketing. Se você analisar, o Lula gastou mais no marketing do Fome Zero do que no programa. O PSDB está fazendo uma oposição patriótica, não queremos prejudicar a administração do Lula, queremos que ele vá bem.

ValeParaibano - Qual a maior dificuldade do atual mandato até o momento?
Antonio Carlos - Não senti dificuldade neste mandato. A prefeitura estava muito mais redonda, muito mais preparada para administrarmos. Vamos deixar após minha administração um plano de educação que vai garantir a qualidade do ensino municipal para os próximos 10 anos.
Além disso, estamos deixando um plano diretor para a saúde, que vai contemplar o desenvolvimento de Caraguá nos próximos 20 anos. Nós estamos trabalhando o presente e preocupados com o futuro, em garantir a continuidade do desenvolvimento de Caraguá e da sua qualidade de vida.

ValeParaibano - O que o senhor planejou em 97 que ainda não foi realizado e por que?
Antonio Carlos - Do nosso primeiro e segundo planos de governo, realizamos 97%. Fizemos duas ou três vezes mais coisas do que estava no plano de governo.
O que faltou é porque dependia de aprovações ambientais, então não conseguimos realizar. Por exemplo, uma marina em parceria com a iniciativa privada, o desassoreamento do rio Juqueriquerê, que estamos lutando e não conseguimos até hoje, agora que está nos finalmentes.

ValeParaibano - O senhor se sente realizado?
Antonio Carlos - Eu me sinto realizado, com a consciência tranquila. Deixamos muito melhor do que estava. Desejo que o próximo prefeito seja melhor do que eu, desejo que o sucessor dele seja ainda melhor. Caraguá precisa disto.

ValeParaibano - Recentemente, o senhor foi alvo de uma investigação da Câmara em relação a uma licitação para compra de computadores. Como está o relacionamento do senhor com o Legislativo?
Antonio Carlos - Eu tenho boa relação com a Câmara. Essa CPI não é relacionada a computadores, o que adquirimos foi um programa pedagógico de informática que durou dois anos e capacitou mais de 12 mil pessoas.
Quanto à CPI, fui eu que pedi para aprová-la e que nenhum vereador do meu partido fizesse parte da comissão, tudo isso para dar transparência ao processo. Mesmo com tudo isso parece que a gente não contenta a oposição (na semana passada a CPI foi arquivada pela Câmara).
Em ano eleitoral, os ânimos da oposição começam a ficar mais acirrados, isso é normal. O foco está muito em cima de mim, mas como não sou candidato acho que vão tirar um pouco essa atenção sobre a minha pessoa.

ValeParaibano - Qual herança administrativa o senhor deixa para seu sucessor?
Antonio Carlos - Deixo uma herança fantástica. Município reurbanizado, com infra-estrutura muito boa, com saneamento básico. Deixo sem dívidas, com recurso em caixa. Para se ter uma idéia, hoje o comprometimento com folha de pagamento é de 43% da receita.

ValeParaibano - O transporte coletivo sempre foi alvo de críticas nas cidades do Litoral Norte. Como está este setor atualmente?
Antônio Carlos - Está muito bom, a empresa que faz o transporte tem boa aprovação por parte da população. Tivemos um combate grande sobre o transporte clandestino, justamente para preservar a iniciativa privada para que a empresa tivesse condições de ganhar seu dinheiro e investir cada vez mais no transporte coletivo. Não vou legalizar o alternativo, porque onde foi adotado só deu confusão.

ValeParaibano - Como fazer para acabar com a sazonalidade e atrair turistas para Caraguá também no inverno?
Antonio Carlos - Divulgando a cidade, fazendo eventos, colocando mais equipamentos. Inauguramos um museu, ainda vamos inaugurar um teatro, esse turismo cultural e de eventos atrai turistas.
É também importante melhorar a cidade e já estamos tendo essa resposta. Quando assumi a prefeitura, tinha pessoas que tinham casa na cidade e passavam um ano sem descer. Hoje se observa que a pessoa que tem casa em Caraguá pelo menos uma vez por mês está descendo.

ValeParaibano - Por que é tão difícil atrair turistas o ano todo?
Antônio Carlos - Não é difícil, estamos aumentando os eventos. O Caraguá Bike Week está no sétimo ano, já é um evento consagrado. Estamos diversificando. Agora em abril, mês de aniversário da cidade, teremos uma série de shows com artistas renomados e eventos esportivos. A cada ano os eventos se consolidam.

ValeParaibano - A população reclama da falta de geração de empregos, já que as vagas ficam muito restritas à temporada de verão.
Antonio Carlos - Hoje a população reclama da geração de empregos no Brasil inteiro. Isso depende de uma política macroeconômica. Esperamos que o Lula crie os 10 milhões de emprego que prometeu. Aí facilita tudo.

ValeParaibano - O senhor defende a união das cidades do Litoral Norte no sentido de se criar um roteiro turístico único?
Antonio Carlos - Não tenha dúvida. O Litoral Norte precisa ter uma agência regional que envolva os quatro municípios e gere um desenvolvimento unificado. Uma série de questões impediu isso, cada prefeito lutando para enfrentar seus desafios. Mas essa união é o futuro.

ValeParaibano - O senhor tem investido bastante na reurbanização da cidade, principalmente na orla. Esse também é o caminho para atrair mais turistas?
Antonio Carlos - Não tenho dúvida, uma cidade que tem potencial turístico tem que garantir a qualidade de vida. Tem que ter uma urbanização e sistema viário que propicie isso. Nós temos investido bastante nesta reurbanização e isso fará diferença no futuro.

ValeParaibano - Já está definido o candidato do PSDB a prefeito?
Antonio Carlos - Será o meu vice-prefeito nos dois mandatos e que agora veio para o PSDB, o José Aguilar. Tenho 85% de aprovação popular e isso ajudará. Pretendo estar nas ruas lutando pelo meu candidato.

ValeParaibano - O senhor acredita em união da oposição no pleito deste ano?
Antonio Carlos - Não sei, não estou muito preocupado com a oposição. Só sei que nós temos muita chance de ganhar a eleição pelo trabalho que eu fiz, pelos resultados e aprovação que nossa administração tem.

ValeParaibano - Por ser ano eleitoral, o senhor pretende intensificar o ritmo de obras?
Antonio Carlos - Vamos terminar o que planejamos. Nós estamos com várias obras em andamento e licitando várias outras. Assinamos no mês passado uma concorrência grande de 14 obras e agora estamos licitando outras quatro.
Caraguá ainda mudará muito até o fim do ano. Os joseenses e moradores de outras cidades do Vale do Paraíba que forem a Caraguá no ano que vem irão se surpreender com o que ainda será feito em termos de obra. Vamos fazer mais de 20 obras, investimento em torno de R$ 16 milhões, mas tudo isto já estava planejado.

ValeParaibano - Há alguns meses se cogitou a hipótese do senhor ser candidato a prefeito de Lorena ou Jacareí? Por que isso não se concretizou?
Antonio Carlos - Eu nunca falei que era candidato, dizia sempre que gostaria de terminar meu mandato em Caraguá. Até porque fizemos um planejamento de oito anos e quero estar presente justamente para garantir a concretização deste projeto.

ValeParaibano - Com a experiência de dois mandatos consecutivos e sendo uma das principais lideranças do PSDB na região, o senhor pretende ajudar os diretórios do partido de outras cidades na elaboração de planos de governo?
Antonio Carlos - O Emanuel (Fernandes, PSDB, prefeito de São José dos Campos) é o coordenador do PSDB na nossa região. Pretendo estar com ele nos próximos dias em Jacareí conversando com o diretório.
Eu e o Emanuel vamos levar essa experiência que temos para o diretório de Jacareí, vamos discutir com os técnicos do partido para apresentarmos juntos uma proposta de governo para Jacareí.

ValeParaibano - Qual o futuro político do senhor ao deixar a prefeitura?
Antonio Carlos - Estou com meu foco em terminar o mandato e terminar bem. Falar do futuro é muito difícil, está muito longe. Se eu for convocado pelo partido para algum trabalho ou representatividade, estarei presente. Se não for, voltarei aos meus negócios de empresário. (Fonte: ValeParaibano)

Negativo: Saúde é alvo de críticas da oposição

Caraguatatuba - A saúde é um dos principais 'gargalos' da administração do PSDB em Caraguatatuba. Nos últimos anos, o prefeito Antonio Carlos da Silva tem sido alvo de críticas e questionamentos de moradores e vereadores da cidade.
Em 2001, a Câmara criou a Comissão de Assuntos Relevantes da Saúde, que realiza pelo menos uma visita mensal às unidades de saúde e à Santa Casa para ouvir as reclamações dos usuários.
As principais queixas se referem à demora para atendimento --alguns pacientes esperam até oito horas nas filas --, falta de médicos como ortopedistas, neurologistas, cardiologistas e oftalmologistas e carência de equipamentos e remédios.
Antonio Carlos rebate as críticas e garante que a saúde conseguiu avanços significativos na cidade. (Fonte: ValeParaibano)

Positivo: Educação tem saldo favorável no governo

Caraguatatuba - A educação é o setor que obteve avanços mais significativos nos sete anos de governo de Antonio Carlos da Silva (PSDB) em Caraguatatuba.
Quando o tucano assumiu a administração em 1997, a cidade contava com 10 escolas municipais e 5.019 alunos na rede. Atualmente, são 36 escolas e 16.054 estudantes.
"A educação avançou muito em nosso governo. Hoje atendemos 100% da demanda da educação infantil e fundamental, com um ensino de qualidade e com todos os alunos tendo acesso a aulas de informática", disse Antônio Carlos.
Segundo o prefeito, a administração também tem trabalhado bastante na capacitação dos professores. "Atualmente, 98% dos professores de Caraguá tem pedagogia, tem curso superior. Isso tudo contribui para a melhoria do ensino." (Fonte: ValeParaibano)

Paróquia abre inscrições para casamento comunitário
A 5º Edição do Casamento será realizada no dia 13 de junho. As inscrições terminarão em abril.

Caraguatatuba - A Paróquia Santo Antônio de Caraguatatuba abriu as inscrições para a 5º Edição do Casamento Comunitário, que acontecerá no dia 13 de junho.O casamento faz parte da festa de Santo Antônio, que é o Padroeiro da Cidade.
Os casais interessados pela cerimônia religiosa devem procurar a Secretaria Paroquial até o dia 17 de abril.É necessário a apresentação dos documentos de identidade (RG) e do CPF . A inscrição é gratuita.No ano passado, o casamento reuniu 74 casais.
A Secretaria Paroquial fica na praça Cândido Motta, 35, no Centro de Caraguatatuba. Atendimento de 2ª a 6ª feira, das 8h às 19h, e, aos sábados das 8h às 18h. Maiores Informações (12)3882-1611. (Fonte: PMC)

Prefeitura aumenta segurança com novo Posto da Polícia Rodoviária
A nova base da Polícia Rodoviária trouxe mais segurança para a cidade e melhores condições de trabalho para o policiais.

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguá vai inaugurar a nova base do Posto da Polícia Militar Rodoviária em Caraguá no dia 19 de abril, junto com as comemorações do aniversário de 147 anos. A nova base fica na Rodovia Tamoios SP – 99 Km 80 + 800, na entrada do bairro Rio do Ouro.
A base ficou pronta em dezembro e foi construída com recursos da Prefeitura, na ordem de R$ 62.622,77. O prédio é composto por sala de rádio, vestiário, cozinha, banheiros, garagem e pátio de apreensão. No novo prédio também estão sendo instaladas mais duas câmeras de vídeo que irão funcionar 24 horas por dia, transmitindo imagens on line pelo site www.der.sp.gov.br.
Segundo o Sargento Paulo Celso de Abreu, a nova base aumentou a segurança no município, já que foi construída estrategicamente na entrada do Rio do Ouro, estrada usada como atalho por veículos em situação ilegal. "O antigo Posto da Polícia Rodoviária ficava depois desta entrada, com isso não podíamos fiscalizar todos os veículos que entravam na cidade. Agora, o motorista é obrigado a passar pelo Posto da Polícia", comentou o sargento.
O sargento Abreu disse que a nova base também melhorou as condições de trabalho dos policiais por ter maior infra-estrutura que a antiga base. (Fonte: PMC)

Caraguá pede ajuda no combate à dengue
Donos de casas de veraneio no Indaiá, bairro que concentra casos da doença, estão sendo chamados a abrir os imóveis

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguatatuba lançou uma campanha pedindo ajuda aos turistas que têm casas de veraneio na cidade para eliminar possíveis criadouros do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue.
Os agentes de saúde estão com dificuldade para combater os focos do mosquito porque várias casas ficam fechadas na maior parte do tempo.
Mais de 60% das residências de veraneio ficam no bairro Indaiá, na região central, que tem o maior número de casos de dengue. A cidade vive uma epidemia com 80 casos autóctones (contraídos no próprio município).
Segundo o biólogo Ricardo Souza, da Secretaria de Saúde de Caraguá, parte dos criadouros está nas casas. As larvas podem ser encontradas em plantas, ralos, garrafas e filtros de água e vasos sanitários e caixas d'água sem tampas.
"Os criadouros ficam dentro dos imóveis, principalmente os que permanecem fechados por muito tempo", disse o biólogo.
Ele afirmou que o proprietário deveria fazer uma vistoria na casa para ajudar no combate à doença. O ideal é que a casa seja visitada pelo menos nos finais de semana para se sejam retiradas garrafas, pratos de plantas, pneus e outros produtos que possam acumular água. As caixas d'água e as piscinas devem ser cobertas. Nos ralos é preciso usar cloro.
"O proprietário deve retirar da casa todos os objetos que possam se transformar em um criadouro do mosquito", disse.
Um decreto municipal autoriza agentes de saúde a fazer vistoria no quintal e varanda das casas. Hoje, mais de 70 pessoas trabalham no combate à dengue no município. A equipe de saúde é obrigada a usar escadas e pular os portões e os muros dos imóveis fechados para fazer o trabalho.
ORIENTAÇÃO - "Quando encontramos caixas d'água descobertas ou outra fonte de criação do mosquito enviamos um termo de orientação aos turistas. Mas é necessário que todos ajudem", disse o biólogo.
A prefeitura também alerta que o proprietário do imóvel pode ser multado se não ajudar na campanha. A penalidade varia de R$ 350 a R$ 1.200.
Até abril, funcionários da Sucen (Superintendência do Controle de Endemias) e da Secretaria de Saúde fazem um "arrastão" contra a dengue. Vários imóveis dos bairros Indaiá, Centro, Jardim Primavera e Tinga estão sendo visitados. (Fonte: ValeParaibano)

Arrastão continua até abril

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguá realiza até o início de abril um arrastão contra a dengue nos bairros Tinga, Centro, Jardim Primavera e Indaiá. As equipes de saúde estão fazendo vistorias nos imóveis e prestando orientação aos moradores.
A Sucen, que também ajuda no combate à doença, faz a nebulização com inseticidas nas residências para eliminar criadouros e mosquitos da dengue.
A doença também atinge outras cidades, como Ilhabela, que tem 31 casos. A situação está controlada em São Sebastião e Ubatuba, que não tiveram casos autóctones. No Potim, que também registrou epidemia, 578 casos foram registrados desde o início do ano. (Fonte: ValeParaibano)

Fundacc promove oficina de mímica e máscaras
As aulas são para atores de todos os gêneros: comediantes, dramáticos e também para atores de cinema e televisão. Já as aulas de máscaras são baseadas na expressão corporal para montagem das personagens.

Caraguatatuba - Dentro das propostas na área de Artes Cênicas para 2004, a Fundacc – Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba - está com inscrições abertas para a oficina de mímica e máscaras, com o ator Alejo Linares.
Sua formação teve início, em 1976, na Escuela de Teatro de Buenos Aires, e a partir de 1979, realizou muitos trabalhos como ator e diretor, assim como participou de criação da Escola de Teatro Comunitário e um canal de televisão comunitária em Villa Huidobro, na província de Córdoba, na República Argentina, e na província de La Pampa.
Já desenvolveu projetos em Minas Gerais ao lado de seu irmão, Fernando Linares, do Teatro Galpão, na década de 80.
De volta ao Brasil em 1997, passou por Santa Catarina e, em 2004, passa a integrar o time de atores e diretores que serão os responsáveis pelo teatro em Caraguá.
Suas aulas são divididas em partes, trabalhando desde a preparação do corpo para os exercícios, técnicas de mímica, trabalhos baseados em técnicas teatrais, como Stanislavisky improvisações, com estudos e práticas criativas. Segundo Linares, as aulas são para atores de todos os gêneros: comediantes, dramáticos e também para atores de cinema e televisão. Já as aulas de máscaras são baseadas na expressão corporal para montagem das personagens.
As aulas de mímica acontecem às segundas e quartas-feiras, das 16h às 18h e das 19 às 21h, já a oficina de máscaras, acontece às terças e quintas-feiras, das 19h às 21horas. As inscrições e as aulas devem ser feitas na Oficina Cultural de Centro, na Rua Santos Dumont, 140, no Centro, em Caraguá. Mais informações pelo telefone 3881 1834. (Fonte: PMC)

Dia Internacional do Teatro terá apresentações de espetáculos

Caraguatatuba - A Fundacc realizará apresentações teatrais para o público infantil e adulto nos dias 26 e 27 de março, em comemoração ao Dia Internacional do Teatro, comemorado no dia 27.
Dia 26, às 10h30min - "O Planeta Lilás", de Ziraldo
Em parceria com a empresa Cultura Mix, a Fundacc apresenta o musical infantil "O Planeta Lilás", de Ziraldo, promovendo para as crianças dos bairros mais afastados como o Poço da Anta, Cantagalo e Pegorelli, assim como para os alunos das oficinas de Teatro da Fundacc, uma apresentação gratuita, no dia 26, às 10h30min. O espetáculo, inspirado no livro de Ziraldo, tem adaptação e direção de Carlos Arruda.
Dia 27 de março - "Hamlet Máquina", direção de Júnior Magresco, no Auditório da Fundacc, às 20horas. Entrada franca.
Com esse espetáculo, a Fundacc dá início ao projeto "Caraguá em Cena", com apresentações de espetáculos de grupos, oferecendo espaço para trabalhos de pesquisa, com linguagens novas, servindo de referência a estudantes de teatro e interessados nas artes em geral. Desde 2003, o projeto vem estimulando a circulação de espetáculos de grupos amadores, apoiando e fortalecendo a arte cênica, garantindo à comunidade uma apresentação teatral mensalmente, a preços populares. (Fonte: PMC)

MACC mostra "Imigrantes"

Caraguatatuba - O MACC – Museu de Arte e Cultura de Caraguatatuba - apresenta a exposição "Imigrantes", que acontece até 18 de abril de 2004, com fotos, objetos e documentos. Com curadoria de Diná Jobst, a mostra "Imigrantes" traz imagens e objetos do Memorial do Imigrante, Museu de Imigração, Museu Casa de Portinari, de São Paulo e dos Museus Históricos e Pedagógicos: Conselheiro Rodrigues Alves, de Guaratinguetá, Fernão Dias Paes, de Penápolis e Amador Bueno da Silva, de Rio Claro, além de coleções particulares. A exposição pode ser visitada de terça a domingo, das 10 às 18 horas. A entrada é franca. O MACC fica à Praça Dr. Cândido Motta, 72, no Centro, em Caraguá.
Composta de retratos de família e da correspondência com parentes e amigos da Europa, "Imigrantes" é uma mostra que transcende os limites das situações vividas pelos estrangeiros aqui radicados e da própria história da imigração.
Mais do que uma mera contemplação de imagens, a mostra oferece ao espectador a oportunidade de perceber como aqueles homens, mulheres e crianças pretendiam ver-se representados através de poses e gestos. Num certo sentido, ao mesmo tempo que os estivermos observando, estaremos sendo observados por aqueles olhares que a história roubou para si e a fotografia tratou de perpetuar. (Fonte: PMC)

Exposição "Afinidades Brasilis" vai até 31 de março

Caraguatatuba - A exposição "Afinidades Brasilis", da artista plástica Nilda Lima vai até o dia 31 de março no Salão de Exposições da Fundacc – Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba. São obras em estilo expressionismo realista em óleo sobre tela.
A exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h às 18 horas. A entrada é franca. A Fundacc fica na Rua Santa Cruz, 396, no centro de Caraguá.
Nascida em São Paulo em 1954 e vivendo desde os 19 anos em Berna, na Suíça, Nilda Lima artista plástica, produtora e radialista presidiu o Clube Cultural Brasileiro de Berna, realizando eventos culturais em várias áreas artísticas.
Autodidata, iniciou seus trabalhos em 1985, e a partir de 1998 expôs em vários pontos da Europa, com mostras coletivas e individuais em galerias e fóruns culturais em Berna, na Suíça. Teve apoio de pintores amigos como Ivan Marquetti, D´Anestis e Abdou Kindouki, professor da Escola De Belas Artes de Mons, na Bélgica. Entre 2004 e 2005, tem projetos em andamento em Berna: exposições na Galeria Stauffacker.
Vivendo em Caraguá na praia da Cocanha, local que escolheu para trabalhar e morar, Lima vem desenvolvendo seus projetos desde novembro de 2004. (Fonte: PMC)

Prefeitura promove treinamento de ergonomia para funcionários
Funcionários públicos municipais de Caraguá receberão treinamento de ergonomia para prevenir doenças causadas por movimentos repetitivos

Caraguatatuba - A prefeitura de Caraguá, por meio da Divisão de Medicina e Saúde do Trabalho (DMST), está trabalhando, desde o último dia 10, em um projeto que visa à orientação dos funcionários públicos municipais quanto à ergonomia no local trabalho. Ergonomia é a ciência que estuda o conforto do corpo humano e as situações que podem colocar a saúde em risco.
O projeto é uma iniciativa do diretor da DMST, Pedro Ivo de Souza Tau, e tem como principal público aqueles funcionários, que trabalham sentados e em frente ao computador, e que podem vir a adquirir a DORT (Distúrbio Osteomolecular Relacionado ao Trabalho). O projeto consiste em uma breve palestra, na qual são passadas informações sobre anatomia humana, postura, posicionamento de equipamentos, etc. “Esse projeto é uma complementação da Ginástica Laboral, que iniciamos em novembro de 2003. Ele visa, principalmente, à orientação do funcionário quanto à postura, pois não adianta praticar a ginástica laboral trabalhando numa postura inadequada”, disse o diretor.
O técnico de segurança do trabalho, Marcus da Costa Nunes Gomes, que profere as palestras do treinamento, informou que esse era um projeto antigo, mas que não era realizado por falta de um profissional da área. “Com minha contratação, há três meses, estamos promovendo todos os trabalhos pela prevenção de doenças nos funcionários”, disse.
Segundo ele, já receberam o treinamento, os setores da Vigilância Sanitária, Divisão de Trânsito, Secretaria de Turismo, Assessoria de Comunicação Social e Recursos Humanos da Secretaria de Educação. Ainda esta semana, o treinamento deverá acontecer nas Secretarias de Saúde, Planejamento e Urbanismo. (Fonte: PMC)

CEI Rio do Ouro realiza “Tarde da Comunidade Voluntária” no dia 31

Caraguatatuba - O CEI “Profª Honorina Pacheco Corrêa”, do bairro Rio do Ouro, - primeiro Centro de Educação Infantil resultante da parceria entre a Prefeitura de Caraguatatuba e Fundação Orsa, realizará no dia 31 de março, a partir das 16h30.
Durante a “Tarde de Homenagem à Comunidade Voluntária”, os pais de alunos, parceiros do CEI e comunidade, que participam das festas e atividades realizadas na escola, receberão da direção do Centro o diploma de reconhecimento pelo gesto voluntário, que pode ter sido em forma de doação de recursos e materiais, ou por meio de mão-de-obra e outros trabalhos feitos dentro da escola muitas vezes com o auxílio dos amigos do CEI.
A “Tarde da Comunidade Voluntária” presenteará os parceiros de 2002 e 2003 atuantes na Educação Infantil. Haverá também apresentação das crianças entre outras atrações. A entrada é franca! (Fonte: SME/PMC)

1º Brechó Comunitário acontece no CEI Ipiranga

Caraguatatuba - O CEI “Messias Mendes de Souza”, do bairro Ipiranga, fruto da parceria entre a Prefeitura e Fundação Orsa, realizará até o dia 25 de março o 1º Brechó Comunitário, que estará aberto a pais de alunos, visitantes e comunidade em geral.
O objetivo da realização do brechó é colocar à venda roupas doadas, em ótimo estado e que, além de poderem ser adquiridas por outras pessoas a preços bastante acessíveis, irão também auxiliar na arrecadação de recursos para que o CEI realize festas e passeios com as crianças de todas as turmas. O Brechó Comunitário funciona até quinta-feira, 25 de março, sempre das 14h às 17h. (Fonte: SME/PMC)

Rock, Blues e Pizza

Caraguatatuba - A Banda Whisky Marítimo continua com sua agenda lotada e aumentando o número de fãs, que persegue os passos da banda e engrossa o caldo nas festas e bares por onde toca: nesta quinta-feira, 25, movimenta a Pizzarte, reduto de artistas da cidade e aciona os instrumentos a partir das 22 horas. Imperdível: a melhor banda na melhor pizzaria!
Whisk Marítimo, com novos integrantes arrebanhados no cenário musical, Beleza no contra-baixo e Armando na guitarra, a banda ganha peso e mais corpo. A Pizzarte fica na Rua Major Ayres, 80. no centro de Caraguá. Informações pelo telefone: 3882 2739.

Câmara aprova apenas Título e Emenda a LOM
Diretor do Ditran ganha Título de Cidadão e Prestação de Contas vai mudar de data

Caraguatatuba - A Câmara Municipal de Caraguatatuba votou e discutiu apenas 1 dos 11 projetos constantes na Ordem do Dia, além de um segundo, inserido na forma de Regime de Urgência. Os projetos não votados foram transferidos automaticamente para a próxima Sessão Ordinária semanal.
O primeiro projeto aprovado na sessão deu entrada como Regime de Urgência, de autoria do Vereador Anderson Bertoncini – Pastor Anderson (PL) e trata-se de um Projeto de Emenda à Lei Orgânica Municipal (PELOM), que modifica a segunda Sessão de Prestação de Contas do Prefeito, que ocorre sempre em agosto, para após o pleito municipal, quando se tratar de ano eleitoral. A proposta foi aprovada em primeiro turno e terá que ser votada em segundo turno para ser promulgada.
Da Ordem do Dia foi aprovado apenas o projeto de autoria do Vereador Juarez Pereira Pardim (PPS), Vice-Presidente do Parlamento Municipal, que concede Título de Cidadão para o Coronel reformado da Polícia Ambiental e atual Diretor do Ditran (Divisão Municipal de Trânsito), Celso Antonio Rapacci. Agora o homenageado terá que escolher uma data num período de 180 dias (6 meses) e agendar a cerimônia num espaço não inferior a 30 dias.
Foram lidos durante o Expediente 12 Projetos e aprovadas 3 Moções, sendo 2 de Pesar e uma de Congratulações. Durante o intervalo, foram lidas 55 Indicações. O restante não votado da Ordem do Dia deverá ser transferido para a próxima Sessão Ordinária, marcada para o dia 30 de março. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Vereador Nézão consegue mutirão na zona oeste
Parlamentar conseguiu homens para o Rio do Ouro e Jaraguazinho

Caraguatatuba - O Vereador Nilson Lopes da Silva – Nézão (PPS), da Câmara Municipal de Caraguatatuba, conseguiu depois de muita luta que a Prefeitura fizesse um mutirão de limpeza nos bairros do Rio do Ouro e Jaraguazinho. Os bairros da zona oeste fazem parte das bases eleitorais do Parlamentar.
O Vereador Nézão conta que fez o pedido ainda no tempo quando o Vice-Prefeito José Pereira de Aguilar chefiava a SSM (Secretaria de Serviços Municipais). Com o seu afastamento, em virtude do ano eleitoral, o pedido foi repassado para o atual Secretário, Roberti Costa.
O novo responsável pela SSM imediatamente atendeu a solicitação do Vereador, encaminhando homens e máquinas para o bairro do Jaraguazinho, que recebeu um mutirão de limpeza há cerca de 2 semanas. Em seguida, foi a vez do bairro do Rio do Ouro, que há cerca de 10 dias está sendo limpo, graças aos homens e maquinário da Prefeitura.
Estas ações estão beneficiando diretamente cerca de 500 famílias de forma direta, além de outras mil famílias de forma indireta, que utilizam as vias públicas do bairro para locomoção, trabalho e lazer.
Para o Parlamentar são parcerias como esta que dignificam o trabalho conjunto do Legislativo com o Executivo. “O Vereador é o porta voz dos problemas do povo. Ele (Vereador) encaminha estes problemas para que o Executivo as resolva. Aí está a parceria correta, feita em pró da população”, disse. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Sailing Shop

Baepi Pinna disputa sul americano de Optimist
O prefeito Manoel Marcos, ao lado de Baepi Pinna - Foto: Gustave Gama

Ilhabela - O velejador Baepi Pinna, de 13 anos, do Grêmio de Vela de Ilhabela, atual campeão Paulista da Classe Optimist, viaja no próximo dia 31 para o Chile, onde disputará o Campeonato Sul Americano.
Baepi conseguiu apoio da prefeitura municipal e do Yacht Club Ilhabela, que ajudarão o jovem atleta patrocinando sua passagem aérea. Ainda restam algumas despesas para garantir a participação de Baepi na competição, que com o seu curriculum em mãos está solicitando ajuda financeira dos empresá-rios de Ilhabela, para o custeio do restante. (Fonte: Imprensa Livre)

TCE arquiva processo movido contra a Prefeitura
Ações movidas por Danilo Giamondo apontavam supostas irregularidades na administração

Ilhabela - O Tribunal de Contas do Estado de SP arquivou na última semana mais duas ações movidas por Danilo contra a Prefeitura Municipal de Ilhabela, que apontavam supostas irregularidades na administração.
Entre as irregularidades apontadas, o munícipe mencionou que o Executivo havia feito despesas com pagamentos de contratos de prestação de serviços, publicações de suplementações orçamentárias efetuadas em desacordo com a legislação federal, pagamentos de horas extras para ocupantes de cargos em comissão, contratações temporárias de servidores para a Secretaria da Educação, desvio de funções de servidores, irregularidades na Santa Casa de Misericórdia, contrato para transporte escolar, nomeação para cargos em comissão e irregularidades quanto a concessão de Bolsas de Estudos.
Após apresentada a defesa da Prefeitura Municipal, o secretário Sergio Siqueira Rossi (diretor geral do TC) revelou que as contas da municipalidade já haviam sido examinadas por sua Corte, emitindo parecer favorável e, portanto, arquivando as referidas representações. (Fonte: PMI)

Castelhanos pode ter manutenção da secretaria de Agricultura

Ilhabela - A comissão formada pelo Parque Estadual, Instituto Florestal e Prefeitura Municipal de Ilhabela enviou na última segunda-feira um ofício solicitando ao Governador Geraldo Alckmin a inclusão da estrada que leva à praia de Castelhanos em Ilhabela, no programa “Melhor Caminho”, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado.
Os representantes já tinham se reunido no início do mês para procurar uma solução que resolvesse o dilema que resultou nos incidentes do carnaval. O programa já foi aplicado a outros parques e tem como objetivo recuperar a estrada fazendo um tratamento de perenização e drenagem. Além disso, foi enviado também no ofício uma solicitação para transformá-la em Estrada Parque, sob a justificativa de que é o único acesso das comunidades tradicionais que precisam ser assistidas, sendo usada durante todo o ano em atividades turísticas e é o único acesso por terra para se chegar à praia. “É importante ressaltar que a estrada precisa ser tratada para depois ser decretada Estrada Parque” explica Marines Fazzini, diretora de Promoção Ambiental da Prefeitura de llhabela.
A diretora do Parque Estadual, Marilia Brito de Moraes, salienta que apenas foi dado o primeiro passo para solucionar os problemas, já que é um projeto de custo alto. Sobre a possível cobrança de taxa para uso da estrada Marilia explica que se ficar definido que a estrada se torne Estrada Parque, poderá haver cobranças para sua manutenção, mas tudo será conversado entre todos que usam o local.
“Iniciamos as negociações, mas é importante lembrar que tudo tem que ser conversado, mesmo porque em breve teremos o Conselho Gestor do Parque, que terá participação da Prefeitura e sociedade civil, para que as regras de uso sejam discutidas por todos.”, finaliza. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Audiência pública apóia os novos dutos no Tebar

São Sebastião - A audiência pública promovida pela Petrobras/Transpetro de São Sebastião foi favorável ao projeto de instalação de quatro novos dutos no Tebar (Terminal Marítimo Almirante Barroso). No evento, realizado anteontem com mais de 400 pessoas no Teatro Municipal, foram mostrados os detalhes da implantação dos dutos, que vão interligar os píers sul e norte do terminal. Segundo a Petrobras, a audiência foi uma exigência do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), que é responsável pela emissão da licença ambiental. O Ibama estará analisando também os possíveis impactos ambientais do projeto. (Fonte: ValeParaibano)

Filmes sobre meio ambiente serão mostrados no Canadá e na Itália

São Sebastião - Os vencedores do 3o. Ecocine- Festival de Cinema e Vídeo Ambiental que será realizado de 21 a 25 de abril, em São Sebastião, litoral norte de São Paulo, serão exibidos ainda este ano na Itália e no Canadá. Em junho, a mostra estará em Roma a convite da associação “Nuovi Orizzonti Latini” e , em setembro, em Toronto, durante o 5o. Festival de Meio Ambiente “ Planet in Focus”.
No Brasil, O ECOCINE conta com a parceria da Prefeitura de São Sebastião, Ministério da Cultura, Consulado Francês, Instituto Goeth.
Para a coordenadora do Ecocine, Ariane Porto, os filmes serão mostrados nacional e internacionalmente e, ao mesmo tempo, estaremos divulgando São Sebastião, como uma cidade que respeita a cultura e o meio ambiente.
Nesta 3a.edição do Festival foram inscritas e entregues 103 obras. Temos representantes de cidades de vários estados brasileiros. De São Paulo 42 obras, do Rio de Janeiro (18), de Minas Gerais (11), de Santa Catarina (4), de Goiás (5), do Distrito Federal (4), do Paraná(5), Bahia (3), do Pará (1), da Paraíba (1), de Pernambuco (3), do Rio Grande do Sul (02), do Espírito Santo (2), do Rio Grande do Norte (1), do Mato Grasso do Sul (1). Serão também apresentados filmes da Alemanha e da França.
A viagem e estadia de 1 representante de cada obra selecionada durante o 3o. Ecocine será custeada pelos organizadores. Os representantes dos eventos de Roma e Toronto virão ao Brasil por conta própria para prestigiar nosso festival e acertar os últimos detalhes.“Esse ano batemos amplamente os recordes dos anos anteriores e isso nos permitirá fazer, em 2005, um Festival de Cinema e Vídeo Ambiental Internacional” disse Ariane.
Antes das apresentações internacionais os filmes premiados serão exibidos em São Paulo, em junho, no mês do meio ambiente, no Sesc Vila Mariana, e em Campinas, no Teatro de Arte e Ofício (TAO).
Outra novidade é que o curta metragem “A mulher e o Mar”, rodado em São Sebastião, durante o 2o. Ecocine entra na programação do Espaço Unibanco de Cinema, partir de 20 de abril e poderá ser visto nos finais de semana até junho de 2004.
Esse documentário de 35 mm, com duração de 13’, com argumento de Teresa Aguiar, roteiro e direção de Ariane Porto, ganhou o Prêmio Estímulo de 2000, da Secretaria de Estado da Cultura.
ÁGUA É O TEMA - Este ano no 3o.Ecocine o tema principal é “Água e Vida“, no entanto , ficou aberto aos interessados a livre escolha do tema , desde que ligados à questão ambiental. As inscrições foram encerradas no dia 12 de março e as 103 obras inscritas passarão por uma triagem até o próximo dia 26. Pelo regulamento só puderam se inscrever filmes produzidos a partir de agosto de 2002, rodados em películas de 16 ou 35 milímetros,vídeos betacam sp/digital /dv cam ou mini dv.
Além do Troféu Ecocine o festival premiará com cheques as categorias de melhor longa metragem (R$5 mil), melhor média (R$4 mil), melhor curta (R$4 mil) e melhor filme com o tema Água (R$ 4 mil).Além disso o ECOCINE terá prêmios extras.
Empresas privadas também estão colaborando. A Quanta premiará com locação de equipamentos o melhor filme sobre a água, a STV (Rede SESC SENAC de Televisão) concederá um prêmio de aquisição para o melhor documentário escolhido por ela, independente daqueles selecionadas pelo Júri. A Kodak premiará com películas e, a Revista TELA VIVA, com 6 meses de assinatura grátis.
Apesar dos convites que temos recebido do exterior e da grande procura para o terceiro 3o. Ecocine, Ariane Porto frisa que o festival ainda precisa de mais patrocinadores. Aprovado pela Lei Rouanet, que possibilita a dedução dos valores no imposto de renda, os patrocinadores , pequenos, médios e grandes que colaborarem ganharão destaque no material publicitário impresso do festival. Além disso, hoje o Festival é divulgado em mais de 150 sites do Brasil e do mundo. As empresas patrocinadoras também serão citadas em todo release expedido pela assessoria de imprensa.
Na busca de novos talentos - O Projeto “São Sebastião Tem Alma” através da sua Universidade Aberta do Mar – UAM, em parceria com a KinoForum, entidade que organiza festivais de curta metragens, realizará uma oficina cinematográfica de 9 a 11 e de 15 a 18 de abril, em São Sebastião, no CEPROM - Centro Profissionalizante Municipal.
Os interessados poderão se inscrever na sede do projeto “São Sebastião Tem Alma”, na rua Expedicionários Brasileiros, 219, centro, São Sebastião.
O filme será produzido pelos alunos e mostrado durante o 3o. Ecocine, no Teatro Municipal. O objetivo é estimular a produção áudio-visual e abrir um novo campo de trabalho para os jovens."O cinema nacional vive um dos melhores momentos e o nosso papel é descobrir novos talentos", diz Ariane Porto. (Fonte: PMSS)
Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Setur Marketing Político e Assessoria de Imprensa

Doente mental quase foi enterrado como indigente

A família de Marcelo, no velório, manifestava revolta - Foto: Fábio Lamounier Ubatuba - Marcelo de Jesus, 18 anos, morto na Cadeia Pública de São Sebastião na última sexta-feira, foi enterrado ontem, às 16h30 no Cemitério Municipal de Ubatuba. Morador no Bairro Rio Escuro, em Ubatuba, Marcelo foi preso no último dia 8, acusado de tentar furtar uma bicicleta.
O corpo de Marcelo saiu de São Sebastião ontem, por volta das 12h30, quatro dias após seu falecimento. Segundo a mãe do rapaz, Maria das Graças de Jesus, foi por pouco que Marcelo não foi enterrado como indigente, já que a família só foi avisada de sua morte na segunda-feira.
Conta dona Maria das Graças que o filho apresentava graves distúrbios mentais desde quando, aos quatro anos de idade, levou uma pancada na cabeça e “tirou o miolo do lugar”. Já aos cinco anos, Marcelo passou a tomar remédios, pois era uma criança muito nervosa. A partir daí os problemas foram se agravando, o rapaz ainda ingeria bebidas alcoólicas e usava drogas com freqüencia. “Ele foi internado mais de cinco vezes, mas sempre fugia”, conta a mãe.
Dona Maria das Graças relata que o filho foi internado no Instituto Chui de Psiquiatria, em São José dos Campos, “várias vezes”. “A última internação foi na Clínica Francisca Júlia. Ele ficava dois, três meses, voltava e caía nas drogas de novo”, lamenta.
Na última quinta-feira Marcelo recebeu a visita da mãe na cadeia, quando já estava mostrando marcas de agressão lá dentro. “Ele estava com o corpo queimado e o olho roxo e me pedia pelo amor de Deus que o tirasse dali, porque os presos queriam matá-lo”.
A mãe de Marcelo, vendo o nervosismo do filho, foi falar com o delegado Paulo Sérgio Barbosa, pedindo para que o mudasse de cela e que o deixasse sozinho, alegando que ele tinha problemas mentais. Segundo dona Maria, o delegado respondeu que ali não se tratava de um hospício.
Ainda de acordo com a mãe da vítima, o rapaz já vinha mudando de cela até ir para o “seguro”, no dia 11. Como ao ser transferido para São Sebastião não havia nenhum documento ou diagnóstico de insanidade, Marcelo foi tratado como os demais. Porém, seu comportamento irritou os companheiros de cela.
“Ele mexeu nas cortinas dos casais procurando a escova de dente”, conta D. Maria. “As autoridades competentes não tomaram as devidas providências e deixaram meu filho morrer da forma mais violenta. Pretendo acionar o Estado”, desabafou a mãe de Marcelo e de mais quatro filhos, enquanto velava o corpo no Cemitério de Ubatuba.
Ela lembrou ainda que fez contato com dois advogados e que eles possuem as documentações com laudo médico atestando a insanidade de Marcelo. Mas os documentos não chegaram a ser entregues na cadeia. Apesar de nunca ter sido preso antes, Marcelo já tinha passagens.
Segundo relato de parentes presentes no velório, Marcelo de Jesus estava em “estado de loucura mesmo”, chegando a brigar com a família e a agredir a mãe. O medo era o de que a mãe o internasse. “Preferia ele em uma clínica pelo resto da vida, mas sendo cuidado, do que ver meu menino ser tratado como bicho”, revelou dona Maria, revoltada com o que aconteceu. “Foi muito pouco caso e safadeza o que fizeram com ele, ninguém fez nada para nos ajudar”, lamentou. (Fonte: Imprensa Livre)

Liberdade provisória pode ter sido concedida com três dias de atraso

Marcelo de Jesus, morto na cela em São SebastiãoUbatuba - Antes mesmo da prisão de Marcelo de Jesus, sua mãe, Maria das Graças de Jesus, já havia procurado a ajuda da OAB para internar seu filho em uma entidade. “Ela disse que ele era violento e doente mental, que representava um risco a ela e a ele mesmo”, conta José Carlos Góes, advogado cível indicado pela OAB para analisar a solicitação de interdição e internação do jovem.
Segundo Góes, nem bem ele começou a estudar o processo, o rapaz foi preso. “Ela me procurou poucos dias depois contando da prisão dele.
Disse que ele não podia ficar junto com os outros, que era perigoso para o Marcelo. Eu pedi para ela procurar um advogado criminalista, porque eu não posso cuidar dessa área, mas que o processo de interdição e internação que eu estava tratando ia continuar, independente da prisão”, conta.
O advogado orientou a mãe a ir ao Posto de Saúde para conseguir cópias de todo o processo mental dele, e que ela levasse esse material para o advogado criminalista, que assim ela poderia tentar uma cela isolada.
D. Maria esteve na OAB de Ubatuba no dia 10 de março procurando um advogado criminalista. A entidade indicou para ela o Dr. Ronaldo de Andrade, que só conseguiu contactar no dia 19, sexta-feira, justamente o dia da morte de seu filho.
“Eu precisava de detalhes do crime para solicitar a liberdade provisória. Fiz o pedido na segunda, mas fiquei sabendo depois que era tarde, ele tinha morrido. Acredito que a liberdade foi concedida segunda mesmo, mas não a-diantava mais”, lamenta Ronaldo de Andrade.
Segundo Andrade, antes de entrar com a solicitação não havia nada que pudesse ser feito. “Para fazer uma transferência ou para a liberdade é necessário que a documentação seja aprovada. O delegado não tem atuação no processo, não pode decidir. O único que pode resolver que atitude tomar é o juiz, e para isso ele precisava da papelada”, explica Andrade.
Para Andrade, a história de Marcelo poderia ter sido resolvida na hora do flagrante: “Se fosse detectado na hora que ele era doente, acredito que não teria ocorrido prisão. Agora a família pode e deve recorrer na Justiça, pedindo a indenização porque o Estado não cumpriu o seu papel de proteção”, completa.
Tratamento Diferencial - A pessoa doente mental, quando comete um delito, é presa normalmente. Segundo o Dr. Luis Henrique Miranda, delegado de Ubatuba, cabe à parte interessada – no caso a família e amigos – pedir a remoção do preso para um lugar adequado, um sanatório.
“A partir do momento que ele está preso, e após a constatação de que ele possui uma deficiência mental, cabe à Justiça organizar essa transferência, mas para isso alguém precisa indicar que existe essa doença”, explica.
Segundo Miranda, quando o juiz fôr comunicado do flagrante, a família tem que avisá-lo por meio de um advogado que o réu possui doen-ças mentais, para que então sejam tomadas as providências necessárias.
“Quando a doença é muito visível, já fazemos uma anotação no próprio flagrante. No caso do Marcelo não foi possível constatar. É muito difícil para nós. Prendemos pessoas que estão drogadas e bêbadas. Para fazer essa análise é preciso um especialista. Cabe à defesa informar e provar que ele realmente tem doenças mentais e solicitar essa transferência”, completa. (Fonte: Imprensa Livre)

Tia da vítima aponta “descaso” dos responsáveis pela cadeia

Ubatuba - Regina Madalena dos Santos, tia de Marcelo de Jesus, 18 anos, morto na Cadeia Pública de São Sebastião, na última sexta-feira, esteve ontem na cidade para buscar o corpo do sobrinho.
Ela acredita que a morte de Marcelo só ocorreu por um total descaso das autoridades responsáveis pela Cadeia Pública em São Sebastião, já que se tratava de incapacitado mentalmente. “Será que ninguém percebeu nesses dias todos que o rapaz tinha problemas?”, indagou inconformada.
Segundo Madalena, sua irmã e mãe da vítima, Maria das Graças de Jesus, por diversas vezes tentou convencer os responsáveis pela prisão do filho de que ele precisava de uma transferência para uma clínica psiquiátrica. Madalena também considera como um descaso o fato de a família ter sido avisada da morte de Jesus somente três dias depois.
“Meu sobrinho morreu na sexta-feira e nós só fomos saber na segunda-feira. Só aqui no IML (Instituto Médico Legal) é que eu fiquei sabendo que meu sobrinho quase foi enterrado como indigente, porque já havia passado 72 horas”, desabafou.
Ainda de acordo com Madalena, seu sobrinho vinha sofrendo agressões na Cadeia. Ela conta que a mãe do rapaz, em visita na última quinta-feira, encontrou-o sofrendo de dores provo-cadas por queimaduras.
“Neste dia minha irmã ficou apavorada e tentou de todo jeito transferir o menino, mas não deu tempo. A pior coisa foi ele ter vindo para cá. Ele veio para morrer. Ninguém vai trazer a vida do menino de volta, mas queremos justiça, seja lá quem forem os responsáveis”, advertiu Madalena. (Fonte: Imprensa Livre)

Dupla armada rouba loja em Ubatuba

Ubatuba - Dois homens assaltaram na noite de anteontem uma mercearia na Praia Grande, em Ubatuba. Segundo a Polícia Militar, um dos homens armado com uma pistola rendeu o gerente Valdir Benedito do Carmo, 27 anos, que estava no comércio, localizado na avenida Beira Mar, por volta das 21h30. O bandido ameaçou o gerente, que foi obrigado a entregar R$ 250 em dinheiro. A polícia não soube informar se havia clientes no momento do roubo. O bandido fugiu com a ajuda de um homem que estava em uma motocicleta. Até a tarde de ontem, a polícia não havia localizado os suspeitos. Dupla armada rouba loja em Ubatuba
Dois homens assaltaram na noite de anteontem uma mercearia na Praia Grande, em Ubatuba. Segundo a Polícia Militar, um dos homens armado com uma pistola rendeu o gerente Valdir Benedito do Carmo, 27 anos, que estava no comércio, localizado na avenida Beira Mar, por volta das 21h30. O bandido ameaçou o gerente, que foi obrigado a entregar R$ 250 em dinheiro. A polícia não soube informar se havia clientes no momento do roubo. O bandido fugiu com a ajuda de um homem que estava em uma motocicleta. Até a tarde de ontem, a polícia não havia localizado os suspeitos. (Fonte: ValeParaibano)

Artigo Topo

Já estamos na final
Irineu Nalin

Sempre admirei mais os esportes individuais, que cheguei a praticar. E, apesar de não ser um grande torcedor apaixonado por futebol, posso dizer com absoluta segurança que desta vez vou estar torcendo na final do campeonato paulista pelo meu time.
Não se trata de nenhuma adivinhação, meu time está na final e fim de papo. Poderia encerrar o recado aqui.
Do outro lado, não interessa quem será; se o glorioso Santos de tantas conquistas ou o entrosado São Caetano um dos mais jovens times de moderna organização.
A esta altura o leitor já deve ter percebido, mas ainda deve estar em dúvida. Isso deve ser coisa de palmeirense, diria o corinthiano fanático ou o são-paulino decepcionado.
Pode ser e não ser. Palmeirense sim, com muito orgulho, que agüentou a gozação do rebaixamento, mas que comemorou muito um título que os grandes times não possuem o de "Campeão Brasileiro da série B".
Palmeirense sim, desde 1950, quando se sagrou campeão paulista. Ainda criança pude sentir a vibração de uma cidade quase que inteira, com essa comemoração. Não me lembro mais, se antes ou depois da frustração da Copa no Rio. Só lembro mesmo é dos alto-falantes, no comércio, pois nem todos possuíam rádio, do corso dos carros da época, muita serpentina e euforia. Uma cidade que foi construída com muito esforço e contribuição da imigração italiana, do qual faço parte. Minha cidade natal.
E, justamente essa cidade, representada pelo seu time, está nas finais. Time que também sou torcedor, afinal, todo bom apreciador de esportes sempre tem um outro time, geralmente o da cidade natal. Não os rivais. Isso jamais acontece. Time rival é rival.
O Paulista, representante de Jundiaí, uma das principais cidades de nosso Estado, símbolo da Cia. Paulista de Estradas de Ferro, que se iniciava aí em direção ao interior, dando continuidade a Santos-Jundiaí, o grande eixo de transportes da riqueza paulista.
A Cia. Paulista, foi estatizada e depois privatizada e a sucessora declinou. Como todo sistema ferroviário no país, perdeu sua importância no transporte de passageiros e ficou apenas com o de carga marginal. Quem trafegou e se lembra da Litorina, três vagões sofisticados e rápidos que circulavam entre Campinas-Jundiaí-São Paulo e vice-versa, sente muita emoção. Emoção e tristeza também senti recentemente ao caminhar nos trilhos dessa ferrovia, divisa com sitio de amigos, no trecho entre Louveira e Vinhedo, vendo o descaso que chegou. Dormentes podres, o mato tomando conta, apenas uma linha é utilizada a outra encontra-se quase que enferrujada, da rede elétrica só restaram os postes. Hoje as locomotivas são a diesel e das potentes elétricas, que chegaram a ser produzidas pela GE em Campinas não se tem mais notícias.
O Paulista também passou por altos e baixos, como todo clube de futebol teve dirigente aproveitador. Usurparam minha cadeira cativa, modelo de financiamento da construção do estádio Jayme Cintra, comandado por Flávio D'Angieri, mas isso não importa mais, com essa violência toda não é possível mesmo ir ao estádio. O que importa é que se reergueu e vai disputar com o meu Verdão. Um grande presente para essa gente toda que congrega dupla torcida. O cerne da torcida do Paulista é também palmeirense, por isso é que já estamos na final.
Torço pelos dois pelo que representam de nosso povo e pelo espetáculo que certamente vão proporcionar. Como torço também por uma mudança no modelo de transportes no país. A ferrovia que foi o principal corredor de exportação não pode ficar da forma como está.

Ir./23/03/04
Consulte aqui Artigos Anteriores

Carta do Leitor Topo

Encerramento do Jornal "A Semana" - Juntamente com JIJA, só temos a lamentar o encerramento do semanário. Há uma realidade maior a ser considerada que é o diminuto mercado publicitário e de leitores nesta cidade. Apesar de me haver oferecido, a certa altura, para colaborar com artigos para esse jornal, fui surpreendido com a resposta de que não precisavam mais de colaboradores, pois, já eram em demasia. Aprendi a nunca mais me oferecer. No entanto, nunca deixei de apreciar a boa qualidade da diagramação, os bons articulistas e as informações diversas. Sempre desejei que esse veículo de comunicação mantivesse, efetivamente, independência e altivez. Mas, nada disto é fácil manter num mercado apertado como o nosso, onde veículos de comunicação vivem do cheque que recebem do poder público e tem de se submeter a este, dado que os reais democratas, habilitados a enfrentar opositores e capacitados a zelar pela liberdade de expressão, como é de seu dever constitucional e funcional, não existem por aqui.
Sinceramente, lamento o encerramento. Continuaremos sem oposição, se é que ela, de fato, alguma vez aqui existiu, sincera, inteligente, altaneira, desinteressada a não ser pelo bem público.

Ernesto F. Cardoso Jr.
efcardosojr@uol.com.br



Atenção!

Comunicamos que diante de várias políticas anti-Spam dos provedores de internet, nossos boletins estão sendo bloqueados por serem confundidos com mensagens não solicitadas, o que não é o caso.
Solicitamos aos  leitores que não estiverem recebendo nossos boletins via e-mail, que acessem a página:
http://www.litoralvirtual.com.br/noticias/index.html , onde as notícias são atualizadas diariamente, de 2ª a 6ª feira.

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Casarão da Fundart

Casarão da Fundart
©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:

Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

 

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor