Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 07 de abril de 2004 - Nº 1028 Edições Anteriores
Barra da Lagoa Mar Virado Basfibra

Região
Ciclone deixe Litoral Norte em alerta
Alerta no mar
Sindicatos e Marinha pedem para pescadores voltarem do mar
Convênio dos municípios do Litoral Norte com o SPU


Caraguatatuba
Prefeitura quer ‘inclusão digital’ de todas as famílias de Caraguá
Audiência pública: quiosque precisa de som alto para atrair turistas?
Ceprolin abre 400 vagas para cursos gratuitos

Ilhabela
-


São Sebastião
Com a queda da MP, bingo de São Sebastião também será aberto
Baleia encalha e morre em São Sebastião
Partido Social Cristão lança ala feminina na próxima semana
PT de São Sebastião definirá alianças em encontro municipal
Ana Moser apresenta projetos sociais para a comunidade de Maresias
3º Pelotão de Boiçucanga já está em Maresias

Ubatuba
Cadastro único concentra benefícios
Bingos de Ubatuba permaneceram fechados
Eventos musicais na Fundart
Boletim da 13ª Sessão Ordinária do dia 4 de maio de 2004
Ministério da Educação destina repasses
Repasses são destinados através de Ministério


Seções
Artigo
Crônica
Carta do Leitor
Foto do Dia


Notícias da Região Topo

Ciclone deixe Litoral Norte em alerta
Fenômeno esperado hoje no sul do país deve provocar ondas de 2,5 metros nas praias da região

Litoral Norte - A Defesa Civil do Litoral Norte está em alerta por causa da possibilidade de ondas de até dois metros e meio de altura hoje e amanhã nas praias da região. O fenômeno deve acontecer por causa da formação de um ciclone no sul do país. Ontem o mar apresentou leve agitação, formando ondas de um metro em praias como a de Maresias, em São Sebastião. Hoje as ondas poderão alcançar dois metros e meio de altura, segundo o Cptec (Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos), em Cachoeira Paulista. A agitação do mar ontem atraiu muitos surfistas. O presidente da Defesa Civil de Caraguatatuba, Oduvaldo Romano, disse que está pedindo para os surfistas, pescadores, velejadores e banhistas não entrarem no mar enquanto houver agitação. "Os voluntários da Defesa já estão em alerta, assim como os Bombeiros e a Polícia Ambiental", afirmou Romano. O surfista Anderson Ribeiro, 30 anos, foi ontem às 7h para a praia. "As ondas estavam com um metro de altura e davam a impressão que iam crescer mais." Ribeiro disse que hoje cedo também vai para o mar. "Quem entra no mar para surfar sabe os riscos que existem." O presidente da Associação de Surf de Caraguá, Luciano Santana, 36 anos, afirmou que orienta os surfistas a não entrarem no mar sozinhos e sempre combinar de alguém ficar na areia observando.
TEMPO - O meteorologista Roberto Pereira, do Cptec, disse que no sul do país as ondas poderão chegar a quatro metros de altura por causa da formação do ciclone e, que no Litoral Norte elas devem atingir dois metros e meio.
Pereira afirmou que não existe o risco de formação de ciclone na região, mas que o mar no litoral paulista se agita por causa da propagação das ondas no sul do país. Segundo Pereira, a frente fria que está no Vale deve provocar nebulosidade e chuvas até amanhã. Nos últimos dois dias a frente já provocou a queda de três graus na temperatura. A mínima no Vale hoje deve ser de 17ºC e a máxima, de 25ºC. (Fonte: ValeParaibano)

Alerta no mar

Litoral Norte - De acordo com a previsão do CPTEC, do Inpe, quem estiver no Litoral Norte nos próximos dias vai encontrar o aumento da agitação marítima.
Nessas áreas, as ondas podem passar de dois metros de altura. Além disso, no Estado de São Paulo e sul do Rio de Janeiro podem ocorrer pancadas de chuva acompanhadas de trovoadas, localmente fortes. Até, pelo menos, no final de semana, essas condições persistem.
O fenômeno é conseqüência da presença de uma frente fria, que causa chuvas desde o Rio Grande do Sul até o Estado de São Paulo, e da formação de um ciclone extra-tropical na região Sul do país. (Fonte: Correio do Litoral)

Sindicatos e Marinha pedem para pescadores voltarem do mar

Litoral Norte - Os sindicatos de pescadores do litoral de São Paulo e a Marinha estão orientando os donos de barcos a não saírem para o mar hoje e amanhã por causa do ciclone que deve passar pela região. No litoral norte, a rotina já mudou e alguns pescadores atracaram os barcos nos portos.
Pelo menos 40 barcos da colônia de pescadores estão ancorados e só devem sair na semana que vem para o mar. Segundo o sindicato local, o prejuízo deve chegar a R$ 200 reais por dia por embarcação. No litoral sul, o sindicato está orientando os 2.700 pescadores da região a retornarem o mais rápido possível do mar.
As autoridades estão em alerta na região. Segundo o coronel Celso Camargo, coordenador da Defesa Civil, 3 mil pessoas estão de prontidão entre Cananéia e Santos.
A base operacional da Defesa Civil está mudando para a região nestes dias. O coronel disse que deslocou equipes de coordenação em Iguape para atender emergências. Uma estação de meteorologia fará o monitoramento em tempo real das mudanças climáticas. (Fonte: Correio do Litoral)

Convênio dos municípios do Litoral Norte com o SPU

Litoral Norte - Na última terça-feira, dia 04, estiveram reunidos na Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Caraguatatuba, representantes dos quatro municípios do Litoral Norte, para mais uma rodada de estudos objetivando a assinatura de convênio com o Serviço do Patrimônio da União - SPU, para a Gestão Compartilhada da Orla Marítima - Projeto Orla.
A reunião, que foi coordenada pelo Arq. Gilmar Rocha, Secretário de Arquitetura e Urbanismo de Ubatuba e secretariada pela Biól. Daniela Kuntz, da Secretaria do Meio Ambiente de Caraguatatuba, contou ainda com a presença do Arq. José Marques Mendes, da Prefeitura de Ubatuba, Adriana Capriglione, da Prefeitura de Caraguatatuba, Waldir Flausino e Marcela Sobral, da Prefeitura de São Sebastião, Maria Inez Fazzini, Odair Barbosa dos Santos e Júlio César dos Santos, da Prefeitura de Ilhabela e do Arq. Paulo André Cunha Ribeiro, AEAAC.
No encontro deu-se continuidade aos assuntos tratados na reunião ocorrida na semana passada, na sede da Gerência Regional do Patrimônio da União em São Paulo - GRPU/SP, para a formulação de propostas por parte dos municípios.
Dentre as propostas apresentadas, que estão sendo encaminhadas à GRPU/SP, estão o fornecimento dos cadastros atualmente existentes, a orientação técnica para a demarcação dos terrenos de marinha e respectivo cadastramento, a cessão não onerosa, para uso dos municípios, das áreas de uso público, bem como a garantia de repasse de 50% da arrecadação decorrente da ocupação dos terrenos da União, para a implementação dos planos de intervenção previstos e a serem desenvolvidos no âmbito do Projeto Orla.
Segundo o Arq. Gilmar Rocha, a reunião foi considerada “bastante produtiva no sentido do estabelecimento das condições necessárias à assinatura do convênio pelos municípios, que possibilitará a gestão compartilhada da orla marítima, tendo como fundamento o equilíbrio entre a preservação da qualidade do meio ambiente e o desenvolvimento turístico da região, com ênfase no uso público das áreas de propriedade da União”. (Fonte: SAU/PMU)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caraguatudo O Guaruçá

Prefeitura quer ‘inclusão digital’ de todas as famílias de Caraguá

Caraguatatuba - Com 14 mil alunos da rede municipal de ensino cadastrados no sistema GSI (Gestão Social Integrada), um software que registra o aluno por meio de fotografia e impressão digital, a Prefeitura de Caraguá quer agora cadastrar todas as famílias da cidade. Estão sendo instalados 10 pontos fixos de cadastramento em escolas e postos de saúde municipais, para iniciar a segunda fase do programa, prevista para este sábado, dia 8. “Recebemos o sistema ajustado na última semana, agora estamos testando para começar o cadastro familiar, que não tem prazo para acabar. A intenção é unir as informações dos munícipes que utilizam as secretarias de Saúde, Educação e Assistência So-cial”, explicou o diretor de informática da Secretaria de Educação, Wagner Zau de Alvarenga. O cadastro une as famílias pelo nome, endereço, contendo dados como a renda familiar e até mesmo as datas de consultas médicas e notas escolares dos alunos. “Poste-riormente, este cadastro nos dará o perfil da população. O enfoque é o munícipe que utiliza os serviços da Prefeitura. Inclusive, o cidadão não precisa nem saber ler, porque o leitor é biométrico e colhe a digital dos usuários, garantindo a não-duplicidade”.
A meta é cadastrar até julho 50% da população, somando mais de 40 mil munícipes. No mês de maio, o prefeito Antonio Carlos da Silva estará lançando o projeto e fará a entrega das primeiras carteirinhas definitivas aos munícipes. Hoje o cadastrado recebe um cartão provisório. “Em março fizemos um cadastro piloto de famílias no Travessão. Cadastramos mais de 2 mil pessoas durante um final de semana”. Caraguá é a única cidade no Litoral Norte que tem o CMC (Cadastro Municipal do Cidadão). Ele é válido somente dentro do município e não substitui o RG. A primeira fase do programa cadastrou 14 mil estudantes das 34 escolas municipais no mês de março. (Fonte: Imprensa Livre)

Audiência pública: quiosque precisa de som alto para atrair turistas?

Caraguatatuba - Estacionamento na Martin de Sá e som na orla marítima das demais praias da cidade. Este foi o assunto da Audiência Pública realizada na tarde da última quarta-feira na Câmara, que contou com a presença de quiosqueiros e comerciantes locais. Na próxima quinta-feira, dia 13, haverá a segunda e última audiência para tratar dos dois assuntos.
O vereador Wilson Agnaldo Gobetti (PPS) tenta modificar o projeto de lei nº 466 de 1994, acrescentando que fica permitida a execução de música ao vivo ou mecânica até às 22h em volume considerado som ambiente em estabelecimentos comerciais, “com exceção de feriados prolongados e períodos de carnaval e reveillon”. Para a vereadora Leonor Diniz (PP) a questão deve ser mais estudada. “Moro na orla da Martim e muitas vezes fui incomodada com som alto nas altas horas da madrugada, quando preciso descansar para trabalhar no outro dia”. Para Gobetti, a música nos quiosques é imprescindível para o equilíbrio das finanças dos comerciantes. “Nas cidades turísticas do nordeste é normal música na praia de segunda a segunda. Se a mudança na lei não for aprovada estimula o desemprego e o fechamento de quiosques”. Diversos quiosqueiros das praias Indaiá, Martim de Sá, Cocanha, Palmeiras, Centro, Tabatinga e Mococa, defenderam o som até as 2 da manhã nos feriados e até às 4h no reveillon e carnaval. “Precisamos movimentar os quiosques à noite com música”, disse Andréa Lia Floriano, quiosqueira do Indaiá. Hoje a pena para quem desrespeitar a lei que disciplina o som na cidade é de multa 30 UFM (Unidades Fiscais Municipais), mais cassação do alvará e em caso de reincidência levará à interdição do estabelecimento. “Se o comer-ciante não tiver credibilidade hoje, não sobrevive. O turista não está nem aí com o som, mas nós moradores convivemos com a questão todos os dias”, defendeu o vereador Valmir Gonçalves (PSDB). A proposta da mudança nas leis municipais surgiu após a reurbanização das praias, principalmente a Martin de Sá, que não contará com estacionamento na orla marítima. “Tem gente querendo demolir casas na orla para fazer estacionamento, o que poluiria a imagem da praia. Já temos o prejuízo da sombra após o meio-dia que os prédios da orla fazem na areia da praia”, reclamou o presidente da Associação de Moradores da Martim, Alberto Conceição. Já, João Rodrigues de Godoy Filho - Baduca (PL) quer acrescentar na lei nº 200 de 1992 a permissão de estacionamento na zona residencial turística somente para carros de passeio, “com exceção das quadras que fazem confronto com a Avenida Aldino Schiave e Praça Antônio Fachini, localizada no bairro Martim de Sá”.
A vereadora Dalva Ricardo Santana alertou para a questão da segurança. “Com som e estacionamento liberados, o turismo tende a aumentar, mas os comerciantes tem de se responsabilizar pela segurança , principalmente à noite ”. (Fonte: Imprensa Livre)

Ceprolin abre 400 vagas para cursos gratuitos

Caraguatatuba - A Fundacc – Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba, o Ceprolin – Centro de Educação Profissional do Litoral Norte e a Prefeitura Municipal abrem 400 vagas para cursos técnicos no Ceprolin.
Os cursos, gratuitos, são de Secretariado, Técnicas de Vendas para o Comércio, Vigias e Porteiros, Jardinagem e Paisagismo, e Auxiliar de Serviços Gerais.
As inscrições podem ser feitas entre os dias 10 e 13 de maio, das 9 às 12 horas e das 13h30 às 17h30horas e os interessados devem levar xerox do RG.
O início dos cursos está previsto para dia 17 de maio, e as aulas acontecem das 9 às 12 horas e das 19 às 22 horas.
O Ceprolin fica na Rua Av. Rio Grande do Norte, 450, no Indaiá. Mais informações pelo telefone 3888-3888. (Fonte: PMC)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano
Sailing Shop

-

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Com a queda da MP, bingo de São Sebastião também será aberto

São Sebastião - O Bingo São Sebastião, localizado na rua João Cupertino dos Santos (atrás da prefeitura), no Centro, deve ser aberto nos próximos dias. A informação foi confirmada, ontem à tarde, pelo empresário Fernando Marino, um dos proprietários do estabelecimento comercial. Na última quarta-feira a medida provisória que proibia o funcionamento de bingos e a exploração de máquinas caça-níqueis, editada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em fevereiro, foi derrubada no Congresso Nacional. A decisão do Senado foi apertada, por 32 a 31 votos. A queda da MP fez com que 1,1 mil casas de bingo do país pudessem voltar a funcio-nar a partir de ontem. Em São Sebastião, o bingo praticamente será inaugurado. Isto porque, em fevereiro, logo após ampla reforma do prédio, a casa foi aberta em um coquetel somente para convidados, mas não chegou a funcionar por causa da determinação do Governo Federal. Fernando Marino ressalta que, na época, também faltavam alguns documentos. “Já temos tudo regularizado e agora, mediante o arquivamento da medida provisória, deveremos abrir nos próximos dias”, declarou. Ele não adiantou a data da abertura. O “Bingo São Sebastião” pertence a um grupo de empresários de São Paulo. Pelo menos 30 empregos diretos podem ser gerados. Marino lembra que os funcionários foram contratados em fevereiro, mas não chegaram a trabalhar. Todos passaram por treinamento e deverão ser chamados novamente. A principal atração da casa é o salão de jogo de bingo eletrônico, além da sala de vídeo-bingo. Caraguatatuba e Ubatuba também possuem bingos. A proibição do Governo Federal ocorreu logo após o escândalo Waldomiro Diniz, ex-assessor do Palácio do Planalto, filmado pedindo propina a um empresário de jogos em 2002. Com a queda da medida provisória, a orientação da Abrabin (Associação Brasileira dos Bingos) é para que as casas reabram após a publicação da nova decisão. Apesar do Senado ter derrubado a MP editada por Lula, alguns bingos já vinham funcionando antes disso, amparados por liminares. (Fonte: Imprensa Livre)

Baleia encalha e morre em São Sebastião

São Sebastião - Uma baleia bicuda do gênero Mesoplodon encalhou na tarde de anteontem na praia da Baleia, em São Sebastião. O animal morreu 20 minutos depois. A equipe do Projeto SOS Mamíferos Marinhos foi avisada por moradores no início da noite terça-feira. Segundo a oceanógrafa Shirley Pacheco de Souza, coordenadora do Projeto SOS Mamíferos Marinhos, Instituto Terra & Mar, o animal provavelmente estava doente, já que veio vivo para a praia. A possibilidade é que seja uma baleia da espécie Layard (Mesoplodon layardii). Segundo Shirley, este seria o primeiro encalhe da espécie no Sudeste Brasileiro. Ela afirmou que a espécie, que pode chegar a 6,20 metros de comprimento, vive em águas temperadas do hemisfério sul, existindo alguns registros de encalhes no litoral do Rio Grande do Sul. (Fonte: ValeParaibano)

Partido Social Cristão lança ala feminina na próxima semana

São Sebastião - O pré-candidato a prefeito de São Sebastião, Ernane Primazzi, espera contar com o apoio de pelo menos 100 mulheres, a partir da próxima semana. Isto porque, no dia 15 de maio a Câmara Municipal será palco da cerimônia de lançamento do PSC Feminino, com a presença do deputado estadual Adílson Barroso. Ernane acredita que a aceitação de seu nome vem crescendo. “O pessoal não agüenta mais o que está acontecendo, por isso, houve este crescimento. Pelos nossos dados, já estamos em 2º lugar”, sugeriu. De acordo com o pré-candidato do PSC, as subdivisões do partido são uma forma de não sobrecarregar o diretório. “Temos de incentivar as mulheres a participarem da política, pois vão se sentir em casa. O próximo passo é a criação do PSC Jovem”. Hoje, o partido já conta com 340 filiados. Segundo Ernane, existe a possibilidade de alianças com outras legendas, sem mporém revelar quais. “Estamos em conversação com mais quatro partidos, todos com uma linha bem próxima da nossa”, disse. Antes do lançamento do PSC Feminino, o pré-candidato participa de uma festa de confraternização em homenagem ao Dia das Mães, no próximo domingo, em Cambury. Ernane Primazzi esteve durante sete anos na prefeitura, como secretário de Administração na segunda gestão de Paulo Julião e secretário de Governo do ex-prefeito Luiz Alberto de Faria. Administrador de empresas, ele é proprie-tário de um mercado no Pontal da Cruz. O presidente do PSC é Marcelo Antunes de Camargo, que faz parte da diretoria do Sindserv (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Sebastião). (Fonte: Imprensa Livre)

PT de São Sebastião definirá alianças em encontro municipal

São Sebastião - O diretório do PT deverá anunciar suas alianças para a disputa eleitoral no próximo dia 16, em encontro municipal na Câmara. A informação foi divulgada ontem pelo presidente do partido, Luiz Carrança. Segundo ele, a idéia é buscar coligações com legendas de base do governo federal. “Temos conversas adiantadas com PSC e PSDC, mas só será definida a coligação no encontro”. O PT de São Sebastião já escolheu seu pré-candidato a prefeito, o contador Luiz Ramos. De acordo com o presidente, no dia 16 de maio será definida a chapa de candidatos a vereador. Luiz Carrança acredita que o pré-candidato a prefeito tem uma boa aceitação. “A cada reunião temos mais esperança de atingir o poder na cidade. Por isso, convidamos toda a população para o encontro na Câmara”. Pela manhã haverá um debate aberto à comunidade. No período da tarde, as discussões serão entre filiados do partido. “A única coisa que não será definida ainda é o vice, que vai ser escolhido na convenção, em junho”, concluiu. Luiz Antônio Ramos foi escolhido pré-candidato do PT a prefeito de São Sebastião em novembro do ano passado. Com 32 votos, ele derrotou João Amorin no 2º turno das prévias organizadas pelo Diretório Municipal. (Fonte: Imprensa Livre)

Ana Moser apresenta projetos sociais para a comunidade de Maresias

São Sebastião - O Conseg do 1º distrito (Maresias) realizou ontem um encontro para discutir algumas questões de segurança e apresentar as atividades do novo posto, que abriga agora o 3º pelotão da Polícia Militar, no bairro de Maresias. A ex-jogadora da seleção brasileira de vôlei, Ana Moser, participou da reunião, utilizando o espaço para falar sobre o projeto que está sendo desenvolvido inicialmente na Escola Municipal Dulce César Tavares, localizada no sertão de Maresias.
“O projeto consiste basicamente em capacitar os professores de educação física das escolas do município. Tenho casa em Maresias há quatro anos e quero contribuir para que esse local não sofra o que a nossa capital sofre”, explicou Ana.
O projeto oferece duzentas horas de treinamento para os professores durante dez meses, do mês de março até o mês de dezembro. A empresa multinacional Unilever patrocina a idéia, que foi realizada na favela do Heliópolis, em São Paulo, em Indaiatuba e Vinhedo, as duas últimas localizadas no interior do estado de São Paulo. “No Heliópolis não havia um professor de educação física sequer, atualmente existem dois e percebo que plantamos uma boa semente para que eles se multipliquem no futuro. A idéia principal é formar essas crianças através do esporte”, ressaltou Ana. Segundo ela, o projeto pretende alocar um núcleo esportivo em cada escola existente no município de São Sebastião. Dez escolas serão atendidas no primeiro ano e a E.M Dulce César Tavares é a pioneira na realização da proposta. Oficinas que visam orientar os alunos da escola em diferentes práticas também estão sendo promovidas pelo projeto. “Os cursos tem a duração de cinco semanas. O primeiro terminou na primeira semana de abril e abordou a técnica do mosaico, trabalho exposto no mural do Maresias Beach Hotel. O próximo começa amanha e vai ensinar às crianças o processo de reciclagem do papel”, explicou a ex-jogadora. O projeto ensina também os fundamentos básicos do vôlei para as crianças. Duas aulas são ministradas por professores locais durante a semana e duas outras são conduzidas durante os fins de semana, por professores trazidos de São Paulo. “Realizamos ainda as sessões de filme nos sábados à tarde. O pessoal da prefeitura empresta o projetor e nós exibimos desenhos animados para as crianças. Importante lembrar que toda essa iniciativa está sendo desenvolvida em parceria com a Prefeitura Municipal de São Sebastião”, concluiu Ana. (Fonte: Imprensa Livre)

3º Pelotão de Boiçucanga já está em Maresias

São Sebastião - O 3º pelotão da 1ª companhia do 20º batalhão da Policia Militar começou a operar oficialmente no bairro de Maresias a partir de ontem. A inauguração aconteceu no próprio posto da Polícia Militar, localizado na avenida Francisco Loup. A mudança ocorreu devido à precariedade das instalações que o 3º pelotão dispunha em Boiçucanga.
“Inicialmente esse pelotão seria transferido para a Barra do Una. Sugerimos que o pelotão fosse trazido para Maresias e a proposta foi aceita mediante uma reforma nas instalações que já existiam em nosso bairro”, disse Aldo Amadei, presidente do Conseg do 1º distrito. A presidente do Conseg do 2º Distrito (de Boiçucanga a Boracéia), Éder Avila Castanha Monteiro, disse que a comunidade do 2º Distrito se sente “de certa forma prejudicada”:
“Tivemos 20 mil reais cedidos pelo grupo Pão de Açúcar e buscávamos os outros 60 mil necessários à reforma do pelotão junto à prefeitura. A verba não foi liberada pela administração e Maresias se antecipou. A comunidade sentiu e se manifesta desa forma”, lamentou. A reforma do posto da PM em Maresias foi organizada pelo Conseg e custeada através de doações realizadas pela sociedade civil. “Todos colaboraram com aquilo que podiam, conseguimos terminar a reforma em apenas uma semana e estou muito orgulhoso de todo esse trabalho”, acrescentou Aldo.
Representantes de organizações da sociedade civil, da Polícia Militar e da Prefeitura Municipal de São Sebastião também compareceram à inauguração. “É importante salientar que a permanência do pelotão aqui em Maresias é provisória. Nos sentimos muito honrados e iremos trabalhar de maneira cada vez mais eficaz para atender essa comunidade que está recebendo nossos homens tão calorosamente”, ressaltou Eduardo Rosmaninho, capitão e subcomandante interino do 20º batalhão da Policia Militar do Interior. “Sabemos que essa permanência do pelotão é provisória, mas estamos nos organizando para reivindicar a instalação de uma companhia da Polícia Militar em Boiçucanga, o que nos garantiria a permanência desse pelotão em Maresias”, explica Aldo. Três projetos estão sendo desenvolvidos no posto do 3º pelotão da Policia Militar de Maresias. O Projeto Acolher, que consiste na presença de um psicólogo no posto, visando o tratamento de indivíduos possivelmente traumatizados em decorrência de atos criminosos. O segundo é o Projeto Desabrochar, que vai ensinar jovens moças, com idades entre 14 e 16 anos, questões de comportamento, maquiagem e etiqueta. E o último é o Projeto Inclusão Digital, que visa instruir os jovens da comunidade local na prática da informática.
“O Acolher tem a missão de tirar o medo que as vítimas de qualquer tipo de violência quase sempre desenvolvem. Um simples assalto pode desencadear um processo de síndrome do pânico e isso acarreta sérios danos ao cotidiano da pessoa. O Desabrochar e o Inclusão Digital são projetos preocupados essencialmente com a auto-estima de nossos jovens”, resumiu Sonia Ribeiro Gonçalvez, psicóloga da Abrascom (Associação Brasileira de Apoio aos Consegs).
Um coquetel para celebrar a inauguração foi realizado logo após o evento, no estabelecimento comercial “Os Alemão”, também no bairro de Maresias. “Precisamos nos unir e entender que como Costa Sul podemos conseguir muito mais para todos do que lutando individualmente em cada bairro”, completou Aldo, referindo-se a possibilidade de criar uma companhia da Policia Militar em Boiçucanga. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Setur Marketing Político e Assessoria de Imprensa

Liminar derruba cobrança de taxa de iluminação pública
A nova taxa que foi paga pelos contribuintes foi aprovada irregularmente e a Justiça determinou seu cancelamento

Ubatuba - A população de Ubatuba pode comemorar, nessa semana, uma vitória da democracia contra um dos tantos desmandos que ocorrem na política, não só municipal, mas brasileira.  O vereador Eduardo César conseguiu derrubar, através de uma liminar na Justiça, a lei que instituiu em dezembro uma contribuição (obrigatória) para custeio da iluminação pública. Com a liminar concedida pela Justiça, a taxa ilegal não poderá mais ser cobrada a partir da próxima conta.
Esse projeto de lei, de autoria do vereador Ricardo Barbosa (PFL), foi aprovado irregularmente numa sessão extraordinária em dezembro com o voto favorável de cinco vereadores contra quatro e, posteriormente, sancionado pelo prefeito. Segundo o vereador Eduardo César, a lei foi publicada em um jornal com sede em São Sebastião, o que dificultou o acesso da informação aos munícipes, que, em sua maioria, só ficaram sabendo da nova taxa através da conta de luz. . "Nós tentamos impedir a aprovação desse projeto por entender que ele estaria onerando ainda mais o contribuinte de Ubatuba, que já havia sofrido com o aumento no IPTU e no ISSQN”. Ainda de acordo com Eduardo, todas essas aprovações “foram feitas às escuras, em sessões extraordinárias, sempre escondidas do povo. Fazendo uma analogia ao horário em que foi votado o projeto de lei sobre essa taxa, o vereador comenta: “O sol estava claro como hoje, mas a covardia era latente.”
O presidente da Associação do bairro Jardim Carolina, Claudinei Salgado foi quem descobriu a falha na forma como foi feita a votação. Ele afirma que as circunstâncias em que aconteceram a aprovação dessas leis – horários da sessão inacessíveis ao trabalhador e a publicação da lei em outro município - chamaram a atenção para possíveis irregularidades: "Como nós ficamos indignados, recorremos ao regimento interno da Câmara e encontramos falhas grosseiras no processo de votação do projeto de lei. Descobrimos então que o ato da aprovação foi ilegal, uma vez que tal projeto é de natureza tributária e, por essa razão, deveria ter sido aprovado pela maioria absoluta, com no mínimo, sete votos favoráveis”, explicou Claudinei.
O vereador Eduardo César finaliza seu depoimento dizendo que essa conquista da comunidade contra uma injustiça cometida pelo poder público, deixa claro que a população deve estar sempre atenta às decisões governamentais, atuando ativamente na Câmara, ajudando a fiscalizar e decidir os caminhos para se efetuar mudanças positivas no município.
(Fonte: Assessoria do Vereador Eduardo Cesar)

Cadastro único concentra benefícios


Ubatuba - A Caixa Econômica Federal - CEF, e a Prefeitura de Ubatuba, iniciaram dia 3 a entrega do cartão unificado. Ele foi entregue para os cidadãos que têm direito a 8 tipos de benefícios: bolsa alimentação, bolsa-escola, Programa de Erradicação do Trabalho Infantil - PETI, Agente Jovem, auxílio-gás, auxílio-aluno (profissionalização na área de enfermagem), bolsa-renda e cartão alimentação. O cartão único substitui os anteriores e concentra os benefícios em um só. O ato de entrega dos primeiros cartões foram na sede da CEF, em cerimônia que contou com a presença do prefeito Paulo Ramos, do vereador Osmar Santos e da gerente-geral Maria Augusta Amaral de Carvalho, além de funcionários da instituição financeira. O cadastramento foi realizado pela Secretaria de Assistência Social, com dados fornecidos pelas Secretarias de Educação e Saúde. De acordo com o secretário Edson Alves, da Assistência Social, foram cadastradas 1.057 famílias. No total, cerca de 5 mil pessoas foram beneficiadas com repasses mensais que vão de R$ 15,00 a R$ 105,80, conforme os dados levantados por meio do cadastramento. “Estamos atingindo vá- rios segmentos carentes da sociedade com este projeto do Governo Federal”, lembrou o prefeito. (Fonte: Imprensa Livre)

Bingos de Ubatuba permaneceram fechados

Ubatuba - Mesmo com a liberação do governo, as três casas de Bingo de Ubatuba, que funcionavam normalmente até a medida provisória do presidente Lula, que obrigou o fechamento de todos os estabelecimentos do pais, permaneceram fechadas durante o dia de ontem. O Bingo Itaguá, localizado na Av Leovegildo Dias Vieira, na orla da praia do bairro do Itaguá, fechou as portas. O imóvel aparenta estar totalmente vazio e faixas anunciam que o prédio está para alugar.
Na Av. Dona Maria Alves, situada em frente ao passo Municipal, o Bingo Vitória também permaneceu fechado durante todo o dia, o mesmo acontecendo com o Ubatuba Bingo, que fica num dos principais acessos no centro da cidade, próximo ao calçadão, onde ocorre o movimento e mais intenso da cidade. (Fonte: Imprensa Livre)

Eventos musicais na Fundart
Conforme é sabido, a Fundart promove periodicamente a Sexta Básica Musical, Madrigal – Música na Catedral e Seresta e Seresteiros.

Ubatuba - A Sexta Básica Musical acontece toda a primeira sexta-feira de cada mês, na praça da Fundart, das 19:00 as 22:00 horas. Trata-se de um “happy hour” com músicos da cidade e é sempre uma oportunidade para se ouvir boa música, a maior parte das apresentações é de música popular brasileira. A sexta Básica Musical é aberta a participação do público podendo-se recitar poesias e narrar causos, havendo portanto, uma interação do público. Nesta sexta, dia 07 teremos a Banda The Reverend com Olmair, Myltinho e Chris apresentando uma noite de blues, jazz, rock e pop.
O Madrigal – Música na Catedral acontece na Igreja Matriz, no terceiro sábado, às 20:30 horas. Nesses concertos são apresentadas músicas bem elaboradas, em geral clássicos mundiais interpretados por instrumentistas de qualidade indiscutível. O ambiente da Igreja Matriz é propício devido a sua arquitetura , com acústica adequada para este tipo de evento, logo convidativo a boa música.
No ultimo sábado de cada mês acontece às 20:30 horas na sede da Fundart a “Seresta e Seresteiros” evento musical coordenado pelo casal Francisco Sergio e Regina de modo descontraído, artistas da cidade fazem suas apresentações de forma alegre e natural.
São eventos que já podem ser considerados de sucesso de público e critica. (Fonte: Fundart)

Boletim da 13ª Sessão Ordinária do dia 4 de maio de 2004

Ubatuba - Rejeitado, por unanimidade, o VETO DO PROJETO DE LEI Nº 27/04, do Ver. GERSON DE OLIVEIRA – PMDB, que equipara os vencimentos do agente Administrativo - Ref. 8, do oficial Administrativo - Ref 10, ao do Assistente Administrativo - Ref 12, da escala de vencimentos do Funcionalismo Municipal, vigente.
Adiado, por 1 (uma) sessão, o PROJETO DE LEI N° 113/03, do Ver. DOMINGOS DOS SANTOS – PT, que cria o Código de Postura do Município de Ubatuba.
Adiado, por 4 (quatro) sessões, o PROJETO DE LEI N° 163/03, do EXECUTIVO, que dá a denominação de “Acrísio Ceschi” à Estrada municipal UBT-355, Rio Escuro – Monte Valério.
Adiado, por 1 (uma) sessão, o PROJETO DE LEI Nº 215/03, do Ver. RICARDO CORTES - PFL, que altera a Lei 1.294/03, que dispõe sobre o comércio ambulante, aumentando para até 04 (quatro), os tipos de mercadorias permitidos a comercializar, dentre os que enumeram.
Adiado, por 2 (duas) sessões, o PROJETO DE LEI Nº 25/04, do Ver. RICARDO BARBOSA - PFL, que altera o artigo 32 da Lei 1011/89-CTM, que dispõe sobre a remissão de IPTU, reduzindo as exigências para a já concedida anteriormente.
Adiado, por 2 (duas) sessões, o PROJETO DE LEI Nº 57/04, do Ver. CHARLES MEDEIROS – PSDB, que dispõe sobre a obrigatoriedade das edificações efetuarem a ligação do seu sistema sanitário e o despejo do esgoto produzido, na rede de coleta existente, em condições de atendimento.
Aprovado, por unanimidade, o PROJETO DE LEI Nº 69/04, do Ver. RICARDO CORTES – PFL, que autoriza o Executivo a instituir o Sistema Municipal de Diagnostico de Deficiência Auditiva, Visual, Motora e Mental.
Aprovado, por unanimidade, o PROJETO DE LEI Nº 85/04, do Ver. ROGÉRIO FREDIANI – PTB, que autoriza a concessionária de transporte coletivo urbano que atende Caraguatatuba, ingressar até 3 km em Ubatuba, e vice-versa.
Moção:
Aprovada, por unanimidade, a MOÇÃO Nº 17/04, do Ver. ROGÉRIO FREDIANI – PTB, de congratulações ao “Dia do Índio”.
Pedidos de Informação:
Aprovado, por unanimidade, o Nº 53/04, do Ver. CHALES MEDEIROS - PSDB, Solicitando informações sobre a pavimentação asfaltica, dos bairros já integrantes do Plano Extraordinário de obras.
Aprovado, por unanimidade, o Nº 54/04, do Ver. ROGÉRIO FREDIANI – PTB, solicitando cópia do projeto do levantamento de imagens para elaboração de vídeo.
Aprovado, por unanimidade, o Nº 55/04, do Ver. ROGÉRIO FREDIANI – PTB, solicitando esclarecimento sobre empresas que exploram passeios turísticos de embarcações.
Aprovado, por unanimidade, o Nº 56/04, do Ver. ROGÉRIO FREDIANI – PTB, solicitando esclarecimentos sobre a regularidade dos estabelecimentos de hotelaria.
Aprovado, por unanimidade, o Nº 57/04, do Ver. CHARLES MEDEIROS – PSDB, solicitando informações quanto ao procedimento de exames preventivos para mulheres, dentro do município.
Aprovado, por unanimidade, o Nº 58/04, do Ver. OSMAR DE SOUZA – PFL, solicitando informações da prefeitura municipal sobre a exoneração do secretário de turismo. (Fonte: Câmara Municipal de Ubatuba)

Ministério da Educação destina repasses

Ubatuba - O presidente da Câmara Municipal de Ubatuba, Rogério Frediani (PTB), na última semana recebeu três comunicados do Ministério da Educação (Fundo Nacional de Educação) informando a liberação de novos recursos financeiros para garantir a execução de programas ligados ao órgão no município. Para rede estadual foram destinados R$R$12.763,40; rede municipal R$22.763,88; filantrópica, R$85,80 e programa nacional de alimentação indígena, R$164,56. (Fonte: Luana Camargo)

Repasses são destinados através de Ministério

Ubatuba - Rogério Frediani (PTB), presidente da Câmara Municipal de Ubatuba, esta semana recebeu uma carta do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Departamento de Gestão do Fundo Nacional de Assistência Social e Coordenação Geral de Orçamento e Finanças comunicando a transferência de verbas para o Fundo Municipal de Assistência Social de Ubatuba. Segundo a carta, R$2.750,00 são para o pagamento da Bolsa Criança Cidadã e R$2.200,00 destinados a manutenção da Jornada Ampliada/Erradicação do Trabalho Infantil. (Fonte: Luana Camargo)

Ação Litoral

Conto em Capítulos Topo

Capítulo XXXI: Em busca do livro

Depois de examinar as fotos e apontar os ladrões do livro, fui convidado a acompanhar o homem que me recebeu. Ele devia ter entre quarenta e cinqüenta anos, era de estatura mediana e compleição forte. Tinha cabelos escuros e ondulados. Parecia um tipo mediterrâneo, a não ser pelos olhos claros. Entramos em uma sala onde ele pegou uma pasta e escreveu uma mensagem em uma espécie de máquina de escrever. Depois partimos, ele me instigando a seguí-lo. Caminhamos sem nada dizer, o tipo era lacônico, respondia por monossílabos e cortava qualquer tentativa de diálogo. Eu sou falante, conversar é uma forma das mais agradáveis de passar o tempo, a jornada muda foi aborrecida. Ao chegarmos à Casa da Farinha, um carro nos esperava. Sentamos nos bancos dianteiros, ele ao volante, o motorista que trouxe o carro foi conosco até Ubatuba onde desceu sem proferir uma única palavra. No painel do carro havia uma tela peque na, parecida com as telas de radar que há nos aviões. Notei que conforme fazíamos as curvas a tela mudava de cor, e também de brilho, ora era muito luminosa, ora opaca e quase apagada. Sem que eu dissesse nada, o meu companheiro de viagem apresentou-se dizendo chamar-se Zorg. Nunca entendi o porquê dos seres intergalácticos usarem nomes começados com a letra “z”. Ele continuou, dizendo que o livro continha um dispositivo que permitia que fosse rastreado por nós e apontou para a tela misteriosa. As cores brilhantes indicavam a direção a seguir, o brilho destas a distância. Quando a tela ficasse completamente azul estaríamos a menos de cinco quilômetros do alvo, então entraria em cena o som, um zumbido começaria a nos orientar até que finalmente chegaríamos ao livro. Por enquanto a tela indicava que eles estavam há mais de cinqüenta quilômetros de distância. Em algum momento eles parariam e então nós nos aproximaríamos. Perguntei sobre o alcance do sinal emitido pelo livro. El e disse que abrangia todo o planeta, eles não poderiam fugir nem tampouco se esconder. A viagem continuou até depois do anoitecer, paramos finalmente em Paraibuna para abastecer. Aproveitei para esticar as pernas, meu companheiro disse então que eu deveria procurar um lugar para passar a noite. Ele tinha um compromisso. Nos encontraríamos no posto, onde estávamos as nove da manhã do dia seguinte. Sem mais o que fazer, levei minhas coisas até uma pensão e depois de alugar um quarto tomei um banho quente e depois saí para dar uma caminhada nas margens do rio. A noite era de Lua cheia, o rio seguia seu curso calmamente tingido pela luz prateada, nas margens alguns chorões deixavam que suas folhas tocassem suavemente as águas, apenas tangenciando o movimento destas. A impressão que dava era que isto transmitia prazer às árvores, não havia outra explicação, aliás, se observarmos o comportamento dos seres vivos, o que os impele é a busc a de momentos agradáveis. Ao pensar nisso fiquei momentaneamente triste e frustrado, uma noite tão bonita e eu longe de qualquer atividade que me desse prazer. Estava ali caminhando enquanto esperava as horas passarem para seguir em busca de um livro que na verdade era um objeto perigoso e que poderia desencadear uma terrível guerra interplanetária. No outro dia continuamos a viagem, os ladrões estavam longe, porém tinham parado. Após alguns momentos de observação da tela, onde alguns sinais que me pareceram números apareceram, Zorg pegou um mapa também cheio de sinais gráficos diferentes de tudo o que eu já tinha visto. Em seguida ele fez algumas anotações, digitou alguma coisa nos botões que ficavam logo abaixo ad tela do ”radar” e esta mostrou uma representação cartográfica parecida com as que estamos acostumados. Logo notei a região de Sorocaba, o mapa da tela tinha os nomes das cidades, aos poucos a paisagem foi mudando até que finalmente uma cidade se destacou. Cesário Lange, nas imediações de Tatuí. Zorg falou então pela segunda vez no dia, antes ele tinha dito vamos, o que interpretei como loquacidade extrema. Pensei em apelida-lo de Zorg o tagarela. Voltando ao que ele disse, os ladrões haviam escolhido uma fazenda como esconderijo. Durante os próximos cinco dias eles estavam presos aos eventos temporais terrestres, presos na nossa dimensão temporal. Depois disso eles iriam embora com o livro. As conseqüências poderiam ser imprevisíveis. Começamos então a viagem para Cesário Lange. Quando estávamos próximos de São José dos Campos, uma barreira policial estava bloqueando a estrada. Fizeram sinal para que parássemos. Dois policiais se aproximaram enquanto um terceiro abriu a porta traseira do carro e apontou uma arma para Zorg. Não era uma barreira policial, era uma armadilha e nós havíamos caído nela sem perceber. Obedecendo às ordens entramos em uma estrada vicinal de terra. Uma carreta fech ada nos esperava. Nosso carro subiu por uma rampa e a tampa foi fechada. Estávamos presos, dava para perceber o movimento, para onde estávamos indo era impossível saber. Nossos captores haviam neutralizado o radar.

Sidney Borges
www.lojasmurray.blogger.com.br/index.html

Crônica Topo

A Pescaria

Aquele dia amanhecera claro, muito sol, temperatura agradável, próprio para um programa ao ar livre. Depois do alegre café com a família, o pai resolveu fazer um "programa com o filho" enquanto mamãe preparava aquele almoço caprichado.
Quando se falou em pecaria, o garoto disparou e voltou com a tralha. Varias caixas com apetrechos, sacolas. Foi preparado um rápido lanche e lá se foram eles para a Represa de Guarapiranga, local piscoso e não muito longe. Durante o trajeto, os planos eram repartir os peixes entre a vovó, a titia e a D. Iaiá, amigona de sempre. O resto colocariam no freezer e começariam durante a semana.
O passeio foi muito alegre, um desfrutando a companhia do outro, pois era rara essa oportunidade devido aos compromissos do pai. Os momentos de intimidade entre os dois foi muito gratificante e o pai já prometia outros passeios, mas peixe que é bom... Nada.
Muitas minhocas depois cada um conseguiu o seu tão almejado peixinho, até que era de um bom porte, médio. Resolveram ir embora, pois já passara da hora do almoço.
Com muita alegria mostraram o troféu a todos da casa, mas qual não foi à surpresa quando os coitados dos peixinhos estavam vivos. O menino tinha os olhos rasos d'água e achava que não devia deixa-los morrer, já que agüentaram a viajem toda. O pai também se comoveu e resolveu leva-los ao parque do Ibirapuera e soltá-los no lago.
Colocaram os peixes no tanque e os dois imediatamente se puseram a nadar freneticamente.
Não teve jeito, um saco plástico cheio d'água foi à maneira que encontraram para transporta-los. Chegando lá muita gente aproveitando o sol, passeando ou deitados na grama e uma porção de guardas. Placas indicativas proibindo jogar qualquer objeto na água ou deixar lixo na grama, etc.
Os dois muito ressabiados, com o saco sobre a jaqueta, tentavam se desfazer dos mesmos, mas sempre aparecia alguém.
O pai resolveu se esconder por trás dos arbustos e quando o guarda virasse as costas eles soltariam os peixinhos na água.
Só que a moita já estava ocupada e o menino falou pro pai: - Olhe pai, estão brigando.
Deixa filho, vem pra cá, daqui a pouco eles fazem as pazes.
Dito e feito, não demorou muito o casal de namorados, muito agarradinhos deixou o local.
É agora, falou o pai, abra o saco e com jeitinho despeje o peixinho na água sem fazer barulho.
Mas, oh surpresa, o guarda viu a manobra e pegou os dois pelo colarinho.
Não sabem ler, seus analfabetos, não viram as placas? Vamos conversar com o Sr. Delegado.
Mas seu guarda, nós só queríamos...
Não tem mais nem menos vá se explicar as Sr. Doutor.
O jeito era obedecer, conversar com aquele ali não adiantava nada.
Lá se foram os três para o gabinete, sorte que não era longe, pois o pai estava exausto de tanto andar e o desconforto de carregar aquele saco plástico sob o braço.
Infelizmente o delegado era um sujeito de maus bofes e só falava gritando.
Esperaram um tempão e quando a porta se abriu o homenzarrão escureceu a sala e berrou: - Não me apresentem mais infratores, dê-lhes logo umas cacetadas para aprenderem a não prejudicar o patrimônio.
Onde já se viu um homem junto com uma criança, que exemplo está dando? Bem se vê, que veio de alguma cidade do interior, uma cidade incivilizada, sem...
Desculpe doutor, eu só queria...
Cale essa boca, seu marginal, energúmeno analfabeto, á poluir o seu lago, que aqui não queremos predadores.
Com muito custo, o pai conseguiu dizer que ia soltar os peixes
Ta bem, podem voltar para a casa,e que seja a ultima vez que vocês aparecem aqui, mas os peixes ficam!!! Tchau.

Dirce Marangoni
Ubatuba, SP

Carta do Leitor Topo

Saúde na Maranduba: Surpesa! - Depois de tanto tempo e luta para conseguirmos agendar uma reunião com o Secretário da Saúde de Ubatuba, para expormos nossas dificuldades, eis a SURPRESA, quando ontem às 18 horas, chegamos para a reunião, estavam presentes o Secretário da Saúde, vários vereadores e o SR. PAULO RAMOS - PREFEITO, a principio não entendemos bem o que estava acontecendo, mas logo caiu a ficha, dá reunião que foi pedida por nós comunidade o Sr. Prefeito aproveitou para, diante de um painel de slides com uma maravilhosa teoria de plano para a saúde, aproveitou para fazer seu discurso, quando indagado sobre os problemas da saúde, saia pela tangente dizendo que quem iria responder as perguntas seria o Secretário da Saúde que disso ele não entendia nada, e não deve entender mesmo alem de não precisar do SUS, quem entende dessas dificuldades somos nós, nós que usamos o SUS. Aproveitou para ser fotografado junto com tantas pessoas da comunidade, só quero ver se essas fotos vão ser divulgadas em algum jornal fazendo homenagens a ele, pois não respondeu a nenhuma pergunta e foi embora, na verdade só fez foi atrasar nossa reunião.
Quanto ao restante da reunião com o Dr. Carlos Fragmam, ele tentou explicar aquele painel maravilhoso, não nos dando tempo de questionar nada, para sermos ouvidos tínhamos que interromper sua fala e sair falando junto, tipo, aqui no Sertão da Quina, que realmente como eles disseram, se nossa preocupação era acabar o Pronto Atendimento (PA), não acabou, o que aconteceu é que o PSF virou PA, pois um médico sozinho para atender a uma comunidade tão grande tem que ser PA. Aquele painel, na teoria é uma coisa, mas na pratica é outra. Concluindo, não tivemos solução para nada, para nenhum dos problemas que conseguimos expor foi dito: isso eu vou resolver.
Acho que quando solicitamos uma reunião, nós é quem devemos ser ouvidos e não virem com a reunião pronta para ouvirmos e mais uma vez engolirmos.

Bel Dergham
Sertão da Quina
Ubatuba, SP

Coincidências da Vida - O Sr. Marcos Leopoldino Presidente da Câmara de Vereadores de S.Sebastião, devia se desculpar com o líder da bancada governista o Sr. Marco Antonio de Souza. Onde já se viu querer uma CEI para investigar o "Affair Eness" justamente no dia em que discutiam juridicamente a questão com o prefeito.
A CEI não é exagero Sr. Marco Antonio , que existissem 10 ações na Justiça a sua obrigação para o qual foi eleito é representar os munícipes que querem o esclarecimento do ""Caso Eness"" e outros que porventura existissem.
O Sr. Paulo Julião não tem nada a temer, basta apresentar os documentos comprovando a lisura do seu governo.
Abraços.

José Francisco Marsiglia
São Sebastião, SP

Carta Aberta

Ilmo.Sr.
Dr. Carlos Fragnan
Secretário da Saúde


Lemos atentamente o projeto elaborado por esta secretaria, junto com a comunidade, Santa Casa, Funcionários etc., publicado no Litoral Virtual, com o título Uma nova visão para a saúde.
Como V.S. mesmo diz, fica realmente muito difícil para a comunidade da região sul entender que com toda a valorização do ser humano que é colocado neste projeto, não temos saneamento básico, na maioria das vezes nem água tratada, com uma grande infestação de caramujos, cães abandonados etc.. possa ver sua tão precária Unidade Mista, que, diga-se de passagem, por ela e com os recursos dela foi construída, ser desprovida do Pronto Atendimento.
Como uma população que fica a quase 30 Km. da Santa Casa, pode socorrer os acidentes, e as emergências desta região sem um Pronto Socorro?
Na verdade, o que esperávamos, era andar para frente, ver nossa unidade ser reformada, ver ampliado os serviços de saúde com radiografias, coleta de material para realização de exames,etc...
O titulo do artigo: “UMA NOVA VISÃO PARA A SAÚDE” francamente Sr. Secretário, fica muito difícil de entender esta visão, acredito estar míope, aliás hoje é o dia do oftalmologista, aproveite.

Associação dos Comerciantes da Maranduba
Grupo de Devenvolvimento de Projeto Turístico da Região

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Praia da Lagoinha

Praia da Lagoinha
©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral na versão:

Compacta (apenas as manchetes c/ Link)
Completa (todas as notícias na íntegra) 
e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor