Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 23 de agosto de 2004 - Nº 1103 Edições Anteriores
Barra da Lagoa Portal da Palmeira Locação

Região
Turistas descobrem delícias em botequins do Litoral Norte
Estrangeiros se encantam com botecos
Bar Caiçara oferece shows de jazz e blues
Onde Encontrar


Caraguatatuba
Caraguá sedia o Ecoadventure em setembro 
Projeto social prevê construção de hotel-escola em Caraguá
Caraguá registra 1.200% de aumento de dengue em 2004

Ilhabela
Mega-operação da Polícia Militar resulta em apreensão de arma e droga
Conseg de Ilhabela discute instalação de câmeras de segurança

São Sebastião
Cerca de 1,5 mil pessoas assistiram encontro político
A comunidade queria escutar candidatos fora dos palanques 
Público aprova iniciativa da Igreja Católica 
Documento: exigência cristã de uma ordem política 
Critérios para a escolha de um bom candidato

Ubatuba
Circuito Paulista de Triathlon em Ubatuba 
Manhã Zen e Coral movimentam domingo em Ubatuba
Apesar da crise, Santa Casa de Ubatuba entrega reforma de pronto-socorro

Seções
Opinião
Artigo
Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

Turistas descobrem delícias em botequins do Litoral Norte
Bares populares da região oferecem pratos tradicionais em ambientes simples

Litoral Norte - Bares populares do Litoral Norte, tradicionalmente conhecidos como 'botecos' vêm atraindo veranistas e turistas estrangeiros, apesar de não estarem incluidos nos roteiros turísticos das cidades da região. A maioria deles, é bem simples, mas oferece comidas e aperitivos, cujo tempero não fica nada a dever aos restaurantes badalados da região.
O Bar do Bigode, em Caraguá, localizado na avenida Castelo Branco, 777, no acesso para Ubatuba, é um desses casos.
O bar é dos mais simples: duas mesas para o tradicional truco, uma mesinha de bilhar, seis mesas para os fregueses. O maior atrativo do bar: um joelho de porco feito a brasileira (ao molho, sem os tradicionais ingrediente do prato alemão), que tem atraído veranistas e turistas.
O dono Carlos Alberto Ferreira da Silva, 52 anos, popularmente conhecido como 'Bigode', trabalha sozinho, sem ajudantes, há 23 anos. O prefeito Antonio Carlos da Silva (PSDB) vive levando visitantes, inclusive prefeitos e políticos de outras regiões para experimentar a comida do Bigode.
Ele vende diariamente de 15 a 20 porções de joelho de porco, cada uma a R$ 6. Djalma Roberto Ferreira, 51 anos, gerente comercial em Ubatuba, disse que os principais atrativos do bar são o tempero e a simplicidade do local.
O Bar do Genésio existe há 23 anos em Ilhabela e tem uma das empadinhas de camarão mais famosas do Litoral Norte. O proprietário, Genésio Batista de Oliveira, de 65 anos, caiçara nascido e criado na Baia de Castelhanos, não conta para ninguém os segredos da empada que é feita pela sua mulher Nadir. Muito simples, com apenas duas mesas no seu interior, recebe autoridades e turistas badalados, entre eles, o iatista Robert Scheidt.
A empadinha ou o risoli de camarão custam R$ 1,50. O presidente da Associação Comercial e Industrial da ilha, Marcelo Freitas Carlos, afirma que é comum os turistas perguntarem "onde fica o Bar do Genésio".
É muito difícil alguém não conhecer o Bar do Pescoço em São Sebastião. O 'buteco' fica no centro, tem apenas cinco mesas, três delas na calçada e "ferve"nos fins-de-semana. O proprietário Antonio Carlos Gonçalves Torres, 54 anos, disse que consegue controlar o movimento porque os próprios frequentadores se servem. "Aqui não tem frescura", explica.
Por que tanta gente em um boteco tão comum? "O tempero dele é imbatível", responde o comerciante de Caraguá José Roberto Nepomuceno de Carvalho, que frequenta o local. Os pratos mais atrativos do "Pescoço" são a abóbora com carne sêca e frango caipira com quiabo. (Fonte: ValeParaibano)

Estrangeiros se encantam com botecos

Litoral Norte - Os botecos recebem visita até de turistas estrangeiros. Esta semana, Stefan Massinger, 32 anos, que trabalha no setor de Transportes Internacionais na Áustria e o dramaturgo inglês Simon Parry, de 31 anos, foram experimentar o tempero do "Bigode".
Massinger, que vive em Kufstein, disse que, a comida é das melhores e o ambiente, sensacional. "Em minha cidade não existem bares assim, abertos, com mesas na calçada e tanta simplicidade", comentou.
Parry, natural de Londres, comentou que, além do tempero excelente, o "Bigode" chamou a atenção pela diversidade dos seus frequentadores. "Nos pubs ingleses isso não é muito comum", afirmou. (Fonte: ValeParaibano)

Bar Caiçara oferece shows de jazz e blues

Litoral Norte - Ulisses Granato, 47 anos, fazia sucesso com sua comida e aperitivos vendidos na Praia da Almada, a 34 km do centro de Ubatuba. Aconselhado pelos amigos, decidiu abrir um boteco no centro. Hoje, dois anos e meio depois, o Bar do Ulisses, repete o mesmo sucesso, agora, na região central de Ubatuba. Entre os principais atrativos do bar estão o chops gelado e o bolinho caiçara (bolinho de abóbora com camarão). A "chef da cozinha"é a mulher, Maria Regina que também destaca a carne seca com abóbora, entre seus quitutes mais vendidos. Ulisses resolveu inovar e o boteco mais tradicional agora oferece blues e jazz às quintas e sextas, a partir das 21 horas. (Fonte: ValeParaibano)

Onde Encontrar

Bar do Bigode- avenida Castelo Branco, 777, bairro Sumaré,Caraguá. Fone: (012) 9769-2691.
Bar do Genésio- avenida Pedro de Paula Moraes, 760, bairro Pequeá, Ilhabela. Fone: não tem.
Bar do Pescoço- Rua Minas Gerais, 66, centro, São Sebastião. Fone: (012) 3892-3092.
Bar do Ulisses- Rua Cel. Domiciano, 74, centro, Ubatuba. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de Caraguatatuba Topo

Caraguatudo O Guaruçá Anuncie Aqui

Caraguá sedia o Ecoadventure em setembro 
De 2 a 7 de setembro na Praça de Eventos em Caraguá 

Caraguatatuba - Acontece em Caraguá, de 2 a 7 de setembro o Ecoadventure, evento que promoverá palestras e debates enfocando questões da influência humana no meio ambiente, tanto em função do turismo quanto da prática de esportes de aventura e radicais na natureza. 
O evento está sendo realizado pela Ong Caraguatá, com o apoio da Secretaria Municipal de Turismo e patrocínio da Nestlé. O Ecoadventure quer buscar soluções para a preservação ambiental e ao mesmo tempo o desenvolvimento do potencial do Litoral Norte para o aumento de visitação e permanência de ecoturistas e praticantes de esportes em nossa região.
O evento será composto pela Expo 2004, a Enpro-Eco e o Fera-Caraguá. 
A Expo 2004 será uma feira de produtos e serviços, uma vitrine do Ecoturismo e da Aventura, com empresários da Hotelaria; vestuário e calçados; acessórios e veículos para a prática de esportes de aventura ou radicais na natureza; cursos; equipamentos fotográficos e de vídeo, publicações especializadas e ONGs deverão se encontrar na Expo 2004. 
O Enpro-Eco será um encontro nacional pró-ecoturismo na Mata Atlântica do LN, com palestras e debates sobre temas como: O Turismo tradicional e o Ecoturismo frente ao futuro do Litoral Norte/SP; Aspectos econômicos na gestão do Ecoturismo no Litoral Norte/SP; Conscientização das populações urbanas/metropolitanas quanto à importância da Mata Atlântica no Litoral Norte de São Paulo como fonte de renda; conscientização da mídia para informar corretamente; A conservação de áreas ambientalmente frágeis; O Turismo Ecológico; Conservação da biodiversidade da Mata Atlântica; Possível impacto do Ecoturismo na Mata Atlântica (certificação de trilhas em U.C.) do Litoral Norte de São Paulo; Treinamento e Capacitação de Pessoal técnico e Gerencial. Os problemas e as soluções; Atendimento às expectativas do Ecoturista no Litoral Norte; Atividades, roteiros e produtos relacionados com o Litoral Norte e, prioritariamente, com a sua Mata Atlântica.
O Fera Caraguá será um festival de esportes radicais que abordará temas como: O turismo de Aventura, Esportes de Aventura e Radicais frente ao futuro do Litoral Norte - SP; As novas oportunidades de negócios no Turismo de Aventura e prática de Esportes Radicais no Litoral Norte - SP; Problemas decorrentes de um aumento do impacto das atividades de aventura na Mata Atlântica do Litoral Norte - SP; Treinamento e Capacitação de Pessoal Técnico e Gerencial. Os problemas e as soluções;
· A questão da Segurança e Gerenciamento de Riscos no Turismo de Aventura e Esportes de Aventura e Radicais na Natureza no Litoral Norte - SP; · Atendimento às expectativas do Turista de Aventura no Litoral Norte - SP; 
Os municípios de Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba que compõem o Litoral Norte possuem, em comum, a exuberância da Mata Atlântica, os picos e paredões rochosos da Serra do Mar e uma enorme variedade de praias. Mas, além disso, cada um também tem características próprias em sua topografia. Há diferenças na formação de ondas e na transparência das águas do mar; na constância e na força dos ventos; e nos rios, mais encachoeirados ou navegáveis. Tudo isso, forma um conjunto ideal de condições para a prática dos mais diferentes esportes de aventura ou radicais na natureza

Programação
A EXPO 2004 estará aberta à visitação pública diariamente, de 03 a 07 de setembro, das 14 às 22 horas. 
No dia 02/09, a feira ficará aberta das 19 às 22 horas e no dia 07/09, das 10 às 15 horas
Dias 02, 03 e 05 de setembro - PALESTRAS MASTER
Respeitáveis conhecedores dos temas ao lado, exporão seus pontos de vista e, em seguida, interagirão com a platéia.
Dias 4 e 6 de setembro:
Palestras de renomados especialistas, dando sua opinião sobre esportes de aventura no Litoral Norte e Mata Atlântica. 
Palestras e apresentações de empresários e profissionais especializados que já atuam no Litoral Norte de São Paulo.
Exibições de várias modalidades esportivas de aventura; promoção de demonstrações e experimentação de prática de esportes de aventura e radicais na natureza.
Dia 03 e 05 de setembro, 8h - FÓRUM VIRTUAL
Apresentação de trabalhos espontâneos, pré-enviados abordando temas relativos a Ecoturismo, Turismo Ecológico e Desenvolvimento Sustentável. 

Presenças confirmadas
- EDIS MILARÉ, ex-Secretário de Estado do Meio Ambiente e Professor de Direito Ambiental no Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional do Ministério Público do Estado de São Paulo e de Tutela Processual do Ambiente no Curso de pós-graduação lato sensu - Especialização em Direito Ambiental da USP.
- DR. JOÃO EVANGELISTA DE MELLO NETO, Pesquisador Científico do Instituto Florestal, Mestre em Manejo de Recursos pela UNESP e Especialista em Direito Ambiental;
- MÁRIO MANTOVANI, bacharel em Geografia, especializado em Gestão Ambiental e Manejo de Bacias Hidrográficas e Diretor de Relações Institucionais da Fundação S.O.S. Mata Atlântica;
- MAJOR MILTON SUSSUMU NOMURA, Chefe da Divisão de Operações do Comando de Policiamento Ambiental;
- RENATO CUNHA, Presidente da Rede de ONGs da Mata Atlântica.
- JOÃO ALLIEVI, Presidente do Instituto Ecoturismo do Brasil falará sobre as diferenças de turismo e ecoturismo;
- MARCOS FONSECA, do Instituto da Hospitalidade, fará palestra sobre Certificação e Normalização do Turismo, Ecoturismo e Turismo de Aventura;
- MARCELO VAZZOLER, consagrado alpinista e montanhista discorrerá sobre como criar uma equipe de resgate;
- Prevenção e Segurança nas Áreas de Turismo e Lazer é o tema da palestra de SILVIA BASILE, coordenadora executiva da Associação Férias Vivas;
- Potencial dos Esportes de Aventura no Brasil e sua Cobertura Jornalística é o tema da palestra de ANA PAULA BRASIL, editora da "Revista Adventure" e Diretora de Comunicação da ABEA - Associação Brasileira de Esportes de Aventura.
Mais informações: info@ecoadventur.com.br 

A ONG Caraguatá 
Fundada em 01/10/1997, a ONG Caraguatá vem, desde então, trabalhando para recuperar e preservar a Mata Atlântica do Litoral Norte de São Paulo.
Mais do que isso, vem promovendo o desenvolvimento sustentável nas comunidades dessa região por meio de projetos destinados à conscientização da população e sensibilização das gerações futuras através de palestras e cursos em escolas particulares e da rede pública, bem como em faculdades.
São 7 anos de luta, realizando estudos e mobilizando recursos humanos para propor o crescimento das atividades ecoturísticas, tanto as de lazer como as ligadas ao esporte, sempre colaborando com os órgãos governamentais na defesa da natureza do Litoral Norte.
O ECOADVENTUR MATA ATLÂNTICA LITORAL NORTE-SP tornou-se mais uma iniciativa da ONG Caraguatá, por ter a finalidade de reunir esforços e transmitir conhecimento em favor da nossa exuberante natureza.
Também por isso essa iniciativa mereceu apoio e patrocínio de uma grande empresa como a Nestlé, que atua com responsabilidade social, acima de tudo.
A Nestlé, por estar sempre preocupada com a qualidade de vida dos brasileiros, associou-se a este evento para reforçar e fazer ecoar a importância da preservação ecológica e da vida saudável. Para a ONG Caraguatá é gratificante ter seu esforço reconhecido por uma empresa como a Nestlé, porque a Nestlé faz bem.  (Fonte: PMC

Projeto social prevê construção de hotel-escola em Caraguá

Caraguatatuba - O prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos da Silva está viabilizando uma parceira com o governador do estado, Geraldo Alckmim, para a construção de um hotel-escola no município com objetivo de desenvolver projetos sociais na área de capacitação profissional e geração de emprego e renda. A parceria será firmada para colocar em prática o projeto do cabeleireiro do governador, Donato Otacílio de Souza. 
A idéia já foi apreciada pelo Governador, que solicitou que o prefeito Antonio Carlos recebesse o cabeleireiro e se tornasse mais um parceiro no projeto. O prefeito atendeu o pedido e deverá formalizar o convênio na quarta-feira, 25, quando receberá novamente o cabeleireiro em seu gabinete.
A parceria viabilizará a construção de um hotel-escola diferente em Caraguá, com espaço para a promoção de ações sociais como capacitação profissional para jovens nas áreas da indústria da beleza, hotelaria, turismo, marcenaria, entre outras áreas. Ao mesmo tempo seria um hotel com capacidade para hospedagem, com descontos para profissionais da área da beleza, como cabeleireiros, esteticistas, massagistas. O projeto contempla ainda a construção de um salão de festas e um salão de convenções.
O hotel será aberto para o público em geral, mas visa criar vínculos com os profissionais da beleza para que possam ser promovidos cursos, eventos e exposições de produtos de estética. "Os cabeleireiros, em geral, são bastante voltados para o lado social, isso me impulsionou a criar um projeto assim, que facilitasse a vida de quem melhora a vida de outros, e principalmente ajudar jovens em situação de risco", justifica o profissional.
A experiência de Donato vem de muitos anos, ele foi cabeleireiro de personalidades políticas como Mário Covas e, agora, é cabeleireiro do Governador. Segundo Donato, profissionais da beleza de todo o país poderão ser associados e ajudar na arrecadação de recursos para a hotel-escola, projeto do qual estarão sempre envolvidos. (Fonte: PMC

Caraguá registra 1.200% de aumento de dengue em 2004
No município foram 430 casos de janeiro a julho contra 33 de todo o ano passado

Caraguatatuba - O número de casos de dengue registrado em Caraguatatuba de janeiro a julho deste ano foi 430, um número 1.200% maior que volume de casos ocorridos nos 12 meses de 2003 --com 33 pessoas infectadas.
Em todo o Litoral Norte, de janeiro a julho deste ano, foram 529 casos, 830% a mais que os 33 casos em todo o ano passado.
O mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, ainda vem encontrando ambiente adequado para procriação nas cidades do Litoral Norte, mesmo durante o inverno.
O diretor regional da Vigilância Epidemiológica, Antonio Carlos Vanzeli, afirmou que é preciso intensificar o combate ao mosquito mesmo nos meses de inverno. Segundo ele, o mosquito vem se adaptando às condições da região, encontrando ambiente ideal para procriação. No mês de julho, por exemplo, dois casos autóctones foram resgistrados no litoral.
"O número de casos vem sendo maior em Caraguá porque no município é maior a presença do mosquito transmissor da doença", afirmou Vanzeli.
O diretor de Saúde Pública de Caraguá, Guilherme Garrido, disse que a prefeitura continua enfrentando muitas dificuldades para vistoriar as casas de veraneio e acabar com os focos do mosquito. "As pessoas precisam continuar alertas, evitando a água parada em vasos, pneus e calhas", orientou.
O secretário de Saúde, Pedro Norberto dos Santos, afirmou que a prefeitura abriu licitação para contratar uma equipe de zoonoses para combater o mosquito. O serviço de controle está parado desde junho, quando foi encerrado o contrato com a empresa que fazia o combate ao mosquito. (Fonte: ValeParaibano)

Por Dentro

Números de casos em 2004
Caraguá - 430
São Sebastião - 32
Ilhabela - 66
Ubatuba - 1
Total - 529

Número de casos em 2003
Litoral Norte - 57 (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano
Sailing Shop

Mega-operação da Polícia Militar resulta em apreensão de arma e droga

Ilhabela  - Ilhabela - A mega-operação da Polícia Militar, realizada em todo o Estado, resultou na apreensão de um revólver, calibre 38, e quase 200 gramas de maconha. A arma estava com o carpinteiro N.J.D.L., de 24 anos, no bairro Itaquanduba.
N. não esperava ser abordado por uma equipe da Força Tática, que suspeitou de suas atitudes ao se deparar com o bloqueio. O carpinteiro tentou acelerar o carro para escapar, mas acabou sendo detido. 
Uma revista pessoal revelou a presença de quatro munições de calibre 38 no bolso da calça. Fazendo uma busca no carro, o sargento Lazzari, cabo Lincon e soldados Henrique e Luccas, localizaram a arma, em cima do banco do veículo.
O carpinteiro confessou aos policiais a posse do revólver, declarando ainda que tentou escondê-lo quando avistou a polícia. Ele foi conduzido à delegacia, onde o porte ilegal de armas foi registrado. 
Droga - A apreensão da droga acabou revelando o tráfico em Caraguatatuba e em uma obra da construção de uma creche. O pedreiro S.L.O., de 30 anos, foi parado por policiais, no bairro Itaguassu. Ele estava em uma bicicleta e apresentou atitude estranha, que levantou a desconfiança da PM.
Uma revista pessoal revelou no bolso traseiro da bermuda, um tijolo de maconha, pesando 195 gramas. Talvez por ingenuidade, o pedreiro acabou contando aos policiais que adquiriu o entorpecente no evento de motociclistas, em Caraguatatuba, pagando R$ 150.
S. também relatou que iria dividir a droga entre seus amigos de uma obra da construção de uma creche na cidade. Os operários iriam pagar pela droga. O pedreiro foi conduzido à delegacia e autuado por tráfico de entorpecentes. O carpinteiro e o pedreiro foram recolhidos na cadeia pública de São Sebastião. (Fonte: Imprensa Livre)

Conseg de Ilhabela discute instalação de câmeras de segurança

Ilhabela - A prefeitura de Ilhabela analisa projeto proposto pelo Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) da cidade, que prevê a instalação de 28 novas câmeras de segurança entre o terminal da balsa e o centro, ao custo estimado de R$ 110 mil. 
Cinco câmeras de vídeo adquiridas pela prefeitura para monitorar entrada e saída de pessoas do arquipélago estão desativadas há cinco meses. 
Foram investidos R$ 70 mil nessa compra, efetuada em 2003, para aumentar a segurança na cidade. (Fonte: Correio do Litoral)

Notícias de São Sebastião Topo

Nautica Superchic

Cerca de 1,5 mil pessoas assistiram encontro político em São Sebastião

São Sebastião - Cerca de 1,5 mil pessoas assistiram ao primeiro encontro entre candidatos a prefeito de São Sebas-tião, promovido pela Diocese de Caraguatatuba, por intermédio da Pastoral Fé e Política. O público esteve dividido entre o salão paroquial, local do debate, e a rua Duque de Caxias, onde foi instalado um telão. 
Paulo Julião (PSDB), Juan Garcia (PPS), Ernane Primazzi (PSC), Luiz Ramos (PT) e Gabriel Rosa (PSDC) tiveram mais um espaço para apresentação de suas propostas. 
Na abertura, todos participaram de uma oração e cantaram o hino nacional. Em quatro blocos, temas como saúde, educação, segurança, cultura, turismo, economia e meio ambiente foram a base da discussão. 
De início, cada candidato teve cinco minutos para a apresentação pessoal (biografia, história política e engajamento social). Nos dois primeiros blocos, os participantes responderam a duas perguntas vindas dos conselhos de pastorais das paróquias. 
O próprio candidato fez o sorteio das questões e teve três minutos para responder cada uma das questões. Em seguida, Juan, Paulo Julião, Ernane, Luiz Ramos e Gabriel tiveram mais cinco minutos cada para falar do plano de governo. Eles não puderam fazer perguntas entre si, por determinação da organização.
Por último, mais dois minutos para considerações finais. A ordem para as respostas foi sorteada pelo mediador José Reinaldo Araldo. No início do mês a Diocese de Caraguatatuba já havia promovido um debate em Ubatuba. Ontem à noite foi a vez de Ilhabela, cujo encontro terá cobertura completa do Imprensa Livre, que trará um suplemento especial na próxima terça-feira.
De acordo com a Diocese de Caraguatatuba, o objetivo dos encontros é dar a oportunidade de apresentação das plataformas de governo e despertar a conscientização política da comunidade. (Fonte: Imprensa Livre)

A comunidade queria escutar candidatos fora dos palanques 

São Sebastião - O padre Jaime Matheus, pároco de São Sebastião, considera que o encontro entre os candidatos a prefeito atingiu seu principal objetivo: oferecer um espaço para divulgação de propostas e formar opiniões.
“Toda a comunidade sebastianense queria escutar os candidatos. Nos palanques, muito se fala, tem show, e não dá para ouvir as propostas”, destacou.
Padre Jaime diz que o evento foi preparado não só para os católicos, mas para toda a população, independente de credo. “O salão esteve aberto para toda a comunidade, independente de raça ou religião”.
Ele considera que os candidatos responderam de acordo com as perguntas formuladas pelas pastorais.
“Algumas coisas sempre saem fora do controle, mas isso é normal, em ano político pode esperar. Mas acredito que atingimos os objetivos que queríamos”, comemorou o padre, que agradeceu a toda equipe de organização.
O mediador José Reinaldo Arado, assessor da Pastoral Fé e Política da Diocese de Caraguatatuba, também fez um balanço sobre o encontro. “Foi de altíssimo nível, com uma boa estrutura, o que permitiu que os candidatos falassem de suas propostas, das suas intenções, enfim foi perfeito. 
Nós, como igreja, atingimos o objetivo de contribuir para que a comunidade chegue mais preparada na hora do voto e tenha maior consciência para fazer o melhor julgamento e, verdadeiramente, coloque um prefeito que trabalhe para o bem comum da cidade”. (Fonte: Imprensa Livre)

Público aprova iniciativa da Igreja Católica 

São Sebastião - Cerca de 1,5 mil pessoas assistiram ao encontro entre os candidatos a prefeito de São Sebastião, na noite de quinta-feira, no salão paroquial da Igreja Matriz.
Grande parte do público aprovou a iniciativa da Diocese de Caraguatatuba, por intermédio da Pastoral Fé e Política, em colocar os políticos frente a frente para uma mesa de discussão de propostas. 
O interior do salão paroquial recebeu pelo menos 500 pessoas, sendo 300 sentadas. Do lado de fora, uma multidão acompanhou o debate em um telão projetado na parede da Matriz. 
Para o escriturário Durval Hélio Ramos, 59 anos, o tempo poderia ser maior. “Seguiu os termos da igreja. Pelo regulamento estabelecido foi bom, mas acho que faltou um pouco mais de debate. Mas deu para ter uma base, pois vimos candidatos fracos e os que falaram o que a gente queria ouvir”, disse Ramos.
A ambulante Silvia dos Reis, 53 anos, gostou do que viu. “Foi muito bom, todos se saíram bem e se comportaram como verdadeiros candidatos. Agora é só votar no dia 3 de outubro”, destacou Silvia.
O balconista Fábio Augusto Costa, 27 anos, que também é acólito da Paróquia de São Sebastião, considerou positivo o encontro. “Achei bom, pois cada candidato falou de seu plano de governo e, principalmente, de mudanças”, concluiu. (Fonte: Imprensa Livre)

Documento: exigência cristã de uma ordem política 

São Sebastião - A participação na vida política de um povo é um dever de consciência e o exercício da caridade em seu sentido mais nobre e eficaz para a vida da comunidade, diz o documento de Medelin.
O homem constrói sua vida sempre inserido em uma série de grupos particulares que sempre tem à frente um líder, que reclama para uma sociedade mais ampla, a sociedade política. 
O homem criado por Deus é um ser naturalmente social, precisa associar-se aos seus semelhantes para criar os bens indispensáveis ao seu desenvolvimento normal. Sendo assim, o homem é um ser que necessita de uma liderança e é ser social. 
Ele participa de estruturas políticas de forma mais automática. Sendo assim, quem deter o poder político deve detê-lo tendo como finalidade a realização do bem comum, do respeito às legítimas liberdades dos indivíduos, das famílias e dos diferentes grupos.
O bem comum compreende o conjunto de condições de vida que permitem aos homens, às famílias e às constituições conseguir a sua própria perfeição. 
O líder político existe para servir o povo, para governar o povo com o povo e para o povo. Todo poder político vem do povo e é em seu nome e em seu favor que deve ser exercido. 
Conforme a constituição federal de 1988, é dever do Estado respeitar, defender, promover os direitos da pessoa, das famílias e das instituições. 
Sendo assim, é preciso que os políticos dediquem-se ao bem de todos, com participação junto às organizações da comunidade, junto às necessidades das pessoas, sendo sensíveis aos pobres e aos frágeis e os defendendo em seus interesses; exercendo sua gestão com sinceridade, retidão, transparência, responsabilidade, sem corromper-se e, principalmente, com profundo amor, ânimo e coragem exigidos pela política. (Fonte: Imprensa Livre)

Critérios para a escolha de um bom candidato, conforme a Igreja prescreve

São Sebastião - O candidato deve morar no município, ser uma pessoa reconhecida como alguém que serve a comunidade, que seja honesto, trabalhador, de boa índole, com base familiar, sem história de envolvimentos com tráfico, negócios escusos, imoralidade, exploração ou escândalo de qualquer ordem. 
O candidato deve ter ciência e constar em sua proposta de campanha ações que visem unicamente o bem comum. O candidato deve mostrar pela sua história de vida familiar e social, competência, capacidade administrativa, espírito de liderança e responsabilidade.
O candidato deve ter um passado limpo moralmente. 
Se já foi candidato, é preciso que a comunidade certifique-se se defendeu ou votou a favor dos interesses das classes menos favorecidas, se foi defensor do bem comum, se votou sempre em favor de grandes grupos financeiros, ou de interesses pessoais.
Se o candidato já foi eleito outras vezes, observar se o mesmo teve enriquecimento ilícito, enriquecimento súbito ou inexplicável. 
O bom candidato não atrela sua campanha a grandes grupos financeiros e muito menos paga para que se trabalhe em suas campanhas, gastando grandes volumes de dinheiro. 
O bom candidato é aquele indicado ou respaldado pelas comunidades, associações, organizações e instituições idôneas e por partidos organizados sérios. 
O bom candidato é claro em seus programas, propostas e assume com abertura o motivo pelo qual quer se eleger. O bom candidato é fiel ao seu partido, não fica trocando de partido ao bel prazer. 
O bom não fica usando em seu nome os recursos e mecanismos que são do povo por direito, como por exemplo dar vaga de consultas, vale-transportes, cestas básicas, vaga para exames, como se isso fosse um mérito seu e não uma conquista da comunidade. 
O bom candidato vive consciente e livre em sua fé, tem participação permanente e assídua o tempo todo em uma comunidade eclesial, não aparece na Igreja somente em festas e em eventos paroquiais próximos às eleições. 
O bom candidato apóia a lei 9840, lei que rege contra a corrupção eleitoral. Apóia auditorias públicas, defende a autonomia solidária. O bom candidato se preocupa com o combate à fome e à miséria de seus cidadãos, e apresenta propostas concretas para sanar este mal. 
O bom candidato faz campanha com propostas possíveis de serem realizadas, sem promessas miraculosas. O bom candidato tem participação ativa junto à sociedade organizada, aos sindicatos, associações, agremiações, conselhos municipais, ONG’s e organizações da comunidade que lutam em defesa da vida, e tem seu passado e presente bem engajado na defesa das causas populares. 
O bom candidato defende a sociedade, colocando a pessoa humana no centro da sua administração. O bom candidato não se filia a partidos com histórias comprovadas de escândalos, corrupção, tráfico de influências, suborno e etc.
O bom candidato não oferece presentes ou favores pessoais para conquistar voto do eleitorado. 
O bom candidato defende a vida acima de tudo, como valor ético e fundamental. Não apóia o aborto e toda a forma de destruição da vida, e respeita o direito à liberdade religiosa do seu povo. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Giorgio Arborismo Ubatuba 

Circuito Paulista de Triathlon em Ubatuba 

Ubatuba - Ontem a Praia de Iperoig, no centro da cidade, recebeu mais uma vez grandes nomes do triathlon brasileiro para a 2ª Etapa do Circuito Paulista de Inverno de Short Triathlon.
A competição foi realizada nas distâncias de 750 metros de natação, 20 Km de ciclismo e 5 km de corrida, com a estrutura toda montada na Avenida Iperoig.
Ubatuba já se tornou um destino bem conhecido dos triatletas, que nesse ano já competiram o Power Bar/Reebok e outros circuitos menores nas ruas da cidade, passando por visuais deslumbrantes.
O evento foi uma realização da Cia de Eventos e Secretaria de Esportes e Lazer da Prefeitura Municipal de Ubatuba. Veja algumas fotos do evento:

     

     

     

Manhã Zen e Coral movimentam domingo em Ubatuba

Ubatuba - Como realização do 1º Festival Gastronômico de Ubatuba, a praça Tróipico de Capricórnio teve neste último domingo uma seção de yoga ministrada por Deni Galdeano, a Escola de Yoga Expansão, além de uma seção de alongamento orientada por integrantes da Secretaria de Esporte e Lazer de Ubatuba. Cerca de 20 pessoas participaram, que contou ainda com a apresentação do Coral da Fundart, que realizou uma apresentação talentosa ao público presente.
Outras apresentações estão programadas para o proximo final de semana. Veja fotos do evento:

     

     

Apesar da crise, Santa Casa de Ubatuba entrega reforma de pronto-socorro

Ubatuba - Mesmo enfrentando uma crise financeira que se arrasta há vários meses, a Santa Casa de Ubatuba conseguiu recursos para reformar o pronto-socorro municipal, a ser entregue à população em setembro. 
A obra de recuperação tem o objetivo de melhorar o atendimento de mais de 7 mil pacientes que passam pela unidade mensalmente.
Segundo o diretor técnico da Santa Casa, Waldyr Duarte Mendes Júnior, a reforma era necessária para uma readequação física no pronto-socorro e custou em torno de R$ 100 mil ao governo estadual. 
O projeto teve a aprovação da DIR (Direção Regional de Saúde), órgão ligado ao Estado, garantindo a qualidade do serviço. 
O atendimento nas novas instalações do prontosocorro deve começar na primeira quinzena de setembro.
“O prédio tem mais de 150 anos e a reforma vai dar mais conforto aos usuários”.
O diretor ressaltou que, com a recuperação do prédio do pronto-socorro, houve um aumento do número de leitos da ala de emergência e de outros setores da unidade.
“A ala para pacientes graves passou de um leito para três, e do pronto-socorro, de 11 para 12 leitos, garantindo mais espaço. Uma sala para o atendimento de assistente social também foi construída”.
Na reforma, foi ampliada a sala de acolhimento (pré-consulta) e modificados a pintura e o piso do prédio.
“Antes, os pacientes que procuravam o pronto-socorro para ser medicados tinham de ficar próximo a pacientes em observação médica. A ampliação da sala de acolhimento vai acabar com esse contato”. (Fonte: Correio do Litoral)

Ação Litoral

Opinião Topo

Cadeião no Litoral Norte
Angelo Nogueira
Publicado em novembro de 2003


“Mau tempo espanta turistas das praias do LN” constatou a manchete do Litoral Virtual de 16/01/02 (Fonte: ValeParaibano).
“Faça de conta que Caraguá não existe” recomendou o jornalista Ricardo Freire, na revista Viagem e Turismo de janeiro de 2002.
Parece até uma conspiração entre divindades e jornalista para acabar com o nosso turismo! Mas, convenhamos, tanto os deuses pagãos como os jornalistas nunca foram lá muito complacentes com simples mortais. Mas o que dizer quando o que nos ameaça se apresenta sob a forma de interesses políticos? No mínimo, que o desastre que se vislumbra é bem maior. É claro que, em princípio, os interesses políticos deveriam estar afinados com os interesses do povo, mas não é bem assim que acontece na prática.
O Governo do Estado de São Paulo incluiu em suas prioridades a construção de um CDP (Centro de Detenção Provisória), mais conhecido como Cadeião, bem aqui no Litoral Norte - região turística bastante aprazível tanto para os detentos como para seus familiares e amigos, quando aqui vierem visitá-los. Dá para imaginar? 
Se a idéia fosse boa, o governador a proporia ao prefeito de sua cidade natal. Como não é, propõe aos nossos. É claro que os Cadeiões precisam ser construídos em algum lugar. O absurdo está em querer construí-los em cidades turísticas. Já não chega o exemplo das usinas nucleares que nos foram impostas na ditadura militar?
Felizmente existem aqueles que são capazes de se indignar e ir à luta. Infelizmente são poucos os combatentes. Acreditamos não dispor de tempo fora do restrito universo do nosso próprio trabalho para envolver-nos em questões de caráter político. Assim, delegamos a política aos políticos profissionais. Decisões que nos afetam são tomadas, mas passam despercebidas entre as banalidades cotidianas. É claro que, depois, nas pequenas rodas, reclamamos. Mas fica tudo por isso mesmo, já está feito. Com o tempo paramos de reclamar.
Se você é contra a construção de um Cadeião, no Litoral Norte, então faça a sua parte. Reze, se isto é tudo o que você é capaz de fazer. Reclame, se tiver voz, mas faça-o de forma a ser ouvido pelos que irão decidir por você. Manifeste a sua indignação. Cobre de seus representantes ações concretas.
Agora, se você é favorável à idéia, tenha a certeza de que figuraremos sempre na mídia, pena que não da forma que gostaríamos, mas com notícias como estas: “Com explosão de bombas nas ruas, rebeliões e 17 mortes em presídios paulistas, a facção criminosa PCC voltou a dar demonstrações de força, exatamente um ano depois de liderar, por celular, a megarrebelião que parou 29 penitenciárias do Estado de São Paulo, quando 16 detentos morreram.”(ValeParaibano, 19/02/02); “Custódia é alvo de atentado em Taubaté”(Folha de S.Paulo, 19/02/02); “Grupo armado usa coletes da Polícia Civil e resgata cinco detentos do Cadeião de Pinheiros.”(ValeParaibano, 10/03/02); “Presos de Bangu tentaram fugir. PCC lidera motim de 16h.”(Folha de S.Paulo, 20/04/02).
Você viria, nestas situações, com sua família fazer turismo no Litoral Norte?

Angelo Fonseca Nogueira Junior
Caraguatatuba / SP 
angelonogueira@modulo.br 

Artigo Topo

Previsões Ciganas 
Ronaldo Dias

Tenho lido algumas declarações e entrevistas dos candidatos. Como não tive acesso aos seus programas, me ative em analisar, apenas suas declaradas e pretensões de investimentos. Alguns, citam a criação de empregos, já que a estagnação tomou conta dos postos de trabalho, como refrão. Será que teremos mais uma (vidente desavisada) Casas Bahia? O que não ouvi, pelo menos com clareza para os eleitores entenderem, é que, eles, os candidatos, conhecem, e tem intimidade com as nossas peculiares características econômicas. O turismo e o veraneio. Razão de ser, diga-se de passagem (para quem não sabe ou, não percebe) do crescimento (físico) e da sustentação econômica do município. Será a capacidade de desenvolver estes dois fenômenos econômicos é que fará a diferença. Executar verbas orçamentárias pré-definidas por lei, é apenas, uma das obrigações do cargo. Qualquer um deles pode e terá de fazer. O que seria então um diferencial? Qual qualidade o faria melhor que os demais? Vejam: Se a principal renda do município é o IPTU proporcionado pelo inchaço imobiliário e pela ocupação desordenada, se só o poder público arrecada com regularidade. Muito fácil. Diferente se a arrecadação do município dependesse, como todo o resto da nossa economia, de parte do dinheiro que os visitantes e turistas trazem no bolso. Se a arrecadação municipal sofressem também com a sazonalidade, a prefeitura, estaria falida. Este é o nó da questão. O quadro atual é o resultado da exclusão do turismo das dotações orçamentárias dos últimos anos. Investiu-se no corpo, esqueceu-se da importância do coração. Relegar a importância do turismo e do veraneio a qualquer plano inferior mostra o ingênuo atestado do despreparo e a falta de visão econômica, qualidade imprescindível para quem tem a responsabilidade pelos rumos do nosso futuro. Se não houver mudança radical destes conceitos, em breve teremos também queda sistemática na arrecadação. Teremos que aceitar construções de predinhos e mais prédinhos (quarto sala com vinte ocupantes) em áreas nobres, vendidos a preço de banana. Tudo pelo IPTU. Triste fim. A já ultrapassada estrutura turística mal consegue bancar as despesas de manutenção do existente. Reformas, ampliações, novos investimentos? Impossível! Não há e não haverá receita que possibilite. Sucata. Estará cada dia mais difícil, competir com outros destinos. Até mesmo com os municípios vizinhos. Para quem não tem vocação para funcionário da prefeitura, balconista da Bahia, portador de licença de ambulante, escolha bem seu candidato.

Ronaldo Dias
Ubatuba, SP

Carta do Leitor Topo

CDP Litoral - À Regina Helena de Paiva Ramos. Compreendo a real preocupação com o turismo no Litoral e de certa forma é algo a ser pensado. Eu particularmente nunca deixei de ir a uma cidade porque lá ter ter um Presídio uma Cadeia uma penitenciaria etc.
Todo o nosso litoral norte é belo demais e esse " CDP " que é apenas um "Centro de Detenção Provisória" não irá interferir em nosso turismo . Eu dependo do turismo e Apoio a construção deste CDP . Creio que ao invéz de esperarmos as superlotações e rebeliões que afligem as grandes cidades devemos apoiar esta construção pois Segundo o delegado da seccicional do litoral norte as " cadeias foram construidas ha mais de 30anos e hoje não comportam a quantidade de presos ". e após a instalação do CDP, mais uma companhia de polícia e 100 homens . 
Geração de empregos !!! vamos evitar as superlotações !!!! imagine uma temporada , o ano todo delinquentes sendo presos chega a temporada acontece uma rebelião com fugas . Quantas pessoas não iriam sofrer com isso as cidades lotadas e esses marginais pelas ruas , isso sim é de se pensar primeiramente uma cidade que pode receber seu turista com segurança , é isso que eles procuram pra suas familias acima de toda essa beleza que temos .
Atenciosamente

João Paulo Correia Moreira
Ubatuba, SP


Lixo em Caraguatatuba - Não é verdadeira a afirmação do prefeito de Caraguatatuba, Sr. Antonio Carlos, de que ninguem queria o aterro sanitário por perto. Simplesmente por ordem do próprio alcaide foi ignorado a melhor opção ambiental e técnica, aceita pela própria CETESB e comunicada em audiencia publica, que participeicomo tambem o próprio secretario de Meio Ambiente, na Câmara Municipal, do local denominado de Pau D'Alho com aproximadamenste 300.000 metros quadrados e afastado mais de 8.000 metros da primeira residência, isto seginifica que ninguem foi contra essa opção, só o Prefeito que queria o aterro no Bairro Pegorelli, com 30.000 metros quadrados e com um adensamento populacional expressivo ao redor, que provocou reações. O que faltou foi vontade política do executivo municipal prejudicando a população e a custos enormes, como é de rotina na administração publica de Caraguatatuba.

Rodoaldo Graciano Fachini
Caraguatatuba, SP


Agradecimentos - Eu, proprietário de um imóvel no loteamento Portal da Fazendinha do Bairro Jetuba, tenho com certa freqüência usado este espaço para desferir críticas aos políticos do Litoral Norte em face do descaso e do total abandono em estava submetido o nosso bairro. 
Nesta região existem políticos que atualmente ocupam cadeiras da Câmara Municipal e que deveriam lutar por melhorias e para o desenvolvimento de toda a cidade mas principalmente dos bairros que são seus redutos eleitorais e no entanto nada fazem por continuarem a merecer este apoio, ao contrário viram as costas ao povo e os deixa ao abandono.
No decorrer desta semana, mais precisamente na quarta-feira dia 18 de agosto de 2004, os moradores do Portal da Fazendinha tiveram a honra de receber a visita do Sr. Prefeito de Caraguatatuba e de suas mãos, com a ajuda da nobre Vereadora Vera Peixoto, um grandioso presente pelo que nós temos muito a agradecer. Fomos presenteados com a instalação da rede de água em nosso bairro; infra-estrutura básica que nos era facultada e muito cobrada durante muitos anos.
Hoje sentimos a necessidade e o dever de agradecer ao Sr. Prefeito Antonio Carlos por nos contemplar com este presente que certamente vai contribuir em muito para uma melhor qualidade de vida e certamente para acelerar o desenvolvimento do nosso bairro. 
Muitíssimo obrigado ao Sr. Prefeito ANTONIO CARLOS ! e Obrigado também à Vereadora VERA PEIXOTO que muito contribuiu para que isto fosse possível.

Dirceu Astorga Emmã
Caraguatatuba, SP


Ubatuba Maravilhosa - A muito tempo esse tal de Clodovil através de seu programa na Rede TV, vem denegrindo a imagem da cidade de Ubatuba, de seu povo humilde além de outros. É briga pessoal com o intuito de se conseguir espaço na mídia às custas de Ubatuba. Está na hora de tomarmos uma atitude séria contra êsse tipo de coisa, e nos mobilizarmos contra aquilo que podemos chamar de "MASSA FALIDA" que antes de mais nada deveria pagar as pessoas vítimas de seu calote, seus impostos, e deixar a cidade já que esta não presta para ele. Sou de São Paulo mas gosto muito de Ubatuba e fico irritado quando aventureiros deste tipo come mortadela no Planalto e vem arrotar Peru em Ubatuba. Conhecemos também a sua situação aqui pelas imediações da rua Colômbia nos Jardins e fica aqui um conselho: Se quiser se arrumar na vida não o faça às custas do povo, faça como a Rita Cadilac, se tiver competência para tal. 

Eduardo G. Gomes
São Paulo, SP

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Praia do Ubatumirim

Praia do Ubatumirim
©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Editora Assistente: Jullyany Roberta Cruz


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor