Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Quinta-feira, 12 de agosto de 2004 - Nº 1096 Edições Anteriores
Barra da Lagoa Portal da Palmeira Disk Denúncia

Região
-


Caraguatatuba
Superlotação de CDPs do Vale inviabiliza remoção de presos
Máquinas são apreendidas em Caraguá
Banda Amplitude Valvulada faz shows na Pizzarte e no Caraguá Bike Week,
Prefeitura constrói nova ponte sobre o Rio Santo Antônio
Instituto de Pesca oferece curso para maricultores

Ilhabela
Ilhabela desativa 5 câmeras
Câmara apresenta projeto de Lei que regulamenta veiculação de propaganda eleitoral
Vereador encaminha requerimentos a Telefônica e Elektro
Vereador pede extensão de rede de água no sul da ilha

São Sebastião
Ex-secretário depõe hoje na CEI da Eness
Fala o Povo

Ubatuba
Fabricio Gomes assina compromisso no Ubatuba Viva
Faltam equipamentos na Santa Casa de Ubatuba, diz médico
Itamambuca sedia a quarta etapa do Circuito Maresia SP Contest 2004
1º Festival Gastronômico e Cultural de Ubatuba
Nota de Esclarecimento
Ministério da Educação destina verbas
Ubatuba recebe verbas do Ministério da Saúde

Seções
Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

 

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caraguatudo O Guaruçá Anuncie Aqui

Superlotação de CDPs do Vale inviabiliza remoção de presos

Caraguatatuba - A transferência de presos das cadeias públicas de Caraguatatuba e de São Sebastião, interditadas pela Justiça, ainda deve demorar devido à superlotação nos CDPs (Centros de Detenção Provisória) de São José dos Campos e de Taubaté.
A remoção dos presos foi determinada pela Justiça, que interditou as duas cadeias devido a problemas de superlotação e precariedade dos prédios.
Familiares temem a transferência para regiões distantes, o que inviabilizaria visitas.
A Secretaria de Administração Penitenciária informou ontem que os presos do Litoral Norte serão removidos para os CDPs de Taubaté e de São José. No entanto, no momento, não existiriam vagas.
O CDP de Taubaté, que tem capacidade para 768 presos, abriga atualmente 1.313. A unidade de São José, com capacidade de 512, tem 1.027. Segundo a secretaria, existe projeto para construção de um CDP no Litoral Norte.
O prefeito de Caraguá, Antonio Carlos da Silva (PSDB), disse ontem que a implantação do CDP na região encontra muita resistência política por parte de vereadores e moradores. "Os moradores não aceitam o CDP em seus bairros."
Naor Amaral, 70 anos, que tem dois filhos presos em Caraguá, afirmou que a transferência deles para CDPs fora da região praticamente impediria a visita semanal.
A Secretaria de Segurança Pública informou ontem que está aguardando vagas no sistema para a transferência dos presos.
As cadeias de Caraguá e São Sebastião, juntas, terão que transferir 199 presos para se adequarem às exigências.
O diretor da unidade de Caraguá, Renato Coletes, terá 30 dias para remover 84 presos e ficar com apenas 48, que é a capacidade máxima.
Já o diretor da cadeia de São Sebastião, Múcio Matos, terá que transferir 115 nos próximos 60 dias. Em 30 dias, Matos terá que remover os 18 já condenados. A multa por descumprimento será de R$ 10 mil por dia em São Sebastião. (Fonte: ValeParaibano)

Máquinas são apreendidas em Caraguá

Caraguatatuba - A Polícia Civil de Caraguatatuba fez a maior apreensão de caça-níqueis do ano no município. Foram recolhidas anteontem 14 máquinas que estavam em funcionamento em sete bares da região central da cidade.
A operação foi desencadeada depois que a polícia percebeu que os donos de bares estavam recolocando as máquinas em funcionamento mesmo depois das apreensões feitas recentemente.
O delegado titular de Caraguatatuba, Leon Nascimento Ribeiro, disse que a polícia não vai tolerar o funcionamento de caça-níqueis na cidade por se tratar de jogo de azar.
"Nunca toleramos o caça-níquel na cidade e não vai ser agora que vamos tolerar. As apreensões foram feitas porque os comerciantes não estão respeitando a lei", disse Ribeiro.
Pelo menos sete comerciantes, donos dos estabelecimentos onde foram apreendidas as máquinas, serão chamados para depor a partir de hoje.
A polícia fará um termo circunstanciado por exploração de jogo de azar.
As máquinas apreendidas vão ficar temporariamente no pátio da Delegacia de Polícia de Caraguatatuba para passar por perícia.
"Depois de passar pela perícia as máquinas ficarão a disposição da polícia. A perícia no equipamento deverá ocorrer nos próximos dias", disse Ribeiro.
Além de coibir o funcionamento de caça-níqueis no Litoral Norte, a polícia mantém um rigoroso controle de funcionamento de bingos na região.
Segundo o delegado Seccional de São Sebastião, João Barbosa Filho, não existe nenhum bingo funcionando na região.
"Em nenhuma cidade do Litoral Norte vão funcionar caça-níqueis ou bingo porque a polícia não vai permitir. Hoje, não temos nenhum bingo operando na região", (Fonte: ValeParaibano)

Banda Amplitude Valvulada faz shows na Pizzarte e no Caraguá Bike Week

Caraguatatuba - A banda Amplitude Valvulada, de Caraguá, faz shows nos dias 12 e 14 de agosto, levando seu blues de primeira para os melhores points da cidade durante o evento Caraguá Bike Week 
No dia 12, quinta-feira a partir das 23 horas, interpretando os maiores nomes do blues nacional e internacional, Amplitude Valvulada agita a Pizzarte, um dos locais onde as bandas de rock e blues têm palco certo, dando continuidade ao projeto que vem acontecendo na casa, promovendo encontros entre as bandas alternativas e um público com estilo musical afinado.
Por lá já passaram diversas bandas como Whisky Marítimo, que deu início ao projeto, Amplitude Valvulada e M.U.T.E, todas de Caraguá.
A PizzArte fica na Rua Major Ayres, 80, no centro de Caraguá. Mais informações e reservas de mesas (12) 3882 2739.
No sábado, 14, a banda Amplitude Valvulada faz um super show no palco do Caraguá Bike Week, abrindo o show de Erasmo Carlos, na praça de eventos, na praia do centro, em Caraguá.
A banda - Amplitude Valvulada foi formada em 2003 com a proposta de resgatar e divulgar antigos compositores clássicos do Blues como Muddy Waters e John Lee Hooker e toda a sonoridade das décadas de 60 e 70. O nome da banda “Amplitude Valvulada”, surgiu naturalmente, já que, grande parte das bandas daquela época dispunham de amplificadores valvulados. 
Com um CD gravado com seis composições próprias, mesclam bastante as influências do Rock Setentista Nacional como “Casa das Máquinas” e do Blues Texano, enérgico e vigoroso, como mostram as músicas “O Bom e Velho Professor” e “Mendigo Blues”.
Edu Souza, guitarra e voz; Nando Souza contra-baixo e Rafael Guerra, bateria, vêm batalhando para conseguir espaço no meio musical sempre dando preferência ao seu trabalho próprio.
Já se apresentaram em diversos bares e casas do Litoral Norte e Vale do Paraíba, como Campos do Jordão, Jacareí e Itobí.
Participaram também de Eventos Motociclísticos e aniversários de Moto-Clubes da região. Participaram do Projeto Musical “Verão 2004” realizado pela Prefeitura de Caraguatatuba, na Praça de Eventos.
Também ficaram entre os cinco finalistas do concurso de novos talentos do site http://www.vagalume.com.br, onde está disponível uma entrevista e o mp3 da música “Pingüim”.
(Fonte: PMC)

Prefeitura constrói nova ponte sobre o Rio Santo Antônio

Caraguatatuba - A obra da nova ponte sobre o rio Santo Antônio já está sendo executada. O objetivo é desafogar o trânsito e trazer maior conforto à população local e turistas, principalmente em época de temporada quando há congestionamento no local.
A prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Obras iniciou a obra de construção da nova ponte sobre o rio Santo Antônio, no dia 4, terça-feira em direção a avenida Rio de Janeiro. A obra que há algum tempo já havia sido pleiteada pela população, agora já está em andamento. Com a nova ponte, o trânsito na região deverá ser desafogado, principalmente na temporada de verão, quando os congestionamentos causam transtorno à população local e turistas. 
A ponte trará mais conforto e agilidade no trânsito e acesso nos dois sentidos da avenida, facilitando a passagem do centro para o bairro Indaiá e bairros adjacentes, e vice-versa. Com a nova ponte evita-se a necessidade de passar pelo trevo da cidade, local onde o tráfego de veículos vem aumentando gradativamente. A ponte também será uma alternativa segura para os ciclistas que poderão evitar os congestionamentos próximos ao trevo da cidade.
A obra, que está sendo executada pela Construtora e Pavimentadora Latina, está sendo feita em concreto armado e terá 27,5m de vão livre, 37,5m de comprimento e 14m de largura.
(Fonte: PMC)

Instituto de Pesca oferece curso para maricultores

Caraguatatuba - O Instituto de Pesca do Estado de São Paulo está ministrando cursos para maricultores em Ubatuba. O próximo curso, Aperfeiçoamento em Maricultura, acontece no dia 24, em Ubatuba, no bairro Itaguá. O curso visa aprofundar os conhecimentos dos produtores que fizeram o curso básico. 
O curso está sendo realizado pelo Instituto de Pesca, Ministério da Agricultura, Polícia Ambiental e tem o apoio do Sebrae. Os interessados devem fazer a inscrição pelo telefone (12) 3832-1254, com Juliete Aparecida Barbosa Correa. 
O Instituto também está formando grupos para o curso de iniciação em maricultura. Os interessados devem ligar para o mesmo local.
(Fonte: PMC)





Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano
Sailing Shop

Ilhabela desativa 5 câmeras
Aparelhos que deveriam monitorar acesso à ilha teriam sido danificados

Ilhabela - Cinco câmeras de vídeo adquiridas pela Prefeitura de Ilhabela para monitorar a entrada e saída de pessoas da ilha e o movimento no centro comercial estão desativadas há cinco meses. Os aparelhos teriam sido danificados e precisariam de manutenção.
A prefeitura investiu R$ 70 mil para a compra dos equipamentos, efetuada em 2003, com o objetivo de aumentar a segurança na cidade.
As câmeras foram instaladas pela administração no terminal da balsa, na rua do Meio, onde estão algumas agências bancárias e os principais comércios da cidade, e em frente ao Paço. 
Segundo o secretário de Planejamento de Ilhabela, Norberto Batista, a câmeras estão aguardando revisão para serem reutilizadas.
Segundo Batista, os equipamentos apresentavam defeitos constantemente devido à "maresia".
A prefeitura informou que estaria aguardando o orçamento de uma empresa especializada para consertar as câmeras.
Segundo o policial militar Fabricio Soares, o equipamento é importante para ajudar a polícia no combate à criminalidade no município.
Na última terça-feira, autoridades da ilha estiveram reunidas na Secretaria de Segurança Pública do Estado para cobrar aumento do efetivo para as polícias Militar e Civil na cidade.
Projeto - O presidente do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) de Ilhabela, Wolf Lindmayer, disse que foi encaminhado à prefeitura um projeto para instalação de 28 novas câmeras de segurança entre o terminal da balsa e o centro da ilha, a um custo estimado de R$ 110 mil. O projeto ainda estaria sendo avaliado pela prefeitura. (Fonte: ValeParaibano

Câmara apresenta projeto de Lei que regulamenta veiculação de propaganda eleitoral

Ilhabela - Na sessão de segunda-feita, dia 9, foi lido e encaminhado a Comissão de Justiça e Redação o projeto de Resolução 16/2004 de autoria da Mesa Diretora, que regulamenta a veiculação de propaganda eleitoral nas dependências da Câmara Municipal de Ilhabela.
Pelo projeto, é vedada a fixação de propaganda eleitoral de qualquer natureza nas dependências da Casa, exceção feita aos vereadores candidatos à reeleição que poderão utilizar deste recurso apenas e tão somente nas portas e interiores de seus respectivos gabinetes.
“Embora sabedores da importância da propaganda eleitoral para o bom exercício do voto, entendemos que é necessário respeitar os limites e as condições impostos pela lei, pela moral e pela ética”, justifica o presidente, vereador José Donizette da Silva (sem partido).
De acordo com Donizette, a necessidade de regulamentar a propaganda nas dependências da Câmara atende a legislação vigente, garante a ética, bem como previnem danos e eventual poluição decorrente de colocação de faixas, cartazes, etc. 
“A campanha pela ética na política deve começar por esta Casa de Leis que abriga os representantes da sociedade”, enfatiza o presidente.
(Fonte: Câmara Municipal de Ilhabela)

Vereador encaminha requerimentos a Telefônica e Elektro

Ilhabela - A Câmara de Ilhabela aprovou na sessão de segunda-feira, dia 9, quatro requerimentos de autoria do vereador Carlos Alberto de Oliveira Pinto (PMDB), o Carlinhos. 
O requerimento 346/2004 endereçado à Telefônica pede a instalação de telefone público no bairro do Simão, próximo ao Restaurante Fizz Adventure. Carlinhos justifica o pedido em inúmeras solicitações recebidas dos moradores do local que não dispõem de um aparelho telefônico nas proximidades.
Já os requerimentos 347 e 348 encaminhados a Elektro solicitam a instalação de um padrão de 220W próximo a Praça Anacleto José de Souza, no bairro da Prainha, a extensão de rede elétrica e instalação de um poste no final da rua João Evangelista Pinheiro, bairro Perequê.
Segundo o vereador peemedebista, a iluminação no bairro da Prainha irá otimizar os trabalhos dos pescadores que reparam suas embarcações no período noturno e proporcionará mais segurança aos moradores da rua do bairro Perequê.
A indicação 281/2004 também de autoria do vereador Carlinhos pede a prefeitura a instalação de luminárias no bairro do Borrifos próximo ao nr. 15950 já que o referido trecho não possui iluminação tornando o local propício a atos de vandalismo.
(Fonte: Câmara Municipal de Ilhabela)

Vereador pede extensão de rede de água no sul da ilha

Ilhabela - A Câmara de Ilhabela aprovou, na sessão de segunda-feira, requerimento 350/2004 do vereador Luiz Lobo (PL) endereçado ao presidente da Sabesp, Dalmo do Vale Nogueira Filho, em que questiona a empresa sobre as obras de extensão de rede de água na região sul da ilha.
No documento, Luiz diz que a rede de água na região sul termina na praia do Curral e os bairros Veloso, Cabaraú, São Pedro, Ponta da Sela, Taubaté, Itapecerica, Borrifos e Frades não contam com água potável.
De acordo com Lobo, desde 1997 vem solicitando através de requerimentos a extensão de rede de água para estes bairros e que no início de 2002, a Sabesp começou as obras de colocação de tubos, entre o córrego do Ribeirão e Cambaraú.
Ele também lembra que inexplicavelmente as obras foram paralisadas, inclusive o reservatório da Ponta da Sela que faria a distribuição para a região não foi concluído. 
Segundo ofício da Sabesp de julho de 2003, a empresa informou que a obras passava por revisão para obtenção de licenciamento ambiental e que a paralisação ocorreu em decorrência da falta de licença e da liberação da área, com previsão de retomada das obras naquele mesmo ano. “Mais de um ano se passou desde o recebimento do ofício da Sabesp e até o momento a obra continua parada”, lamentou Lobo. 
“Será que somente no final do século 21 a população do sul da ilha poderá contar com água tratada”, ironizou. 
(Fonte: Câmara Municipal de Ilhabela)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Ex-secretário depõe hoje na CEI da Eness

São Sebastião - O ex-secretário de Obras de São Sebastião Wander Augusto prestará depoimento hoje, às 10h, na CEI (Comissão Especial de Inquérito) que apura possíveis irregularidades na contratação da Construtora Eness Ltda. pela prefeitura.
Wander Augusto foi convocado pelos vereadores porque exerceu o cargo de secretário de Obras entre 2001 e 2002, período em que a Eness foi contratada para realizar várias obras no município.
Augusto era o responsável pela fiscalização das obras. Ele deixou o cargo no ano passado.
Para o presidente da CEI, Erwin Mota (PTB), o depoimento do ex-secretário é considerado dos mais importante pela comissão.
Mota pretende concluir a CEI na próxima semana, logo após, o depoimento do prefeito Paulo Julião (PSDB). O prefeito já teria sido convocado para depor no dia 19.
A CEI já colheu depoimento de 23 pessoas. Na semana passada, os procuradores da Eness, Eugenio Caldeira e Marcos Caldeira --este último genro do prefeito-- não compareceram ao depoimento. Eles alegaram que só darão depoimento se convocados pela Justiça.
A comissão investiga suspeita de favorecimento à empresa, que executou 13 obras na cidade, orçadas em R$ 1,19 milhão. O governo nega irregularidades na contratação.  (Fonte: ValeParaibano)

Fala o Povo

São Sebastião - A escriturária Ângela Maria Santos da Silva reclamou ontem à tarde do atendimento no Pronto-Socorro
A escrituraria Ângela Maria Santos da Silva, moradora de São Sebastião, compareceu ontem à redação para reclamar contra o Pronto-Socorro Municipal, no centro. Segundo ela, houve demora no atendimento de seu filho Eduardo Teodoro da Silva, de 21 anos, na manhã de ontem.
Ângela afirma que seu filho obteve a ficha de atendimento às 11h26, com o número 55 (ordem de chamada). 
“Esperamos por mais de uma hora e o número no painel eletrônico ficou parado no 46”. Ela se dirigiu à administração do Pronto-Socorro, onde foi informada que os médicos estavam atendendo casos de emergência.
“Mas deveria haver um médico para atender os demais pacientes”, Ângela observa. “Meu filho está com a garganta inflamada, teve febre alta, em torno de 39 graus; havia crianças chorando no Pronto-Socorro”. 
Ela desistiu de esperar e optou por levar o filho para Caraguatatuba.
Outro lado - O médico Luiz Carlos Silva, um dos plantonistas no Pronto-Socorro, ontem, afirmou que é as pessoas têm o direito de reclamar. 
“Realmente, é desagradável esperar, ninguém gosta, mas isto acontece em todos os Pronto-Socorros”, quando chegam pacientes que precisam de atendimento emergencial (implica risco de morte)”. 
Segundo o médico, na manhã de ontem, chegaram vários pacientes necessitando rápido socorro médico, como casos de hipertensão arterial. Na ocasião, havia três plantonistas, um específico para os casos de emergência.
O médico Silva explica que garganta inflamada, dependendo do estado do paciente, é caso para ambulatório. “Mas também é demorado o atendimento nos ambulatórios (Posto de Saúde), o que provoca a procura pelo serviço no Pronto-Socorro”, conclui.
(Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Giorgio  

Fabricio Gomes assina compromisso no Ubatuba Viva

Ubatuba - O Grupo Ubatuba Viva, através de uma campanha de transparência política, está convidando os candidatos às eleições municipais de 2004 a assinarem um compromisso que reafirma publicamente suas intenções de governarem Ubatuba de forma clara e transparente. 
Esteve presente ontem na reunião semanal do grupo o candidato Fabricio Gomes (PSB), que assinou o compromisso de transparência elaborado pelo grupo. O convite foi feito à todos os candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereadores em Ubatuba. Os candidatos Eduardo Cezar (PL), Dra. Elizabeth (PV) e Pedro Tuzino (PSDB) já assinaram o documento.
Esta é uma das ações sugeridas na cartilha "Combate à Corrupção nas Prefeituras do Brasil", publicado pela AMARRIBO - Amigos Associados de Ribeirão Bonito, disponível em www.amarribo.com.br 
O grupo Ubatuba Viva é um movimento pelo resgate da cidadania, aberto a todos os cidadãos de Ubatuba e sem conotação ou cor político-partidária. Congrega as mais diversas correntes de pensamento e representantes das mais diversas atividades econômicas do município mas tem um objetivo único e unânime: fazer uma Ubatuba melhor.
Dentre os seus trabalhos está a busca da transparência nos poderes municipais e para isto está se estruturando nos moldes da Amarribo e com orientação de diversas entidades nacionais que possam colaborar no pleno êxito dos nossos anseios.
Independente da pessoa vitoriosa nas próximas eleições, o grupo trabalha para que o Prefeito, a Câmara de Vereadores e os cidadãos tenham em mente o futuro limpo, honesto e desenvolvimentista que Ubatuba merece. 
Toda a comunidade está convidada a participar das reuniões que acontecem todas as quarta-feiras, as 19:30h, no salão da ACIU, Associação Comercial e Empresarial de Ubatuba, R. Dona Maria Alves, 587, Centro. 
O site do Movimento Ubatuba Viva pode ser acessado em www.ubatubaviva.com.br 

Modelo do documento que candidatos a prefeito de Ubatuba são convidados a assinar:



Compromisso Público de Candidato a Prefeito

Eu _______, brasileiro, residente a______, portador do RG _____, candidato a ____ no município de _____, pelo partido ___, prometo publicamente a cumprir rigorosamente os compromissos a seguir:
1. Adotar transparência total na administração, fornecendo prontamente todas as informações requeridas pelos cidadãos, organizações não governamentais, e Ministério Público.
2. Coibir o uso de quaisquer recursos públicos em benefício próprio ou de terceiros.
3. Fornecer mensalmente a lista de todos os pagamentos feitos, individualmente, pelos órgãos da prefeitura, incluindo verbas de Saúde, FUNDEF , mesmo que a origem da verba tenha vinculações com a administração estadual ou federal, com valores, nome dos beneficiários, CNPJ ou CPF , e a título de que foi feito o pagamento.
4. Levar ao Ministério Público e às autoridades constituídas a apuração de qualquer suspeita de desvio de recursos que recaia sobre membros da administração pública ou dos órgãos sob o meu comando direto ou indireto.
5. Colocar à disposição da população, até dois anos após assumir o mandato, em sitio próprio para acesso via Internet todas as informações requeridas pelos órgãos fiscalizadores da administração pública, e a listagem prevista no item 3.
6. Promover uma reestruturação administrativa na Prefeitura para dar melhor eficiência aos serviços e reduzir os custos da máquina administrativa evitando-se contratações desnecessárias de pessoal.
7. Não favorecer parentes, amigos e apaniguados em aquisições e licitações de qualquer órgão da prefeitura.
8. Não contratar parentes até terceiro grau em cargos de confiança.
9. Adotar orçamento democrático, promovendo audiências para priorização na alocação dos recursos da prefeitura.
10. Apoiar a alteração da Lei Orgânica do Município e do Regimento Interno da Câmara Municipal para adoção do voto aberto pela Câmara Municipal em todas as matérias.
11. Utilizar os serviços de entidades qualificadas e independentes na eventualidade de realização de concursos públicos para contratação
de funcionários.
12. Não utilizar órgãos, funcionários, e equipamentos da administração pública em proveito próprio, ou de terceiros.
13. Permitir a qualquer momento a realização de auditorias solicitadas pelo Ministério Público, Câmara de Vereadores, e entidades representativas da sociedade para verificação de contas e documentos.
14. Declaro conhecer o conteúdo da publicação e me comprometo a tomar medidas administrativas para prevenir no futuro a ocorrência dos tipos de fraude mencionados na mesma.

Assinatura do Candidato

Faltam equipamentos na Santa Casa de Ubatuba, diz médico
Precariedade faz diretor do pronto-socorro registrar boletim na polícia

Ubatuba - O médico Lavosier Pereira Leite, do corpo clínico da Santa Casa de Ubatuba, registrou boletim de ocorrência para resguardar seus direitos nas cirurgias feitas no hospital. Leite afirmou que a Santa Casa não possui equipamentos adequados para cirurgias vasculares.
Leite, que também é o diretor do pronto-socorro do hospital, explicou que o equipamento destinado às cirurgias vasculares pertenciam a um médico que deixou o hospital e que desde então as operações são feitas com equipamentos sucateados, oferecendo riscos aos pacientes. Os médicos do hospital estão em greve há 10 dias, atendendo apenas os casos de urgência e emergência.
Leite disse que os médicos teriam uma reunião com o sindicato da categoria na noite de ontem para discutir uma ação trabalhista contra o hospital. Segundo ele, a ação vai reivindicar todos os direitos trabalhistas dos profissionais que trabalham na Santa Casa sem vínculo empregatício. "Não temos férias nem direito a 13º salário", afirmou.
Os médicos estão há 7 meses sem receber parte de seus vencimentos.
Outro lado - O diretor jurídico da Santa Casa, Fabiano Sales, afirmou ontem que o hospital possui equipamentos mais simples, mas que permitem que as cirurgias sejam realizadas normalmente. Segundo ele, o CRM (Conselho Regional de Medicina) fez uma vistoria no hospital recentemente e não constatou nenhuma irregularidade nos equipamentos.
Segundo Sales, não é verdade que estaria havendo ameaças de demissões aos funcionários. Segundo ele, os funcionários não aderiram à greve feita pelos médicos. Ele nega também que tenha havido demissão de funcionários simpáticos aos movimento dos médicos.
Sales afirmou que o hospital está em dívida com os médicos porque a prefeitura não repassa há 5 meses os recursos que execedem os R$ 250 mil mensais destinados pelo governo federal. "A Prefeitura deixou de repassar R$ 200 mil para o hospital", informou. A Prefeitura não retornou as ligações feitas pelo ValeParaibano.
Uma comissão de vereadores que avalia a situação da Santa Casa ouvirá hoje, às 19h, a ex-contadora do hospital, Analídia Gonçalves. Ele teria denúnciado ao Comus (Comissão Municipal de Saúde) irregularidades no uso de verbas do hospital por um membro da provedoria.
Sales explicou que foi feita uma sindicância para apurar o caso e que a Santa Casa não teria tido nenhum prejuízo financeiro. O resultado da sindicância, segundo ele, é sigiloso. Ele afirmou que o assunto será esclarecido na reunião de hoje na Câmara. O hospital tem 50 anos é o único da cidade. (Fonte: ValeParaibano)

Itamambuca sedia a quarta etapa do Circuito Maresia SP Contest 2004
Surfistas da zona leste irão formar a equipe para o confronto final

Ubatuba - No próximo final de semana, dias 14 e 15 de agosto, a praia de Itamambuca, Ubatuba, Litoral Norte de São Paulo, irá receber os surfistas da zona leste da Capital. O motivo é a realização da quarta etapa do Circuito Maresia SP Contest 2004, com disputas em três categorias Open ZL, Junior ZL e Longboard ZL. Os oito melhores da categoria Open, mais os quatro da Junior e da Longboard formarão a equipe.
No ano passado, o título de campeã na categoria Longboard foi parar na região, tirando as chances do atleta da zona sul, Leonardo Paioli, comemorar o bicampeonato. A façanha foi realizada pelo longboard Bruno Pagani, que marcou as melhores notas na final. Uma delas, foi a maior nota do evento, 6 pontos, que lhe rendeu mais uma comemoração, o título da Central Surf Longboard Best Wave.
Entre os juniores, Caio Munhoz, que foi o campeão do circuito em 2002, não teve a mesma sorte e acabou na terceira colocação. Agora, o morador de Guarulhos, vai arriscar a sorte somente na categoria Open, já que completou 19 anos de idade. O mesmo vai acontecer com o campeão da etapa passada, Carlos Marchevski. Ele, que pega onda há sete anos, nunca tinha participado de um campeonato, e estreou muito bem, sendo o atual campeão Junior da zona leste.
Já na categoria Open, três surfistas, que ajudaram na elaboração do primeiro campeonato, em novembro de 2001, agora só querem se dar bem e arrumar uma vaga para o confronto final. José Paulo, Sérgio Ricardo e Cassiano desejam representar a região entre os melhores da grande São Paulo. Tarefa nada fácil, tendo em vista que a cada ano, o nível dos competidores só aumenta. Desses, Zé Paulo foi o único a participar do último confronto.
Além de formarem a equipe nas três categorias, os surfistas da zona leste poderão participar de mais duas disputas. Uma, vale a manobra mais radical, sem regras, tendo a única obrigação radicalizar nas ondas. O “artista” será contemplado pela Tent Beach Boardshop Expression Session. E aquele que fizer a maior nota durante o evento levará a premiação da Tobago Board Shop Best Wave. Os atletas de Ubatuba também formarão a equipe na categoria Open Local.
As inscrições já estão abertas e custam R$ 50,00. Os surfistas de Ubatuba, tanto amadores como profissionais, devem procurar a Associação Ubatubense de Surf. A comprovação de residência é obrigatória para os surfistas da Zona Leste e caso haja fraude, o infrator será punido de acordo com o regulamento. Todas as informações se encontram na ficha de inscrição ou no site da Federação Paulista de Surf  www.fpsurf.com.br
O Circuito Maresia SP Contest 2004 conta com o patrocínio principal da Maresia Boardtech. A quarta tem o apoio da Ilha do Surf, Balboa Board Co., Four Side, A Onda Surf Style, Magal 43400, Turco Loco, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer, Associação Ubatubense de Surf, Prefeitura de Ubatuba. Expression Session: Tent Beach Boardshop. Best Wave: Tobago Board Shop. Board Sponsor: Glasser Future Surf Boards. Acessory Sponsor: BHS. Organização: Event Tools Promoções e Eventos. Realização: Federação Paulista de Surf e Associação de Surf da Cidade de São Paulo. Divulgação: www.boiasurf.com.br 

Pontos de Inscrição:
Tent Beach: (0xx11) 3444-2336
Tobago: (0xx11) 6192-9439
Ilha do Surf: (0xx11) 4732-1102
Balboa: (0xx11) 6943-5963
Four Side: (0xx11) 6916-4448
A Onda: (0xx11) 6151-7784

PREMIAÇÃO:
Premiação da Quarta etapa do Circuito Maresia SP Contest 2004

Open ZL
1.º Passagem aérea SP-RJ-SP / Prancha Glasser / Kit BHS (1 capa emborrachada refletiva 6'4 + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
2.º Bloco Teccel / Kit BHS (1 Soft Rack + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
3.º Kit BHS (1 capa camisinha 6'4 + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
4.º Kit BHS (1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech

Júnior ZL
1.º Bloco Teccel / Kit BHS (1 capa emborrachada refletiva 6'4 + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
2.º Kit BHS (1 Soft Rack + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
3.º Kit BHS (1 capa camisinha 6'4 + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
4.º Kit BHS (1 Leash Comp) /Kit Maresia Boardtech

Longboard ZL
1º Longboard Glasser / Kit BHS (1 capa emborrachada refletiva 9'6 + 1 Leash Lon 9'0) / Kit Maresia Boardtech
2.º Kit BHS (1 Soft Rack + 1 Leash Long 9'0) / Kit Maresia Boardtech
3.º Kit BHS (1 capa camisinha 9'6 + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
4.º Kit BHS (1 Leash Long 9'6) / Kit Maresia Boardtech

Open Local
1.º Prancha Glasser / Kit BHS (1 capa emborrachada refletiva 6'4 + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
2.º Kit BHS (1 Soft Rack + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
3.º Kit BHS (1 capa camisinha 6'4 + 1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech
4.º Kit BHS (1 Leash Comp) / Kit Maresia Boardtech

Tent Beach Expression Session: Prancha Glasser / Kit BHS (Acessórios) / Kit Maresia
Best Wave Tobago Board Shop: Kit BHS (Acessórios) / Kit Maresia
(Fonte: Fama Assessoria)

1º Festival Gastronômico e Cultural de Ubatuba
Integrantes da Oficina de Papel do Projeto Tamar–IBAMA participam do I Festival Gastronômico e Cultural

Ubatuba - Nos próximos finais de semana de agosto integrantes da Oficina de Papel do Tamar de Ubatuba participam do I Festival Gastronômico e Cultural, com a apresentação da peça de teatro de fantoches “Uma alga muito estranha”. 
A peça trata da questão dos perigos que o lixo jogado nas praias e no mar representam para os seres marinhos e faz parte da “Campanha permanente contra o lixo no mar”, que desde 1996, vem sendo realizada pelo Aquário de Ubatuba em parceria com o Tamar. 
A peça “Uma alga muito estranha” é uma atividade lúdica de educação ambiental que tem por objetivo levar a mensagem de conservação às crianças, através da arte. Estão previstas cinco apresentações em restaurantes da cidade conforme o roteiro que se segue:

15/08 - 19:00 h – Restaurante Rei do Peixe II
22/08 - 13:00 h – Restaurante Peixe com Banana
28/08 - 19:00 h – Restaurante Perequim
29/08 - 19:00 h – Restaurante Giorgio

A Oficina de Papel está instalada na Base do Tamar em Ubatuba desde 1997 e atende 18 jovens da comunidade, todos com autorização do Juizado da Infância e Juventude de Ubatuba. 
Funciona em dois turnos de quatro horas e recebe merenda diária através da Secretaria Municipal de Educação. Além da produção de sacolas de papel, são confeccionadas peças artesanais de papel reciclado para as lojas do Tamar. A Oficina faz a coleta seletiva do lixo produzido na Base do Tamar e em 12 meses, já recolheu e vendeu duas toneladas de papel.
O Projeto Tamar – Ibama, que tem a Petrobras como patrocinador nacional, é um programa do governo federal, ligado ao Ministério do Meio Ambiente e atua desde 1980, na pesquisa e conservação das tartarugas marinhas no Brasil nos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Alagoas, Rio Grande do Norte. Atol das Rocas, Pernambuco- Fernando de Noronha , Ceará e São Paulo onde tem o apoio da Arcor do Brasil e Prefeitura Municipal de Ubatuba.
(Fonte: Imprensa Livre)

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em virtude de boatos envolvendo a candidatura da Dra. Elizabeth Zago, o Partido Verde vem mais uma vez a público esclarecer que a sua candidata continua firmemente sua campanha com objetivo de ser a Prefeita de Ubatuba.
Diversas situações envolvendo o seu nome, sem que contudo houvesse a sua participação, talvez tenham levado alguns, a serviço de seus oponentes, a levantar essa mentira.
O Partido Verde entende que se faz necessário esse esclarecimento público uma vez que tem recebido inúmeros telefonemas e seus filiados têm sido abordados nas ruas a respeito da falsa notícia.
O Partido Verde e o Comitê Central da Dra. Elizabeth aproveitam a oportunidade e convocam a todos seus simpatizantes a visitarem o comitê ou entrarem em contato via telefone ou pela Internet, para que possam esclarecer de voz própria o andamento desta campanha que, apesar de caminhar com modéstia, caminha sem dúvida vitoriosa.

COMITÊ CENTRAL DA DRª ELIZABETH
Rua Mar Mediterrâneo, 132
Parque Vivamar - Fone 12 3832-2840
e-mail: elizabeth43ubatuba@hotmail.com 
   

Ministério da Educação destina verbas

Ubatuba - O presidente da Câmara Municipal de Ubatuba, Rogério Frediani (PTB), na última semana, recebeu comunicados do Ministério da Educação (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) informando o repasse de verbas para o município. Para o programa nacional de transporte escolar, R$4.078,67; programa nacional de alimentação escolar (rede municipal), R$21.504,60; rede estadual, R$12.763,40; creches, R$1.431,00; indígena, R$187,00 e filantrópica, R$85,80. (Fonte: Luana Camargo)

Ubatuba recebe verbas do Ministério da Saúde

Ubatuba - O presidente da Câmara Municipal de Ubatuba, Rogério Frediani (PTB), esta semana, recebeu ofícios do Ministério da Saúde (Fundo Nacional de Saúde) notificando a liberação de recursos financeiros, em cumprimento ao artigo 2º da Lei 9.452 de 20 de março de 1997. Foram repassados para o programa saúde da família (PSF), R$113.400,00; consultas, R$72.857,00; incentivo adicional ao PSF, R$45.000,00; programa de agentes comunitários, R$35.880,00; saúde bucal, R$5.100,00; incentivo adicional à saúde bucal, R$8.000,00; ações básicas de vigilância sanitária, R$1.517,85 e cirurgias de cataratas, R$1.329,00. (Fonte: Luana Camargo)

Ação Litoral

Carta do Leitor Topo

O Teatro - Concordo totalmente com as considerações do Sr. Rizzo a respeito da necesidade de preservação de nosso patrimônio histórico e cultural. A atualidade deste debate mostra a indefinição do perfil da cidade, problema resolvido há algum tempo por Ouro Preto, Parati, Salvador etc., cidades que superaram o falso dilema entre preservação e "progresso".
Importante a iniciativa do Mov. Ubatuba Viva de trazer este debate para a sociedade, porque dele deverão surgir as diretrizes para a elaboração de um plano diretor que defina uma perspectiva estratéegica no meio do caos em que se encontra o município.
A respeito das extremas desigualdades referidas pelo Sr. Rizzo, que suspeito ter muito a ver com a "escalada de violência em Ubatuba", essas são facilmente observáveis em nosso município. "A coexistência entre a alta tecnologia e o analfabetismo, entre a abundância e a fome" fazem parte da nossa realidade de uma forma tão cruel que muitas vezes optamos por não vê-las ou por minimizá-las, da mesma forma que alguns, incluindo governantes e legisladores, não enxergam nosso patrimônio histórico.
A cidadania é atacada de várias frentes e devemos defendê-la em todas.
Pretendo com estes comentários contribuir ao debate e oferecer a minha colaboração participante no projeto de implantação de um teatro para nossa comunidade.

Sergio Maida
Ubatuba - SP

Cambate à dengue - Como é que nós, munícipes e moradores de Ubatuba podemos ajudar para combater a dengue?
Simples, verificando acúmulo de água em casa e pagando impostos para que a prefeitura cuide das áreas públicas e áreas particulares não ocupadas.
Pois bem, há 3 meses citei o caso de um lote na Av. Brasil (Carlos D. de Andrade), que após um dia de chuva fica com mais de 50% de sua área alagada, com 40 cm de profundidade. Quando a temperatura aumenta um pouco, ocorre invasão de pernilongos de vários tipos e variedades. Após comunicar a prefeitura, a providência tomada foi a comunicação do proprietário do lote, e mais NADA.
O lote está em um nível abaixo da rua e dos lotes adjacentes, e encontra-se abandonado, e com acúmulo de lixo. 
Como se pode combater um mosquito que conta com um “viveiro” tão grande?
Vamos esperar Ubatuba ser campeã de Dengue para o Sr. Prefeito perder votos e assim (só assim) tomar alguma atitude?

Roberto Russo
Ubatuba - SP

Tapando o som alto com a peneira - Caros amigos , boa tarde. 
Certamente nosso alcaide Paulo Julião e nosso secretário do Meio Ambiente não moram próximo a nenhuma danceteria em Camburi ou nenhuma ""Padaria da Ponte"" em Boissucanga , o destaque é meu. É difícil entender ....., pior para mim que sou meio burro, diz nosso prefeito....., ""Á necessidade de compatibilizar o sossego público á vocação turística do município"""( fonte Litoral Norte).
Então entendo que, para compatibilizar o sossego público vamos aumentar os decibéis, ou seja o turista se diverte e nós ficamos acordados escutando eles se divertirem, legal !!! Numa simples canetada sem sequer uma audiência pública, sem ouvir seus munícipes , atendeu aos interesses de uma pequena minoria , mas suficientemente forte para dobrar a Lei.
Como compatibilizar o sossego público aumentando a intensidade sonora de 45 para 60 decibéis ?? será que nosso alcaide tem insuficiência auditiva ?? tem como vizinho uma danceteria ??? uma Padaria da Ponte ???
Não seria o caso de compatibilizar as danceterias com as leis existentes ??? ou nossos fiscais do meio ambiente também tem insuficiência auditiva??? estamos fazendo justamente o inverso, indo na contra mão, ajustando a Lei aos interesses particulares.
Nós pobres mortais vizinhos das danceterias e das Padarias da Ponte e dos futuros circos que virão por ai , já estamos acostumados com os decibéis muito acima dos 60 db.bem como com nossas reclamações arquivadas pelo poder municipal ( docs. a disposição).
Mais uma vez nota-se que os interesses de poucos sobressaem-se ao da maioria.
Durma quem quiser com um barulho desses.
Abraços aos amigos.

Francisco José Marsiglia
São Sebastião - SP

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Praia do Félix

Praia da Enseada
©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Editora Assistente: Jullyany Roberta Cruz


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor