Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 08 de novembro de 2004 - Nº 1151 Edições Anteriores

Giorgio Portal da Palmeira Locação

Região
São Sebastião é a cidade do Litoral Norte com menos praias poluídas
Horário de verão favorece o bolso e a prática esportiva
Cidades investem mais de R$ 9 milhões em obras


Caraguatatuba
Primeira semana de moda
Campeonato Paulista de Pipas em Caraguá
Antônio Carlos e Álvaro Alencar podem disputar juntos eleições de 2006
1º Caiaquerê - em defesa do Rio Juqueriquerê

Ilhabela
Vereadores criticam criação de praia para cães

São Sebastião
Inscrições para 22º Concurso de Poesias “Nhô Bento” têm início dia 8
Acidente deixa feridos e interdita SP-55 durante aproximadamente três horas
Investimentos preparam porto de São Sebastião para "privatização"
Alckmin acompanha megaoperação na 3º
Porto recebia escravos e exportava ouro
Receita promove a "educação fiscal"

Ubatuba
Eduardo César determina data para anunciar secretariado

Seções
Carta do Leitor
Foto do Dia


Notícias da Região Topo

São Sebastião é a cidade do Litoral Norte com menos praias poluídas

Litoral Norte - Na região, São Sebastião é o município que está em melhor situação se comparada às outras três cidades, apenas com a praia do Porto Grande, no centro imprópria.
Ubatuba - Está imprópria a praia do Itaguá, na avenida Leovigildo, altura do número 240;
Caraguatatuba - duas praias Centro e Indaiá;
Ilhabela - Siriúba e Itaguaçu.
Horário de verão - O recurso simples e inteligente para economizar energia ainda é condenado por alguns poucos acomodados, mas é importantíssimo para o Brasil, principalmente após o susto da crise de energia de 2001.
A expectativa do Ministério de Minas e Energia é que o horário de verão proporcione, até 20 de Fevereiro, economia de até 5% no consumo de energia elétrica.
Pode até não ser um percentual vistoso, mas terá grandes resultados para as cidades do Litoral Norte e da Baixada neste período de verão, quando a região atrai turistas o suficiente para aumentar bastante o pico de eletricidade.
Ainda assim, é importante ter em mente que o horário de verão não basta. É preciso que ele venha acompanhado de responsabilidade no consumo - algo felizmente adquirido pela população brasileira depois do susto do apagão - e de investimento governamental. Evidentemente, usinas hidrelétricas não se constroem da noite para o dia, mas o desenvolvimento só será possível quando se definir um novo modelo produtivo para o setor elétrico, com reestruturação da relação entre geradoras, distribuidoras e consumidores.Além disso, está mais do que na hora de o Brasil conscientizar-se de suas riquezas naturais e investir mais em energia alternativa.

Horário de verão favorece o bolso e a prática esportiva

Litoral Norte - O horário de verão foi implantado na década de 30 pelo então presidente, GetúlioVargas.
A medida foi tomada para melhor aproveitamento da luz solar ao entardecer, o que proporciona uma redução no gasto de energia elétrica na ordem de até 6% e poupa os famosos "apagões". No Litoral Norte, moradores e turistas fazem da estratégia uma utilidade a mais, pois praticam esportes ou aproveitam o horário após o trabalho para ir à praia.
O Correio do Litoral  foi às ruas para saber o que a mudança no horário representa no cotidiano das pessoas.
Joana Barros, 40, dona de casa, explica que tem necessidade de acordar mais cedo para levar seus filhos à escola.
"Aproveito para caminhar um pouco também".
Já a subgerente de uma farmácia, Marivalda Ferreira, gosta mais desse horário pelo fato de o dia ficar `mais longo´.
"Dá para aproveitar um pouco no domingo e ir à praia".
Para a auxiliar de enfermagem Adriana Souza Barros, 35, o horário de verão aumenta seu tempo na praia.
"A vantagem é que quando saio do serviço, ainda está sol".
O aposentado Ismael Zago, 75, não gosta do horário porque atrapalha o sistema biológico do corpo.
"Não durmo direito e quando meu corpo se acostuma, é hora de mudar novamente".
De acordo com o segurança Jorge Luís, 22, quem lucra com o horário de verão é a companhia de energia elétrica. (Fonte: Correio do Litoral)

Cidades investem mais de R$ 9 milhões em obras

Litoral Norte - A alta temporada de verão se aproxima e o aumento do fluxo de turistas que circulam nas cidades da região quadriplica.
Pensando nisso, as prefeituras da região devem entregar até o final do ano, obras para melhor recepcionar os turistas e para desafogar o trânsito da região que, por sinal, se torna caótico.
Ao todo, as prefeituras devem investir na ordem de R$ 9,5 milhões em obras, que vão desde pavimentação de ruas e sinalização, até construção de pontes e ciclovias.
Caraguatatuba é a cidade que lidera o ranking nos investimentos. São mais de R$ 7 milhões previstos em obras. Entre as principais está a construção de uma ponte sobre o Rio Santo Antônio, no bairro do Indaiá, e a rotatória Antenor Trindade, no Jardim Primavera.
Além de facilitar o tráfego de motoristas e ciclistas na região, as obras vão ajudar quem circula em direção à zona sul ou centro da cidade. A prefeitura vai construir também 10 decks de madeira perto do Rio Santo Antônio, transformando o local em ponto de encontro para a paquera e pescaria.
Outra obra que vai aumentar a infra-estrutura turística da cidade é a revitalização da praça Diógenes Ribeiro de Lima, tornando o espaço um novo atrativo turístico, com área para piquenique, jogos de mesa,
feira de artesanato, quiosques, orquidário, banheiro público.
A praça também terá nova iluminação. Parte do calçadão Santa Cruz será prolongado até a Avenida da Praia.
O município também estará mais bem sinalizado com a instalação
das 176 novas placas de indicação de logradouros públicos, serviços, bairros e pontos turísticos.
No arquipélago, a prefeitura deve investir em torno de R$ 1,5 milhões.
A obra que se destaca é a conclusão da ciclovia, do bairro do Perequê até a Vila, com mais de cinco quilômetros de extensão. Revitalização de praças, troca de pontos de ônibus,sinalização e melhorias no acesso à balsa são outras obras que Ilhabela vai ganhar até o final do ano.
Na capital do surfe, a prefeitura investiu cerca de R$ 1 milhão referentes à pavimentação de ruas da região central da cidade, além da substituição de mais de 6 mil luminárias de vapor de mercúrio por outras de sódio em vários bairros da cidade.
Outra obra considerada de extrema importância para a cidade refere-se ao túnel que liga o bairro do Rio Escuro ao Monte Valério, com 11,5 km de extensão.
Já a Prefeitura de São Sebastião, com o objetivo de oferecer mais segurança e proporcionar opções de vida noturna aos moradores e milhares de turistas que visitam a cidade na temporada, está investindo na iluminação de praias.
São aproximadamente R$ 100 mil gastos na implantação do programa.
O secretário de Serviços Urbanos, Ueneri Reich, informa que ainda este ano, a Prefeitura pretende levar o projeto às praias de Maresias e Boiçucanga, na Costa Sul da cidade, bairros preferidos por turistas na temporada de verão.
"Trata-se de lazer com segurança. Assim, turistas e moradores podem praticar esportes e caminhadas após as 18h, sem precisar ter medo".
Já foram contempladas com o projeto de iluminação as praias Arrastão, Deserta e Porto Grande, na Costa Norte da cidade, e Barequeçaba, região central. (Fonte: Correio do Litoral)

Notícias de Caraguatatuba Topo

O Guaruçá Anuncie Aqui

Primeira semana de moda "Summer Fashion 2005"

Caraguatatuba - Caraguá vai sediar um grande evento de moda praia, o Summer Fashion 2005, que acontece em novembro (de 12 a 14) no Princes Clube. Além de mostrar as tendências da moda; os talentos e a cultura regional como influência para a Moda Praia Brasileira, o evento deverá fomentar os negócios na região.
A expectativa de público é de 6 mil pessoas durante os três (3) dias de evento. O Summer Fashion 2005 é voltado para o consumidor final e está sendo organizado pelo jornalista e consultor de moda, Karlos Ferreira. "Todo o glamour e a criatividade dos novos talentos, marcas e criadores foram convidados e serão vistos nos desfiles", afirmou.
Segundo o organizador, o maquiador de Gisele Bündchen, Carlos Carrasco é um dos convidados para o evento. "Entre os estilistas convidados, destacamos profissionais do São Paulo Fashion Week e Fashion Rio. O estilista Rober Doganani, principal nome do evento paulista "Semana de Moda Casa de Criadores" virá especialmente como convidado para o Litoral Summer Fashion. E quanto aos modelos, 60 profissionais femininos e masculino participam do evento", disse Ferreira.
O Summer Fashion 2005 trará exposições que retratam a história da moda, artesanato e apresentações de grupos culturais, palestras, dança e teatro da região. "Moda há muito tempo deixou de ser apenas sinônimo de glamour e frivolidade para tornar-se um poderoso fenômeno social e de grande importância econômica. É, hoje, instrumento de estudo histórico e sociológico, além de ditar comportamentos e tendências", disse.
O evento também tem fins solidários. Para assistir aos desfiles, palestras e apresentações será necessária a doação de 1 kg de alimento. O total arrecadado será entregue ao Fundo Social de Solidariedade de Caraguatatuba.

Programação
Exposições
100 ANOS DE MODA – "SENAC"
Local: Princes Club
O SENAC São Paulo trará uma exposição com uma retrospectiva através de fotos, textos e croquis dos estilistas mais significativos do cenário da moda nos últimos cem anos, exposta em mais de 200 painéis..

A Cara e o Corpo da Moda Brasileira
Local: FUNDACC – Fundação Arte e Cultura de Caraguatatuba
Moda Brasileira feita por Brasileiros. O tema serve de inspiração para a exposição assinada pelos fotógrafos Fernanda Calfat e Karlos Ferreira, homenageando todos aqueles que fazem a moda brasileira, dos estilistas aos modelos, que compõem um grande retrato da cara e do corpo da moda nacional.

Artesanato Fashion
Local: Princes Club
Artesãos de todo o litoral mostrarão seus trabalhos como: bolsas, chinelos, colares, acessórios e roupas em geral.

Desfiles
Serão ao todo 12 desfiles. Nesta temporada, o evento apresenta as coleções de nove (9) das mais importantes marcas e lojas da região, dois (2) desfiles de estilistas convidados um (1) defile com os Novos Talentos.

Concurso Novos Talentos
Visando descobrir novos talentos da moda na região, e em parceria com a Daphne Models - SP, o evento lança o Concurso Novos Talentos – inscrições para Estilistas, Maquiadores, Cabeleireiros, Modelos masculinos e femininos.
As inscrições serão abertas para estilistas, maquiadores, cabeleireiros, modelos femininos e masculinos.
A divulgação dos vencedores deve ocorrer 10 dias antes do evento.
Os vencedores se apresentarão no último desfile do ultimo dia, encerrando o evento.
O estilista vencedor vestirá os modelos vencedores, o make e hair serão feitos pelos cabeleireiros e maquiadores vencedores.

Apresentações Culturais
Durante os três dias de evento, grupos de dança e de teatro da região vão se apresentar contando, cada um em sua ótica a história da moda.

Summer Dance
No último dia, após os desfiles, haverá o Summer Dance, uma balada fashion no espaço destinado a esse tipo de entretenimento.

Palestras
Nesta edição, com apoio da ABIT , Senac e ABRAVEST, o evento oferece palestras de moda voltadas para os lojistas e público interessado, palestras de passarela e interpretação para candidatos a modelo e de beleza efetuadas pelo hair stylist Carlos Carrasco.

Maquiagem e cabelo
Carlos Carrasco, um dos maiores nomes da beleza no Brasil é quem assina o bauty do evento com assistência do Camarin Beleza – Equipe coordenada pelo hair stylist Wilton Alves.
Mais informações tel. 12 3883-9294 / 3881-1177.  (Fonte: PMC)

Campeonato Paulista de Pipas em Caraguá

Caraguatatuba - Caraguá vai sediar no dia 14 de novembro o Campeonato de Pipas e Papagaios. O evento acontece na Praça de Eventos, na Praia do Centro, com premiação para os melhores em Tamanho, Criatividade, Beleza e Engenhosidade, em suas respectivas categorias. O tema é livre. Para participar do campeonato, os interessados devem entrar em contato com a equipe de Sílvio Voce ou pelo site www.pipas.com.br.
Outro evento com destaque para as pipas, mas com objetivos educativos, é o Revoada Educativa, que aconteceria em outubro e foi adiada devido ao mau tempo. O evento irá oferecer, no mesmo dia e local, oficinas, distribuição de mais de 2.000 pipas, carreteis de linha, rabiolas e gibis educativos.
O projeto "Revoada Educativa - Pipas com Segurança" é realizado pela empresa Bandeirante Energia, Coats Corrente e Secretaria de Turismo. O objetivo é unir o lazer e a educação para ensinar as crianças como soltar pipas e papagaios com segurança. A empresa quer conscientizar sobre os riscos de acidentes como choques elétricos e cortes pelo uso de cerol nas linhas.
Vários monitores vão ensinar técnicas de empinar e construir uma pipa, aviões e planadores de papel. O material para confecção será distribuído gratuitamente. (Fonte: PMC

Antônio Carlos e Álvaro Alencar podem disputar juntos eleições de 2006

Caraguatatuba - A máxima diz que política é uma caixinha de surpresa e pode estar rondando Caraguatatuba. Isso porque o comentário da vez é a possibilidade de uma aliança entre o atual prefeito Antônio Carlos da Silva (PSDB) e seu rival, pelo menos até as últimas eleições, Álvaro de Alencar Trindade (PMDB).
O atual prefeito de Caraguatatuba, Antônio Carlos da Silva (PSDB), em entrevista à reportagem, não descartou a possibilidade de se unir a Álvaro Alencar Trindade e lançar candidaturas unidas, respectivamente a deputado federal e estadual.
"A união partidária do PSDB com o PMDB é válida, desde que haja coerência, isso é possível", comentou o prefeito que cumpre seu segundo mandato.
Antônio Carlos garantiu estar à disposição de seu partido.
"Posso ou não, sair candidato a deputado nas eleições de 2006. Depende de o prefeito de São José dos Campos (Emannuel Fernandes) sair candidato. A decisão não pode vir de baixo para cima. Vamos sentar todos juntos e ver o que é melhor para o partido".
Para o prefeito, a candidatura a deputado estadual pelo seu partido é mais fácil que a federal.
"Para estadual, precisaria de 70 mil votos, já para federal precisaria
do dobro. Mas ainda temos um ano e meio para definir. Agora, só penso em terminar meu mandato como prefeito".
O peemedebista Álvaro de Alencar Trindade (foto) disse que é difícil sair candidato junto com Antônio Carlos da Silva, mas não descartou a possibilidade.
"É difícil lançar candidatura junto com ele, a não ser que concorrêssemos a cargos distintos. É muito cedo para falar disso".
Trindade confirma que só sairá candidato a deputado estadual se o partido garantir uma boa estrutura de campanha. "Sem estrutura, como concorri na eleição municipal deste ano, é só sacrifício, é `fazer das tripas coração´ ".
Ele acredita que teria de conseguir 50 mil votos pelo PMDB para se eleger candidato estadual e mais de 100 mil para federal.
"Esta semana mesmo, um amigo me apoiou nessa futura candidatura. Mas acredito que os partidos vão começar a se mexer só a partir de janeiro do ano que vem". (Fonte: Correio do Litoral)

1º Caiaquerê - em defesa do Rio Juqueriquerê

Caraguatatuba - Estudantes do Barranco Alto, em Caraguá, fazem limpeza, passeata e gincana de conscientização no Rio Juqueriquerê, neste sábado. Mais de 150 alunos estão envolvidos. O evento faz parte do projeto 'Juqueriquerê: o rio pede socorro', apresentado na Itália e na Suíça, em outubro.
Alunos da Escola Estadual Ismael Iglesias, do bairro Barranco Alto promovem o 1º Caiaquerê no Rio Juqueriquerê neste sábado, dia 6 de novembro. Mais de 150 alunos (de 5ª a 8ª séries) em conjunto com a ACAJU (Associação Caiçara Juqueriquerê) e mais 25 caiaques participam de uma gincana e passeata de conscientização sobre a importância do Rio para a população.
A comunidade também está envolvida. O objetivo da passeata é também limpar o Rio. A saída está marcada para às 9h30 na rua principal do Barranco Alto (próximo à ponte). A limpeza será feita até a Boca da Barra e também por terra.
A gincana inclui várias provas no trajeto, como bicicletas e pipas temáticos, grito de guerra, cartazes, além da descida dos caiaques e limpeza do Rio. Tudo faz parte do projeto 'Juqueriquerê: o rio pede socorro' que já foi apresentado na Itália e na Suíça, em outubro. O projeto teve destaque na Conferência Nacional do Meio Ambiente, do Governo Federal, em 2003, sendo escolhido entre os cinco melhores.
Com a repercussão, o projeto foi adotado pela Ong 'Grito das Águas', do escritor Leonardo Moreli, secretário geral da Defensoria das Águas, órgão do Governo Federal responsável pela coordenação da despoluição das águas nacional e internacionalmente.
Segundo a diretora da Escola Estadual Ismael Iglesias, Silvia Regina Sgarbi, o Moreli se interessou pelo projeto por causa de sua característica social, pois os envolvidos são pessoas que dependem do Rio para sobreviverem. 'São as crianças que nadam no rio que estão sendo conscientizadas para a não poluição', disse a diretora.
Ela também contou que o projeto será apresentado no 1º Fórum das Águas Costeiras, em Paraty no dia 27 de novembro; e que nos dias 11 e12 de dezembro a Ong 'Grito das Águas' oferecerá um curso técnico em Caraguá sobre Gestão Ambiental com representantes da Universidade Federal do Rio de Janeiro. São 100 vagas para o curso, que é gratuito. (Fonte: PMC)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Sailing Shop

Vereadores criticam criação de praia para cães

Ilhabela - A proposta da ONG (Organização Não-Governamental) Ilhabela.Org de criar uma praia só para cães no arquipélago vem gerando polêmica na cidade e não foi bem-aceita pelos vereadores.
Alguns acharam a idéia até criativa, mas para a maioria, os impactos ambientais tornam o projeto impossível.
Também conhecida como Parque Canino, a proposta demarca uma praia específica para que moradores e turistas possam levar seus cães ao mar.
A área delimitada, segundo o projeto, seria do centro náutico até a balsa, onde há uma extensa faixa de areia pouco atrativa para os banhistas.
Apesar de defender uma vida digna para os cães, a vereadora Nanci Peres de Araúlo Zanato (PTB) se declarou contra a idéia.
Para ela, o cão transmite bicho geográfico e as fezes e urina dos animais seriam levadas para outras praias, através da corrente marítima.
"Acho mais importante lutarmos sim, pelo Centro de Zoonoses".
O vereador tucano José Pereira Brandão concorda com a colega.
"É proibido levar cachorros à praia, além disso, os organismos dos cães e dos humanos são diferentes".
Luiz Lobo (PL) e Jadiel Vieira (PV), o Keko, também criticaram a idéia.
"Não existe praia particular para humanos, por que existir para cachorros?", indaga Keko.
"A idéia não é má, mas não vai funcionar, praia não é lugar para cachorros".
Os únicos simpatizantes da proposta foram Almir Mariano (PPS) e o parlamentar eleito para a próxima gestão, o jovem José Roberto de Campos (PMN), o Beto. (Fonte: Correio do Litoral)

Notícias de São Sebastião Topo

anuncie aqui Superchic

Inscrições para 22º Concurso de Poesias “Nhô Bento” têm início dia 8

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião, por intermédio da Secretaria de Turismo e Cultura (Setec), dá início, hoje, dia 8, às inscrições para o 22º Concurso de Poesias “Nhô Bento”. Podem participar somente poetas do Litoral Norte e do Cone Leste Paulista.
Cada autor deverá inscrever uma poesia inédita, em qualquer estilo ou forma, em sete vias digitadas em papel ofício A4 (fonte Arial ou Times New Roman, tamanho 12) identificadas pelo pseudônimo do autor.
Mediante a apresentação de cópia do RG ou certidão de nascimento, as inscrições serão feitas em dois envelopes. O envelope nº 1 deverá conter a ficha de inscrição devidamente preenchida; o envelope nº 2, as cópias da poesia. Os dois envelopes serão identificados pelo pseudõnimo do autor. Será desclassificada a poesia que identificar o nome do autor.
Uma comissão de especialistas será designada pela Setec para julgar os trabalhos. Primeiramente será realizada uma pré-classificação com a escolha dos 15 melhores trabalhos.
A divulgação das poesias pré-classificadas e autores será feita através dos jornais Imprensa Livre e Correio do Litoral e rádios Beira-Mar e Morada FM.
As poesias selecionadas serão apresentadas pelo autor ou intérprete de sua escolha na Setec no dia 27 de novembro, às 20h. A ausência do autor ou de seu representante implicará na desclassificação da obra. Na noite de apresentação, a comisssão julgadora classificará cinco poesias que serão premiadas e apresentadas sem ordem de classificação.
Serão concedidos certificados de participação a todos os autores selecionados no concurso.
Além das cinco poesias, serão atribuídas duas menções honrosas. A primeira receberá a Honra ao Mérito “Álvaro Dória Orselli”, ao Poeta Revelação. A segunda receberá a Honra ao Mérito de Melhor Intérprete “Professor doutor José Machado Rosa”. Ambas serão escolhidas pela comissão julgadora.
Os interessados devem se inscrever até o dia 12 de novembro, das 12h às 17h, no Departamento de Cultura, que fica na rua Altino Arantes, 174, no Centro. Maiores informações através do telefone 3892-2620.
Em média, os concursos anteriores atraíram cerca de 30 inscritos. A faixa etária dos participantes varia de 10 a 80 anos.
O Concurso - O concurso leva o nome de Nhô Bento em homenagem ao poeta sebastianense, que nasceu em 1902 no bairro Pontal da Cruz. Ainda jovem, ele foi para São Paulo. Seu livro “Rosário do Capiá”, reunindo 58 poesias, foi um dos grandes trabalhos do autor. Foi editado em 1946, com prefácio de Monteiro Lobato.
O festival procura resgatar o tempo dos senhores de engenho, das sinhazinhas, dos ricos comerciantes e dos jovens que freqüentavam saraus literários, onde se declamava poesia e boa música (de cravo e violino).
Edição anterior - No ano passado, as cinco poesias vencedoras foram: “Ainda te amo”, de Juciara Ramira dos Santos; “Sonho de Menino”, de Maura Cristina da Silva; “Menino da Terra”, de Luana de Fátima de Carvalho e Souza; “Porteira Fechada”, de Walter Santana de Jesus; e “Tributo a noctiva flor”, de Servo de Jesus Oliveira. Na ocasião, o júri também elegeu o poeta revelação, prêmio que foi para Suillan Miguez Gonzáles, com a poesia “Duplo Soneto ao Nhô Bento”. O prêmio de melhor intérprete foi para Fernanda Della Guardia Nascimento, que interpretou a poesia “Lua”. (Fonte: PMSS)

Acidente deixa feridos e interdita SP-55 durante aproximadamente três horas

São Sebastião - Um acidente deixou dezenas de feridos e interditou a SP-55 durante aproximadamente três horas, na tarde do último sábado. A colisão envolveu quatro veículos, sendo dois ônibus, um da Viação Litorânea, placa BIR 9406, da cidade de Aparecida, e outro da empresa Enob, placa BWU 2423, da cidade de Imbu. Os outros dois veículos foram um Gol e uma Kombi, ambos da empresa Volkswagen e registrados respectivamente com as placas CIU 5341 e BVO 4243, de São Paulo.
Segundo o boletim de ocorrência registrado no 2º distrito da Policia Militar em São Sebastião, o acidente aconteceu por volta de 14:10h, na altura do 175.3Km, em Juquehy, na Costa Sul de São Sebastião, e a rodovia foi liberada somente às 17:30h. O boletim não apresenta o número de passageiros que viajavam em cada veículo.
“Nós estávamos indo sentindo São Sebastião e quando viramos a curva o outro ônibus estava atravessado no meio da pista. Eu acho que o motorista não teve tempo de frear”, disse Meire Pereira, moradora de São Paulo que viajava no ônibus da Viação Litorânea.
“Nós sentimos como se estivéssemos caindo de um precipício, porque os impactos foram muito fortes e pareciam não acabar nunca. Senti muito medo de morrer, mas graças a Deus não fiquei sequer ferida e isso foi um milagre”, ressaltou Meire, que embarcou no veículo no Terminal Jabaquara às 10:30h e pagou R$ 23 pela passagem.
Meire viajava com o seu namorado, que sofreu escoriações nos braços e pernas. Ambos demonstraram a intenção de adotar procedimentos jurídicos contra as empresas proprietárias dos veículos.
“Nós perdemos as nossas pranchas de surfe e meu namorado sofreu ferimentos nos braços e pernas. Eu creio que o mínimo que as empresas podem fazer é ressarcir o dinheiro que nós gastamos nas passagens e cobrir o dano do nosso equipamento de surfe”, completou Meire, que assim como muitos outros motoristas, desistiu do fim de semana no Litoral Norte e voltou para a capital paulista.
As vitimas do acidente foram encaminhadas para as unidades de Pronto Socorro de Boiçucanga e do centro de São Sebastião. “Nenhum óbito foi registrado aqui e em geral os ferimentos dos passageiros podem ser considerados brandos. Os casos mais sérios foram os dos motoristas de ambos os ônibus, que sofreram traumas cerebrais e ficarão em observação, e de uma garota que chegou desacordada e foi encaminhada para a tomografia”, ressaltou Telma Aparecida Luz Santos, enfermeira do Pronto Socorro do centro de São Sebastião. (Fonte: Imprensa Livre)

Investimentos preparam porto de São Sebastião para "privatização"
Estado melhora infra-estrutura de terminal e inicia processo de arrendamento em 2005

São Sebastião - Os investimentos feitos no porto de São Sebastião pelo governo do Estado, melhoram sua infra-estrutura, agilizam importações e exportações e atraem interesses de empresas nacionais e internacionais. O Estado, através da Secretaria de Transportes, pretende dar início ao processo de privatização do porto a partir do início de 2005.
Nos últimos anos, o Estado investiu R$ 4 milhões na implantação de dois dolphins (estrutura que permite atracação de navios de maior porte) e no projeto de ampliação. Outros R$ 4,7 milhões devem ser investidos a partir do ano que vem em obras de pavimentação de pátios, dos acessos e de três novos armazéns.
O projeto de ampliação, ainda em execução, prevê investimentos na ordem de R$ 57,8 milhões na construção de dois novos berços de atracação (o porto tem um berço apenas) e o aumento do calado (profundidade), de 8,5 metros para 14 metros. O projeto destina ainda R$ 20 milhões para equipamentos.
O secretário dos Transportes, Dario Rais Lopes, disse acreditar que até o final deste ano, o Estado inicie o processo de arrendamento do porto para a iniciativa privada.
"São Sebastião deverá se transformar no porto de São Paulo, principalmente, destinado à exportação e importação de cargas de alto valor agregado (carros, produtos eletro-eletrônicos)", afirmou.
Segundo Rais, empresas italianas, chinesas e japonesas demonstram interesses em operar o porto de São Sebastião. Outras quatro empresas nacionais, especializadas na operação de terminais de carga, também demonstraram o mesmo interesse.
Os investimentos e as boas notícias referentes ao porto, também tem agradado ao empresariado. "Antigamente, falavam muito mas pouco era feito. Agora, o Estado tem feito um trabalho sério no sentido de melhorar as condições do porto, para transformá-lo num das melhores opções para as indústrias do Vale do Paraíba", comentou o diretor regional do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), José Cividanes.
Divercidade - O gerente do porto, Paulo Rogério de Souza Almeida, afirmou que a partir dos investimentos aumentou a procura por parte das empresas interessadas em importar ou exportar por São Sebastião. "Os investimentos geram renda, empregos e movimentam a economia da cidade", disse.
Este ano, o porto já movimentou 292,5 mil toneladas de cargas. Foram importadas de países como China e Argentina, 276 mil toneladas malte, cevada, barrilha e produtos químicos. A exportação atingiu 16,5 mil toneladas (carros, caminhões e gado) para Venezuela, Argentina e México.
Segundo Almeida, empresas que trabalham com a importação e exportação de enxofre, açúcar, uréia e sucata, fizeram consulta para utilizar o porto. Na próxima terça-feira, às 10h, com a presença do governador Geraldo Alckmin, o porto fará uma megaexportação de veículos da GM (General Motors) (leia texto nesta página). (Fonte: ValeParaibano)

Alckmin acompanha megaoperação na 3º

São Sebastião - Nesta terça-feira, a GM (General Motors) exportará 4.540 veículos dos modelos Astra, Corsa, Meriva e Montana, fabricados nas unidades de São José dos Campos e São Caetano, para o México. A operação, que será acompanhada pelo governador Geraldo Alckmin, inaugurará oficialmente os dois novos dolphins construídos pelo Estado.
Antes da construção dos dolphins, a estrutura do porto permitia receber navios com capacidade para até 2.500 veículos. O navio Prince Number 1, da empresa norueguesa Hual, que fará o transporte dos carros da GM mede 195 metros de comprimento.
A exportação de veículos foi reiniciada em abril deste ano. A Volkswagen já exportou 7.000 carros para a Argentina. A Fiat, experimentalmente, exportou 500 também para o mesmo país. A GM que fará sua primeira exportação por São Sebastião, pretende movimentar 50 mil carros por ano.
Segundo o gerente do porto, Paulo Rogério de Souza Almeida, a Ford já fez consultas para exportar seus modelos também por São Sebastião.
"Uma operação como a que será realizada na terça-feira gera 250 empregos diretos e outros 250 indiretos", afirmou Almeida.
O porto de São Sebastião movimenta cerca de 400 mil toneladas anualmente. A partir dos investimentos do Estado e do projeto de ampliação, o terminal terá capacidade para movimentar, a partir de 2010, um volume de três milhões anuais, segundo o secretário de Transportes, Dario Rais Lopes.
"Isso será possível, porque, o Estado também investe em obras de melhorias nas rodovias que dão acesso ao porto, como as rodovias dos Tamoios e Rio-Santos." (Fonte: ValeParaibano)

Porto recebia escravos e exportava ouro

São Sebastião - São Sebastião sempre foi um porto natural, graças a profundidade das águas e do abrigo garantido por Ilhabela. Na época em que o Brasil ainda era colônia, a cidade exportava o ouro recolhido nas Minas Gerais e recebia os escravos que vinham dos países africanos.
O primeiro projeto para transformar o terminal em um porto comercial foi de autoria do engenheiro Casemiro Mottet, em 1892. Não houve recursos.
Apenas em 1938 o governo federal liberou verba para a obra que levou seis anos para ser concluída. O primeiro armazém para carga veio em 1964. As indústrias do Vale do Paraíba começaram a utilizar o porto em 1968. Em 1989, o Estado também investiu em obras de ampliação. (Fonte: ValeParaibano)

Receita promove a "educação fiscal"

São Sebastião - A Delegacia da Receita Federal de São Sebastião vai realizar a 2ª Semana de Educação Fiscal, entre terça e quinta-feira, com o objetivo de promover a conscientização sobre a importância do pagamento de tributos ao Estado. Todos professores que participaram da primeira semana, realizada em agosto, serão convocados para se inscreverem no programa. Em São Sebastião, o evento acontece no Teatro Municipal; em Ubatuba, no anfiteatro da Unitau e em Caraguá, na Fundacc, sempre a partir das 8h. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Foto do Dia

Eduardo César determina data para anunciar secretariado
Somente no dia 22 de dezembro Eduardo César irá anunciar os nomes que comporão sua equipe de governo

Ubatuba - O prefeito eleito Eduardo César decidiu marcar para o dia 22 de dezembro a data para apresentar à comunidade de Ubatuba os nomes dos secretários e assessores que irão compor o primeiro escalão da sua administração. “São cargos de confiança do prefeito, que exigem conhecimento técnico, político e muita responsabilidade”, afirmou Eduardo César lembrando que não há nenhum nome definido ainda para ocupar qualquer secretaria. Segundo o novo prefeito, o que há, na verdade, é muita especulação. “Queremos o melhor para o município e isso tem que se refletir na escolha da nossa equipe”, reafirmou.

Compromisso assumido
- O que realmente existe, segundo Eduardo César, é o compromisso assumido durante a campanha, com alguns segmentos da sociedade, de escolher um entre os nomes apresentados por eles. Dessa forma, os responsáveis pelas Secretarias de Educação, Meio Ambiente, Arquitetura e Urbanismo, além da Guarda Municipal, serão escolhidos pelo novo prefeito a partir de uma lista de nomes apresentada pelas categorias. “Os demais cargos serão escolhidos através de critérios técnicos, de competência profissional e especialmente pessoas da minha confiança. Afinal, a proposta de resgatar Ubatuba depende também do comprometimento dessas pessoas que estarão me auxiliando na administração”, declarou.

Governo Participativo
- Eduardo César fez questão de salientar que algumas pessoas da comunidade têm confundido a proposta de governo participativo, que norteou sua campanha, com a prerrogativa do prefeito eleito de escolher sua equipe de trabalho. “Tenho sido informado que existem muitas listas circulando pela cidade indicando esse ou aquele nome para essa ou aquela secretaria. O que eu quero é que essas pessoas entendam que governo participativo é a forma que vamos administrar Ubatuba e não como vou escolher as pessoas que estarão me assessorando diretamente na administração”, disse Eduardo.

Governo de transição
- Nesta semana deverá ter início a transição dos governos. O pedido de Eduardo César já foi encaminhado e não deverá haver empecilho do atual Prefeito, já que ele declarou publicamente que não criará obstáculos que comprometam a temporada de verão 2005. A partir do diagnóstico da equipe de transição é que serão estabelecidos os perfis dos secretários. “Com isso poderemos escolher com mais clareza e objetividade as pessoas que deverão ocupar os cargos”.
Ainda segundo Eduardo, a data de 22 de dezembro marcada para anunciar a composição de seu secretariado é uma alusão ao inicio do verão, fundamental para Ubatuba, e “ao número que me deu a oportunidade de resgatar e construir a cidade que todos queremos para nós e para as gerações futuras”, concluiu. (Fonte: Divulgação)

Ação Litoral

Carta do Leitor Topo

"Colhemos aquilo que plantamos" - Parabéns pelo seu brilhante artigo "Colhemos aquilo que plantamos", em que aborda com muita propriedade o problema da pretensa "oficialização" de ruas de parcelamentos irregulares do solo por meio de leis que lhes atribuem um nome.
Além dos problemas que você bem destacou, tais pretensas "oficializações", ao não especificar a extensão e tampouco a largura da via, causam graves problemas administrativos, uma vez que fica indefinido qual seria o alinhamento dos imóveis, cuja demarcação é imprescindível para que se definam, com clareza, os limites entre a propriedade privada e a via de domínio público. Inúmeros são os conflitos desse tipo que têm sobrecarregado a administração municipal com toda a sorte de demandas e ações, como vistorias técnicas, intimações, audiências no Ministério Público, ações judiciais etc. Além do que, a infra-estrutura e áreas institucionais e de lazer do parcelamento que deixam de ser implantadas pelo "loteador" - que é quem está legalmente obrigado a executá-las - mais tarde acaba sendo cobrada, pela população lesada e forças políticas a ela associadas, da Prefeitura. No final, a resolução do problema acaba sobrando novamente para o poder público, onerando ainda mais o já tão apertado orçamento municipal e, em conseqüência, o bolso de todos nós, contribuintes.
Assim, faz-se oportuno lembrar que promover loteamento ou desmembramento sem a aprovação da Prefeitura e demais órgãos públicos constitui "crime contra a Administração Pública", passível de pena de reclusão "de 1 (um) a 4 (quatro) anos, e multa de 5 (cinco) a 50 (cinqüenta) vezes o maior salário mínimo vigente no País", nos termos do Art. 50 da Lei Federal no 6.766, de 19 de dezembro de 1979, cujo Art. 51 estabelece que "Quem, de qualquer modo, concorra para a prática dos crimes previstos no artigo anterior desta Lei incide nas penas a estes cominadas". (grifei)
Portanto, vem em muito boa hora esse seu grito de alerta, sobretudo porque vivemos este período de transição entre os atuais e os novos mandatos legislativos e executivos, época bastante propícia para refletirmos sobre nossos problemas, suas causas e como solucioná-los, tentando moldar um futuro melhor para nossa cidade e para nós todos, seus cidadãos.
Com um abraço

Gilmar Rocha
Ubatuba, SP


Câmara Nova .... Esperança Nova
- Quando o vereador Wagner Teixeira foi indicado pelo atual prefeito Paulo Julião para a sub-prefeitura de Boissucanga, em carta a essa redação alertei ao jovem edil que se cuidasse com os lobos.
O rapaz apesar de sua pouca idade e iniciante na administração pública procurou desenvolver um trabalho em prol da nossa comunidade, se não fez melhor , é porque estava fora de seu alcance e não teve todo apoio para que desenvolve-se um trabalho mais significativo.
Mas.... seu esforço não foi em vão, tanto foi reconhecido, que hoje foi eleito com grande margem de votos, a distância entre o segundo colocado foi enorme , e mais um pouco teria mais votos que o atual alcaide, alias, não vai deixar saudades.
Da mesma maneira que cresceu o numero de eleitores que votaram em você Wagner, cresceu sua responsabilidade, não se esqueça que será cobrado, o futuro dirá se você vai ser lembrado como um bom representante dos que o elegeram ou vai cair no ostracismo como os demais.
Sorte e saúde.
Abraços aos amigos

Francisco José Marsiglia
São Sebastião, SP

Ubatuba, o município-feira - Tomei conhecimento via fonte fidedigna, que na terça feira próxima será votado pela câmara legislativa de Ubatuba, projeto de lei que autoriza o poder executivo conceder trinta licenças para artesãos na praça Santos Dumont e mais cento e cinqüenta para ambulantes, a serem fixados por toda orla, incluindo a do Itaguá. Informou também que a "feira de eventos" anteriormente instalada na Praia Grande, será transferida e edificada no lote vazio em frente ao inadequado "parquinho" do Trombini, dividida em dezenas de cubículos de doze metros quadrados, onde serão comercializados produtos de todo gênero. Creio que a gradativa e acelerada transformação da orla, compreendendo praias, praças, lotes e passeios públicos em feiras, sem prévio planejamento e avaliação das conseqüências decorrentes do impacto dessas medidas no ambiente urbano, como trânsito, estacionamento, segurança, sanitários públicos, reflexo no comercio formal etc., inviabilizará qualquer tentativa de RESGATAR o turismo em Ubatuba, menos ainda proporcionar ao município um futuro mais promissor. Parece tratar-se da política do "quanto mais confuso, amador e brega, melhor". Lastimável.

Thomas De Carle
Ubatuba, SP

Foto do Dia Topo

Para participar desta seção basta enviar as fotos com crédito do autor e legenda, no tamanho mínimo de 1024 x 768 pixels com resolução de 72dpi para fotododia@litoralvirtual.com.br
O envio de foto caracteriza autorizada a sua publicação e identifica o remetente como autor.

Ubatuba-SP

Barco em Maranduba - Emilio Campi


Barco em Maranduba
©2004 Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia
 

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Editora Assistente: Jullyany Roberta Cruz


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor