Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 24 de setembro de 2004 - Nº 1123 Edições Anteriores

Barra da Lagoa Portal da Palmeira Locação

Região
Cai de 10 para quatro o número de praias impróprias para banho

Caraguatatuba
Educação e Social participam de Leitura Viva na Praça do Caiçara
'Pipas com Segurança' em Caraguá é adiada
Fundacc faz premiação do Concurso de Trovas sobre Santo Antonio
Caraguá devolve verba a servidoresAdolescente de 16 anos é flagrado portando um revólver municiado
Semana Jurídica tem palestra sobre crimes ambientais

Ilhabela
Debate na Câmara leva mais de mil ao calçadão da Rua do Meio

São Sebastião
Presidente de CEI sugere abertura de processo de cassação de Julião
Juan Garcia depõe hoje sobre fita
Casa da Criança e Berçário Santana receberão R$ 150 mil da Petrobras
SAP pede aumento de prazo para esvaziar cadeia de Caraguatatuba

Caixa Econômica Federal adere à greve dos bancários

Ubatuba
Serestas e Seresteiros na Fundart
Adolescente de 16 anos é flagrado portando um revólver municiado

Programação de eventos da semana

Seções
Opinião
Artigo
Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

Cai de 10 para quatro o número de praias impróprias para banho

Litoral Norte - O laudo da Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental) divulgado ontem revela que quatro praias do Litoral Norte estão poluídas por esgoto doméstico. No laudo anterior, válido até terça-feira, eram dez praias nesta condição.
Em São Sebastião continua imprópria a praia do Pontal da Cruz. Em Caraguatatuba também se mantém poluída a praia da Cocanha e entrou para o rol das impróprias a da Tabatinga. Em Ilhabela continua poluída a praia do Pinto.
Na cidade de Ubatuba todas estão próprias para banho.
Em Bertioga, Baixada Santista, todas as praias avaliadas pela Cetesb também estão liberadas para banhos.
O mesmo não acontece em Guarujá, onde a praia do Perequê continua poluída por esgoto. As coletas de amostras para análises foram feitas entre 23 de agosto e dia 19, domingo passado, uma por semana. (Fonte: Imprensa Livre)
 

Notícias de Caraguatatuba Topo

Educação e Social participam de Leitura Viva na Praça do Caiçara
'
Supervisoras da SME, professoras e Secretária de Assistência Social encerram projeto com chave-de-ouro na próxima terça-feira 28, às 19h30

Caraguatatuba - O projeto “Leitura Viva”, realizado pela Fundacc – Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba, terá sua última edição na próxima terça-feira 28, na Praça do Caiçara no MACC – Museu de Arte e Cultura de Caraguatatuba, às 19h30.
Participarão da leitura a equipe de Supervisão de Ensino da Secretaria Municipal de Educação, composta por Ana Lúcia Moreira Lima, Ângela Maria dos Santos Pereira, Denise Rosa, Isabel Dória, Regina Espíndola Gomes, Rosana Leite Albuquerque e Wanderly Alves de Araújo. A Secretária de Assistência Social, Ana Carolina Muri S. Stringari, também fará parte do grupo de leitura, que contará ainda com a participação da formadora do PROFA, Laura de Oliveira e da professora de Ciências e Biologia, Camila Vicentini Pinheiro.
Segundo explicou a jornalista da Educação, Rosana Castro, responsável pela direção da leitura, “a peça escolhida foi A Casa de Bernarda Alba, de Federico García Lorca. Embora seja um texto dramático, há momentos de leveza e comicidade. É a história de uma casa com várias irmãs sob o comando de uma matriarca opressora. O autor é espanhol, e essa foi sua obra que representa os limites entre a ficção e a realidade contando a trajetória das filhas de Bernarda Alba num contexto ridículo-trágico, onde cada personagem tem seu próprio conflito pessoal. A peça traz uma nova linguagem de cena propondo o autor, a resignificação das palavras e dos atos imaginativos”, relatou.O Projeto Leitura Viva, idealizado pelo coordenador da área de Teatro da Fundacc, Júnior Magresco, foi iniciado em fevereiro deste ano com o objetivo de estimular grupos de estudo acerca da literatura dramática, estudar os gêneros literários, formar uma comunidade de leitores, além de divulgar novos autores. Segundo explicou Junior Magresco, “o projeto está finalizando nesse mês por ocasião do início das mostras teatrais concorrentes no FET – Festival Estudantil de Teatro. Na verdade a projeto era para ter terminado em junho, mas decidimos prorroga-lo até setembro, em razão do resultado bastante satisfatório desse trabalho. Num primeiro momento, o projeto era direcionado a grupos de teatro, mas com o tempo houve o envolvimento de outros segmentos da sociedade, inclusive das comunidades escolares. Essa participação do público foi bastante gratificante para a Fundacc”, explicou o coordenador de teatro da Fundação, completando que, “o Projeto Leitura Viva deverá retornar em fevereiro e poderá ter a participação de qualquer grupo ou movimento interessado em compartilhar experiências nas áreas de literatura e teatro”.
O coordenador de teatro informou ainda, que durante a realização do 3º FET, no mês de outubro, os grupos que participaram do projeto Leitura Viva nos meses anteriores poderão serão convidados para refazer a leitura em horários e espaços alternativos.
A Casa de Bernarda Alba encerrará o projeto Leitura Viva na próxima terça-feira 28, na Praça do Caiçara, às 19h30. A entrada é franca. (Fonte: Fundacc)

'Pipas com Segurança' em Caraguá é adiada
O “Revoa Educativa – Pipas com Segurança” que vai ensinar a garotada a empinar pipas com segurança será adiada para o dia 17 de outubro às 10h, na Praça de Eventos. Quem promove o evento é a Bandeirante de Energia em parceria com a Secretaria Municipal de Turismo

Caraguatatuba - O “Revoa Educativa – Pipas com Segurança” será adiado para o dia 17 de outubro, às 10h. A Praça de Eventos será palco de muitas brincadeiras. A Bandeirante de Energia e Coats Corrente, em parceria com a Secretaria Municipal de Turismo, está promovendo o evento. O objetivo é unir o lazer à educação das crianças quanto a soltura de pipas e papagaios com segurança. Para isso, haverá monitores fazendo oficinas com a garotada para ensinar técnicas de empinar e construir, além da confecção de aviões e planadores de papel. O material para confecção das pipas será distribuído.
Haverá ainda distribuição de gibis educativos, pipas, cata-ventos, bumerang e vários brindes. A empresa quer conscientizar a todos que empinar pipa só é bom se não oferecer riscos de acidentes como choques elétricos e cortes pelo uso de cerol.
*Curiosidade: eolismo é o nome dado á prática e a arte de empinar pipas. (Fonte: PMC)

Fundacc faz premiação do Concurso de Trovas sobre Santo Antonio

Caraguatatuba - Acontece na terça-feira 28, a partir das 19 horas, na Praça do Caiçara, no Pólo Cultural Profª Adaly Coelho Passos, a premiação do Concurso de Trovas sobre Santo Antonio. O evento acontece em paralelo com o projeto Leitura Viva, que estará acontecendo no local.
Realizado pela Comissão Municipal Setorial de Literatura da Fundacc – Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba, o Concurso de Trovas sobre Santo Antonio fez parte das comemorações às festividades do Mês de Santo Antonio de Caraguatatuba, projeto realizado pela Prefeitura Municipal, Fundacc, Associação de Hotéis e Pousadas de Caraguatatuba, com apoio do Sebrae-SP.
O concurso teve por objetivo incentivar a composição poética sob a forma de trova, das manifestações populares ligadas a Santo Antonio, abrindo espaço para novos talentos, valorizando e divulgando seus trabalhos.
A trova, entre outras definições, é uma composição poética de quatro versos de sete sílabas poéticas, que tem de ter rima no mínimo da 2ª com a 4ª linha.
“Não pode haver criação literária mais popular e que mais fale diretamente ao coração do povo do que a trova. É através dela, que o povo toma contato com a poesia e por isso mesmo a trova e o trovador são imortais” (Jorge Amado) (Fonte: PMC)

Caraguá devolve verba a servidores

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguá vai reembolsar junto com pagamento dos salários de setembro, R$ 400 mil que foram descontados indevidamente dos seus 1.800 servidores, entre março de 2001 e fevereiro de 2003.
O Sindicato dos Servidores quer que o dinheiro que foi recolhido indevidamente para o CaraguaPrev, instituto de previdência municipal, seja devolvido com juros e correção monetária.
No recolhimento feito ao instituto foram descontados indevidamente dos salários dos servidores e valores relacionados a férias e licença prêmio, por exemplo.
O Sindicato dos Servidores Municipais, questionou na época os descontos indevidos, através de uma ação administrativa coletiva.
O secretário de Administração, João Correia Senna, disse ontem que, ao assumir a secretaria em 2003, constatou a irregularidade, passando então a cobrar a devolução junto ao CaraguaPrev. Segundo Senna, a partir de fevereiro de 2003, os descontos foram corrigidos, sem prejuízos aos servidores e a Prefeitura. (Fonte: ValeParaibano)

SAP pede aumento de prazo para esvaziar cadeia de Caraguatatuba

Caraguatatuba - A Secretaria de Administração Penitenciária do Estado irá pedir à Justiça uma prorrogação do prazo, que esgotou esta semana, para retirada dos presos da cadeia local, que foi interditada judicialmente. A informação é da assessoria de imprensa do setor. A cadeia tem mantido uma média de 130 presos, tendo capacidade para 48.
Segundo a assessoria, não tem como atender a determinação judicial, no momento, uma vez que não há vagas para presos provisórios. O pedido, conforme a assessoria, ainda seria encaminhado esta semana à Justiça de Caraguatatuba. Paralelamente, o Estado também recorreu a decisão do Tribunal de Justiça de manter a interdição. O caso deverá ser apreciado pelo Supremo Tribunal.
Pela decisão da juíza Regiane dos Santos, a multa diária pelo descumprimento da medida é de R$ 50 mil. Contando a partir do término do prazo, o Estado já deve R$ 200 mil.
Risco de vida - Enquanto este problema não é solucionado, cerca de 130 pessoas, além dos funcionários, vivem e trabalham em uma área que, segundo a decisão judicial, “não oferece nenhuma condição de salubridade, segurança e estrutura física para funcionar como estabelecimento prisional, em razão das precárias condições de suas instalações, com elevado grau de deterioração, corrosão e infiltração”.
Em sua decisão a juíza ainda justifica que a medida é imposta como forma de resguardar a integridade física e o direito à vida da população carcerária. Além da interdição, a liminar também proibiu a entrada de novos detentos, determinação que também não está sendo cumprida. (Fonte: Imprensa Livre)

Semana Jurídica tem palestra sobre crimes ambientais

Caraguatatuba - Desde o começo desta semana o curso de Direito das Faculdades Integradas Módulo está promovendo a Semana Jurídica com diversas palestras abertas ao público.
Na manhã de ontem o tema debatido foi Crimes Ambientais, apresentado pelo Capitão Eugênio Campos Junior, hoje afastado do cargo porque disputa uma vaga no legislativo.
A palestra reuniu no auditório Ângelo Fonseca Nogueira cerca de 50 pessoas, a maioria estudantes do curso de Direito. A mesa foi composta por Marcos Couto, representante do Módulo, Mara Vidigal, diretora do curso de Direito, Oranice Duarte, OAB de Caraguá e Rodrigo Guimarães, professor do curso.
Campos Junior relatou que mora na cidade há 20 anos, foi coordenador municipal da Defesa Civil e hoje é capitão da Polícia Ambiental no Litoral Norte . Ele disse que apesar do Litoral Norte ter a maior concentração de mata atlântica do Estado, precisamos de mais monitoramento.
“Qualquer intervenção nos nossos recursos ambientais mostra a fragilidade do sistema, precisamos de monitoramento rígido, pois esta é a região que atualmente tem a maior densidade demográfica do Estado. Isto não é crescimento, é inchaço”, ressaltou o palestrante.
Campos Junior disse que faz parte da equipe de nove pessoas que está elaborando o Plano Diretor da cidade para os próximos 20 anos. Segundo ele, apenas 20% dos 645 municípios do Estado tem um Plano Diretor.
Falando sobre a Polícia Ambiental no Litoral Norte, Campos Junior ressaltou que a função da PM é fiscalizar se as leis estão sendo cumpridas, mas que a colaboração da população é fundamental. “Sou um mero gestor da coisa pública”.
No primeiro semestre deste ano Campos Junior disse que a Polícia Ambiental na região lavrou 2.253 Boletins de Ocorrência ambientais, destes foram feitos 303 autos de infração, que geraram R$ 183 mil de multas, dinheiro repassado para os órgãos fiscalizadores do Estado.
“Levamos 49 pessoas para a Delegacia de Polícia, destas, nove foram presas em flagrante”, finalizou o palestrante.
Programação:
5ª feira - 23/09
9h – Ética no Direito Eletrônico
Palestrante: Dr. Marco Antônio Araújo Júnior
(Advogado e Professor Universitário)
20h – Direito Empresarial no Novo Código Civil
Palestrante: Dr. Mário Sérgio de Oliveira
(Advogado representante do Conselho de Ética da OAB/SP)
6ª feira - 24/09
9h – Direito do Consumidor
Palestrante: Dr. Moratto (Advogado Militante em São Paulo) (Fonte: Imprensa Livre)
 

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Sailing Shop

Debate na Câmara leva mais de mil ao calçadão da Rua do Meio

Fotos: Gustave Gama

Ilhabela - Em um telão montado no calçadão da Rua do Meio, na Vila, mais de mil pessoas acompanharam o primeiro debate entre os candidatos a prefeito de Ilhabela, promovido pela Igreja Católica, em parceria com a Saci (Sociedade Amigos da Criança de Ilhabela). O encontro político foi realizado na Câmara Municipal, onde 70 convidados assistiram às discussões.
Pela primeira vez no ano, Manoel Marcos (PTB), Toninho Colucci (PSDB), Nilce Signorini (PDT) e Cláudia Kerber (PT) estiveram frente a frente. A mesa diretora do debate foi composta pelo Padre Vilson Dias (mediador), Sandra Colaferi (assessora Diocese de Caraguatatuba), Denise Formaggia (Núcleo Regional de Saúde Litoral Norte) e Irmã Dilma (pastorais católicas de Ilhabela).
Na abertura, todos os candidatos participaram de um momento de oração. Em seguida, no bloco inicial, a mesa diretora apresentou questio-namentos das pastorais católicas.
O tema principal do encontro foi “Água Fonte de Vida”, que já vem sendo abordado na Campanha da Fraternidade. No segundo bloco, cada candidato pôde fazer um pergunta para cada um dos adversários, com direito a réplica e tréplica. O último bloco foi destinado às considerações finais.
Numa parceria entre a Diocese de Caraguatatuba, o Imprensa Livre traz hoje o suplemento especial Eleições 2004, com a íntegra, entrevistas e reportagens sobre o debate. A proposta é abrir para os eleitores todas as possibilidades de conhecimento sobre as plataformas de governo apresentadas.
Estes encontros, de acordo com a Pastoral Fé e Política, servem como momento de formação de consciência política crítica, possibilitando a oportunidade de tornar o voto consciente e responsável. (Fonte: Imprensa Livre)

Para Colucci, debate mostrou à população quem são os candidatos à prefeitura de Ilhabela

Toninho Colucci, candidato à prefeitura de Ilhabela pelo PSDB, destacou vários pontos do debate realizado pela Igreja Católica. Entre esses pontos, ele diz que a população pôde saber quem realmente são os candidatos a prefeito da cidade.
“Avalio de forma extremamente positiva esse debate, onde foi possível provar que os dois candidatos que já foram prefeitos tiveram quatro anos para fazer tudo o que vieram falar no encontro e não fizeram porque não tiveram competência ou vontade política. Já a candidata do PT veio aqui vender uma ilusão. Ela falou coisas muito bonitas, que eu também gostaria de fazer, mas se tivesse recurso ou se estivesse na Europa. Aqui a situação é diferente”.
Ele fala que se todos os problemas da comunidade já estivessem resolvidos, seria possível tratar só de saneamento básico, mas não é o caso. “Se a pessoa não diz de onde vai tirar os recursos, não pode vender aquilo”, completa.
Para Colucci, a proposta que apresentou, de administração do PSDB, foi mais consistente, já que foi mostrado de que maneira tudo será realizado. No caso do saneamento, seria feito em parceria com a Sabesp.
Ele acha que a população deva considerar isso e saber que tem uma proposta que seja executável e que tem vontade e coragem de enfrentar o problema. “Esses requisitos nós temos e é por isso que aguardamos a vitória no dia 3 de outubro. A partir de 1º de janeiro estaremos fazendo tudo aquilo que nos propusemos a fazer”.
Toninho Colucci acredita que sejam importantes a realização de novos debates e que a imprensa participe disso para levar os resultados à comunidade. “A população tem que escutar isso, porque vender ilusões e fazer campanha com muito dinheiro é fácil. O mais importante é ter respostas para o que a população precisa e nós temos. Nossa proposta de governo está aí desde o dia 3 de julho, disponível ou pela Internet ou pessoalmente no partido”, finaliza. (Fonte: Imprensa Livre)

Cláudia Kerber diz que debate serviu para expor propostas de seu plano de governo

A candidata do PT a prefeita de Ilhabela, Cláudia Kerber, aprovou a iniciativa da Igreja Católica em promover um debate político, realizado na noite de sexta-feira. Para ela, trata-se de mais um espaço para exposição de suas propostas.
“Foi fantástica a oportunidade de estar expondo o plano de governo em público e debater com os outros candidatos. O PT é o único partido com um plano bem elaborado, bem estudado, e pudemos ver que nenhum dos outros candidatos tem um programa de governo, inclusive dizendo que estão abertos até hoje. Isso é programa eleitoreiro”.
Claudia também falou da “água”, tema escolhido pela igreja para as discussões. “É um tema que é um dos nossos principais problemas, a questão do saneamento básico. A captação de água está gravíssima em Ilhabela. Tivemos uma feliz relação de estarem promovendo este encontro em cima deste tema”.
De acordo com a candidata, em nenhum momento se sentiu atacada por algum dos adversários. “Não, achei que foram questões políticas. Me senti muito bem, consegui expor o que eu queria, consegui debater, mostrar algumas falhas dos outros candidatos que eram importantes, e acho que a missão foi cumprida”, concluiu.
Cláudia Kerber é veterinária formada pela USP (Universidade de São Paulo), com pós-graduação pelo Instituto de Ciências Biomédicas. Atualmente, faz o curso de Ciências Sociais, na PUC de Campinas.
Nascida em São Paulo, mora há quatro anos em Ilhabela.
Na política, Cláudia foi candida-ta a deputada estadual em 2002, quando obteve 12.466 votos na região.
Coordena o PT regional desde o ano passado e foi uma das fundadoras do partido na ilha. Seu candidato a vice é o educador ambiental Marco Aurélio, que atua junto ao Parque Estadual desde 1994. (Fonte: Imprensa Livre)

Nilce Signorini considera o debate um compromisso assumido pelos candidatos com a comunidade

A candidata do PDT à prefeitura de Ilhabela, Nilce Signorini fez uma avaliação positiva do debate realizado pela igreja católica na última sexta-feira.
Ela parabenizou a iniciativa e considerou o encontro, além de uma forma dos candidatos fazerem suas colocações, como a oportunidade para que a população avalie cada candidato. Ela acredita que o debate foi um compromisso assumido pelos candidatos publicamente, perante a igreja e a população.
Quanto ao resultado do debate, a candidata diz que uma discussão é sempre algo muito dinâmico e, principalmente no campo político, nunca é possível saber como as coisas vão acontecer.
Ela conta que gostaria de ter tido um pouco mais de tempo para expor o trabalho que realizou com R$ 47,5 milhões, no tempo que esteve a frente da administração de Ilhabela.
Em relação a algumas cobranças feitas à candidata, pelo fato de já ter sido prefeita, ela acha normal e que faz parte do processo democrático e político.
“As pessoas têm o direito de cobrar, mas também tem que colocar na balança e ver que eu trabalhei, como encontrei o município”. Ela lembra que na ocasião em que assumiu a prefeitura de Ilhabela, a cidade tinha muitas dívidas, entre elas, R$ 2 milhões só em fornecedores.
Segundo conta, também havia outras contas para pagar e ela pagou todas e deixou o município organizado, com projetos em andamento. “Tudo o que eles disseram aí foi projeto da minha administração”.
Nilce diz que a sua campanha está boa. “Estamos fazendo a campanha dos quatro ‘S’: santinho, suor, sapato e saliva, mas estamos indo bem”, finaliza. (Fonte: Imprensa Livre)

Manoel Marcos destaca a divulgação do trabalho realizado e novos projetos

O prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos de Jesus Ferreira, candidato à reeleição pelo PTB, também elogiou a iniciativa da Igreja Católica. “É importante porque é uma chance que a gente tem de estar passando para a população aquilo que nós fizemos e o que pretendemos fazer.
O debate transcorreu dentro da normalidade, colocamos nossas propostas, principalmente, com relação a saneamento básico, que temos certeza absoluta que, não vamos cumprir 100%, nem falei isso, mas pretendemos chegar perto disso”.
Manoel Marcos salienta que, normalmente, o candidato à reeleição é o que recebe o maior número de críticas em debate. “Não temos medo de enfrentar, não tenho receio de enfrentar qualquer debate. Na maioria das vezes, os ataques eram feitos contra a administração, mas já esperava por isso, porque quem não tem argumento acaba atacando.
Me defendi, coloquei minhas propostas, e mostrei que o passado foi bom e que as propostas dos outros candidatos não são boas, não são reais, não são possíveis de serem realizados. Temos um compromisso de fazer aquilo que se pode fazer”, concluiu.
Nascido em Ilhabela, o filho do ex-prefeito Eurípedes Ferreira é engenheiro civil, formado pela Unitau. Na política, Mané, como é conhecido, iniciou sua carreira em 1988, quando se elegeu vereador pelo PTB, sendo o mais votado da época. Voltou à Câmara em 1992. Já em 1996, Manoel Marcos disputou pela primeira vez a prefeitura, mas acabou derrotado por Nilce Signorini por 1,8% de diferença.
Foi eleito prefeito em 2000 com margem de 11%. Seu candidato a vice nesta eleição é o ex-diretor de Obras Públicas e ex-vereador Antônio Carlos Cajado Simões. (Fonte: Imprensa Livre)

Público elogia participação de candidatos em debate político

Para grande parte do público que acompanhou o debate entre os candidatos de Ilhabela, a iniciativa da Igreja Católica é positiva. Muitos destacaram a cordia-lidade entre os adversários, apesar de alguns momentos de divergência.
A desenhista Marly de Camargo, 36 anos, considera que o debate reforça os conceitos da democracia. “Desta forma, o povo estará certo do que vai acontecer e que possa ter consciência para votar. Governo tem que ter especialistas”, declarou Marly.
O pintor Antônio Carlos Bezerra, 30 anos, também gostou do que viu. “É muito bom ter debate, porque a pessoa faz ou pretende fazer, todo mundo fica sabendo”.
Já o caseiro José Carlos Alves, 33 anos, acredita numa forte disputa na eleição. “Pelo que vi, teremos uma eleição acirrada. Foi bom demais”, finalizou. Após o encontro, cabos eleitorais de vários partidos estiveram em frente à Câmara de Ilhabela para comemorar junto aos candidatos. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de São Sebastião Topo

Arte em Concreto Celular Nautica Superchic

Presidente de CEI sugere abertura de processo de cassação de Julião
Relatório inclui pedido de sindicância na administração; prefeito aponta uso político

São Sebastião - O vereador Erwin Mota (PTB), presidente da CEI (Comissão Especial de Inquérito) que apura possíveis irregularidades na contratação da Construtora Eness pela Prefeitura de São Sebastião, pediu em seu relatório a abertura de processo de cassação de Paulo Julião(PSDB) pela Câmara. O relatório de Mota, protocolado anteontem na Câmara, não conta com as assinaturas dos outros dois membros da CEI, que optaram em apresentar outro parecer à câmara. Mota disse ontem, que além da abertura do processo de cassação, pediu ainda a abertura de uma sindicância na prefeitura, para apurar possível negligência, omissão e prevaricação, por parte da Comissão Municipal de Licitação. O relatório será votado pelos vereadores na próxima terça-feira, dia 28.
Os outros dois membros da CEI, José Luiz Ribeiro(PSDB) e João Barreto(PL), discordaram do parecer de Mota. Barreto afirmou, que ele e Ribeiro não concordaram com o parecer final de Mota.
"Não concordamos com o pedido de abertura de processo para cassação do prefeito, pois nos depoimentos não ficou evidenciado nenhuma irregularidade", comentou.
Outro Lado - O prefeito Paulo Julião afirmou ontem que o parecer de Mota tem objetivos políticos.
"Ele apóia outro candidato, o Juan Pons Garcia e com sua decisão, tenta prejudicar a minha reeleição", afirmou. Segundo Julião, os depoimentos feitos à CEI não comprovaram nenhuma irregularidade na contratação de obras pública pela Eness. "Estou tranqüilo."
A Prefeitura de São Sebastião divulgou ontem um documento do TCE (Tribunal de Contas do Estado) comunicando ao juiz da 2a. Vara, Luiz Antônio Carrer e ao vereador Edvaldo Reimberg (PPS), que, na análise das contas de 2003 da prefeitura, não foi encontrada nenhuma irregularidade na contratação de empresas pela prefeitura. (Fonte: ValeParaibano)

Juan Garcia depõe hoje sobre fita

São Sebastião  - O candidato do PPS à Prefeitura de São Sebastião, Juan Pons Garcia, foi intimado para prestar depoimento, hoje, às 13 horas, à Polícia Seccional de São Sebastião.
O depoimento acontecerá nas dependências do prédio da 2a. Vara de Justiça e tem como objetivo apurar possível crime de extorsão.
A coligação São Sebastião Vive Melhor, encabeçada por Paulo Julião (PSDB), denunciou Garcia por suposto crime eleitoral, ao aprresentar uma fita de vídeo VHS, na qual eles pediam dinheiro para a campanha política ao empresário Luiz Carlos dos Santos, dono da empresa Autoviass. O juiz Josué Vilela Pimentel, arquivou a denúncia de crime eleitoral, optando em instaurar um inquérito policial para apurar os fatos.
Garcia não foi localizado ontem para comentar o assunto. (Fonte: ValeParaibano)

Casa da Criança e Berçário Santana receberão R$ 150 mil da Petrobras
Projeto que autoriza Prefeitura de São Sebastião a celebrar convênio com Conselho dos Direitos da Criança, possibilitando o repasse financeiro, foi aprovado em regime de urgência na Câmara. Cada entidade terá direito a R$ 75 mil

São Sebastião - A Câmara de São Sebastião aprovou na última terça-feira o projeto de lei 72/2004, que autoriza a prefeitura a celebrar convênio com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente. Com isso, o município poderá conceder, a título de auxílio financeiro do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, uma verba de R$ 150 mil doada pela Petrobras a duas entidades assistenciais.
São elas: Casa da Criança e do Adolescente, localizada na Vila Amélia, e Associação Recreativa Berçário Santana, com sede na Topolândia. Cada uma receberá R$ 75 mil.
Conforme o convênio, o dinheiro será utilizado na melhoria e ampliação do programa de abrigo para crianças e jovens, de 0 a 18 anos. A proposta foi encaminhada à sanção.
Outro projeto - Ainda na sessão de terça-feira, a Câmara aprovou o projeto de lei 048/2004, de autoria do vereador José Cardim de Souza, alterando dispositivos da Lei Municipal 1648/03.
Desta forma, o artigo 1º, que instituiu aos professores a meia entrada às sessões de cinema, teatro, shows e outros eventos culturais nas salas e casas de espetáculos da cidade, passa a vigorar com a seguinte redação: “aos servidores municipais, professores de escolas estaduais e particulares, terão direito a meia entrada”.
A identificação do funcionário público será mediante a apresentação do crachá e dos professores da rede estadual e particular com autorização da Secretaria de Educação. O projeto também já foi enviado ao prefeito Paulo Julião. (Fonte: Imprensa Livre)

Caixa Econômica Federal adere à greve dos bancários

São Sebastião - Funcionários da CEF (Caixa Econômica Federal) em São Sebastião, até ontem, era os únicos que aderiram à greve nacional dos bancários, deflagrada na quarta-feira da semana passada. Mas, as demais agências ainda podem fechar as portas hoje.
O Banco do Brasil, por exemplo, ficou fechado por alguns instantes, ontem, após a chegada de sindicalistas, mas teve de reabrir a agência uma vez que já tinha iniciado os trabalhos.
Em Caraguatatuba, todas as agências bancárias, exceto a do Bradesco, também fecharam as portas. Em Ilhabela, todos os funcionários da Nossa Caixa estão parados. Em Ubatuba estão em greve funcionários da Caixa Econômica Federal, do Banco do Brasil e da Nossa Caixa.
Conforme estimativa da CNB-CUT (Confederação Nacional dos Bancários), da CUT, 200 mil funcionários aderiram ao movimento grevista de 24 capitais do país, o que representa metade da categoria. A opção pela greve depende da decisão de cada sindicato regional.
Reivindicações - A categoria reivindica reajuste salarial de 25% (6,22% da inflação e 17,68% de aumento real), piso de R$ 1.042,28 (equivalente ao salário mínimo do Dieese), PLR (um salário mais R$ 1.200), auxílio-refeição de R$ 14,58, cesta-alimentação de R$ 250, auxílio-creche/babá de R$ 179,70, ajuda para deslocamento noturno de R$ 50,31, cesta básica natalina de R$ 250, 14o salário, fim da pressão por metas, indenizações por assaltos, fim da dispensa imotivada, fim da terceirização e auxílio-educação.
A Fenaban manteve a proposta inicial de reajuste salarial e não sinalizou a intenção de mudar a oferta. A proposta da Fenaban prevê 8,5% de reajuste e mais um adicional de R$ 30 para quem ganha até R$ 1.500. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Giorgio Dema 22000

Serestas e Seresteiros na Fundart

Ubatuba - A Musica estará em destaque neste fim de semana na Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba. Sempre contando com a presença ilustre do casal Sergio e Regina, desta vez ainda teremos a participação de Cícero Assunção interpretando músicas populares brasileiras.
Serestas e Seresteiros acontece todo ultimo sábado de cada mês. Portanto no próximo dia 25 às 20:30h é dia de comparecer a sede da Fundação e prestigiar mais um ótimo evento realizado pela Fundart. (Fonte: Fundart)

Adolescente de 16 anos é flagrado portando um revólver municiado

Ubatuba - Um adolescente de 16 anos foi flagrado pela Polícia Militar portando um revólver, calibre 38, com cinco munições intactas. Ele estava sentado em um muro da rua Sergipe, bairro Parque Guarani.
Como o adolescente é conhecido da polícia pela prática de delitos, os policiais em patrulhamento pelo bairro, decidiram revistá-lo, encontrando a arma. O menor alegou à polícia que tinha localizado o revólver próximo à uma árvore e decidiu pegá-lo, negando a posse. O adolescente foi conduzido à delegacia, onde se registrou o ato infracional.
A mãe dele, a doméstica M.Z.A., de 43 anos, compareceu no setor, se responsabilizando pelo menor, que foi liberado.  (Fonte: Imprensa Livre)

Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias 2004

Ubatuba - No último sábado, 18 de setembro, foi "comemorado" o Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias. Esta campanha é um dos maiores eventos mundiais de educação ambiental e há 18 anos vem sendo promovida em mais de 100 países por iniciativa da The Ocean Conservancy, uma ONG norte-americana. Durante este evento, que sempre ocorre no terceiro sábado de setembro, voluntários de todas as partes do mundo vão às praias, trilhas, mangues e rios coletar e catalogar o lixo lá depositado diretamente pelos usuários ou por descargas no mar, originadas de navios ou rios.
Em Ubatuba, pelo quarto ano consecutivo, as ONGs ambientalistas, instituições de pesquisa, sociedades amigos de bairro, estudantes universitários e do segundo grau se mobilizaram para enfrentar um dos maiores problemas de nossa zona costeira, o lixo.
Foram envolvidos 440 agentes ambientais para atuar ao longo de todo o município. As primeiras parciais já apresentam a lamentável média de 100 gramas de resíduos para cada metro linear de praia monitorada, com as bitucas de cigarro e objetos plásticos liderando os tipos de material encontrados.
Mesmo assim todas as equipes se encontram empolgadas para o desenvolvimento de projetos educativos que venham a reverter esse quadro num futuro próximo. Para um município com vocação para o turísmo "de natureza" esse é um assunto que deve ser tratado com muita atenção por toda a sociedade. A ASSU, por exemplo, já está em fase adiantada na elaboração do projeto Ação Ambiental Verão 2005. Projeto que visa envolver parceiros locais com objetivo de, assim com foi realizado no verão passado, levar educação ambiental e informações turísticas aos frequentadores das praias mais movimentadas do município.
Confira as regiões monitoradas e as entidades responsáveis pela ação local: Maranduba e Lagoinha (USUMAR), Fortaleza e Brava da Fortaleza (IPEMA), Domingas Dias, Lázaro, Sununga, Lamberto e trilha do Saco da Ribeira (FUNDESPA e IO), Ilha Anchieta (ACIA), Itaguá (GMA e Moto Clube Cruz de Ferro), Cruzeiro e Iperoig (APPRU), Barra Seca (Colégio Objetivo), Vermelha do Norte (APROVEN e AMEU), Itamambuca (API e SAI), Felix (ASSU), Puruba (SAPRAPU e Ecos), Picinguaba (CCP) e Camburi (Gondwana).
Seja responsável pelo descarte adequado de seus resíduos, nas praias e também nas cidades. (Fonte: ASSU)
 

Programação de eventos da semana

Ubatuba - Segue a programação de eventos da semana fornecida pela SETUR:
De 24 a 26
– 2ª Festa de Canoagem Caiçara, na Barra Seca Artesanato, shows musicais, bingo beneficente, apresentações culturais, corrida de canoas, barracas típicas e passeio ecológico de barco
De 24 a 27 – Semana do Idoso
Dia 25 às 19h – Baile da Melhor Idade, no Ginásio Municipal
Dia 26 às 16h – Bingo beneficente
Dia 27 de setembro às 9h - o encerramento na Praça
Capricórnio com manhã recreativa, e a presença da
Equipe de Avaliação Física da UNITAU, bem como o Chefe
de Departamento de Educação Física , Sr. Sergio
Querido, que oficiará a vinda do curso de Educação
Física para Ubatuba em 2005. Também acontecerá uma
apresentação do Grupo de Dança de Ubatuba.
Dia 25 – Festa da Primavera do Gaiato (Grupo Aberto à Infância e Adolescência e Técnicas Ocupacionais). Bingo beneficente com prêmios especiais confeccionados pelos educandos. Rua das Palmeiras, 200 – Ipiranguinha
Dia 25 a partir das 8h - 3ª Etapa da 1ª Copa Valin de Natação, na Piscina Municipal
Dias 25 e 26 – Encontro de Bandas Gospel e de Louvor, realizado pelo Comitê Jovem 14 no Ipiranguinha
Dia 26 – 3ª etapa do 8º Circuito Ubatuba de Águas Abertas a partir das 10h na praia da Barra Seca
De 27 de setembro a 06 de outubro – 18º Campeonato Mundial de Jogo de Damas, a ser realizado no Ubatuba Palace Hotel (Fonte: SETUR)
 

Ação Litoral

Opinião Topo

Creio que o texto abaixo, veiculado ontem pelo Correio Guaruçá, merece ser publicado pelo Litoral Virtual, dado sua pertinência para o momento. É mais um grito de alerta e também um profundo e triste lamento, com o qual me solidarizo integralmente.

Abraço.
Thomas De Carle

Ubatuba de luto
Márcia Fernandes*

Ubatuba veste-se de luto. Estão pintando suas ruas de preto. Vedando seus poros e encobrindo sua pele com um véu negro, tal qual uma viúva a quem se nega o direito de revelar sua beleza. Sob uma burka. Teria ela cometido algum pecado? Ou guardaria alguma culpa pelo fato de ser assim, tão exuberantemente bela?
Nunca sobrevoei a cidade, mas se o fizesse, que curiosa paisagem: de um lado a maravilha, natureza invejada e desejada pelo resto do mundo, pintada de verdes, azuis, brancos, lilases, dourados, todas as cores que se misturam e se distribuem por águas salgadas e doces. Matas, pássaros, peixes, pedras e areias.
Tudo em Ubatuba é exagero. A aparição de um tié-sangue já é um susto, a abundância de chuvas, um absurdo, a variedade de bromélias, um despropósito, a quantidade de praias, inigualável. Um metro quadrado de Mata Atlântica tem mais biodiversidade que toda a cidade de São Paulo. Exagero? Pode ser, mas só um pouquinho. Ubatuba é que é um exagero.
Do outro lado, a estátua branca de um Anchieta escrevendo, com o sangue dos Tamoios, poemas à Virgem. Prédios, edículas, edifícios cravados nas encostas dos morros, fachadas de antigos sobrados transformados em caixinhas e caixotes comerciais. Um paredão de carrinhos de sanduíches enormes ao lado de uma feira de artesanato made in 25 de março, dezenas de uns e noventa e noves, como não se vê, em qualquer outro lugar, favelas, manguezais devastados, bairros-refúgio de traficantes e mais, muito mais. Exagero? Não.
São tantos seus desencantos, que parecem não caber nesse espaço que se encerra entre a serra e o mar.
Mas mesmo sendo estreita essa pequena faixa de terra e areia, a irracionalidade e insensatez humanas, em sua profundidade inesgotável, consegue inventar mais uma modalidade nos jogos do poder, um novo ato de vandalismo: cobrir a cidade de piche. Um castigo semelhante àqueles medievais, o de jogar óleo fervendo nos inimigos, ou atirar pedras na pecadora, mas que pedras, se eles cobriram todas com esse piche de petróleo fedorento?
Aos habitantes do inferno não se desejaria tamanha crueldade. Talvez a justiça divina, percebendo que exagerou na extravagante natureza, tenha resolvido equilibrar a balança e nos brindar com uma dose equivalente de irresponsabilidade e ganância, qualidades que agregadas ao oportunismo, egoísmo, ignorância e à estética da miséria de caráter, fazem de Ubatuba uma cidade, assim, tão exagerada.
Mas isso já é uma outra história, que faz parte da mesma história, a triste história que o Condephaat deveria preservar e, além de não preservar, ajuda a escrever com piche preto. A história de um lugar que nega e esconde a sua própria história.
As pedras que calçam as ruas de Ubatuba não são como aquelas de Paraty. As pedras de Ubatuba são meros paralelepípedos, porém são eles que permitem que a chuva, fenômeno, aliás, nada raro por estas paragens, retorne ao solo e faça com que a cidade respire. São eles ainda um dos poucos traços e resquícios que poderiam diferenciar esta cidade de qualquer centrinho comercial de bairros descaracterizados, como aqueles que encontramos em grandes metrópoles. O calor abafado que esse asfalto produz é um velho conhecido de quem já passou por esses lugares e sabe o suficiente para nunca mais querer voltar ali. O fato é que não existe justificativa para esse calçamento forçado, às vésperas das eleições.
É redundante e cansativo enumerar aqui os efeitos que esse exagero de piche produzirá. Aguardemos o próximo verão, a temporada, as ocorrências de trânsito envolvendo ciclistas e motoristas, ambos irresponsáveis, mas em desigualdade de condições. É também repetitivo dizer quais são os reais objetivos dessa obra e a que interesses atende. Mas, pior do que tampar as ruas é vedar nossos olhos, nossa boca, nossa consciência. Essa é a asfixia maior. Ubatuba, atestando uma vez mais a sua exagerada insanidade, recebe a Primavera, toda coberta de preto. Ubatuba veste-se de luto.

Márcia Fernandes
é professora de música e teatro no Azul Marinho Cultural, em Ubatuba (SP)

Artigo Topo

Uma Grve de Irreponsáveis

Depois de três meses, ainda não chegou ao fim uma greve que mostra a fragilidade de nosso sistema político, bem como a própria democracia. Um Estado no vulto de São Paulo, com cinqüenta por cento da produção do país, não teve capacidade política durante todo esse tempo de solucionar uma paralisação no mais importante dos poderes de uma sociedade, o Judiciário.
Irresponsável o chefe do Judiciário Estadual, irresponsável o Governador do Estado, irresponsáveis os funcionários, cada um com sua parcela de culpa. O primeiro porque não se empenhou o suficiente para resolver o impasse assim que ele apareceu, precisando mesmo uma manifestação do Presidente do Superior Tribunal de Justiça sugerindo intervenção do Estado para apresentar proposta compatível com as reivindicações dos grevistas, mesmo assim esgotou a paciência de negociar encerrando o papo; o segundo porque deixa as coisas fluir sem rédeas, fazendo-se esbarrar na cômoda justificativa de que não haveria verba para pagar a diferença reivindicada; e os últimos, porque está faltando espírito cívico em entender que cinqüenta mil não podem privar por tanto tempo um dos principais serviços prestados à sociedade, a distribuição da justiça.
Presos estão vendo seus tempos de prisão vencidos sem que seja possível expedir mandado de soltura [direito à liberdade], outros tantos são soltos porque venceu o prazo das prisões temporárias sem que fossem julgados [direito de justiça], mães estão passando sérias dificuldades por não conseguirem executar o pai de seus filhos nas pensões alimentícias [direito da família], imóveis não estão sendo transacionados por falta de certidões expedidas pelo judiciário [direito de propriedade], contratos deixam de ser executados com sérios prejuízos para as partes durante todo esse tempos [direito das coisas] e por aí vai uma gama de serviços essenciais que somente podem ser prestados pelo Poder Judiciário, paralisado pela inépcia de seus dirigentes ou responsáveis.
Pior que tudo isso, já é possível contabilizar os prejuízos. Uma estatística publicada pelo jornal Folha de São Paulo nos dá notícia de que ao longo da greve, 12 milhões de processos ficaram parados, 400 mil audiências não foram realizadas e aproximadamente 1,2 milhão de novos processos não foram distribuídos nos fóruns. Operadores do direito, já com base em outros infortúnios dessa natureza, acham que vai haver um atraso nas decisões judiciais em caráter definitivo em no mínimo quatro anos, embora com a maior cara de pau o presidente do Tribunal de Justiça afirme que deverá haver um atraso de quatro meses. O Governador do Estado nem em atraso fala, mesmo porque quanto mais atrasar, mais ele se beneficia com os precatórios que há muito já deveriam ter sido pagos. Quanto aos funcionários, esses nem é bom falar. Sob o manto de trabalharem sem equipamentos e terem seus salários defasados, detonaram a greve. Agora, quando for acertado o salário, a disposição em por a casa em ordem não será das maiores, mesmo porque não se tem notícia de acelerar o cronograma de modernização do Judiciário Paulista e, cá que ninguém nos ouça, não há interesse que isso aconteça, mesmo porque até agora não faz parte da negociação.
Voltemos ao título. Essa greve foi promovida, alimentada e não está sendo finalizada porque seus componentes não passam de irresponsáveis.

Herbert Marques
Ubatuba, SP

Carta do Leitor Topo

Parabéns! - Parabéns pelo trabalho informativo sobre as eleições no Litoral Norte.
É de Veículos como o Litoral Virtual que a sociedade precisa.
Vamos em frente!

Jorge Lee
Gerente
Marketing de Relacionamento
Ubatuba, SP

Católicos e Política sem sectarismo - Como cidadãs nos sentimos na obrigação de registrar nossa preocupação com uma notícia que lemos, aqui mesmo, no Litoral Virtual, na edição do dia 22. A notícia a que nos referimos é sobre o pedido de votos do Bispo de Caraguá para os candidatos católicos. Como cidadãs democratas, respeitamos integralmente a autoridade e a competência de Dom Fernando Mason, porém, nos permitimos discordar totalmente de seu posicionamento político, quando diz que apenas os candidatos católicos devem receber os votos dos fiéis católicos.
Somos de uma família católica que sempre esteve ligada à política e nesses anos todos, em todas as eleições, o que sempre analisamos nos candidatos foram suas propostas e principalmente seus históricos políticos e até mesmo suas vidas pessoais, nunca a religião a que pertencem. Até porque a nossa própria Constituição é muito clara quando diz que todos os cidadãos são iguais perante a lei, independente de raça ou credo.
Na nossa família, sempre apoiamos candidatos comprometidos com a nossa comunidade, que pensam no bem de nossa gente e no futuro de nossa cidade. Entendemos que não é a religião que o candidato professa que irá nortear os rumos de um município e sim a sua idoneidade moral e ética. Na nossa avaliação, quesitos como honestidade, transparência, seriedade e comprometimento é que devem prevalecer na escolha dos candidatos. O eleitor tem que votar no candidato pelas suas qualidades e pelas suas propostas e não porque ele pertence a uma determinada igreja. Trabalhar pelo amadurecimento político e conscientização da população é uma ação nobre que merece o nosso apoio, porém, dizer que o voto tem que ser neste ou naquele candidato porque ele pertence a esta ou aquela igreja é, na nossa opinião, praticar o sectarismo.

Júlia e Otilia Balio Fava
Ubatuba, SP

Chega de Trincar os Dentes - Agora sim, até que enfim acertaram. Ao andar em Ubatuba principalmente eu que gosto de andar de bicicleta, podemos ouvir apenas o barulho do vento graças à pavimentação das ruas do centro e a retirada das famigeradas pedras que volta e meia faziam com que a gente mordesse até a língua e também danificavam os carros devido a trepidação. Está de parabéns a Prefeitura de Ubatuba e quem sabe se este benefício também não poderia ser estendido aos bairros. Vamos aguardar, pois o asfaltamento significa progresso , limpeza e é mais fácil de se fazer a manutenção. No item arborização, notamos a ausência de um programa eficiente que vise a proteção, implantação e conservação das árvores, pois as que ainda estão de pé, estão em estado bastante.

Eduardo G. Gomes
Ubatuba/SP

Fome indígena - Certo estava Jânio Quadros, quando governador, no episódio em que deparou-se com um ofício sobre sua mesa, enviado por certa universidade, que pretendendo fazer uma expedição para uma inexplorada região centra do Brasil, repleta de selva e índios, requeria do governador que autorizasse a extinta Força Pública do Estado de São Paulo, a fornecer determinada quantia de bombas de gás lacrimogêneo, para prevenir-se de possíveis ataques por parte dos supostos silvícolas, ao que o Governador Jânio Quadros responde, com o seguinte despacho: "Pedido indeferido. O Índio brasileiro já chora o suficiente sem gás lacrimogêneo".
Agora vejo com indignação a notícia abaixo transcrita, na qual o Ministério da Educação destina noventa e sete reais e vinte e quatro centavos ao programa nacional de alimentação indígena. O que se pretende com esse gesto? Manter, como regra, a fome crônica dos poucos sobreviventes desses povos?

Thomas De Carle
Ubatuba, SP

Fechamento da Rio-Santos - Comunico que em reunião ordinária, realizada em 22/09/04, a AMOCIJA - Associação de Moradores do Bairro Cidade Jardim, tomou a decisão de não aderir ao movimento noticiado na edição de 09/09/2005 sob o título "Morador ameaça fechar Rio-Santos" por entedender que a data sugerida para a paralização não ser oportuna.

Roberto Pereira Dias
Presidente da AMOCIJA
Caraguatatuba, SP

Foto do Dia Topo

Ubatuba

Praia do Itaguá - Ubatuba

Praia do Itaguá
©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Editora Assistente: Jullyany Roberta Cruz


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor