Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 21 de fevereiro de 2005 - Nº 1223 Edições Anteriores

Litoral Virtual Nautica

Região
Encontros reúnem dirigentes do turismo do Litoral Norte e Vale do Paraíba
Câmaras ocupam prédios históricos
Presidentes querem novas construções
Escolas recebem vídeos sobre Biodiversidade

Caraguatatuba
Leis municipais impedem CDP e aterro em Caraguatatuba
Secretaria de Turismo faz parceria com Faculdades Módulo
Prefeitura de Caraguá alerta sobre perigos de podar árvores
Aguilar presta contas na Câmara
Vereador AG Pereira se ausenta 15 dias
Aguilar atende pedidos do Vereador Aurimar
Germino luta por transporte e Bolsa Universitária
Aterro Sanitário para o Litoral Norte

Ilhabela
Autoridades Políticas prestigiam aniversário do Pastor Ricardo
Ilhabela tenta rever zoneamento
Ciclistas são roubados em trilha de Ilhabela

São Sebastião
Secretário de educação municipal reune-se com secretário estadual de educação
Prefeito recebe Deputado Estadual Arnaldo Jardim (PPS)
Jardim avalia gestão de Dr. Juan e fala sobre o partido
Marinha investiga incêndio em barco
Ubatuba recebe comitiva chilena

Ubatuba
Prefeito indica presidente transitório da Comtur
Ubatuba recebe comitiva chilena
Prefeitura consegue 44 toneladas de feijão
Secretaria de Esporte e Lazer abre novas vagas para escolinhas
Secretaria de Obras realiza operação no Corcovado e Rio Escuro

Seções
Artigo
Opinião
Carta do Leitor
Foto do Dia


Notícias da Região Topo

Encontros reúnem dirigentes do turismo do Litoral Norte e Vale do Paraíba

Litoral Norte - Os secretários de turismo das quatro cidades do Litoral Norte paulista estiveram presentes em importantes reuniões sobre turismo na região. Estiveram presentes Paulo de Tarso, delegado regional da Secretaria Estadual de Turismo e Francine Del Pozzo, assessora da Secretaria Executiva de Turismo de São Paulo.
No primeiro encontro, que aconteceu em Ilhabela, no dia 17, firmou-se uma parceria entre as secretarias das quatro cidades do Litoral Norte e foi decidida a reativação do Circuito Costa Verde, que coloca o Litoral Norte como um importante pólo turístico no contexto nacional. Foram discutidas uma série de assuntos de interesse do desenvolvimento do turismo regional, tais como: sinalização, integração, pacotes turísticos e pontos fortes da região a serem explorados.
O Fórum Regional de Turismo do Vale do Paraíba, que aconteceu em Lorena, no dia 18, foi o segundo grande encontro, contando com a presença de mais de 30 secretários de turismo de todo o Vale do Paraíba e Litoral Norte Paulista, além do secretário executivo Marco Antônio Castello Branco. O encontro foi permeado pelas discussões acerca dos circuitos turísticos da região que estão sendo preparados pela Secretaria de Turismo do Estado. Roteiros como: Circuito Costa Verde, Circuito das Frutas, Estrada Real, Circuito de Tropeiros e Religioso estão sendo analisados
Todos os municípios que estiveram presentes no encontro ficaram com a incumbência de profissionalizar seus produtos turísticos, afim de estabelecer um padrão capaz de atrair o turismo de boa qualidade, com destaque internacional.
As secretarias de turismo do litoral norte, que compõem o circuito Costa Verde, definiram que o principal foco a ser trabalhado e o produto a ser oferecido é o ecoturismo. O Secretário de Turismo de Ubatuba, Luiz Felipe Azevedo explica que nossas maiores riquezas são as belezas naturais, que estão cada vez mais ligadas à preservação. “Temos produtos formatados e prontos, como o Núcleo Picinguaba, Parque da Serra do Mar e Ilha Anchieta. Agora, a profissionalização do turismo em Ubatuba passa a ser uma condição crucial e o nosso próximo passo para o desenvolvimento da cidade”. (Fonte: PMU)

Câmaras ocupam prédios históricos
Legislativos de Ilhabela, Ubatuba e São Sebastião funcionam em espaços que poderiam ter uso cultural

Litoral Norte - A Câmara de Ilhabela ocupa indevidamente desde 2001 um anfiteatro construído com recursos do Ministério da Cultura. Segundo denúncia a Ong (Organização Não Governamental) Sociedade Amigos da Biblioteca de Ilhabela. A ong tenta na justiça reaver o espaço que garante pertencer a biblioteca municipal.
Segundo a presidente da ong, Estela França, apesar do prédio ser público, a anfiteatro foi construído em local que pertencia a biblioteca. O governo federal investiu R$ 52 mil para fazer o anfiteatro, que tinha entre seus objetivo abrigar os eventos culturais, como peças teatrais, exibição de filmes, palestras e oficinas culturais.
Estela, afirmou que Ilhabela até hoje não possui um espaço destinado à cultura e que o uso do anfiteatro faz falta ao município. A ong foi criada em 2001 com o objetivo de defender os interesses da biblioteca e do anfiteatro. O anfiteatro tinha capacidade para 100 pessoas.
Em 2001, o prefeito Manoel Marcos de Jesus Ferreira (PTB) cedeu o anfiteatro e as salas de leitura da biblioteca para a câmara, atendendo solicitação feita pelo então presidente Carlos Alberto de Oliveira Pinto(PMDB). Foram feitas algumas reformas para adequar o espaço às necessidades do legislativo.
Segundo a ong, o anfiteatro foi cedido em caráter temporário até que a câmara fosse instalada em um outro local. Como o legislativo não mostrou interesse em deixar o local, a ong iniciou em 2003 um movimento na cidade para retomar o anfiteatro.
Foi protocolada pela ong uma representação no Ministério Público, reivindicando a devolução do espaço para a biblioteca Dr. Renato Lopes Correa. No ano passado, a campanha ganhou as ruas da ilha por meio dos adesivos: " Vereadores, antes de terminar o mandato devolvam o anfiteatro da biblioteca, espaço cultural do povo de Ilhabela".
O prefeito Manoel Marcos de Jesus Ferreira (PTB) disse que cedeu o anfiteatro para a câmara porque o prédio que vinha sendo utilizado pelo legislativo encontrava-se em condições muito precárias. A câmara funcionava em um prédio que abrigou o antigo fórum e a cadeia pública da cidade.
Ferreira afirmou taambém que apesar do anfiteatro ter sido construído com verbas do Ministério da Cultura, a prefeitura tem autonomia sobre o espaço. Segundo ele, quando o legislativo construir seu novo prédio o anfiteatro será devolvido à biblioteca.
O presidente da câmara, Luiz Lobo (PL), afirmou que pretende construir um novo prédio no bairro do Perequê onde já está instalado o paço municipal. "Tenho medo de que a ação impetrada pela ong obrigue os vereadores a deixarem o local a qualquer momento", afirmou. (Fonte: ValeParaibano)

Presidentes querem novas construções

Litoral Norte - Os presidentes das câmaras de Ubatuba e São Sebastião, Jairo dos Santos (PT) e Wagner Teixeira (PV), defendem a construção de novos prédios para abrigar o legislativo em suas cidades. As duas câmaras ocupam prédios históricos, tombados pelo Condephaat( Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arquitetônico e Turístico do Estado de São Paulo).
Os dois presidentes afirmam que os prédios atuais não atendem as necessidades do legislativo e que qualquer alteração ou reforma dependem de aprovação do Condephaat. Santos afirmou que o prédio que abriga a câmara tem problemas no telhado, no piso e na fiação elétrica.
Teixeira afirmou que como o prédio não comporta toda a estrutura do legislativo é obrigado a gastar mais de R$ 15 mil mensais com aluguel de outros dois pontos comerciais.
"Já falei como prefeito Eduardo César (PL) e até 2006 deveremos iniciar a construção de um novo prédio para a Câmara de Ubatuba", disse Santos. Para isso, ele deve economizar o orçamento de R$ 1,4 milhões para garantir dinheiro para a compra do terreno.
O prédio de estilo colonial, ocupado pela Câmara de Ubatuba, foi construído na segunda metade do século 19 e tombado pelo Condephaat em 85. No local já funcionaram a cadeia, a prefeitura, o fórum e até o museu de história pedagógica de Ubatuba.
Em São Sebastião, o prédio onde funciona a câmara foi construído no século 18, também em estilo colonial. O local também foi sede da prefeitura entre as décadas de 490 a 60. O prédio foi tombado pelo Condephaat em 69.
Santos e Teixeira defendem a construção dos novos prédios, justificando a necessidade de mais espaço para o legislativo trabalhar e, também dos atuais espaços serem transformados em museus ou fundações culturais. (Fonte: ValeParaibano)

Escolas recebem vídeos sobre Biodiversidade
Vale Verde entrega 200 cópias durante o lançamento no Módulo

Litoral Norte - A Vale Verde entregou na última quinta-feira, dia 17, 200 cópias do vídeo-documentário ‘Biodiversidade do Litoral Norte, o que você tem a ver com isso?’ para as secretarias municipais de Educação de Caraguá, Ubatuba, Ilhabela e São Sebastião, Diretoria Estadual de Ensino do litoral, secretarias municipais de Meio Ambiente e instituições como biblioteca, Museu de Arte e Cultura, Parque Estadual, Apae de Caraguatatuba, Diocese do LN, Conselhos e Ongs de todo o litoral.
A entrega oficial do vídeo às entidades aconteceu na presença do diretor do Módulo, Alexandre Gonçalves Nogueira, um dos fundadores da Vale Verde, André Miragaia, e do secretário municipal de Meio Ambiente de Caraguá, Auracy Mansano, e convidados.
Segundo Miragaia, o vídeo é bastante didático. “Queremos atingir especialmente as crianças, e mostrar o que as gerações futuras vão enfrentar com a retirada da Mata Atlântica”. Auracy Mansano disse que este trabalho é muito importante para a conscientização e educação sobre os perigos de todo tipo de poluição. Alexandre Nogueira lembrou que só a informação não é suficiente, é preciso educar. Mesmo com todas as tecnologias disponíveis, a informação nem sempre se traduz em comportamento. “A maior potência mundial, os EUA, que polui sozinho 25% do planeta, é um exemplo desse paradoxo”, comentou.
O vídeo-documentário, que foi feito em parceria com as Faculdades Integradas Módulo, Univap e Dutrafer, conta sobre a importância econômica e ambiental do grande patrimônio genético que representa a Mata Atlântica e sua biodiversidade na região. Numa grande maratona de pesquisas pelas quatro cidades do litoral a jornalista Areta Braga e o publicitário, cinegrafista e editor de som e imagem Filipe Soriano produziram uma bela obra, rica em imagens e informações.
“Estamos tentando mostrar como a sociedade pode ajudar a preservar. A partir do momento que ela tem conhecimento sobre as pressões que a Mata Atlântica vêm sofrendo, passa a adquirir o instinto de preservação e a saber lutar pelo pouco que resta da Mata Atlântica, fiscalizando e não permitindo a sua devastação. Já, as autoridade precisam ter consciência de que a Mata Atlântica e sua biodiversidade são vitais para o desenvolvimento econômico da região porque o turista é atraído pela beleza natural e pela qualidade de vida oferecidos”, explica o André Miragaia.
Segundo Miragaia, os principais vilões da Mata Atlântica no Litoral Norte são: a falta de aterros sanitários adequados para o depósito do lixo, a falta de saneamento básico, ocupação urbana desordenada e outros que as quatro cidades têm em comum.
*Biodiversidade é a quantidade e qualidade de espécies vivas que existem num determinado local. (Fonte: Módulo)

Notícias de Caraguatatuba Topo

O Guaruçá BIL -= Bolsa de  Imóveis do Litoral Salete

Leis municipais impedem CDP e aterro em Caraguatatuba

Caraguatatuba - Duas leis municipais ainda em vigor em Caraguatatuba proíbem a implantação do aterro regional de lixo e o CDP (Centro de Detenção Provisória), propostas defendidas pelo prefeito José Pereira de Aguilar (PSDB). Para viabilizar as duas propostas, o prefeito terá que revogar as duas leis.
Aguilar foi o primeiro prefeito na região a defender a implantação do CDP em Caraguá. No mês passado, ele conseguiu uma área na região sul da cidade e a colocou à disposição da SAP (Secretaria de Administração Penitenciária) para a construção do CDP.
Mas a LOM (Lei Orgânica Municipal), elaborada em 90, proíbe a construção do CDP na cidade. O artigo 177 da LOM estabelece que "ficam proibidas as instalações de usinas nucleares, empresas de extração de minerais com uso de explosivos, estabelecimentos penais e indústria bélica e de agrotóxicos no município".
O prefeito também enfrenta restrições legais para a implantação de um aterro regional de lixo no município, proposta defendida pelos prefeitos Juan Pons Garcia (PPS) e Eduardo César (PL), de São Sebastião e Ubatuba, respectivamente.
A lei municipal 1.433, de 1987, de autoria do então vereador José Benedito Gonçalves Pinto (PDS), estabelece que fica proibido em Caraguá, em áreas públicas ou particulares, o acúmulo de lixo de outros municípios.
A lei foi responsável pela cassação do ex-prefeito José Bourabeby (PDT) em 90. Na ocasião, Bourabeby autorizou o então prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSB), a depositar lixo de sua cidade no aterro do bairro do Tinga.
Aguilar afirmou ontem que caso o Estado mantenha interesse em construir o CDP no município, irá propor à Câmara a revogação do artigo 177 da LOM. "Já expliquei aos vereadores a importância do CDP para Caraguá e região", afirmou. O prefeito também deve pedir alteração na lei municipal para permitir o aterro regional na cidade. (Fonte: Salim Buriham/ValeParaibano)

Secretaria de Turismo faz parceria com Faculdades Módulo


Caraguatatuba - A secretaria de Turismo de Caraguá irá trabalhar em conjunto com alunos das Faculdades Integradas Módulo para desenvolver diversas atividades que visam detectar as deficiências nos serviços prestados e melhorar o atendimento. O primeiro trabalho em conjunto, segundo Ricardo de Lima Ribeiro é o das centrais de Atendimento que serão instaladas em abril, em três pontos da cidade: terminal rodoviário, antiga sede da Polícia Rodoviária e Praça Diógenes Ribeiro de Lima.
As centrais são traillers móveis e contarão com o serviçais dos alunos para o atendimento. Os estudantes de Turismo serão capacitados para o trabalho, recebendo noções sobre pontos turísticos, praias, história da cidade, características geográficas. Cerca de 20 estudantes serão capacitados.
A secretaria também quer realizar pesquisas de opinião pública após cada evento realizado na cidade, visando detectar o perfil dos visitantes e opinião do público sobre a organização, os shows, além da idade, perfil sócio-econômico, idade.
'A intenção é subsidiar o trabalho do poder público e acumular banco de dados, que poderá ser utilizado para informar futuros investidores, por exemplo, sobre o perfil dos turistas que visitam a cidade. Também para avaliarmos, por meio das estatísticas, a satisfação dos turistas quanto aos serviços prestados como atendimento, hotelaria e outros", explica a Karla Passos de Moraes, assistente de programação turística e professora das Faculdades Integradas Módulo.
O diagnóstico do município é outro trabalho da secretaria envolverá estudantes, que poderão ser dos cursos de História, Arquitetura, Turismo e outros. (Fonte: PMC)

Prefeitura de Caraguá alerta sobre perigos de podar árvores

Objetivo do alerta da prefeitura de Caraguatatuba é evitar acidentes

Caraguatatuba - A prefeitura de Caraguatatuba, por meio das secretarias municipais de Serviços Públicos e de Urbanismo, Habitação e Trânsito, vem alertar a população sobre os riscos de podar árvores sem conhecimento ou apoio técnico.
Na última semana, um morador do bairro Casa Branca morreu ao tentar podar as folhas de um coqueiro no quintal de sua casa. Ele teria subido na árvore e encostado nos fios da rede elétrica, o que provocou um choque de alta tensão.
A prefeitura orienta que, ao verificar a necessidade de se podar ou remover uma árvore, a pessoa deve procurar o setor de Protocolo, localizado no Paço Municipal, e efetuar um pedido.
“Ao protocolar o pedido, ele é encaminhado para a Secretaria de Urbanismo, que vai até o local, fotografa e verifica o que deve ser feito com a árvore. Caso seja necessária a retirada, a pessoa que fez o pedido deve assinar um documento se comprometendo a plantar uma outra espécie em outro local”, explicou o secretário de Serviços Públicos, Antonio Carlos Roberti Costa.
Segundo ele, as espécies menos indicadas para plantio, em áreas próximas a construções, são sibipiruna, fícus, espatódia e amendoeira, pois suas raízes ficam muito grandes, arrebentando calçadas e muros.
“Após a análise do Urbanismo, a Secretaria de Serviços Públicos é acionada para fazer o serviço de poda ou retirada. Dependendo do caso é necessário acionar também a Defesa Civil. Apoio técnico é fundamental”, disse Roberti Costa.
O secretário informou ainda que o perigo de acidentes com eletricidade é muito grande. “Um leigo não deve se arriscar de forma alguma. Choques elétricos podem ser fatais, como no caso do morador do Casa Branca. A população deve estar atenta e solicitar o pedido na prefeitura”, finalizou. (Fonte: PMC)

Aguilar presta contas na Câmara
Prefeito comparece e fala sobre os primeiros 45 dias de governo

Caraguatatuba - O Prefeito de Caraguatatuba, José Pereira de Aguilar (PSDB), esteve presente na noite de terça-feira, dia 15 de fevereiro, na Câmara Municipal, para prestar contas dos seus primeiros 45 dias de trabalho a frente do município. Os Vereadores presentes aproveitaram e fizeram reivindicações ao Chefe do Executivo.
O Presidente da Câmara Municipal de Caraguatatuba, Juarez Pereira Pardim – Juarez Pardim (PPS), a princípio não desejava convidar o prefeito para a prestação de contas, visto que Aguilar assumiu há 45 dias e não teria nada para falar em tão pouco tempo de governo. A primeira decisão seria a de uma Sessão Ordinária, mas visto que os setores da Câmara estão colocando em ordens seus documentos, decidiu-se por fim convidar Aguilar para uma Prestação de Contas.
Estiveram presentes 9 dos 10 Vereadores (apenas AG Pereira não estava presente, por ordem médica), que fizeram perguntas para serem respondidas pelo Prefeito. As perguntas dos Vereadores se basearam em pedidos feitos pela comunidade e repassados ao Chefe do Executivo, que respondeu favoravelmente a sua maioria.
Como era de se esperar não houve confronto ou oposição por parte dos Vereadores aos trabalhos executados por Aguilar até o momento, visto que a bancada é toda oriunda de suas alianças políticas. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Vereador AG Pereira se ausenta 15 dias
Afastamento cumpre determinação médica para recuperação

Caraguatatuba - O Vereador Aureliano Gonçalves Pereira – AG Pereira (PTB), da Câmara Municipal de Caraguatatuba, deu entrada com pedido de afastamento na última segunda-feira, dia 14 de fevereiro. O pedido foi deferido no dia seguinte, na abertura da Sessão Especial de Prestação de Contas. Quem assume em seu lugar é o suplente Valmir Gonçalves – Valmir da Colônia (PSDB).
O Parlamentar sofreu um acidente de carro. Na ocasião o Vereador fraturou o braço direito.
Já medicado e em pronto restabelecimento, o Parlamentar recebeu a sugestão do médico de que deveria se afastar por uns 15 dias, para uma melhor cicatrização e uma recuperação pós-fratura que não lhe cause seqüelas.
Segundo a Justiça Eleitoral, o suplente para a vaga da coligação PSDB/PTB nas últimas eleições municipais é o ex-Vereador Valmir Gonçalves – Valmir da Colônia (PSDB), que obteve 1.002 votos no pleito. A Secretaria da Câmara já está providenciando a convocação e Colônia deverá tomar posse o quanto antes e estar presente na próxima Sessão Ordinária, no dia 22 de fevereiro. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Aguilar atende pedidos do Vereador Aurimar
Vereador solicitou na sessão e foi atendido pelo Prefeito

Caraguatatuba - O Vereador Aurimar Mansano (PTB), da Câmara Municipal de Caraguatatuba iniciou 2005 conquistando melhorias para as comunidades da zona sul de Caraguatatuba. A primeira vitória veio na Sessão Especial de Prestação de Contas, onde o Prefeito José Pereira de Aguilar (PSDB) acatou todas as reivindicações do Parlamentar.
O Parlamentar Mansano está no seu terceiro mandato, é Delegado de Polícia Civil licenciado e tem como base eleitoral a tríade Segurança, Educação e Saúde e as comunidades da região sul do município.
Os pedidos do Parlamentar foram feitos durante a Sessão Especial de Prestação de Contas, que aconteceu na última terça-feira, dia 15 de fevereiro, quando o Prefeito José Pereira de Aguilar (PSDB) falou sobre os primeiros 45 dias de governo e ouviu reivindicações dos Vereadores presentes.
Dentre vários pedidos formulados por Aurimar, destacam-se a construção da Creche do bairro do Barranco Alto, a continuação do calçamento do já citado bairro e o atendimento das UBS dos bairros do Tinga, Porto Novo e Massaguaçu até às 22 horas.
Segundo o Prefeito Aguilar, há planos para a construção da Creche no Barranco Alto, bem como a continuação do calçamento iniciado na gestão anterior. Quanto ao horário de funcionamento das UBS, o Prefeito garantiu apenas a do bairro Porto Novo até às 21 horas.
Para o Parlamentar vitórias deste tipo mostram que sua atuação sempre esteve no caminho certo. “Como nos últimos 8 anos, iniciamos bem em 2005, formulando pedidos de interesse popular que foram aceitos pelo Prefeito Aguilar. A creche é um antigo sonho daquela comunidade e o funcionamento das UBS é um projeto meu desde que presidi a Comissão de Saúde da Câmara; Já o calçamento foi conseguido por nós e precisávamos dar continuidade neste mandato”, frisou. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Germino luta por transporte e Bolsa Universitária
Vereador consegue ônibus e reivindica 50% de bolsa

Caraguatatuba - Um grupo de 20 estudantes universitários de Caraguatatuba esteve reunido na tarde de hoje, quinta-feira, 17 de fevereiro, com o Vereador Germino de Souza – Germínio (PPS), para reivindicar melhorias nas condições para os cursos que fazem diariamente. Ao final do encontro o Parlamentar conseguiu transporte e acirrou a luta pela melhoria na bolsa universitária.
Os estudantes universitários cursam Enfermagem em nível superior na Unip (Universidade Paulista), ligada ao grupo Objetivo, na cidade de São José dos Campos. Estes estudantes são atualmente Auxiliares de Enfermagem e trabalham na rede pública municipal de Saúde.
A reclamação do grupo se baseia no custeio da bolsa universitária, que em 2004 era de 50% do valor e neste ano, caiu para 30%. O valor atual do curso é de R$ 945,00 mensais. Para os universitários esta decisão inviabiliza a manutenção do curso, pois além do gasto com a mensalidade há outros custos como o estágio, o transporte, livros e cópias de textos entre outros.
Os estudantes/servidores reclamam também que não há a liberação de 1 (uma) hora antes do final do turno de trabalho e com o início do curso para às 17h30 em São José dos Campos, o transporte começa a buscar os universitários a partir das 15 horas. Devido a estes problemas os estudantes ameaçam parar as atividades na Unip se não houver uma solução para o caso.
Depois de vários telefonemas e pedidos insistentes, o Parlamentar Germino de Souza (PPS) conseguiu que um ônibus leve os estudantes diariamente para São José dos Campos, com a Prefeitura pagando parte do custo mensal. Quanto ao valor da bolsa, o Vereador dá como certo que o custeio retornará aos antigos 50%.
Para o Vereador a formação do jovem é de extrema importância. “O Vereador tem que se preocupar com a população que o elegeu e mais ainda com a formação do jovem que usará o conhecimento adquirido em nossa cidade. Este grupo representa o apoio necessário que a Saúde em Caraguá tem para crescer”, enfatiza. Germino dá como certo o retorno dos 50% de custeio da bolsa. “O nosso prefeito tem universitários na família e com a sua sensibilidade e caráter humanitário, acredito que dará o apoio necessário ao grupo de estudantes para continuarem estudando”, finalizou. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Aterro Sanitário para o Litoral Norte

Caraguatatuba - O Presidente da Câmara Municipal de Caraguatatuba, Juarez Pardim (PPS), recebeu o prefeito de São Sebastião Juan Garcia (PPS) e os presidentes das Câmaras do Litoral Norte para uma reunião sobre a possibilidade de um Aterro de Lixo Regional. A idéia da reunião partiu do Chefe do Executivo de São Sebastião.
A reunião foi intermediada pelo Presidente da Câmara de São Sebastião, Wagner Teixeira (PV), que aproveitou quando todos estavam reunidos discutindo a criação da Câmara Regional, ontem, 16 de Fevereiro, em Ubatuba.
A Prefeitura de São Sebastião recebeu uma determinação da justiça no início do ano para encerrar as atividades do aterro da Baleia em 180 dias. A Prefeitura de Caraguá também passa por problemas semelhantes com o Aterro
de lixo na Fazenda Serramar. Ubatuba e Ilhabela também lutam contra este problema.
A próxima reunião entre o prefeito Juan Garcia e os presidentes das Câmaras do Litoral Norte para dar continuidade ao assunto será no início de março em São Sebastião. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Programa Ação Litoral

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Portal da Palmeira

Autoridades Políticas prestigiam aniversário do Pastor Ricardo

Ilhabela - O pastor da Igreja Assembléia de Deus, Ministério de Santos, setor 3, José Ricardo da Silva e sua esposa, a missionária Elineide Silva comemoraram seu aniversário num culto comemorativo na última sexta-feira seguido de um jantar aberto à comunidade evangélica no Centro Comunitário da Barra Velha. O evento teve a presença de autoridades políticas locais, o vice-prefeito Antônio Carlos Cajado Simões(PL) sua esposa Janeide Simões, o presidente da Câmara Municipal de Ilhabela, vereador Luiz Antônio dos Santos, Luiz Lobo(PL), a vereadora Nanci Peres de Araújo Zanato além dos empresários Elzo Cabezaolias e Nestor Machado Bueno Junior.
O vereador Márcio Garcia(PL) fez as honras da casa, já que também congrega no setor 3 e se disse muito feliz pela presença dos companheiros na festa religiosa. “Fiquei muito contente com a presença dos meus companheiros, por prestigiarem o pastor Ricardo e sua esposa Elineide, que são pessoas muito especiais em nossa comunidade”. (Fonte: Câmara Municipal de Ilhabela)

Ilhabela tenta rever zoneamento

Ilhabela - O prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos de Jesus Ferreira (PTB), apresentará um recurso à Secretaria Estadual do Meio Ambiente propondo alterações no zoneamento ecológico e econômico do Litoral Norte.
Segundo Ferreira, o zoneamento, sancionado em dezembro, prejudica a cidade. "Por alguma falha, no zoneamento marinho, ficou proibida a implantação de marinas", afirmou. Segundo ele, os representantes da prefeitura e da sociedade civil local, defendem a implantação das marinas.
"Para Ilhabela, as marinas são fundamentais para geração de renda e emprego." Segundo Ferreira, as marinas também seriam importantes para regulamentar a atividade na ilha, onde existem atualmente, apenas garagens náuticas.
O secretário estadual do Meio Ambiente, José Goldemberg, afirmou ontem, por meio de sua assessoria, que solicitou ao prefeito que apresente um recurso propondo alterações. O pedido será avaliado pelos técnicos da secretaria. (Fonte: ValeParaibano)

Ciclistas são roubados em trilha de Ilhabela

Ilhabela - Quatro ciclistas foram assaltados na noite da última sexta-feira quando atravessavam a trilha que leva até a praia de Castelhanos, no município de Ilhabela. O crime ocorreu por volta das 23h30, no momento em que as vítimas --dois metalúrgicos de Taubaté e dois de São José dos Campos-- foram abordadas por quatro homens armados, que estavam em duas motos. Os assaltantes roubaram as mochilas dos ciclistas, que registraram o boletim de ocorrência na delegacia por volta de 1h30. O policial informou que esse é o primeiro caso de assalto na trilha de Castelhanos nessas circunstâncias. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de São Sebastião Topo

Litoral Virtual Superchic

Secretário de educação municipal reune-se com secretário estadual de educação

São Sebastião - O Secretário Municipal da Educação, Paulo Henrique Ribeiro Santana, esteve na última quinta-feira com o secretário da Educação do município de São Paulo, José Aristodemo Pinotti, discutindo temas como a progressão continuada, Fundeb, Fundef, participação dos municípios através da Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Ensino) e sua eleição, além do Céu, programa desenvolvido pela ex-prefeita do PT, Marta Suplici. O encontro na Secretaria Municipal da Educação da capital, contou ainda com a presença de três deputados estaduais do PMDB, Jorge Caruso, Geraldo Lopes e Baleia Rossi. (Fonte: PMSS)

Prefeito recebe Deputado Estadual Arnaldo Jardim (PPS)

São Sebastião - No última sexta-feira o Prefeito Dr. Juan Garcia recebeu a visita do Deputado Estadual Arnaldo Jardim (PPS), que veio acompanhado do seu chefe de gabinete, Sérgio Murilo da Cruz. Segundo o deputado ele veio estabelecer uma pauta comum de trabalho para que possa, junto ao governo do Estado, ajudar nos encaminhamentos do município de São Sebastião.
Durante o encontro, o deputado estadual aproveitou para dar uma entrevista à rádio Morada ao lado do Prefeito e também prestigiou uma reunião do Comus (Conselho Municipal de Saúde), realizada no Abrigo dos Anjos, no bairro São Franciso, onde foi recebido pelo secretário municipal de Saúde, Dr. Antônio Guilherme de Carvalho. O deputado, ao falar para as cerca de trinta pessoas presentes, destacou a importância do papel do conselho e de seus conselheiros e também elogiou esse início de administração do Dr. Juan.
Ainda no mesmo dia o Prefeito, ao lado do deputado, recebeu em visita formal de apresentação, a delegada Seccional de Polícia de São Sebastião, Dr. Elaine Maria Biazolla, que assumiu o cargo há poucos dias. Ela já atua na área há 20 anos e afirmou que pretende estabelecer parcerias e manter contato constante com a Prefeitura, demais poderes e comunidade para encontrar uma solução para a segurança no município. “Em meados de fevereiro temos por objetivo mapear toda a área do litoral norte, que é muito extensa, para que possamos verificar qual é o índice de criminalidade. Para tanto, faremos uma reunião com os Consegs, com os colegas dos distritos de Caraguatatuba, Ilhabela e Ubatuba. Precisamos do apoio dos poderes executivo, legislativo e judiciário para podermos desenvolver nosso trabalho de segurança pública”, disse.
Nesta primeira reunião, o Deputado firmou compromisso para buscar algumas reivindicações junto ao governo do Estado que deverão beneficiar o município. Dentre elas, a nova delegada, juntamente com o Prefeito, pleitearam a aquisição de uma linha da intragov para São Sebastião, que permitirá a instalação de uma unidade do poupa-tempo na cidade e o aumento de funcionários na unidade da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) que incluiria uma escrivã e duas investigadoras. (Fonte: PMSS)

Jardim avalia gestão de Dr. Juan e fala sobre o partido

São Sebastião - Na ocasião o deputado fez uma avaliação de como vê este início de administração do prefeito sebastianense. “A eleição do Dr Juan é muito importante para nós, essa região é estratégica, do ponto de vista do desenvolvimento do Estado, São Sebastião é fundamental com a questão turística e a questão do porto. Mas, tão importante quanto isso, é que o Dr Juan é uma pessoa profundamente integrada à filosofia do PPS, ele tem o compromisso na ética da gestão da coisa pública e para o PPS, isso é um dos princípios que o norteiam e é valido para vereador, prefeito, deputado, até para Roberto Freire nosso presidente nacional”, conta.
O deputado também ficou satisfeito ao ver que o Prefeito está cuidando da questão dos resíduos sólidos de uma forma mais intensa. “Todos nós sabemos que isso é um problema muito grave. Estou muito feliz com os passos que ele (Juan) já conseguiu dar, primeiro mobilizando os demais municípios da região para que haja uma solução integrada, pois, um município só tratando isoladamente pode significar um custo maior. Quando você integra você ganha em escala e isso pode significar um barateamento grande. Outro passo é o Workshop.”, destacou.
Ele falou também sobre o resultado das últimas eleições para o PPS. “O partido ampliou seu número de vereadores, prefeitos e deputados. E mais importante do que isso é que fizemos esse avanço mantendo a coerência. Hoje nós temos no Estado de São Paulo 38 prefeitos, quase 500 vereadores e 48 vice-prefeitos” relatou o deputado. Sobre o crescimento do partido em São Sebastião, Jardim acredita que ele ocorrerá se a administração fizer um bom trabalho.
De acordo com o deputado, o partido defende uma reforma política que defina o financiamento público de campanha. “Queremos que a justiça eleitoral seja muito rigorosa na prestação de contas de campanha. Queremos discutir isto com a população pois ou você faz isto as claras, ou, o financiamento sai por caminhos obscuros”, justificou.
Ele disse ainda ser favorável ao voto em lista, e não voto individual, pois isto fortalece o partido, pois o foco sai da pessoa e passa para a discussão da proposta e das idéias. Outros pontos favoráveis na visão do político é a desverticalização e a fidelidade partidária.
É contra a cláusula de barreiras. “Defendemos que mesmo sendo o partido formado por uma só pessoa, queremos que ele tenha direito de se expressar como partido. A explosão de grandes partidos de aluguel, como ocorreu com o PRONA, não serão impedidas com o cartório proibindo, mas sim, com aprendizado e conscientização da população. É pequeno, é minoria, então não pode. As boas idéias de transformação da sociedade surgem inicialmente como uma minoria e depois contaminam a sociedade”, defendeu. (Fonte: PMSS)

Marinha investiga incêndio em barco

São Sebastião - A Delegacia da Capitania dos Portos, em São Sebastião, instaurou inquérito para apurar a causa do acidente ocorrido anteontem com o barco de pesca Ferreira 17, de Itajaí (SC), na costa norte do município.
Segundo a Capitania, o inquérito terá como objetivo apurar o acidente, bem como a documentação e as condições da embarcação.
Oficiais da Capitania fotografaram e vistoriam a embarcação, que foi levada para o cais da Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A) após o acidente. O inquérito deve ser concluído em um prazo de 60 dias.
O acidente ocorreu por volta das 17h15 da última quinta-feira, quando a embarcação navegava entre as praias do Barequeçaba e Guaecá.
A causa provável do acidente teria sido um vazamento de óleo hidráulico sobre a turbina da embarcação, ocasionando um incêndio na casa de máquinas.
O incêndio teria durado menos de 15 minutos e sido controlado pelos próprios tripulantes, que carregavam seis extintores na embarcação.
FERIDOS - Dos 23 tripulantes, apenas dois sofreram ferimentos --João da Silva Ribal, 62 anos, e Elder Bruno Silva, 44 anos, que estavam na casa das máquinas no momento que o incêndio teve início.
Ribal, que teve 90% do corpo queimado, até o final da tarde de ontem, permanecia internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital de São Sebastião. Silva permanecia no pronto-socorro do hospital. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Mary´s Casa na Fortaleza

Prefeito indica presidente transitório da Comtur
Novo presidente irá presidir a Companhia até que se prove a necessidade, ou não, de sua liquidação

Ubatuba - Em reunião realizada com o Conselho de Administração da Comtur, o prefeito Eduardo César indicou o nome de Marcos Antônio Gilheta para ser o presidente transitório da Companhia. O novo presidente terá a missão de estudar a real situação da Comtur a fim de demonstrar para os acionistas se a empresa é de fato insolvente ou não, requisito essencial para o processo de liquidação.
Durante a reunião, o prefeito voltou a afirmar ao Conselho que o seu compromisso com a cidade não mudou. “Queremos o melhor para Ubatuba e por isso mesmo queremos romper com uma constante fonte de problemas, inclusive objeto de investigação pelo Ministério Público”, disse o prefeito lembrando que essa investigação poderá culminar numa Ação Civil Pública ou de Improbidade Administrativa.
“Não quero ser conivente, tampouco quero que os acionistas respondam por crimes na vigência de meu governo. Por isso, estudaremos juntos a melhor forma de resolver o problema, chamando os acionistas à responsabilidade, pois de forma direta, tanto a Prefeitura é responsável pelos débitos existentes, como todos os acionistas o são, pois o Estatuto lhes faculta, através dos Conselhos próprios, a exercer o papel fiscalizador dos atos da diretoria”, esclareceu o prefeito.
Resolução definitiva - O prefeito Eduardo César reafirmou aos conselheiros que não se trata de retaliação a atual presidente, a quem reputa ter feito uma boa administração. O que ocorre, do seu ponto de vista, é que os problemas a serem enfrentados são maiores e crescentes. Por isso, é que o processo de liquidação, em princípio, estancará o crescimento do mal, possibilitando uma resolução definitiva. “Não sou inconseqüente a ponto de brincar com pessoas que por anos vem investindo na cidade, gerando empregos e rendas, como ocorre com a maioria dos acionistas. Por isso quero um processo transparente, em que os números e a verdade é que prevalecerão”, disse.
O presidente interino da Comtur, Marcos Gilheta, deverá ser apresentado oficialmente no dia 24 de fevereiro, data da reunião do Conselho de Administração. O primeiro passo é tomar ciência da real situação da empresa para depois tomar as atitudes necessárias”, disse Gilheta, formado em Ciências Contábeis, e há três anos a frente do clube residencial Ubatuba Country. “Vamos buscar todos os meios para que a cidade possa ter uma administração que visa o bem comum. Nosso governo está apenas começando, mas temos plena convicção que a vontade de acertar prevalecerá sobre aqueles que buscaram no Poder Público, no passado, seus próprios interesses”, finalizou o prefeito Eduardo César. (Fonte: PMU)

Ubatuba recebe comitiva chilena
Delegação é de Milipilla, cidade-irmã de Ubatuba

Ubatuba - Uma delegação de 43 pessoas da cidade de Milipilla visita Ubatuba até o próximo dia 23. Entre os integrantes estão o prefeito, Don Fernando Pérez Villagrán, e seis vereadores, que são hóspedes oficiais do município. Mellipilla fica a 67 quilômetros da capital chilena, Santiago, e tem como lema a frase “Melipilla é Futuro”. A cidade chilena é muito conhecida pela realização de rodeios e provas eqüestres. Outra atração é a “rota do queijo”, que envolve distritos como San Manuel, Pahulimo, Esmeralda, entre outros, que produzem os queijos, tanto em escala artesanal, quanto industrial.
O prefeito Eduardo César esteve recepcionando a primeira parte dos visitantes e deu as boas vindas, na última quinta-feira. “É muito bom podermos estreitar esses laços com nossa cidade irmã. Espero que vocês desfrutem das belezas que Ubatuba tem a oferecer”, disse o prefeito aos membros da delegação. Eduardo manifestou ainda desejo de conhecer a cidade-irmã. “Espero retribuir em breve essa visita e desfrutar da hospitalidade melipillana”, disse.
O presidente da Câmara Municipal de Melipilla, Ivan Campos, agradeceu a recepção e cobrou a visita de Eduardo César. Outro vereador, Dario Jerez se interessou pelo sistema educacional de Ubatuba, pois o ensino municipal foi implantado há pouco tempo e acha que pode aprender muito com o trabalho desenvolvido em Ubatuba.
A delegação será recebida na próxima segunda feira,21, no Paço Anchieta, onde acontece uma cerimônia solene. Na terça-feira, 22, os chilenos acompanharão a sessão da Câmara Municipal. (Fonte: PMU)

Prefeitura consegue 44 toneladas de feijão

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba, através de gestões do deputado estadual Carlinhos de Almeida, conseguiu uma doação de 44 mil quilos de feijão para o município. Segundo o vice-prefeito Domingos dos Santos, que está providenciando duas carretas para buscar o cereal na Ceagesp de Bauru, o alimento deverá ser distribuído pela Assistência Social e também utilizado na merenda escolar.
A doação faz parte do programa do governo federal Fome Zero, e, segundo o vice-prefeito a distribuição irá priorizar a população quilombola, a comunidade indígena e também os bairros com maior índice de pobreza. “Gostaria de agradecer a gerente de operações da Ceagesp, Silvia Satto, pelo empenho”, disse Domingos. Ele também ressaltou a importância da doação: “Vamos poder melhorar a alimentação do nosso povo e ao mesmo tempo reforçar a nossa merenda escolar”, disse. (Fonte: PMU)

Secretaria de Esporte e Lazer abre novas vagas para escolinhas
São cinco modalidades à disposição para todas as idades

Ubatuba - A partir desta segunda-feira, dia 21, os interessados em se inscrever para participar das escolinhas da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, deverão se dirigir ao Ginásio de Esportes Tubão para se matricular em um dos cursos oferecidos. É necessário levar duas fotos 3X4 e cópia da certidão de nascimento. Serão abertas vagas em dois períodos para futebol, vôlei, basquete e surf, este com aulas na Praia Grande, Perequê Açu e Maranduba.
Entre as novidades está a implantação de aulas de Surf na Maranduba, para atender uma solicitação antiga de moradores da região Sul. A natação também promete atender o maior número possível de alunos segundo o coordenador do setor José Eduardo de Andrade. “Vamos aproveitar ao máximo o espaço da piscina, com a garantia de atenção a todos”, assegurou Andrade. O prazo para renovação de matrículas para os alunos de 2004, terminou na última quinta-feira,17, e quem não compareceu deverá se inscrever novamente. “Muita gente estava aguardando essa chance, por isso gostaria de pedir aos interessados que não deixassem para a última hora”, avisa Bittencourt. As modalidades mais procuradas durante o prazo de renovação de matrícula foram natação, surf e futebol. (Fonte: PMU)

Secretaria de Obras realiza operação no Corcovado e Rio Escuro
A meta é manter esse tipo de trabalho semanalmente nos diversos bairros da cidade

Ubatuba - A Secretaria de Obras de Ubatuba deu início esta semana a uma grande operação nos bairros Corcovado e Rio Escuro, com 23 homens, máquinas e equipamentos, que estão reaizando serviços de limpeza nas marginais e acessos, limpeza de canaletas, abertura de escoamento de águas pluviais, dentre uma série de outros serviços.
No Corcovado essa primeira etapa dos trabalhos faz parte de uma preparação para a operação tapa-buracos, que terá início na próxima semana. “Esta semana estaremos recebendo emulsão asfáltica e no início da próxima, realizaremos a operação tapa-buracos na estrada do Corcovado. O leito asfáltico do Corcovado tem uma extensão de 4.300m, o que corresponde a 25 mil m2, portanto não é um volume pequeno e nós faremos o possível para manter a estrada em ótimo estado de conservação”, disse Wilson Frade, técnico responsável.
Para o Secretário João Paulo Rolim “os trabalhos que estão sendo realizados na região sul, vêm sendo desenvolvidos gradativamente, também em outros bairros e regiões do município. Nossa meta é promover o maior número possível de operações desse porte para que possamos no futuro, promover apenas a manutenção e corresponder com os anseios do prefeito Eduardo César, que é atender as reivindicações de toda a população do município”. (Fonte: PMU)


Ação Litoral
 
Artigo Topo

"Acionistas Minoritários & Remadores"
Carta Capital - 1998

No ano de 1996, houve, nos arredores de Osaka, uma competição entre as equipes de remo do Brasil e do Japão. Logo no início da competição a equipe japonesa começou a se distanciar e completou o percurso rapidamente. A equipe brasileira só conseguiu chegar à meta uma hora depois.
De volta ao Brasil, o comitê executivo reuniu-se para avaliar as causas de tão desastroso e imprevisto resultado. Uma cuidadosa avaliação apontou para uma diferença fundamental entre os times: a equipe japonesa era formada por um chefe de equipe e dez remadores: a equipe brasileira era formada por um remador e dez chefes de equipe. A decisão passou para a esfera do planejamento estratégico, com o objetivo de realizar uma profunda revisão da estrutura organizacional para o ano seguinte.
Em 1997, logo após a largada da competição, a equipe japonesa tomou novamente a frente e distanciou-se. Dessa vez, a equipe brasileira chegou à meta duas horas depois dos vencedores.
De volta ao Brasil, o comitê executivo reuniu-se para avaliar as causas do novo fracasso. A análise mostrou os seguintes resultados: a equipe japonesa continuava com um chefe de equipe e dez remadores; a equipe brasileira, após as mudanças introduzidas, era formada por um chefe de equipe, dois assessores, sete chefes de departamento e um remador. A conclusão do comitê foi unânime: "0 remador é um incompetente!!!"
Em 1998 aconteceu uma nova oportunidade de competir com os japoneses. O departamento de engenharia pôs em prática um plano destinado a melhorar a produtividade da equipe, com a introdução de mudanças baseadas no benchmarking das melhores práticas gerenciais. Tais inovações produziriam aumentos significativos de eficiência e eficácia. Com o rightsizing, a reengineering e a value chain analysis, os brasileiros com certeza conseguiriam um turnaround e venceriam os japoneses.
Porém, chegado o dia da competição, o resultado foi novamente catastrófico e, dessa vez, a equipe brasileira chegou à meta três horas depois dos japoneses.
Novos estudos, reuniões acaloradas e enormes relatórios. A análise revelou: mantendo a tradição, a equipe japonesa era formada por um chefe de equipe e dez remadores. A equipe brasileira, por sua vez, utilizou uma formação vanguardista, integrada por um chefe de equipe, dois auditores de qualidade total, um assessor especializado em empowerment, um process owner, um analista de O&M, um engenheiro de navegação, um controller, um chefe de departamento, um controlador de tempo e um remador.
Depois de vários dias de reunião e análise da situação, o comitê decidiu finalmente demitir o remador. Decidiu também contratar um novo remador, mas utilizando um contrato de prestação de serviços sem vínculo empregatício. Evitar-se-ia, dessa forma, a nefasta influência do sindicato dos remadores, responsável pela baixa produtividade e o baixo comprometimento dos recursos humanos com os objetivos organizacionais. A competição de 1999, certamente, confirmará o acerto das decisões.

Enviado por
Ronaldo Dias
Ubatuba, SP

Opinião Topo

A COMTUR e a voz do povo
Ronaldo Dias

Pretendia manifestar-me, novamente, a respeito da COMTUR apenas após a “reunião” do próximo dia 24. Porém, devido as recentes declarações do Senhor Prefeito, representante da acionista majoritária quero, conforme ele mesmo recomenda, “pois o estatuto lhes faculta” manifestar-me agora, como, idealizador, fundador e acionista. Primeiramente, lembrar que é o estatuto o “contrato Social” da empresa quem rege todas as relações entre os sócios e, suas demais obrigações. Fazendo tabula rasa deste estatuto a majoritária nunca o respeitou. Sempre impôs sua vontade sobre os minoritários até, pelo poder coercitivo, que, mesmo veladamente a qualquer tempo, poderia exercer sobre qualquer um deles, pois são, em sua maioria, empregadores de empresas licenciadas por alvarás de funcionamento de sua emissão. Assim quem impôs deve responder, sozinho, pelo resultado desta sua imposição. Esse é o preço do poder. Chamar à responsabilidade os minoritários sobre os desmandos praticados e, pelo descumprimento da ordenação estatutária é estranho e me parece soar, novamente, “mais uma ameaça” da majoritária. Os minoritários deveriam ”Tomar ciência?” Será, que nestes anos todos a majoritária desconhecia a administração perigosa e temerária praticada pelos seus “indicados” impostos? De toda forma, vamos aguardar até a próxima reunião (ordinária ou extraordinária; também re-convocada sem obedecer a normas estatutárias) para, receber, novamente, quem sabe, mais umas, com todo respeito ao Sr prefeito, imposições da acionista majoritária. A saber: A extinção da empresa e a indicação de mais um “novo” presidente. Finalmente gostaria de esclarecer, que o cargo de Presidente da COMTUR é executivo, não deliberativo. Faz e cumpre apenas o que determina (e autoriza) o Conselho de Administração. Só. Este nome bonito “DIRETOR PRESIDENTE”, que acendeu vaidades é, nas empresas privadas, equivalente apenas ao Gerente administrativo financeiro. O salário do cargo, alto para nossos padrões, desperta disputas de “unhas e dentes” (equivalente a de secretário municipal aproximadamente R$ 3.500,00). Finalizando, com todo respeito ao Sr Marco Antonio Gilheta, (que não conheço) a COMTUR precisa, de imediato, não é da imposição justificada ou não, de mais um presidente, Precisa sim, é de uma Auditoria transparente e IDEPENDENTE. Esta, senhor prefeito, tenha certaza, é a voz do Povo.

Ronaldo Dias
(acionista minoritário-sócio fundador)
Ubatuba, SP

Carta do Leitor Topo

Roubaram R$4.000,00 da COMTUR - A notícia é da página policial do Jornal A Cidade desta semana." A auxiliar de zonal azul da COMTUR, APLS foi assaltada por motociclista na manhã de domingo, 13, por volta das 7:00 horas, quando estava indo trabalhar...." ao registrar o caso, a auxiliar, informou que não pode reconhecer a moto, nem os assaltantes, que levaram, além do dinheiro R$ 4.000,00 mil", seus documentos pessoais e, aparelho celular. Foram exatos R$ 4.000,00 mil? Pela história noticiada no jornal, não é preciso investigar para deduzir que a funcionária estava com o faturamento da empresa em sua residência. Por este lamentável incidente, surgem dúvidas e perguntas. A que título e por ordem de quem, a funcionária mantinha o dinheiro da empresa em sua residência? A notícia não informa. Quem seria, ou é, o responsável por determinar que funcionário(s) mantenha(m) a guarda do numerário, sem nenhuma segurança (para eles funcionários e, para o montantes da empresa) em suas residencias? Porque o valor, ou os valores, não são recolhidos e depositados em qualquer um dos inúmeros caixas eletrônicos espalhados pela cidade? Estes montantes arrecadados são contabilizados, antes ou depois de irem para a guarda nas residencias dos funcionários? Quando são emitidas as notas fiscais correspondentes aos referidos montantes? Por quem e, quando, são emitidas? Todo o faturamento diário da temporada esteve sob a mesma "norma"? Nas casas dos funcionários? Foram depositados ou estão ainda sob algum risco? Esta cômica "norma" adiministrativa (do funcionário levar o faturamento para casa) foi determinada ou estabelecida por quem da empresa? Foi sempre assim? Desde quando é praticada? Como o dinheiro também é do povo (cuja administração e trato obedece a legislação específica) com a palavra, para estas e outras respostas necessárias e convincentes, os responsáveis da COMTUR. Inclusive, para reporem os tais exatos R$ 4000,00 mil.

Ronaldo Dias
(acionista minoritário)
Ubatuba, SP


Falta de Eco - Dia 11 da fevereiro p. p. pedimos ao Serviços de Lixo da Prefeitura a remoção de cascas de coco na Praia do Felix. Como nas administrações anteriores, concordaram. Contudo, há 10 dias da concordância ao pedido, e ao contrário das administrações anteriores, ainda não fizeram a limpeza. Confiante na promessa do Poder Municipal fizemos, no dia 13, à Policia Ambiental, a comunicação de que o Serviço de Lixo faria a remoção dos restos orgânicos de coco e cadeiras de praia velhas. Como ficamos ?
Dia 18 de fevereiro, andando pelo leito do Rio da Praia do Felix, observamos, metros antes de sua desembocadura, duas manchas pretas no fundo, além de cheiro de fossa no local. Pegamos um punhado da areia submersa e preta, cheiramos e, de fato, a mesma cheirava a fossa. Telefonamos à Polícia Ambiental ( 38322876 ) e não conseguimos que atendessem; depois soubemos que este número está com problemas. Ligamos à Séc. do Meio Ambiente e, via Sr. Alexandre, soubemos que o problema deveria ser tratado com a ... Vigilância Sanitária. Lá ligamos e uma guarda mirim, Patrícia, determinou que lá fossemos, pessoalmente. Face minha indignação, ela ligou para o Sr. Alex, que registrou a reclamação de número 123/2005. Até a presente data, apesar de nos colocarmos a disposição de eventuais investigações, não percebemos qualquer providência ou recebemos qualquer pedido de ajuda. Novamente pergunto, como ficamos ?
São dois casos para urgentes providências, onde procuramos exercer nosso dever de cidadania. D’outro lado, temos certeza de estar colaborando para a administração de Ubatuba. O que mais devemos fazer ? Rezar ? Ou partir para uma posição crítica permanente à administração que se inicia ? Sem dúvida, o tempo, rapidamente, dará a solução de nossa indagação ...

Roberto de Mamede Costa Leite
Ubatuba, SP


Filas nem Bancos - Reportando-me a carta por mim colocada dia 09/02, onde reclamava do mal atendimento por parte de funcionários do Banespa/Ubatuba, onde não me deram a menor atenção quando reclamei de um office-boy que furou a fila com um monte de pagamentos a efetuar, quero contar que no mesmo dia, fui localizada pela Gerente do Banco, Sra. Rosana (apesar de eu não ter conta no Banco), a mesma me pediu mais esclarecimentos do ocorrido e que se fosse possível que eu identificasse as pessoas envolvidas. É evidente que fui, infelizmente quando entrei em contato com ela por telefone, para dizer que iria, ela estava de saída para Taubaté, mas encaminhou-me para o Sub-gerente. Fui, apontei as pessoas envolvidas e quis também falar com um deles, pois eu ainda estava muito indignada, acredite se quiser, este funcionário tentou me convencer que isto é normal e afirmou que acontece todos os dias na agência. Pode ser que aconteça todos os dias, mas que isso não é correto... aa...isso não é. Ele me contou por exemplo, que quando sua mãe tem uma consulta, ele vai às 5 horas para a fila e a mãe chega as 8 hs. e fazem a troca, ótimo, isto não faz diferença nenhuma para quem está atrás, mas se a mãe dele chegar com mais dez filhinhos para passar na consulta, ai está a diferença. Realmente não tem muito a conversar com uma pessoa assim, apesar de ter tido o apoio da Gerente Sra. Rosana, e o Sub-gerente, este funcionário acha que não, que quem está errada sou eu, me digam este funcionário está trabalhando a favor ou contra o Banco.
Está história ainda não acabou, quero conversar com a Sra. Rosana, pois ela já mostrou competência quando se preocupou em localizar-me para esclarecer os fatos, tenho certeza que o atendimento mudará para melhor.
Não se esqueçam, não engulam tudo o que tentam te enfiar pelas goelas abaixo, gritem, esperneiem, cobrem seus direitos de cidadão.

Bel Dergham
Sertão da Quina
Ubatuba, SP


Proibição da Pesca - Como leitor assíduo do Litoral Virtual, gostaria q vcs comentassem a respeito do decreto assinado pelo governador Geraldo Alckmin no mes passado proibindo a pesca amadora, submarina e de arrasto, praticamente em toda a costa de Caraguá, parte de S.Sebastião ao Sul a partir de Toque-toque, boa parte de Ubatuba e parte Oeste de Ilhabela (I.S.Sebastião). Esta matéria está na Revista Pesca esportiva edição de Fevereiro de 2005 (n° 91) na seção Almanaque da Pesca.
Grato

Luiz Sato


Carta ao leitor Ilmo Sr. Rodrigo Jorge Silva - Respeitado cidadão: Não lembro ter tido o prazer de conhece-lo e de saber quais seus conhecimentos da cidade de Ubatuba e de minha vida funcional, no município, durante os últimos trinta e dois anos.
Pela sua carta ao leitor –Litoral Virtual de 17-02-2005-posso concluir que nada conhece de minha vida, de meus princípios, ideais, entusiasmo, dedicação e empenho dedicado aos cargos em comissão e de provimento efetivo que ocupei em Ubatuba.
Posso informá-lo que ocupei três cargos em comissão na Prefeitura de Ubatuba. Para os três fui buscado na minha casa. Nunca solicitei de nenhum prefeito cargo em comissão e não seria agora que estaria almejando secretarias ou quaisquer outros cargos. Trabalhei e estudei durante mais de cinqüenta anos para merecer o descanso e felicidade que posso usufruir agora.
Enquanto ao resgate de Ubatuba pela nova administração, não tenho percebido indícios de que venha a ocorrer de imediato.O termo é bastante vago e se presta a interpretações menos favoráveis à administração considerando que outros resgates de triste memória estão acontecendo. Vossa Senhoria poderá percebê-los se for observador crítico, conhecedor da administração pública de Ubatuba, dos requisitos necessários para ocupar cada um dos cargos em comissão, dos cidadãos que atualmente os ocupam assim como de seus currículos e vinculações, bem intencionado e não fanatizado.
Sobre seu conselho final posso dizer-lhe que tenho um conceito claro de cidadania e de minha liberdade democrática de me manifestar dentro das normas de respeito às pessoas e às instituições como sempre tenho feito.Ocorre que, boa parte de nossos homens públicos e seus áulicos, não gostam que a verdade pública seja publicada e comentada. É mais cômodo que ninguém incomode e publique as aberrações praticadas pelos homens ocupantes do poder. Tendo esse direito continuarei a exercê-lo.Minhas criticas visam evitar desastres e conseguir que nossa administração pública reúna as qualidades exigidas pela Constituição Federal e pela legislação complementar.Tenho imenso interesse no sucesso da administração.
Apresento-lhe cordiais cumprimentos.
Atenciosamente.

Corsino Aliste Mezquita
RG. 2.976.292-3
Ubatuba, SP


Com unhas e dentes:
1-Encontrar emprego qualificado em Ubatuba é difícil.
2-Encontrar pessoas preparadas e, qualificadas idem.
3-Salários de R$3.500,00 (mesmo para cargos de gerência) (aqui) nenhuma empresa pode pagar.

Ronaldo Dias
Ubatuba, SP

Foto do Dia Topo

Para participar desta seção basta enviar as fotos com crédito do autor e legenda, no tamanho mínimo de 1024 x 768 pixels com resolução de 72dpi para fotododia@litoralvirtual.com.br
O envio de foto caracteriza autorizada a sua publicação e identifica o remetente como autor.

Ubatuba-SP

Praia do Lázaro - Emilio Campi


Praia do Lázaro
 ©Emilio Campi


Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Editora Assistente: Jullyany Roberta Cruz


GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor