Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Quinta-feira, 15 de julho de 2004 - Nº 1076 Edições Anteriores
Barra da Lagoa Portal da Palmeira Disk Denúncia

Região
II Seminario Internacional De Ecoturismo E Desenvolvimento Sustentável


Caraguatatuba
Final de semana de atrações em Caraguá
Festa da Tainha no fim de semana em Caraguá
MACC abre exposição sobre ecossistema do Litoral Norte
Fundacc promove workshops de Teatro e Dança em julho
Videoteca Lúcio Braun apresenta a programação Férias Divertidas
Estudantes de Caraguatatuba visitam o interior do Estado
Concurso de arrocha, forró e aeróbica agitam Praça de Eventos 
Festa leva brincadeiras para a comunidade neste final de semana

Ilhabela
Ramos é campeão da classe HPE25

São Sebastião
Prefeitura dá sinal verde para o semáforo inteligente 

Ubatuba
Ubatuba Viva inicia campanha de transparência
SuperSurf 2004 inaugura reta final em Ubatuba 
Ubatuba, a etapa preferida dos surfistas

Seções
Política

Opinião

Artigo

Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

II Seminario Internacional De Ecoturismo E Desenvolvimento Sustentável

Litoral Norte - Faltando menos de 20 dias para o início de um dos mais importantes encontros de ecoturismo e desenvolvimento sustentável de 2004, a organização do evento já está ultimando todos os preparativos para que se concretize o projeto idealizado pelo Jornal e Revista Ecoturismo, programado para os dias 30 e 3l de julho no Teatro Municipal na cidade de São Sebastião no litoral norte paulista.
O evento que já faz parte do calendário do trade turístico brasileiro teve inicio em 2002 com a edição do PREMIO ECOTURISMO 2002 ocorrido na cidade de Gramado no Rio Grande do Sul, com a realização do Premio Ecoturismo 2003 e Seminário Internacional de Ecoturismo 2003 em São Paulo na capital do Estado.
Nesta edição 2004 a cidade escolhida pela Comissão organizadora foi São Sebastião, no estado de São Paulo, e até este momento já tem várias cidades inscritas para sediar a versão 2005, entre elas a cidade de Joinvile (Santa Catarina) Belém (Pará), Porto Velho (Rondônia) e Santana do Parnaíba (São Paulo), o que demonstra que o evento veio para ficar no território nacional.
O lançamento internacional da atual versão foi na BTL em Lisboa e Fit na Espanha e no Marrocos, no inicio deste ano, com a promoção em grande estilo e com promessas de grandes participações européias e africanas. , A coordenação geral do evento contabiliza inúmeros sucessos, tanto ao nível das confirmações de inscrições, conferencistas e apoiadores de todos os níveis.
Confirmadas as presenças de conferencistas internacionais do porte de Dra.Rosália Arteaga, secretária Geral da OTCA, Dr. Marcelo Notarianni de Milão na Itália, nacionais como Dra.Doris Ruschmann, Dr.Roberto Mourão, Dr.Celso Prudente, Dra.Keyla Tavares, Dr.João Meireles Filho e Dr.Guy Marcovaldi, todos de reconhecida competência, a coordenação contabiliza inscrições de professores universitários, estudantes de várias universidades brasileiras, empresários e autoridades do Brasil e do Exterior.
Entre as autoridades confirmadas até o fechamento desta edição, estão o Ministro de Turismo Sr.Walfrido Mares Guia, o presidente da Embratur Sr.Eduardo Sanovics, o Secretário de Desenvolvimento Sustentável do Ministério do Meio Ambiente, Sr.Gilney Viana, o Secretario de Turismo de Minas Gerais, Sr.Herculano Anghinetti, o presidente do Fórum Nacional de Turismo Sr.Adenauer Góes, Dra.Eunice Prudente, líder da Oab SP, Sr.Paulo Julião, prefeito de São Sebastião, Governador do Amapá, Sr.Waldez Góes, Sr. Silvio Perciolli, prefeito de Santana de Parnaíba, Sr.Orlando Barreto Neto, prefeito de Brotas.
Entre os patrocinadores e apoiadores estão o Ministério do Turismo, a Caixa Econômica Federal, Ariaú Amazon Towers, a Fazenda San Francisco, a Vasp, a CVC Viagens, o Governo do Amapá, a Paratur, o Grupo Reicon (Pará), o Grupo Valeverde do Pará, a Estação do Turismo, a Afcva, a Procultura, a Brasil Ativa, Projetos e Idéias, Infinito Propaganda, projeto Tamar, AmazonSat, BandVale, as Faculdades Integradas Módulo, a Bahiatursa, a Prefeitura Municipal de Cubatão. Prefeitura Municipal de São Sebastião, a Betel Hortifruti do Guarujá, Prefeitura do Município de São Sebastião.
Entre os indicados para o recebimento do Premio Ecoturismo 2004 estão Sr.Edemar Cid Ferreira (Brasil Connects), Sr.Guilherme Pualus (CVC) a Band Vale (Projeto Rio Vivo), a Fazenda San Francisco, Sra.Oreni Braga (Amazonasturismo), Sr.Jorge Viana (Governador do Acre), Sr.Edgar Werbloski (Freeway Adventures), EFMMamoré (Rondônia), Itaipu Binacional, Grupo Mendes. 
Uma comissão formada por jornalistas, publicitários e empresários recebeu as indicações de todos os meios, inclusive pela Internet e acabou se debruçando na escolha destes nomes e empreendimentos agora relacionados.
As inscrições ainda estão abertas para quem quiser participar deste importante evento que tratará de vários temas do segmento do desenvolvimento sustentável sob o tema maior do Salve o Ecossistema Marinho do Brasil e da Água como Puro Meio Ambiente , pelo preço simbólico de R$ 100,00 , para estudantes e R$ 200,00 para profissionais , acessando o site www.jornalecoturismo.com.br .
São Sebastião, cidade que tem praias famosas como Boiçucanga, Maresias, fica defronte a Ilha Bela um dos mais conhecidos balneários internacionais e distante de São Paulo, cerca de l20 kms, com rodovias muito bem pavimentadas e com uma boa rede hoteleira e restaurantes de grande qualidade, podendo o turista fazer passeios de escuna e vela. (Fonte: PMC)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caraguatudo O Guaruçá Pousada das Cachoeiras

Final de semana de atrações em Caraguá

Caraguatatuba - Neste final de semana (17 e 18/7), Caraguatatuba irá reviver o clima de convivência das antigas noites em torno do coreto da praça Cândido Motta, com a apresentação de violeiros e seresteiros do projeto Inverno Quente, promovido Fundação Cultural e Educacional (Fundacc). 
Os cantores Ney Gonçalo e Rouxinol, da Companhia de Viola na Praia, se apresentam sábado a partir das 20h, numa programação que deverá se estender até às 22h com a cantora Mara Amaral. No domingo (18/7), a Banda Municipal Carlos Gomes iniciará a apresentação de seu repertório clássico e popular às 20h30.
A programação, do projeto Inverno Quente, terá prosseguimento no sábado da próxima semana (24/7), com apresentação do Duo Tramandaí, Cabelo de Milho e outros convidados. No último sábado do mês (31/7), o coreto, da Praça Cândido Motta, receberá o cantor Paceli e convidados da Companhia Viola na Praia.
"...Do Nosso Mar", no MACC. O Museu de Arte Contemporânea de Caraguatatuba (MACC) estará aberto ao público entre 10h e 18h no final de semana com a exposição "...Do Nosso Mar", organizada pelo Instituto de Oceanografia da USP, que documenta as riquezas do ecossistema e da biodiversidade do Litoral Norte.
Capoeira no Festival da Tainha. O Grupo de Capoeira da Fundacc irá se apresentar sábado (17/7), às 20h , no Festival da Tainha, no Porto Novo, que terá início na sexta-feira e termina no domingo. O Festival da Tainha é uma realização da Secretaria Municipal de Turismo com o apoio da Fundacc. (Fonte: PMC)

Festa da Tainha no fim de semana em Caraguá

Caraguatatuba - Caraguá promove a 1ª Festa da Tainha, neste fim de semana, no Entreposto de Pesca do Porto Novo. Uma festa tipicamente caiçara, com gastronomia, shows musicais, artesanato, canoagem, entre outras atrações
Caraguá vai realizar a 1ª Festa da Tainha nos dias 16, 17 e 18 de julho, no Entreposto de Pesca do Porto Novo. A organização da festa é da Associação de Pescadores Artesanais da Zona Sul de Caraguatatuba (Assopazca), Associação Caiçara Juqueriquerê, Secretaria de Turismo, e Fundação Cultural. 
A festa vai contar com pratos à base de tainha a preços promocionais, servidos no almoço e no jantar. Outras atrações, como shows musicais, feira de artesanato, venda de doces da região, presença de festeiros famosos e campeonato de canoagem também fazem parte do evento. 
Programação:
Dia 16
18h - abertura
21h - show com Mara Amaral
Dia 17
20h - Puxada de rede com o Mestre Angolinha.
21h - João Marcos e Juliano.
Dia 18
21h - show com a banda Cabelo de Milho.
O Entreposto e Pesca fica à Alameda Antônio Luiz G. da Câmara Coutinho, nº 1350, Porto Novo. (Fonte: PMC)

MACC abre exposição sobre ecossistema do Litoral Norte

Caraguatatuba - Em conjunto com o Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (USP), o Museu de Arte e Cultura de Caraguatatuba (MACC) abrirá para a visitação pública a exposição ...Do Nosso Mar, na próxima sexta-feira (16/7) e vai até o dia 22 de agosto.
Em dois aquários poderão ser conhecidos os mais variados exemplares da fauna marinha capturada pelos pesquisadores do Instituto de Oceanografia da USP nas águas do Litoral Norte paulista - peixes, tartarugas e outros animais.
A professora Eloiza Antunes de Oliveira, presidente da Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba (Fundacc), disse que a mostra da riqueza e biodiversidade do Litoral Norte poderá servir para elevar a consciência da população em relação às riquezas naturais desta área litorânea, fortalecendo a cultura regional caiçara.
Outras 50 imagens fotográficas coletadas durante o Projeto Antártico (Proantar) do Instituto de Oceanografia complementam a exposição - que poderá ser visitada entre 10h e 18h, de terça a domingo no MACC - à praça dr. Cândido Motta, 72, Centro, Caraguatatuba, fone (12) 3883-9188. (Fonte: PMC)

Fundacc promove workshops de Teatro e Dança em julho

Caraguatatuba - A importância da máscara no trabalho teatral, o controle e o equilíbrio de movimentos. Estes são alguns tópicos que a atriz Fernanda Camargo irá desenvolver com os participantes de um workshop, que será realizado na próxima quinta-feira (dia 15/7), a partir das 18h no auditório da Fundacc - à rua Santa Cruz, 396, Centro, Caraguatatuba, fones (12) 3883-7575/3737.
“Atualmente, além do papel na caracterização das personagens, a máscara tem um papel fundamental na formação de diretores e atores” - explica Fernanda Camargo. “Pode-se dizer que a máscara ajuda a despojar o artista de sua pessoa social, elevando seu grau de atenção durante a encenação”. 
Segundo Fernanda, será aplicada uma metodologia teórica e prática visando exatamente libertar os atores de atitude condicionadas, por meio de exercícios de percepção e controle corporal.
A atriz Fernanda Camargo possui formação estética e musical antroposófica (pela Escola Waldorf Rudolf Steiner, de São Paulo), além de participar do Teatro-Escola Macunaína e estudar Artes Cênicas na Escola de Comunicações e Artes da Universidade São Paulo (USP). O número de vagas para o workshop é limitado e a inscrição custa R$ 5,00.
DANÇA - Nos dias 24 e 25 de julho, será a vez da professora de balé clássico Valéria Mattos e do professor de jazz contemporâneo Fernando Silva desenvolverem o workshop Dança - com o objetivo de reciclar e atualizar os monitores de prestam serviço à Fundacc, além de atender os participantes dos grupos de dança com idade.
Os professores Valéria Mattos e Fernando Silva integram a Companhia Marcela Campos - que conquistou o primeiro lugar na modalidade dança contemporânea no Dança Ribeirão 2004, realizado na primeira semana de julho. O workshop Dança é dirigido para o público com idade superior a 16 anos e os interessados poderão se inscrever (ao custo de R$ 10) até o próximo dia 19. (Fonte: PMC)

Videoteca Lúcio Braun apresenta a programação Férias Divertidas

Caraguatatuba - Dentro do Festival de Inverno da Videoteca Lúcio Braun, que está sendo realizado no Pólo Cultural de Carauatatuba, entre quinta-feira (15/7) e domingo (18/7) próximos será exibida uma série de filmes destinados para o público infanto-juvenil no programa Férias Divertidas.
Na quinta-feira será exibida a aventura Pequenos Espiões, uma produção de 2001 com o ator Antonio Bandeiras; na sexta, O Retorno da Múmia, com Brendan Fraser; no sábado, com Tobey Maguire no papel principal, Homem Aranha; e domingo a comédia O Máscara, com Jim Carrey. (Fonte: PMC)

Estudantes de Caraguatatuba visitam o interior do Estado

Caraguatatuba - Durante esta semana, 40 alunos da rede municipal de ensino de Caraguatatuba, com idade entre 9 e 11 anos, estão na cidade de Pirassununga (SP), para participar do programa "Caravanas do Conhecimento". O programa, do governo do Estado, é realizado por meio de uma parceria entre as Secretarias de Juventude, Esporte e Lazer, Saúde, Segurança Pública, Assistência e Desenvolvimento Social e Transportes. A coordenação fica por conta do Cepam (Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal), que dividiu a atividade em duas fases. Na primeira delas --que aconteceu em janeiro-- o lema o foi "Interior na Praia". Crianças do interior do Estado foram levadas para conhecer cidades do litoral. Caraguatatuba recebeu alunos nas Emefs Prof. João Benedito Marcondes, no bairro Barranco Alto, e Profº Maria Aparecida Ujio, no Porto Novo. Agora a cidade envia alunos destas escolas para a segunda fase do programa --"Desbravando o Interior". O intercâmbio oferece às crianças alojamento, refeições e roteiros turísticos, além de atividades de recreação. Segundo o Cepam, o objetivo, nesta fase, é permitir um contato dos alunos com as referências históricas do interior do Estado, como relevo, topografia, as vocações e dificuldades regionais, aliando lazer e educação informal alternativa. Além de Caraguatatuba, mais 25 cidades litorâneas participam desta fase como visitantes, totalizando 3.400 crianças, que estão distribuídas por 78 municipios visitados. No próximo verão os papéis se invertem novamente. (Fonte: ValeParaibano)

Concurso de arrocha, forró e aeróbica agitam Praça de Eventos 

Caraguatatuba - A programação de inverno em Caraguá está prá lá de agitada. Promovidas pela Setur, as aulas do professor Marílio Rodrigues e sua equipe estarão agitando a Praça de Eventos, de 15 de julho a 1º de agosto, das 20h30 às 23 horas. Quem for até lá conferir poderá participar de concurso de arrocha, concurso de forró, aero-country, aeróbica e lambaeróbica, é só comparecer! O professor marílio também promove brincadeiras e distribuição de doces para a garotada. (Fonte: PMC)

Festa leva brincadeiras para a comunidade neste final de semana

Caraguatatuba - "Jesus, o verdadeiro herói" é o tema de um encontro com a criançada no próximo fim de semana, em Caraguá. A programação da Escola Bíblica de Férias envolverá brincadeiras na rua e será aberta à toda a comunidade, que poderá participar de teatro, histórias e haverá até distribuição de cahorro quente, algodão doce e balas. "O intuito é falar com as crianças sobre a história da bíblia, especialmente Jesus Cristo, aproveitando as férias para fazer esta festa e atrair muitas crianças", comenta a coordenadora da festa, Angela Alcântara Pereira Duarte. O evento acontece no sábado, das 14 às 18 horas, e no domingo, das 9 às 13 horas, na Rua Setor 1, no bairro Estrela Dalva. O evento está sendo promovido pela Igreja Assembléia de Deus Ministério de Santos, com o supervisão do Pastor Airton. (Fonte: PMC)



Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano
Sailing Shop

Ramos é campeão da classe HPE25

Ilhabela - Eduardo Souza Ramos conquistou o título inédito da classe HPE25, ontem à noite, na Semana Internacional de Vela de Ilhabela. Esta foi a primeira competição oficial realizada nesta classe.
O velejador comandou o Phoenix Junior Pajero TR4, que terminou as regatas barla-sota com cinco pontos perdidos. A premiação será hoje, às 20h30, no Race Village.
O HPE Performance, de Gabriel Borgstron, ficou em segundo lugar, seguido pelo "Vento", de Felipe Furquim. No total, a flotilha do HPE contou com seis barcos.
INOVAÇÃO - O veleiro HPE 25' é considerado um dos mais interessantes barcos de alta performance lançados no Brasil nos últimos tempos.
Além disso, se diferencia das outras classes porque os velejadores podem participar de competições e também usá-lo nos passeios com a família.
"Tinha esquecido como era bom velejar", disse Augusto Falletti, sexto colocado com o barco Redemption, e que correu mais de dez anos de Stock Car. "Quando vi meu filho de 15 anos comandando o barco, me senti realizado. Essa cena pagou o investimento."
Com quilha retrátil e facilmente rebocável, o HPE é quase um "monotipo" de 25 pés e pode ser velejado facilmente por duas pessoas. O custo de um veleiro novo fica em torno de R$ 65 mil. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Prefeitura dá sinal verde para o semáforo inteligente 
Sistema reduziu em 96% o número de acidentes na região central de São Sebastião

São Sebastião - Com o objetivo de tornar o tráfego mais ágil e seguro para motoristas e pedestres, a Prefeitura de São Sebastião, através do Departamento de Tráfego (Detraf), investiu, em fevereiro deste ano, na implantação de três semáforos inteligentes no centro da cidade. Essa ação resultou na diminuição, em 96%, da incidência de atropelamentos e colisões nos cruzamentos da Avenida Guarda Mor Lobo Viana com as ruas Auta Pinder, Mansueto Pierotti e Armando Salles de Oliveira, locais onde esses semáforos estão instalados.
Segundo o diretor do Detraf, Marcus Vinícius de Oliveira, através do sistema desse tipo de semáforo, de contagem regressiva, tem-se a noção exata de tempo em relação ao espaço. “Seu grande diferencial é a adaptabilidade de fases, que permite sempre um melhor escoamento do trânsito para os sentidos mais movimentados. Os semáforos abrem e fecham de acordo com o fluxo de veículos”, afirmou. Ainda de acordo com ele, o sistema também está aprovado pelos pedestres. “Temos recebido muitos elogios da população”, contou.
Os semáforos inteligentes começaram a se firmar, no mercado mundial, no início da década de 90. Existem, atualmente, cerca de duzentas cidades no mundo inteiro que utilizam esta tecnologia. (Fonte: PMSS)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Setur Anuncie Aqui 

Ubatuba Viva inicia campanha de transparência

Eduardo Cezar assina o compromissoUbatuba - O Grupo Ubatuba Viva está convidando os candidatos às eleições municipais de 2004 para assinar um compromisso de intenções. Nele os candidatos se comprometem a governar Ubatuba de forma clara e transparente. 
Esteve presente ontem, na reunião semanal do grupo, o candidato a prefeito Eduardo Cezar (PL), da coligação "Resgate Ubatuba". Na ocasião, depois de explanar suas idéias o candidato assinou o documento. Eduardo Cezar foi o primeiro, o convite será estendido à todos os demais candidatos.
Esta é uma das ações sugeridas na cartilha "Combate à Corrupção nas Prefeituras do Brasil", publicado pela AMARRIBO - Amigos Associados de Ribeirão Bonito, disponível em www.amarribo.com.br  
Eduardo Cezar recebe exemplar da cartilha "Combate à Corrupção nas Prefeituras do Brasil"O grupo Ubatuba Viva é um movimento pelo resgate da cidadania, aberto a todos os cidadãos de Ubatuba e sem conotação ou cor político-partidária. Congrega diversas correntes de pensamento e representantes do amplo espectro das atividades econômicas do município. Tem um objetivo único e unânime: fazer uma Ubatuba melhor.
Independente do candidato vitorioso nas próximas eleições, o grupo propõe que o Prefeito, a Câmara e os cidadãos trabalhem visando o desenvolvimento de nossa cidade. É o que Ubatuba merece. 
A comunidade está convidada para participar. As reuniões acontecem às quartas-feiras, às 19:30h, no salão da ACIU, Associação Comercial e Empresarial de Ubatuba, R. Dona Maria Alves, 587, Centro. 
O site do Movimento Ubatuba Viva pode ser acessado em www.ubatubaviva.com.br  

Modelo do documento que candidatos a prefeito de Ubatuba são convidados a assinar:



Compromisso Público de Candidato a Prefeito

Eu _______, brasileiro, residente a______, portador do RG _____, candidato a ____ no município de _____, pelo partido ___, prometo publicamente a cumprir rigorosamente os compromissos a seguir:
1. Adotar transparência total na administração, fornecendo prontamente todas as informações requeridas pelos cidadãos, organizações não governamentais, e Ministério Público.
2. Coibir o uso de quaisquer recursos públicos em benefício próprio ou de terceiros.
3. Fornecer mensalmente a lista de todos os pagamentos feitos, individualmente, pelos órgãos da prefeitura, incluindo verbas de Saúde, FUNDEF , mesmo que a origem da verba tenha vinculações com a administração estadual ou federal, com valores, nome dos beneficiários, CNPJ ou CPF , e a título de que foi feito o pagamento.
4. Levar ao Ministério Público e às autoridades constituídas a apuração de qualquer suspeita de desvio de recursos que recaia sobre membros da administração pública ou dos órgãos sob o meu comando direto ou indireto.
5. Colocar à disposição da população, até dois anos após assumir o mandato, em sitio próprio para acesso via Internet todas as informações requeridas pelos órgãos fiscalizadores da administração pública, e a listagem prevista no item 3.
6. Promover uma reestruturação administrativa na Prefeitura para dar melhor eficiência aos serviços e reduzir os custos da máquina administrativa evitando-se contratações desnecessárias de pessoal.
7. Não favorecer parentes, amigos e apaniguados em aquisições e licitações de qualquer órgão da prefeitura.
8. Não contratar parentes até terceiro grau em cargos de confiança.
9. Adotar orçamento democrático, promovendo audiências para priorização na alocação dos recursos da prefeitura.
10. Apoiar a alteração da Lei Orgânica do Município e do Regimento Interno da Câmara Municipal para adoção do voto aberto pela Câmara Municipal em todas as matérias.
11. Utilizar os serviços de entidades qualificadas e independentes na eventualidade de realização de concursos públicos para contratação
de funcionários.
12. Não utilizar órgãos, funcionários, e equipamentos da administração pública em proveito próprio, ou de terceiros.
13. Permitir a qualquer momento a realização de auditorias solicitadas pelo Ministério Público, Câmara de Vereadores, e entidades representativas da sociedade para verificação de contas e documentos.
14. Declaro conhecer o conteúdo da publicação e me comprometo a tomar medidas administrativas para prevenir no futuro a ocorrência dos tipos de fraude mencionados na mesma.

Assinatura do Candidato

SuperSurf 2004 inaugura reta final em Ubatuba 
A ubatubense Suelen Naraisa pode confirmar em casa a sua entrada na Galeria das Campeãs Brasileiras por antecipação

Ubatuba - Dos 32 brasileiros que competiram no Mundial WQS 6 estrelas de Durban encerrado nesse domingo, 22 saíram direto do SuperSurf de Pernambuco para a África do Sul. Cinco fazem parte da elite mundial e ainda continuam por lá para participar da quinta etapa do WCT em Jeffreys Bay, mas os outros voltam para se preparar para o penúltimo desafio do SuperSurf 2004, na próxima semana em Ubatuba. No litoral norte de São Paulo será inaugurada a reta final da disputa pelos títulos brasileiros da temporada, com os ubatubenses Renato Galvão e Suelen Naraisa defendendo a liderança dos rankings na praia de Itamambuca. O bicampeão brasileiro Leonardo Neves está em segundo e venceu esta etapa em 2003, com o também ubatubense Odirlei Coutinho em terceiro e outros também próximos da briga. Já Suelen Naraisa pode confirmar em casa a sua entrada na Galeria das Campeãs Brasileiras por antecipação. O SuperSurf de Ubatuba começa na quarta-feira 21 e vai até o domingo 25. Imperdível! (Fonte: O Guaruçá)

Ubatuba, a etapa preferida dos surfistas

Ubatuba - A praia de Itamambuca é a única que faz parte do calendário do SuperSurf desde a sua criação em 2000. Até o ano passado, sempre promoveu a terceira etapa e marcava o fim da primeira metade da temporada com boas ondas e um grande público. Agora, em 2004, a histórica cidade de Ubatuba, que junto com Saquarema (RJ) deu início às competições no Brasil com os antigos Festivais de Surf da década de 70, se tornará mais decisiva, pois vai sediar o quinto e penúltimo desafio do ano.
O SuperSurf de Ubatuba estava previamente marcado para os dias 04 a 08 de agosto, mas foi antecipado para 21 a 25 de julho atendendo solicitação dos próprios competidores e para contar com maior participação dos brasileiros que competem no Mundial WQS. Ninguém quer perder essa etapa, que é sempre escolhida pela maioria dos surfistas como uma das melhores etapas do circuito, com a praia de Itamambuca sempre apresentando boas ondas para a elite do surfe nacional.
A categoria feminina viveu momentos gloriosos em 2002. Num mesmo dia, as duas estrelas internacionais do surfe brasileiro registraram recordes históricos no SuperSurf. Logo depois da catarinense Jacqueline Silva vencer uma bateria espetacular com 24,49 pontos de 30 possíveis, na disputa seguinte a cearense Tita Tavares arrancou a primeira nota 10 feminina da história da ABRASP e totalizou incríveis 26,33 pontos, que em toda a história do SuperSurf só não supera os 27,67 pontos marcados por Peterson Rosa em Saquarema (RJ) também em 2003.
Mas, a "Rainha de Ubatuba" é a carioca Andréa Lopes, que foi finalista nos três primeiros anos do SuperSurf em Itamambuca. Perdeu a primeira para Jacqueline Silva, mas venceu as outras duas. Só ficou de fora da decisão no ano passado, quando Tita Tavares garantiu soberania no litoral paulista ao derrotar a surfista local Suelen Naraisa. A cearense já tinha vencido a primeira etapa da temporada, em Maresias, São Sebastião (SP).
No masculino, o defensor do título do SuperSurf de Ubatuba neste ano é o bicampeão brasileiro Leonardo Neves, que abusou dos aéreos para derrotar o baiano Flávio Costa na final de 2003. Essa foi a primeira decisão sem nenhum representante de São Paulo e a única vitória paulista na praia de Itamambuca foi a do ubatubense Tadeu Pereira sobre o catarinense Guga Arruda na primeira edição do SuperSurf em 2000.
Em 2001, o cearense Dunga Neto bateu o paulista Beto Fernandes e em 2002 o catarinense Andreas Eduardo derrotou Maicon Rosa, que nasceu no Paraná e desde criança reside no Guarujá. O irmão mais jovem de Peterson Rosa era o atual campeão paulista profissional.
O Super Surf 2004 é organizado pelo Grupo Abril e ABRASP (Associação Brasileira de Surf Profissional), com o patrocínio da Volkswagen, TIM e Skol, co-patrocínio da Garnier Fructis e apoio da Suncoast by C&A e Revista Hardcore. 

O SuperSurf em Ubatuba

2003: Leonardo Neves (RJ) 17,00 x 13,60 Flávio Costa (BA)
2003: Tita Tavares (CE) 11,67 x 10,00 Suelen Naraisa (SP)
2002: Andreas Eduardo (SC) 19,91 x 18,24 Maicon Rosa (PR)
2002: Andréa Lopes (RJ) 16,24 x 15,84 Jacqueline Silva (SC)
2001: Dunga Neto (CE) 19,33 x 11,37 Beto Fernandes (SP)
2001: Andréa Lopes (RJ) 8,47 x 6,90 Francisca Pereira (SP)
2000: Tadeu Pereira (SP) 19,06 x 18,00 Guga Arruda (SC)
2000: Jacqueline Silva (SC) 17,66 x 16,43 Andréa Lopes (RJ) (Fonte: O Guaruçá)


Ação Litoral

Política Topo

Bastidores Políticos de Ubatuba
Sidney Borges


Começam a surgir na cidade os primeiros sinais de que teremos eleições. Carros circulando com adesivos de candidatos e casas pintadas com as cores das coligações dão colorido à cidade, prenunciando o momento maior da democracia. Em 1982 o país viveu uma eleição da maior importância, ARENA e MDB disputavam cadeiras no senado e na câmara e governadores eram eleitos em todo o Brasil. Foi uma eleição com caráter de plebiscito, o povo estava cansado do regime de exceção e queria mudanças. A cobertura do pleito feita pela Rede Globo foi centralizada em São Paulo, felizmente eu estava lá e posso contar como aconteceu. Nós tínhamos preparado duas maquetes, uma da câmara e outra do senado, elas seriam preenchidas com bandeiras azuis e vermelhas à medida que as apurações avançassem. Bandeiras azuis para a ARENA e vermelhas para o MDB, uma em cada cadeira. Na verdade não era a melhor solução para a televisão se as coisas ficassem divididas, as câmeras num plano mais aberto acabariam mostrando uma mancha marrom e caso se aproximassem dariam apenas detalhes. Parece que a idéia era essa mesmo, fingir que havia comunicação, entretanto o MDB começou a dominar as apurações e ocupar cadeiras de tal forma que de qualquer posição, as câmeras mostravam uma mancha vermelha. A direção proibiu o uso das maquetes. Passamos a usar gráficos de barras verticais. Como a barra vermelha que representava o MDB ficasse a cada instante mais alta, também essa forma de comparação foi proibida. No Rio de Janeiro, Leonel Brizola avançava nas apurações de todos os órgãos de imprensa, menos na Globo, onde perdia para outros candidatos mais palatáveis a casa, como Miro Teixeira. Quando a coisa começou a passar para as raias do absurdo foi inventado um tal de “diferencial delta da Proconsult”, que explicou porque os computadores da Globo davam resultados errados. Explicou, mas não convenceu. Em 1982 houve uma clara tentativa de mudar a realidade, prática que era bem conhecida dos coronéis do interior do Brasil. A indignação dos jornalistas que trabalhavam na apuração mostrou de forma clara que a patranha havia sido arquitetada pelos donos. Do poder e da Rede Globo. Felizmente prevaleceu o bom senso, Brizola levou no Rio, o MDB avançou e o país entrou na reta final para retornar à democracia plena, o que aconteceria em três anos. A democracia, apesar das falhas é o melhor regime que há, melhor do que qualquer ditadura. O leitor poderá estranhar que pouco tenha sido escrito sobre os bastidores políticos de Ubatuba, razão de ser da coluna. É que na realidade, nada aconteceu, fora os boatos, estes a cada dia mais mirabolantes. Se a criatividade fosse usada para fins construtivos...

Sidney Borges
www.lojasmurray.blogger.com.br/index.html 

Opinião Topo

Cacetistas, Cerca-Igrejas e Benfeitores
Angelo Nogueira

O Brasil se prepara para um dos eventos mais significativos da democracia: as eleições municipais. Este artigo é o primeiro de uma série que se propõe falar da importância do município como alicerce da nação.
É chegada a hora de escolher prefeito e vereadores e o eleitor se pergunta: votar em quem? 
Pelo voto, o cidadão dita os rumos de sua cidade, de seu estado, de seu país. Infelizmente, grande parte do eleitorado ainda não percebe a dimensão do voto no aperfeiçoamento do sistema democrático.
Também, pudera! Ao longo de nossa história – narra o Juiz de Direito, Márlon Jacinto Reis –, os detentores do poder usaram dos mais diferentes métodos para convencer o eleitor de que democracia é assunto importante demais para ser cuidado pelas pessoas do povo. 
Mulheres, negros, mendigos e analfabetos não puderam votar durante séculos. Em seu lugar votavam defuntos e fantasmas.
Era comum os eleitores de oposição serem esperados à boca das urnas por agressores mercenários. 1840, no Rio de Janeiro, ficou conhecido como o ano das “eleições do cacete”. 
As votações passaram a ser realizadas dentro das igrejas e, no Ceará, surgiram os “cerca-igrejas”, pagos pelos coronéis para invadir os templos e agredir os eleitores com imagens e castiçais.
Se esses argumentos não fossem convincentes o bastante, aplicava-se aos candidatos oposicionistas o recurso da “degola” (retirar o nome da lista dos eleitos) e aos da situação o recurso inverso, o “esguicho”. 
O combate à fraude eleitoral foi uma das principais bandeiras de muitos movimentos contestatórios da década de 20. Às custas de muitas baixas, em 1932, foi criado o Código Eleitoral e, com ele, a Justiça Eleitoral. Ainda assim, períodos de ditadura e leis eleitoreiras casuísticas atrasaram nossos passos rumo à democracia. Mas caminhamos: a Lei dos Partidos Políticos (1995), a Lei das Eleições (1997) e a universalização da coleta eletrônica do voto contribuíram na superação dos problemas mais graves.
No lugar de porretadas, os “cerca-igrejas” e os “cacetistas” modernos passaram a distribuir dentaduras, telhas, tijolos, cestas básicas, promessas de emprego... Uma simples mudança de armas propiciou-lhes a vantagem de se tornar “benfeitores”.
Contra essa nova forma de agressão eleitoral foi aprovada, em 1999, a primeira lei que teve origem numa proposta de iniciativa popular na história do Brasil, a Lei 9.840. Graças a ela cerca de 60 políticos foram cassados por “compra de votos”, entre eles o senador João Capiberibe e sua mulher, a deputada Janete Capiberibe, ambos do PSDB do Amapá.
O fortalecimento da democracia depende da politização dos eleitores e de uma justiça ágil e rigorosa no combate à corrupção. A sociedade precisa se empenhar nesse sentido.
A pessoa despolitizada é facilmente manobrada pelos mercadores de votos. A lentidão da justiça acarreta a impunidade e esta, por sua vez, gera no eleitor a convicção de que “sempre foi assim”, “todos são iguais” e “idiota é quem não tira proveito”. Os mercadores de votos contam com ambas!

Angelo Fonseca Nogueira Junior
Caraguatatuba / SP
E-mail: angelonogueira@modulo.br 

Artigo Topo

As motivações do voto
Ernesto F. Cardoso Jr.

Em recente artigo, Gaudêncio Torquato, jornalista e consultor político (“O Estado de São Paulo”), analisou quais deverão ser as motivações do voto nas próximas eleições. É muito oportuna esta análise pois é comum ditarmos previsões sobre o voto futuro com base nas preferências e motivações havidas no passado, como se as decepções sofridas não tivessem o condão de modificar a visão política do eleitor. Além disto, o desenvolvimento dos próprios fatos políticos, econômicos e sociais, sugerem ao eleitor a inclusão de novos fatores e valores na sua avaliação de governos e candidatos. O impacto sobre o bem-estar pessoal e a frustração de expectativas em relação à governantes e representantes eleitos, inclina o eleitor, fortemente, a analisar os novos candidatos com mais critério, podendo alterar substancialmente o eixo de seu posicionamento.
Há de se considerar, em primeiro plano, o grau de profissionalismo atualmente empregado nas campanhas eleitorais, tendo como objetivo a manipulação da mente do eleitor e a indução de seu voto. Esse profissionalismo, geralmente exercido por “marketeiros” políticos é, em geral, pouco, ou nada ético. Os fins justificam os meios e desta forma tudo que ajudar o candidato a ganhar votos é passível de utilização. Cito, como exemplo emblemático desta técnica de criação de impressões e conceitos irreais e, portanto, não éticos, aquela imagem criada pelo Duda Mendonça de grupos, em torno de mesas de trabalho, elaborando um Plano de Governo que, hoje, constata-se nunca chegou a ser feito. Era, todavia, algo que o candidato em questão precisava para contrabalançar seu notório despreparo para o exercício da magistratura máxima do País, bem como, transmitir a impressão de que o esquema partidário que o apoiava poderia fornecer-lhe o suporte técnico que necessitava, o que, também, não se evidenciou.
Como salienta Torquato, através desse marketing eleitoral “esboçam-se perfis políticos, plasmam-se mitos, induzindo-se pensamentos, comportamentos e decisões, alimentando polêmicas, construindo, enfim, uma base de valores para formação da opinião pública nacional, atravessando espaços sociais e geográficos”. Consciente disto, não deve o eleitor se deixar influenciar por material de propaganda, escrito ou falado, elaborado de forma a aprimorar a imagem do candidato além da realidade comum a todos nós mortais. Não existem milagreiros, nem milagres possíveis, mesmo quando se promete, enfaticamente, 
“mudar tudo isso que está aí”. A realidade em que a sociedade hoje se situa em meio às intrincadas relações que delimitam a ação, é muito mais determinante do que qualquer intuitiva, ou apostólica “vontade política”, a despeito, até, das qualidades ímpares que um candidato ofereça, ou de sua determinação e capacidade de ação.
Contrariamente a essa poderosa influência de marketing, há quem considere, em razão de pesquisas qualitativas havidas, que a percepção social sobre a realidade surpreende
ao demonstrarem que a taxa de racionalidade se expande em todas as classes sociais. Se esta tendência vier a se firmar, poderíamos dizer que a própria longevidade da democracia e o seu exercício regular tendem, como antevê Torquato, a aumentar o grau de percepção das realidades e a produzir um maior desprendimento emocional do eleitor. O que isto pode estar a indicar, também, é que o eleitor começa a se tornar capaz de desnudar o candidato da roupagem atraente que o “marketeiro” lhe coloca e com a qual pretende transmudar o candidato.
Outra questão relevante, é a recorrência da surrada temática das mudanças, tão repetida nas campanhas recentes, que significariam melhoria da vida nacional, do bem-estar individual e da felicidade da nação. Como nada mudou significativamente desde então, provavelmente só para pior, promessas de mudança tenderiam a perder sua força e poderiam, como bumerangue, voltar-se contra o fazedor de promessas. Torquato acha que nesta campanha “mudar” tornou-se um verbo roto que os eleitores jogarão na lata do lixo. Pessoalmente, tenho reservas a respeito, pois, para as comunidades municipais, objeto desta eleição, que sentem mais de perto as conseqüências das escolhas feitas, as promessas de mudança, se acompanhadas de forte credibilidade e no contexto de oligarquias que se tenham perpetuado demasiadamente no poder, podem, ainda, ser atraentes, especialmente se feitas com base em análises objetivas e propostas realistas.
Dada a experiência eleitoral recente, cujos efeitos o país vem sentindo de forma até traumática, após outro grande devaneio nacional, é de se esperar que a idoneidade do candidato, frente às exigências do cargo que pretenda assumir, venha a ser tema interessante a ser explorado. Capacidade administrativa e de liderança, educação formal e experiência, são qualidades essenciais que acompanhadas de projetos e propostas simples e perfeitamente exeqüíveis, especialmente referentes aos anseios básicos da população, devem produzir bom impacto sobre o eleitor.
O “rouba, mas faz”, criação paulista que deitou escola, já não deverá ter a mesma adesão cínica do passado, a menos que entre os concorrentes não existam diferenças distintas de posturas éticas. Como já salientamos em outro artigo, tem-se tornado tão chocante e evidente o grau de corrupção ao nível dos governos municipais que a honestidade pessoal, a decência e a lisura reconhecida, ou praticada pelo candidato em sua história pessoal, serão apanágios que poderão elevar candidatos inicialmente menos cotados a escalar rapidamente o topo da preferência popular. O fato que nos parece inconteste é que tivesse a sociedade brasileira, atualmente, candidatos que somassem, visivelmente, competência e integridade pessoal e não haveria necessidade de tanto dinheiro, nem de elaborada estratégia para lhes assegurar a vitória. Uma das maiores decepções que o eleitorado brasileiro sofre, presentemente, é observar que de onde mais se esperava honestidade e competência brotaram, em borbulhões, falta de pudor, irresponsabilidade e incompetência, como os fatos estão a demonstrar. Honestidade, com competência, pois, deverá ser fator de grande poder de aglutinação do eleitorado, especialmente contra candidatos de histórica desfaçatez e falta de pudor no trato dos negócios públicos.
Há de se dar, por outro lado, menos lugar ao excessivo personalismo, tão comum em nossa vida política e mais espaço ao senso político prático, no sentido de reconhecer que se algo está indo bem, deve merecer continuidade. Este personalismo de querer colocar em tudo a marca pessoal vem custando à sociedade imensos recursos desbaratados e altíssimo custo de improvisação. Prometer continuar o que está indo bem, mostrando intenção de aprimorar ainda mais, deve calar bem no pensamento do eleitor. 
Longe de pensar ter esgotado este assunto (se possível retornaremos a ele), suscito-o, exatamente, para que o eleitor ponha a funcionar sua capacidade de análise, seu controle emocional e afetivo, exercite o desprendimento com vistas ao bem-estar coletivo, enfim, busque conhecer profundamente o candidato antes de preferi-lo. Precisamos todos, como sociedade, perdermo-nos menos com o arrependimento e edificarmo-nos mais com a razão.
Lembre-se, o eleitor, que o voto não deve ser considerado uma arma, mas, um poderoso instrumento cirúrgico. Em si é inerte, mas, utilizado com critério e plena consciência pode produzir importantes modificações no corpo da nação.

Ernesto F. Cardoso Jr.
efcardosojr@uol.com.br 

Carta do Leitor Topo

Jóia da Coroa - Até meados do século passado Ubatuba era dotada de expressivo patrimônio arquitetônico. Em volta das praças centrais, Exaltação à Santa Cruz e Nóbrega, o belo casario colonial estava praticamente intacto. Curiosamente, porém, sem nenhuma oposição, ao longo dos anos cinqüenta, sessenta e setenta, todo esse patrimônio histórico foi demolido para dar lugar às construções sem estilo e sem beleza hoje existentes. Para uma cidade que desde então cultivava pretensões turísticas foi um duro golpe. Na área central de Ubatuba salvaram-se da vontade demolidora, apenas seis edificações: a igreja matriz, na praça Exaltação à Santa Cruz; o casarão do porto, na praça Anchieta; o prédio da câmara municipal, na avenida Iperoig; a cadeia velha, na praça Nóbrega, a pousada Imperial, na rua Jordão Homem da Costa e, por fim, o prédio da rua Coronel Ernesto de Oliveira nº 238, onde até recentemente funcionava o restaurante de Dona Ofélia. E é desse pequeno e singelo prédio que ora me ocupo, tendo em vista que ele está dando lugar, sem nenhuma oposição, a mais uma dessas insignificantes "lojinhas", com o fim único de gerar ao insensível proprietário, um modesto aluguel mensal. A curta visão não permite vislumbrar que se o prédio fosse preservado e restaurado, geraria um aluguel no mínimo dobrado, já que se tratava da única casa colonial remanescente no centro da cidade, ou seja, a jóia da coroa. As obras em andamento naquele local, ao que tudo indica, acontecem sem projeto aprovado e sem alvará de construção expedido, como tem sido facultado aos asseclas do poder constituído e sabemos que as vigas de canela preta lavradas a machado, os batentes, as janelas e portas, todas peças originais retiradas do prédio demolido, foram transportadas para São Luís do Paraitinga, para guarnecerem a pousada que notável cidadão de nossa cidade, lá está edificando. Assim, assistimos passivamente, nós munícipes, nós cidadãos, nós autoridades municipais, que um dos seis prédios históricos de nossa cidade seja demolido e que partes dele sejam exportadas para enriquecer o patrimônio do município vizinho. Resta estabelecer se somos exageradamente generosos ou excessivamente imbecis. 

Thomas De Carle
Ubatuba, SP

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Luar em Itamambuca

Luar em Itamambuca
©Márcio de O. Naves


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Editora Assistente: Jullyany Roberta Cruz


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor