Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2006 - Nº 1447 Edições Anteriores

Ubatudo Pousada das Cachoeiras Jornal Agito

Região
Litoral Norte tem 11 praias impróprias


Caraguatatuba
Aguilar sanciona projeto que autoriza doação de área para AACD
Vereador e SAB cobram início de obras contra erosão no Massaguaçu
Sem lei que proíba, turistas estacionam na faixa de areia
Nova Visão Tv ganha liminar na Justiça
Crianças do Interior na Praia se encantam com o Horto Florestal
Juventude Católica participa de dia esportivo
Desafio de Xadrez acontece em Caraguá
Doze equipes disputam 3ª rodada de Beach Soccer em Caraguá
Pavimentação na Ponte Seca inicia em 60 dias
Aurimar aprova Lei para AACD Regional
Câmara retorna aos trabalhos
A Câmara e os números de dezembro


Ilhabela
Elektro apresenta “Estação Elektro” novamente em Ilhabela
Festa de Nossa Senhora d'ajuda


São Sebastião
O futuro depende de conseguirmos integrar nossas diferentes vocações
Sem rumo definido, PMDB de São Sebastião vira alvo de especulação
Prefeitura quer gerenciar Alcatrazes
Câmara vota hoje reforma do Estatuto do Servidor
Zélia Duncan promete uma grande apresentação em São Sebastião
CIP de São Sebastião abre inscrições para cursos
IPTU 2006 em São Sebastião é sinônimo de prêmios e investimentos na cidade
Festa do Padroeiro reúne diversão e utilidade pública


Ubatuba
Ruínas da Lagoinha estão ameaçadas
Cobrança foi retomada neste verão
Ubatuba avalia fim de vagas na orla
Presas tumultuam cadeia destruindo celas durante visita
Base Operacional de Grupamento Aéreo é tema de debate em Ubatuba
Reurbanização da Praia Grande é discutida em audiência pública
Pacientes com Câncer recebem apoio no Centro de Referências e Especialidades

Seções
Poesia
Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

Litoral Norte tem 11 praias impróprias

Litoral Norte - Boletim de balneabilidade divulgado ontem pela Cetesb classificou 11 praias do Litoral Norte como impróprias. Com relação à amostragem anterior, divulgada na terça, a novidade foi a retirada da Prainha, em Caraguá, da lista de impróprias. Uma das mais frequentadas da cidade, a Prainha estava vetada desde 8 de janeiro. Em Caraguá, continuam poluídas as praias Indaiá e Centro. Em Ubatuba, das 24 praias monitoradas, 5 estão impróprias --Itaguá, Santa Rita, Lázaro, Perequê-Mirim e Perequê-Açu. Em São Sebastião, permanecem impróprias as praias Pontal da Cruz e São Francisco, o mesmo ocorrendo com Pinto e Portinho, em Ilhabela. (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de Caraguatatuba Topo

O Guaruçá Caraguatatuba


Aguilar sanciona projeto que autoriza doação de área para AACD

Caraguatatuba - A Câmara Municipal aprovou em dezembro passado projeto de lei autorizativo, de autoria do vereador Aurimar Mansano (PTB), para a vinda de uma unidade regional da AACD (Associação de Assistência à Criança Defeituosa) para Caraguatatuba. O projeto foi sancionado pelo prefeito José Pereira de Aguilar (PSDB), dando início ao trâmite que possibilitará a vinda da instituição para a região.
A AACD tem por objetivo cuidar de crianças com deficiências físicas, congênitas e cerebrais. A entidade possui uma equipe médica da mais gabaritada e diversa, atendendo a todos os casos relacionados com a sua linha clínica de atendimento.
Um grande número de crianças e jovens de Caraguatatuba e das outras cidades do Litoral Norte viaja periodicamente para São Paulo, para receber tratamento pela entidade.
Segundo o projeto, a Prefeitura fica autorizada a doar uma área de fácil acesso para a construção de uma AACD no Litoral Norte, com o objetivo atender as cidades da região no cuidado de suas crianças.
O projeto tramitava na Câmara de Caraguatatuba desde 2004 e por conta do grande número de proposituras, não foi votado naquele ano, sendo desarquivado pelo parlamentar no ano passado e colocado em votação no final de 2005, quando foi aprovado. A sanção do Prefeito Aguilar foi feita recentemente.
Para Aurimar o deficiente merece dedicação constante e uma AACD Regional resolveria os problemas destas crianças e jovens.
“A Prefeitura gasta muito mensalmente levando as crianças e seus responsáveis para São Paulo. Além do tempo dispendido o tratamento não é tão eficaz como se houvesse uma unidade regional em nossa cidade. Com a aprovação reiniciarei os entendimentos com a direção da AACD para a efetivação desta parceria”, disse Aurimar. (Fonte: Imprensa Livre)

Vereador e SAB cobram início de obras contra erosão no Massaguaçu

Caraguatatuba - O vereador Celso Pereira (PSDB) disse já ter enviado ofícios ao DER (Departamento de Estradas de Rodagem) e ao Estado para questionar qual o prazo para o início das obras de contenção de erosão no bairro Massaguaçu. A erosão atinge alguns trechos da SP-55 e a maior parte da orla da praia.
“Estão esperando a estrada ser totalmente destruída para poder tomar providên-cias?”, questiona o vereador.
Em setembro do ano passado o Estado liberou R$ 1,37 milhão para a conter a erosão que atinge a praia.
A presidente da SAB do Massaguaçu, Ana Maria Santarosa Bordezan, também disse que já procurou a Prefeitura para saber o que foi feito da verba liberada pelo Estado.
“Os moradores ligam para mim e eu questiono a Prefeitura. Nós queremos saber onde foi parar o dinheiro”, reclamou Ana Maria.
Ela disse que já organizou reuniões com o vereador e a Prefeitura para discutir a questão. Segundo a presidente, há 10 anos começaram os problemas com erosão. “Há 10 anos havia 30 metros de areia. Hoje, se houver uma ressaca forte, não saberemos o que poderá acontecer. A praia está acabando”, afirmou a presidente.
Ela disse que conseguiu que um geólogo da USP (Universidade de São Paulo) se comprometesse a fazer um estudo para verificar quais as possibilidades para se resolver o problema. “Não importa quanto tempo demore. Nós queremos é uma solução. Estamos muito preocupados, há inclusive locais na estrada com postes pendurados entre a pista e praia”, contou Ana Maria.
O outro lado - A assessoria de imprensa do DER informou que a obra está em processo de licitação. Na quinta-feira foi feita a primeira parte, com a visita técnica na área. Ontem, foi a entrega da documentação das empresas que participarão da licitação.
Ainda conforme a assessoria, se não houver recurso das empresas que perderem a licitação, os trabalhos devem ser iniciados em 30 dias.
As primeiras informações sobre a obra são de que será construído um muro de contenção de três mil metros de extensão entre o km 89,5 e o km 92,5 da rodovia SP-55. (Fonte: Imprensa Livre)

Sem lei que proíba, turistas estacionam na faixa de areia

Caraguatatuba - Os turistas que gostam de curtir as praias do Centro, Indaiá e Aruan têm uma opção a mais para escapar do grande problema da temporada, que é a falta de estacionamento. Eles param seus carros na faixa de areia.
Mesmo com a avenida duplicada pela Prefeitura, com “bolsões de estacionamento” em quase toda a orla dessas praias, o turista prefere mesmo é optar pela garantia de segurança.
“Eu estacionei aqui porque é mais perto da praia, de onde eu consigo, além de me divertir, tomar conta do carro. Se eu deixar lá na rua, corro o risco de encontrar dois quando voltar”, brinca um turista, indetificado apenas como Antônio.
O contador Edvaldo Luis Gomes, da Baixada Santista, é contra a prática, mas mesmo assim não quis perder a oportunidade de deixar seu carro na sombra de uma árvore
. “È a primeira vez que venho nessa praia (Indaiá). Como vi vários carros estacionados aqui, coloquei o meu também. Acho que o correto é proibir, assim como em São Vicente, por exemplo. Lá é proibido e a fiscalização é diária, com agentes orientando os motoristas onde se deve estacionar”, disse Edvaldo.
Segundo o secretário de Urbanismo de Caraguá, Leandro Borella, não existe lei no município que proíba o estacionamento e o tráfego nas faixas de areias das praias.
Turistas estacionam seus carros próximo da areia, na praia do Indaiá, em Caraguatatuba.
“O que não permitido é o abuso. Quando um agente percebe que alguém avançou um pouco mais, colocando seu carro bem próximo da areia, é solicitado a ele que retire o carro”.
Ainda segundo Borella, existe a idéia de criar estacionamentos nesses locais, melhorar a estrutura que já ajuda e muito o turista nessa época de temporada.
Para o diretor do Ditran (Departamento de Trânsito), Celso Rapaci, a prática é normal. “A partir do momento que não existe nenhum tipo de conflito, não incomoda o tráfego, o próprio banhista, acaba sendo uma comodidade. O turista ainda coloca seu carro na sombra e perto de onde ele ficará”. (Fonte: Imprensa Livre)

Nova Visão Tv ganha liminar na Justiça

Caraguatatuba - Foi concedida uma liminar para a Nova visão Tv , representada por seu advogado Dr. Diogo Silva Nogueira, onde a Tv a cabo (net) não poderá impedir a veiculação do canal.
Em decisão tomada pelo Doutor Marcos Alexandre Santos Ambrogi Juiz de Direito da terceira vara civil da comarca de Caraguatatuba, a net foi impedida de excluir a programação da Nova Visão Tv do ar ou de qualquer forma embaraça-la, até ordem em contrário, sob pena de incidindo em mora, multa diária de R$ 800,00.
Acontece que no mês de dezembro a Nova Visão Tv recebeu uma carta onde a Net simplesmente comunicava a Nova Visão Tv que estava reincidindo o contrato, sem mesmo explicar o motivo.
A Net chegou ao absurdo de antes de qualquer comunicação a Nova Visão, divulgar em outro canal da Tv a Cabo que entraria com uma nova programação no Canal 30 da net, atual canal pertencente à Nova Visão Tv.
Mas conforme liminar concedida, a Nova Visão Tv continua com a sua grade de programação, se desenvolvendo a cada dia que passa, provando assim que a Nova Visão Tv , é a Tv da nossa gente. Maiores Informações Simone Nogueira

Crianças do Interior na Praia se encantam com o Horto Florestal

Caraguatatuba - As 240 crianças que fazem parte do Programa Interior na Praia visitaram no último dia 18 de janeiro o Horto Florestal de Caraguatatuba. Eles se encantaram com as belas plantas e animais encontrados na trilha ecológica, além de conhecerem um pouco mais sobre a Mata Atlântica.
As monitoras do Horto Florestal explicaram sobre as principais espécies encontradas no passeio. As crianças, demonstrando muito interesse e curiosidade, não se cansavam de fazer perguntas, querendo saber detalhes, principalmente das plantas mais exóticas.
A principal atração do passeio foi o banho na piscina natural da cachoeira do Horto. Na oportunidade, as crianças mergulharam, nadaram e escorregaram em uma pedra-tobogã.
O Programa Interior na Praia em Caraguá tem várias atrações programadas. Na última segunda, 16 de janeiro, as crianças conheceram a praia da Cocanha. A maioria nunca tinha visto o mar de perto. Na terça, 17 de janeiro, os principais passeios foram conhecer o Museu MACC (Museu de Arte de Cultura de Caraguatatuba), no centro da cidade. Logo após a brincadeira rolou solta no Imac Center Park, na rua da praia.
Para quinta-feira, está programada uma confraternização entre todas as crianças. Será uma grande festa com apresentação de teatro, dança e músicas.
Esta semana Caraguá está recebendo crianças das cidades de Itapuí, Itatinga, Pilar do Sul, Itaquera e São Sebastião da Grama. Semana passada recebemos a vista de Bálsamo, Mombuca, Morro Agudo, Rubiácea, Silveiras e Tatuí. Semana que vem, para encerrar o Interior na Praia 2006, virão as cidades de Balbinos, Mogi Mirim, Jaboticabal, Joanópolis, Guaratã e Serra Azul totalizando 680 crianças.
A Coordenadora geral do projeto em Caraguá, Evelise Bustamente, elaborou um “diário de bordo” que foi distribuído para todos os participantes. Nele, a criança poderá registrar as experiências vividas nesta viagem e guardar como recordação.
O Interior na Praia é um uma divisão do programa “Caravanas do Conhecimento” e tem organização do CEPAM (Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal), junto ao Governo do Estado de São Paulo e diversas prefeituras. O objetivo é levar alunos de 9 a 11 anos, que não teriam condições de passar alguns dias em viagem conhecendo litoral do Estado de São Paulo. Há também a divisão “Redescobrindo o Interior”, em que crianças do litoral conhecem o interior paulista. As cidades integradas ao programa trocam as hospedarias, ou seja, alunos do interior irão ao litoral, assim como crianças do litoral irão ao interior.
Outros aspectos que o programa visa, é a promoção do lazer conjugado à educação informal e alternativa, a estruturação de sistema de atendimento turístico e de lazer acessível à população estudantil, aproximação da comunidade com a Administração Pública e o intercâmbio de crianças com troca de experiências sobre as culturas locais. (Fonte: PMC)

Juventude Católica participa de dia esportivo

Caraguatatuba - O evento, coordenador pela Pastoral da Juventude da Diocese de Caraguatatuba acontece neste domingo, 22, no Centro Esportivo Ubaldo Gonçalves, em Caraguá. Os diversos grupos participarão de um campeonato de futebol e voleibol. Também, haverá apresentação de Dança de Rua. O objetivo do PJ Sports é o de abrir o calendário de 2006 integrando a juventude. Já confirmaram presença os grupos das Paróquias Nossa Sra d´Ajuda, de Ilhabela, N Sra do Amparo de São Sebastião e das Paróquias Santo Antonio, N Sra da Glória, N Sra da Visitação e Santa Terezinha, de Caraguatatuba, entretanto o evento é aberto. A expectativa é a de reunir cerca de 100 jovens. Uma taxa de inscrição recolherá fundos para a realização do PJ Vocare, encontro de 1º anúncio que será realizado na cidade de Caraguatatuba, em Março próximo. Informações com Cláudio no 91456666
(Fonte: Diocese de Caraguatatuba)


Desafio de Xadrez acontece em Caraguá
Em todos os dias de competição os enxadristas de Caraguá estarão aceitando desafios de outros atletas

Caraguatatuba - A tenda do projeto DiverCidade, localizada na Praça Ton Ferreira, será palco de uma disputa recreativa do Projeto de Verão, organizado pela Secretaria de Esportes e Recreação: O Desafio de Xadrez. O evento acontecerá do dia 21 ao dia 25, das 16h às 20h.
Uma equipe com onze atletas, sendo quatro meninos e sete meninas de Caraguá estará todos os dias do evento na tenda disputando partidas, aceitando desafios de qualquer esportista que desejar participar das disputas.
O desafio é aberto para atender qualquer pessoa, sendo moradores, veranistas e turistas que pratiquem a modalidade e deseja fazer o desafio aos atletas.
No dia 25, último dia de competição, o enxadrista Carlos Eduardo, mais conhecido como Cadu, fará uma silmutânea com mais 10 competidores, e também com a participação de outros atletas. “Todos os participantes receberão orientações e instruções importantes de como fazer uma boa partida e vencer o adversário”, disse o técnico de xadrez e um dos organizdores do evento, Marco Ortagno Máximo Azevedo. (Fonte: PMC)

Doze equipes disputam 3ª rodada de Beach Soccer em Caraguá
As competições seguem a todo vapor com disputas acirradas entre as equipes.
As disputam acontecem na arena ao lado da Pista de Bicicross no bairro Indaiá de terça a sábado a partir das 16 horas


Caraguatatuba - O Campeonato Muncipal de Beach Soccer, que iniciou em Caraguatatuba, no sábado, dia 15, como parte das atividades do Projeto de Verão da prefeitura, por meio da Secretaria de Esportes e Recreação, segue com disputas acirradadas entre as equipes. Nesta quarta-feira, dia 18, mais 12 equipes se enfrentaram na briga por uma vaga nas quartas de finais do campeonato.
Disputaram a categoria Pré-Mirim as equipes Pastoral e Praia Soccer. A competição foi acirrada entre os dois times, mas o Praia Soccer não deu chance para o adversário e venceu de goleada, 6 a 1. Na categoria Infantil se enfrentaram os times Pastoral e Projeto futuro. As equipes empataram no tempo normal de jogo, na prorrogação Raphael do Projeto Futuro não deu chance para os adversários e marcou o gol de ouro, levando sua equipe a vencer de 3 a 2. Na categoria Infantil masculino, o time Fênix Imóveis venceu o Mercenário de 5 a 3. Já na cateoria Livre masculino entraram em campo quatro equipes, duas do grupo F e duas do grupo H. Disputando pelo grupo F, a equipe Sportinga enfrentou a equipe E. C. Caraguá e venceu de 4 a 3. Na tarde de competições as meninas também entraram em campo para disputar a categoria Infantil. O confronto foi entre os times Pastoral e C.A. Poiares, a briga é para conseguir chegar na reta final da disputa. A equipe C.A. Poiares venceu a Pastoral de 3 a 2.
As competições do Campeonato Municipal de Beach Soccer seguem até o dia 8 de fevereiro. As disputam acontecem na arena ao lado da Pista de Bicicross no
Bairro Indaiá de terça a sábado a partir das 16 horas. (Fonte: PMC)

Pavimentação na Ponte Seca inicia em 60 dias
Baduca Filho foi informado pelo Diretor de Pavimentação sobre o início das obras

Caraguatatuba - O Vereador Cristian Alves de Godoi - Baduca Filho (PL), da Câmara Municipal de Caraguatatuba mantêm o mesmo ritmo frenético de campanha quando o assunto é conquistar melhoria de vida para os contribuintes. Prova disso foi a informação do Diretor de Pavimentação da Prefeitura, Engenheiro João Alarcon, que a pavimentação no bairro da Ponte Seca terá início em 60 (sessenta) dias.
Esta obra veio após uma reunião realizada no bairro da Ponte Seca, na segunda-feira - 22 de agosto de 2005, quando anunciou a pavimentação das ruas restantes do bairro juntamente com lideranças. O Parlamentar reuniu-se na noite de segunda-feira - 22 de agosto, em frente ao Bar do Tatá, no bairro da Ponte Seca, com cerca de 100 moradores daquela comunidade, quando foi amplamente discutida a pavimentação das ruas restantes do bairro, num total de 5 ruas, com um cálculo de aproximadamente 2 mil metros lineares de pavimentação, que poderá ser asfáltica ou por bloquetes sextavados.
A discussão sobre pavimentação girou em torno também do PCM (Plano Comunitário de Melhorias), onde a Prefeitura obtêm a adesão dos moradores de determinada rua, abre licitação e contrata a empreiteira que realizará o serviço. A empreiteira será paga com o dinheiro arrecadado pelos moradores, que pagarão a pavimentação mediante a metragem da frente de suas residências. Na ocasião o Vereador entregou ao representante daquela comunidade o protocolo de sua indicação, requisitando do Prefeito José Pereira de Aguilar (PSDB), o seu aval para a obra, que foi dado pelo Chefe do Executivo. A concretização do aval e da obra veio esta semana, com a informação do Diretor de Pavimentação da Prefeitura Municipal, Engenheiro João Alarcon, de que os trabalhos naquela comunidade terão início em 60 dias.
Segundo a praxe, caso a pavimentação seja por bloquetes, as vias públicas receberão nivelamento, haverá a colocação de guias e sarjetas, para depois serem colocadas as camadas de areia e posteriormente serem fixados os bloquetes.
Com a obra haverá uma grande melhora no acesso ao bairro pelos pedestres e meios de transporte, bem como valorização dos imóveis e aumento na qualidade de vida dos moradores, que terão definitivamente afastados os fantasmas do lamaçal, dos atoleiros e das vias públicas em péssimo estado.
Esta reivindicação, bem como outras que fazem parte do roll de pedidos e trabalhos do Vereador Baduca Filho (PL) mostram a transparência do seu trabalho e o respeito às bases de campanha e aos votos recebidos em 2004.
Para o Parlamentar a qualidade de vida está em cada conquista, em cada melhoria recebida pela comunidade. "Qualidade de vida é isso, é esgoto, pavimentação, iluminação pública, ronda policial, escola ou lazer. O mais importante é o Vereador estar atento e presente nas comunidades, ouvindo suas solicitações e atendendo seus pedidos", concluiu.
 (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Aurimar aprova Lei para AACD Regional
Prefeito Aguilar sanciona projeto autorizativo

Caraguatatuba - O Vereador Aurimar Mansano (PTB), da Câmara Municipal de Caraguatatuba, aprovou Projeto de Lei Autorizativo, de número 1229/05, em dezembro do ano passado, para a vinda de uma unidade Regional da AACD (Associação de Assistência à Criança Defeituosa) em Caraguatatuba. O Prefeito José Pereira de Aguilar (PSDB) sancionou recentemente o projeto, dando início ao trâmite que terminará com mais este benefício à região.
A AACD tem por objetivo cuidar de crianças com deficiências físicas, congênitas e cerebrais. A entidade possui uma equipe médica da mais gabaritada e diversa, atendendo a todos os casos relacionados com a sua linha clínica de atendimento.
Um grande número de crianças e jovens de Caraguatatuba e das outras cidades do Litoral Norte viajam periodicamente para São Paulo, para receber tratamento pela AACD, onde há casos de recuperação comprovada em cerca de 75%.
Segundo o projeto, a Prefeitura fica autorizada a doar uma área de fácil acesso para a construção de uma AACD no Litoral Norte, por parte da entidade, que teria como objetivo abranger as cidades da região no cuidado de suas crianças.
Este projeto tramita na Câmara de Caraguatatuba desde 2004 e por conta do grande número de proposituras, não foi votado naquele ano, sendo desarquivado pelo Parlamentar no ano passado e colocado em votação no final de 2005, quando foi aprovado. A sanção do Prefeito Aguilar foi feita recentemente.
Para Aurimar o Deficiente merece dedicação constante e uma AACD Regional resolveria os problemas destas crianças e jovens. "A Prefeitura gasta muito mensalmente levando estas crianças e seus responsáveis para São Paulo. Além do tempo dispendido o tratamento não é tão eficaz se houvesse uma unidade regional em nossa cidade. Com a aprovação reiniciarei os entendimentos com a direção da AACD para a efetivação desta parceria", disse Aurimar.
 (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Câmara retorna aos trabalhos
Recesso teve fim no dia 16; Sessões somente em fevereiro

Caraguatatuba - A Câmara Municipal de Caraguatatuba retornou ao Expediente neste dia 17 de janeiro, após 25 dias de paralisação, que compreenderam o recesso de final de ano e as férias coletivas referentes a 2004. Mesmo com a volta do atendimento, o recesso dos Vereadores termina em 31 de janeiro.
O recesso Parlamentar foi dividido em 2 etapas; Dia 16 teve início o recesso dos Vereadores, que só retornam ao trabalho no dia 1º de fevereiro. A segunda etapa aconteceu no dia 23 de dezembro e compreendeu os funcionários e assessores.
A partir do dia 2 de janeiro deste ano tiveram início as férias coletivas de funcionários e assessores de Vereadores, que terminou no dia 16 e fazia parte das férias relacionadas ao ano de 2004, que foram divididas em julho e janeiro.
Mesmo que todos os Vereadores não estejam presentes a sede do Legislativo, o atendimento voltou ao seu horário normal, das 12 às 18 horas.
Até o momento não há previsão de realização de Sessões Extraordinárias, sendo que a primeira Sessão Ordinária está prevista para o dia 14 de fevereiro, pois a sessão do dia 7 marca a abertura do ano Legislativo, com a presença do Prefeito José Pereira de Aguilar (PSDB), que fará a prestação de contas do semestre anterior. Esta sessão é considerada especial e tradicional, sendo constante da Lei Orgânica Municipal. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

A Câmara e os números de dezembro
Índice mensal fecha ano Legislativo dentro das médias

Caraguatatuba - A Câmara Municipal de Caraguatatuba, através de sua Assessoria de Imprensa, divulga os índices de produção do Legislativo em dezembro de 2005. Os dados fecham o ano Parlamentar dentro das médias históricas.
Em dezembro a Câmara Municipal de Caraguatatuba protocolou 153 documentos, sendo 24 Projetos de Lei, 1 Projeto de Decreto Legislativo, 116 Indicações, 5 Moções, 7 Requerimentos. O número de protocolos não significa que todas as proposituras foram apreciadas em plenário, mesmo porque há propostas protocoladas antes de dezembro que não foram discutidas em sessão.
Quanto às visitas, foram anotadas 1353 de contribuintes que foram recebidos em audiência pelos Vereadores. Dividido pelo número de Vereadores a média é de 135,3 eleitores/Vereador. Uma nova divisão, agora pelos dias úteis de dezembro, que foram 16, a média é de 84,5 pessoas/dia. A Câmara de Caraguatatuba também anota o número de pessoas que freqüentam as Sessões durante o mês, seja ela Ordinária, Solene ou Extraordinária. No mês passado foram realizadas 3 sessões, sendo 2 Ordinárias e 1 Solene, com público total de 108 pessoas e média de 36 pessoas/sessão.
Os números de dezembro refletem as médias tradicionais do primeiro ano de uma gestão, quando há um volume maior de propostas realizadas e de audiências de contribuintes. Índices idênticos foram anotados em 2001. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)
 
Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Portal da Palmeira

Elektro apresenta “Estação Elektro” novamente em Ilhabela

Ilhabela - A Elektro, empresa concessionária de energia em Ilhabela, apresentará novamente o projeto Estação Elektro entre os dias 25 e 28 de janeiro. Este ano o evento terá como sede a rua Dr. Carvalho, na Vila, em frente à Câmara Municipal. O projeto visa orientar a população sobre o uso racional de energia elétrica no dia- a- dia e fala ainda, sobre a segurança no uso da eletricidade.
Na quarta-feira, 25, acontece a solenidade de abertura, às 11h. Na sexta-feira, 26, começam as atividades da Estação, sempre das 8:30h às 21h, com encerramento dia 28, sábado.
Os participantes assistirão à palestras, experimentos e vídeos sobre o assunto. O evento é aberto à toda comunidade e os interessados deverão se inscrever com Camila Garcez, na Câmara Municipal ou pelo telefone (12) 38969600. A participação da população é de extrema importância para o sucesso do evento.
Cine Elektro - Dentro das atividades da Estação, destaca-se o Cine Elektro, que deve apresentar dois filmes, com entrada franca, na sexta-feira, 27. Em cartaz, estão: Os incríveis às 20:00h e O Quarteto Fantástico às 21:00h. cmi

Festa de Nossa Senhora d'ajuda


Ilhabela - Ilhabela, o canal que a separa do Continente e a cidade vizinha foram descobertas pelo navegador italiano Américo Vespúcio no dia 20 de janeiro de 1502. Por ser o dia de São Sebastião, foi com o nome deste santo que foram batizadas. Apesar de ficar desabitada ainda por um longo período, a “Ilha de São Sebastião”, aos poucos, começou a ser ocupada e o pequeno povoado que se formou ficou conhecido por “Villa Bella”.
Os primeiros moradores deste belo lugar, além de se dedicarem à agricultura, introduziram também uma forte devoção, de origem portuguesa, a Nossa Senhora d’Ajuda. Mas foi somente no final do século XVII que a Ilha reuniu o número suficiente de habitantes agrupados para a instalação de uma Capela, justamente onde hoje se encontra o centro da cidade e é conhecido por “Vila”.
Mesmo não tendo sido encontrado o documento oficial que criou a Capela Nossa Senhora D’Ajuda, sabemos que em 1697 o Pe. Manoel Gomes Pereira, então Vigário da vizinha São Sebastião, mandou construir na Ilha um Santuário dedicado a Nossa Senhora D’Ajuda e Bom Sucesso.
Com o passar do tempo, por falta de adequada conservação, a Igreja foi se deteriorando e por volta de 1793 precisou ser reconstruída quase de novo. Poucos anos depois, mais uma reforma a preparou para ser a Matriz da “Vila Bela da Princesa”. O Padre João Rodrigues Coelho, por ocasião da festa da Padroeira, aos 02 de fevereiro de 1803, fez a nova bênção e encaminhou todos os preparativos necessários para a criação da Paróquia em 1806. O primeiro Vigário Colado foi o padre David da Graça Silva e Veiga que assumiu a Paróquia Nossa Senhora D’Ajuda e Bonsucesso no ano de 1809.
O estado atual da Igreja Matriz de Ilhabela é fruto do trabalho e dedicação do escultor paulista Alfredo Oliani. Por volta de 1950, este artista começou a arrecadar doações para a reforma da fachada, dos altares, a pintura do forro, dos quadros e a colocação do novo piso. Ele também contribuiu com a execução de várias obras, dentre as quais destacamos a “Via Sacra” e as quatro grandes estátuas que se encontram na frente da Igreja.
Já são mais de trezentos anos que este importante recinto, acolhedor e sereno, conserva a imagem de Nossa Senhora d’Ajuda a quem os devotos com muita confiança recorrem.
Desde dezembro de 2003 a Paróquia foi confiada aos cuidados pastorais da Congregação dos Padres da Doutrina Cristã (Doutrinários), que têm por carisma a catequese, afim de que dêem continuidade a todo este grande processo secular de Evangelização em Ilhabela.
A DEVOÇÃO A NOSSA SENHORA D’AJUDA - O Título “Nossa Senhora D’Ajuda” teve sua origem em Portugal quando soldados e marinheiros veneravam a Virgem Maria, Mãe de Jesus, invocando sua ajuda. Muitas Naus lusitanas foram colocadas sob a proteção desta Mãe, provavelmente por causa da pequena Capela existente na praia do Rastelo, em Lisboa, que abrigava uma Imagem Milagrosa que ali tinha sido encontrada.
Foram os padres jesuítas que trouxeram esta devoção para o Brasil, dedicando a Nossa Senhora D’Ajuda a primeira Igreja que construíram na Bahia. Eles se inspiraram na Caravela Capitânia da frota de Tomé de Souza, que se denominava “Nossa Senhora D’Ajuda” e que trazia sua imagem a bordo. Com a chegada do primeiro bispo D. Pedro Fernandes Sardinha, os jesuítas cederam-lhe a Igreja, que foi remodelada e tornou-se em 1579 a Sé da Bahia. Em seguida os jesuítas foram para Porto Seguro – BA, onde construíram outra Igreja e a dedicaram novamente com o mesmo Título.
A devoção a Nossa Senhora D’Ajuda se espalhou pelo Brasil e em vários lugares podemos encontrar Capelas e Igrejas a Ela dedicadas: Cachoeira – BA, Tiradentes – MG, Rio de Janeiro – RJ, Itaquaquecetuba – SP, Caçapava – SP e Guararema – SP entre outras.
Por ser uma celebração de um Titulo de Maria, a Festa de Nossa Senhora D’Ajuda não tem uma data precisa, sendo comemorada em uma das várias Festividades Mariana.
Em Ilhabela a Solene Festa de Nossa Senhora D’Ajuda é celebrada no dia 02 de fevereiro, juntamente com a Festividade da Apresentação do Senhor, também conhecida como Purificação de Nossa Senhora. Sandra Colaferri
 

Notícias de São Sebastião Topo

São Sebastião Superchic

O futuro depende de conseguirmos integrar nossas diferentes vocações

São Sebastião - “Oh São Sebastião! Glorioso mártir, nosso padroeiro, protegei o futuro desta terra!” Era 20 de janeiro de 1.502, o dia em que o navegador português Américo Vespúcio passou ao longo de nossa costa batizando estas terras com o nome do santo do dia – São Sebastião, nosso Padroeiro.
Batizaram, ignorando que esta terra já tinha dono, os Tupinambás e os Tupiniquins, divididos pelo maciço da serra de Maresias/Boiçucanga. Hoje, meio milênio depois, continuamos aqui, quase como antes:
Mata Atlântica, ilhas oceânicas, vinte bacias hidrográficas que se derramam em cachoeiras costa afora, e 107 quilômetros lineares de costa com suas 31 praias. Algumas, com certeza, entre as mais bonitas do mundo.
Hoje temos 75 mil habitantes, número que chega a 300 mil no período entre Natal e Carnaval – a chamada população flutuante. Nosso orçamento para 2006, o maior do Litoral Norte, está estimado em 210 milhões. E, no próximo dia 16 de março, completamos 370 anos de emancipação político-administrativa.
Cabe, então, pensar um pouco no futuro e nos desafios que ele nos reserva. Mas qual futuro estará reservado para o nosso município? Dizem que a nossa vocação é turística, mas não se pode ignorar o porto e o terminal de petróleo. E a Costa Norte? No que se transformará – cidade dormitório ou área de retroporto?
Para ajudar nesta reflexão, fomos ouvir algumas das nossas lideranças com uma pergunta básica: qual será o nosso futuro? Nas respostas, algumas palavras-chaves: integração e coexistência entre as diferentes vocações, apoio ao turismo e união.
A visão oficial - O prefeito de São Sebastião, através da sua assessoria de imprensa, informou que a cidade vai desenvolver o seu potencial turístico e industrial, pautando suas ações em serviços e em investimentos na área do turismo.
“Infra-estrutura e planejamento não se resolvem em um ano. Os frutos serão colhidos nos próximos anos em todo o território do município, inclusive a Costa Norte, que receberá, por exemplo, uma orla urbanística na Enseada, com praça, campo de futebol e espaço para a prática do kitesurf”, esclarece.
“O município não vai se transformar em cidade dormitório e muito menos pit stop para qualquer outra localidade. Aqueles que quiserem fazer ‘xixi’ no município poderão fazer, mas em uma estrutura turística moderna”, diz o prefeito.
Nota da redação: a referência ao pit stop para xixi, termo usado em nota da coluna Curtas na semana passada, diz respeito às críticas de que São Sebastião virou apenas ponto de passagem para quem se dirige a Ilhabela.
Ecoturismo: vocação natural - “Nós temos três patrimônios naturais definidos na Constituição – Mata Atlântica, Serra do Mar e Zona Costeira. Poucos lugares do mundo reúnem tanta beleza e tanto potencial para o ecoturismo”, diz o diretor do Núcleo São Sebastião do PESM (Parque Estadual da Serra do Mar), o biólogo Edson Lobato, o Fredê.
“O porto, com suas excelentes condições naturais – ele tem o segundo melhor calado do mundo – e, em conseqüência disto, o terminal de petróleo, também são vocações naturais. E estas diferenças não devem concorrer entre si, mas sim serem complementares. Já que estão aí, devem coexistir e temos que perceber isto com mais clareza”, diz Fredê.
Em sua opinião, hoje o porto e o terminal apenas agregam dinheiro e não garantem qualidade de vida, ao contrário, são uma ameaça permanente. Eles geram renda, mas isto não é desenvolvimento sustentável.
“No mínimo, porto e terminal petrolífero deveriam ter uma excelência em termos de serviço e qualidade, para não poluir e não degradar este cenário maravilhoso que temos. E, já que estão aqui, devem se comprometer com o turismo. Qual o aporte financeiro, que investimentos realizam em benefício e apoio ao turismo?”, indaga ele, ressaltando que turismo é a atividade que mais gera emprego com o menor investimento, em todo o mundo, além de não degradar e não poluir.
Um dos exemplos citados é o caso da Estrada da Limeira, também conhecida como Intermediária. Esta estrada liga Caraguatatuba a Salesópolis, é usada pela Transpetro para manutenção do oleoduto, e corta o PESM. Há muito poderia estar transformada numa estrada-parque, trazendo benefícios enormes para o ecoturismo de toda a região. No entanto, as negociações entre Transpetro e Instituto Florestal se arrastam há anos e parecem infindáveis.
Costa Norte: falta planejamento - “Houve um adensamento de população muito grande, sem critérios e sem um planejamento urbano que preservasse a Costa Norte, que era uma região linda. E assim o município vai caminhando para o caos, com o que muito contribuem as propostas aleatórias de alterações na Lei de Uso do Solo”, diz Rosely Santaella, presidente da Facenorte (Federação das Sociedades de Amigos da Costa Norte).
Ela cita a situação do Centro Histórico, descaracterizado e descuidado, um potencial perdido, que hoje não atrai os turistas como poderia. Cita ainda o bairro de São Francisco, antigamente um reduto de pescadores artesanais, que também está perdendo suas características.
“Eu não sei se nosso município é turístico, portuário ou pesqueiro. São três realidades muito diferentes, e temos estas três faces. O que sei é que os responsáveis devem pensar mais no futuro, para que toda esta maravilha não fique ameaçada”, afirma.
A questão é somar - Esta é a opinião do presidente da Associação Costa dos Alcatrazes, o hoteleiro Augusto Ferrari, o Guto.
“O futuro está em várias coisas e lugares. Porto, praia, centro histórico, tudo isto é fonte de renda e o importante é somar e não perder oportunidades. Vem gás por aí, vem a ampliação do porto e o governo está investindo em turismo. A região tem que aproveitar tudo isto”, diz ele.
Segundo Guto, a maior dificuldade para o turismo é a falta de infra-estrutura para atender o turista que hoje vem do exterior, por meio das operadoras de turismo. Ele ressalta a diferença entre veranismo – proprietários de casas que só vêm no verão e trazem tudo na bagagem; e turismo – aquele que se hospeda em hotéis, usa os restaurantes, compra artesanato e passeios e faz questão de conhecer toda a região.
Em sua opinião, nós ainda não somos um destino turístico, que cabe à iniciativa privada desenvolver. Ao poder público caberia implantar infra-estrutura e o-rientar todo o processo.
“Falta sinalização, comunicação visual eficiente, centros de informação turística, segurança, e cidades bonitas, com iluminação, calçadas e calçamentos bons. Se o poder público viabilizar as parcerias necessárias e fizer isto, naturalmente a iniciativa privada fará a parte dela. Só teremos um bom futuro se fizermos isto agora: planejamento e regulamentação”, afirma ele.
LN vai virar a mesa - “O Litoral Norte vai virar a mesa nos próximos cinco anos, com todas as grandes obras que estão previstas”, acredita o presidente da Aciss (Associação Comercial e Industrial de São Sebastião), Fábio José Aranha. “Hoje somos a menina dos olhos do Governo do Estado e temos que aproveitar isto”.
Aranha diz que, “apesar de falarem tanto em turismo, ninguém pode ignorar que temos um porto com excelentes condições naturais de abrigo e calado, em franca expansão e que isto também é fonte de desenvolvimento. Também temos a floresta e as melhores praias, então temos que entender isto e explorar tudo da melhor forma”. Ele alerta, no entanto, para os perigos: “A falta de saneamento, segurança e planejamento urbano podem colocar tudo a perder. Estas medidas tem que vir junto com o crescimento”.
Serviço - A Prefeitura de São Sebastião informa que as repartições públicas estarão fechadas por conta do feriado de comemoração ao Santo Padroeiro. Os serviços essenciais funcionarão normalmente, como coleta de lixo, Divisão de Tráfego, Defesa Civil e Pronto Socorro. A Prefeitura volta a funcionar normalmente na próxima segunda-feira, 23, a partir das 9h00.
 (Fonte: Imprensa Livre)

Sem rumo definido, PMDB de São Sebastião vira alvo de especulação

São Sebastião - Os membros do diretório do PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro), de São Sebastião, ainda não conseguiram chegar a um consenso e definir quem estará à frente das decisões do partido nos próximos anos.
Se por um lado, Heriberto Queirós garante que ainda é o presidente do partido, de outro lado o chefe de gabinete do presidente da executiva estadual, Ricardo Hauffman, afirma que o partido sofreu uma intervenção e, no momento, está sem diretoria.
Enquanto não chegam a um acordo, o assessor do vereador Marcelo Matos, Carlos Alberto de Oliveira (foto), que teve importante papel na intervenção do PMDB, esteve no jornal para se apresentar como o novo presidente da legenda no município. De acordo com ele, o partido já está na ativa novamente e, além de nego-ciar a filiação de dois vereadores, Dalton da Silva (PL) e Guto Senatore (sem partido), vai reabrir o diretório no bairro da Topolândia.
“Depois da eleição, houve a dissolução do diretório municipal do PMDB e o ex-presidente, Heriberto Queirós foi destituído do partido. Após sua saída, eu fui nomeado para assumir o cargo pelo presidente Estadual, deputado Jorge Caruso. A nomeação é provisória, até que seja feita a convenção no segundo semestre desse ano”, afirmou.
Negativa - O chefe de gabinete do deputado Jorge Caruso, Ricardo Hauffaman, nega que alguém tenha sido nomeado para ocupar o cargo de presidente do diretório municipal do partido. “A executiva estadual acatou a intervenção proposta por alguns membros do partido e ainda vai definir quem será a nova diretoria provisória. O interventor, deputado Jorge Caruso, ainda não definiu uma data para que isso aconteça”, conta. Hauffman.
Já o até então presidente municipal do partido, Heriberto Queirós, afirma que vai continuar lutando para se manter no cargo e tem o apoio do deputado Romeu Tuma Júnior. “Acho que intervenção é uma forma de usar o poder da força e a gente vai lutar contra isso. A linha do partido deve respeitar as regras administrativas e caso isso não aconteça vamos continuar recorrendo à Justiça. Eu continuo sendo o presidente do PMDB”, rebate Queirós.
Força Política - Apesar da indefinição, simpatizantes e membros do partido afirmam que o PMDB de São Sebastião está passando por um período de renovação e deverá ser uma das forças políticas com maior destaque no Litoral Norte Paulista.
Um deles é o vereador Guto Senatore, que apesar de estar sem partido não esconde sua preferência pelo PMDB.
“A quantidade de pessoas que me procura para filiação é muito grande. Existem muitas especulações referentes à vinda de companheiros vereadores, secretários municipais e formadores de opinião. Acredito que dentro de algumas semanas as notícias deverão chegar oficialmente”, conta.
Ontem a reportagem não conseguiu novo contato por telefone com o vereador Marcelo Matos ou o assessor Carlos Alberto de Oliveira.
Retrospectiva
No dia 5 de junho de 2004, ocorreu a primeira intervenção da executiva estadual no diretório municipal do PMDB de São Sebastião. Após criar uma comissão provisória presidida pelo advogado Paulo Carvalhosa, a executiva declarou que o partido havia deixado o grupo de Paulo Julião (PSDB) para apoiar Juan Garcia (PPS). Duas semanas depois uma liminar expedida pelo juiz da 2ª Vara, Luiz Antônio Carrer, determinou a reativação do diretório municipal do PMDB. Ele acatou o mandado de segurança impetrado por Heriberto Queiroz, que alegou não ter sido ouvido pela executiva estadual.
Já no dia 23 de junho a direção estadual anunciou a segunda intervenção, assinada por Jorge Caruso. Paralelamente, no dia 27, Queiroz promoveu a convenção do diretório municipal do PMDB, anunciando os candidatos a vereador, a coligação com o PP e o apoio a Paulo Julião.
Heriberto Queiroz alegou não ter recebido qualquer notificação sobre a segunda intervenção. No dia 12 de julho o juiz eleitoral Josué Vilela Pimentel confirmou a convenção realizada por Heriberto Queiroz. Em seguida, no último dia 14, a executiva esta-dual decretou a segunda intervenção, com o documento protocolado no Cartório Eleitoral. Mais uma vez Queiroz recorreu e venceu, alegando novamente não ter sido ouvido pela executiva. (Fonte: Imprensa Livre)

Prefeitura quer gerenciar Alcatrazes

São Sebastião - O prefeito Juan Garcia confirmou ontem sua presença na manifestação organizada por entidades ambientalistas em defesa do Arquipélago de Alcatrazes. Situado a 45 km do Porto de São Sebastião, ele apresenta rica fauna e flora, e é considerado um santuário ecológico.
Roberto Bandeira/SDLB (Sociedade de Defesa do Lito
E o prefeito promete participar da manifestação que acontece amanhã, às 18h00, na Rua da Praia, em defesa do arquipélago, contra os tiros da Marinha em Alcatrazes
A manifestação é um protesto contra a retomada dos exercícios de tiro da Marinha. Ela acontece amanhã, sábado, a partir das 18h00, na Rua da Praia. Haverá concentração nas proximidades da Biblioteca Municipal e depois passeata com a presença da bateria da escola de samba da Topolândia.
O prefeito também informou ter iniciado estudos para avaliar a possibilidade de trazer para o município o gerenciamento de Alcatrazes. “A idéia é pedir à União a concessão do santuário. Queremos explorar o local turisticamente, mas de forma controlada e com muita fiscalização”, afirma Juan.
Para o secretário de Cultura e Turismo, Júlio Buzi, o arquipélago seria um grande atrativo para a cidade e poderia ser explorado inclusive para o turismo científico. (Fonte: Imprensa Livre)

Câmara vota hoje reforma do Estatuto do Servidor

São Sebastião - Os vereadores votam hoje, em sessão extraordinária marcada para as 10h00, a reforma do Estatuto do Servidor Municipal.
O presidente da Câmara, Wagner Teixeira (PV), decidiu marcar a data da sessão para o dia do feriado do padroeiro da cidade para que os funcionários públicos pudessem comparecer à sessão.
“Decidi marcar para o dia do feriado porque acho uma covardia marcar para um horário que os servidores não possam comparecer na Câmara, por estarem em horário de serviço. Se a votação fosse nesse momento, eu votaria contra”, antecipa.
A presidente do Sindicato dos Servidores, Ângela Teixeira, afirma que três ônibus estarão à disposição dos funcionários que residem em bairros distantes do Centro. Os ônibus sairão da área de lazer do Jaraguá, na Costa Norte, e dos pátios de Boiçucanga e Juquehy, na Costa Sul.
Além disso, os integrantes do Sindserv estão providen-ciando um carro de som e algumas faixas para pedir que os vereadores rejeitem o Projeto do Estatuto. “Dessa vez nós vamos querer que os vereadores votem o projeto. Não adianta trocar o almoço pela janta”, explica.
A presidente do Sindicato garante que está otimista com relação ao resultado da votação. “Eu sou uma eterna Poliana. Acho que os vereadores vão ter um momento de lucidez e o projeto será rejeitado. Acredito na lucidez”, conclui.
Essa será a terceira vez que o Projeto de Reforma do Estatuto será colocado na pauta de votação.
A primeira vez, sob forte pressão dos funcionários públicos, que compareceram em grande número na Câmara, os vereadores decidiram por unanimidade retirar o projeto para que os advogados da Câmara pudessem avaliar melhor a matéria e emitir um parecer.
Na segunda vez, a votação foi cancelada por falta de quorum. Apenas três vereadores compareceram na sessão: José Cardim de Souza (PP), Marcos Leopoldino (PMDB) e Wagner Teixeira (PV).
Para que a reunião ocorresse seria necessária a presença de seis vereadores, no mínimo. O único que justificou a ausência foi o vereador Coringa, que não pôde comparecer por causa do falecimento do sogro. (Fonte: Imprensa Livre)

Zélia Duncan promete uma grande apresentação em São Sebastião

São Sebastião - A cantora niteroiense Zélia Duncan, se prepara para fazer uma grande apresentação no Litoral Norte. O show de lançamento de seu novo disco “Pré Pós Tudo Bossa Band” será neste sábado, dia 21, as 23h00, na Rua da Praia, em São Sebas-tião. Com a realização da Prefeitura de São Sebastião, ela compõe a programação da Festa do Padroeiro da cidade comemorada em janeiro.
Em São Sebastião, Zélia apresenta seu novo trabalho, como as
músicas “Diz nos meus olhos (Inclemência)” que faz parte da trilha sonora da novela global “Alma Gêmea”; “Dor Elegante”, faixa musical de “Belíssima” e a música “Vi não vivi” já está estourando nas melhores rádios do Brasil.
“As músicas mais recentes estão sendo bem recebidas pelo público”, declarou Zélia Duncan. Seu novo disco já lhe rendeu o título de melhor CD de 2005 pelo 1º Prêmio Bravo! Prime de Cultura, uma parceria da revista BRAVO! com o Bradesco Prime e apoio do Pão de Açúcar. Nesse prêmio foram reconhecidos os melhores trabalhos produzidos entre julho de 2004 e julho de 2005. “Pré Pós Tudo Bossa Band”, título da canção (sua com Lenine) que abre o disco ficou com o primeiro lugar na categoria “Melhor CD”.
A cantora declarou que a espinha do show são as músicas de seu novo disco “Pré Pós Tudo Bossa Band”, mas músicas como “Me Revelar”, “Alma” e “Capitu” de outros discos também serão executadas. Sobre a expectativa de cantar na cidade, Zélia diz estar muito feliz. “Certamente será um show alegre e divertido.
Estou acostumada com shows ao ar livre, inclusive já cantei até na Praia de Copacabana num Ano Novo e foi inesquecível”, finalizou Zélia Duncan, que em São Sebastião se apresentará em um palco de 16 metros, em área aberta com capacidade para até 100 mil pessoas. Toda a infra-estrutura e organização estão sob o comando das Secretarias de Cultura e Turismo e das Subprefeituras. (Fonte: Imprensa Livre)

CIP de São Sebastião abre inscrições para cursos

São Sebastião - O Centro Integrado Profissionalizante –CIP, mantido pela Prefeitura de São Sebastião em parceria com o Senai, realiza nos próximos dias 23 e 24 de janeiro as inscrições para novas turmas dos cursos de ‘Serviços Administrativos’, ‘Corte e Costura’, ‘Cozinha Industrial’, ‘Produtos Alimentares’ e ‘Cozinhe Bem Reciclando’.
As inscrições devem ser feitas na sede do CIP, na Rua Antônio Pereira da Silva, 56, na Topolândia, das 8h00 às 12h00 e das 14h00 às 17h00. Os interessados devem apresentar uma cópia do RG ou da Certidão de Nascimento e ter idade mínima de 14 anos.
Com a abertura destas turmas, serão cerca de 300 os novos alunos realizando cursos profissionalizantes neste primeiro semestre de 2006, que tem previsão para ter as aulas iniciadas em 6 de fevereiro.
Além disso, o CIP, que é vinculado a Secretaria da Educação, fará este ano a retomada de dois cursos - o ‘Cozinhe Bem Reciclando’ e ‘Produtos Alimentares’, atendendo a pedidos.
Além destes, outros dois cursos são oferecidos pelo CIP, ‘Panificação’ e ‘Informática, onde as novas turmas atenderão os alunos que já fizeram prova de seleção em 2005 e aguardam em fila de espera.
Nestes casos, eles receberão carta pelo correio e as matrículas serão feitas dia 30 e 31 de janeiro, não necessitando de inscrição prévia.
Para as 180 vagas de ‘Serviços Administrativos’, além de se inscrever, o interessado deverá passar por um processo seletivo, previsto para o dia 28 de janeiro, na Escola Municipal Iraydes Lobo Vianna do Rêgo, localizada no bairro Itatinga, na Avenida Itatinga, número 1001. O horário será confirmado no ato da inscrição.
O conteúdo programático para o processo seletivo nesta área estará disponível no site da Prefeitura e no mural do CIP. Os outros cursos tem 30 vagas disponíveis, já que são semestrais.
O curso de ‘Produtos Alimentares’ que é voltado a geração de renda, é direcionado a Sociedades Civis Organizadas, que podem indicar candidatos. A intenção do CIP é que os membros das organizações tornem-se multiplicadores de informação. O curso ensina a montagem de cestas de café da manha, compotas, entre outros. Mais informações no telefone (12) 3892-5535. (Fonte: Imprensa Livre)

IPTU 2006 em São Sebastião é sinônimo de prêmios e investimentos na cidade

São Sebastião - Um investimento do morador em sua própria cidade e um presente de natal no final do ano, assim será o IPTU 2006 (Imposto Predial e Territorial Urbano) em São Sebastião. A Secretaria de Fazenda já iniciou a postagem de aproximadamente 40 mil carnês do IPTU, junto aos Correios no dia 11 deste mês.
Este ano, o prazo para pagar com 10% de desconto foi prolongado para o dia 30 de janeiro. No ano passado o contribuinte teve apenas até o dia 10 para quitá-lo. Outra vantagem é que não houve índice de reajuste no valor do IPTU 2006.
O dinheiro proveniente do IPTU representa cerca de R$ 26 milhões no total da arrecadação anual da Prefeitura de São Sebastião.
Outra novidade são os prêmios que serão sorteados em dezembro deste ano. Para concorrer a um carro e uma moto, o proprietário do imóvel deve ter o carnê de IPTU pago em dia.
Se o contribuinte pagar em cota única até o dia 30 de janeiro, além do desconto de 10 % sobre o valor integral, recebe 24 cupons para o sorteio dos prêmios. No mesmo caso, mas com o pagamento até o dia 15 de fevereiro, o munícipe recebe 5% de desconto e 18 cupons. Quem preferir parcelar, receberá 12 cupons, equivalente aos meses, somente para parcelas quitadas sem atrasos.
Os carnês parcelados terão como vencimentos para a primeira parcela, dia 30 de janeiro, a segunda no dia 15 de fevereiro e nas demais parcelas, todo o dia 10, com 2% de desconto mantendo-se em dia.
Consulte o regulamento da campanha no site da Prefeitura (www.saosebastiao.sp.gov.br) ou consulte o Decreto 3253/05. Mais informações na Divisão de Cadastro Fiscal pelos telefones (12) 3891-2117, (12) 3891 2110 ou pelo e-mail cadastrofiscal@saosebastiao.sp.gov.br.
O que é o IPTU? - É o Imposto incidente sobre a propriedade, o domínio útil ou a posse de todos os bens imóveis, edificados (residenciais e não residenciais) ou não edificados (terrenos), situados no território do município e que, independentemente de sua localização, não se destine à exploração agrícola, pecuária, extrativa vegetal ou agro-industrial.
O contribuinte do IPTU é o proprietário do imóvel, titular do seu domínio útil ou o seu possuidor a qualquer título.
Saiba mais sobre o que você paga - Os fundos arrecadados com o IPTU retornam para o contribuinte em investimentos, feitos pelo poder público, no próprio município, como iluminação pública, ampliação e construção de escolas, creches, postos de saúde, praças e outras melhorias. (Fonte: PMSS)

Festa do Padroeiro reúne diversão e utilidade pública

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião preparou uma série de atrações e atividades para a festa do Padroeiro. Além dos shows promovidos pela Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur) e da super infra-estrutura de barracas e calçamento do espaço, preparado pela Secretaria das Subprefeituras (Sesub), a Secretaria de Saúde (Sectur) também comparece, conscientizando o público presente sobre diversos temas. Durante todos os dias da festa ela estará com uma tenda de informações e atendimento aos munícipes e visitantes.
Durante cinco dias da festa, a Febre Maculosa foi um dos principais alvos e um dos temas mais procurados pela população, já que o assunto por muito tempo esteve na mídia nacional.
Segundo a chefe de divisão de Zoonoses da Sesau, Carolina Kakimoto, a Sesau mostrou o carrapato-estrela, responsável pela transmissão da bactéria Rickettsia Rickettsii, causadora da doença, no microscópio para os interessados que visitaram a barraca. “Diante da importância e destaque que a mídia deu a Febre Maculosa, devido aos casos em outros municípios, as pessoas se preocuparam muito e tiveram a oportunidade de tirar dúvidas”.
A preocupação da Sesau em informar a população sobre o assunto foi principalmente pelo fato da existência de muitos cavalos na cidade, hospedeiro primário da bactéria que é passada ao carrapato.
Além do cavalo, outros animais podem ser hospedeiros primários como a capivara, gambá, coelho, cavalo, gado, cão, etc.
A Febre Maculosa é uma doença infecciosa febril aguda, de gravidade variável, podendo cursar com ou sem sintomas até formas graves com elevada taxa de letalidade. A doença se caracteriza no início com febre elevada, dor de cabeça, dor no corpo, diarréia e manchas avermelhadas pelo corpo. A doença, se não curada a tempo, pode levar a morte.
RGA - Durante a festa a Sesau também está realizando o cadastro para o Registro Geral de Animais, que se encerra no domingo, 22.
A Campanha de Registro Geral de Animais é voltado às pessoas que possuem cães ou gatos. O objetivo do cadastramento é mapear e identificar os animais existentes no município.
A iniciativa visa fornecer um número de identificação, o RGA, para os cachorros e gatos que tenham donos, para que quando a cidade receba o Centro de Controle de Zoonoses o cadastramento sirva para identificar o dono, já que cada animal terá seu número de identificação preso na coleira.
Para realizar o cadastramento, a pessoa deve apresentar a carteira de identidade (RG), comprovante de residência e CPF. Não é necessário levar o animal.
A Sesau realiza a campanha desde o dia 10 deste mês nos bairros e para atingir mais pessoas, colocou um posto também na festa.
A campanha realizada nos bairros se encerra amanhã, 19. Se por algum motivo a pessoa não registrar no período de cadastramento nos bairros, ela ainda pode se dirigir à Secretaria da Saúde em horário comercial para efetuar o mesmo. A Sesau fica na rua Prefeito Mansueto Pierotti, nº 391, 1º andar, no Centro de São Sebastião. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones 3892-1744, no ramal 222. (Fonte: PMSS)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Posto Ipiranga Dellamares

Ruínas da Lagoinha estão ameaçadas

Ubatuba - As Ruínas da Lagoinha, um dos principais patrimônios históricos e arquitetônicos de Ubatuba, estão ameaçadas pela falta de manutenção, que é de responsabilidade da prefeitura.
Segundo os moradores, o local está abandonado, facilitando as depredações e até mesmo a retirada de pedras de mais de 350 anos.
As ruínas do antigo engenho da Fazenda Bom Retiro, construído no início do século 19, estão em completo abandono, apesar de serem consideradas uma das principais atrações turísticas do município.
O local foi tombado pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado) em 1985.
Os restos da antiga fazenda estão em um terreno no bairro da Lagoinha, região sul de Ubatuba. O acesso é feito pelo km 72 da rodovia Rio-Santos. Apesar das placas de sinalização, os turistas encontram muitas dificuldades para chegar ao local.
O mato toma conta do terreno e uma árvore que obstruiu a entrada impedem que as pessoas possam avistar as ruínas.
Segundo o morador Alexandre Lázaro, devido à falta de manutenção, os turistas têm encontrado dificuldades para visitar o local. Ele disse que há mais de 15 dias uma árvore, com 8 metros de comprimento, obstrui a entrada das ruínas. "É uma pena, um local tão importante abandonado desse jeito."
MANUTENÇÃO - O presidente da Fundação Cultural de Ubatuba, Martiniano Viana, disse que a entidade mantinha um convênio com um hotel, cujos proprietários se responsabilizavam pela manutenção do espaço. Segundo ele, a manutenção foi interrompida desde junho porque o hotel faliu.
Viana disse que visitou o local ontem e que fará um laudo para encaminhar ao Condephaat, solicitando autorização para limpar a área. "Sem o aval do órgão, a fundação não pode fazer a manutenção."
Viana afirmou que dentro de 30 dias será retirada a árvore que impede o acesso. Ele disse ainda que terá que pedir autorização ao conselho deliberativo para arcar com as despesas necessárias para reparos nos oito holofotes, atualmente desativados.
VISTORIA - O arquiteto Aldo Carvalho, do setor técnico do Condephaat, disse que pretende vistoriar as ruínas na próxima semana. Segundo ele, qualquer interferência só pode ser feita com aval do órgão. (Fonte: ValeParaibano)

Cobrança foi retomada neste verão

Ubatuba - Desde o início da temporada de verão, os turistas que frequentam a Praia Grande, em Ubatuba, são obrigados a pagar R$ 3,50 para estacionar seus veículos em frente à praia.
A cobrança havia sido suspensa no início do ano passado pela prefeitura mas foi retomada este mês, após a reestruturação do serviço.
Segundo o prefeito de Ubatuba, Eduardo César (PL), a retomada da cobrança da taxa de estacionamento na Praia Grande tem como objetivo sanear as dívidas da Comtur (Companhia Municipal de Turismo), avaliadas em cerca de R$ 2 milhões.
A prefeitura, segundo ele, vai explorar o estacionamento no local e em outras quatro praias da cidade durante dois anos.
DUCHA - "Não acho ruim pagar pelo estacionamento na praia. Acho um absurdo ter que pagar R$ 1 para tomar um banho de ducha que dura um minuto", disse o turista Walmo de Sá, morador de Uberlândia (MG).
Segundo o turista Alécio Rossi, de Nuporanga (SP), a prefeitura deveria instalar pontos com água potável ao longo da Praia Grande para que as mães pudessem tirar o sal das crianças na saída da praia.
"Vi muitas mães limpando os filhos no mar. Isso provoca assaduras nas crianças", disse.
(Fonte: ValeParaibano)


Ubatuba avalia fim de vagas na orla
Proposta de acabar com estacionamento na Praia Grande gera polêmica; comerciantes apontam prejuízo ao turismo

Ubatuba - A desativação do estacionamento na Praia Grande, em Ubatuba, prevista no projeto de reurbanização apresentado em audiência pública anteontem, causou muita polêmica na cidade. Comerciantes e turistas se posicionaram contra a proposta por entenderem que haverá prejuízo ao turismo.
Na orla, há cerca de 1.050 vagas de estacionamento, que seriam desativadas pelo projeto sugerido durante a audiência.
A proposta é do arquiteto Renato Nunes, da Ong (Organização Não Governamental) Prourb, um dos autores do projeto de reurbanização.
A Associação dos Proprietários de Quiosques de Ubatuba afirma ser contra a desativação do espaço. Segundo a associação, a retirada da área destinada aos carros prejudicaria os 29 quiosques da praia e também o turismo local.
Para o turista Devanir Pereira, de Orlândia (SP), a área de estacionamento deveria ser mantida. "A gente deixaria de frequentar a praia, caso não existisse estacionamento", afirmou.
Walmo de Sá, de Uberlândia (MG), afirmou que não seria uma boa idéia desativar o estacionamento. "Sem área para parar o carro, os turistas deixariam de vir para cá e a praia corre o risco de ser privatizada, ou seja, se tornar exclusiva para quem possui casa em frente à praia", afirmou.
O prefeito Eduardo César (PL) disse que aguarda outras propostas para o estacionamento de veículos na Praia Grande. Segundo ele, a questão gerou bastante polêmica, mas devem ser apresentadas outras sugestões para a praia antes da aprovação final do projeto.
ALTERNATIVAS - O arquiteto Renato Nunes afirmou que a Praia Grande possui 1.050 vagas para carros ao longo da orla e que a maioria das pessoas que frequenta a praia chega de bicicleta, a pé ou de ônibus. "A praia recebe 20 mil pessoas por dia e apenas 3.000 ou 4.000 chegam até lá de carro", disse.
O arquiteto entende que não haverá prejuízos aos comerciantes e nem ao turismo local. Ele disse que existe a alternativa de se criar vários bolsões de estacionamento em áreas particulares, na parte de trás do bairro, localizadas a quatro quadras da praia.
Segundo ele, um ônibus poderia ser colocado para fazer o translado dos turistas dos bolsões até a praia.
MUDANÇAS - No projeto, também estão previstas para a orla a construção de calçadão, ciclovias, jardins, pontos de ônibus integrados com bancas de jornais e lojas de artesanato. Haverá redução no número de quiosques.
No trecho da orla, também está prevista a implantação de duas novas pistas na rodovia Rio-Santos e a construção de um túnel ligando a Praia Grande à Praia das Toninhas. A Praia Grande recebe cerca de 1 milhão de pessoas ao longo da temporada de verão.
A proposta de urbanização da Praia Grande é da Abresi (Associação Brasileira de Gastronomia, Hospitalidade e Turismo), que quer investir R$ 20 milhões na praia em troca da exploração publicitária da orla por 10 anos.
Segundo a Abresi, as obras serão patrocinadas por empresas de bebidas e alimentação. Pela previsão da prefeitura, as obras deverão ser iniciadas em março de 2007. (Fonte: ValeParaibano)

Presas tumultuam cadeia destruindo celas durante visita
Com capacidade para 24, local abriga 80 mulheres. “É a cadeia mais lotada do Vale”, diz delegado

Ubatuba - As 80 presas da cadeia feminina da cidade fizeram um tumulto na tarde de ontem, arrancando portas das celas e grades, iniciando uma rebelião.
Elas se revoltaram contra a mudança imposta pela polícia no dia da visita, que liberou apenas os maridos e filhos no contato físico, impedindo a entrada de outros parentes e amigos, que tinham que ficar separados por grades. Uma fuga ocorrida na última visita, quando uma presa se misturou aos demais visitantes para escapar é que gerou a mudança no sistema de visitaO fato gerou reclamação por parte dos visitantes. Uma mulher, que não quis se identificar, estava indignada. “Só porque uma presa conseguiu burlar a segurança, todas devem ser penalizadas”, disse. O delegado titular da cidade, Fausto Moro Cardoso, confirmou que a mudança se deveu a fuga de uma detenta, vinda de Caraguatatuba, que estava presa há três dias por tráfico de drogas. Ela aproveitou o movimento de visitantes para escapar. Na ocasião aconteceram focos de confusões no meio dos visitantes, o que o delegado acredita ter ocorrido para despistar a atenção dos policiais. Conforme o delegado, havia menos controle, já que o local sempre registrou bom comportamento das presas. A fuga da presa revelou a fragilidade do sistema. Ontem a polícia colocou a mudança em prática. Somente tiveram contato físico com elas os maridos e filhos. Os outros visitantes ficaram no pátio, separados por grade. As 80 detentas do local, com capacidade para 24 mulheres, retiraram portas das celas e quebraram grades A Polícia Militar foi chamada, cercando o prédio. No final da tarde a situação já estava controlada. O delegado lembrou que foi a primeira fuga registrada nos últimos cinco anos. Ele ainda revelou o problema da situação carcerária da unidade, que abriga presas dos quatro municípios do Litoral Norte. A cadeia feminina seria a que mais excede sua capacidade em todo o Vale do Paraíba. (Fonte: Imprensa Livre)

Base Operacional de Grupamento Aéreo é tema de debate em Ubatuba

Ubatuba - O vereador Charles Medeiros participou nesta manhã do último dia 17, de uma reunião realizada pelo Conselho Comunitário de Segurança de Ubatuba, na qual tratou de assuntos relacionados à implantação da Base Operacional do Grupamento Aéreo da Polícia Militar, bem como a devida homologação para uma base fixa no município. No evento estiveram várias autoridades da Polícia Militar, Civil, Rodoviária Federal, Guarda Municipal, Especialistas da Aeronáutica, representantes da Prefeitura e o Vereador Charles Medeiros, representando o Legislativo Municipal.
O objetivo é referente à adequação de espaço de pouso, manobra e guarda do helicóptero Águia da PM junto ao Aeroporto Gastão Madeira, de forma que facilite os trabalhos de resgate e salvamento, bem como outras operações necessárias. Militares da Aeronáutica estiveram realizando um estudo prévio do local em relação às mudanças pretendidas, segundo os militares a adequação é possível, bastando agora à coleta de dados mais específicos para o término dos estudos.
A Polícia Rodoviária possui em São José dos Campos, uma aeronave de resgate e salvamento, que em havendo local adequado, poderá atuar em Ubatuba em épocas de feriados e temporadas. “Trata-se de um projeto extremamente importante para o município e que para se tornar realidade tem que existir a soma de esforços, acredito que será uma benfeitoria considerável a nossa comunidade, principalmente por nossa cidade ser turística”, afirma Charles Medeiros (Fonte: Laura Ennes)

Reurbanização da Praia Grande é discutida em audiência pública

Ubatuba - O anteprojeto de reurbanização da orla da Praia Grande, de autoria do arquiteto Renato Nunes foi debatido no ultimo dia 18 em audiência pública na Câmara Municipal reunindo mais de 100 pessoas. Durante a reunião, que durou mais de duas horas, foram debatidas questões como a legalidade e viabilidade do projeto, a localização dos estacionamentos, valor da obra, problema dos quiosques e detalhes técnicos do projeto.
Para o vereador Charles Medeiros, que foi o mediador representando o presidente da Câmara, Dr. Ricardo Cortes, a realização de uma audiência pública para discutir um projeto deste porte é de grande importância para garantir que o resultado final seja o melhor possível. “Para que seja a obra seja feita da melhor maneira, é importante a participação de toda a sociedade”, afirmou.
Projeto técnico - Na sua explicação técnica, o arquiteto Renato Nunes lembrou que Ubatuba tem sido, nos últimos 30 anos, um exemplo de crescimento desordenado, que pela falta de planejamento se transformou num caos. “Culpados há muitos, mas cabe a Justiça procurá-los e puni-los. Aos arquitetos compete a busca das soluções”, disse Renato ao introduzir as explicações técnicas do seu projeto. Na sua concepção, os estacionamentos que hoje margeiam a praia deveriam ser transferidos para áreas de estacionamento ao fundo do bairro da Praia Grande. Os passageiros seriam transportados até a praia através de carros elétricos (espécie de uma jardineira aberta, sem portas) que fariam o circuito ininterruptamente.
A rodovia estadual que margeia a Praia Grande passaria a ter três faixas de rolamento em cada um dos sentidos. Uma das faixas no sentido Toninhas/Itaguá, teria reentrâncias para carga e descarga de passageiros que teriam ainda pequenos agrupamentos de serviços, como ponto de ônibus (num total de 9), banco eletrônico, cabine telefônica, sanitários, posto médico, entre outros. Já a pista no sentido Itaguá/Toninhas teria um túnel cruzando o morrete que separa a Praia Grande das Toninhas. Além de um grande jardim, a orla contaria também com uma ciclovia em toda a sua extensão.
Todas os custos do projeto seriam arcados pela iniciativa privada que teria um período de 10 anos para explorar publicitariamente o local. A captação dos recursos necessários – na previsão inicial em torno de 20 milhões - e o gerenciamento das obras seriam feitos pela Prourb, uma entidade sem fins lucrativos, devidamente formalizada e legalizada. Participaram da mesa, além do vereador Charles, como mediador, o secretário de Assuntos Jurídicos da Prefeitura, Dr. Marcelo Mourão, representando o prefeito Eduardo César e o advogado André Luiz Stival representando a Abresi (Associação Brasileira de Restaurantes, Hotelaria, Turismo e Similares) e a Prourb. O advogado Clingel Frota coordenou a audiência.
A apresentação do projeto do arquiteto Renato Nunes à população revelou que existem pontos que ainda precisam ser mais debatidos. Novos projetos de reurbanização da orla da Praia Grande deverão também ser apresentados à comunidade a exemplo do anteprojeto do arquiteto Renato Nunes.(Fonte: PMU)

Pacientes com Câncer recebem apoio no Centro de Referências e Especialidades

Ubatuba - A Sapo-Uba, um grupo de apoio a pacientes com Câncer, está estruturada como Organização Social e Civil de Interesse Público (Oscip), um tipo de entidade que tem como característica fazer parcerias com o poder público e a iniciativa privada.
A Sociedade de Apoio aos Pacientes Oncológicos de Ubatuba (Sapo-Uba) está prestando atendimento em uma nova sede, no Centro de Referências e Especialidades da Secretaria Municipal de Saúde, na rua Cunhambebe, no centro da cidade. Esse grupo foi formalizado no ano passado, com o objetivo de dar assistência e amenizar o sofrimento dos pacientes com câncer no período do tratamento, pré e pós-operatório.
Diversos serviços estão sendo disponibilizados aos pacientes. Os voluntários da Sapo-Uba prestam informações relevantes sobre o tratamento, leis, benefícios e direitos, além de dar um suporte psicológico aos portadores de câncer. São fornecidos ainda suplementos alimentares, próteses mamárias de pano, fraldas e contribuições na compra de remédios e realização de exames para pacientes que estão sem condições financeiras. Além disso, campanhas e ações preventivas estão sendo desenvolvidas em parceria com outros órgãos.
Solidariedade e troca de experiências - A Associação é basicamente formada por pessoas que já passaram pela experiência do câncer, seja pessoalmente ou com algum membro da família. Por essa razão, a troca de informações é uma característica importante no grupo. A assistente social Maria Joana Montes Claros, voluntária da Sapo-Uba, explica que são diversos os tipos de câncer e, conseqüentemente, diferentes tipos de tratamento e cuidados. “Cada pessoa tem uma vivência para passar para o outro. São coisas que podem ser muito úteis a quem está passando por isso agora. Ela conta que sua experiência pessoal foi importante para poder entender o sentimento da pessoa que se descobre com a doença. “Quando eu soube que estava com câncer, fiquei me perguntando o porquê. Depois, comecei a perceber muitos casos da doença à minha volta, com parentes e amigos. Então, descobri que isso foi necessário, para que eu pudesse ajudar as pessoas a passarem por esse momento tão difícil.”
A bióloga Mônica Ciari é portadora da doença e uma das fundadoras da Sapo Uba. Ela conhece as dificuldades pelas quais os pacientes passam em uma cidade como Ubatuba, que não tem um serviço especializado. Apesar disso, Mônica se considera uma pessoa de sorte, porque possui recursos para o tratamento e para buscar informações. Além disso, Mônica conta que encontrou pessoas solidárias, que a apoiaram em momentos difíceis. “Sinto-me no dever de retribuir essa ajuda, até mesmo porque sei que muitas pessoas não têm a quem recorrer”.
Participação da Comunidade - A Sapo Uba está sendo mantida através de eventos, parcerias, venda de camisetas e contribuições de sócios. Ela está estruturada como Organização Social, Civil de Interesse Público (Oscip), um tipo de entidade que tem como característica fazer parcerias com o poder público e a iniciativa privada. Dentro dessa proposta, a Secretaria Municipal de Saúde disponibilizou uma sala com telefone para que o grupo possa trabalhar.
As pessoas que tiverem interesse em contribuir, conhecer ou participar da Sapo-Uba podem fazer uma visita ao Centro de Referências e Especialidades que fica na Rua Cunhambebe, 703, Centro. O telefone é 3832-1097 (Fonte: PMU)

Semana de 21 de janeiro a 26 de Janeiro de 2006

CINE PORTO (Ubatuba)
fone :3833-2066 ( 012)

"As crônicas de Nárnia": O Leão a Feiticeira eo Guarda Roupa.
Ás 15:10 hs

"Doze é Demais 2"
Ás 17:40 hs e 19:30 hs

"E Se Fosse Verdade..."
Às 21:20 hs.

CINE PASSEIO (Ubatuba)
fone : 3832-2843 ( 012 )

"VALIANT "
Ás 15:50 hs e 17:30 hs.

" Soldado Anônimo"
Ás 19:10 hs e 21:20 hs

cineporto@hotmail.com

 
Ação Litoral
 
Poesia Topo

Herança
O índio Tupinambá
Sumiu no rastro do dia
Ficaram seus nomes
Pregadas aos lugares
Itaguá
Marambaia
Ubatuba
Saquarema
Maranduba
Soltaram suas palavras
Nas asas das aves
Sabiá
Saíra
Bacurau
Inhambu
Uru
Deixaram as armadilhas
Cercando suas sabedorias
Covo
Mundéu
Jirau
Cica
Arapuca
Suspenderam nos ramos
Das árvores suas iguarias
Bacupari
Cambucá
Caju
Abiu
Jabuticaba
Mangaba
Perdida só a gastronomia
Da mais fina antropofagia.

Félix Cabral
Ubatuba, SP
 

Carta do Leitor
As mensagens, fotos e opiniões  publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As mensagens deverão conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.
Topo

Lamento muito a carta publicada pelo sr Paulo Sri.
Mas eu como Jornalista, tenho obrigação de falar a verdade e ser totalmente imparcial.
Tenho a entrevista gravada para quem quiser ouvir.

Cristiane G. Zarpelão
Correspondente Imprensa Livre
Ubatuba, SP

PT responde ao Sr. Lourival Santos
Prezado Senhor: Li sua carta publicada em 17/01/06 e confesso que fui tomado de muita tristeza pelos seus argumentos. Tristeza porque o assunto que estamos tratando atualmente e que me obriga a fazer constantes intervenções na mídia não está sendo tratado pelo PT. Se o senhor tem acompanhado com isenção, o assunto “terceirização da merenda” está sendo tratado de maneira coletiva, por um movimento civil de entidades e cidadãos de nossa cidade, pois o processo está, sim, viciado e nebuloso. Tristeza porque o assunto envolve comida de nossas crianças e dinheiro (muito dinheiro) de todos nós (meu, seu, nosso) e parece que lhe importa mais desqualificar o PT do que discutir tão importante assunto. Tristeza porque o PT nesse caso está sendo condenado pelo Sr. Lourival apenas por ser PT e por cumprir sua obrigação civil e cidadã de tornar público fato obscuro que chegou a seu conhecimento, tendo para isso coragem de se indispor contra um governo que ajudamos (e muito!) a se eleger e que continuamos lutando para que siga o rumo certo, cumprindo promessas de campanha e a terceirização da merenda certamente não é uma delas. Tristeza porque estou no movimento e no processo como cidadão e sua carta tenta desqualificar tão importante assunto pelo fato de ser eu presidente do PT, misturando um fato de suma importância para o município com opinião política pessoal. Conforme a mídia vem noticiando, estamos fazendo reuniões públicas, divulgadas e ainda não tive o prazer de encontrá-lo para discutir o assunto. Certamente se ouvisse os argumentos contrários de todos os envolvidos no movimento poderia ter subsídios para emitir uma melhor opinião. A propósito, nossa próxima manifestação ocorrerá na sexta-feira, 20/01 às 12:00 h, no calçadão, onde estaremos explicando à população os motivos que nos colocam contrários à terceirização da merenda. Será uma manifestação da sociedade civil e não do PT, certo? Estarei lá e terei enorme prazer em conhecê-lo para politicamente discutirmos o assunto. Mas devo também lhe dizer que sua argumentação me causa um outro sentimento. O do ORGULHO de ser PT. Orgulho porque o PT que hoje presido, apesar de todos os problemas que vem passando (e não escondo que existem), mantém-se como o melhor partido para os brasileiros (com 16% de citações, o dobro do segundo colocado). Orgulho por que o partido tem na sua história importantes lutas e conquistas políticas e populares, tais como a luta pelas diretas-já, a constituinte, o impeachment de Collor, a criação e adoção do Orçamento Participativo, a criação do SUS e tantas outras. Orgulho porque hoje presido um partido eleito diretamente pelos filiados de Ubatuba, que estão unidos, mobilizados e motivados para a participação política nos assuntos da cidade, do estado e do país e seu discurso, Sr. Lourival confirma nossa força, pois como se diz no popular “ninguém bate em cachorro morto”. Devo lhe dizer ainda, que além de presidir o PT, presido a Associação dos Cirurgiões Dentistas de Ubatuba e lá estamos lutando para que haja um aumento na oferta de assistência odontológica no município, outro dos nossos compromissos de campanha que ainda não foi implantado pelo atual prefeito, e que o governo federal do PT orgulhosamente fez pela primeira vez na história desse País um Projeto Nacional de Assistência Odontológica, o BRASIL SORRIDENTE. Sou também presidente do Conselho Municipal de Saúde, e nessa função o COMUS, de maneira coletiva, está se reformulando, aprovou e apoiou a intervenção na Santa Casa, instalou Conselhos Gestores de Unidades de Saúde (que há anos já deveriam ter sido instalados e ninguém fez), fez pela primeira vez uma Conferência Municipal de Saúde do Trabalhador, está reformulando seu regimento interno, vai alterar seu sistema de escolha de representantes, tornando-o mais democrático e está se preparando para realizar a Conferência Municipal de Saúde. São essas funções, exercidas de maneira voluntária e sem remuneração, porém com a plena convicção de que todos devem participar ativamente da vida pública da sociedade em que habitam que me faz não ter tempo para responder todos os ataques que tem sido feitos ao PT, pois prefiro a ação à discussão e considero essa uma das melhores formas de defender meu partido no município. Quanto aos questionamentos do Senhor Cursino, uso as afirmações acima para justificar a não resposta e deixo público também ao Sr. Lourival que nessa questão ora em pauta (terceirização da merenda escolar), eu e o Senhor Cursino estamos do mesmo lado, combatendo o absurdo que é a terceirização da merenda escolar, dando ambos o exemplo de que as questões pessoais não devem se sobrepor às questões públicas e coletivas. Reitero aqui para finalizar o convite de que se junte a nossa causa e nos ajude a impedir que mais um absurdo aconteça na administração pública de nossa cidade.
Agradeço ainda ao Litoral Virtual pelas oportunidades de debate, e novamente coloco meus contatos particulares para que o Sr. Lourival me procure pessoalmente se assim julgar necessário.

Maurício Moromizato
Presidente do PT de Ubatuba
Mauriciomoromizato@uol.com.br

Lamentável e infeliz enquête do Sr. Diogo Soares sobre a iluminação da Praia de Boissucanga, pior cego é aquele que não quer ver, estou com João Bombeiro e não abro, seria melhor que o senhor Diogo Soares ter ficado calado ou mostrar o que vem fazendo a frente da Soab pela comunidade.Sr. Diogo, muito ajuda quem não atrapalha, fica na sua.
Abraços aos amigos.

Francisco Marsiglia
Praia de Boissucanga.

MITOS SOBRE A PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA
Luís Nassif - Folha Dinheiro - 2/9/2004
Há certa confusão sobre a PPP (Parceria Público-Privada). Pode existir PPPs mal concebida e mal implementada. Mas é instrumento legítimo de contratação, exposto aos mesmos vícios inerentes a todos os processos de contratação públicos ou privados.
A primeira incompreensão sobre a PPP é que seria uma forma nova de repetir a velha prática de o Estado estatizar o prejuízo e privatizar o lucro. Depende da maneira como for utilizado. Revólver pode ser uma arma de defesa ou instrumento para assaltantes matarem velhinhas de madrugada.
A PPP é instrumento para o Estado entrar com recursos para reduzir o risco privado em obras que não são auto-sustentáveis ou cujo processo de maturação é indefinido. É uma forma de reduzir os riscos não-administráveis (que não dependem da empresa) do projeto.
Um empreendimento tem riscos da obra, da operação, do investimento. E há riscos que fogem ao controle da empresa, como políticos ou de outra natureza. Suponha que haja necessidade de uma estrada que ajude a desenvolver determinada região. No início de operação, como a região ainda não se desenvolveu, o tráfego de veículos será menor. Depois, o crescimento do fluxo dependerá do ritmo de crescimento da região. Quanto tempo levará para a região se desenvolver e o fluxo de veículos permitir atingir o ponto de equilíbrio?
Quanto maior o risco não-administrável, maior será a compensação exigida pelo capital, ou, no limite, simplesmente o capital não entrará na operação. Capital que busca infra-estrutura não é o especulativo e, em geral, troca menor rentabilidade por maior segurança no longo prazo.
Se o capital privado não entra, há dois caminhos: ou o Estado banca sozinho o empreendimento ou tenta bancar apenas parcela do risco não-administrável, para viabilizar a entrada do capital privado. Em vez de 100, banca, digamos, 20, que correspondem à parte dos riscos não-administráveis. Se bancar apenas parte do risco e houver uma concorrência transparente, será possível viabilizar cinco vezes mais obras.
Outro engano recorrente é supor que, pelo fato de parte preponderante do financiamento ser do BNDES -dinheiro público-, não haveria por que privatizar a obra. Para que os recursos do BNDES sejam aplicados, na ponta tomadora precisa necessariamente existir uma empresa -privada ou pública, mas com lógica privada- , que irá receber, aplicar, operar o empreendimento e, com os lucros, pagar o financiamento.
Está-se falando obviamente do mundo ideal. Na prática, a PPP estará sujeita a todos os vícios aos quais estão expostas todas as formas de licitação pública. Há o risco de que sirva de subterfúgio para desonerar o Estado de qualquer obrigação de investimento -da mesma maneira que se tenta, hoje em dia, reduzir suas responsabilidades com saúde e educação. Há o risco de que seja aplicada indistintamente, de forma pouco transparente.
São riscos que têm que ser estudados e prevenidos. Mas seguramente não são intrínsecos à natureza das PPPs.

enviado por:
Pedro Tuzino

Não, o PSDB não é um partido ético.
Falar que o PSDB seria ético é uma propaganda enganosa a respeito de um partido político que, beneficiado por estar na oposição hoje, se aproveita do momento em que seus adversários são bombardeados pela imprensa. E que também se aproveitam da FALTA DE MEMÓRIA do eleitorado brasileiro.
Escrevo para comentar o artigo escrito por Ernesto Cardoso Jr, que já escreveu excelentes artigos neste espaço, alguns deles aplaudiria de pé, mas este último, falando que o PSDB seria um partido ético, não condiz com a realidade.
Não vamos fazer parte da maioria que sofre com o problema de falta de memória, e não vamos cair nesse armadilha de acreditar na propaganda tucana, que irá se vender nesta eleição como "o partido da vez" ou "a alternativa a Lula".
O PSDB administrou o Brasil por 8 anos, o PSDB administra São Paulo há 11 anos, e agora estão há 1 ano na prefeitura paulistana. Eles já tiveram muitas chances de governar. Será que o PSDB é ético?
Não é ético. Se alguém tiver memória, logo irá se lembrar de momentos onde o PSDB provou ser um partido de políticos que querem o poder á qualquer custo, nem que para isso tenham que enganar o eleitorado com uma falsa imagem de "bom-moço", imagem esta que não passa de MARKETING!!
O mesmo marketing que vendeu o "lulinha paz e amor" em 2002, quer vender o "PSDB de bons-moços" em 2006? Puro marketing!
Não dá para acreditar que o PSDB seja ético pois:
1. Eram coniventes com a corrupção, pois quando FHC assumiu a presidência em Jan/95 extinguiu por decreto a Comissão Especial de Investigação, instituida por Itamar, que tinha por objetivo combater a corrupção.
2. Abafou a CPI da Corrupção em 2001, que iria investigar corrupção no alto escalão do governo tucano. Com certeza seria descoberto alguns "mensalões" naquele governo também.
3. Criou a Controladoria Geral da União, que se especializou em abafar denúncias. Geraldo Brindeiro ficou célebre como o "engavetador geral da união" no governo tucano.
4. Evidências explícitas de caixa-dois nas campanhas tucanas de FHC. Pois 5 milhões de reais não apareceram na prestação de contas ao TSE em 1994.
5. Compra de votos na emenda da reeleição. Quem duvida que naquele episódio não foi pago algum "mensalão" também? Gravações revelaram que alguns deputados PFListas ganharam 200 mil para votar a favor da emenda. Pegaram poucos bodes expiatórios naquele caso, poderia ter ainda mais gente envolvida.
6. Grampos telefônicos revelaram que o ministro das comunicações Mendonça de Barros teria favorecido o consórcio do Opportunity em 1998, durante as Privatizações da telefonia.
7. Falta de ética em segurar a paridade entre o Real e o Dólar durante o ano de 1998 apenas para que FHC fosse reeleito. Resultado: Crise do Real no começo de 1999.
8. Se Lula é criticado por "apoiar Hugo Chaves", não podemos esquecer que FHC apoiava Alberto Fujimori, ditador peruano. O governo do PSDB chegou a condecorar Fujimori, com a medalha da Ordem do Cruzeiro do Sul!
9. Se o PSDB fosse ético com o Brasil, não teria feito crescer a dívida pública. Em 1995 a dívida interna e externa, somadas, eram de R$ 153 bilhões. Com a política de juros altos do PSDB, que até hoje amarram a economia brasileira, a dívida foi elevada para R$ 684 bilhões!
10. O Governo Geraldo Alckmin em S.Paulo é protegido pela imprensa em geral. Não saiu na capa da Revista Veja e nem em manchete na Folha de S.Paulo alguns absurdos como as mais de 40 CPIs abafadas pelo governo Alckmin na Assembléia Legislativa do Estado. Ou mesmo as denúncias de manipulação das estatísticas de criminalidade do estado. Conivência da imprensa com um governador é anti-ético com a população e com o código de ética jornalístico.
11. Não seria ético um governo estadual que manipula estatísticas de assassinatos no Estado de SP. Já foi denunciado que casos de assassinatos foram registrados pela polícia paulista como "morte a esclarecer" ou "encontro de cadáver", o que faz diminuir o número de assassinatos nas estatísticas oficiais do Estado. Ou seja, a estatística passa a carregar uma mentira.
12. É anti-ético um governo estadual que beneficia cidades que tem prefeitos tucanos. Levantamento do SIGEO revelou que o dinheiro de convênios são repassados, em sua maioria absoluta, para cidades com prefeituras tucanas. Uma comparação, em 2004, entre cidades de mesmo porte revelou que São José dos Campos, com prefeitos tucanos, recebeu R$ 4,28 per capita, Ribeirão Preto, sem prefeito tucano, recebeu R$ 1,10 per capita.
13. A administração Serra na prefeitura de S.Paulo inflou números das "realizações" da prefeitura nos panfletos de IPTU, entregues aos contribuintes no começo de 2006. Propaganda enganosa é anti-ético.
14. Desde o começo é possível desconfiar que José Serra queria usar a prefeitura paulistana para aparecer. E é isto que ele está fazendo, com algumas reportagens nos jornais que deixam claro que ele está dando uma de moralista de araque, querendo proibir alguns tipos de outdoors, shows, rampa anti-mendigo, etc... O Serra só quer aparecer, projetar seu nome, para uma futura eleição presidencial. Serra usou São Paulo para aparecer.
Se todas essas razões mostram que o PSDB não é mais ético do que ninguém, porquê vamos nos enganar?
Se Lula é ruim, e muitos acham que ele não deve ser reeleito. Tudo bem, é verdade.
Mas se Lula é ruim, o PSDB é pior!
E por isso, o PSDB não merece a chance de voltar ao poder, nem daqui há 100 anos!
Fico grato pela atenção. Desculpem qualquer mal-entendido. Apenas quis colocar contra-argumentos neste espaço, que se foi utilizado para fazer propaganda a favor de um partido político, também deveria abrir espaço para a contra-argumentação a este mesmo partido político, sem favorecer nenhum dos lados antagônicos, como diria o código de ética da IMPARCIALIDADE jornalística.

Antonio Pessoa
Ubatuba, SP

Foto do Dia Topo

Para participar desta seção basta enviar as fotos com crédito do autor e legenda, no tamanho mínimo
de 1024 x 768 pixels com resolução de 72dpi para fotododia@litoralvirtual.com.br.  O envio da foto caracteriza autorizada a sua publicação, assumindo o autor total responsabilidade pela publicação da mesma.

Ubatuba

Artesanato Caiçara - Luciano Cancelier

Artesanato Caiçara
©Luciano Cancelier

Envie sua foto!

Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Atualização: Juliano Gregori

GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

 

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor