Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-Feira, 05 de Janeiro de 2007 - Nº 1681 Edições Anteriores

Pousada das Cachoeiras

Região
Cetesb alerta: há 17 praias poluídas no Litoral Norte

Caraguatatuba
Bandeiras vermelhas desaparecem
Explosão de botijão fere 3 em Caraguá
Prefeitura vai fiscalizar o ponto comercial
Comerciante evita falar sobre caso
Vencedores dos concursos natalinos serão premiados em Caraguá
O Surto é atração da programação "Caraguá: verão é Aqui"
Frank Aguiar faz show em Caraguá
Fundacc recebe projetos culturais para 2007

Ilhabela
-

São Sebastião
Festa de S. Sebastião começa hoje com missa
Prefeitura continua com recadastramento dos beneficiários do programa Bolsa Família
Artista de Bertioga promove na Sectur a exposição “Faces da Mata”
São Sebastião agita as férias de janeiro com a Arena Recreativa e Esportiva
Professores participantes de processo seletivo têm até sexta-feira para entregar projetos
Sectur realiza o projeto “Pipas com Segurança” na Praça de Eventos da Rua da Praia
Prefeitura autoriza exploração de banheiro público


Ubatuba
'Filhos da Ilha' viram guias em Ubatuba
Turistas se encantam com a arquitetura
Grupo decide sobre animais em seminário
Redução das visitas ajuda na preservação
Salto de pára-quedas é opção nas férias
Policiais prendem 7 por tráfico de droga
Surfe começa a definir datas para 2007 em Ubatuba
Final de ano movimenta economia em Ubatuba
Moradores e turistas divergem sobre mudanças no trânsito do centro
Ubatuba disputa Campeonato Paulista de Beach Soccer 2007
Balcão de empregos de Ubatuba amplia atendimento em 2006
Pessoa desaparecida
Escola abre inscrição para vestibulinho que oferece 180 vagas para cursos técnicos

Seções
Poesia
Carta do Leitor

Notícias da Região Topo

Cetesb alerta: há 17 praias poluídas no Litoral Norte
Boletim de balneabilidade mostra que a chuva e o excesso de turistas provocaram aumento do número de pontos impróprios

Litoral Norte - O número de praias impróprias para o banho de mar passou de 13 para 17 no Litoral Norte, segundo boletim de balneabilidade divulgado ontem pela Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental).
Segundo a companhia, as chuvas e o aumento no número de turistas são as principais causas da poluição nas praias.
Segundo o gerente da Divisão de Qualidade das Águas da Cetesb, José Eduardo Bevilaqua, os dois fatores são determinantes para o aumento no número de praias poluídas. Segundo ele, a água da chuva leva o esgoto e o lixo não coletados direto para as praias.
"O caminho natural da água é ir em direção ao mar. O grande problema é que antes disso ela passa levando toda a sujeira da cidade, que por sua vez, aumenta conforme o fluxo de turistas fica maior. O resultado é o maior número de praias sujas, impróprias para banho", afirmou.
Segundo o especialista, a infra-estrutura das cidades também é fator determinante para o aumento das praias impróprias durante a temporada.
"Nós temos que levar em consideração que, durante a alta temporada, as cidades recebem um fluxo de turistas muito alto e precisam adequar os serviços municipais, como a coleta de lixo, por exemplo. A sujeira dos turistas que não sabem se divertir também influencia neste processo", disse.
BOLETIM - No Litoral Norte, as praias consideradas impróprias pela Cetesb são Iperoig, Itaguá, Enseada e Perequê-Mirim, em Ubatuba, Praia do Centro, Indaiá, Palmeiras e Porto Novo, em Caraguatatuba, e São Francisco, Pontal da Cruz, Praia Deserta e Porto Grande, em São Sebastião. Em Ilhabela, as praias consideradas impróprias são Armação, Pinto, Viana, Itaguaçu e Portinho.
A partir deste mês, devido ao alto fluxo de turistas e à maior probabilidade das praias ficarem impróprias, a Cetesb irá realizar coletas de água três vezes por semana e serão divulgados dois boletins semanais sobre a qualidade da água, às terças e quintas-feiras. Normalmente, é divulgado um boletim por semana.
A Cetesb estuda a implantação de um sistema mais seguro para informar as condições da balneabilidade das praias para evitar o furto das bandeiras indicativas. Uma das propostas é instalar painéis idênticos aos que são utilizados hoje para informar as condições do ar na capital e em cidades do interior (leia texto nesta página).
SAÚDE - Para aqueles que, mesmo com a praia imprópria para banho, insistem em entrar na água, o dermatologista Samuel Henrique Mandelbaum aponta os riscos para a saúde.
"O grande problema de quem insiste em se banhar nas praias consideradas impróprias é a diarréia provocada por ingestão de bactérias presentes na água. Já na área dermatológica, os grandes problemas são as micoses e a contaminação pelo bicho geográfico, o que pode atrapalhar as férias de qualquer um", afirmou.
Os turistas podem checar a balneabilidade no site www.cetesb.sp.gov.br ou pelo telefone 0800-113560 (Fonte: ValeParaibano)

Notícias de Caraguatatuba Topo

O Guaruçá Caraguatatuba

Bandeiras vermelhas desaparecem

Caraguatatuba - O furto de bandeiras sinalizadoras da Cetesb tem feito com que banhistas frequentem praias classificadas como impróprias no Litoral Norte.
O 'sumiço' das bandeiras vermelhas, que indicam que a água do mar está poluída, tem ocorrido com frequência, segundo a Cetesb, nas praias do Perequê-Mirim, em Ubatuba, Indaiá e Porto Novo, em Caraguatatuba, e Armação, em Ilhabela.
"Se eu soubesse que o mar estava poluído jamais deixaria meus filhos nadarem nessa água", afirmou Rodrigo Alves, de Indaiatuba, que frequentava ontem à tarde a praia do Indaiá, em Caraguá.
A Cetesb instala as bandeiras em 82 praias do Litoral Norte. A companhia suspeita que as bandeiras vermelhas sejam retiradas por comerciantes ou hoteleiros instalados nas praias impróprias, por entenderem que afugentam os turistas.
Segundo a bióloga Débora Orgler, do setor de Águas Litorâneas da Cetesb, as praias são consideradas impróprias por estarem poluídas com esgoto. Segundo ela, a Cetesb está agilizando estudos para implantar um sistema mais seguro para informar as condições da balneabilidade.
Uma das propostas é implantar painéis idênticos aos que são utilizados hoje para informar as condições do ar na capital.
SANEAMENTO - A Sabesp informou ontem que busca recursos para concluir o saneamento básico e impedir a poluição por esgoto em praias.
Segundo o superintendente da empresa na região, José Ricardo Amadei, são necessários R$ 19 milhões para concluir o sistema que atenderá às praias Perequê-Mirim, Lázaro, Enseada, Saco da Ribeira, Domingas Dias e Santa Rita.
Em Caraguá, segundo Amadei, a região central tem rede e coleta, mas para impedir a poluição da praia do Indaiá seria necessário instalar rede e coleta em bairros como o Rio do Ouro e Jaraguazinho. (Fonte: ValeParaibano)

Explosão de botijão fere 3 em Caraguá
Vítimas tiveram queimaduras de segundo grau em 40% do corpo; comércio não tinha alvará de funcionamento

Caraguatatuba - Três pessoas ficaram feridas na manhã de ontem numa explosão causada por vazamento de um botijão de gás de cozinha em um comércio na região central de Caraguatatuba. O estabelecimento não tinha alvará de funcionamento e nem havia sido vistoriado pelo Corpo de Bombeiros.
Além do proprietário da casa de aves, um funcionário e uma pessoa que estava no comércio foram atingidos pela explosão, ocorrida às 10h35. Não havia mais pessoas no local no momento do acidente.
O barulho chamou a atenção de vizinhos, que imaginaram se tratar de um acidente de carro. "Parecia uma batida de veículos", disse a dona-de-casa Maria de Lourdes, 52 anos, que passava perto do comércio na hora da explosão.
Três viaturas dos bombeiros estiveram no local para resgatar as vítimas, que foram encaminhadas ao Pronto-Socorro de Caraguá com queimaduras de segundo grau em cerca de 40% do corpo.
O comerciante Rodrigo da Silva Braga Júnior, 43 anos, Giovani da Silva Hora, 27 anos, e Leandro Dantas de Almeida, 19 anos, foram medicados e ficaram em observação durante a tarde de ontem no PS da Santa Casa de Caraguá. Eles foram atingidos pelas chamas da explosão no rosto, nos braços e no peito.
O serviço social do hospital informou que os três foram liberados no final da tarde de ontem, com ferimentos leves que poderão ser tratados em casa.
A CAUSA - Segundo os bombeiros, a explosão foi causada pelo acúmulo de gás que vazou de um botijão de cozinha e permaneceu num corredor que fica ao lado do estabelecimento.
Uma faísca teria provocado a explosão. As portas da entrada e do corredor lateral do comércio ficaram danificadas. Os vidros do estabelecimentos também se partiram.
"Tudo já foi recuperado. Foi um acidente infeliz, mas que, graças a Deus, não causou maiores transtornos", disse Elianir Braga, mulher do proprietário da casa de aves (leia texto nesta página).
Com cerca de 20 metros quadrados, o comércio fica em um prédio de mais de 1.000 metros quadrados, na rua Engenheiro João Fonseca, no centro de Caraguá, onde havia uma sala de cinema.
Os bombeiros que atenderam a ocorrência informaram que não houve focos de incêndio no local. A explosão teria sido rápida e tão logo o gás foi consumido as chamas teriam se extinto.
INVESTIGAÇÃO - A ocorrência foi registrada na delegacia de Caraguá e a Polícia Civil abriu inquérito para apurar as causas da explosão. O local já teria sido periciado e o laudo deve ficar pronto em até 30 dias.
Comerciantes vizinhos ao estabelecimento que explodiu ficaram preocupados com a falta de fiscalização na casa de frango. Para obter o laudo dos bombeiros, o proprietário do comércio teria que ter requisitado a vistoria em todo o prédio.
"Isso deixa a gente apreensivo por causa da temporada. Imagine se algum turista se machuca numa explosão dessas. Não volta mais para a cidade", disse o empresário Ricardo Dantas, 46 anos.
"A prefeitura vai ter que fiscalizar melhor os comércios da cidade, porque a temporada promete ser lotada", disse o proprietário de uma pousada, que preferiu não se identificar. (Fonte: ValeParaibano)

Prefeitura vai fiscalizar o ponto comercial

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguatatuba informou que irá fiscalizar o estabelecimento onde houve ontem uma explosão por causa de um vazamento em um botijão de gás de cozinha. Três pessoas sofreram queimaduras no acidente.
De acordo com o Corpo de Bombeiros, o local não possuía vistoria feita pela corporação, necessária para obter alvará de funcionamento da prefeitura.
Caso a documentação do estabelecimento esteja incorreta, o comércio poderá ser interditado até que os documentos sejam providenciados. Um inquérito policial foi aberto para apurar as causas do acidente.
Caso fique confirmada a falta de documentos exigidos para o funcionamento do ponto comercial, os donos poderão ser autuados. Ontem, o proprietário do estabelecimento não quis comentar sobre a falta de documentação do comércio.
Ele foi uma das três vítimas da explosão. Os outros dois foram um funcionário e uma pessoa que estava no local na hora da explosão. Os três foram medicados na Santa Casa e liberados ontem à tarde. (Fonte: ValeParaibano)

Comerciante evita falar sobre caso

Caraguatatuba - O proprietário do comércio de venda de frango assado, Rodrigo da Silva Braga Júnior, 43 anos, uma das vítimas da explosão, não quis comentar o assunto ontem.
A mulher dele, Elianir Braga, minimizou os danos do acidente e disse que tudo estava consertado no final da tarde de ontem. "Só as portas foram danificadas. As máquinas e outros móveis estavam intactos. Já providenciamos o conserto de tudo."
Ela também não quis comentar sobre a falta se documentação do estabelecimento, que não teria alvará de funcionamento e nem passado por vistoria do Corpo de bombeiros.
Entre outras coisas, a vistoria checa a existência de extintores no comércio e se o local possui áreas de risco para incêncios e explosões.
Elianir confirmou que o marido, o funcionário e a terceira pessoa atingida pela explosão receberam alta da Santa Casa de Caraguatatuba no final da tarde de ontem. "Eles já estão em casa e passam bem", disse.
Segundo ela, assim que estiver completamente restabelecido, o marido poderá providenciar a regularização da documentação do estabelecimento. (Fonte: ValeParaibano)

Vencedores dos concursos natalinos serão premiados em Caraguá
Presépios ainda podem ser votados pela população até sábado, dia 6, no Caraguá Praia Shopping

Caraguatatuba - Os concursos que deixaram Caraguá mais bonita e iluminada no Natal, chegaram ao fim e os vencedores serão premiados nesta segunda-feira, dia 8, às 9 horas, na Secretaria de Turismo. Os resultados já estão disponíveis para apreciação nas praças e ruas da cidade; e os presépios selecionados pela comissão julgadora ainda estão disponíveis para votação popular, em uma bela exposição no Caraguá Praia Shopping (sala 18, piso 2), até sábado, dia 6 de janeiro.
Os presépios são trabalhos em diversos estilos de arte e materiais, como papel machê, fibra de pneu, bambu, madeira e outros. Na mesma sala também estão expostos pequenos enfeites natalinos confeccionados por alunos das escolas municipais com garrafas pets. O horário de visitação é das 10 às 22 horas.
Na Praça Diógenes Ribeiro de Lima, o público pode apreciar os enfeites natalinos com garrafas pets dos alunos das escolas municipais, com destaque para os vencedores do concurso, como o campeão "Anjo", da escola EMEI/EMEF Bernardo F. Louzada, do bairro Rio do Ouro, que será premiado com uma filmadora; o "Papai Noel no Wind Surf", da EMEI/EMEF Prof. Jorge Passos, do Jaraguazinho, que como segundo colocado receberá uma máquina digital. O terceiro colocado é um trenó puxado por cavalos marinhos, do CEI Profa. Regina Célia Santos Chapira Blaustein, do Travessão (que será premiada com um aparelho de DVD), é outra atração. Vale a pena conferir também o quatro colocado - um conjunto com três velas, da EMEF Prof. Oswaldo Ferreira, Casa Branca; o quinto-uma árvore de natal, da EMEI/EMEF Profa. Aida de Castro Grazioli; o sexto - a cara do papai Noel, do CEI/EMEI Profa Maria Carlita Saraiva Guedes; o sétimo -um barco com Papai Noel, do CEI/EMEI Leonor Mendes de Barros, no Travessão 2; e o oitavo colocado- um guirlanda gigante da EMEI/EMEF Prof. João B. Marcondes, no Morro do Algodão. Os oito primeiros colocados receberão os prêmios em janeiro. (Fonte: PMC)

O Surto é atração da programação "Caraguá: verão é Aqui"
O grupo cearense é o primeiro a ter um CD com sistema anti-pirataria embutido

Caraguatatuba - A banda O Surto será a atração musical da programação "Caraguá: verão é aqui" da Prefeitura de Caraguá - Secretaria de Turismo. O show acontecerá na próxima quinta-feira, dia 11, na Praça de Eventos, às 22 horas. A entrada é franda.
Coube ao grupo cearense O Surto o feito de ser o primeiro artista brasileiro a ter um CD com sistema anti-pirataria embutido. O novo álbum da banda, Equalizando as Idéias (prestes a chegar às lojas) vem com uma faixa "escondida" que só pode ser ouvida via Internet, pelos compradores do CD. Em comunicado à imprensa, a gravadora Virgin explica: "O produto traz uma faixa que só poderá ser ouvida pelos legítimos compradores de cada CD, individualmente com uma senha na parte gráfica de cada CD . Trata-se de uma versão acústica da faixa Veneno. Para ouvi-la, basta estar conectado à Internet em um computador com CD player para obter uma licença eletrônica utilizando o código impresso no encarte. Uma vez aberta a embalagem e ativado o código único, este é cancelado no banco de dados da Musica. Isto impede que outras pessoas possam ter acesso à faixa exclusiva, mesmo que o CD seja copiado ou emprestado, pois cada código é válido para apenas uma operação de licenciamento." Fonte: site oficial da banda (Fonte: PMC)

Frank Aguiar faz show em Caraguá
Frank Aguiar transforma em mania nacional, grandes sucessos regionais. A música de trabalho de seu novo álbum é "Vou te excluir do meu orkut

Caraguatatuba - Frank Aguiar será o responsável pela animação da programação Caraguá: verão é aqui!, da Prefeitura de Caraguá-Secretaria de Turismo, no próximo dia 13.
Frank Aguiar coloca os quatro cantos do país para dançar em ritmo de baterão - uma nova onda que veio para ficar. O baterão embala todas as músicas de "Sou brasileiro". Trata-se de uma mistura de forró, xote, vanerão, samba e o romantismo que consagrou Frank Aguiar em 12 anos de carreira.
Em "Sou brasileiro", Frank Aguiar presenteia os fãs com canções inéditas - "Ouça a minha voz", "Dois tum", "Mulher poderosa", "Pense!", "Morrendo de saudade" e "Anjinho de luz". Em "Gosto de maçã", Frank Aguiar interpreta, em ritmo de xote, o sucesso do cantor Wando.
Foi o próprio Wando quem sugeriu a regravação, selando uma amizade de longa data. Cantar o Brasil, para todo o Brasil! "Sou brasileiro" fortalece todo esse amor de Frank Aguiar pelo povo e pela música deste imenso Brasil.
Frank Aguiar transforma em mania nacional, grandes sucessos regionais. A música de trabalho deste novo álbum é "Vou te excluir do meu orkut", que aborda um tema bastante atual e que mexe com a vida de milhares de "comunidades" em todo o mundo. Fonte: site oficial da banda
(Fonte: PMC)

Fundacc recebe projetos culturais para 2007

Caraguatatuba - A FUNDACC - Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba, receberá projetos para Oficinas Culturais que acontecem nos Centros Culturais próprios e nas Escolas Estaduais e Municipais, que serão realizados nos períodos de março à junho e agosto à novembro do ano de 2007,
Os projetos devem inserir-se nas seguintes áreas da Cultura: Artes Plásticas, Dança, Música, Artes Cênicas, Fotografia, Cinema e Vídeo, Literatura, Folclore e Artesanato e devem ser entregues na sede da FUNDACC, na Rua Santa Cruz, 396 - Centro, nos dias úteis, das 09:00 às 17:00h até dia 29 de janeiro de 2007. Não serão recebidos projetos remetidos pelo correio, fax ou e-mail. É facultada a apresentação de mais de um projeto.
Os projetos selecionados serão contratados sob regime de prestação de serviços, sem vinculo empregatício, conforme previsto no Art. 593, do Código Civil Brasileiro, observados os requisitos da Lei nº 8.666/83 e alterações posteriores.
As propostas deverão ser digitadas. Não serão aceitas as propostas manuscritas.
As eventuais dúvidas poderão ser esclarecidas na sede da FUNDACC, na rua Santa Cruz, 396 - Centro, de segunda a sexta das 09:00 às 17:00h, ou via e-mail: fundacc@fundacc.com.br no período de inscrição ou no site: www.fundacc.com.br (Fonte: Fundacc)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Portal da Palmeira

Ilhabela -

Notícias de São Sebastião Topo

São Sebastião Superchic

Festa de S. Sebastião começa hoje com missa

São Sebastião - Começa hoje em São Sebastião, na Igreja Matriz, a tradicional Festa de São Sebastião, que tem mais de 100 anos de tradição e será realizada até o dia 21 com novenas, missa campal e procissão. Hoje a programação tem início com a procissão do mastro às 19h, que sai da Capela São Gonçalo em direção à Matriz. Logo após, haverá carreata e missa. "A festa consegue atrair tanto o público da cidade quanto os turistas. Nossa expectativa é receber 200 mil pessoas nos 17 dias de festa", afirmou o secretário de Cultura e Turismo de São Sebastião, Júlio Buzi. Toda a estrutura está montada na rua da Praia. São 80 barracas com comidas típicas e artesanato. (Fonte: ValeParaibano)

Prefeitura continua com recadastramento dos beneficiários do programa Bolsa Família

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Humano (Setradh) continua em janeiro com o recadastramento das famílias que possuem inscrições nos programas Bolsa-Família, Bolsa Escola e auxílio gás, do governo federal. O objetivo é atualizar os cadastros e também a transferência de famílias nos antigos programas do governo para o Bolsa-Família.
O objetivo da Setradh é alcançar todas as pessoas que possuem perfil para receber o benefício que varia entre R$ 15 e R$ 95, dependendo da renda e quantidade de pessoas que moram no domicílio. As famílias com renda per capita de até R$ 120 mensais têm direito ao benefício que associa a transferência do benefício financeiro e o acesso à saúde, alimentação, educação e assistência social. Outras que ganham até meio salário mínimo poderão obter descontos na conta de energia elétrica. Além disso, novas famílias serão cadastradas.
As pessoas que tiverem uma renda per capita de até meio salário mínimo podem procurar o Plantão Social do bairro em que mora para efetuar o cadastro único ou entrar em contato pelo telefone (012) 3891-2010. Informações no telefone (012) 3892-2844.
Dados - De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) de 2004, existem em São Sebastião cerca de 1.940 famílias pobres no município. Vale ressaltar que a cidade teve uma queda de 0,6 % desse índice em relação ao ano de 2001, quando a estimativa era de 1.950 famílias.
Atualmente, de acordo com dados da Setradh, 1.458 famílias recebem o benefício dentro dos cerca de 2.500 cadastros existentes.
O programa - Criado para combater a fome e a miséria, o programa Bolsa-Família tem o intuito de promover a emancipação das famílias mais pobres do país, onde, por meio do programa, o governo federal concede mensalmente benefícios em dinheiro para famílias mais necessitadas. Dentre os inúmeros benefícios, o Bolsa-Família atende duas finalidades básicas: combater a miséria e a exclusão social e promover a emancipação das famílias mais pobres. (Fonte: PMSS)

Artista de Bertioga promove na Sectur a exposição “Faces da Mata”

São Sebastião - O artista Sandro Justos, de Bertioga, abre na próxima quarta-feira (10/01), na sala de exposições da Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur), em São Sebastião, a exposição “Faces da Mata” que promoverá uma mostra de diversas telas onde retrata os aspectos culturais do povo indígena e africano.
De acordo com o artista é a segunda vez que vem para São Sebastião e a expectativa é das melhores já que a exposição realizada no ano passado, também na Sectur, foi um sucesso de público. “Posso dizer que sou apaixonado por São Sebastião, a cidade me atrai sempre por seu povo e belezas naturais”, destacou Justos.
O artista também afirma que juntamente com a exposição das telas será realizada uma instalação artística onde se preocupa em expor idéias e mostrar diversos tipos de arte. “O que mais valorizo nas mostras que promovo é o contato com as pessoas e a troca de experiências. É um público diferenciado que aprecia a arte”, afirma.
Justos declarou ainda que uma das obras que estará exposta retrata uma índia da aldeia guarani, de Boracéia, na Costa Sul de São Sebastião. “Sempre visito as aldeias indígenas e gosto muito de Boracéia”, finalizou.
Prêmios - Sandro Justos foi selecionado e convidado a expor suas obras na mostra promovida pela Academia Latino-Americana de Arte (ALA). Suas telas em óleo sobre tela farão parte do livro oficial da ALA que será produzido e entregue aos artistas participantes da mostra do ano passado em solenidade a ser realizada em 2007.
Depois de sua experiência no exterior, em 2005, onde apresentou uma criança Karajá em mostra coletiva realizada em Paris, na França, sua essência indígena levou prêmios em São Paulo. Ele também recebeu a medalha de ouro e a nota máxima no Grande Salão da Paz da Academia Brasileira de Arte, Cultura e História realizada no Centro Cultural da Marinha, onde Justos recebeu menções honrosas.
Serviço
Exposição “Faces da Mata”
Artista: Sandro Justos
Dias: 10 a 31 de janeiro de 2007
Local: Sala de Exposições da Sectur, na Rua da Praia, Centro de São Sebastião
Horário: de segunda a sexta-feira das 9h às 17h
Entrada Franca
Informações: (12) 3892-2620
(Fonte: PMSS)

São Sebastião agita as férias de janeiro com a Arena Recreativa e Esportiva

São Sebastião - Com o intuito de mesclar lazer com muita atividade física, a Secretaria de Esportes de São Sebastião (Seesp) realiza durante as férias escolares o projeto “Arena Recreativa e Esportiva” em diversas praias das costas Norte e Sul do município.
A proposta da Seesp é promover férias com atividades físicas e diversão para a população e turistas que visitam a região.
De acordo com o diretor de eventos da secretaria, José Reis de Jesus, será montada uma estrutura para que as pessoas possam praticar diversos tipos de esportes como futebol, vôlei, futvôlei, basquete, xadrez, malha, dama, além de aulas de alongamento e aeróbica. Para a criançada os monitores da Secretaria de Esporte realizarão muita recreação com diversas brincadeiras que agitarão a garotada até o fim da tarde. “Queremos que as pessoas, além de se divertir, iniciem uma atividade física nessas férias para darem continuidade ao esporte ao longo do ano.”
Confira os locais onde acontece a Arena Recreativa e Esportiva:
13 e 14/01 - Praia de Boracéia
20 e 21/01 - Praia de Barequeçaba
25 a 28/01 - Praia da Baleia - para crianças de 4 a 12 anos
(Fonte: PMSS)

Professores participantes de processo seletivo têm até sexta-feira para entregar projetos

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria de Educação (Seduc) informa que os candidatos inscritos para o processo seletivo que objetiva o cadastro de vagas de professores da rede municipal de ensino devem entregar até amanhã (5/12), das 9h às 17h, na recepção da Seduc, os projetos que têm caráter classificatório.
Os projetos exigidos devem estar de acordo com a área de atuação do candidato. As provas escritas do processo seletivo classificatórias e eliminatórias serão elaboradas pelo Instituto Brasileiro de Administração Municipal (IBAM) e realizadas em dia, horário e local que serão divulgados na imprensa no próximo fim de semana e também no site www.saosebastiao.sp.gov.br.
O processo seletivo 02/2006 prevê o preenchimento de acordo com a necessidade de pessoal, disponibilidade orçamentária da Prefeitura e limites legais para tais despesas e obedecendo a ordem de classificação final para as vagas de Professor de Educação Infantil, Professor de Educação Fundamental (1ª a 4ª série), Professor III (5ª a 8ª) para as áreas de Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Ciências, Educação Artística, Inglês e Professor de Educação Física. As contratações serão realizadas em caráter temporário.
Informações no site oficial da Prefeitura, www.saosebastiao.sp.gov.br, no link Processo Seletivo ou Concursos, Educação/Professores. O edital do processo seletivo está disponível também no paço municipal, na sede da Seduc e no site www.ibamsp-concursos.org.br. A Seduc fica na rua José Agripino do Nascimento, 166, na Vila Amélia e o telefone é o (12) 3892-2644. (Fonte: PMSS)

Sectur realiza o projeto “Pipas com Segurança” na Praça de Eventos da Rua da Praia

São Sebastião - O projeto “Pipas com Segurança” irá colorir o céu de São Sebastião neste sábado (6/01), a partir das 14h, na Praça de Eventos da Rua da Praia. O evento é uma iniciativa da Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur), em parceria com a Equipe Sílvio Voce e com o patrocínio da Bandeirante Energia e Coats Corrente. O intuito do projeto é orientar crianças, adolescentes e adultos sobre os perigos de soltar pipas e papagaios próximos a rede elétrica ou usando cerol.
Durante o evento, que é aberto ao público em geral, será fornecido um material personalizado e passadas regras de segurança. Depois de confeccionadas as pipas com orientação de monitores, todas serão levadas ao ar ao mesmo tempo.
O evento que irá colorir o céu de São Sebastião também terá distribuição do kits “Voador” com revista em quadrinhos contendo as regras de segurança, pipa, linha e rabiola. Segundo a organização o evento mostrará a todos que é possível brincar em segurança, desde que se tenha um mínimo de cuidado.
O secretário de Cultura e Turismo, Júlio Buzi destacou a importância de um evento como esse na cidade. "O projeto tem o objetivo de proporcionar mais uma opção de lazer para a temporada tanto para os moradores como para os turistas que estão visitando a cidade", afirmou Buzi.
O Projeto "Pipas Com Segurança" percorre várias cidades brasileiras, educando os participantes, mostrando os perigos de empinar pipas com cerol ou próximo de redes elétricas e demais regras de segurança. O interessado pode conhecer mais sobre pipas visitando o site www.pipas.com.br.
Mais informações pelo telefone da Sectur (12) 3892-2620. (Fonte: PMSS)

Prefeitura autoriza exploração de banheiro público

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião concedeu na tarde desta quinta-feira (4/01), uma autorização para o uso, ocupação, exploração, manutenção e conservação dos dois banheiros públicos construídos na nova Rua da Praia, localizados próximo às quadras de esporte.
A exploração foi concedida para a Coopersuss (Cooperativa de Triagem de Sucata de São Sebastião). Para isso, a Coopersuss fará a cobrança pelo uso dos banheiros (R$ 0,80) e das duchas (R$ 1,50, o que dá direito a um banho de 10 minutos). Menores de cinco anos e maiores de 65 anos não pagam para utilizar o espaço.
Segundo a Secretaria de Meio Ambiente (Semam), a autorização será pelo prazo de três meses, a título de experiência, revogável posteriormente por prazo indeterminado.
A cooperativa será responsável por limpar e lavar os banheiros (inclusive pias, bacias, assentos, pisos e paredes azulejadas, pilastras, lavabos e acessórios), além de fornecer aos usuários, em quantidade suficiente, papel higiênico e papel toalha.
A assinatura do termo de exploração da área foi comemorada pela diretora presidente da Coopersuss, Sandra Lúcia Figueira. “É uma renda a mais em nossos lares. Gostaríamos de agradecer a administração pela oportunidade e confiança”, explica.
Hoje, a Cooperativa conta com 16 trabalhadores na região central e mais 12 na Costa Sul. O dinheiro arrecadado no mês será rateado entre os cooperados.
A Coopersuss começa a explorar o local a partir desta sexta-feira (5/01), início da Festa do Padroeiro.
Horário de funcionamento
No período considerado como alta temporada, compreendido entre o dia 14 de novembro de cada ano até o último dia de fevereiro do ano seguinte, o horário de funcionamento dos banheiros e duchas será das 8h às 22h, diariamente. Fora da temporada, o funcionamento se dará entre 8h e 20h.
Durante a Festa do Padroeiro e demais festas tradicionais do município, o horário será entre 8h e 0h. Já no Carnaval, o espaço funcionária 24h por dia.
Sempre que houver interesse do município, poderá haver alteração no horário de funcionamento, bastando uma comunicação com três dias de antecedência à exploradora do local.
Segurança
Além de explorar o local, o que já garante uma maior segurança em relação ao bem público, a Prefeitura de São Sebastião estará disponibilizando guardas patrimoniais em toda a área da nova Rua da Praia. As câmeras estarão monitorando o local para evitar atos de vandalismo, como os ocorridos na virada do ano.
Além disso, a Prefeitura de São Sebastião estará também recebendo um apoio da Polícia Militar nos dias de grandes shows. (Fonte: PMSS)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Arabi

 

'Filhos da Ilha' viram guias em Ubatuba
Roteiro histórico aberto ontem aos turistas tem como monitores os sobreviventes da rebelião de 1952

Ubatuba - "Foi muito traumatizante. Minhas irmãs jamais retornaram à ilha. Uma delas, até hoje, não pode ouvir barulho de fogos que relembra os tiros da rebelião de 1952", conta a professora aposentada Dionéia da Cruz, 61 anos.
Ela, que nasceu e viveu na Ilha Anchieta, em Ubatuba, é uma das voluntárias do projeto 'Filhos da Ilha', um grupo de sobreviventes da maior rebelião já ocorrida no país que desde ontem monitora os turistas que visitam a ilha.
Dionéia tinha 7 anos de idade em 21 de junho de 1952, quando ocorreu a rebelião que deixou 118 mortos, entre presos e agentes da força de segurança. Ela era uma das quatro filhas de Francisco Cruz, guarda do presídio.
Ela relembra com riqueza de detalhes como era a vida na ilha e o dia da rebelião. "A gente só podia brincar fora de casa depois das 16h30, quando os presos eram confinados nas celas. À noite, a gente dormia tranquila, mas papai e mamãe, não. Eles viviam temendo uma possível rebelião", disse.
No dia da rebelião, ela lembra que o pai juntou a família e levou para uma gruta na praia do Sul. "Ali, só ouvíamos os barulhos dos tiros." Segundo ela, por determinação do líder da rebelião, João Pereira Lima, não houve qualquer ataque de presos às mulheres e crianças da ilha.
TRILHAS - Segundo a diretora do Parque Estadual da Ilha Anchieta, Viviane Buchianeri, com apoio da Comissão Pró-Resgate Histórico da Ilha e da prefeitura, os 'Filhos da Ilha' foram capacitados e treinados para participarem do programa de turismo ambiental 'Verão Floresta e Mar'.
"Notamos que a maioria dos turistas vem para a Ilha Anchieta interessada apenas no passeio de escuna e no banho de mar. A partir daí decidimos estimular a visita às trilhas e valorizar a história e a cultura da ilha", afirmou Viviane.
Dionéia disse que até chorou quando a convidaram para o projeto. "A gente não vai deixar essa história (a rebelião) desaparecer", disse.
Lia Bordini, filha do agente penitenciário José Bordini, que se aposentou em 1953 e deixou a ilha, também participa do programa. "Meu pai ficou tão traumatizado com a rebelião que nunca conversou sobre ela com os filhos. Nós, como descendentes, não podemos permitir que essa parte da história caia no esquecimento", afirmou.
A trilha que será monitorada pelos ex-moradores é a Ruínas do Presídio, com 800 metros de extensão e que pode ser percorrida em uma hora. Os antigos moradores contam detalhes do presídio, da vida na ilha e do dia da rebelião.
O secretário de Turismo de Ubatuba, Luiz Felipe Azevedo, disse que o programa 'Verão Floresta e Mar' terá ampla divulgação no município. "Vamos distribuir cerca de 10 mil folders sobre o programa a partir de amanhã."
AULA DE HISTÓRIA - O empresário Rene Demari, de Santo André (SP), que visitou ontem a ilha acompanhado da família, disse ter ficado impressionado com a história do presídio. "Nunca imaginei que aqui em Ubatuba tinha sido construído um dos maiores presídios do país", disse.
Demari fez questão de conversar com os 'Filhos da Ilha' e com o escritor Samuel Messias de Oliveira, autor do livro 'Ilha Anchieta, Rebelião, Fato e Lendas', que praticamente abre o roteiro relembrando a importância do presídio.
PELA ÁGUA - Outra novidade implantada na ilha será a trilha subaquática, que terá como monitores estudantes do projeto Ecosteiros da USP (Universidade de São Paulo) e será colocada à disposição dos visitantes a partir do dia 9.
Os visitantes terão contato direto com a fauna e flora marinha em um passeio que será realizado na praia do Engenho, com um hora de duração.
Os turistas que não quiserem entrar na água poderão percorrer uma trilha virtual que será instalada em uma das salas de exposições da sede do IF (Instituto Florestal).
As demais trilhas --Praia do Sul, da Represa e do Saco Grande-- podem ser agendadas no próprio parque. As trilhas podem ser percorridas de quinta a domingo, entre 9h e 16h, por grupos formados por 4 a 15 turistas. O passeio é gratuito (veja quadro nesta página).
 (Fonte: ValeParaibano)

Turistas se encantam com a arquitetura

Ubatuba - Os turistas que se reúnem no pátio interno do antigo presídio para ouvirem os relatos dos 'Filhos da Ilha' não se encantam apenas com as histórias sobre a rebelião, mas também com a arquitetura do local.
"Quem é de São Paulo?", pergunta o escritor Samuel Messias de Oliveira, em pé em frente a uma da celas.
Mais da metade dos turistas levanta as mãos. "Esse presídio foi construído por Ramos de Azevedo, arquiteto que construiu o Teatro Municipal, a Pinacoteca do Estado, entre outros projetos significativos do Estado."
O engenheiro Jorge Yatim, de Jundiaí, disse que passou a admirar ainda mais as ruínas. Ele reuniu a família em frente a uma cela para uma foto. "Isso aqui (as ruínas) é de uma importância histórica, artística e arquitetônica muito grande", afirmou.
O arquiteto Francisco de Paula Ramos de Azevedo, formado pela Universidade de Gante, na Bélgica, recebeu em 1906 autorização do então secretário de Justiça, Washington Luiz Moreira de Souza, para construir o que seria a primeira penitenciária agrícola do país na Ilha dos Porcos (Ilha Anchieta).
PROJETO - Azevedo, valorizando os preceitos de reabilitação social e reeducação de presos existentes à época, construiu oito 'casas dos internados', celas onde ficavam entre 19 e 30 presos, uma casa de economia (almoxarifado e cozinha), quartel, capela e galpões.
A partir de 1930, com a necessidade de aumentar o espaço, houve uma desfiguração do projeto inicial. As 'casas dos internados' foram ampliadas e transformadas em pavilhões.
 (Fonte: ValeParaibano)

Grupo decide sobre animais em seminário

Ubatuba - O turista que visita a Ilha Anchieta encontra capivaras pastando tranquilamente no pátio do antigo presídio. Os animais são mansos e não ameaçam a presença dos visitantes.
No entanto, o futuro das capivaras e de outros animais introduzidos na ilha na década de 80 será decidido em março por pesquisadores da USP, Unesp e Unicamp. Os animais ameaçam a biodiversidade, segundo eles.
Em 1983, quando surgiram comentários de que existiam interesses em transformar a ilha em um complexo turístico-imobiliário, um grupo decidiu introduzir 14 espécies de mamíferos. Os animais iriam povoar a ilha com o objetivo de tornar inviável o projeto, o que acabou ocorrendo.
Hoje, alguns dos 40 pesquisadores que desenvolvem pesquisas científicas na ilha entendem que é preciso erradicar ou reduzir as espécies para a preservação da biodiversidade.
Em 1983, foram introduzidas 7 capivaras. Hoje, são 292. O número de outras espécies também aumentou bastante.
Segundo a diretora do parque, Viviane Buchianeri, o seminário tentará buscar um consenso sobre o destino das espécies. (Fonte: ValeParaibano)

Redução das visitas ajuda na preservação

Ubatuba - Um decreto de autoria do então secretário de Estado do Meio Ambiente, José Goldemberg, editado há pouco mais de um ano, reduziu em cerca de 50% a entrada de turistas na Ilha Anchieta. A visita à ilha é um dos passeios mais realizados em Ubatuba durante a temporada de verão.
Hoje, cada uma das 16 escunas que fazem o passeio até a ilha pode fazer somente uma viagem por dia. A ilha recebe em média 1.020 pessoas por dia durante a temporada de verão.
No ano passado, um total de 69.978 pessoas visitaram o local. Segundo a diretora do parque, Viviane Buchianeri, 60% do movimento ocorre nos meses de dezembro e janeiro.
Ela disse que a redução do número de visitantes foi importante porque a ilha não possui infra-estrutura para atender mais de 1.000 pessoas por dia.
"Não tínhamos funcionários, monitores e nem sanitários suficientes para atender à antiga demanda de visitantes", disse Viviane. (Fonte: ValeParaibano)

Salto de pára-quedas é opção nas férias
Turista pode experimentar a emoção em Ubatuba, se tiver coragem e 'bolso' para pagar os quase R$ 600 cobrados

Ubatuba - Os turistas que visitam Ubatuba nesta temporada de verão podem contar com uma opção radical de diversão. A equipe de pára-quedismo Azul do Vento, de Campinas, está organizando saltos duplos que proporcionam uma vista panorâmica da orla.
Os saltos partem do Aeroporto de Ubatuba, entre 9h e 17h30. A equipe de pára-quedistas conta com 5 integrantes, 2 instrutores de salto, 2 câmeras e 1 dobrador. Segundo eles, a prática não possui contra indicações.
Segundo o instrutor Gustavo Brisolla, 38 anos, o salto é emoção garantida. "Nós realizamos um vôo panorâmico de 20 minutos, com uma visão privilegiada das praias. Depois, na hora do salto, a tranquilidade acaba e a adrenalina sobe. São 30 segundos de queda livre a quase 200 km por hora."
PREÇO - Além da coragem, o turista precisa preparar o bolso. Cada salto, com direito a gravação em vídeo, sai por R$ 598, valor que pode ser dividido duas vezes. Mesmo assim, segundo Brisolla, a procura é grande. Segundo ele, o horário mais procurado é a partir das 19h. "As pessoas querem mesmo é curtir o visual do pôr-do-sol."
O grupo realizará os saltos em Ubatuba até o dia 8, período que pode ser prorrogado dependendo do tempo e da procura.
O telefone para informações é o (12) 9175-8172 (Fonte: ValeParaibano)

Policiais prendem 7 por tráfico de droga

Ubatuba - A Polícia Civil de Ubatuba prendeu ontem sete pessoas suspeitas de vender drogas na praia das Toninhas, na região sul da cidade. O grupo era investigado por envolvimento em roubos e no tráfico de drogas em Ubatuba. Ontem, às 9h, a polícia prendeu os sete suspeitos --um deles menor-- numa pousada na praia das Toninhas. Vindos de Campinas, eles teriam alugado todos os quartos do local para passar a temporada. Com o grupo, foram apreendidos 400 gramas de cocaína e 300 gramas de maconha, além de material para embalar a droga. Todos foram presos. vale

Surfe começa a definir datas para 2007 em Ubatuba

Ubatuba - A FPS (Federação Paulista de Surf) e a ABRASP (Associação Brasileira de Surf Profissional) já divulgaram algumas datas de competições que devem acontecer em Ubatuba em 2007. Em março, a “Capital do Surfe” recebe a terceira etapa do Rip Curl Grom Search, nos dias 17 e 18 e a primeira etapa do Hang Loose Surf Attack, nos dias 24 e 25.
Em junho a primeira etapa do Paulista Pró deve movimentar Itamambuca entre os dias 15 a 17; na semana seguinte (20 a 24) Itamambuca recebe a elite do surfe brasileiro para a disputa do SuperSurf. Nos dias 22 e 23 de setembro acontece uma etapa do Paulista Universitário.
Tanto a FPS quanto a ABRASP devem divulgar nos próximos dias os locais de eventos como o Nicoboco Surf School, Seletiva Petrobrás, OKDOK Paulista Open e outros campeonatos que podem ter etapas na cidade.
Supersurf - Metade da delegação paulista que disputa o SuperSurf 2007 é de Ubatuba: nove dos dezoito atletas que representam o estado de São Paulo na elite do surfe brasileiro, são de Ubatuba. No masculino Renato Galvão, Odirlei Coutinho, Hizunomê Bettero, Tadeu Pereira e Edgley Santos entraram pela classificação do SuperSurf 2006 e Edgar Bischof conseguiu a vaga pela classificação Regional Sudeste. No feminino, Ubatuba terá três atletas: Suelen Naraisa, Francisca Pereira e Luana Prado.
WQS em outubro - Entre os dias 23 e 28 de outubro, Ubatuba se torna mais uma vez a capital mundial do surfe, com a realização do Onbongo Pro Surfing, a 39ª etapa do campeonato mundial, versão WQS, um evento seis estrelas, que distribui 125 mil dólares em premiação e 2.500 pontos no ranking. Em 2006 o campeonato reuniu 192 surfistas, de 14 países e Renan Rocha foi o campeão do torneio, e já garantiu que participa este ano. “Em 2007 estarei aqui de novo, campeonato em casa não vou perder”, disse Renan, ainda no pódio em 2006.
Municipal - Além das competições estaduais, nacionais e o mundial WQS, a Associação Ubatuba de Surf (AUS) realiza, em parceria com a Prefeitura de Ubatuba, o maior circuito municipal de surfe do Brasil, o Ubatuba Surf Challenge, com aproximadamente 200 atletas divididos em 16 categorias, competindo nas melhores ondas do Litoral Norte. (Fonte: PMU)

Final de ano movimenta economia em Ubatuba

Ubatuba - Os problemas enfrentados pelo setor de aviação fizeram com que muitos turistas trocassem os céus pela estrada e escolhessem o litoral norte como um dos principais destinos de final de ano. Quem comemorou a mudança nos planos foram os hotéis, pousadas e restaurantes, que lucraram com o movimento.Em Ubatuba, o aumento de turistas não gerou grande faturamento, garantem os estabelecimentos. Mesmo assim, a crise nos aeroportos aqueceu a cidade durante o natal e o reveillon.
A gerente do Hotel Costa Azul, na praia da Enseada, conta que a média de leitos ocupados foi a mesma do ano passado. "Em toda temporada, sempre temos os quartos lotados e o movimento costuma cair a partir do final de janeiro", afirma. Para o dono da Pousada Marazul, próxima a Praia do Itaguá, a previsão é de quartos cheios até o carnaval. "Sentimos que a procura aumentou desde o dia 27 de dezembro e até o dia 15 de janeiro o movimento sempre é pesado."
Para o dono do restaurante Senzala, Alfredo Correa, o lucro foi perceptível - de 5% a 8%. O local, que emprega 30 funcionários, precisou contratar mais 6 temporários para atender ä demanda. Ele conta que há sempre um reajuste nos preços do cardápio em início de temporada: "Vimos que a cidade recebeu muitos visitantes, mas como trabalhamos com a capacidade máxima de pessoas, muitas vezes não é possível atender a todos os turistas e clientes fixos".
De acordo com o Sindicato dos Hotéis, Restaurantes e Similares (Sinhores) do Litoral Norte, a região teve ocupação de praticamente 100% da capacidade. "Realizamos um levantamento no início de novembro e já constatamos que a média de procura estava 40% maior em relação a 2005", salienta José Carlos de Souza, assessor de turismo da instituição. Há 450 meios de hospedagem nas quatro cidades atendidas pelo sindicato. Deste número, o maior percentual encontra-se em Ubatuba.
Souza ainda explica que existem outros fatores que ajudaram nos bons resultados. "Além do inesperado problema no tráfego aéreo, a demanda de turistas nos feriados de setembro, outubro e novembro foi pequena. Ela foi compensada justamente com as festas de fim de ano".
 (Fonte: ACIU)

Moradores e turistas divergem sobre mudanças no trânsito do centro

Ubatuba - As mudanças na Avenida Iperoig têm levantado opiniões divesas entre os comerciantes de Ubatuba. A grande quantidade de turistas durantes das férias e os feriados de final de ano faz com que o fluxo de veículos aumente consideravelmente, gerando congestionamentos em alguns trechos do centro da cidade. Além disso, muitos motoristas ainda desconhecem as alterações.
Alguns comerciantes temem os reflexos destas mudanças, principalmente na iminuição das vagas de estacionamento. Para Marcos Francisco Demo, dono do Restaurante Tio Sam, a perda de 30% das vagas vai ocasionar diminuição dos lucros. "O comércio vai perder neste aspecto, porque não vai haver estacionamento para os clientes", opina. Mesmo assim, ele acredita que obras como esta são necessárias para evitar problemas futuros com o tráfego. "A avenida ficou mais moderna e mais bonita. Quando diminuir o movimento das férias, a situação de resolve."
Alguns receberam as alterações com muito otimismo. É o caso de Wilson Alves da Silva, proprietário do restaurante Baleia Branca. Ele afirma que as obras não atrapalharam o movimento de clientes em seu estabelecimento.
"Antes a mão dupla fazia o trânsito parar. Agora já se nota um congestionamento menor. Mesmo assim, acho que deveria existir algum dispositivo para controlar a velocidade dos carros e motos".
De acordo com Ronaldo Lopes, coordenador de trânsito de Ubatuba, a época de férias ainda é complicada para avaliar o resultado. "Nós recebemos uma série de elogios e sugestões, mas de maneira geral as mudanças foram benéficas", conclui. Quanto às reclamações sobre o excesso de velocidade na avenida Iperoig, Lopes responde que a administração municipal pretende realizar um estudo e abrir uma licitação para instalar radares e lombadas eletrônicas. Há ainda a previsão de estudos para evitar congestionamento na ponte do Perequê-Açú. "Queremos avaliar a possibilidade de aumentar a largura da ponte, com a construção de uma segunda pista lateral".
MUDANÇAS - Com mão única no sentido Centro em direção ao Perequê-Açú, a avenida Iperoig já conta com sinalização e a Guarda Municipal continua orientando os motoristas. O retorno deve ser feito pela Rua Salvador Corrêa, que agora opera em direção inversa da avenida (Perequê-Açú - Centro) em mão única.
Na Rua Liberdade também houve mudanças. Ela deixou de ser mão dupla no trecho entre a Avenida Iperoig e a Rua Salvador Corrêa, para que haja facilidade no retorno de quem segue no sentido do Itaguá. (Fonte: ACIU)

Ubatuba disputa Campeonato Paulista de Beach Soccer 2007
Torneio será disputado por oito equipes do Estado

Ubatuba - O Beach Soccer de Ubatuba participará do “3º Campeonato Paulista” da modalidade, que acontece de 24 e 28 deste mês. O torneio será disputado por oito equipes do Estado de São Paulo, sendo que sete delas já confirmaram presença. Além de Ubatuba, que participa pela primeira vez, a competição contará com as equipes de São Paulo, Caraguá, Lorena, Praia Grande, Jacareí e Santo André. A última vaga deverá ser preenchida até a próxima sexta-feira, 5.
As equipes serão divididas em dois grupos, jogando entre si (dias 24 a 26) e classificando os dois melhores colocados para a semifinal (dia 27). No domingo, 28, acontece a decisão e a disputa pelo terceiro lugar. Todas as partidas serão disputadas na arena montada no Centro Educacional e Esportivo da Mooca, na capital paulista. O sorteio dos grupos acontecerá na próxima terça-feira, 10.
“O campeonato servirá para projetar novos talentos para a disputa do Campeonato Brasileiro de seleções”, diz Marcos Fábio Spironelli, presidente da Federação Paulista de Beach Soccer. A equipe de Praia Grande foi a campeã do torneio em 2006.
Preparação para os Regionais - Tendo como base a equipe que ficou na quarta posição dos Jogos Regionais do ano passado, o time, dirigido por Ednelson Prado, recebe o reforço de novos atletas, visando a preparação para os Regionais 2007, que serão disputados em Ubatuba.
“Temos tempo para fazer testes, mas nem por isso deixaremos de brigar por uma boa colocação no paulista”, disse o treinador, que deve testar dois ou três atletas.
Para o secretário municipal de Esportes e Lazer, Bittencurt Jr.,o torneio é uma chance de valorizar os atletas de Ubatuba. “Após a boa colocação nos Regionais 2006, mesmo sem contratar jogadores de fora, temos a chance de mostrar que podemos fazer bonito, investindo em atletas da cidade”, disse Bittencurt. (Fonte: PMU)

Balcão de empregos de Ubatuba amplia atendimento em 2006

Ubatuba - A Secretaria de Cidadania e Desenvolvimento Social de Ubatuba divulgou os números finais de atendimento do Balcão de Empregos no ano de 2006. Em um universo de 5.358 atendimentos, 3143 pessoas foram encaminhadas para entrevistas, sendo que destas, 1342 pessoas foram incluídas no mercado de trabalho, aumentando o número de colocações em 12,5% em relação ao ano de 2005.
Dezembro - Em dezembro o Balcão atendeu 537 pessoas, encaminhando 428 para entrevistas, que preencheram 138 vagas. Em dezembro o setor de documentação da Secretaria de Cidadania e Desenvolvimento Social providenciou o preenchimento de 77 planilhas de RG (1ª e 2ª vias) e 43 pedidos de certidões. (Fonte: PMU)

Pessoa desaparecida

Ubatuba - Está desaparecida desde a tarde de 31 de dezembro, a Srª Idia de Araujo Silva, de 70 anos. Ela sofre de Mal de Alzheimer e tem lapsos de memória. No dia do desaparecimento, na praia da Fortaleza, Idia estava com um vestido rosa e sapato “moleca” preto. Testemunhas disseram ter visto a desaparecida embarcando em um ônibus em direção ao centro da cidade. Informações podem ser dadas pelos telefones (12) 3848-2432, (14) 9702--5036 e (14) 9712-4471. (Fonte: PMU)
 

 


Escola abre inscrição para vestibulinho que oferece 180 vagas para cursos técnicos
Inscrições vão de 8 a 17 de janeiro

Ubatuba - A Escola Municipal Presidente Tancredo de Almeida Neves realiza no próximo dia 21, o vestibulinho para provimento de vagas para os Cursos de Ensino Médio Integrado ao Técnico em Administração, Contabilidade, Secretariado e Turismo. No total serão oferecidas quarenta e cinco vagas para cada curso, sendo que dez, serão para os candidatos que já concluíram o Ensino Médio.
As inscrições serão feitas somente via Internet, da próxima segunda-feira, 8 de janeiro, até às 16 horas do próximo dia 17, no endereço eletrônico da Prefeitura de Ubatuba: www.ubatuba.sp.gov.br.
Para facilitar as inscrições de quem não possui computador, a Secretaria Municipal de Educação, localizada na Rua Gastão Madeira nº 101, disponibilizará, durante seu horário de expediente, um terminal exclusivo para as inscrições do vestibulinho.
A inscrição somente será efetivada após o pagamento da taxa de inscrição, em qualquer agência bancária, no valor de R$ 10,00 (dez reais) sendo o boleto bancário devidamente autenticado o comprovante de inscrição.
Avaliação - A avaliação dos candidatos será em única fase e constará de prova escrita, composta de quarenta questões objetivas, sendo quinze sobre Língua Portuguesa e Interpretação de Texto, dez de Matemática e quinze sobre História, Geografia e Ciências. Haverá também um questionário sócio-econômico com 10 (dez) questões.
A prova que será realizada nas dependências da E. M Presidente Tancredo de Almeida Neves, na Av. Rio Grande do Sul, 600 e terá início às 8h30. Os portões serão fechados às 8h, não sendo permitida a entrada de candidatos após este horário.
O candidato deverá comparecer ao local determinado para as provas com 30 minutos de antecedência do horário de início, munido do protocolo de inscrição, da cédula de identidade ou qualquer outro documento oficial com foto, trazendo caneta esferográfica azul ou preta.
(Fonte: PMU)





Semana de 05/01 à 11/01/2007

 

CINE PORTO (Ubatuba)
 

"Por agua a baixo"
Ás 14:40hs

"Eragon"
Ás 16:20 0 18:20hs.

"Ela dança eu danço"
Ás 20:00 - 22:00hs

CINE PASSEIO (Ubatuba)
 

"Xuxa Gêmeas"
ÁS 14:40HS

"007 Cassino Royale"
Ás 16:40 - 19:20 - 22:00hs
 

Acesse nosso site www.cinemasdolitoral.com.br

 

 

 

Ação Litoral
 

Poesia Topo

Aíbos

Na Praia de meus antepassados
O pão era ganho
Com o suor do rosto
Mas havia dois ou três
Que não serviam
Nem pra pescador
Nem pra roceiro
E ficavam na amarga função
De fazer nada
O dia inteiro.

Universo paralelo

No caminho da vargem
O machado do matuto
Derrubou o mundo:
Caxinguelê serelepe
Filhote de pássaro
Sem pena
Ninho de gambá
Sem dó
Que viviam na timbuíba.
E mais orquídea e cipó .

Félix Cabral

Carta do Leitor
As mensagens, fotos e opiniões  publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As mensagens deverão conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.
Topo

TERRAS DE MARINHA
Muito embora as Terras de Marinha existam há centenas de anos, só há alguns anos que ela tem tomado a atenção das pessoas e da mídia, em boa parte em razão de o próprio Governo ter esquecido delas por anos a fio e só recentemente ter se lembrado.
As Terras de Marinha surgiram quando o Rei se deu conta das riquezas que poderiam ser extraídas da costa marítima, como o sal, a pesca, os portos, trapiches, e também da importância destas para a defesa das cidades costeiras. Tomou-as então para si, como sua propriedade, por meio de atos meramente administrativos.
O primeiro documento foi a Ordem Régia de 1710, mas depois outros atos surgiram da mediação entre mar e as edificações, declarando como bem público, entre outros pontos.
A primeira definição de Terras de Marinha, como sendo a faixa de 15 braças da linha d'água do mar e tudo que a toca e acresce sobre ela, foi trazida pelo Aviso de 1810. E a partir deste, inúmeros atos administrativos foram expedidos, mas insuficiente era a legislação a este respeito.
Já a primeira Lei sobre este tema foi uma Lei Orçamentária, apenas para fazer constar no Orçamento as receitas oriundas das Terras de Marinha, sem esclarecer qualquer outra dúvida, e sem sequer dar uma definição legal a estas Terras já que até aquele momento nada havia a este respeito.
Em 1831 já se falava em aforamento das Terras de Marinha a particulares e a determinação de um foro pela utilização desta, porém ainda não havia nenhuma legislação a respeito, apenas em 1832 que foi publicada uma instrução normativa nº. 348 que trouxe a definição de Terrenos de Marinha como sendo "todos os que banhados pela água do mar ou dos rios navegáveis, vão até a distância de 15 braças craveiras para a parte da terra, contadas estas desde o ponto a que chega o preamar médio".
A falta de legislação ainda trazia muita confusão, foi quando em 1833 o Ministro da Fazenda abriu mão da tradição e alterou o conceito de Terras de Marinha para fazer constar como "toda superfície compreendida entre os pontos a que chegam as águas na alta maré das costas do mar e margens dos rios navegáveis e a linha que daqueles distancia 15 braças".
A primeira definição legal foi em 1868, Decreto nº. 4.105, que trouxe: "são terrenos de marinha todos os que banhados pelas águas do mar ou dos rios navegáveis vão até a distância de 15 braças craveiras (33 metros) para a parte da terra, contada desde de o ponto a que chega o preamar médio". Tratou além da definição de todos os pontos relativos a matéria como que organizando toda a confusão administrativa que era reinante. Frise-se que neste momento voltou a tradição tomando a primeira definição administrativa das Terras de Marinha.
Mesmo assim, a União continuava a "legislar" administrativamente sobre estas terras, o que faz até atualmente.
Em 1916 o Código Civil trouxe dentre os bens da União, as Terras de Marinha. Neste mesmo momento surgiu um projeto na Câmara dos Deputados que autorizava a vendas destas terras, todavia não foi aprovado em razão da grande importância destas na defesa da costa brasileira.
A confusão de Leis e atos administrativos piorava a cada dia, e abriga da União com o Judiciário também, até que para piorar veio o Decreto 4.120/42 alterar o conceito de Terras de Marinha para substituir a preamar meia pela preamar máxima daquele ano.
Porém, esta mudança não durou muito, três anos mais tarde veio o Decreto-Lei, até hoje vigente, que voltou ao conceito tradicional de Terras de Marinha, utilizando a preamar média de 1831.
Atualmente as Terras de Marinha são consideradas bem de patrimônio da União e assim está prescrito na Constituição Federal no seu artigo 20, VII.
Mas é o Decreto - Lei 9.760 de 1946 dentre outros que as regulamentam, a começar por determinar o seu conceito, "são terrenos de marinha, em uma profundidade de 33 (trinta e três) metros, medidos horizontalmente, para a parte da terra, da posição da linha do preamar-médio de 1831". Tendo que preamar é a máxima altura alcançada por uma maré de enchente, e preamar média é o nível médio dos preamares calculado depois de longa série de observações.
Para a demarcação destas Terras o Decreto-Lei supramencionado estabelece uma série de procedimentos administrativos e judiciais.
Além das Terras de Marinha, são de propriedade da União às ilhas oceânicas e marítimas que não sejam sedes de Municípios. Melhor esclarecendo, são espécies de ilhas quais sejam: as ilhas fluviais internas, pertencentes aos Estados, são as ilhas de rios e lagos públicos interiores, muitas vezes são separadas do continente por um rio; as ilhas fluviais e lacustres nas zonas limítrofes com outros países, sob o domínio da União (art. 20, IV, da CF), ilhas de rios e lagos que fazem limites com outras nações; e as ilhas marítimas, consideradas de domínio da União, que se dividem em oceânicas, se se encontrarem afastadas da terra, e costeiras, que resultam de relevo continental ou da plataforma submarina.

Natália Ribeiro do Valle
Advogada Tributarista

"ASSALTO À EDUCAÇÃO"
É voz comum nos organismos internacionais, UNESCO e UNICEF, nas ONGs ligadas à área e nos governos dos países voltados para seu desenvolvimento interno, ser, a EDUCAÇÃO, o maior desafio a ser enfrentado para melhorar a qualidade de vida da população, o desenvolvimento integral, a ascensão social, as diferenças de renda e as existentes entre as classes sociais. O Brasil criou, recentemente, o FUNDEB para investir mais intensamente em todo o ensino básico.
Lamentavelmente, há sintomas indicando que, os governantes de Ubatuba, não entenderam a importância da Educação. Percebe-se serem utilizadas, chicanas jurídicas, astúcias e tramóias, para desviar as verbas da educação, para outros assuntos e fins de menor importância.
As forças políticas, os Senhores Vereadores, os Conselhos (CME, CAE, CACS) estão passando ao largo de tudo que vem acontecendo e não estão realizando fiscalização: dos preços e prazos das obras, das piscinas a serem construídas em escolas, dos abusos provados e denunciados com os veículos da SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, da terceirização, do preço e da qualidade da merenda e de outros fatos que já estão tumultuando o presente, semeando intranqüilidade e comprometendo o futuro da Educação Municipal. Ignoram, sumariamente, os deveres impostos pelo Artigo 73 da Lei n° 9.394/96 ou Lei de Diretrizes e Bases da Educação.
O Decreto n° 4652, de 28 de Dezembro de 2006, assinado pelo Sr. Prefeito Municipal de Ubatuba, Eduardo de Souza César, declara de utilidade pública para fins de desapropriação o prédio e a área de terreno (solar) do CINE IPEROIG. No seu Artigo 2° assim se manifesta:
"ARTIÇO 2°. O imóvel será destinado a servir como espaço cultural e educacional do município, subordinado à Secretaria Municipal de Educação".
Da subordinação, à Secretaria Municipal de Educação, cabe concluir que será desapropriado, reconstruído, reformado, "resgatado" e mantido com verbas do ensino. Ações desse tipo são estranhas às funções e deveres da Secretaria de Educação e carregam sobre suas costas responsabilidades que não são dela nem possui estrutura para suportar.
O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, no seu manual básico "APLICAÇÃO NO ENSINO" orienta os municípios sobre o que pode e não pode ser adquirido com as verbas da EDUCAÇÃO. Quando trata dos prédios afirma que pode:
- "construir, conservar e manter creches e escolas".
- "adquirir prédios para o funcionamento de creches e escolas".
É só.Difícil incluir aquisição de cinemas, teatros, terrenos para quadras esportivas, etc.
A seguir registra ser vedado:
- "subvenção a instituições assistenciais, desportivas e CULTURAIS, sejam elas públicas ou privadas".
- "obras de infraestrutura que beneficiam creches e escolas. (ex: pavimentação e iluminação de rua em frente ao prédio escolar).
O TCESP, apenas, pretende apresentar, com maior clareza, o que já está claro, nos Artigos 70 e 71, da Lei, 9.394/96. Praticar as ações que lá estão proibidas se constitui em violento assalto aos recursos dos alunos, dos professores, dos funcionários, das creches e das escolas. Assalto que o município pagará com atraso e má qualidade de ensino.
A CULTURA é importante e deve ter seu orçamento próprio. Deve também procurar os recursos que a legislação federal permite às empresas repassar para seu incentivo. Ação essa cronicamente falha na história de Ubatuba. Em Ubatuba os cuidados com a arte e a cultura são funções da FUNDAÇÃO DE ARTE E CULTURA DE UBATUBA- FUNDART-. Com recursos do seu orçamento é que será legal a desapropriação do Cine Iperoig.
À Secretaria Municipal de Educação cabe cuidar dos programas específicos de "EDUCAÇÃO ESCOLAR" conforme prescrições da Constituição Federal, da Lei de Diretrizes e Bases da Educação, do Plano Municipal Decenal de Educação e das orientações dos Conselhos Educacionais (CNE, CEE-SP, CME-Ubatuba).
Para concluir cabe perguntar: A quem interessa essa desapropriação?. O sincretismo político está pondo em perigo o presente e o futuro de Ubatuba!. Cuidemo-nos!.

Corsino Aliste Mezquita
Ubatuba 04-01-07.

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui

As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor Chefe: Emilio Campi
Atualização: Juliano Gregori

GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

 

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor