Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 26 de julho de 2004 - Nº 1083 Edições Anteriores
Barra da Lagoa Portal da Palmeira Disk Denúncia

Região
Rodovia dos Tamoios mata mais em 2004
Raio X da SP-99
Royalties da Petrobras têm aumento de 40% no litoral
Movimento no Tebar cresce 8% em 2004
Prefeituras recorrem à Justiça por aumento
Boa colocação em mundial anima famílias de velejadores no litoral
Nova lei ameaça áreas de preservação


Caraguatatuba
Obra em rio combate enchente em Caraguá
Hoyama é mais uma estrela olímpica
Skatistas dão show no ano que o esporte é incluído nos Regionais
Procurador de Caraguá reassume cargo hoje
Pátio é interditado em Caraguá
Supostas fraudes em concurso para motorista acabam na Justiça
PM prende duas pessoas após roubo de relógios

Ilhabela
Ilhabela inicia campanha anti-rábica 


São Sebastião
Capitão da PM se fere acidentalmente com disparo de sua própria arma
Presidente da CEI afirma haver irregularidades em atas das licitações da Prefeitura
TCE condena ex-vereadores a devolverem mais de R$ 200 mil aos cofres públicos
São Sebastião soma medalhas com o karatê; Malha também vence
Diogo Silva representa o Brasil nos Jogos Olímpicos de Atenas
Pintor Sebastianense inventa sua arte

Ubatuba
SuperSurf: Pedro Muller e Silvana Lima vencem em Itamabuca
Alunos da Escolinha de Surf Baleia-Idio`s detonam nas ondas de Ubatuba
Ubatuba vence a ginástica rítmica nos Jogos
Mini ramp e demo com ícones do skate trazem emoção para o Super Surf também fora da água


Seções
Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

Rodovia dos Tamoios mata mais em 2004
Acidentes tiraram a vida de 27 pessoas este ano; DER e Polícia Rodoviária apontam abuso de motoristas

Litoral Norte - Viajar pela rodovia dos Tamoios virou uma opção de risco. A rodovia mais perigosa da região tirou a vida de 27 pessoas este ano --número que já supera em 35% o total de mortos em consequência de acidentes em 2003.
O índice de acidentes na rodovia também aumentou. No primeiro semestre de 2003 foram 510 ocorrências (358 sem vítimas e 152 com vítimas) e, no mesmo período deste ano, 567 acidentes (405 sem vítimas e 162 com vítimas) --aumento de 11,2% (veja quadro nesta página).
Apenas em julho, dez pessoas morreram na Tamoios. Nos dois casos mais graves, suspeita-se que as tragédias tenham sido provocadas pelo excesso de velocidade.
Em 13 de julho, o motorista de uma picape perdeu o controle do veículo, invadiu a pista contrária e bateu de frente com um Monza. Os seis ocupantes do Monza morreram. Dois dias depois, no trecho próximo a Jambeiro, uma cena semelhante: uma camionete colidiu com outros três carros, provocando a morte de três pessoas.
"Os motoristas precisam respeitar a velocidade e não realizar ultrapassagens proibidas", afirma o coordenador de segurança do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), Paschoal Tristan Vagas Sobrinho. Para Sobrinho, é grande o número de pessoas que não obedece o limite de 80 km/h da Tamoios --até 2001 a velocidade permitida era de 100 km/h.
Sobrinho afirmou que já foram feitas diversas melhorias na rodovia, como sinalização, implantação de terceira faixa e instalação de seis câmeras para monitorar o trânsito. Segundo ele, o DER prepara a ampliação da infra-estrutura de fiscalização da rodovia (leia texto nesta página).
O comando da Polícia Rodoviária Estadual em São Paulo também atribui aos abusos dos motoristas a maioria dos acidentes e lista entre as medidas preventivas adotadas a criação da terceira faixa e a imposição do limite de 80 km/h.
Atualmente, 32 patrulheiros fiscalizam os 83 km da rodovia dos Tamoios. O número sobe para 60 no período de férias ou na temporada de verão.
Com a nova estratégia de fiscalização que está sendo montada pelo DER, as viaturas da Polícia Rodoviária devem ser posicionanadas nos trechos mais críticos.
REAÇÃO - Para motoristas que trafegam freqüentemente pela estrada, o limite de 80 km/h é irreal e a solução para a Tamoios seria a duplicação da pista.
"A Tamoios precisa ser duplicada. Sei que é caro, mas o governo precisa tomar uma atitude, nem que seja para terceirizar", afirmou o engenheiro Aristóteles Costa, 49 anos.
Costa é de Varginha (MG) e passa pela Tamoios cerca de seis vezes por ano. "Eu tenho a sorte de nunca ter me envolvido em acidente, mas dois amigos meus já morreram na Tamoios."
Para Costa os motoristas abusam muito. "Tem que ter mais fiscalização, a polícia tem que multar mesmo", disse Costa.
O comerciante Márcio Falco, 54 anos, de Ubatuba, também acha que o maior problema da rodovia é o motorista. "Enquanto uns correm outros andam devagar demais."
Ele afirmou que fica preocupado com os acidentes e mortes na rodovia. "O motorista tem que ter muita atenção e manter o carro em bom estado."
INVESTIGAÇÃO - As causas do acidentes ocorrridos em julho na rodovia estão sendo apuradas pela Polícia Civil.
O delegado titular de Paraibuna, José Machado, disse que o laudo sobre o acidente do dia 13 de julho ainda não foi concluído. (Fonte: ValeParaibano)

Raio X da SP-99

- Nome: Rodovia dos Tamoios, liga São José dos Campos a Caraguatatuba
- Extensão: 83 km
- Veículos/dia: 5.000
- Mortos em acidentes este ano: 27
- Mortos em acidentes em 2003: 20
- Mortos no 1º semestre de 2004: 17
- Mortos no 1º semestre de 2003: 11
- Acidentes no 1º semestre de 2004: 567
- Acidentes no 1º semestre de 2003: 510
- Multas aplicadas no 1º semestre de 2004: 14.595
- Multas aplicadas no 1º semestre de 2003: 12.860
- Infrações mais frequentes: excesso de velocidade, ultrapassagem proibida e falta de licenciamento do veículo
- Obras realizadas recentemente: duplicação de 2,4 km de pista, implantação de terceira faixa em 16,6 km, implantação de acostamento em 16,6 km e implantação de ciclovias em 2,4 km. O custo foi de R$ 10,3 milhões
Fonte: Polícia Rodoviária Estadual em São Paulo e DER (Departamento de Estradas de Rodagem) (Fonte: ValeParaibano)

Royalties da Petrobras têm aumento de 40% no litoral
Alta do petróleo provoca aumento da arrecadação em São Sebastião, Caraguá e Ilhabela

Litoral Norte - O aumento no preço do barril de petróleo e do dólar provocou uma maior arrecadação de royalties por parte das prefeituras de São Sebastião, Caraguá e Ilhabela, nos últimos seis meses. Em São Sebastião, a parcela paga pela Petrobrás este mês foi 40% maior que a recolhida em janeiro passado.
Os royalties são uma compensação financeira paga pela Petrobras aos municípios que sediam terminais de embarque e desembarque de petróleo ou gás; aos municípios que estejam até 10 km dos terminais; e aos municípios que sejam afetados pelas operações com petróleo.
O pagamento dos royalties é feito pela Petrobras desde 1997. Os critérios de distribuição são definidos pela ANP (Agência Nacional de Petróleo).
Segundo a ANP, do total de royalties pagos pela Petrobras, 40% é destinado à São Sebastião; sendo o restante distribuído entre Caraguá (20%), Ilhabela (20%) e Bertioga (20%). O pagamento é efetuado pela Petrobras todo dia 20 de cada mês.
As prefeituras de São Sebastião, Caraguá e Ilhabela movem ações na Justiça Federal contra a ANP tentando ampliar suas arrecadações (leia texto nesta página).
Desde o início do ano as três cidades já receberam mais de R$ 32 milhões em royalties. São Sebastião, por sediar o Tebar (Terminal Marítimo Almirante Barroso), faturou R$ 20 milhões; Caraguá e Ilhabela, R$ 6 milhões cada. São Sebastião recebeu em janeiro R$ 2,3 milhões e em julho, R$ 3,3 milhões.
O prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB), afirmou que os royalties representam cerca de 30% da arrecadação anual do município (R$ 180 milhões em 2004).
"Procuramos utilizar os royalties na viabilização das obras e na melhoria dos serviços públicos", comentou o prefeito.
O prefeito de Caraguá, Antonio Carlos da Silva (PSDB), disse que com a queda na arrecadação de IPTU, ICMs e da contribuição de melhorias, os royalties têm reforçado o caixa da prefeitura.
O município recebeu R$ 1,1 milhão de royalties em julho --o valor deve chegar a R$ 12 milhões até o final do ano. O orçamento do município em 2004 é de R$ 99 milhões.
Segundo o prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos de Jesus Ferreira (PTB), com o aumento dos royalties a prefeitura pode pavimentar três bairros, construir três escolas, um campo de futebol e o novo fórum da cidade. O orçamento de Ilhabela para 2004 é de R$ 35 milhões.
"Os royalties ajudam a prefeitura a reequilibrar o orçamento e a fechar o ano sem déficit", afirmou. (Fonte: ValeParaibano)

Movimento no Tebar cresce 8% em 2004

Litoral Norte - O Tebar (Terminal Marítimo Almirante Barroso), de São Sebastião, movimentou cerca de 24,8 bilhões de litros de petróleo no primeiro semestre deste ano, cerca de 8% a mais que o mesmo período no passado.
No primeiro semestre de 2003 foram movimentados no terminal 22,9 bilhões de litros de petróleo. Durante todo o ano passado, o Tebar movimentou 50 bilhões de litros de petróleo e derivados. O aumento na movimentação do petróleo, juntamente com a alta do preço do barril e o aumento do dólar, resultaram num maior faturamento em royalties por parte das prefeituras da região.
O Tebar é o maior terminal petrolífero da América do Sul. Instalado em São Sebastião desde 1968, o terminal é responsável pelo abastecimento das quatro refinarias de São Paulo: RPBC (Cubatão), Recap (Capuava), Replan (Paulínia) e Revap (São José dos Campos) e ainda abastece o Terminal de Guararema com metanol e derivados. (Fonte: ValeParaibano)

Prefeituras recorrem à Justiça por aumento

Litoral Norte - As prefeituras de São Sebastião, Caraguá e Ilhabela movem ações contra a ANP (Agência Nacional de Petróleo) procurando aumentar o repasse de royalties por parte da Petrobrás. É a ANP quem define os critérios para o pagamento dos royalties.
A Prefeitura de São Sebastião cobra na justiça federal o direito de receber 60% do total dos royalties destinado pela Petrobrás, como ocorria até 2000, quando a cidade de Bertioga também foi incluída na divisão do "bolo" pela ANP. Até 1998, São Sebastião recebia 60%, Caraguá e Ilhabela, 20% dos royalties.
O prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos de Jesus Ferreira (PTB), também acionou a Justiça, alegando que seu município perdeu cerca de R$ 15 milhões entre 2002 e 2003, quando os royalties passaram a ser distribuídos também para Bertioga. "Não têm porque Bertioga receber royalties, o município está a mais de 120 quilômetros do terminal", lamenta ele.
Em Caraguá, o prefeito Antonio Carlos da Silva(PSDB), cobra da ANP os royalties não recebidos entre 2000 e 2001, quando através da portaria nª 195, de 1999, suspendeu o pagamento ao município. Caraguá voltou a receber royalties em 2002.
A ANP informou que os critérios definidos para a distribuição dos royalties foi baseada no decreto federal nª 2.705 de 1998 e que o departamento jurídico deverá se pronunciar quando citado pela Justiça federal. (Fonte: ValeParaibano)

Boa colocação em mundial anima famílias de velejadores no litoral

Litoral Norte - A melhora de posições no ranking geral do Campeonato Mundial de Vela no Equador, na categoria Optimist, nos últimos dois dias, animou as famílias dos velejadores Baepi Lacativa Pinna e Gabriel Melchert, de Ilhabela e São Sebastião, respectivamente. 
Ontem o ilhabelense ocupava a quarta posição e o sebastianense estava na quinta. Após 11 regatas, Pinna contabiliza 18 pontos e Melchert seis. No penúltimo dia foram disputadas três regatas; hoje deve haver mais duas. Mais de 228 velejadores competem no mundial que será decidido hoje. 
O retorno ao Brasil –e à casa das famílias – está marcado para a noite de segunda-feira. Devem chegar a São Paulo às 7h30 da próxima terça-feira. 
A boa classificação no Equador deixou os familiares que ficaram no litoral rindo a toa. Exemplo disso é a mãe do velejador Baepi, Rosângela Pinna. Ela diz que ao saber das notícias que chegam do campeonato – através do pai do velejador, que está no Equador, e pela imprensa – chegou até a chorar pelo desempenho do filho. 
“É o primeiro mundial dele e já teve uma ascensão rápida e positiva”, diz a mãe.Ano passado, segundo ela, o filho participou do brasileiro e como foi bem na seletiva “garantiu vaga para o americano no México”. Baepi veleja há cerca de três anos, começou com 11 e hoje participa do mundial. 
“Ele tem como ídolo o Gabriel Melchert, que o incentivou bastante. Meu filho e o Fabinho (irmão de Gabriel) estudam juntos”, completa a mãe. Por outro lado, apesar da alegria, Rosângela diz ter ficado surpresa pela quarta colocação de Pinna na classificação geral do campeonato. 
Para ela, um dos responsáveis pelo bom desempenho é o pai do garoto, Gilmar Pinna, que o acompanha na cidade equatoriana. “O pai também já foi velejador. Com ele por perto o Baepi fica mais competitivo. Estou ficando maluca com tanta emoção”. 
Os Melchert’s - Enquanto aguarda o retorno bem sucedido dos netos, filho e nora, a matriarca da família, Vera Melchert, diz que está felicíssima com o desempenho do neto. “Ontem ele estava em quinto e o pai pelo telefone do hotel disse que estava bem satisfeito”. 
Na família, a arte de velejar vem sendo trazida por gerações. A avó de Gabriel e Fábio relembra que conheceu seu esposo, Fernando Costa Melchert, também velejando. A união dos dois existe há cerca de 44 anos. Dela nasceram Eduardo e Malu Melchert. 
O filho Dudu, como é chamado entre os amigos, tempos depois conheceu Vera – a mãe dos irmãos velejadores. “A vela é mais do que um esporte, é uma escola de vida. Faz as crianças serem responsáveis. Eles sentem alegria de estarem velejando”, diz a avó, que até o término da competição estará na torcida. (Fonte: Imprensa Livre)

Nova lei ameaça áreas de preservação

Litoral Norte - Ambientalistas e representantes das prefeituras do Litoral Norte condenaram a aprovação do Projeto de Lei 2109/99, do deputado Ayrton Xerêz (PSDB-RJ), na Câmara dos Deputados em Brasília. A nova lei abre brecha para regularização de condomínios em áreas de preservação permanente.
A lei que trata de incorporação e crédito imobiliário revogou o dispositivo do Código Florestal que dispõe sobre áreas de preservação permanente em zonas urbanas e de expansão urbana.
Na prática, com um simples decreto municipal, os prefeitos de todo país poderão declarar áreas de matas ciliares, mata atlântica, restinga e mangues como zona de expansão urbana, e com isso, excluí-las das áreas de preservação permanente.
Para a secretária interina de Meio Ambiente de Ilhabela, Maria Inês Fazini, a aprovação da lei é um retrocesso.
"Fomos pegos de surpresa com a aprovação da lei. Mexer em um dispositivo do Código Florestal é uma coisa muito séria. É um retrocesso nas leis de proteção ambiental. Para Ilhabela, a nova lei poderá ser prejudicial", disse Maria Inês.
A nova lei deve atingir em cheio o processo de regularização de condomínios em Ilhabela. A cidade tem uma das maiores reservas de mata atlântica do país.
O Secretário de Meio Ambiente de Caraguatatuba, Auracy Mansano, disse que a lei deveria ser mais discutida com a sociedade antes de ser aprovada.
"Da forma que foi feita a nova lei é um retrocesso. Em alguns aspectos o Código Florestal é muito rígido e há espaço para mudanças, mas isso deve ser bem discutido com a sociedade", disse Mansano.
O diretor de relações institucionais da ONG (Organização Não Governamental) SOS Mata Atlântica, Mário Mantovani, disse ontem que foi lançado um manifesto para ser entregue ao presidente Luiz Inácio Lula para que o presidente faça o veto da lei.
O manifesto é uma carta em que entidades ligadas à área ambiental em todo país pedem o veto à lei. "O documento está pronto e vamos esperar mais adesões para ser encaminhada ao presidente Lula", disse Mantovani. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Capitão Campos Junior - Fale Comigo O Guaruçá Pousada das Cachoeiras

Obra em rio combate enchente em Caraguá
Prefeitura e Estado investem R$ 1,4 mi para desassorear o Juqueriquerê; projeto evita cheia e beneficia turismo

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguatatuba inicia dentro de 15 dias as obras de dessasoreamento do Rio Juqueriquerê, o maior do município, que consumirão R$ 1,4 milhão.
Será dessasoreado um trecho de 1.400 metros do rio, incluindo a boca da barra, que facilitará a vazão das águas no período das chuvas.
Um total de 200 mil metros cúbicos de areia será retirado do leito do rio. Na última quarta-feira, devido à cheia dos rios na cidade duas fazendas foram indundadas e 58 animais morreram afogados.
O prefeito Antonio Carlos da Silva (PSDB) disse que arcará com R$ 1 milhão e o governo do Estado, por meio de repasses feitos pelo Dade (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias), complementará os custos do serviço com R$ 400 mil.
O tucano afirmou que o dessassoreamento do rio melhorará a navegabilidade do rio, com benefícios ao turismo, aos pescadores e também às marinas instaladas às margens do Juqueriquerê --12 delas funcionam no trecho.
O incremento do turismo náutico, segundo Antonio Carlos, deverá gerar empregos na região.
Segundo o secretário de Obras de Caraguatatuba, João Alarcon, os órgãos ambientais autorizaram o serviço. A prefeitura irá dessassorear um trecho de 700 metros adentrando o mar.
Alarcon disse que a limpeza do fundo do rio irá ajudar ainda a despoluir o Juqueriquerê.
Segundo ele, a areia retirada do rio será utilizada no calçamento de ruas e terraplanegem de áreas baixas.
O secretário afirmou ainda que a boca da barra o rio ficará com 2,5 de calha, o que facilitará o escoamento das águas provenientes dos rios Pirassununga, Marisco, Camburu, Gentil e Rio Claro, reduzindo o risco de inundações.
PREJUÍZO- O proprietário da Fazenda Boi na Água, Mauro Andrade, afirmou que, as obras propostas pela prefeitura deverão acabar com as inundações na região sul da cidade.
Na última quarta-feira, Andrade teve sua fazenda inundada devido à cheia nos rios que cortam suas terras. À ocasião, ele perdeu 42 cabeças de gado. Outra fazenda atingida foi a Serramar, também na região sul da cidade.
O empresário Jorge Apes, proprietário da Marina Juqueriquerê, disse que, há muitos anos aguarda o dessasoreamento do rio.
Devido à falta de navegabilidade na foz do rio, Apes teve uma redução de 80 para 20 barcos em sua marina nos últimos anos.
O rio Juqueriquerê não tem obras de dessasoriamento desde 1967, de acordo com a administração municipal. (Fonte: ValeParaibano)

Hoyama é mais uma estrela olímpica

Caraguatatuba - Hugo Hoyama é uma das estrelas olímpicas que marcou presença nos Jogos Regionais de Caraguatatuba. Às vésperas de iniciar sua última etapa de treinamento para Atenas, o atleta conseguiu espaço na agenda para defender Suzano na primeira fase do tênis de mesa.
A passagem do campeão pelo Litoral Norte foi rápida e o mesatenista já se despediu do torneio, para voltar as atenções para a competição grega. Hoyama embarcou ontem para Liege, na Bélgica, onde participará da preparação olímpica com atletas belgas e holandeses, entre amanhã e o próximo dia 6. No dia 7, o mesatenista embarca para Atenas, onde será disputada a Olimpíada, a partir do dia 13.
Em Caraguá, Hoyama destacou a importância dos Jogos Regionais.
"Além da conquista de medalhas, no torneio tenho a possibilidade de reencontrar amigos e atletas de outras cidades, fato que só é possível nessas competições", destacou.
Em relação à viagem para a Bélgica, o mesatenista considera esta última etapa de treinamento como essencial para um bom desempenho em Atenas.
"Será importante porque estarei longe do Brasil e com a cabeça mais fresca. Quando treino aqui é mais difícil me concentrar devido à correria. Lá, só vou ficar treinando com o pensamento em Atenas", antecipou.
Os jogadores belgas são bastante conhecidos do brasileiro.
"Um deles, o Seive, eu conheço bastante. Já joguei algumas vezes contra ele. É um jogador que tem chance de medalha e com certeza irá acrescentar muito para mim. Além disso, eles têm um técnico chinês, que se chama Wang, que é ótimo. Ele sempre dá uma ajuda legal e bons palpites."
Em Atenas, Hoyama acredita que os grandes favoritos continuam sendo os chineses e europeus.
"O importante é jogar bem, impor meu ritmo e, o principal, estar concentrado apenas no jogo e não na obrigação de ganhar uma medalha", disse. (Fonte: ValeParaibano)

Skatistas dão show no ano que o esporte é incluído nos Regionais

Caraguatatuba - Os 27 skatistas que disputaram ontem os Jogos Regionais na pista de skate Ton Ferreira, no centro da cidade, estão rindo a toa com a ‘valorização do esporte’, incluído pela primeira vez nesta competição. Participaram atletas de Caçapava, Caraguatatuba, Jacareí, Pindamonhangaba, São Bento do Sapucaí e Ubatuba.
Na categoria feminino, somente duas ‘corajosas’ de Caraguá disputaram os jogos. Paula Juliana Porto ficou em primeiro lugar e Zenide Batista Pereira ficou em segundo. 
Mas, na categoria livre, outro atleta de Caraguá levou ouro, foi Hélio Ribeiro dos Santos, com nota 8,0. A prata ficou com Edmar Aparecido Oliveira ,de Jacareí, que obteve 6,5 e Diogo Guilherme de Mogi das Cruzes conquistou a nota 5,8 ficando com o bronze.
Na categoria sub 18, também masculino, levou medalha de ouro Felipe Marcondes de Pindamonhangaba, com nota 9,0. A prata foi para Elton Herrera Junior ,de Ubatuba, com a nota 6,9 e o bronze ficou com Diego Henrique Matias, de Caçapava, com a nota 6,5.
O ouro de Caraguá, Helio Ribeiro, 19 anos -o Fio- se orgulhou da medalha. “Apesar de já conhecer a pista, na hora do Campeonato sempre dá um frio na barriga”. 
O atleta de Jacareí Lucas Silva de apenas 13 anos vem fazendo bonito nos campeonatos que participa tanto que é o sexto do ranking Paulista. “O nível de skatistas do Regional está alto”. O técnico de Jacareí Luciano -o Trovão- ressaltou a importância de incluir o skate e o bicicross nos Jogos. “Os atletas que estão aqui correm nos quatro melhores campeonatos do país”.
O medalha de prata de Ubatuba, Elton Herrera Junior elogiou a competição nos Regionais. “O skate cresce no país todo e Caraguá se deu bem de ter incluído este esporte agora”.
Já o skatista de Caçapava Edson Dias comentou que a inclusão do skate nos Regionais valorizou o esporte. “Agora é a nossa vez. Só que eu não conhecia a pista e não tive tempo para treinar para me colocar melhor”.
A face feminina - As duas representantes do skate nos Regionais eram de Caraguatatuba. Paula Juliana Porte levou o ouro. “Pensam que isto é esporte de malandro, mas tem os esportistas que levam a sério. Aqui tem vários exemplos desses atletas. Mas ainda há discriminação, principalmente com as mulheres”.
O patrocínio também é difícil relatou Paula. “Só depois de um ano correndo atrás de apoio e com dois troféus dos Campeonatos da cidad, consegui patrocínio do vereador Bolha, mesmo assim preciso de outros para complementar”, disse. 
“No começo minha mãe não gostava porque tinha a má impressão dos esportistas, mas depois que cheguei com os troféus ela ficou feliz. Agora, treino todo dia a noite porque estudo de dia”.
Já Zenide Batista Pereira, que levou a prata, alertou. “Só porque alguns atletas fazem coisas erradas, taxam todos como bandidos. Mas há os diferentes. Vou continuar praticando skate mesmo com discriminação”, finalizou. (Fonte: Imprensa Livre)

Procurador de Caraguá reassume cargo hoje

Caraguatatuba - O advogado Sidnei de Oliveira Andrade obteve liminar judicial para reassumir a parir desta segunda-feira a Secretaria de Assuntos Jurídicos de Caraguá. Andrade havia deixado o cargo em janeiro deste ano, por causa de um decreto que estabeleceu como maior teto salarial no Estado vencimentos de até R$ 11.845. Como aposentado da Assembléia e secretário, os vencimentos de Andrade superavam o teto estabelecido pelo Estado. Andrade optou por deixar a prefeitura para não sofrer redução de sua aposentadoria, mas recorreu à Justiça. (Fonte: ValeParaibano)

Pátio é interditado em Caraguá

Caraguatatuba - O pátio da SSM (Secretaria de Serviços Municipais) de Caraguá, localizado no Jardim Primavera, região central da cidade, pode ser interditado por oferecer riscos de contaminação ambiental. O local funcionava como um posto de combustível para veículos da prefeitura, mas foi desativado há oito anos. Apesar da desativação, os dois tanques de 10 mil litros continuam no local.
Atualmente cerca de 200 funcionários transitam diariamente pelo local, onde também funciona o almoxarifado e uma oficina mecânica.
Segundo o presidente do Sindiserv, Hélio Santos, 46 anos, os tanques oferecem riscos de explosão e contaminação do solo, porque ainda há material inflámável nos reservatórios.
O sindicato quer a remoção dos tanques e averiguação dos danos ambientais. A Cipa (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) colocou uma faixa de segurança cercando a área. "A interdição foi necessária para alertar os funcionários sobre possíveis riscos", afirmou Santos.
O secretário de Serviços Públicos, Robert Costa, disse que há um mês a secretaria contatou a Cetesb, e que já foi realizada vistoria no local, mas o laudo ainda não foi emitido. (Fonte: ValeParaibano)

Supostas fraudes em concurso para motorista acabam na Justiça

Caraguatatuba - Um grupo de quatro candidatos que concorrem a uma vaga de motorista encaminhou denúncia ao Ministério Público, apontando supostas fraudes no concurso público realizado pela prefeitura de Caraguatatuba. Eles alegam que houve favorecimento de candidatos e erros no processo de classificação. 
O caso foi encaminhado à Justiça no mês passado e outros 30 candidatos também ameaçam levar o caso ao Tribunal de Justiça do Estado.
Segundo um candidato que não quis ser identificado, um dos erros constatados foi na classificação. No primeiro edital de convocação,
um dos candidatos estava na 13º posição da lista. Como houve uma reclassificação, o nome da pessoa passou para o 24º.
“A falha ocorreu, pois para ocupar as vagas foram chamados os 12 primeiros classificados e depois, o 24º (admitido pela administração),
sendo que ficaram de fora da convocação os nomes da 13ª até a 23ª posição”.
O concurso foi realizado em dezembro de 2003 e oferecia vagas para motoristas com habilitação nas categorias C e D. 
A convocação dos candidatos começou em fevereiro deste ano.
A denúncia diz ainda que, no dia da prova prática, havia candidatos com habilitação para a categoria B e, mesmo assim, eles participaram
do exame. 
“Não entendemos como a comissão de concurso autorizou a entrega de um veículo para uma pessoa não-habilitada”, disse o candidato de Caraguá, F.V., que também não foi chamado para a vaga. Os candidatos acusam a prefeitura de privilegiar alguns concorrentes. “Antes da prova, várias pessoas treinaram com os veículos que seriam usados no exame prático, dentro do pátio da prefeitura. Uma pessoa que disputava a vaga de motorista quebrou a perna dias antes do exame e ainda teve 100 pontos na prova prática”,
afirmou F.V.
Segundo os candidatos, houve falhas no preenchimento das vagas. A denúncia mostra que, para a categoria C, eram oferecidas oito vagas e foram convocadas 15 pessoas para assumir o cargo. Já na D, eram 37 vagas, com preenchimento de 13 candidatos. “Pedimos o cancelamento do concurso e que os responsáveis pelas fraudes sejam punidos”, disse F.V.
O caso ainda está sendo analisado pelo Ministério Público.
Defesa - A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da prefeitura, na manhã da última sexta-feira, 23, para comentar sobre o assunto e foi orientada a falar com o presidente da comissão de concurso, Ailton de Carvalho Júnior. 
Ele foi procurado pelo CORREIO DO LITORAL por telefone durante todo o dia, mas não foi localizado até o fechamento da edição. 
Segundo a prefeitura, somente Carvalho Júnior poderia comentar sobre as denúncias feitas pelos candidatos, e na tarde de sexta ele estaria viajando. (Fonte: Correio do Litoral)

PM prende duas pessoas após roubo de relógios

Caraguatatuba - Duas pessoas foram detidas pela Polícia Militar, após assaltarem uma loja na rua Guilherme de Almeida, no bairro Morro do Algodão, em Caraguatatuba, às 3h10 de ontem. Os policiais receberam uma denúncia anônima sobre o assalto à loja e flagraram Evandro Pedro Dutra Mendes, 18 anos, de São José dos Campos, e M.S.S., 14 anos, de Caraguatatuba. Eles estavam com 14 relógios, dez bermudas e seis jaquetas de marcas variadas. O proprietário da loja, Elias Pereira Pinto, não estimou o valor dos produtos. O nome da loja não foi revelado. (Fonte: ValeParaibano)



Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano
Sailing Shop

Ilhabela inicia campanha anti-rábica

Ilhabela - A coordenação da campanha anti-rábica de Ilhabela, realizada pela Secretaria de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica, inicia na próxima segunda-feira, 26, a vacinação em cães e gatos da cidade.
A campanha se estende até o dia 23 de agosto em todos os bairros da cidade, inclusive nas comunidades tradicionais, em sistema de postos fixos e volantes.
Segundo a diretora de Vigilância Epidemiológica, Fabiana Cristina Gonçalves, a expectativa é de vacinar pelo menos 4 mil cães e 1,1 mil gatos. No ano passado, o número chegou à marca de 4,4 mil animais vacinados. “É importante as pessoas terem a consciência de levar os animais para vacinação, já que o controle é o maior objetivo”, ressalta. “Para se ter uma idéia, o último registro de raiva foi detectado na cidade de Registro, no Vale do Ribeira, no ano de 2001”.
Cronograma - A campanha anti-rábica começa na praia do Jabaquara (das 9h às 11h), com dois postos, um volante e um fixo. 
À tarde (das 13h30 às 16h), será a vez dos bairros Furnas e Pacuíba, com um posto volante e um fixo.
No dia 27, os bairros Ponta das Canas (das 8h às 11h), Armação (das 8h às 12h), Pinto (das 14h às 17h) e Pedra do Sino (das 14h às 17h30) terão postos de vacinação.
Na quarta-feira, 28, os animais do Siriúba (das 8h às 12h), Morro do Arrozal (das 8h às 11h) e Viana (das 14h às 17h30) recebem a dose.
Dia 29, quatro postos (dois volantes e dois fixos) serão montados no bairro do Itaquanduba (das 8h às 17h), enquanto na sexta-feira, 30, será a vez dos moradores do Itaguassu (das 8h às 17h) levarem os animais para a vacinação, em quatro pontos, dois fixos e dois volantes. (Fonte: Correio do Litoral)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Capitão da PM se fere acidentalmente com disparo de sua própria arma

São Sebastião - O capitão Fernando Marcos Pedroso de Carvalho, comanda’nte da 1ª Companhia da PM, que atende também Ilhabela, ficou ferido ao ser atingido por um tiro acidental disparado de sua própria arma, uma pistola calibre 45, que estava dentro de uma polchete. O caso ocorreu na manhã de ontem.
Segundo o capitão Eduardo Rosmaninho, comandante interino do Batalhão da PM do Litoral Norte, o comando participava de uma reunião ordinária na sede da Delegacia Seccional. 
O encontro, de rotina, acontece mensalmente, quando se discute assuntos comuns entre as autoridades das Polícias Civil e Militar. A reunião havia terminado e todos se levantavam, quando o tiro saiu de dentro da polchete do capitão.
Segundo Rosmaninho, a bolsa estava ao lado do capitão, que levantava da cadeira e pegava a bolsa quando o tiro disparou. O comandante foi atingido por um projétil, que teria entrado no peito e parado no ombro, sem atingir órgão vital. 
Ele foi levado ao pronto-socorro Central e posteriormente removido para um hospital, em São José dos Campos, onde teria uma melhor avaliação médica. Conforme Rosmaninho, o capitão não corre risco de morte e estaria bem.
Outras informações davam conta de que a polchete teria caído no chão, foi ser recolhida pelo capitão e a arma que estava dentro disparou. Na sala estavam capitães e delegados da região. 
Na hora todos ficaram assustados e preocupados com o capitão ferido, não percebendo se a polchete caiu antes ou depois do tiro, mas garantiram que a arma disparou de dentro da polchete fechada.
Não está descartada a hipótese de problema mecânico na pistola, que não costuma disparar sem acionar o gatilho. A arma é particular do capitão e ficou apreendida para perícia. O caso foi registrado no 1° Distrito Policial como disparo de arma acidental. O Batalhão da PM irá abrir uma sindicância para apurar o ocorrido.  (Fonte: Imprensa Livre)

Presidente da CEI afirma haver irregularidades em atas das licitações da Prefeitura

São Sebastião - O presidente-relator da CEI (Comissão Especial de Inquérito) do Legislativo, Erwin Edson da Mota (PTB), criada para apurar um suposto esquema de favorecimentos em processos licitatórios entre a Prefeitura de São Sebastião e as empresas Eness Construtora e a AMPM Comercial Ltda, em obras na cidade, afirmou existirem irregularidades nas atas de abertura e julgamento dos envelopes-proposta, em licitações do Executivo.
Mota chegou a essa conclusão depois de receber cópia de todos os 13 processos licitatórios de que a empresa Eness Construtora participou, e venceu.
“Em depoimento à CEI, o senhor Manoel Ferreira de Souza (suposto "laranja" do esquema) disse nunca ter ido à Prefeitura para assinar propostas. E a comissão permanente de licitação confirmou que ele (Souza) nunca esteve no Paço Municipal para assinatura em contratos
ou participação de abertura de envelopes. Alguém está mentindo”.
Segundo o presidente-relator, dos 13 convites vencidos pela Eness, consta pelos processos administrativos da Prefeitura que, em apenas um, Marco Gesulli Caldeira (genro do prefeito Paulo Julião/PSDB) representou os sóciosintegrantes da empresa e supostos "laranjas" do esquema, Manoel Ferreira de Souza e sua mulher, Francisca Bastos de Souza. 
Em outros dois processos, Manoel Ferreira não compareceu e, em dez deles, consta a assinatura do vigia nas atas. “Podemos caracterizar duas hipóteses, ou as assinaturas são falsas ou as atas eram retiradas da Prefeitura e levadas para o senhor Manoel assinar, o que por sinal, é proibido”, avalia Mota.
“Se a primeira hipótese for confirmada, vamos solicitar perícia técnica para avaliar as assinaturas. Já se for confirmada a segunda hipótese, mostra que Marco Caldeira (genro de PJ) tinha livre acesso à Prefeitura, bem como retirava documentos de setores. Resumindo, irregularidades existem, e os responsáveis serão punidos dentro da lei, agrade ou não a quem for”.
Depoimentos - De acordo com o presidente-relator da CEI, os depoimentos da próxima semana serão de extrema importância, pois tornarão
pública a verdadeira dúvida levantada nas atas.
Para isso, a comissão recovoncou para a próxima semana o suposto "laranja" do esquema, Manoel Ferreira de Souza.
Além disso, o presidente da comissão de licitações e secretário de Administração, José Inácio Homem de Bittencourt, o Juca, será ouvido.
Fazem parte da lista de oitivas agendadas pela CEI, entre dezenas de nomes, o exsecretário de Obras, Wander Augusto, Marco Gessuli Caldeira (genro de Paulo Julião e um dos procuradores da Eness Construtora), Eugênio Caldeira (pai de Marco, e outro procurador da empresa), além do prefeito de São Sebastião, Paulo Julião.
O prazo para conclusão das investigações é de 90 dias, mas deve ser prorrogado, segundo o presidente-relator, Erwin da Mota.
Documento entregue a comissão O advogado da empresa AMPM Comercial Ltda, de Minas Gerais, vencedora de um processo licitatório para realização de obras na cidade, prestou esclarecimentos aos membros da CEI.
Luciano Fusco Nogueira entregou um documento sobre a participação da empresa na obra de calçamento em torno da igreja Matriz, no centro da cidade.
“Ao nosso entender, os fatos investigados pela Justiça são posteriores ao surgimento da empresa. Acredito que, por cautela, meus clientes foram citados na ação civil pública do Ministério Público, tanto que na popular, a AMPM não figura”.
Segundo denúncias do MP, o contrato entre a empresa AMPM e a Prefeitura era apenas para ser "laranja" da Eness, que assumiu a obra posteriormente.
Na época, a AMPM, vencedora da licitação, seria responsável pela reforma do calçamento da praça professor Antônio Argino (praça da Igreja Matriz), no valor de R$ 109 mil.
Na ação do MP, em fiscalização trabalhista no local da obra, os trabalhadores disseram que pertenciam à empresa Eness Construtora e não, à AMPM.
Funcionários públicos desmentem Zangado - Em seu depoimento à CEI, em 25 de junho, o exsecretário da Fazenda da administração Paulo Julião, Luiz Leite Santana, o Zangado, afirmou que a Prefeitura criou uma comissão de processamento de contas.
Ocorre que quatro funcionários públicos (Ernesto Donizete Aparecido da Silva, Valéria Samanta Pereira Rinaldi, Robson Cozendey da Silva e Tiago da Silva Corrêia) desmentiram o ex-secretário e disseram haver apenas uma Divisão de Planejamento Econômico, responsável única e exclusivamente pela conferência de nota fiscal, e conseqüente liquidação para pagamentos.
Todos afirmaram que os processos já vinham montados, com assinatura do secretário cuja pasta solicitou a realização da obra. (Fonte: Correio do Litoral)

TCE condena ex-vereadores a devolverem mais de R$ 200 mil aos cofres públicos

São Sebastião - O Tribunal de Contas do Estado rejeitou na última terça-feira, 20, o recurso ordinário interposto sobre sentença publicada no Diário Oficial do Estado, impetrada por 12 ex-vereadores de São Sebastião, que legislaram entre os anos de 1993 e 1995, a restituir aos cofres públicos cerca de R$ 216 mil, importâncias recebidas a título de remuneração, já com juros e correção monetária.
De acordo com o parecer do acórdão, assinado pelos conselheiros Eduardo Bittencourt, Edgard Camargo Rodrigues e Robson Marinho, os subsídios recebidos a mais pelos vereadores, que ganhavam em 1994 aproximadamente R$ 1,6 mil de salário-base, foram baseados em indenizações pela participação em sessões extraordinárias e outros benefícios de que a lei dispunha à época, para os parlamentares estaduais, e foram tidos como vantagens de caráter pessoal.
“Não podendo ser usados como base de cálculo para apuração dos vencimentos dos senhores vereadores”.
Na época, houve pagamentos de subsídios, em função de certidões vindas da Assembléia Legislativa, já que os parlamentares baseavam seus salários em 30% do rendimento dos deputados estaduais, de quase R$ 3 mil.
Ao analisar as contas da Câmara de São Sebastião, à época (1994), o Tribunal de Contas considerou ilegal a aprovação do projeto relativo à remuneração dos agentes políticos do Legislativo.
No período, segundo o Tribunal de Contas, presidia os trabalhos no Legislativo o ex-vereador e agora secretário de Obras da administração Paulo Julião (PSDB), José Teixeira Filho.
Mas o vereador Gilmar Pinheiro também foi citado, já que foi presidente durante o período de 14 de outubro a 26 de outubro de 1994, quando Teixeira ficou de licença.
De acordo com José Teixeira Filho, os vereadores já haviam se conformado em devolver o dinheiro na primeira condenação, mas como cabia recurso, preferiram esperar.
“Só que, com a correção, o valor aumentou muito. Eu já estou parcelando a minha devolução. Tenho de devolver em dobro, pois fui presidente”, explica. “Comecei a pagar, logo depois da primeira sentença. Não foi nada ilícito. Só nos baseamos em certidões da própria Assembléia Legislativa”.
Condenados - Além de José Teixeira Filho e Gilmar Pinheiro, terão de devolver dinheiro aos cofres públicos, José Cardim de Souza, Joel Manoel de Mattos, Ivonildes Santos de Lima, Aguinaldo Moreira Galvão, Carlos Elpídio Pacheco Martins, José Luiz Ribeiro, Léo Jardim Alves de Souza, João Baptista Fernandes Filho, Nívio Faustino e Walter Soares Sampaio. Cada vereador terá de devolver em torno de R$ 17 mil aos cofres públicos.
O Tribunal de Contas excluiu do rol de recorrentes o vereador Valter do Nascimento, já que sobre ele não recaiu condenação. “Ele negou provimento, confirmando a decisão recorrida, por seus próprios fundamentos”, explicam os conselheiros do Tribunal de Contas, no acórdão. (Fonte: Correio do Litoral)

São Sebastião soma medalhas com o karatê; Malha também vence

São Sebastião - A cidade de São Sebastião conquistou ontem mais duas medalhas com o karatê e agora soma quatro delas nos Jogos Regionais de Caraguatatuba, que serão disputados até o próximo dia 31. Até as 19h de ontem a cidade mantinha-se em quinto lugar na classificação geral, atrás de Caraguatatuba, com 4 medalhas, Mogi das Cruzes com 30, São José dos Campos com 38 e Suzano com 39. 
No entanto, as duas medalhas de prata conquistadas ontem pelo karatê não haviam sido computadas. A pontuação também não foi divulgada pelo comitê desde o início dos jogos, na última quarta-feira.
A equipe de karatê conquistou as duas medalhas de prata com os karatecas Luiz Paulo dos Santos, George Reis e Walmir Soares dos Santos, por equipe, e automaticamente obteve o índice para disputar os Jogos Abertos de Barretos, em setembro. A karateca Elisabeth Nascimento ficou com o quarto lugar no feminino. 
O técnico Benedito Rodrigues Silva disse que a equipe, formada por moradores de São Sebastião, superou as expectativas. Walmir dos Santos faturou as terceiras posições nos últimos três Jogos Regionais (Suzano, Mogi das Cruzes e Pindamo-nhangaba). A equipe sebas-tianense é formada por 12 atletas, sendo cinco mulheres.
A malha venceu ontem a terceira partida consecutiva nos Jogos Regionais de Caraguatatuba ao derrotar a cidade de Cruzeiro por 158 a 104, e é esperança de medalha. Desde o primeiro dia dos jogos a malha sebastianense venceu as cidades de Guararema e Mogi das Cruzes, uma das favoritas. Possivelmente enfrenta Tremembé hoje.
O técnico Zico disse que o desempenho da modalidade está dentro das expectativas. 
“Nós temos esperança de conquistarmos uma medalha, mas temos que aguardar os outros jogos”, diz, com ressalvas. Segundo ele, ganhar os Jogos Regionais é difícil, pois as melhores equipes do Estado estão concentradas justamente na região do Vale do Paraíba. “Por isso as partidas são mais equilibradas”, frisa. 
Zico disse que previa um jogo mais difícil contra Mogi das Cruzes, mas, no entanto, acabou vencendo “com facilidade”, acrescenta. 
Com a vitória de ontem, São Sebas-tião se classifica juntamente com Mogi das Cruzes e já pode pensar no título. “Nossa expectativa, neste ano, é ficarmos entre os três primeiros”, disse, minutos antes da partida em que derrotou a cidade de Cruzeiro.
Natação - A natação encerrou sua participação nos Jogos Regionais de Caraguatatuba em quarto lugar na classificação geral, com 54 pontos, atrás de Mogi das Cruzes (188), São José dos Campos (221) e Suzano, que sagrou-se campeã com 223 pontos. Na classificação masculina a cidade ficou em 10º lugar, com 2 pontos.  (Fonte: Imprensa Livre)

Diogo Silva representa o Brasil nos Jogos Olímpicos de Atenas

São Sebastião - O tecondista caiçara Diogo André Silvestre da Silva, 22 anos, parte em agosto para Atenas, em busca de medalhas para o Brasil. 
Treinando desde os sete anos de idade em sua terra natal, São Sebastião, Diogo mudou-se para Campinas aos 10 anos, e lá, na academia Won-Hyo, conheceu seu mestre e atual técnico da seleção brasileira, Tilico, que o encaminhou para as primeiras competições.
Aos 15 anos, o atleta já estava na seleção brasileira júnior de tae-kwon-do, recebendo no ano seguinte, sua primeira medalha internacional. 
Com 17 anos, o tecondista disputava na seleção brasileira adulta, quando obteve os melhores resultados do Brasil.
Como preparação para as Olimpíadas, Diogo acaba de chegar da Coréia do Sul, onde teve a chance de aperfeiçoar técnicas e táticas junto com atletas de outros países. 
“Esse tempo de treinamento foi de nível internacional, com a possibilidade de conhecer 60% dos adversários olímpicos”.
De volta ao Brasil, no dia 12 deste mês, o atleta agora realiza somente treinos de manutenção.
“A 20 dias das Olimpíadas, tudo que eu deveria aprender, já foi passado”.
Na última terça-feira, 20, Diogo esteve realizando os exames pedidos pelo Comitê Olímpico, como o antidoping.
“Uma Olimpíada é o sonho de qualquer atleta, trazer medalha torna-se um sonho realizado”, analisou o tecondista.
O lutador embarca para Atenas em 19 de agosto e sua primeira luta está marcada para o dia 27, mas só conhecerá o nome do adversário dois dias antes da disputa. 
Para ele, o Brasil está igualado aos demais países na modalidade que, este ano, deve ser mais competitiva que a última edição, quando o tae-kwon-do fez parte, pela primeira vez, das Olimpíadas. (Fonte: Correio do Litoral)

Pintor Sebastianense inventa sua arte

São Sebastião - O artista plástico José Martins de Souza do Amaral, aposentado em construção civil, 72 anos, pinta quadros há mais de 40 anos, mas ainda não fez uma única exposição. 
Inconformado com isso, seu amigo Leandro Garcia Santana procurou a SETEC (Secretaria de Turismo e Cultura) da cidade, porém em vão. 
Santana ressalta que foi tratado com indiferença, tendo sido chamado de insistente. 
“Levei os quadros para que vissem e não deram atenção”. O mais curioso em torno do pintor é que sua arte poderia ser classificada como abrangente. Em casa, em uma máquina que ele mesmo adaptou, Martins produz as telas e as molduras. “Só gasto dinheiro com a tinta, o resto tudo eu faço”.
Além das telas comuns que faz, o artista também pinta sobre alumínio de cozinha, buscando a luminosidade para seus quadros, através do material. 
Outro detalhe interessante é a pintura sobre vidro transparente que Martins faz, ao contrário. Ao ser colocado na moldura, o desenho se
mostra perfeito.
Seus quadros dão a impressão de textura, no entanto são lisos e feitos tanto a pincel quanto com os dedos. Para concluir uma tela, leva em média de quatro a cinco horas.
As paisagens de Martins geralmente retratam a região, como a Fazenda Santana, localizada no bairro Pontal da Cruz, e a igreja de Nossa Senhora do Amparo, no bairro de São Francisco, ambos feitos na década de 60. Essas, conforme a exposição ao sol e a sua intensidade, têm efeitos diferentes. “Eu passo por algum lugar de que gosto e transporto para a tela o que eu vi”, explica Martins. 
O artista considera o que faz um passatempo. “Trabalhei a vida toda, agora me dedico à arte”. 
Além dos quadros, faz esculturas de argila, de massa de biscuit e desenha com carvão de churrasqueira modelos para esculturas.
Seu ideal de pintura é o pôrdo-sol, que considera "especial".
Apesar de pintar há mais de 40 anos, começou a se dedicar intensamente a partir do ano 2000. 
A idéia é pintar sempre e muito. (Fonte: Correio do Litoral)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Foto do Dia 

SuperSurf: Pedro Muller e Silvana Lima vencem em Itamabuca

Ubatuba - A cearense Silvana Lima ganhou o confronto com sua conterrânea Tita Tavares na grande final do SuperSurf de Ubatuba para assumir a liderança do ranking brasileiro, que no masculino continuou com o ubatubense Renato Galvão. Já a outra vitória foi emocionante, com o atual presidente da Associação Brasileira de Surf Profissional (ABRASP), o carioca Pedro Muller, voltando a vencer uma etapa depois de 11 anos. 
Na final, derrotou um exausto Adilton Mariano, com o cearense terminando como vice-campeão nas ondas de 2 metros de altura do domingo na Praia de Itamambuca, em Ubatuba (SP). 
Com os resultados, a decisão dos títulos brasileiros ficou para a última etapa do SuperSurf 2004, que foi confirmada para os dias 13 a 17 de outubro na Praia de Itaúna, em Saquarema (RJ). 
Silvana Lima e a ubatubense Suelen Naraisa são as únicas candidatas na categoria feminina e na masculina a disputa envolve apenas os ubatubenses Renato Galvão e Odirlei Coutinho e o carioca bicampeão brasileiro Leonardo Neves.
Com a vitória no SuperSurf de Ubatuba, Pedro Muller impediu uma festa completa dos cearenses em Itamambuca e voltou a colocar seu nome no topo de duas listas de recordes da ABRASP. 
Ele ainda detém o de maior número de vitórias numa mesma temporada, as três que venceu quando foi campeão brasileiro em 1989. 
Agora, voltou a igualar o de maior número de vitórias que o paranaense Peterson Rosa tinha lhe tirado no ano passado, com cada um agora tendo nove vitórias. 
E também passou a ser o surfista com mais idade a vencer uma etapa, pois na última quarta-feira completou 38 anos e o recorde pertencia ao paulista Tinguinha Lima, que tinha 33 anos quando ganhou uma etapa em Alagoas na temporada de 1997.
"Não tenho nem o que falar, só que essa foi a maior vitória da minha vida. Vencer um campeonato com 38 anos, quando eu nem tinha mais esperança de vencer, é um presente de Deus", disse Pedro Muller, logo que saiu do mar. 
"Acho que as coisas nesse campeonato estavam acontecendo para mim. Eu podia até errar que acabava dando certo e vencer aqui em Ubatuba tem um sabor superespecial. A família da minha esposa é daqui, a gente vem aqui direto e na verdade eu nunca tinha vencido aqui. Já tinha feito algumas finais, mas essa foi minha primeira vitória em Ubatuba", lembrou Pedro Muller, que faturou 22.000 reais e subiu da 26a. para a sétima posição no ranking do SuperSurf 2004.
Para chegar na final, Pedro Muller ganhou o confronto da "Velha Guarda" contra o paulista Wagner Pupo na primeira semifinal. 
No sábado, passou pelo cearense Lucinho Lima nas oitavas e pelo paranaense Peterson Rosa nas quartas-de-final. 
Já o vice-campeão Adilton Mariano barrou o ubatubense Odirlei Coutinho na semifinal, mas ele veio desde a primeira fase das triagens e suas principais vitórias foram contra o experiente Fábio Gouveia nas oitavas-de-final e ainda despachou o bicampeão brasileiro Leonardo Neves, que defendia o título do SuperSurf de Ubatuba, logo na estréia dele na competição.
"Eu já estava esgotado na final. A semi contra o Odirlei Coutinho eu tive que me esforçar muito e já tinha saído cansadão. Depois, quase nem descansei nada e já tive que entrar para a final. Mesmo assim foi show. Foi muito legal disputar a final contra o Pedro (Muller). O mar estava muito difícil, várias séries entrando e no finalzinho ele até brincou comigo, pedindo para eu não pegar onda e deixar o velhinho ganhar (risos)..", contou Adilton Mariano, que ganhou 9.600 reais pelo vice-campeonato e subiu da 77a. para a quadragésima posição no ranking do SuperSurf 2004.
Só faltava a vitória para completar uma festa total do Ceará em plena Praia de Itamambuca. Isso porque Heitor Alves venceu a bateria especial de aéreos no sábado e a decisão feminina foi entre as cearenses Silvana Lima e Tita Tavares, que defendia o título do SuperSurf de Ubatuba. 
A única chance que Silvana tinha para alcançar a liderança do ranking era se a ubatubense Suelen Naraisa ficasse em último lugar logo em sua estréia e ela vencesse a etapa. Pois foi isso mesmo que aconteceu depois que Silvana tirou uma nota 7,83 para garantir a vitória por 11,83 x 5,67 pontos. 
"Eu vim bem confiante para esta etapa na casa da Suelen, que podia até ser campeã brasileira aqui. Mas, graças à Deus deu tudo certo, eu consegui surfar bem as baterias, ela perdeu de cara e agora vamos decidir tudo lá na última etapa, em Saquarema", falou Silvana, que considera especial a vitória sobre Tita Tavares. 
"Com certeza, ela pega muito e se viesse uma ondinha ali para ela, ela poderia vencer de novo aqui, mas deu tudo certo e eu ofereço essa vitória para a minha mãe que está lá no Ceará sempre torcendo por mim", disse Silvana, que levou 5.000 reais pelo título no SuperSurf de Ubatuba. 
Agora, ela e Suelen estão quase com os mesmos resultados. Cada uma venceu duas etapas e foi vice-campeã em outra e quem chegar na frente em Saquarema será a campeã brasileira de 2004.
O SuperSurf 2004 é uma realização do Grupo Abril e da Associação Brasileira de Surf Profissional (ABRASP), que têm como patrocinadores principais a Volkswagen, a Skol e a TIM, co-patrocínio da Garnier Fructis e apoio da Suncoast by C&A e da Revista Hardcore. Esta quarta etapa, na Praia de Itamambuca, em Ubatuba (SP), também contou com a importante parceria do Governo do Estado de São Paulo - Coordenadoria da Juventude, da Prefeitura Municipal de Ubatuba, da Rádio 89 FM e da Federação Paulista de Surf (FPS) e Associação Ubatuba de Surf (AUS). (Fonte: Correio do Litoral)

Alunos da Escolinha de Surf Baleia-Idio`s detonam nas ondas de Ubatuba

Ubatuba - A equipe da Escolinha da Baleia / Idio`s estreou no maior circuito municipal do Brasil, o Circuito Ubatubense de Surfe 2004, com vitória e mais seis finalistas nas categorias de base. 
"O desempenho comprova toda a qualidade deste trabalho que vem à somar aos trabalhos de outras escolinhas do município, como a de Zecão e a da escolinha municipal de surfe, coordenada pelo candidato a vereador, Alberto Jacob", revela Marcelo Aguiar, coordenador da Escolinha da Baleia. 
O maior destaque da Escolinha da Baleia / Idio`s foi Alan Santos, 11 anos, campeão da categoria Infantil, que deixou o favorito Felipe Toledo na segunda colocação.
Na mesma categoria, o atleta Artur Aguiar, 10, companheiro de escola de Alan, também foi finalista e terminou na quarta colocação. 
A final da Iniciante (até 14 anos) contou com mais dois alunos. Pedro Aguiar, 13, foi o quarto colocado e seu colega Gustavo Araújo, 14, ficou em terceiro lugar. 
O título ficou para Marco Aurélio, local de Itamambuca que superou o sempre favorito Matheus Toledo, que vinha de uma vitória no Circuito Brasileiro na semana anterior.
Já na categoria Mirim (até 16 anos), Gustavo Henrique, quarto colocado e Patrick Olinto, 15 anos, terceiro colocado, foram os destaques da escolinha da Baleia. 
O campeão foi Wiggoly Dantas e o vice-campeão foi Emerson Santos, o “Tiquinho”.
Completando os bons resultados, Eduardo Silva deu um verdadeiro show na categoria Open, passando todas as baterias em primeiro lugar, mas na final foi superado pelo campeão da etapa, Wiggoly Dantas, e pelo vice-campeão, Diego Charleaux, terminando na terceira colocação. 
“Os resultados foram mais do que positivos e desta maneira Ubatuba vai solidificando grandes trabalhos de escolinhas de surfe. A escolinha Municipal é a atual campeã do Quiksilver Surf School e a escolinha da Baleia, a vice-campeã", diz Marcelo Aguiar. 
"O Zecão continua revelando talentos e novas escolinhas estão surgindo, com destaque para as da Toninhas e do Promirim, do Zé Cação, que revelou Luana Coutinho, campeã nas categorias Feminino Pro e Open, superando inclusive a líder do Super Surf, Suelen Naraísa" continua. 
"Desta forma, Ubatuba vai ficar mais alguns anos à frente dos outros municípios brasileiros, até que enxerguem a força destes trabalhos de base que é o caminho a seguir”, finaliza Marcelo Aguiar, 39 anos, surfista, psicólogo, coordenador e idealizador da Escolinha da Baleia / Idio’s. (Fonte: Correio do Litoral)

Ubatuba vence a ginástica rítmica nos Jogos

Ubatuba - Ubatuba foi campeã do grupo B da ginástica rítmica dos Regionais, nas categorias conjunto - 5 arcos e individual - aparelho fita, com 38,04 pontos, seguida por Guaratinguetá, com 37,14 pontos. Em terceiro lugar ficou São José dos Campos, com 36,21 pontos, seguido Pindamonhangaba, com 34,02 pontos. Jacareí em quinto lugar, com 28,05 pontos e, Caraguatatuba, com 22,53 pontos. Poá foi a campeã do grupo A, que inclui as categorias conjunto - mãos livres e individual - aparelho arco, o município venceu com 41,84 pontos. Em segundo lugar ficou Cruzeiro, com 25,71 pontos. (Fonte: ValeParaibano)

Mini ramp e demo com ícones do skate trazem emoção para o Super Surf também fora da água

Ubatuba - Uma mini ramp vem fazendo sucesso nas etapas do Circuito Profissional Brasileiro de Surf, o SuperSurf, em Ubatuba. 
A estrutura conta, além da mini ramp, com skates, tênis, equipamento de segurança e monitores para auxiliar aqueles que estão tendo seu primeiro contato com o carrinho.
Além do espaço livre para quem quiser andar, foram preparadas pela organização demos diárias, com grandes ícones do esporte, como os paulistas Fabio Pen, Marcos ET e Sérgio Yuppie, considerado o rei do downhill no mundo. São ícones do surfe na água e do skate na rampa. (Fonte: Imprensa Livre)

Ação Litoral

Carta do Leitor Topo

Silmara, orgulho de Ubatuba! - A escritora Silmara Torres Retti de Ubatuba,foi classificada em 4º lugar no "XIII Concurso Internacional de Outono",concorrendo com mais de 1500 trabalhos de diversos países participantes; dentre os quais EUA,Itália,Espanha,Cuba,Portugal e Chile.
A autora participou com a crônica "Menino Homem"; uma das 200 escritas afim de serem lidas nas aberturas do programa "Rádio Livre", veiculado nas tardes pela rádio Costa Azul entre 2000 e 2002 e apresentado por este radialista.
Silmara também foi convidada para participar do livro "Humano, humano demais"do escritor Arnaldo Giraldo; também representando Ubatuba.
Além de mãe e profissional competente, Silmara é realmente motivo de orgulho para nossa cidade, pois com seu talento nos representa e renova nossa auto-estima; parabéns e felicitações ficam de uma certa forma devendo ao tanto que ela já nos deu como amiga leal e escritora real.
Á Silmara Torres Retti minhas reverências!!!

Tony Luiz - radialista
Ubatuba, SP

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Praia da Almada

Praia da Almada
©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Editora Assistente: Jullyany Roberta Cruz


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor