Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 29 de março de 2004 - Nº 1000 Edições Anteriores
Barra da Lagoa Porto das Artes BIL

Região
Em ano eleitoral, prefeitos saem à caça de verbas

Caraguatatuba
Módulo e OAB iniciam assistência jurídica à comunidade carente
Alunos se mobilizam para o combate à dengue e criadouros

Ilhabela
Idosos continuam com problemas de transporte
Ilhabela faz campanha do cinto de segurança

São Sebastião
Casal de São Paulo e Autoviass sofrem roubos na Costa Sul
Aumentam os crimes e diminui efetivo policial
Casa clandestina de recuperação de drogados é alvo de fiscalização da prefeitura
Redução de vagas na Câmara desagrada lideranças políticas
Bairros formam grupos para ação integrada contra poluição das praias
Décio Moreira Galvão assume provedoria do Hospital de Clínicas
Capitania abre curso básico de convés
Epidemia sob controle em São Sebastião
Menor é detido com moto roubada na zona de prostituição
Alunos de Direito simulam um júri no Fórum

Ubatuba
Elite nacional vêm ao litoral para o Triathlon Long Distance
Ubatuba alerta para necessidade de envolvimento da comunidade
Comerciante é atacada por assaltante em ponto de ônibus
Itamambuca será palco de surfe feminino
Itaguá ganha escola reformada e ampliada

Seções
Artigo
Carta do Leitor
Foto do Dia



Notícias da Região Topo

Em ano eleitoral, prefeitos saem à caça de verbas

Litoral Norte - A Conferência Estadual dos Municípios do Estado de São Paulo, que termina hoje, sábado, 27, na cidade de Campos de Jordão, e as reuniões do Codivap (Consórcio de Desenvolvimento Integrado do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira) têm-se tornado palco de reivindicações de prefeitos da região, entre eles, os do Litoral Norte, para realização de obras financiadas pelo governo do Estado.
A principal alegação dos prefeitos seria uma chamada crise financeira enfrentada pelas prefeituras, o que também atrapalharia a execução de investimentos, prejudicando até possíveis reeleições.
As reivindicações são tantas que uma reunião extraordinária foi agendada no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, com o governador Geraldo Alckmin (PSDB), na próxima quarta-feira, 31.
Seguindo o mesmo raciocínio dos políticos da região, três dos quatro prefeitos do Litoral Norte vão a São Paulo apresentar reivindicações.
Um deles é o prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB), que pretende levar uma série de pedidos ao governador, entre eles, o tão sonhado início das obras da ampliação do porto.
“Estaremos lá, pois também temos alguns pleitos a reivindicar, como a construção de pontes metálicas, o repasse de verbas do Dade (Departamento de Apoio e Desenvolvimento às Estâncias)”, ressalva.
“Outra obra, promessa do governador, se refere ao recapeamento da rodovia SP/55, entre os bairros de São Francisco e Topolândia”.
Mesmo sabendo das carências dos municípios, Paulo Julião avaliou o momento econômico atual, aliado às eleições.
“Hoje, tanto o governo municipal como o estadual só podem gastar aquilo que arrecadam. O governador é um homem sensível e conhecedor da região, sabedor das nossas carências”, avalia.
“Não é porque vai ter eleição que brigamos pelas obras. É mais um ano como outros, com muita dificuldade”.
Ele finaliza acreditando receber uma boa notícia de Geraldo Alckmin.
“Afinal são reivindicações de 41 prefeitos do Estado”.
Já o prefeito Manoel Marcos (PTB) pretende concentrar seus esforços na retomada das obras de tratamento de esgoto, um dos graves problemas de Ilhabela.
“Essa será a principal reivindicação que levaremos ao Palácio dos Bandeirantes, mas vamos brigar também por verbas do Dade que servirão para obras de reurbanização e conclusão da ciclovia”.
O prefeito acredita receber esses investimentos antes das eleições.
“Não em função das urnas, mas como promessa assumida pelo governo do Estado com os munícipes de Ilhabela, corroboradas por mim”.
Cerca de R$ 4 milhões: essa a verba que o prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos da Silva (PSDB), pretende buscar e levar como reivindicação.
“É um dinheiro previsto para repasse, proveniente do Dade”.
Antonio Carlos disse não acreditar na liberação da verba para este ano.
“Vai beneficiar o próximo prefeito. Importante é que estamos lutando para trazer recursos que serão usados em prol do município”.
O presidente do Codivap e prefeito de Aparecida, José Luiz Rodrigues (PFL), informou que a pauta de reivindicações levada ao governador Geraldo Alckmin incluirá ainda a pavimentação de rodovias vicinais, reforço de efetivo policial e construção de moradias populares.
Por meio de sua assessoria de imprensa, o governador de São Paulo informou que manterá uma boa relação com os prefeitos, mas já adiantou que a prioridade é investimento em áreas sociais. (Fonte: Correio do Litoral)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caraguatudo O Guaruçá

Módulo e OAB iniciam assistência jurídica à comunidade carente

Caraguatatuba - Os alunos do curso de Direito das Faculdades Módulo participaram esta semana de um treinamento na OAB de Caraguá para darem início ao projeto de assistência judicial gratuita à comunidade carente. A capacitação foi oferecida pela OAB-Caraguatatuba, que firmou convênio com as Faculdades Módulo.
O convênio começou oficialmente na terça-feira, com a presença da vice-presidente da OAB, Dra. Maria Regina Rapoli Correa; os coordenadores da Assistência Judiciária de Caraguatatuba, Dr. José Carlos Varvela Pinto e Dr. Cleber Gonçalves Alvarenga; o Prof. Responsável pelo estágio na OAB, Dr. Silas D´Avila Silva; a coordenadora do curso de Bacharelado e Tecnologia, Elizabeth Grillo; e a coordenadora do curso de Direito, Mara Vidigal. Em seguida, os alunos participaram da capacitação que teve como objetivo preparar os estagiários para o trabalho com a população carente. O projeto é coordenado pela Profa. Ms. Mara Vidigal e supervisionado pela Profa. Denise Silveira. Um dos objetivos do convênio Módulo/OAB é a Previdência Social. Os alunos deverão visitar asilos, associações de moradores de bairros, além de outras entidades para orientarem e verificarem processos administrativos que resultem em aposentadorias, pensões e outros benefícios a idosos. Outro projeto é o de Direito Processual Penal, que atenderá presidiários nas cadeias públicas. A Professora responsável, Marisa Laetano iniciou o projeto com os alunos que já estão redigindo peças processuais. O objetivo é colocá-los em contato direto com a comunidade carcerária, orientando-a e prestando assim um serviço indireto à comunidade.
Júri simulado - Os alunos do 3º semestre (matutino) realizam hoje, às 9h30, um júri simulado no Fórum de São Sebastião, com início às 9h. A atividade acadêmica está sendo realizada pelo Prof. Mário Assumpção Filho, que é professor no curso de Direito e juiz da Comarca de São Sebastião. No mesmo dia, acontece outro júri simulado no Saguão da Unidade Laudelina Campos Gonçalves, Unidades da Martin de Sá, às 19 horas. (Fonte: Imprensa Livre)

Alunos se mobilizam para o combate à dengue e criadouros

Caraguatatuba - Cerca de 400 alunos do ensino fundamental e médio da Escola Estadual Colônia dos Pescadores participam hoje de uma mobilização em combate à dengue, nos arredores do colégio.
A ação faz parte do projeto pedagógico da escola, com os alunos sendo treinados para atuar como agentes multiplicadores no combate ao criadouro do mosquito da dengue.
Aproveitando o Dia Estadual do Controle e Combate à Dengue, a escola resolveu fazer uma mobilização no combate às larvas do mosquito, que se desenvolvem em água parada.
Segundo a diretora da escola, Marta Regina de Oliveira Brás, a mobilização visa que os alunos ajudem a difundir conhecimentos à população, evitando assim a proliferação de larvas do mosquito.
“ Para que os conhecimentos dos alunos não fiquem somente nos muros da escola, a equipe escolar teve a iniciativa de fazer essa mobilização. Os alunos ficaram muito animados e colocaram sua criatividade em prática,” disse Marta.
Os estudantes confeccionaram cartazes informativos, panfletos para distribuição entre a população e farão atividades para atrair os moradores, estimulá-los a sair de suas casas e serem orientados da necessidade de eliminar os criadouros.
O projeto tem o apoio da SAB – Sociedade Amigos de Bairros, Sucem e do Gac – Grupo de Apoio Civil.
A mobilização tem início às 8h30 e término previsto para as 11h. A saída é da escola, que fica na Av. Sergipe 905, no bairro do Indaiá. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Sailing Shop

Idosos continuam com problemas de transporte

Ilhabela - Mesmo depois de um abaixo assinado entregue ao prefeito pedindo providências, os idosos de Ilhabela continuam com problemas para se servir do transporte da Viação Ilhabela. Segundo a moradora da Barra Velha, Ineide Cândido, grande parte dos ônibus normais que serviam os bairros foram substituídos por micro ônibus. O problema é que os micro ônibus têm apenas um lugar reservado para os idosos, isentos de pagar a passagem.
Com a diminuição da frota dos ônibus maiores, o único lugar destinado a eles está sempre ocupado, fazendo com que fiquem por muito tempo no ponto, à espera de algum ônibus em que possam embarcar, já que o motorista não permite que se viaje em pé.
Outro problema acarretado pela predominância dos micro-ônibus, é que se o idoso estiver acompanhado por outro idoso, ou pessoa portadora de necessidade espe-cial, também isenta do pagamento da passagem, não poderão embarcar juntos, a não ser que um deles pague a passagem. “Semana passada cheguei ao ponto às 13:55 para ir ao banco. Passaram dois micro-ônibus com o banco destinado aos idosos ocupado. Quando finalmente passou um dos grandes, já era 14:45 e não dava mais para eu chegar a tempo de pegar o banco aberto”, relata Ineide. (Fonte: Imprensa Livre)

Ilhabela faz campanha do cinto de segurança

Ilhabela - A Prefeitura de Ilhabela lançou uma campanha de orientação do uso do cinto de segurança. O objetivo é conscientizar os motoristas e os passageiros dos veículos da importância de usarem o cinto. Segundo o diretor de Trânsito da prefeitura, James Aboud, os agentes de trânsito vão abordar os moradores nas principais ruas e avenidas. "Mesmo sendo obrigatório o uso do cinto, as pessoas ainda precisam ser orientadas." O município também realiza um trabalho voltado aos ciclistas. Eles recebem dicas de segurança no trânsito. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Casal de São Paulo e Autoviass sofrem roubos na Costa Sul
Conseg da região se preocupa com onda de criminalidade que afeta os bairros

São Sebastião - Um casal de turistas, em Juquehy, e o motorista da Autoviass (Auto Viação São Sebastião), em Boracéia, sofreram roubos na noite de quinta-feira com diferença de uma hora cada.
Os crimes aconteceram entre as 21 e 22 horas. O primeiro foi em Boracéia, tendo como vítima a Autoviass. O motorista, que também faz trabalho de cobrador, contou à polícia que no ponto em frente ao alojamento do Peralta, na SP-55, embarcaram dois passageiros, que pagaram e foram se sentar atrás.
Logo em seguida, um deles se aproximou do motorista, mostrando um revólver e anunciando o roubo. Ele pegou R$ 178,50 e se juntou ao parceiro, que também estava armado. No próximo ponto de onde embarcaram, ambos desceram, fugindo rumo ignorado.
O segundo aconteceu na rua Cláudio Izidoro, em Juquehy, na casa de veraneio de um casal de idosos. O aposentado, de 79 anos, estava no quintal da residência, quando surgiram dois assaltantes, ambos com arma de fogo, que teriam pulado o muro.
Mediante ameaça a dupla trancou o casal em um quarto e pegou jóias, roupas, relógios, televisão, máquina fotográfica e dinheiro, cuja quantia o aposentado não soube informar. A vítima também não percebeu se os assaltantes estavam com algum meio de transporte.
Desde o início deste mês foram oito os assaltos na Costa Sul. Pelo menos estes são os registrados na delegacia, mas há casos em que a vítima não dá queixa, podendo o número ser maior.
Suspeito - O delegado José Lamartine Fagundes, do 2° Distrito Policial, disse que o setor já tem suspeito destes roubos ocorridos na região. Há semelhanças entre os crimes, cometidos geralmente por uma dupla, que estaria se escondendo nos morros da área. Fagundes comentou sobre a dificuldade de acesso aos prováveis esconderijos dos criminosos da área. “É uma situação complicada. O bandido tem uma visão privilegiada da única entrada do morro”, analisou. (Fonte: Imprensa Livre)

Aumentam os crimes e diminui efetivo policial

São Sebastião - A história é sempre a mesma na Costa Sul. Quando aumenta a criminalidade, os moradores lembram do maior problema existente em todo Litoral Norte, que é a defasagem do efetivo policial. A cada ano a região sofre a queda do número de policiais, indo na contramão do crescimento populacional.
Pelo menos há dois anos e meio, época em que a presidente do Conseg (Conselho de Segurança) de Boiçucanga, Éder Ávila Castanha, comanda a entidade, a região sofre com o pouco efetivo. “Embora venha lutando por este aumento de policiais para região neste período, acredito que diminuiu, ao invés de aumentar”, ressaltou.
Para Éder, mesmo que venham os cerca de 40 soldados, moradores da região, que se formaram ontem, em solenidade no Vale do Paraíba, ainda são poucos. “Eles serão divididos para todo litoral, que também sofre a defasagem. O mesmo número que entrar, acabará substituindo outros que se forem”, acrescentou.
Para atender à demanda de crimes, que cresceu no Litoral Norte, assim como número de moradores, o ideal seria dobrar o atual efetivo da polícia, ou pelo menos aumentar em 30%.
O presidente do Conseg de Maresias, Aldo Amadei, também lamentou o o que afirma ser descaso das autoridades em proporcionar aumento de efetivo na região. “Quanto mais a gente pede, parece que diminui mais ainda. Parece que estão esperando o caos e a situação ficar incontrolável para resolver o problema”, alertou. (Fonte: Imprensa Livre)

Casa clandestina de recuperação de drogados é alvo de fiscalização da prefeitura

São Sebastião - Uma casa, que seria para recuperação de drogados e alcoólatras, foi alvo de fiscalização tributária e sanitária esta semana. O conjunto de imóveis - barracos de pau a pique – está localizado em uma área de difícil acesso em Barra do Sahy. Para chegar no lugar, os agentes, junto com policiais, tiveram que seguir a pé cerca quatro quilômetros mata adentro. O local é um conjunto de barracos de pau a pique em uma área de difícil acesso
O setor de fiscalização atendeu denúncias de moradores do sertão da Baleia Verde, que informaram da presença da clínica clandestina, cujos “pacientes” estariam cometendo crimes na região. No local, os agentes municipais, acompanhados por policiais, encontraram somente duas pessoas, que diziam ser pacientes da clínica. Ao todo, a casa abrigava cerca de 14 doentes, que seriam drogados, vindos de Bertioga e Guarujá.
Renascer - Os fiscais foram informados pela dupla que permanecia na casa, que o restante tinha ido embora junto com um pastor, de Bertioga, que seria o responsável pelo abrigo, denominado Projeto Renascer.
O conjunto de barracos estava em uma área desprovida de estrutura sanitária e sem autorização para se instalar. Os dois pacientes informaram à equipe que estavam no local há quatro meses. O pastor aparece algumas vezes somente para levar alimentação.
Os denunciantes tinham informado que o grupo “internado” seria responsável por roubos, furtos e estupros na região. A equipe de fiscalização informou os dois moradores do local sobre a irregularidade.
Pela falta do responsável pela casa, os fiscais ficaram de agendar um retorno na área com a presença do suposto pastor, que até o momento não foi localizado. (Fonte: Imprensa Livre)

Redução de vagas na Câmara desagrada lideranças políticas

São Sebastião - A possibilidade de diminuição no número de vereadores na imensa maioria dos municí-pios brasileiros, pegou de surpresa e decepcionou a quase totalidade dos representantes dos partidos nas cidades do Litoral Norte. Partidos tanto de situação como oposição, seja pequenos ou grandes, reclamaram que a regra do jogo está sendo mudada com o campeonato em pleno andamento. Por outro lado, de um modo quase que generalizado, eles entendem que haverá uma valorização daqueles que forem eleitos.
Em São Sebastião, que conta com 15 vereadores, Caraguatatuba com 17 e Ilhabela que tem 13, se prevalecer a decisão do Supremo Tribunal Federal, o número de eleitos deverá cair para 10.
Para o prefeito Paulo Julião (PSDB), embora a questão tenha sido tratada na Constituição, a mudança neste momento não é boa para os partidos, já que se trabalhava desde outubro do ano passado – prazo final de filiações – com uma regra, que agora deverá ser mudada. Julião analisa que, com a possível “reviravolta”, todos os partidos terão que reavaliar suas respectivas estratégias. “É sem dúvida uma mudança significativa que pode mudar todo o quadro”, diz o prefeito.
Já o presidente do PPS, Juan Manoel Pons Garcia, acha a mudança justa e já prevista pela Constituição. No entanto, ressalta que o momento é inoportuno. Para Garcia o maior problema dos partidos será se reorganizar. “Não creio que seja justo, afinal partidos e pessoas que vinham trabalhando seriamente, construindo suas candidaturas, poderão agora perder quase tudo o que foi feito. Ou seja, a mudança é salutar, mas volto a repetir, o momento é que é inoportuno”, garante Garcia.
De acordo com Luiz Ramos, pré-candidato do PT, a possível redução no número de vagas nas câmaras municipais é correta e trata-se apenas de “disciplinar” o que estava previsto em lei. Ele acredita que é boa para a economia dos municípios a redução de custos que representam cada vereador. “É um ganho para o país, porque muitos municí-pios estão fora da realidade, embora se torne mais difícil para as novas candidaturas”, assegura Ramos.
Marcos Leopoldino, presidente da Câmara e do PTB, diz que a redução é boa porque irá fortalecer o Legislativo e seus representantes.
Ele acredita que cada vereador será mais valorizado, porque para chegar a uma cadeira na câmara, terá que reunir muito mais votos. “Se o coeficiente eleitoral aumenta, aumenta a responsabilidade do vereador, ele passa a ter mais responsabilidade. Com as mudanças de regras, os partidos também terão que reavaliar e estudar bem as coligações que vão fazer”, diz Leopoldino.
Para José Cardim de Souza, do PP, todos os partidos sofrerão prejuízos, porque já têm seus compromissos com pessoas. Ele adverte que filiados e lideranças partidárias têm seus projetos, de uma hora para outra quebrados por uma nova regra. “Eu sou a favor da diminuição, mas por outro lado vejo com preocupação essa questão, porque este não seria o momento. Chega em alguns casos até a ser constrangedor. Você tem hoje uma situação e no meio do jogo muda-se a regra? Assim complica”, reclama Cardim. (Fonte: Imprensa Livre)

Bairros formam grupos para ação integrada contra poluição das praias

São Sebastião - A prefeitura, a Sabesp e a comunidade - representada pelos presidentes das Sociedades Amigos de Bairros, reuniram-se, esta semana, para discutir ações para a despoluição das praias. Na quarta-feira a reunião aconteceu na Fundamar, no Balneário dos Trabalhadores, e reuniu cerca de 45 moradores dos bairros Praia Grande, Topovaradouro e Praia Preta. Na quinta, cerca de 20 moradores da Vila Amélia e da região central, estiveram na reunião sobre balneabilidade na Escola Municipal José Machado Rosa. Nas duas reuniões foram discutidas questões sobre sistema de esgotamento sanitário da região e formados grupos, com representantes da sociedade civil, prefeitura e Sabesp, para atuar em determinadas áreas que não têm rede coletora de esgoto ou que não tem ligação domiciliar ao sistema da Sabesp. Antes da formação dos grupos houve discussão sobre os problemas que provocam a poluição das praias. O engenheiro Geraldo Julião explicou que o objetivo da parceria entre Prefeitura, Sabesp e sociedade civil, é minimizar as ocorrências de extravasamento da rede de esgoto na região central do município e as diversas situações de lançamento de esgoto “in natura” nos corpus d´água, visando atingir uma excelência dos serviços de coleta e tratamento de esgoto, com a conseqüente garantia de balneabilidade das praias.
O gerente da Sabesp, Josival Alves, discorreu sobre a atual rede coletora, seus problemas e as providências que a Sabesp está tomando de imediato para melhorar a operação do sistema. Entre elas a contratação e treinamento de técnicos e aquisição de máquinas para limpeza das tubulações. Foi enfatizado que a conscientização da população através de educação am-biental, é um fator preponderante para o resultado do trabalho, uma vez que existem muitos casos de ligações erradas ou a falta dela. “O problema ocorre por conta de dificuldades técnicas, mas temos de encontrar uma solução”, disse Geraldo Julião.
As reuniões foram promovidas pela prefeitura, que criou, em outubro do ano passado, um programa de despoluição das praias mais afetadas por esgotos domiciliares. O projeto nesta área - desenvolvido por intermédio da Assessoria de Relações Comunitárias, a cargo de Rose Costa, ainda deve ser adotado em outros bairros da cidade. Inicialmente, o projeto está sendo realizado na região entre o bairro da Figueira e a Praia Grande.
A diretoria da Sabesp na cidade está atenta às iniciativas e já tem interesse de levar a experiência para outras regiões. O tema da campanha é “Nossa Praia é Praia Limpa”. Conforme Geraldo Julião, os moradores têm fundamental participação no processo. A comunidade tem que ser orientada para fazer as ligações de esgoto à rede da Sabesp e também no acompanhamento do trabalho de fiscalização. Geraldo espera que os primeiros resultados dos trabalhos surjam no próximo verão. Ele lembra que a população ajuda muito ao informar a Sabesp, pelo telefone 195, sobre a ocorrência de vazamentos de esgoto.
Já foram realizadas reuniões nos bairros e sub-núcleos na Topolândia, Itatinga, Olaria, São Francisco, Portal do Olaria, Arrastão, Reserve Du Moulin, Pontal da Cruz, Praia Deserta e Porto Grande. “É importante que as pessoas participem porque esse tema trata diretamente de nossa realidade e tenta criar uma discussão sobre o futuro de nossa cidade em relação ao tratamento do esgoto”, observa Rose Costa.
Ações - Segundo Alves, foram criadas quatro ações a serem cumpridas, que envolvem áreas sem rede de Sabesp ou imóveis não ligados à rede existente. A primeira ação está sendo providenciar a relação dos logradouros sem rede ou de soleira negativa à Prefeitura e às Sociedades Amigos de Bairros (Sabs); a segunda será disponibilizar a relação desses imóveis não conectados e em condições de conexão (factíveis), para a ação da Prefeitura e das Sabs; a terceira será a inspeção, por parte da prefeitura, Sabesp e comunidade, dos imóveis próximos aos córregos e galerias, visando identificar o responsável pelo lançamento de esgoto “in natura” e lixo; e a quarta ação será buscar alternativas junto aos poderes Legislativo, Judiciário, Executivo e à Comunidade para as residências em vielas situadas em áreas de risco ou áreas verdes.
Balanço das reuniões - “Completamos, no dia 25 de março, grande parte do primeiro ciclo de reuniões com as sub-regiões do município. Em todas as reuniões, determinamos as ações para resolver os problemas de cada uma daquelas áreas”, disse Geraldo. Segundo ele, ainda é necessária uma segunda conversa, que será remarcada, com as entidades da área central, comércios e restaurantes, e a comunidade da Topolândia. “Em todos os bairros temos obtido o apoio da comunidade, a receptividade foi muito boa. Estamos criando uma aliança das forças da região, entidades, prefeitura, petrobras, comunidade”, falou. Cada uma das sub-regiões tem as suas ações e as pessoas responsáveis por elas. “A posição em que estão os trabalhos é cobrada da liderança de cada grupo”, comentou Geraldo. Conforme ele, fechando esse ciclo de primeiras reuniões, o trabalho desses grupos será acelerado, pois outros ciclos de reuniões serão iniciados em abril.
“É preciso apresentar resultados, mostrar evoluções. É um trabalho árduo, pois envolve, principalmente, educação ambiental. Algumas ações levam de oito meses a mais de um ano; outras, um menor espaço de tempo. Algumas ações já têm resultados parciais indicando redução de esgotos que antes íam para córregos e galerias”, informou. “Quando voltarmos às reuniões com os primeiros resultados, acho que aumentará o número de adesões da comunidade. Queremos que São Sebastião seja cada vez mais uma cidade diferenciada em todo o Brasil, tendo todas as suas praias limpas”, finalizou Geraldo. (Fonte: Imprensa Livre)

Décio Moreira Galvão assume provedoria do Hospital de Clínicas

São Sebastião  - O corretor de imóveis Décio Moreira Galvão, 61 anos, é o novo provedor da Irmandade da Santa Casa Coração de Jesus, mantenedora do Hospital de Clínicas, em São Sebastião. Ele fica no lugar da advogada Elisabeth Chagas, que atuou durante 14 anos. Galvão é diretor de Planejamento da prefeitura e foi prefeito nomeado da cidade, entre 1981 a 1985.
Na quinta-feira, o conselho diretor da irmandade realizou a eleição para escolha do novo provedor. O resultado foi empate (com uma abstenção), entre Décio Moreira Galvão e Wagner Augusto. Venceu, então, o mais velho.
A vice-presidência ficou a cargo de Ubirajara Nascimento. Os demais nomes são: Rita de Cássia Simione (primeiro-secretário), Rui Vidal (segundo-secretário), Elizabete Magalhães (primeiro-tesoureiro), Wagner Augusto (segundo-tesoureiro), Ana Maria Batelochi (primeiro diretor de patrimônio) e Valdir Flausino (segundo diretor de patrimônio). Todos são membros do conselho diretor, eleito na segunda-feira.
Eleição dos conselhos - Décio Galvão recebeu 34 votos - do total de 44 votantes - para compor o conselho diretor. Foi o mais votado. Mas a provedoria só poderia ser definida pelos novos membros do conselho diretor, composto por 11 pessoas, incluindo o padre Jaime, membro nato. Wagner Augusto, que disputou a provedoria, havia assumido o lugar de Vitório Onoda, que foi eleito para o conselho diretor, mas desistiu, dias depois, justificando motivos pessoais. João Caçapava e Palmina Marques Moraes também são membros do conselho diretor. Ainda na segunda-feira, foi definido o conselho fiscal: Valentim Alves Chagas, Luiz Tadeu de Oliveira Prado e Ricardo Rubson Salvador Matos. Maurício Fernando Scarlate e Marlise Tarora são suplentes. No mesmo dia, o Conselho de Ética ficou assim formado: Carmem Sanches, Claudia Wezassek, Benedito Alexandre, Maria Cristina César Augusto, Ivone Zarzur, Marli Fernando Paes Santos e Ana Maria Machado (ambos suplentes).
Elisabeth Chagas, a ex-provedora, se dispôs a trabalhar gratuitamente como advogada da Irmandade da Santa Casa Coração de Jesus. Ela optou por não mais se candidatar à provedoria. “Hoje, minha sensação é de missão cumprida”, diz. Durante 15 dias, continuará comparecendo ao hospital para auxiliar o novo provedor. Décio Galvão, que já atuou por três gestões da Irmandade como tesoureiro, diz que a disputa acirrada da eleição para provedoria foi surpresa. “Acompanho a história do hospital há 20 anos, isto nunca havia ocorrido; agora que o grupo se mostrou tão interessado, a força deve ser voltada para somar e resultar benefí-cios à comunidade”, completa. O Hospital de Clínicas começou a funcionar em 1963. Mas a Irmandade foi fundada em 6 de junho de 1926, por um grupo de mulheres religiosas, dedicadas a atender pessoas muito carentes. Julieta Rego era uma das primeiras assistentes. Era prima de Décio Galvão.
Décio Galvão afirma que não pretendia ser provedor. “Meu nome foi indicado por um grupo de pessoas da irmandade”. Ele nasceu em Santos, mas vive em São Sebastião, desde os 2 anos de idade.
O provedor afirma que seu objetivo é trabalhar para a construção de um novo hospital, proposta também do prefeito Paulo Julião. O prédio muito antigo e que já passou por várias reformas, não tem espaço para ampliação e para uma estrutura hospitalar moderna. “Vamos tentar apoio das instituições da cidade, inclusive da Petrobras, nossa grande meta”, diz Galvão.
Décio Galvão observa a falta de ala para queimados no hospital, apesar da existência do TA-SSE (Terminal Aquário de São Sebastião), da Transpetro, subsidiária da Petrobras. De imediato, o novo provedor afirma que conhecerá profundamente a estrutura do hospital, a fim de familiarizar-se com o dia-a-dia. “Depois, faremos o plano de trabalho”.
Ele lembra que 95% dos atendimentos do Hospital de Clínicas são destinados aos pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde). “Não podemos pensar em aumentar os atendimentos a particulares antes de termos uma melhor estrutura”.
Diz também que quer conhecer todos os funcionários. “Quero tranquilizá-los, não haverá caça às bruxas”, brinca. “Não teremos dificuldades de relacionamento; médicos têm sua forma característica de trabalhar e devem ser respeitados”. Galvão afirma que não tem interesse em mudar os comandos de setores da instituição, mas disse que verificará a existência de profissionais valorosos que precisar despontar. Décio Galvão também declara que Elisabeth Chagas foi uma guerreira durante todos estes anos; “Deu uma parcela de sua vida ao Hospital de Clínicas”, ele conclui. “Quando eu ficar mais afastada do hospital, verei o que fazer de minhas manhãs”, diz Elizabeth, já prevendo que sentirá saudades. Mas Décio Galvão avisa que vai aproveitar a eventual disponibilidade da ex-provedora. (Fonte: Imprensa Livre)

Capitania abre curso básico de convés

São Sebastião  - A Delegacia da Capitania dos Portos está anunciando a abertura de inscrição para o Curso Básico de Convés. As inscrições deverão ser feitas de 5 de abril a 5 de maio, das 9 às 12h30 na Delegacia, de 2a a 6a feira.
Os documentos necessários são a cópia do CIC e RG, cópia da Caderneta de Inscrição e Registro – CIR de POP ou MAC, cópia autenticada do comprovante de escolaridade, atestado médico que comprove o bom estado de saúde física, mental, auditiva e visual. É cobrada uma taxa de R$ 4,00 a ser recolhida no ato de inscrição. (Fonte: Imprensa Livre)

Epidemia sob controle em São Sebastião

São Sebastião - O número de casos de dengue no município vêm decaindo nos últimos dois anos. Atualmente a cidade apresenta somente três confirmados, todos importados, contra oito casos do ano passado. Os suspeitos somam 32.
“Este ano nossa vitória foi até agora não termos nenhum caso autóctone. Mas isso é resultado de muito trabalho e empenho dos nossos agentes da dengue”, explica Annie Mello de Aguiar, coordenadora geral das Ações de Combate à Dengue.
A secretaria da Saúde do município implantou um esquema de combate à doença que atua durante o ano inteiro. São 100 agentes da dengue que trabalham com prevenção, educação nas escolas, coletas de lixo e visita aos moradores.
“O trabalho não cessa após o período crítico, é uma assistência constante. Cada morador recebe em média duas visitas por mês, é um processo de conscientização da sociedade”, conta a coordenadora. Conforme Annie, os agentes são divididos em grupos e cada um cobre um setor da cidade. Eles coletam amostras de todas as regiões e analisam quais os possíveis pontos de focos. Com base nesse trabalho as visitas podem ser intensificadas. “Lutamos para baixar o número de casos. Tudo para evitar uma epidemia como a de 2002”, conta. Segundo Annie, a maioria dos casos, na época da epidemia, foram registrados nos bairros da Topolândia, Olaria, Varadouro e Itatinga. Atualmente não existe um ponto de maior risco. “Como nem casos temos, podemos dizer que a cidade inteira está sob controle. O problema é que estamos no meio de duas cidades que ainda possuem contaminações, e que são ininterruptas. O grande risco para São Sebastião agora são os importados”, explica.
Para evitar a epidemia, a secretaria da Saúde lançou uma operação “pente fino”, que já passou pela Costa Norte e agora vai para a Costa Sul. “Enquanto existir transmissões nas outras cidades, nós continuaremos com as inspeções aqui”, explica. Segundo Annie, mesmo com todo o trabalho dos agentes, ainda ocorre de aparecerem larvas em algumas casas. “Todo mundo sabe como evitar, mas algumas pessoas simplesmente acabam não prevenindo. Aí os agentes fazem o trabalho pela comunidade. Eles tampam as caixas d’água, esvaziam os vasos, enfim, fazem o que já devia ser rotina de todos”, lamenta Annie. (Fonte: Imprensa Livre)

Menor é detido com moto roubada na zona de prostituição

São Sebastião - O adolescente L.L.G.A., 17 anos, foi detido na tarde de quinta-feira com uma moto roubada na madrugada anterior, na rua Amazonas, zona de prostituição da cidade. O menor já se tornou conhecido da Polícia Militar pela prática de delitos. A moto é de propriedade do cozinheiro L.R.L., 30 anos, que foi agredido em uma boate da zona. Três pessoas o agarraram e agrediram com socos e pontapés. Em razão dos ferimentos, a vítima desmaiou, tendo que ser levada ao pronto-socorro, onde foi medicada. Quando recobrou a consciência, o cozinheiro deu falta da moto, avisando a Polícia Militar, que fez patrulhamento, encontrando o veículo com o menor no Balneário dos Trabalhadores, na Praia Grande. O adolescente negou o crime, alegando que estava de carona com outra pessoa, que pilotava a moto. Este conhecido, quando viu a viatura se aproximar, teria fugido correndo. Ele ainda contou que conheceu naquele dia esta pessoa, que o convidou a fumar maconha. E era o que eles iam fazer, quando a viatura chegou. Segundo a Polícia Militar, o menor costuma apresentar problemas. Ele seria usuário de drogas e freqüenta ponto de entorpecentes, com más companhias. (Fonte: Imprensa Livre)

Alunos de Direito simulam um júri no Fórum

São Sebastião - Os cerca de 30 alunos do 2° ano de Direito da Faculdade Módulo participaram na manhã de ontem de um simulado de júri na 1ª Vara de Justiça da cidade. Trata-se de uma aula prática da disciplina Direito Penal, que foi comandada pelo juiz e também professor do curso, Mário Rubens Assumpção Filho.
O juiz explicou que pediu autorização do Tribunal para realizar o júri com os alunos, que iriam julgar o caso relatado no livro Explorador de Cavernas, de Lon L. Fuller. É a história de um homicídio cometido para sobrevivência. Os réus tiveram que matar as vítimas para comê-las e se manterem vivas. Os alunos foram divididos em jurados, advogados, promotores, réus e platéia e encenaram o júri. Para o juiz e professor, é uma aula prática da teoria que os alunos estão tendo desde o primeiro ano do curso. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Setur Marketing Político e Assessoria de Imprensa

Elite nacional vêm ao litoral para o Triathlon Long Distance

Ubatuba - A elite do triathlon nacional estará reunida na cidade para a etapa de abertura do PowerBar/Reebok Triathlon Long Distance, que acontece no dia 4 de abril. São esperados cerca de 500 competidores. A temporada ainda prevê outras duas etapas, em Cabo Frio (RJ), em agosto, e Pirassununga, interior paulista, no mês de dezembro. Cada etapa terá, em paralelo, uma competição de short triathlon, com 750 metros de natação, 20 km de ciclismo e 5 km de corrida. O percurso do Long Distance é de 1,9 km natação, 90 km de ciclismo e 21km de corrida. As inscrições para as disputas do short triathlon e do long distance já estão encerradas. Uma das atrações da etapa inaugural será a triatleta paulista Carla Moreno, 10ª colocada no ranking mundial, que vai treinar para as Olimpíadas de Atenas. Carla vai utilizar o evento para treinar em trechos de subida, exatamente o desafio que irá enfrentar nas provas no exterior e, especialmente, na Grécia. Será a estréia da triatleta na competição, que já tem confirmados destaques como os argentinos Oscar Galindez e Bárbara Buenahora, vencedores do Ironman Brasil em 2003. “Decidi participar da prova em Ubatuba por causa de seu percurso com subidas no ciclismo e corrida. Este tipo de terreno é comum no exterior, mas poucas disputas no Brasil apresentam isso”, destaca Carla (Pão de Açúcar/ Nike). “Sem falar que Ubatuba é bem mais perto de casa e a viagem não vai prejudicar meu treinamento”. Em plena fase de preparação para os Jogos Olímpicos, afinal ela é a primeira no ranking nacional e sua classificação é dada como certa, Carla programou uma série de competições no país e exterior. “O importante é chegar nos Jogos no momento exato. Estamos trabalhando para isso e tenho certeza que tudo vai acontecer como planejamos”, explica a campeã pan-americana em Winnipeg, Canadá, em 99 e única triatleta nacional a ter vencido uma etapa da Copa do Mundo, no Rio de Janeiro, no final do ano passado. Carla está entre as melhores triatletas do mundo. Ao lado de Mariana Ohata e Sandra Soldan, Carla deverá compor o time olímpico brasileiro, repetindo a formação de Sydney 2000. Outro favorito ao título da etapa é o argentino radicado em Santos, Oscar Galindez (Memorial/ Reebok/ Timex/ Oakley), considerado um dos melhores triatletas do mundo. Oscar é o atual campeão do Ironman Brasil e este ano já venceu duas importantes provas de meio Ironman, que tem a mesma distância da prova de Ubatuba. No currículo do argentino tem ainda o tricampeonato do Meio Ironman de Pucon, no Chile, a principal disputa da América Latina do gênero, e o Half Triathlon de Mar Del Plata, na Argentina. A etapa de Ubatuba tem organização da Cia de Eventos, com patrocínio da Reebok e PowerBar, além do apoio da Prefeitura municipal, Secretaria de Esporte e Lazer e Contur.

Programação: Dia 3/abril
14h Expo Sports
17h Congresso Técnico Long Distance e Short (obrigatório)
18h início da entrega de kits no ginásio de esportes de Ubatuba

Promoção: Dia 4/abril
6h Abertura da área de transição
7h50 Fechamento da área de transição
8h00 largada do Long Distance
8h30 largada do Short Distance
3h Premiação. (Fonte: Imprensa Livre)

Ubatuba alerta para necessidade de envolvimento da comunidade

Ubatuba - Embora o número de casos de dengue em Ubatuba tenha caído este ano, quando comparado ao mesmo período de 2003, o que preocupa as autoridades de Saúde do município é o aumento na ocorrência de focos do mosquito Aedes aegypti. Em 2003, dos 39 casos suspeitos, 11 foram confirmados, sendo que todos eles foram importados. Ou seja, as pessoas contraíram o vírus em outras localidades.
Já neste verão, foram registrados 19 casos da doença, sendo que nenhum deles recebeu confirmação até o momento. Quanto aos focos do mosquito, em 2003 não foi detectado nenhum, no entanto, neste ano, 17 pontos mostraram a presença do Aedes.
Segundo Neílton Nogueira de Lima, chefe do Serviço de Saúde Coletiva, o arrastão realizado em janeiro último obteve bons resultados. “Semanalmente estávamos detectando focos positivos, e após as ações os focos foram zerados. O problema é que, por descuido de parte da população, eles acabaram voltando”, advertiu Lima.
Este dado demonstra a falta de conscientização da população perante o problema, ressalta. “Muitos dos munícipes não aderem às medidas preventivas. Em muitos locais nós voltamos um mês após a visita anterior e o local está indevido novamente. Sentimos às vezes que nossas ações são em vão. Em alguns lugares, não tem resolvido”, reclama Neílton.
Ubatuba ainda está no patamar de município não infectado, mas antes de 2004 estava entre as cidades sem focos positivos. Hoje, os focos têm se repetido nas mesmas áreas, principalmente no Centro. “Chega um momento que o trabalho foge do nosso alcance, pois não temos como fiscalizar todas as casas. Tem que ser uma ação coletiva, por isso a necessidade da adesão de toda Ubatuba. Se a população não se conscientizar, a dengue vai chegar no município”, alerta Neílton Nogueira.
O trabalho realizado pelo Serviço de Saúde Coletiva e Vigilância Epide-miológica consiste em constante controle do aparecimento do Aedes aegypti por meio de armadilhas em pontos críticos. “Nosso trabalho é pequeno, mas muito bem feito”, reitera o chefe da Saúde Coletiva. (Fonte: Imprensa Livre)

Comerciante é atacada por assaltante em ponto de ônibus

Ubatuba - A comerciante R.E.P., 43 anos, foi atacada brutalmente por um assaltante no início da manhã de sexta-feira, quando aguardava o ônibus no ponto da avenida Praia do Sol, no bairro Itaguá. Além de ser roubada, ela quase foi estuprada.
Eram quase seis horas, quando surgiu um desconhecido, portando um revólver, que se aproximou da comerciante. Ele arrastou a vítima até o meio do mato e tentou estuprá-la.
Por motivos desconhecidos ele desistiu de violentá-la, roubando o relógio e R$ 60. Antes de fugir, o assaltante pegou a calça da vítima e a jogou longe, ameaçando atirar nela se saísse do lugar.
De blusa e calcinha, a comerciante procurou ajuda em uma pousada próxima, que ligou para Polícia Militar. O setor fez patrulhamento pelo bairro, mas não localizou o suspeito. Até a tarde de ontem, o crime não havia sido registrado na delegacia de polícia. (Fonte: Imprensa Livre)

Itamambuca será palco de surfe feminino

Ubatuba - No final de semana de 2 a 4 de abril a praia de Itamambuca será palco da etapa de abertura da terceira edição do Circuito Petrobras Brasileiro de Surfe Profissional Feminino que contará com as melhores surfistas do Brasil. Este é o único circuito exclusivo para mulheres. A expectativa é de mais de 120 surfistas, entre amadoras e profissionais. As outras etapas acontecerão na praia do Francês, em Maceió, e na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, em junho e outubro, respectivamente. Em Ubatuba, a etapa contará com o total apoio da Prefeitura que absorverá todos os custos de hospedagem, alimentação, sonorização, assistência médica e segurança municipal.
Serão R$ 50 mil em prêmios. Às etapas nos litorais Paulista e Carioca são destinados R$ 15 mil para cada estado e em Maceió o prêmio será de R$20 mil. Ainda na categoria longboard R$ 1.000,00 de prêmio por etapa, passando a contar para o primeiro circuito brasileiro profissional da categoria, movimento de profissionalização que teve início nesse mesmo Circuito. Entre as surfistas se destacam as cearenses Silvana Lima e Tita Tavares, a carioca Andréa Lopes, a potiguar Alcione Silva e a ubatubense Suelen Naraisa. Além do esporte o circuito agrega o tema social que será “combate à violência doméstica contra a mulher”. O objetivo é orientar as meninas em relação aos grandes problemas que afligem as mulheres. (Fonte: Imprensa Livre)

Itaguá ganha escola reformada e ampliada

Ubatuba - Uma creche com aproveitamento integral de todos os espaços com ampliação das salas de aula , criação de solarim e aumento da área de serviço foi inaugurada no bairro do Itaguá nesta última quinta-feira, 25. A EMEI Bessie Ferreira Osório de Oliveira, com mais de 250 alunos além de mais 20 do Lar do Menor, hoje se apresenta com instalações mais modernas e em condições de oferecer ensino com qualidade. “ Por meio da Secretaria da Educação estamos dedicando atenção especial à criança. Desde a merenda escolar que, este ano são mais de 24 mil por dia, além do transporte, camisetas para todas as escolas e instalação de novas creches nos bairros há a preocupação da Prefeitura com nossas crianças”, diz o prefeito Paulo Ramos.
A diretora da escola, Carmem Cassiano dos Santos agradeceu as novas instalações e ressaltou os méritos da homenageada “uma professora que honra a categoria por sua dedicação e respeito aos alunos e à profissão”, disse. A família da homenageada esteve representada pelo esposo, Anoel Osório de Oliveira e filhas Terezinha e Maria Lucy. (Fonte: Imprensa Livre)

Artigo Topo

São Paulo antiga.

Nem lembro mais quando aconteceu, mas sei que foi antes da classe média ter carro.
O trânsito era meio complicado, embora nada se comparasse ao que há hoje. Se as ruas eram relativamente livres, os pontos de ônibus nem tanto, estavam sempre cheios. Foi aí que alguém teve a brilhante idéia de inventar o “papa-fila”, um ônibus comprido, na verdade uma carreta na forma de ônibus, puxada por um cavalo-reboque igual aos que puxavam as carretas nas estradas. Lembro-me bem das cores da CMTC, creme e vermelho, os enormes papa-filas, cheios até não mais poder arrastavam-se com a velocidade das lesmas, mais atrapalhando do que resolvendo o problema. Acabaram desaparecendo. Eu ia de papa-fila para a Praça Clóvis e de lá para a Praça do Patriarca, pela Rua Direita. Numa tenda, no meio da praça, ficava o maior faquir do mundo, Silki. Ele trouxe para o Brasil o glorioso titulo de campeão mundial de jejum. Ver o Silki no meio das jibóias, abria o apetite, o jeito era comer um churrasco grego. Dizem que é cheio de bactérias e faz mal, eu sempre comia e nunca percebi nada, quem sabe um dia vou sofrer as conseqüências e morrer como o meu avô. Quando ele morreu, minha avó disse que foi por não ter escutado os conselhos dela e, comido, manga com leite. Minha avó estava com demência senil, falava umas coisas estranhas, no velório do meu avô ela me pegou pelo braço, me levou para o vão da escada e disse em tom solene: - Brancura Rinso é o branco mais branco que você já viu em sua roupa. Não é conseguido à custa de alvejantes que estragam os tecidos. Rinso é um sabão granulado que lava melhor porque forma um molho super espumoso que penetra fundo nos tecidos, amolecendo e dissolvendo toda a sujeira suavemente, sem estragar as roupas. Depois, me olhou fundo nos olhos, ofereceu café, bolinhos de chuva e perguntou se eu era o meu primo. Quanto ao meu avô, ele me disse que tinha o hábito de comer manga com leite nos anos da década de 1920, depois trocou as mangas por goiabada cascão. Segundo ele, perigoso mesmo era comer feijoada e escutar no rádio o programa “O crime não compensa”. Tinha provocado a congestão que quase matou o Armando, nosso vizinho, embora antes da feijoada ele tivesse comido oito torresmos e tomado duas meias de seda e uma caipirinha. Vovô morreu com 96 anos. Na praça do Patriarca tinha um ônibus que levava as pessoas que iam fazer compras na Clipper, uma loja de departamentos que ficava no largo Santa Cecília. De lá eu caminhava até a rua Major Sertório para sonhar. Na vitrine da casa Aero Brás, onde um dia encontrei o Che Guevara, mas isso é outra história.

Sidney Borges
www.lojasmurray.blogger.com.br/index.html

Carta do Leitor Topo

Elogios - Fantástico o "elogio" ao prefeito de Ubatuba. Carlos Rizzo expressou muito bem o sentimento reinante no município. Faltaram elogios à saúde, à Santa Casa, ao combate aos borrachudos, à educação, à beleza do Passat importado, à farra de contratações por parte das APM`s, à COMTUR, ao frangogate,etc. Tudo motivo de muito orgulho para nós, certo?
Cômico, se não fosse trágico, não é?
A esperança é que uma forte rajada de consciência passe sobre Ubatuba e desperte a indignação e o inconformismo em todos os que realmente querem bem nossa cidade. O trabalho será árduo, mas não impossível. Que todos que assim pensam acordem e comecem desde já a espalhar a verdade para toda a população. Outubro pode ser o mês da Esperança em nossa cidade. Opção melhor do que há hoje, com certeza vai existir.

Mauricio Moromizato
Cirurgião Dentista
Ubatuba, SP


Nuevo guide touristic to Ubatuba - Ubatuba é uma Estância Hidro-mineral. Hidro todos concordam, chove 250 dias por ano e temos 88% de média anual da umidade relativa no ar; Quanto ao mineral ainda está uma disputa acirrada, não sabemos se o vencedor será Ladainha ou Teófilo Otoni. Além das 65 praias...ou seriam 75? Ou ainda 83? Bom, acho melhor esquecer os números. Além das praias, Ubatuba possui diversas atrações turísticas e várias oportunidades para a prática de esportes que valem a pena serem visitadas ou conferidas:
O Globo terrestre da Praça Capricórnio - Extremamente didático e recreativo para crianças até cinco anos, elas aprendem rapidinho que não é para ficar subindo no globo. Para os adultos serve como curiosidade e meditação, parar na frente dele e se perguntar, se o globo foi colocado em pé por preguiça, pressa ou ignorância é uma questão de difícil solução.
Portal da Maranduba - Oportuna e justa homenagem à imensa colônia portuguesa que muito colaborou para o crescimento e desenvolvimento da cidade. O projeto executado, é a estilização perfeita do bigode do dono de uma padaria que funcionou durante muitos anos no Pico do Corcovado.
Estátua ao Caiçara - O Projeto inicial previa duas estátuas. Por causa dos escassos recursos, o Prefeito contratou um artista de fora que resolveu a questão e fez uma estátua com dupla função. Homenageando o caiçara pescador, representado pelo homem e o caiçara artesão, representado pela imensa colher de pau que ele tem às mãos.
Cobertura da feira R.I.P.I. (Raridades Industrializadas e Produtos Importados) - Desenvolvida com tecnologia de ultima geração demonstrou extrema resistência às intempéries. Projetada para durar apenas um mês, mantém-se intacta até hoje. A beleza singela da cobertura deve-se a sua função principal, que é captar e jogar a água da chuva para o centro do espaço de exposições, numa comemoração emocionante ao ano internacional da água.

Esportes Radicais praticados em Ubatuba:

Street out – As calçadas de Ubatuba escondem armadilhas e obstáculos de impressionante dificuldade de transposição. Exige do atleta preparo físico e bom discernimento na escolha do melhor caminho. Querer ganhar tempo utilizando a rua é pior, pois os moradores andam por ali, os bicicleteiros andam nas duas mãos e para piorar, de vez em quando, algum carro se atreve a passar.
Iron bikers – Esporte local - O desafio é você se comportar igual a um ciclista civilizado pelas ciclovias e vias de Ubatuba e sair ileso, sem levar nenhum esbarrão, xingamento, abalroamento ou ser atropelado por um bando de bicicleteiros.
Pedestrian rally - Gênero local de caminhada que inclui salto de obstáculos, transposição de buracos, desvio de entulhos, reconhecimento de dejetos animais à distância e de vez em quando, desviar repentinamente de algum bicicleteiro atrasado e mau educado que invade a pista de caminhada.
Super 15th walker – Somente nas temporadas de verão – Desafio à sua inteligência e à sua paciência o objetivo é você encontrar um telefone publico funcionando. Se tiver paciência sai pela cidade procurando, se tiver inteligência desiste no primeiro.
Flying cucumbers – Esporte somente para credenciados e cadastrados pelo povo de Ubatuba, e depois durante quatro anos, todo mundo pode assistir. Lembra muito o inocente jogo da queimada. Fica um time na Câmara de vereadores e outro na Prefeitura o objetivo é queimar os adversários usando o legume adequado para cada situação, tem batata quente, nabo, ou o poderoso pepino voador que dá o nome ao jogo.

Carlos Rizzo
Ubatuba, SP


Unidade Mista de Saúde da Maranduba - Semana passada, quando precisei de serviços médicos na Unidade Mista da Maranduba, e por sinal, fui muito bem atendida pela Dra. Fulvia Pinheiro, que mesmo sem os instrumentos apropriados, conseguiu anestesiar e extrair a unha de meu filho, recebi a infeliz noticia que ali não teria mais o pronto atendimento, que seriam só consultas agendadas. Gostaria de deixar aqui meus protestos, pois aquele prédio foi construído com o esforço da comunidade, fazendo festas e bingos, arrecadando dinheiro para a construção, muito esforço para que pudéssemos ter aqui um pronto atendimento, pois estamos à 25 km. do centro. Alias, precisamos aqui é de um aparelho de Raio-X, instrumentos para primeiros socorros, pois a Dra. Fulvia fez milagre com o que ela dispunha no momento.
Gostaria que o Secretário da Saúde, Dr. Carlos Fragman fizesse uma análise da nossa situação aqui na Região Sul de Ubatuba, nós não podemos perder o pouco que conseguimos , estamos precisando de somar melhorias, recursos, não dividir. Recebemos notícias que estão chegando cada vez mais verbas para a Saúde mas pelo visto estão sendo mal distribuídas, mal administradas. Nós aqui da Região Sul, não recebemos benfeitorias por parte da Prefeitura, é como se não estivéssemos no Mapa de Ubatuba, um descaso total, ainda tirar o pouco que conseguimos e com muita luta... isso é demais. Não podemos aceitar isso de forma alguma, já pedi ao Vereador Charles Medeiros, e ele prontamente fez contato com a Secretaria pedindo uma reunião do Sr. Secretário e a comunidade da Região Sul.
Estamos aguardando Dr. Carlos Fragmam, temos que expor nossa situação, temos que ser ouvidos e não apenas avisados na recepção de o serviço que precisamos não existe mais.

Bel Dergham
Sertão Da Quina
Ubatuba, SP


Menos cadeiras na Câmara - Veio em boa hora a redução de 13 para 10 vereadores na Câmara Municipal de Ubatuba, irá proporcionar perto de trinta por cento de economia nos gastos do Legislativo. Recursos que poderão ser aplicados em benéfico da comunidade. Além disto, é uma demonstração clara de que os nossos políticos não estão, como alguns imaginam, acima do bem e do mal. A medida do Supremo Tribunal Federal é mais uma sacudidela no sentido de despertar o homem público ubatubense para a realidade local que deixa muito a desejar quanto à saúde, educação, moradia, saneamento básico.
Neste aspecto a situação é calamitosa e, por incrível que possa parecer, querem atrair turistas.
Tentam vender algodão por veludo. Aumentam o risco de acidentes, criam a possibilidade de mais pagamentos de indenizações. Ao assumir a Comtur, Patrícia Ortiz obriga-se a uma demonstração oficial da situação da empresa e não deve encontrar dificuldades por ter pertencido aos quadros funcionais. A obrigação aumenta graças ao respeitado sobrenome paterno, marca taubateana de correção e austeridade. Do couro sai sempre a correia. Enquanto isso, continuamos aguardando mudanças políticas para melhor. No tocante à Câmara Municipal estaremos no lucro a partir do ano que vem. A esperança é que os futuros eleitos correspondam aos nossos anseios, que não lancem em os nossos costados o ônus da má fé, da corrupção, da incapacidade. Que, simplesmente, justifiquem o que lhes pagamos mensalmente.

Ricardo Faria
São José dos Campos, SP


Reunião - Caros Amigos, Dia 26 do corrente mês fizemos a primeira reunião do ano do CONSEG de São Sebastião – Maresias. Foi uma reunião muito produtiva, aonde chegamos a um denominador comum, que a sociedade deve se organizar a fim de atingir seus objetivos, não devemos esperar nada de ninguém, mas sim levar a estas pessoas, projetos e soluções e cobrar deles que tornem estes realidade. Outra conclusão que chegamos, e que devemos mostrar as pessoas influentes que moram em nossa cidade, a real situação em que se encontram os bairros, com seus núcleos de pobreza, em resumo, para que elas possam ajudar a resolução destes problemas, e conseqüentemente não terem seus empreendimentos desvalorizados.
Com isso amigos é de suma importância a sua participação, com idéias e sugestões, caso você não goste de participar de reuniões, poderá fazê-lo através do e-mail consegmaresias@terra.com.br . Um dos problemas mais graves que temos hoje é o número baixo de Policiais Civis e Militares, por exemplo o efetivo da Policia Militar e fixado por lei, aproximadamente no ano de 1986, deste ano para cá nosso município teve um crescimento acima da média nacional, e conseqüentemente os problemas também aumentam.
Caro amigo, de sua opinião, idéia e sugestão, na próxima reunião estaremos apresentado algumas destas sugestões e formando uma comissão que irá elaborar um projeto que será apresentado a alguém que possa resolver nosso problema, converse com seus amigos, façam um debate particular, dele devem sair idéias que podem mudar nossa cidade, bairro ou rua, lembre-se “A MUDANÇA SÓ DEPENDE DE NÓS”.

Aldo Amadei - Presidente
CONSEG - São Sebastião
Maresias – Construindo uma Comunidade mais Segura!


Atenção!

Comunicamos que diante de várias políticas anti-Spam dos provedores de internet, nossos boletins estão sendo bloqueados por serem confundidos com mensagens não solicitadas, o que não é o caso.
Solicitamos aos  leitores que não estiverem recebendo nossos boletins via e-mail, que acessem a página:
http://www.litoralvirtual.com.br/noticias/index.html , onde as notícias são atualizadas diariamente, de 2ª a 6ª feira.

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Estrada Monte Valério

Estrada Monte Valério
©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:

Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

 

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor