Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Quarta-feira, 09 de junho de 2004 - Nº 1051 Edições Anteriores
Barra da Lagoa Portal da Palmeira Disk Denúncia

Região
-

Caraguatatuba
Pescador inspira pesquisa
7º Festival do Camarão:
Aurimar protocola projeto para Guarda Mirim
Nivaldo vai voltar para Secretaria de Esportes
Celsinho consegue pavimentação para zona norte
Módulo reúne comunidade escolar e ajuda entidades, com Festa Junina

Ilhabela
Dersa faz simulado de incêndio em balsa

São Sebastião
Prefeito Paulo Julião se reúne com membros da Associação Civil para o Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de São Sebastião
Autoviass apresenta primeira mulher motorista de ônibus na cidade
Juiz fecha bingo acusado de crime em S. Sebastião
Atividades esportivas farão parte do calendário oficial
Aposentado critica supermercado por falta de respeito a idosos

Ubatuba
DEPRN pára desassoreamento do Rio Grande, em Ubatuba
Cultivo de mexilhões em Ubatuba é tema de pesquisa
Ubatuba está sendo destruída por seus governantes
3º Campeonato Municipal de Capoeira
1º Campeonato Municipal de Basquete

Seções
Convite
Crônica
Carta do Leitor
Foto do Dia


Notícias da Região Topo

=

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caraguatudo O Guaruçá

Pescador inspira pesquisa

Caraguatatuba - O estilo de vida e dificuldades dos pescadores artesanais estão em livro que será lançado em Caraguá
O modo de trabalhar, o estilo de vida e as dificuldades encontradas pelos pescadores de Caraguá são revelados no livro-reportagem "O mestre navegante - O passado, o presente e o futuro do pescador artesanal", que a jornalista Gisele Leite lança amanhã, ao meio-dia, na Praia do Camaroeiro. A tarde de autógrafos é uma das atrações do 7º Festival do Camarão, que vai começa amanhã e vai até o dia 13 de junho.
A obra, escrita em 2001 e repleta de fotos, recebeu uma menção especial na 9ª Expocom/Intercom em Salvador (BA) na categoria jornalismo, modalidade livro-reportagem. Segundo Gisele, a idéia para o trabalho surgiu quando teve que escolher um tema para o trabalho de conclusão do curso de jornalismo. Como morava em Caraguá e queria fazer algo na área de fotografia, a vida dos pescadores era algo muito próximo. Ao ler uma notícia sobre as dificuldades que os pescadores enfrentavam, ela partiu para a ação. Com o início das pesquisas ela se envolveu totalmente com o projeto. "Descia para Caraguá em todos os finais de semana e ficava na casa dos pescadores. Queria achar o pescador mais velho que ainda pescasse profissionalmente e cheguei ao seu Dito Costa, que tinha 80 anos na época. Foi fácil achá-lo pois ele mora na praia do Camaroeiro, que era a mais próxima da minha casa", afirmou. Segundo ela, o período no qual esteve em contato com o pescador foi importante para entender melhor as mudanças que aconteceram na pesca local. "Estão usando as parelhas, que são dois barcos que vêm arrastando tudo que estiver pela frente e pegando os peixes que os pescadores artesanais pescam para vender, e que para os outros serve de isca pra pegar peixes maiores. Então os pescadores como o seu Dito tinham que ir mais para o fundo, mas eles têm um limite de distância", afirmou ela, que recebeu toda a colaboração do pescador e sua família. "Cheguei meio tímida no começo e ele me recebeu super bem, falou que estava lembrando coisas de seu passado. Pesquisei também a parte da família, a tradição de passar a profissão para os filhos. Ele tem um filho que fez de tudo para não ser pescador, mas não conseguiu, viu que a pesca é que o fazia feliz", disse a jornalista e fotógrafa, que preferiu produzir as imagens em preto-e-branco. "Elas carregam uma dramaticidade, uma força maior", afirmou Gisele, que selecionou 57 fotos para o livro. A obra foi feita em parceria com a Fundacc (Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba) e teve apoio do bureau de comunicação Spiral, site Litoral Virtual, construtora TopCon Engenharia & Construções, Auto Posto Asa Delta, Clínica de Cirurgia Plástica Mário Pires, e fábrica LBL Lourival Blocos e Lajes. Lançamento do livro-reportagem "O mestre navegante - O passado, o presente e o futuro do pescador artesanal" - Amanhã, ao meio-dia, na Praia do Camaroeiro, em Caraguatatuba. Mais informações pelo telefone (0xx12) 3882-5441. (Fonte: ValeParaibano)

7º Festival do Camarão:
A Cultura do caiçara pescador valorizada
 
Caraguatatuba - Visando valorizar a cultura caiçara, difundindo a cada ano os costumes dos pescadores artesanais, a Fundacc - Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba e a Prefeitura Municipal por meio da Setur - Secretaria de Turismo e Fomento, em parceria com a Associação de Pescadores do Camaroeiro, com apoio do Sebrae-SP, realizam o 7º Festival do Camarão, na praia do Camaroeiro, entre os dias 10 e 13 de junho. Este ano, o festival faz parte da programação do Mês de Santo Antonio de Caraguatatuba – o Resgate Histórico de Uma Imagem Para a Valorização de Um Destino Turístico. Iniciado em 1998, o festival cresceu e hoje é considerado um dos mais importantes do calendário, quando a cidade recebe muitos turistas, que vêm comprar camarão fresco a preços promocionais, saborear deliciosos pratos típicos, conhecer a cultura caiçara e assistir a corridas de canoas disputadas entre pescadores e seus filhos, vindos de várias comunidades pesqueiras da cidade.  O Festival do Camarão é sem dúvida, uma das maiores festas da cultura caiçara no Litoral Norte, atraindo para Caraguatatuba, milhares de turistas e também toda a comunidade, que festeja junto aos pescadores o final do defeso do Camarão, e o início da pesca do crustáceo. Com a abertura oficial prevista para as 12horas do dia 10 de junho, a organização espera um público de 20 mil pessoas nos quatro dias de evento. Nos outros dias, a festa acontece das 10 às 23 horas.
Serão 32 barracas de pratos típicos da culinária caiçara, preparados pelas famílias dos pescadores; as tradicionais porções e espetinhos, bobó de camarão, porções de cação e moquecas, casquinha de siri, e Azul Marinho, prato tradicional da cultura caiçara, bolinhos com massa de mandioca e fruta pão recheados e a feijoada de camarão, com feijão branco.
Enquanto o público saboreia as delícias caiçaras, conjuntos musicais locais e regionais e grupos das oficinas culturais da Fundacc apresentam-se no palco, tendo como tema, a cultura caiçara. Alguns restaurantes da cidade estão fazendo parte da Rota do Camarão, servindo pratos à base de camarão, a preços promocionais no período da festa. Na abertura, será servido um almoço especial aos convidados, preparado por Joãozinho, do Restaurante Caiçara’s, a R$10 reais por pessoa, com direito a uma cumbuca do evento. Está também previsto também o lançamento do livro- reportagem O Mestre Navegante - O passado, o presente e o futuro do pescador artesanal, da jornalista Gisele Leite, Visando valorizar a cultura caiçara, o Festival do Camarão vem cumprindo um papel muito importante dentro da comunidade de pescadores artesanais, que vêem na parceria com o poder público uma alavanca para venda de seus produtos e uma maneira de estarem transmitindo um pouco de seu cotidiano caiçara. Segundo Eloiza Antunes, presidente da Fundacc, a questão primordial do festival, é a de valorizar e transmitir a cultura do caiçara pescador, para a comunidade e turistas – Este ano estaremos com uma tenda onde vamos evidenciar a cultura do pescador, que é nosso Patrimônio Imaterial. Patrimônio Imaterial são os saberes, os conhecimentos e modo de fazer enraizados no cotidiano das comunidades; as celebrações, que são rituais e festas da vida social, as formas de expressão: manifestações musicais, plásticas, e lúdicas, e os e lugares, os espaços onde se reproduzem e se concentram práticas e culturas coletivas. No caso dos pescadores, vamos mostrar por meio de fotografias, textos, e um documentário, o modo de vida, seus costumes; o conhecedor dos peixes e do mar, do tempo, dos instrumentos de pesca, o homem que sabe cunhar uma canoa, fazer redes de pesca, enfim, aquilo que faz deles pescadores” comenta. Novamente a festa será realizada após o rio, na ponta da Praia do Camaroeiro, sob os coqueiros, proporcionando uma maior acomodação do público sob a Tenda de Alimentação e o livre acesso à praia, tornando o cenário mais pitoresco. Haverá venda de camarão in natura no Entreposto de Pesca Artesanal durante os quatro dias de festa, das 7 às 19 horas. Lá poderão ser adquiridos camarão Sete barbas e o camarão branco a preços convidativos. Durante os dias de festival, o público pode vivenciar vários aspectos da cultura caiçara, mas o que todos esperam mesmo é pela Corrida de Canoas Caiçaras e Canoa a Pano, que acontece no dia 13, domingo, a partir das 11 horas, organizada pela comissão municipal setorial de esporte-arte da Fundacc. A prova reúne os pescadores do norte, sul e centro da cidade, numa grande festa. Com as categorias Canoa a Remo Duplas, Adulto, Infantil, Lobo do Mar (acima de 60 anos), e Canoa a Pano.
Está previsto também o Torneio de Futebol com a participação dos pescadores que numa homenagem ao Vereador Baduca, recentemente falecido, será denominado Troféu Baduca. Outra grande atração do festival é a Tenda das Artes, aberta a partir das 10 horas, onde o público pode apreciar e adquirir obras dos artistas e artesãos locais, confeccionadas especialmente para o festival, resultando em peças de muita expressão e identidade com o evento, com peixes e ambientes marinhos, pescadores, sereias, luminárias, em vários materiais e inúmeras técnicas, numa profusão de cores e formas que vêm a cada ano, enriquecendo o Festival do Camarão. Nos quatro dias de festa, as Oficinas da Fundacc apresentam-se com teatro, dança, capoeira, puxada de rede, maculelê e alunos das Faculdades Módulo estarão promovendo recreação para crianças com diversas atividades.  Enfim, o Festival do Camarão, em sua 7ª edição em 2004, tornou-se evento do calendário municipal, e está se firmando como um das festas mais importantes e de maior expressão na cidade, e a cada ano, vem conquistando mais público e parcerias.

Programações do 7º Festivla do Camarão
Tenda das artes – Aberta a partir das 10 horas, todos os dias do festival.
Recreação Infantil – Realização das Faculdades Módulo às 11h30 e às 19h30.

Dia 10 - quinta-feira
12 horas - Abertura Oficial
Lançamento do livro Mestre Navegante, da jornalista Gisele Leite
Show Musical com Eliana Banheza e Banda
13h30 - Apresentação musical Suzette Salomão
14h30 - Apresentação da Oficina de Dança da Fundacc
19 h - Apresentação Àgua Viva Coral
20h30 – Show Musical com Moleque Atrevido

Dia 11 - Sexta-feira
12h - Apresentação Oficinas de Violão da Fundacc
12h30 - Show Musical grupo Nosso Som
14 h e 18 h - Apresentações das Oficinas de Dança da Fundacc
19 h - Show Musical com Tribo Caiçara
21h - Show Musical com Mara Amaral e Banda Audigy

Dia 12 - Sábado
12 h - Show musical com maestro José Maria do Prado
14h - Apresentação de Puxada de Rede, das Oficinas Culturais de Capoeira da Fundacc
18h - Apresentação Contos de Areia, das Oficinas de Teatro da Fundacc, direção Junior Magresco
19h - Apresentação Banda Municipal Carlos Gomes
20h - Show Musical com Azul Marinho
21h30 – Show Musical com João Alves

Dia 13 - Domingo
A partir das 10 horas - Corrida de Canoas Caiçaras e Apresentação da Canoas à Pano
Final do Torneio de Futebol Taça Baduca
12h – Apresentação de percussão das Oficinas Culturais da Fundacc
12h30 – Show Musical com Swing Brasil
14h30 – Apresentação de Dança, das Oficinas Culturais da Fundacc
19h – Apresentação de Maculelê das Oficinas Culturais da Fundacc
19h30 – Show Musical com Cabelo de Milho. (Fonte: Fundacc)

Aurimar protocola projeto para Guarda Mirim
Parlamentar quer livrar os jovens das drogas e da ociosidade

Caraguatatuba - O Vereador Aurimar Mansano (PTB), da Câmara Municipal de Caragatatuba, protocolou Projeto de Lei que autoriza o Executivo a criar a Guarda Mirim no município. A propositura objetiva livrar os jovens das drogas e da ociosidade, proporcionando-lhes noções de cidadania. De acordo com o projeto, fica o Executivo autorizado a criar a Guarda Mirim no município de Caraguatatuba, que se destinará aos adolescentes entre 14 e 18 anos, com prioridade aos vindos de famílias de baixa renda ou da Casa do Adolescente.
A inclusão dos jovens na entidade obedecerá o sistema de seleção, sendo que após aprovado o adolescente terá uma carga horária diária de 4 (quatro) horas, estando relacionada a sua permanência na agremiação a freqüência escolar e o seu aproveitamento na unidade escolar em que estiver matriculado. Estará beneficiando o adolescente todas as disposições relacionadas ao Estatuto da Criança e demais legislações. Para esta autorização, o Executivo poderá firmar convênios com as Secretaria Estadual da Segurança Pública, com a Previdência Social Municipal, com empresários e demais correntes da Sociedade Civil Organizada. Segundo o Vereador é a maior chance que um jovem tem hoje para se afastar das drogas e da ociosidade, tendo lições de cidadania, preparando-se numa base forte para o futuro. “Com a crise do desemprego, o problema das drogas e da falta de opções aos jovens, nada melhor do que dar noções de cidadania, onde irá adquirir experiência, iniciando pela Guarda Mirim”, disse. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Nivaldo vai voltar para Secretaria de Esportes
Vereador quer realizar os Jogos Regionais

Caraguatatuba - O Vereador Nivaldo Alves (PL), da Câmara Municipal de Caraguatatuba, deverá retornar o quanto antes para a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer. O Parlamentar quer terminar todo o trabalho iniciado e realizar os Jogos Regionais em Caraguatatuba.
Nivaldo Alves está a frente da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer há pelo menos 1 ano. Nesse ínterim preparou, com o apoio do Prefeito Antonio Carlos da Silva (PSDB), toda a estrutura da cidade para receber em julho, os atletas das 40 cidades do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira, na realização dos Jogos Regionais, que terão início na segunda quinzena do próximo mês.
A posse na Câmara não atrapalhou seus planos, mas concorda que foi algo emergencial. “A morte do Vereador João Rodrigues de Godoy Filho – Baduca (PL) pegou a todos nós de surpresa. Ainda se ele estivesse acamado, todos esperariam, mas este fato de maneira abrupta, além de chocante pegou todos nós desprevenidos”, disse. Por força da lei o suplente assumiu como Vereador, mas garante que voltará o mais rápido possível para a Secretaria de Esportes. “Estamos aguardando os documentos do segundo suplente para pedirmos licença do cargo e assim, chefiarmos os Jogos Regionais em Caraguatatuba”, frisou. O segundo suplente hoje no PDT é Tiago Santana, que no momento providencia os documentos necessários e está a espera do pedido de licença de Nivaldo Alves. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Celsinho consegue pavimentação para zona norte
Prefeito atende pedidos e abre concorrência para obra

Caraguatatuba - Vereador Celso Pereira – Celsinho (PSDB), recebeu comunicado do Prefeito Antonio Carlos da Silva (PSDB), que dentro em breve várias ruas dos bairros Massaguaçu, Getuba e Tabatinga, todos na região norte da cidade, receberão pavimentação asfáltica. Estes pedidos vem sendo feitos desde o início do mandato. Os pedidos do Vereador foram concretizados e estão no momento, na fase de abertura da Concorrência Pública para a execução da obra. No total são 12 ruas dos bairros Massaguaçu, Getuba e Tabatinga, que perfazem as suas bases eleitorais, pelos quais o Parlamentar foi eleito. Estima-se que as 12 vias públicas devem resultar em aproximadamente 10 mil metros lineares de asfalto, com início da obra ainda para junho e finalização para dezembro deste ano.
Para o Parlamentar, vitórias como esta são motivo de imensa alegria. “Mais uma missão cumprida e até o final do nosso mandato vamos fazer mais, muito mais. Ainda há muito o que fazer pela zona norte e esperamos poder continuar este trabalho”, disse o Vereador. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Módulo reúne comunidade escolar e ajuda entidades, com Festa Junina

Caraguatatuba -  Mais do que festejos e folguedos juninos, a festa Junina do Colégio e das Faculdades Integradas Módulo reuniram no último sábado, dia 5 de junho, toda a comunidade escolar. O tema "O Caipira nas Olimpíadas" esteve presente na decoração da festa e nas barracas de pescaria, latinhas e palhaço, que exigiam concentração e precisão dos participantes. Também colaborou para o sucesso da festa, o locutor Davi Azevedo, da Rádio Morada FM, que apresentou as atrações da quadra e trouxe o grupo Sensação para se apresentar.
A festa contou com concurso de quadrilha, correio elegante, sorteios e brincadeiras. Pais e professores trabalharam nas barracas de comida e bebida típica, arrecadando verba para a formatura dos alunos. As entidades APAE, Azilo Vila Vicentina e Centro Espírita Amor e Caridade, ganharam um espaço para barracas de jogos e venda de produtos beneficentes.
Os alunos do Colégio participaram intensamente da festa, tanto nas quadrilhas quanto nas barracas de Correio Elegante. Na Barraca "O Caipira se Comunica", a professora Rita trabalhou para arrecadar verba para a peça teatral do ano. O professor Cláudio organizou um quadrilhão com mais de cem alunos, que se apresentaram, com proeza, na quadra.
Os alunos da Faculdade de Educação Física promoveram junto com a festa junina, a Gincana da Solidariedade, que teve o objetivo de arrecadar alimentos. A gincana aconteceu paralelamente ao evento, com brincadeiras relâmpagos, desafios, concurso de dança, entre outras. Os 43 alunos do 3º semestre ajudaram também na organização da festa, apoiando na segurança, na divulgação, na decoração e recepção. Tudo fez parte do projeto Caipira Solidário, desenvolvido nas aulas do professor Leandro Barraca.
Para a coordenadora do evento, Marisabel Guilhermina Francesca, o evento foi um sucesso graças a colaboração de todos os alunos. "A equipe de Educação Física está de parabéns, assim como todos os outros que colaboravam com o evento, os pais elogiaram muito", disse a coordenadora pedagógica. (Fonte: Módulo)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano
Sailing Shop

Dersa faz simulado de incêndio em balsa

Ilhabela - A Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A) realizou ontem, às 9h, uma simulação de incêndio na balsa que faz a travessia entre São Sebastião e Ilhabela. O objetivo é a elaboração de um plano de segurança em casos de emergência na travessia e um plano de intervenção na área do porto. Participaram da simulação 20 homens no Corpo de Bombeiros e Guarda Portuária. As equipes fizeram treinamento de combate à incêndio. O treinamento foi coordenado pelo setor operacional da Dersa. A operação durou duas horas e não prejudicou o movimento nas balsas. O simulado de incêndio foi feito na casa de máquinas da balsa. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Prefeito Paulo Julião se reúne com membros da Associação Civil para o Desenvolvimento
 Econômico e Tecnológico de São Sebastião

São Sebastião - Na última segunda-feira, o prefeito de São Sebastião, Paulo Julião, acompanhado do secretário de Governo e ex-gerente do Porto de São Sebastião, Vilson Costa, recebeu em seu gabinete, o presidente da recém- fundada “Associação Civil para o Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de São Sebastião –SP (ACDETSS)”, Luiz Leite Santana, e os empresários José Vitor Vieira Santos e Antonio Paulo dos Santos, também membros da Associação. Durante a reunião, foram discutidos os objetivos da Associação, sendo um deles o de se juntar às demais forças existentes no município visando a economia de São Sebastião, cuja espinha dorsal é o Porto. Criada no dia 02 de abril deste ano, a ACDETSS, que tem “Wise Port” (Porto Inteligente) como nome fantasia, é uma sociedade civil, sem fins lucrativos e econômicos, que tem como objetivo promover o desenvolvimento econômico e tecnológico do município, procurando, para tanto, harmonizar a questão economica com a exploração racional de seus recursos físicos, humanos e naturais; promover o crescimento das oportunidades de negócios; a melhora da qualidade de vida da população e o aumento da renda “per capita” do município. A Associação pretende desenvolver um trabalho preliminar de contatos com todas as prefeituras do Vale do Paraíba e, através do Codivap (Consórcio de Desenvolvimento Integrado do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira), realizar palestras para apresentação dos objetivos da ACDETSS. “A Associação não pretende ser dona da verdade, nem existe para, sozinha, resolver o problema. Ela é só mais uma força agregadora das demais existentes, todas com um objetivo comum: o desenvolvimento do Porto”, disse Santana. “Precisamos conscientizar todas as forças que têm interesse no Porto de São Sebastião, pois estas mandam suas mercadorias para outros portos. É preciso formar um bloco de trabalho, envolvendo o Codivap e poderes existentes”, continuou.
O prefeito Paulo Julião comprometeu-se a começar a infiltrar o trabalho da Associação a partir da próxima reunião do Codivap. Paralelamente, os objetivos da Associação também serão levados às FIESP/CIESPs (Federação de Indústrias do Estado de São Paulo/ Centro de Indústrias do Estado de São Paulo) de São José dos Campos, Jacareí, Jundiaí, Taubaté, Caçapava e Campinas. “É importante dizer que São Sebastião também está iniciando um núcleo de CIESP”, contou o presidente da associação. “A Associação vem somar forças em prol do desenvolvimento do Porto, o que facilitará a importação e a exportação, e promoverá o barateamento do transporte e tarifas. A logística terá um custo bem mais baixo”, disse Vílson Costa. “Gostaríamos de inserir no movimento todas as forças vivas e as representativas do município, para que estejamos juntos em favor do desenvolvimento do Litoral Norte. O Porto vai desenvolver, ainda mais, São Sebastião”, declarou Santana. Por que o Porto de São Sebastião? - Segundo o presidente da assoicação, o Porto de São Sebastião está tão próximo do Vale do Paraíba e da região de Campinas que não se justifica mandar mercadorias para outros portos receptores e escoadores, como os de Itajaí, Vitória, Sepitiba e Paranaguá. “Além disso, há condições de ampliação do porto, com a construção de mais dois berços de atracação. Com três berços, será viável o trabalho de desenvolvimento para o Litoral Norte, como facilitador dos trabalhos de importação e exportação”, complementou.
São Sebastião é um município de características próprias ao turismo e também é uma “cidade portuária”, pois conta com excelente configuração natural de profundidade ao tráfego de navios em seu canal de acesso (25 metros), além de águas tranqüilas e abrigadas por Ilhabela, ideais para a navegação. Não é por acaso que tem instalado em seu canal marítimo o maior terminal petrolífero da América Latina, o Tebar (Terminal Marítimo Almirante Barroso), explorado pela Petrobras. A cidade conta, ainda, com o Porto que é administrado pela Dersa Desenvolvimento Rodoviário S/A, desde 1989, e que movimenta, mesmo com sua carência estrutural excelentes índices de produtividade - aproximadamente 400 mil toneladas ao ano.
“Os poderes públicos devem se unir sempre para partilhar de projetos e ideais que levem ao crescimento da economia e ao desenvolvimento em escala progressiva de toda uma região. O Porto de São Sebastião, ainda que concretizados os investimentos na ampliação de seus berços para atracação de navios, terá de suplantar mais uma dificuldade: seu único modal de acesso terrestre é o rodoviário, suprido por uma mesma rodovia para cargas e passageiros, distante pouco mais de 100 quilômetros de sua área de maior abrangência, o Vale do Paraíba, região de maior desenvolvimento tecnológico e industrial do Brasil”, disse o prefeito.
Ofício - No dia 21 de maio, Paulo Julião enviou um ofício ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com cópia para o ministro de Estado dos Transportes, Alfredo Pereira do Nascimento, solicitando a atenção para a potencialidade do Porto, enfatizando a possibilidade deste município servir-se de um ramal ferroviário, ligando o Cone Leste Paulista ao Porto de São Sebastião. As perspectivas de crescimento vindas da ampliação do porto, somadas a uma nova opção de modal terrestre para cargas, possibilitariam tanto para a região como para o país, a concretização de um de nossos maiores desafios: o aumento nas exportações. “O modal ferroviário detém grandes vantagens extremamente ligadas aos princípios fundamentais dessa competitividade: segurança operacional, menores custos, agilidade e regularidade”, disse o prefeito. Foi solicitado, portanto, um estudo de viabilidade de um ramal ferroviário utilizando o Vale do Paraíba e o Porto de São Sebastião, e a inclusão do referido ramal ferroviário no Programa de revitalização de Ferrovias. “Esse assunto é de relevante importância para o município, para o Estado de São Paulo e para o país, pois, otimizando os modais intermediários de transporte de nossos produtos internos e definindo melhores elos logísticos que permitam a agilização e a redução nos custos finais de tais processos, teremos as necessárias condições de competitividade frente ao mercado externo”, enfatizou o prefeito.
Ampliação do Porto - Em abril, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, esteve no Porto de São Sebastião para oficializar a abertura do novo corredor de exportação estadual (Campinas-Vale do Paraíba-Litoral Norte). Desde o mês de abril, a Volkswagen vem utilizando o porto para a exportação de carros e caminhões, o que a empresa fará até o fim do ano, uma vez por mês. O Governo do Estado tem intensificado esforços para expandir a potencialidade do terminal marítimo de cargas, investindo na contratação de um Projeto Executivo para a ampliação dos berços de atracação, que permitirá a permanência simultânea de cinco navios de grande porte, um almento significativo, já que hoje suas instalações são capazes de receber apenas um por vez. O processo de globalização da economia mundial tem levado os armadores a investir na construção de grandes navios, capazes de transportar cada vez mais cargas de uma só vez, minimizando custos. Nesse contexto, o projeto de ampliação do Porto de São Sebastião prevê novos berços com profundidades de 14 e 16 metros, adequados a essa recente dinâmica naval, sem necessidade de dragagens de manutenção, com nítidas vantagens financeiras a seus usuários. Os dois novos “dolphins”, que estão sendo construídos com verba estadual, devem ficar prontos até o final do ano. (Fonte: PMSS)

Autoviass apresenta primeira mulher motorista de ônibus na cidade

São Sebastião - A Autoviass (Auto Viação São Sebastião) apresentou, ontem à tarde, sua mais nova funcionária. Viviane Peixoto de Oliveira Marcondes, 29 anos, a primeira mulher motorista de ônibus da cidade.
A empresária Valéria Soares fez a entrega simbólica do crachá da concessionária de transporte coletivo em frente à Igreja Matriz, no Centro. Além dela, também participaram da cerimônia a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Elsa Julião, o presidente da Câmara, Marcos Leopoldino, e o vereador José Irineu de Souza, o Zézinho da Piscina.
Antes de pegar no volante, Viviane Peixoto passou por treinamento na empresa. Foram mais de três meses de dedicação.
Segundo ela, entre os conceitos aplicados estão direção com segurança, atendimento aos passageiros e transporte de crianças e idosos. Viviane, que é casada, disse ter total apoio do marido. “Ele é construtor civil e sempre me deu muita força no meu objetivo”.
Para a motorista, trata-se de uma conquista que há muito tempo era esperada. “Representa grande responsabilidade, um sonho. Deus me deu esta vitória”, concluiu.
Valéria Soares considera que a vinda de Viviane Peixoto prova que a mulher pode continuar superando barreiras. Hoje, inúmeras profissões até então ocupadas somente por homens já abriram espaço para o público feminino, como por exemplo, mecânicas e postos de gasolina. “A mulher está progredindo cada vez mais, buscando seu espaço”, disse a empresária.
Ela lembrou que a contratação da primeira mulher motorista foi prometida por seu marido, Luiz Carlos Soares, proprietário da Autoviass, ao vereador Zezinho da Piscina, durante comemoração do Dia Internacional da Mulher. “Antes, a mulher só cuidava da casa. Agora, trabalha fora e também dirige vidas”, declarou Valéria.
Para a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Elsa Julião, que entregou a chave do ônibus à nova motorista, a inovação faz bem a ala feminina. “É um avanço e, além de desejar sorte para ela, que terá um trabalho árduo pela frente, parabenizo os donos da empresa”, concluiu. Marcos Leopoldino entregou um buquê de flores a Viviane Peixoto, na tarde de ontem. O vereador Zezinho da Piscina comemorou a oportunidade dada pela Autoviass.
Retrospectiva - No dia 8 de março, a Câmara de São Sebastião fez uma homenagem às mulheres da cidade. Zézinho trouxe a motorista profissional Viviane Peixoto de Oliveira Marcondes, na época, desempregada. Ele citou que, em Caraguatatuba, duas mulheres já dirigiam ônibus coletivos. O empresário Luiz Carlos Soares, que acompanhava a cerimônia do Dia Internacional da Mulher, pois sua esposa também seria homenageada, decidiu dar uma oportunidade à motorista. Assim, hoje, São Sebastião tem sua primeira motorista de ônibus. Viviane Peixoto fará a linha Itatinga-Centro com o micro-ônibus “Expressinho”. (Fonte: Imprensa Livre)

Juiz fecha bingo acusado de crime em S. Sebastião


São Sebastião - Casa de jogos estaria sem regulamentação, segundo a polícia
A Polícia Civil lacrou às 17h de anteontem o Bingo São Sebastião por determinação do juiz da 2ª Vara Criminal, Juiz Antônio Carrer, por suspeita de crime de jogo de azar e falta de regulamentação para a atividade.
Foi o primeiro bingo fechado na região após a reabertura das casas de jogos, depois que a MP (Medida Provisória) do Governo Federal que proibia a atividade foi derrubada pelo Senado no início do mês de maio. A Justiça determinou também a realização de um "pente-fino" nas contas da empresa e investigação de suspeita de sonegação fiscal. A decisão judicial atendeu a pedido do Ministério Público com base em inquérito policial que apura crime de jogo de azar. No momento, cerca de 50 clientes estavam no estabelecimento, que foi lacrado pela Polícia Civil. O bingo fica localizado no centro da cidade, emum prédio atrás da prefeitura. A Justiça também ordenou a realização de perícia técnica em 86 máquinas de jogos encontradas no local. O estabelecimento possui 30 funcionários. O delegado seccional de São Sebastião, João Barbosa Ortis, afirmou que o inquérito vai retornar para a polícia dar continuidade às investigações. "Vai ser verificado o alvará de funcionamento, imposto de renda, situação dos funcionários e a entidade esportiva que recebe parte da renda", afirmou o delegado.
O advogado do Bingo São Sebastião, Alexandre Rozentroup, não foi localizado ontem pelo ValeParaibano para comentar o assunto.
LEGISLAÇÃO - A MP foi editada no dia 21 de fevereiro. No dia 5 de maio, 18 bingos do Vale do Paraíba e Litoral Norte reabriram depois de o Senado derrubar a Medida Provisória que proibiu o funcionamento de bingos e caça-níqueis em todo país.
Para o Ministério Público, a atividade continua ilegal em todo o país. Mesmo com a perda do efeito da MP, a atividade continuam sem regulamentação e os caça-níqueis proibidos pela lei de jogo de azar. (Fonte: ValeParaibano)

Atividades esportivas farão parte do calendário oficial

São Sebastião - A Câmara de São Sebastião aprovou, ontem à noite, dois projetos de lei de autoria do vereador Marco de Souza, que incluem atividades esportivas no calendário oficial de eventos do município. O primeiro trata das Olimpíadas dos Servidores. “A idéia não é obrigar a prefeitura a realizá-la, mas sensibilizar. Este ano foi feita a terceira edição e vimos uma grande confraternização entre todos”, salientou o autor. Marco de Souza destaca que nas olimpíadas o funcionário público sai da rotina e, posteriormente, acaba rendendo mais no serviço. “O lazer é um grande benefício. Sempre que possível realizem atividades físicas”, frisou.
Ele lembra que as Olimpíadas dos Servidores foram criadas na primeira administração de Paulo Julião, quando ocupou a pasta de secretário de Esporte. “O esporte faz amigos, é saúde, e melhora em todos os aspectos o servidor”, completou o vereador e ex-secretário da Saúde, Aldo Conellian. Já o segundo projeto aprovado na noite de ontem inclui no calendário oficial o Campeonato Amador de Futebol. “Infelizmente, o campeonato de futebol em nosso município não acontece todos os anos. E porque não realizá-lo? Hoje temos mais de mil atletas disputando a competição. É o esporte mais querido do país e o campeonato é de suma importância para o município”, concluiu Marquinho Souza.
O vereador Wagner Teixeira destacou que a competição deste ano apresenta alto nível técnico. Ainda na sessão de ontem, a Câmara aprovou um projeto do vereador Edvaldo Reimberg, que institui o Programa “Poesia no Ônibus”. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Setur Marketing Político e Assessoria de Imprensa

DEPRN pára desassoreamento do Rio Grande, em Ubatuba
Serviço estaria prejudicando área de mangue próxima à Ilha dos Pescadores

Ubatuba - O DEPRN (Departamento Estadual de Proteção dos Recursos Naturais) embargou ontem, com aplicação de multa, o serviço de dragagem do Rio Grande, em Ubatuba, por danos causados ao meio ambiente.
O desassoreamento do rio era realizado pela prefeitura desde segunda-feira, mas o DEPRN detectou que a retirada de detritos e móveis velhos do rio estava prejudicando a região de mangue que existe às margens do rio. O serviço estava sendo realizado próximo à Ilha dos Pescadores. A drenagem é importante para a comunidade da ilha porque os pescadores não conseguem navegar no rio quando a maré está baixa. Cerca de 350 embarcações passam pelo trecho diariamente. Na ilha vivem 600 famílias, a maioria com renda provinda da atividade de pesca. No local foram retirados pneus, fogão, sofá e vaso sanitário, além da areia que estava depositada no fundo do rio. Segundo Julio Mansueto, supervisor da equipe técnica do DEPRN de Ubatuba, a prefeitura foi notificada e obrigada a rever o procedimento da obra, pois o equipamento usado é inadequado, entrando em desacordo com o que foi estabelecido.
A prefeitura está utilizando uma máquina que trafega por terra. Segundo Mansueto, o correto seria uma máquina chamada draga flutuante, que fica na água para retirar a areia, sem prejudicar as margens do rio. "A obra está suspensa até que haja mudança na forma de intervensão do rio", disse Mansueto. Segundo ele, uma área de 230 metros quadrados de mangue foi degradada. "Se não houvesse a intervenção, esta área seria ainda mais degradada pelo equipamento", afirmou.
OUTRO LADO - Segundo o secretário de Agricultura, Pesca e Abastecimento de Ubatuba, Antonio Marchiori, a obra continua normalmente hoje no trecho mais dificultoso, que compreende 100 dos 900 metros onde vai ser realizado o desassoreamento. "O trecho de 100 metros mais próximo à foz está previsto para acabar dentro de 30 dias", disse ele. Segundo ele, este trecho foi escolhido para ser o primeiro a ser desassoreado por conter a maior quantidade de entulho. Marchiori disse que a área de mangue possui muita ramificação e a área que foi "pisoteada" pela máquina, dentro de seis meses vai voltar a ser o que era. Segundo ele, a máquina vai mudar para o outro lado da margem do rio para que a vegetação seja preservada no local, mas a obra continua normalmente, sem mudança de equipamento.
A Prefeitura também vai realizar um trabalho de conscientização da comunidade local. Os moradores serão orientados a ajudar a manter a mata ciliar (para evitar erosões e o assoreamento do rio) e principalmente não jogar objetos na água. (Fonte: ValeParaibano)

Cultivo de mexilhões em Ubatuba é tema de pesquisa
Agência Imprensa Oficial

Ubatuba - O cultivo de mexilhões de Ubatuba é tema de estudo pioneiro por parte dos alunos de pós-graduação do Departamento de Agroindústria, Alimentos e Nutrição da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq). Instalado há dois anos, o projeto abrange o mapeamento da qualidade da água utilizada no cultivo, a avaliação do mexilhão como alimento, sob os aspectos microbiológicos, físico-químicos e sensoriais e o levantamento do hábito de consumo para identificação das principais vias de escoamento, com vistas à comercialização e o beneficiamento do produto. "A intenção é levantar detalhes da produção desse molusco e estudar a viabilidade da sua comercialização", explica a professora responsável pela coordenação das pesquisas, Marília Oetterer. Segundo ela, como o cultivo desse pescado vem crescendo, a idéia é que, no futuro, as comunidades comprometidas possam se beneficiar com a produção, comerciando-a com um padrão que possibilite, inclusive, a exportação.
Enquanto isso, estão sendo analisadas formas de processamento para a obtenção de produtos congelados. Durante os estudos, os pesquisadores acompanham todo o processo de cultivo do mexilhão, desde a introdução da semente, como é denominado o molusco na fase embrionária, até o processo manual de coleta e retirada da craca (casca mais grossa que deprecia o produto), e a posterior embalagem para comercialização. Avaliando os aspectos de textura, cor, sabor e rendimento, a pesquisa desenvolvida deverá transferir a tecnologia gerada na Esalq para o setor produtivo. Com isso, ele passará a dar informações sobre os aspectos de higiene e administração da produção, conforme critérios estabelecidos pelo Serviço de Inspeção Federal (SIF). Três teses - Marília explica que a escolha do litoral norte facilitou a pesquisa porque "além de Ubatuba oferecer todas as condições ideais para o desenvolvimento do estudo, a prefeitura colocou à disposição uma área construída que será adaptada para a instalação de uma beneficiadora". Ainda segundo a professora, tornando-se cooperados, os produtores passam a estabelecer o cultivo de forma sustentável, atendendo à demanda conforme a legislação, e não de forma clandestina como muitas vezes é conduzido.
A pesquisa, que tem o financiamento da Fapesp com a parceria da Prefeitura da Estância Balneária de Ubatuba, do Instituto de Pesca e do Ministério da Agricultura, está em fase de conclusão e já gerou três teses. A mais adiantada delas é a que se refere à qualidade da água da região do cultivo. Como o mexilhão tem capacidade de filtrar de 15 a 40 litros de água por hora, acaba por se tornar um bioindicador natural. O trabalho tem-se direcionado para a análise de prováveis poluentes absorvidos pela carne, já que como iguaria gastronômica o molusco é apreciado semicru, e faz a avaliação da alteração do sabor em estágios variados de cozimento. Para tanto, são realizados testes sensoriais, nos quais os próprios mitilicultores são os degustadores. (Fonte: O Guaruçá)

Ubatuba está sendo destruída por seus governantes

Ubatuba - Há muito escutamos, quando começamos a falar sobre turismo, que antes de qualquer coisa precisamos decidir qual o tipo de turismo que queremos para o município. Não é isto que temos que resolver, mas sim que tipo de governo queremos para Ubatuba.
É triste constatar que o município, quase que totalmente, está ao Deus dará e que os responsáveis, eleitos com os nossos votos, não estão nem aí. Para que tenhamos uma dimensão do descaso que a municipalidade tem para com a nossa cidade, dando um exemplo entre inúmeros, basta olhar para o entorno de onde se tem uma das vistas mais bonitas do Litoral Norte do Estado de São Paulo: o belvedere do Félix. clique nas fotos para ampliá-las:

       

O mato está tomando conta de tudo, as construções estão deteriorando, a finalidade para a qual foi construído não está sendo observada (atualmente serve de depósito para carros apreendidos pelo DNER) e o que fazem as autoridades responsáveis por tudo isto? Nada.
(Fonte: O Guaruçá)


3º Campeonato Municipal de Capoeira

Ubatuba - Foi realizado pela Prefeitura Municipal de Ubatuba, através da Secretaria de Esportes e Lazer, domingo, dia 06 de junho, ás 09:00 horas, no Ginásio Municipal (TUBÃO), o ”3º Campeonato Municipal de Capoeira”.
O 3º Campeonato Municipal de Capoeira foi dividido em várias categorias, sendo premiados, os três primeiros de cada categoria. Segue abaixo os resultados por categorias:

Categoria Leve
1º Sergio Oliveira Marques Academia 100% Jesus
2­º Lenilson Antonio Academia Guelê (centro)
3º Pedro Jorge Santos Academia Guelê (centro)

Categoria Médio
1º Raimundo Oliveira Academia Guelê (centro)
2º Willian Silva Academia Guelê (lagoinha)
3º Nercy José de Souza Academia Unidos à Liberdade (lázaro)

Categoria Meio Pesado
1º Fabio Ferrari Academia 100% Jesus
2º Raphael Bueno Academia Guelê (centro)
3º Raimundo Evangelista Neto Academia 100% Jesus

Categoria Pesado
1º Sergio Carvalho Frade Academia Tamanduá
2º José Carlos Silva Academia 100% Jesus
3º Olavo A. Silva Junior Academia Unidos à Liberdade (lázaro)

Categoria Leve
1ª Soraia Santos Academia Unidos à Liberdade (lázaro)

Categoria Médio
1ª Tatiane Aparecida Santos Academia 100% Jesus
2ª Eliana França Pinto Academia Tamanduá
3ª Jaqueline Fabricia Santos Academia 100% Jesus

Categoria Meio Pesado
1ª Caroline Caetano Luz Academia Guelê (centro)
2ª Taciana Frutuoso da Silva Academia Guelê (centro)
3ª Aline Camargo Academia Unidos à Liberdade (lázaro)

Categoria Pesado
1ª Danielle Melo da Silva Academia Tamanduá
2ª Monia Costa R. Ferrari Academia 100% Jesus
3ª Mônica Charleaux Academia Unidos à Liberdade (lázaro)

Por Academias a classificação foi a seguinte:

Masculino
1ª Academia Guelê (centro) 40 pontos
2ª Academia 100% Jesus 31 pontos
3ª Academia Guelê (lagoinha) 27 pontos
4ª Academia Tamanduá 21 pontos
5ª Academia Unidos à Liberdade (lázaro) 15 pontos
6ª Academia Ginga Caiçara 11 pontos
7ª Academia Unidos à Liberdade (centro) 00 pontos
8ª Academia Arte e Vida 00 pontos

Feminino
1ª Academia Unidos à Liberdade (lázaro) 31 pontos
2ª Academia Tamanduá 26 pontos
3ª Academia 100% Jesus 22 pontos
4ª Academia Guelê (centro) 20 pontos
5ª Academia Unidos à Liberdade (centro) 05 pontos

Lembramos que os campeões de cada categoria defenderão a cidade de Ubatuba nos Jogos Regionais, em Caraguatatuba, em julho deste ano. A Secretaria de Esportes e Lazer agradece a todos os envolvidos direta ou indiretamente no 3º Campeonato Municipal de Capoeira. (Fonte: SEL/PMU)


1º Campeonato Municipal de Basquete

Ubatuba - Está sendo realizado pela Prefeitura Municipal de Ubatuba, através da Secretaria de Esportes e Lazer, no Ginásio Municipal de Esportes “Benedito Pinho Filho”(TUBÃO), o ”1º Campeonato Municipal de Basquete Adulto”.
O Campeonato que tem o apoio das empresas: Tachão de Ubatuba, Hlera vídeo bar, Colégio Taba, Movéis Docelar, Colégio Objetivo e Clinica de Fraturas Ubatuba, acontece as quartas e sextas feiras, a partir das 19:00 horas.

Resultados:

4ª Rodada 04 de junho
19:00 horas Taba 91 X 83 Hlera
19:30 horas Docelar 69 X 79 Clinica Fraturas

Próximas rodadas:

5ª Rodada 11 de junho
19:00 horas Tachão X Objetivo
19:30 horas Hlera X Docelar

6ª Rodada 16 de junho
19:00 horas Taba X Objetivo
19:30 horas Tachão X Clínica Fraturas

7ª Rodada 18 de junho
19:00 horas Tachão X Objetivo
19:30 horas Hlera X Docelar

A Secretaria de Esportes e Lazer, agradece a todos os envolvidos direta ou indiretamente no 1º Campeonato Municipal de Basquete.


Ação Litoral

Convite Topo

Convite

Crônica Topo

Enquanto isso!

Uma dúvida pairou sobre as cabeças dos astecas e maias durante milhares de anos. O mundo será destruído ao fim do ciclo venusiano de 52 anos? Ninguém jamais saberá como a questão principiou a habitar as mentes desses povos, o fato é que paralelamente ao temor surgiu o costume de sacrificar pessoas para aplacar a ira dos deuses. É difícil entender a relação de causa e efeito. Sabemos hoje, em parte em função dos trabalhos de Goebbels frente às comunicações do Terceiro Reich, que é possível criar uma realidade moldada às nossas conveniências. Uma mentira divulgada com convicção, acaba pela repetição, adquirindo características de verdade. Querem um exemplo? Vou criar 10 milhões de empregos. É difícil não lembrar dessa frase. O simples fato de perguntar como isso aconteceria me custou a amizade de alguns colegas “educadores”. Fico pensando que a falta de flexibilidade e o apreço às tradições imutáveis acabaram por contribuir para o fim desses povos. Somado a isso temos de levar em conta a capacidade dos espanhóis e portugueses de matar. Usando apenas machados, lanças e espadas eles aniquilaram mais gente nos séculos XVI e XVII do que as guerras dos séculos XIX e XX, que usaram armas bem mais sofisticadas.
Enfim, depois de mais de cinco séculos da chegada dos espanhóis e do fim dos sacrifícios humanos, o mundo não acabou após os ciclos venusianos que se seguiram. Nas montanhas andinas ainda existe entre os índios a tradição do temor do fim.
Logo algum esperto dirá que serão necessários mais alguns ciclos para o evento ocorrer. Entretanto, caso ele receba uma pequena contribuição, poderá interceder junto aos deuses para impedir o apocalipse.
E assim logo teremos mais um milionário viajando em jatinhos enquanto as pessoas trabalham para que ele faça a mediação junto às divindades. Fico pensando nos milhões de jovens estupidamente sacrificados no auge da existência para aplacar a ira de deuses que só existiam nas cabeças doentes dos sacerdotes andinos. O mundo sempre será dos espertos, até que o véu da ignorância seja removido dos olhos dos povos. É o caso de refletir. Será que algum governo gostaria que tal fato acontecesse?

Sidney Borges
www.lojasmurray.blogger.com.br/index.html

Carta do Leitor Topo


=

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Neve na Serra

Praia do Itaguá
©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Editora Assistente: Jullyany Roberta Cruz


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor