Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Terça-feira, 04 de Setembro de 2007 - Nº 1840 Edições Anteriores

Maré Legal Terra Caiçara

Região
Aquário de Ubatuba e Instituto Argonauta resgatam e reabilitam animais marinhos
Educadores do Litoral discutem programas de inclusão no UNIMÓDULO
Professor da Arquitetura apresenta Paris no pedal
Aluno da UNITAU é finalista na Semana Estado de Jornalismo
UNITAU lança Observatório das Cidades
Área para aterro regional no Litoral Norte deve ser definida em 15 dias


Caraguatatuba
7 de setembro aborda 150 anos de Caraguá em desfile cívico
Workshop sobre impactos ambientais acontece no Teatro Mario Covas em Caraguá
Prefeitura constrói praças esportivas e leva atividade física a todos os munícipes
Começa a 5ª Semana das Profissões do UNIMÓDULO
Cooperativa Cata Tudo e UNIMÓDULO assinam termo de cooperação
Pauta com projetos da sessão anterior
Carlinhos da Farmácia quer Templo Budista em Caraguá

Ilhabela
Município completa 202 anos e precisa resolver problema do saneamento básico para continuar “bela”


São Sebastião
Fiscais da Prefeitura participam de curso de capacitação ministrado pelo DPRN
Prefeitura abre inscrições para seleção e contratação de ecoagentes
Surfistas sebastianenses quebram recorde mundial em Santos
Jovens dispensados do Serviço Militar prestam juramento à Bandeira em São Sebastião
Equipe de basquete de São Sebastião dá show na Liga do Coneleste Paulista
Meninas de São Sebastião vencem Caraguatatuba em amistoso de futebol
São Sebastião está entre os 10 finalistas do Prêmio Sentidos por investir em acessibilidade
Cidade Portinho atende crianças com risco de serem atropeladas

Ubatuba
Fundo Para o Desenvolvimento Sustentável do Litoral Norte
SPG garante benefícios para moradores do bairro

Ciccillo lembrará Ubatuba na FIESP
Ubatuba assina protocolo de intenções para gestão integrada de resíduos no Litoral Norte
Participação de Ubatuba na Adventure Sports Fair é notícia em site oficial
Inscrições para o "V Salão Nacional de Belas Artes" começam esta semana
Ubatuba define representantes para fase regional do Mapa Cultural Paulista
Prefeitura de Ubatuba terá plantão durante o feriado de 7 de setembro
ACIU em parceria com Sebrae oferece palestra sobre associativismo
Ciclo de palestras abordará aspectos da cultura, história e arte de Ubatuba
Tartaruga aparece morta no Perequê Açu

Seções
Poesia
Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

Aquário de Ubatuba e Instituto Argonauta resgatam e reabilitam animais marinhos

Litoral Norte - A conservação do ambiente marinho sempre foi um dos principais objetivos perseguidos pelos oceanógrafos que fundaram o Aquário de Ubatuba.
Desde sua inauguração em 1996, a equipe do Aquário de Ubatuba já resgatou e reabilitou centenas de animais marinhos dentre pingüins, lobos, elefantes marinhos e até baleias.
Em 1998, os oceanógrafos diretores do Aquário de Ubatuba decidiram convidar outras pessoas ligadas à conservação do ambiente marinho e fundaram o Instituto Argonauta para a Conservação Costeira e Marinha, organização não governamental que mantida com recursos repassados pelo Aquário de Ubatuba, realiza em parceria com o Aquário o resgate e reabilitação de fauna marinha na região compreendida entre o litoral norte do estado de São Paulo e litoral sul do estado do Rio de Janeiro.
A temporada de 2007 está sendo extremamente intensa, tendo sido registrados até o momento diversos animais dentre os quais um elefante marinho, uma foca leopardo, 2 baleias franca, diversos pingüins (e outras aves) e mais recentemente 2 lobos marinhos e uma lontra.
O trabalho de reabilitação começa quando o público avisa a ocorrência do animal . A partir daí as equipes (compostas por oceanógrafos, veterinários e biólogos) do Aquário de Ubatuba e do Instituto Argonauta são mobilizadas e se dirigem ao local. No local é feita a identificação da espécie e a avaliação das condições ambientais e médico-veterinárias do animal que vão embasar a necessidade ou não de remoção.
Se a avaliação indicar a necessidade de remoção, serão tomadas as providencias para o transporte até a quarentena mantida pelo Aquário e pelo Instituto.
Após o período de reabilitação, o animal normalmente é reintroduzido ou pode, dependendo de diversos fatores tais como falta de condições de sobrevivência na natureza ser encaminhado para outra instituição de pesquisa ou conservação.
O IBAMA é parceiro do Aquário de Ubatuba e do Instituto Argonauta nestas questões, acompanhando o destino dos animais reabilitados.
Atualmente, o IBAMA apóia a iniciativa do Instituto e do Aquário de criarem um Centro de Reabilitação e Tratamento de Animais Marinhos -CRETA , a ser construído com apoio de patrocinadores na região de Ubatuba-SP .
O referido Centro dará melhores condições técnicas e logísticas para o trabalho já realizado por ambas instituições.
Qualquer forma de apoio tal como trabalho voluntário, gêneros alimentícios, remédios, combustível, veículos terrestres e aquáticos, equipamentos de comunicação, computadores e outros são de extrema valia para melhoria do trabalho.
E lembre-se: Quando avistar um animal marinho, não esqueça de entrar em contato através dos telefones 12 - 38321382/ 38327491.
A natureza agradece!!!  (Fonte: Aquário de Ubatuba)

Educadores do Litoral discutem programas de inclusão no UNIMÓDULO
Abertura da VII Semana de Prevenção às Deficiências reuniu profissionais e estudantes da área para tratar

Litoral Norte - Representantes das secretarias de Educação do Litoral e da Delegacia de Ensino de Caraguá estiveram sexta-feira, 31, no auditório do UNIMÓDULO para a abertura da VII Semana de Prevenção às Deficiências.
Nesse ano o tema foi "inclusão educacional". Na mesa redonda foram postos em discussão os aspectos que permeiam a inclusão educacional do indivíduo com necessidades especiais.
Para abrir o evento, a estudante de Letras do UNIMÓDULO, Izabela Alves, interpretou na Linguagem Brasileira de Sinais a música "É isso aí", de Seu Jorge e Ana Carolina. A apresentação emocionou a todos, que também aplaudiram a estudante na Linguagem de Sinais.
Mesa redonda - A mesa foi composta pelas secretárias de Educação de Caraguá, Ubatuba, Ilhabela e São Sebastião e pela professora do UNIMÓDULO Enaida Gomes. A discussão foi pautada nas Leis 7.853/89, que dispõe sobre a Política Nacional para a Integração da Pessoa com Deficiência; e 10.172/01 - Plano Nacional de Educação; além da Resolução CNE Nº 02/01, que institui as Diretrizes da Educação Especial na Educação Básica. (Fonte: Módulo)

Professor da Arquitetura apresenta Paris no pedal

Litoral Norte - Pedalando por Paris, na França, o prof. Dr. José Oswaldo Soares Oliveira, do Departamento de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Taubaté (UNITAU), reuniu informações sobre a urbanização e o sistema de transporte coletivo da capital francesa. Com esse conteúdo, o professor fará a apresentação Paris no pedal, na próxima terça-feira, 4 de setembro, para debater a utilização das bicicletas e as políticas públicas de redução de transporte privado na Europa e como podem ser aplicadas na região.
O professor esteve na França, durante o mês julho, época em que o prefeito de Paris, Bertrand Delanoe, lançou o Velib de Paris, também conhecido como o sistema “da bicicleta da liberdade”. O programa prevê a distribuição de cerca de 10 mil bicicletas aos pedestres da cidade, para combater o problema da poluição.
A apresentação será no Departamento de Arquitetura, às 15h, e é aberta ao público interessado. Oliveira irá debater com os presentes alternativas ecologicamente corretas para solucionar as questões da expansão do trânsito urbano nas cidades. “O uso da bicicleta em Paris é um bom exemplo dessas alternativas, defendidas pelos ecologistas, para reduzir o transporte privado”, explica.
O Velib é dirigido principalmente a jovens, estudantes e aqueles que desejam fazer algum tipo de atividade física enquanto se locomovem em sua rotina diária. Cerca de 800 estações de bicicletas foram distribuídas em Paris, onde os parisienses podem emprestar uma bicicleta por até uma hora e devolvê-la na estação mais próxima. Após esse período, é cobrado um aluguel de um euro (US$ 1,37 dólares), sendo este valor aumentado proporcionalmente ao tempo de utilização.
A idéia é que haja uma alta rotatividade e, em conseqüência, uma grande disponibilidade de bicicletas. No primeiro mês do programa, mais de 1,6 milhão de aluguéis foram registrados. Atualmente, existem 10.600 bicicletas à disposição da população mas, segundo previsões oficiais, o número deve dobrar em seis meses, atraindo mais de 200 mil usuários regulares. Com isso, haverá um “bicicletário” a cada 300 metros em Paris.
A experiência já deu certo em outros municípios europeus, como Copenhague, Viena, Genebra, Barcelona e, mesmo na França, em Lyon. Na UNITAU, o Departamento de Arquitetura promovia, também, passeios guiados de bicicletas, para estudar a urbanização e o processo arquitetônico in loco das cidades da região. (Fonte: UNITAU)

Aluno da UNITAU é finalista na Semana Estado de Jornalismo

Litoral Norte - O aluno Maykon Willian, do 4º ano de Jornalismo da Universidade de Taubaté (UNITAU), é um dos finalistas da Semana Estado de Jornalismo, concurso promovido pelo jornal “O Estado de S. Paulo”, em parceria com o Banco Real, que reúne estudantes de diversas universidades do Estado de São Paulo.
O concurso oferece ao ganhador uma bolsa de estudos de seis meses na Faculdade de Comunicação da Universidade de Navarra, em Pamplona, na Espanha. Como recompensa pela classificação, Maykon irá ganhar um computador e terá seu texto publicado em uma edição do jornal “O Estado de São Paulo”, além de continuar na disputa pelo prêmio.
No total, cerca de 1200 estudantes, de 48 faculdades paulistas, participarão do concurso neste ano, o maior percentual de participantes de todas as edições do evento. Desse número, 16 serão selecionados para concorrer ao grande prêmio. A seleção é feita em quatro semanas de seminários, realizadas durante o ano, nas quais os participantes são desafiados a escrever uma reportagem com o tema “desenvolvimento sustentável”. Em cada semana, são escolhidos quatro textos. Até agora, oito alunos foram classificados para a final.
Maikon participou da segunda semana do ano e disputou o prêmio com alunos de 12 instituições de Ensino Superior, entre elas a Universidade de São Paulo (USP), a Pontifícia Universidade de São Paulo (PUC-SP), a Universidade de Santos (Unisantos) e a Universidade do Vale do Paraíba (Univap). “Acredito que a minha classificação seja resultado de um conjunto de fatores, como o meu empenho como estudante na faculdade aliado à qualidade de ensino do curso de Jornalismo da UNITAU”, afirma o aluno.
Na final do concurso, prevista para o mês de novembro, os 16 classificados serão entrevistados por uma banca avaliadora composta por representantes do Banco Real, do Estadão, da Universidade de Navarra e das escolas participantes, para ser escolhido o vencedor, que embarca no início de 2008 para a Espanha.
ENSINO DE QUALIDADE – A Universidade de Taubaté participa da Semana Estado de Jornalismo desde a sua primeira edição, em 1993, tendo sempre obtido bons resultados. “Todos os anos temos ao menos um aluno na final do concurso”, explica a coordenadora do curso de Jornalismo da UNITAU, profa. Ms. Eliane Freire de Oliveira. “Todos os anos revelamos os talentos existentes na UNITAU”, acrescenta.
Como incentivo para que os alunos participem do concurso, Eliane explica que a Universidade disponibiliza gratuitamente o transporte para São Paulo, onde ocorre o evento, e contabiliza o tempo de participação nos seminários da Semana como horas de atividades complementares (atividades obrigatórias, de extensão e de pesquisa, que visam o desenvolvimento dos alunos). “Na semana em que participamos neste ano, fomos a instituição de ensino que mais levou alunos para o concurso”, afirma a docente.
O resultado desse apoio aos alunos se reflete nos resultados por eles obtidos ao longo desses anos. Em 1998, a UNITAU teve uma aluna premiada no concurso, Daniela Baroni, que ganhou o prêmio quando cursava o último ano de Jornalismo, tendo sido finalista do concurso no ano anterior.
A matéria pela qual foi premiada tinha como tema principal a política e tratou da comemoração de um ano de criação do Código Nacional de Trânsito. “Não tenho dúvidas que a formação profissional oferecida na Universidade de Taubaté foi fundamental para eu ganhar o prêmio”, afirma a jornalista.
Em 2006, pela primeira vez, a Universidade teve duas alunas na final do concurso, Kelma de Queiroz Jucá e Tatiana Amaral, ambas estudantes do 4º ano de Jornalismo. Na etapa classificatória do concurso, as alunas disputaram o prêmio com 210 estudantes de dez universidades, entre elas a Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC), a Anhembi-Morumbi de São Paulo, a Universidade de Guarulhos (UnG) e a Universidade do Vale do Paraíba (Univap). (Fonte: UNITAU)

UNITAU lança Observatório das Cidades
Taubaté, Tremembé e Pindamonhangaba são as primeiras cidades a ganharem banco de dados online com informações sobre urbanização

Litoral Norte - Sociabilizar o conhecimento sobre a expansão das cidades e as questões urbanas e ambientais que envolvem municípios da região é a meta do primeiro Observatório das Cidades do Vale do Paraíba — programa criado pela Universidade de Taubaté (UNITAU), no início deste ano, que engloba inicialmente as cidades de Taubaté, Tremembé e Pindamonhangaba.
O Observatório das Cidades, sediado no Departamento de Arquitetura e Urbanismo da UNITAU, é um programa de extensão e pesquisa que tem por objetivo manter um banco de dados online sobre os municípios da região. As informações poderão auxiliar na concepção das diretrizes dos planos diretores participativos das cidades e elencar quais são os problemas urbanos e ambientais mais comuns nesses locais.
“Nosso trabalho é apontar as necessidades da comunidade local e gerar conhecimento e informação aos cidadãos e aos responsáveis pelas políticas públicas sobre a cidade em que moram, qualificando-os, assim, a tomarem decisões estratégicas que beneficiem à população”, explica o prof. Ms. Luiz Roberto Mazzeo Machado, um dos responsáveis pelo programa.
Com as informações disponibilizadas, o Observatório pretende propor soluções conjuntas para as cidades analisadas. Para divulgar os estudos, o órgão ministrará, também, treinamentos de capacitação para gestores públicos, por meio de palestras, seminários e workshops, e levará às escolas municipais material didático sobre as cidades, como fôlderes, cartas-temáticas e painéis, em linguagem mais acessível aos estudantes.
Para o professor Ms. Fábio Oliveira Sanches, um dos responsáveis pelo Observatório, o programa vai ajudar a traçar metas em conjunto entre cidades vizinhas. “Com as informações do Observatório, será possível propor uma integração entre os planos diretores dos municípios, para identificar os problemas que lhes são comuns e propor soluções conjuntas também”, explica.
Segundo Sanches, Taubaté e Tremembé, por exemplo, têm um limite urbano tão próximo que se influenciam diretamente. “A própria questão do lixo urbano, do tratamento de esgoto ou mesmo da moradia, em bairros que ficam entre Taubaté e Tremembé, devem ser discutidas pelas duas cidades, e os planos diretores de ambas devem ter metas uníssonas”, afirma. Atualmente, as cidades traçam planos individuais e, às vezes, realizam tarefas idênticas, com recursos que poderiam ser utilizados para outros setores também carentes.
EDUCAÇÃO – A capacitação de agentes públicos e lideranças comunitárias não é o único foco do programa. Atento à disseminação do conhecimento entre a população mais jovem, o Observatório das Cidades realiza visitas em escolas para difundir as informações reunidas sobre as cidades, o processo de urbanização e os problemas enfrentados especificamente pelos municípios.
Lorena, Campos do Jordão, São Luiz do Paraitinga e Taubaté já receberam visitas de grupos de alunos do Departamento de Arquitetura e Urbanismo da UNITAU, orientados pelos professores do Observatório, e já participaram da capacitação. “Nós visitamos as escolas para sociabilizar o conhecimento que temos adquirido ao estudar as cidades, permitindo o acesso da população mais jovem a essas informações técnicas, que, em linguagem acessível, são de grande interesse para os estudantes”, explica o prof. Dr. José Oswaldo Soares Oliveira, responsável pela esfera pedagógica do Observatório.
Para este ano, o Observatório planeja visitar 12 escolas da rede municipal de Taubaté, numa parceria com a Prefeitura do município. O alvo do programa são alunos de 1ª a 8ª séries, mas, em alguns casos, estudantes do ensino médio também podem participar.
SITE - O Observatório das Cidades prepara um site que reunirá todos os dados pesquisados e o levantamento de informações sobre os municípios, tais como características sociais, geográficas, populacionais e econômicas. O site deve ser concluído no final de setembro.
Com o site, os organizadores pretendem ter duas plataformas de atuação: a virtual, reunindo informações, análises e oferecendo os serviços do Observatório, e uma presencial, no Departamento de Arquitetura, para expor a parte pedagógica que é apresentada nas escolas.
Também participam do Observatório os professores Dr. Paulo Romano Reschilian, Dra. Ediane Nadia Nogueira Paranhos Gomes dos Santos e Ms. Acácio de Toledo Netto. A idéia é integrar outros departamentos e cursos da UNITAU ao Observatório, como o de Serviço Social e de Geografia.
Além deles, a profa. Ms. Maria Lúcia Firmino Oliveira Carvalho, do Departamento de Serviço Social, que desenvolvia em paralelo o programa Observatório Socioambiental das cidades do Vale, também já se aliou ao projeto do Observatório das Cidades.
VISITAS – Alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo da UNITAU realizam visitas técnicas a cidades da região, com orientação dos professores, para reunir dados e informações relativas ao processo de urbanização dos municípios. Este ano, os alunos já visitaram Campos do Jordão, no pico do Itapeva, para analisar o processo de desenvolvimento urbano do Vale do Paraíba. “O local em Campos é privilegiado, pois nos permite observar toda a região do Vale do Paraíba”, ressalta o professor Oliveira.
Os alunos já estiveram, também, no Alto do Cristo, em Taubaté, para estudar os aspectos territoriais do município. Antes das visitas, o grupo realiza uma pesquisa documental, com o objetivo de reunir informações (evolução histórica, cartográfica e imagens de satélites dos municípios) para, então, conhecê-los pessoalmente. (Fonte: UNITAU)

Área para aterro regional no Litoral Norte deve ser definida em 15 dias

Litoral Norte - A definição de uma área para servir de aterro sanitário para os quatro municípios do Litoral Norte – São Sebastião, Ilhabela, Caraguatatuba e Ubatuba – pode estar chegando ao fim. Depois de anos de luta, o secretário do Meio Ambiente do Estado, Xico Graziano, disse que dentro de 15 dias deve divulgar uma das nove áreas em análise para receber e lixo produzido na região. O anúncio foi feito durante reunião ordinária e aniversário de 10 anos do Comitê de Bacias Hidrográficas do Litoral Norte (CBH-LN), realizada na nesta sexta-feira (31/8), em Ubatuba.
Na ocasião, Graziano, o secretário do Meio Ambiente de São Sebastião, Teo Balieiro, o secretário da pasta de Caraguá, Auracy Mansano, e os prefeitos de Ilhabela, Manoel Marcos, e de Ubatuba, Eduardo César, assinaram o Protocolo de Intenções para o gerenciamento dos resíduos urbanos na região. O documento propõe o desenvolvimento dos Planos de Resíduos e demais ações visando a gestão integrada, implementação do aterro sanitário regional, usinas de reciclagem ou outras formas de destinação adequada desses resíduos, educação ambiental, fiscalização, proteção e recuperação das áreas já degradadas.
Na avaliação de Balieiro, esse é um marco para o Litoral Norte, em especial São Sebastião, em especial São Sebastião, uma vez que o documento é baseado na estrutura já desenvolvida no município.
“O ritmo do Estado é lento, mas as coisas estão acontecendo”, disse Xico Graziano, acrescentando que a intenção é a operacionalização do aterro através da iniciativa privada que dará toda a infra-estrutura ao local.
Graziano disse ainda que até o final de setembro a Sabesp deve refazer o seu plano de investimento para o Litoral Norte e haverá uma cobrança no sentido de eliminar as bandeiras vermelhas das praias, caracterizadas pela poluição provocada pelo despejo de esgoto.”
Outros assuntos abordados foram a questão da densidade demográfica em função da instalação da Unidade de Tratamento de Gás em Caraguatatuba, cerco ao loteamento imobiliários, operações concentradas da Polícia Ambiental, fiscalização na região costeira contra a pesca predatória, por arrastão, propostas de colocar arrecifes artificiais na região para incentivar o turismo por meio do mergulho e mesmo pesca esportiva e também a instalação de duas agências ambientais – em São Sebastião e em Ubatuba – concentrando o Departamento de Proteção aos Recursos Naturais (DPRN) e a Companhia de Tecnologia e Saneamento Ambiental (Cetesb) para agilizar o licenciamento ambiental.
Parque de Valorização
Com relação a licenciamento, o secretário Teo Balieiro ainda cobrou do secretário Xico Graziano uma posição com relação ao Parque de Valorização de Resíduos Urbanos que aguarda a licença para a instalação. O secretário estadual ficou de verificar o andamento na Cetesb, na Capital. (Fonte: PMSS)


Notícias de Caraguatatuba Topo

O Guaruçá Caraguatatuba

7 de setembro aborda 150 anos de Caraguá em desfile cívico
Em homenagem ao "Sesquicentenário" de Caraguatatuba, o desfile cívico de 7 de setembro terá como tema o título do livro histórico lançado em abril: Revivendo a História - Planejando o Futuro

Caraguatatuba - O desfile cívico de 7 de setembro será realizado em Caraguatatuba nesta sexta-feira, a partir das 9h, Av. Geraldo Nogueira da Silva(rua da praia), na altura do bairro Indaiá.
Neste ano, quase 5 mil participantes desfilarão pela Avenida da Praia com o tema "Revivendo a história - Planejando o futuro", abordado na publicação dos 150 anos de Caraguá, lançada no aniversário da cidade, em 20 de abril, quando comemorou-se o "Sesquicentenário".
Assim como nos anos anteriores, várias instituições participarão do desfile cívico. No ano passado, este aconteceu na Praça de Eventos, no centro de Caraguá, e em 2007, assim como nos demais eventos comemorativos à independência, o desfile retornou ao bairro Indaiá, em frente ao quiosque 30, ficando a concentração de escolas e demais instituições na altura da rua Guarda Mirim Juarez, sentido Poiares/Aruan.
De acordo com a Secretaria de Educação, responsável pela realização do evento, com o apoio de todas as secretarias municipais, o palanque ficará na altura do quiosque 30 e haverá arquibancadas em suas laterais e do outro lado da rua, em frente ao palanque onde as autoridades estarão dispostas.
A estimativa é de que em média 80 entidades/escolas, secretarias e outros, desfilem com 5 mil integrantes, pela Avenida Geraldo Nogueira da Silva, tendo como tema central a história de Caraguatatuba e a comemoração dos 150 anos. Vale lembrar que o desfile de 7 de setembro começará com a banda municipal Carlos Gomes, que após sua passagem tocará durante todo o evento, que terá duração de cerca de 2h30. Prestigie o desfile cívico em Caraguatatuba!
Hasteamento de Pavilhões - O Hasteamento de Pavilhões em comemoração ao Dia da Independência acontecerá às 8h, no dia 7 de setembro, na Praça Diógenes Ribeiro de Lima(praça da Setur). Participe! (Fonte: PMC)

Workshop sobre impactos ambientais acontece no Teatro Mario Covas
Entre os principais temas a serem discutidos estão Mudanças Climáticas, Aquecimento Global e Risco à Erosão Costeira

Caraguatatuba - Caraguá sediará nesta segunda e terça-feira, dias 3 e 4 de setembro, a partir das 19h, no Teatro Mario Covas, o workshops "Impactos Ambientais e Sócio-Econômicos Resultantes das Mudanças Climáticas do Litoral Norte de São Paulo.
O evento, realizado pela Prefeitura de Caraguá por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, e apoio da Fundação Florestal, tem como principal objetivo discutir questões importantes na atualidade como aquecimento global e mudanças climáticas que afetarão regiões como o Litoral Norte. A comissão organizadora do workshop é composta por dra. Elaine Taborna(MP/LN), dr. Valdir Innocentini(CPTEC/INPE), dra. Célia Souza(IG/SMA), dr. Alexander Turra(IO/USP), Secretário de Meio Ambiente, Eng. Auracy Mansano, e Luciana Viana(FF).
Nesta segunda-feira, dia 3, o Workshop terá início a partir das 18h, com o tema "Mudanças Climáticas e alguns impactos para o Litoral Norte", e ás 19h, todos presentes poderão discutir a temática relacionada a "Aquecimento Global e elevação do nível do mar", com Dr. Gilvan Sampaio, do INPE - Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais.
Ainda na segunda-feira, às 19h45, haverá uma palestra com dra. Célia Gouveia de Souza, do Instituto Geológico, sobre "Riscos à Erosão Costeira e Enchentes/Inundações".
Em seguida, às 21h50, acontecerá a palestra "Impactos das Mudanças Climáticas na Biodversidade Costeira", a qual será ministrada pelo Prof. Alexander Turra, do Instituto Oceanográfico da USP - Universidade de São Paulo. Os temas desta segunda-feira, dia 3 de setembro, serão levados à debate em uma mesa redonda que acontecerá entre 21h30 e 22h.
Na terça-feira, dia 4 de setembro, o primeiro tema da noite, que será discutido a partir das 19h, está relacionado à "Políticas Públicas e Ações Locais para o Enfrentamento de Mudanças Climáticas no Litoral Norte". Em seguida, às 19h, haverá uma palestra sobre "Ação Local e Mudanças Climáticas", com Laura Valente ICLEI - Local Governments for Sustainability.
Às 19h40 será realizada a mesa-redonda: "Os Municípios face às Mudanças Climáticas: Ações do Poder Municipal para o Enfrentamento", com a palavra das prefeituras de Ubatuba, às 19h40 e de Ilhabela, às 20h. Participe! (Fonte: PMC)

Prefeitura constrói praças esportivas e leva atividade física a todos os munícipes
A administração tem levado campeonatos esportivos de norte a sul do município, para que toda população tenha acesso ao esporte

Caraguatatuba - Levar atividade esportiva para toda população foi um dos principais objetivos da Prefeitura de Caraguatatuba. Desde o início da atual gestão, em 2005, cinco campos, sendo de beach soccer, vôlei, futebol e futebol society, foram construídos e mais cinco foram reformados, proporcionando um maior número de pessoas praticando atividades físicas na cidade. A SECER - Secretaria de Esportes e Recreação, tem organizado diversos eventos esportivos, acessíveis aos moradores.
O campo de futebol do CIASE - Centro Integrado de Ações Sócio-Educativas, no Travessão, que se encontrava em situação precária, recebeu novo gramado, alambrados e novas traves. A prefeitura construiu um vestiário e banheiros, proporcionando maior conforto aos atletas. O Campo do Brasília, que fica no Porto Novo, também recebeu novo gramado, traves e alambrados e também ganhou vestiários. Os moradores do Pegorelli foram contemplados com a reforma do campo do bairro, que antes estava em situação ruim. Atualmente o local recebe competições esportivas. No Camaroeiro, o campo society também recebeu nova grama e alambrados. O campo do Morro do Algodão, além de receber novo gramado com drenagem de água, toda a área social do local foi totalmente reformada.
Para aumentar os locais de competições do município e ampliar as praças esportivas de toda a cidade, a Prefeitura construiu mais locais de competições. O bairro Perequê-Mirim ganhou um campo de futebol society. O local que antes era de terra batida agora pode ser aproveitado pela população local com mais conforto. No bairro Jaraguazinho, as crianças praticavam esportes em um terreno também de terra batida. No aniversário de 150 anos de Caraguá, os moradores do bairro ganharam de presente um campo de beach soccer totalmente novo com alambrados e traves. A população do Rio do Ouro e adjacências também ganharam um campo de futebol.
O centro da cidade foi um dos contemplados pela administração municipal. A prefeitura entregou aos moradores, em abril deste ano, o complexo esportivo José Pedro Marsigli (Pepe). O local abriga quadra de futebol society, arena de beach soccer e quadra de vôlei. Todos os locais de competições contam com iluminação, traves e alambrados.
"Praticar esporte é praticar saúde, quando investimos no esporte, economizamos dinheiro com remédios e conseqüentemente teremos crianças e jovens melhor educados e disciplinados, pois o esporte é o começo de uma vida social saudável", disse o prefeito de Caraguá, José Pereira de Aguilar.
Para o prefeito todas as crianças devem sair da escola e ir praticar uma atividade física e a administração tem investido muito nesta área. "Quando os nossos governantes perceberem que ao investirmos no esporte teremos economia na saúde e educação, aí sim eles valorizarão o esporte no país e aplicarão mais verbas na área", concluiu o prefeito. (Fonte: PMC)

Começa a 5ª Semana das Profissões do UNIMÓDULO
Palestra-show e sorteio de brindes marcam a abertura do evento que contou com cerca de 300 pessoas

Caraguatatuba - Jovens de Ubatuba se divertiram na noite da última quinta-feira, 30, no primeiro dia de palestras da 5ª Semana das Profissões do UNIMÓDULO. Cerca de 300 pessoas compareceram ao evento, que ainda arrecadou alimentos para serem doados à entidades carentes.
Houve ainda sorteios de brindes do UNIMÓDULO e de inscrições gratuitas para o vestibular 2008 da instituição. A palestra, proferida pelo consultor Oscar Zabala, seguiu o tema "Comportamento é o motivo para a ação". Durante a fala, ele abalou as estruturas dos participantes.
As próximas palestras da Semana das Profissões acontecem dia 12 de setembro em São Sebastião e dia 13 de setembro em Caraguatatuba.
Semana das Profissões - Escolher um curso universitário é escolher a profissão da vida. Para ajudar quem ainda não está certo de qual carreira seguir, o Centro Universitário Módulo apresenta a 5ª Semana das Profissões. De 30 de agosto a 13 de setembro estudantes do Litoral Norte poderão assistir à palestra-show que irá orientar sobre como tomar essa decisão.
A palestra é proferida pelo consultor Oscar Zaballa, sócio-diretor da Motiva Consultoria, que atende empresas como Amil, Volkswagen, Habib's e Semp Toshiba.
Datas - A 5ª Semana das Profissões do UNIMÓDULO acontece em três momentos, sempre às 19h: dia 30 de agosto na Paróquia São Francisco, em Ubatuba; dia 12 de setembro no Teatro Municipal de São Sebastião e dia 13 de setembro no Teatro Mario Covas, em Caraguatatuba. Mais informações pelo telefone (12) 3897-2043. (Fonte: Módulo)

Cooperativa Cata Tudo e UNIMÓDULO assinam termo de cooperação
Coleta seletiva já funciona na instituição

Caraguatatuba - Responsabilidade social também faz parte dos planos de ação do Centro Universitário Módulo, que nessa sexta-feira, 31, assinou o termo de cooperação com a cooperativa de reciclagem Cata Tudo.
Participaram do encontro o presidente da Cata Tudo o reitor do UNIMÓDULO, Alexandre Nogueira, o pró-reitor Leo Reis, a coordenadora de Atividades Complementares e Extensão, Márcia Zumpano e a bibliotecária Cássia Faccioli.
O termo prevê que todo o lixo produzido pelo Centro Universitário Módulo será recolhido pela Cata Tudo, que reciclará os materiais. Para facilitar o trabalho da cooperativa, o UNIMÓDULO agora trabalha com lixeira específicas de coleta seletiva e está realizando trabalho de conscientização com alunos e funcionários. (Fonte: Módulo)

Pauta com projetos da sessão anterior
Propostas não foram votadas devido ao horário

Caraguatatuba - A Câmara Municipal de Caraguatatuba se reúne nesta terça-feira - 4 de setembro, a partir das 19h30, como faz tradicionalmente, para a realização da sua 26ª Sessão Ordinária semanal. Na pauta os projetos não votados na sessão anterior.
Devido a intensa e acalorada discussão quanto ao projeto que proíbe a Fundação Casa de se instalar no município, que durou até a zero hora, na semana passada, alguns projetos não foram discutidos e sequer votados.
Continuam na pauta e deverão ser votados nesta sessão, proposta do Vereador Aurimar Mansano, que cria o Serviço de Avaliação do Atendimento Hospitalar aos pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde).
Outro projeto da Ordem do Dia é do Vereador Agostinho Lobo de Oliveira - Lobinho (PSDB), que concede Título de Gratidão Caraguatatubense para o Sr. Denivaldo Maciel Ferreira.
Além destas proposituras, para discussão e votação em turno único, consta Projeto de Emenda a Lei Orgânica, de autoria do Vereador Francisco Carlos Marcelino - Carlinhos da Farmácia (PDT), com votação em primeiro turno, que altera o artigo 4º da Lei Orgânica Municipal, sobre os símbolos do município.
A Sessão Ordinária semanal da Câmara de Caraguatatuba é transmitida ao vivo pelas rádios Oceânica - 670 Khz e pela Caraguá FM - 89,5 Mhz, sendo que esta ainda tem a opção de acompanhamento dos trabalhos legislativos pela Internet, através do site; www.caraguafm.com.br . (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Carlinhos da Farmácia quer Templo Budista em Caraguá
Visita serviu como primeiro entendimento para futuras relações

Caraguatatuba - O Vereador Francisco Carlos Marcelino - Carlinhos da Farmácia (PDT), da Câmara Municipal de Caraguatatuba, visitou na manhã desta quarta-feira - 29 de agosto a sede brasileira da BSGI - Associação Brasil Soka Gakkai Internacional, entidade de origem Budista com trabalhos voltados para a Paz, Cultura e Educação. O objetivo do Parlamentar é conceder Título de Cidadão Caraguatatubense para o Presidente Mundial da entidade, Daisaku Ikeda, e conseguir a construção de um Templo Budista na cidade.
A visita se deu às 11 horas na sede brasileira da entidade, localizada no bairro da Aclimação, na capital do estado. Receberam o Vereador o Presidente da BSGI - Eduardo Taguchi e o Vice-Presidente Adjunto - Celso Hama. Durante a visita o Vereador pode contemplar a exposição sobre a vida e os trabalhos realizados por Daisaku Ikeda em todo o mundo desde 1975.
A BSGI é o braço brasileiro da SGI (Soka Gakkai Internacional), fundada em 26 de janeiro de 1975, localizada em Tóquio e voltada exclusivamente para a Paz, Educação e Cultura. A entidade é oficialmente registrada como ONG (Organização Não-Governamental) no Conselho Econômico e Social das Nações Unidas (Ecosoc), no Alto-Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur), no Departamento de Informações Públicas das Nações Unidas (Undpi), na Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e também na Federação Mundial das Associações das Nações Unidas (Wfuna), da qual é membro. A entidade tem mais de 12 milhões de associados distribuídos em 190 países e territórios.
O Presidente da SGI, Daisaku Ikeda, nasceu em Tóquio em janeiro de 1928, é formado pela Escola Superior Fuji na área de Economia e na sua gestão fundou várias instituições educacionais e culturais, como as escolas Soka - que vai do pré-escolar ao universitário; A Associação de Concertos Min-On; O Instituto de Filosofia Oriental e o Museu de Arte Fuji de Tóquio.
Considerado como um dos maiores pacifistas em atividade no planeta, Ikeda é também filósofo, poeta laureado e escritor, com obras traduzidas em mais de 20 línguas. No Brasil ocupa a cadeira 14 como sócio correspondente da Academia Brasileira de Letras (ABL), desde 1992.
Como pacifista que é, escolheu o dia da criação da SGI - 26 de janeiro - para apresentar a sua proposta anual de Paz, o que faz há 32 anos. Cotado para receber o Prêmio Nobel da Paz, Ikeda tem percorrido o mundo em busca da harmonia do ser humano, da paz definitiva e de um melhor entendimento entre os homens. A BSGI é fundamentada na Filosofia Humanística do Budismo Nitiren.
Em seu currículo constam, além de viagens ao Brasil, encontros, palestras e debates na China, Cuba, Rússia, Filipinas, Alemanha, Índia, entre outros países. Destaque para sua luta pela paz sino-russa e por declarar que o Japão necessitava pedir desculpas pelos erros cometidos e agressões feitas durante a Segunda Guerra Mundial. Devido a suas ações na China, Rússia e Cuba, foi considerado como Comunista no Brasil, tendo o seu visto de entrada negado, até 1984.
Durante a visita, que durou cerca de 60 minutos, o Vereador esboçou sua vontade em conceder Título de Cidadão Caraguatatubense a Daisaku Ikeda e ao mesmo tempo, conseguir que a entidade construa um Templo Budista na cidade. A diretoria da entidade agradeceu as intenções do Parlamentar e prometeu verificar com afinco a agenda de Ikeda, conseguindo sua vinda a Caraguatatuba, bem como os recursos necessários para a construção do Templo.
Para o Vereador este é um grande passo para a cidade. "A vinda da BSGI para Caraguatatuba é um passo em prol da Paz Mundial, bem como nos tornaremos referência quanto ao assunto. A parceria desta entidade nos será muito proveitosa em termos de Cultura e Educação, sem contar o aspecto turístico como conseqüência", disse. (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Portal da Palmeira

Município completa 202 anos e precisa resolver problema do saneamento básico para continuar “bela”

Ilhabela - Desmatamento, falta de saneamento básico e ocupação irregular das áreas, são os principais problemas em todo o Litoral Norte. No aniversário de 202 anos de Ilhabela, comemorado hoje, temos de enfatizar que, para a cidade continuar bela, surtindo efeito na , é necessário uma solução efetiva para a questão do saneamento básico, que contempla apenas 5% da cidade.
Os Estados Unidos e a maior parte dos países europeus já resolveram o problema da coleta, tratamento e disposição do esgoto sanitário há muitas décadas. Em alguns países, há mais de um século. Eles se destacam num movimento de promoção da saúde, que tem hoje o aval da Organização Mundial de Saúde (OMS).
Um levantamento do IBGE, chamado Perfil dos Municípios Brasileiros, aponta que a qualidade de vida em Ilhabela foi afetada por desmatamento, esgoto a céu aberto e ocupação das áreas. Além da saúde, a carência de saneamento é uma das principais causas de da degradação ambiental.
Quando chove o esgoto doméstico desce as encostas e atinge as principais praias do município, que mantém as bandeiras vermelhas há muitos anos.
Segundo o diretor da Ong, Ilhabela.Org, Ricardo Anderaos, o maior problema é que quando não se tem uma rede de captação de esgoto e as novas construções constroem suas fossas de forma irregular.
“A primeira coisa a ser feita é a prefeitura fiscalizar rigorosamente as novas construções, diagnosticar as casas que jogam esgoto “in natura” e lutar por uma parceria com o Estado para fazer a rede coletora de esgoto”, afirma o ambientalista.
“Esse problema acontece desde sempre e devo enfatizar que a população também é responsável”, complementa. Por isso, segundo ele, deve haver maior empenho na questão da educação ambiental, principalmente, para as famílias de baixa renda, que não têm dinheiro e não sabem que estão poluindo.
O primeiro passo - O prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos, afirmou que os governos do estado e federal liberaram uma verba no valor de R$ 24 milhões para atender os bairros mais populosos do município na questão do saneamento. Barra Velha, Perequê, Itaquanduba e Itaguaçu, serão os primeiros a serem beneficiados. Desse contrato, segundo o prefeito, foi executada a primeira etapa de 18 quilômetros de rede coletora para atender os bairros Barra Velha e parte do Perequê, no Jardim Éden.
“Hoje (sexta-feira passada quando esteve presidindo a reunião do Comitê de Bacias Hidrográficas, em Ubatuba), recebi a notícia que a segunda fase deste projeto será em 10 dias, tão logo o licenciamento for expedido”, confirma. Com isso, serão realizadas 10 estações elevatórias. Segundo o prefeito de Ilhabela, a obra está prevista para ser concluída no final de 2008 e começo de 2009.
“Isso vai elevar os atuais 5% para 30% de esgoto tratado e coletado, que deverá atender quase 12 mil habitantes da cidade”, afirma Manoel Marcos. “Desde o primeiro dia, do 1º ano do meu mandato, travo uma luta constante para cumprir o acordo da legislação de 1972. O governo do estado investiu em água tratada, mas faltava saneamento. Felizmente essa luta não foi em vão. Pelo menos não teremos mais bandeiras vermelhas indicadas pela Cetesb”, complementa.
Quando questionado sobre as construções com fossas irregulares, o prefeito disse que em alguns lugares foi criada uma solução alternativa. “Quando um projeto é aprovado, é necessário ter uma alternativa”. Em lugares como o bairro Portinho (no Sul da Ilha) e Pinto e Ponta Azeda (Norte), foram feitos mini-tratamentos de esgoto com recurso do Estado.
O acordo foi firmado no mês passado, entre a Sabesp, a Prefeitura Municipal e a Associação dos Amigos da Praia do Pinto e Ponta Azeda, em Ilhabela, para a implantação do sistema de esgotamento sanitário da região.
O acordo, fruto de uma iniciativa da sociedade, prevê investimentos da ordem de R$ 1,5 milhão para a construção de 1.730 metros de redes coletoras, 120 ligações domiciliares, três estações elevatórias, 402 metros de linhas de recalque e uma estação de tratamento de esgotos, que permitirá que 100% dos esgotos da área da Praia do Pinto e Ponta Azeda sejam coletados e enviados para tratamento, assegurando um ganho ambiental significativo que somente irá valorizar ainda mais a região.
A iniciativa é inédita, cabendo à Associação os estudos e projetos executivos, a obtenção das licenças ambientais, a cessão das áreas e a construção da estação de tratamento, em um investimento de R$ 890.5 milhões.
O restante do aporte financeiro e das obras fica a cargo da Sabesp. As obras devem ser concluídas em até 12 meses, a Sabesp se responsabilizará pela operação de todo o sistema, que passará a ser integrado ao complexo de esgotamento sanitário do município. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de São Sebastião Topo

São Sebastião Superchic

Fiscais da Prefeitura participam de curso de capacitação ministrado pelo DPRN

São Sebastião - Os fiscais da Prefeitura de São Sebastião, que atuam nas Secretarias de Obras e Planejamento (Seop) e de Meio Ambiente (Semam), participaram na manhã desta segunda-feira (3/9) de um curso de capacitação ministrado pelo Departamento de Proteção aos Recursos Naturais (DPRN).
“O objetivo foi o de esclarecer como funciona a emissão de documentos em relação às áreas licenciadas pelo órgão, mostrando o seu conteúdo e falando sobre a interpretação das plantas que acompanham a documentação visando aperfeiçoar a fiscalização da Prefeitura”, diz o supervisor da equipe técnica do DPRN em São Sebastião, Renato Herrera de Araújo. A iniciativa, segundo ele, também serviu para explicar como é a relação entre a Polícia Ambiental e o DPRN quanto à fiscalização, e como a administração municipal pode atuar de forma complementar.
O curso contou com a participação de 30 fiscais, que aproveitaram para tirar dúvidas sobre legislação, fiscalização quanto à caracterização das Áreas de Preservação Permanente (APP), procedimento que é utilizado no processo de licenciamento ambiental, dentre outros.
“Isso é a integração dos procedimentos da Prefeitura com os órgãos estaduais. Já fizemos com a Polícia Ambiental e, em breve, faremos com a Fundação Florestal e Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb), para que a linha de atuação dos fiscais esteja de acordo com os procedimentos e postura, e vice-versa”, enfatiza o secretário de Meio Ambiente, Teo Balieiro. “O curso foi importante porque atualiza as informações, além de promover o estreitamento das relações entre os órgãos”, acrescenta a chefe da Divisão de Fiscalização Ambiental e Obras, Eloísa Conceição de Souza.
Todos os fiscais receberão um certificado pela participação do curso. (Fonte: PMSS)

Prefeitura abre inscrições para seleção e contratação de ecoagentes

São Sebastião - A Prefeitura de São Sebastião, por meio de convênio firmado entre as Secretarias de Meio Ambiente (Semam) e de Obras e Planejamento (Seop) e a ONG Ambiental Litoral Norte, abriu inscrição nesta segunda-feira (3/9) para interessados em prestar serviços como agentes sócio-ambientais ou ecoagentes.
O número de vagas é de 11 e a inscrição deve ser feita até o próximo dia 14 de setembro. Os serviços começam a ser prestados a partir de 1° de outubro de 2007.
O candidato precisa ter o segundo grau completo, experiência no campo da educação ambiental e do atendimento e orientação social, com conhecimento das problemáticas locais em relação à ocupação irregular e sua regularização urbanística, bem como da legislação ambiental. Ou seja, os profissionais serão responsáveis pelas atividades de disseminação de informação, orientação e cadastramento para a população das áreas de Especial Interesse Social ao longo do município.
A carga horária dos agentes será de 40 horas semanais e o salário base de R$ 750 por mês sob o regime da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), com vales refeição e transporte.
Os documentos exigidos para a inscrição são: ficha de inscrição devidamente preenchida, conforme modelo disponível na sede da ONG situada à rua Três Bandeirantes, 136, Centro, na Semam e na Seop, localizadas à rua Amazonas, 13, Centro, bem como no endereço eletrônico da entidade para impressão do comprovante (www.alnorte.org.br); currículo atualizado e subscrito; cópias de diplomas e/ou certificados das atividades exercidas nos últimos anos; comprovação de experiência de pelo menos dois anos na área de atuação; cópias da Carteira de Identidade (RG), do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência; cópia de habilitação ou registro como profissional da educação ambiental, se houver; demais documentos que o candidato julgar necessários. Toda a documentação deve ser acondicionada em envelope contendo as seguintes informações em letra legível: a) nome do candidato, b) processo seletivo ecoagente 2007. As inscrições deverão ser postadas à Ambiental Litoral Norte – ALNorte, Caixa Postal 114, CEP: 11600-000, São Sebastião, SP. Para fins da inscrição vale a data de carimbo da postagem dos Correios.
A seleção dos ecoagentes será realizada por uma comissão mista designada pela Ambiental Litoral Norte, que avaliará a apresentação dos documentos requeridos; comprovação de experiência de pelo menos dois anos na área de atuação; e demonstração de qualificação e capacitação técnica compatível. Os candidatos selecionados serão entrevistados em dias e horários a serem marcados pela coordenação do projeto através de contato telefônico nos números constantes na ficha de inscrição, até o dia 28 de setembro.
Os selecionados que obtiverem as melhores avaliações nas entrevistas realizadas, observado o número de vagas disponíveis, serão encaminhados para viabilização das contratações.
A lista final de classificação dos candidatos inscritos estará disponível no endereço eletrônico da entidade a partir de 1° de outubro. Mais informações pelo telefone (12) 3892.6700. (Fonte: PMSS)

Surfistas sebastianenses quebram recorde mundial em Santos

São Sebastião - Os surfistas de São Sebastião Carlos Bahia, Alessandro Abolição, Alex Lec e Jefferson Silva participaram neste domingo (2/9), de um feito histórico realizado em Santos: os sebastianenses estiveram entre as 84 atletas que quebraram o recorde mundial de maior número de surfistas na mesma onda, no “Earthwave Festival de Surf Ecorodovias”.
A marca anterior era de 73 surfistas, estabelecida ano passado, na África do Sul. Em Santos, a quebra contou com a participação de 84, entre eles nomes consagrados do surf como Picuruta Salazar. O Earthwave é um evento mundial que desperta a atenção da sociedade sobre o aquecimento global e aconteceu simultaneamente em sete países, que também tentaram realizar a mesma façanha.
“Foi muito legal participar deste recorde, que reuniu muitas pessoas amantes do longboard e chamou a atenção da mídia sobre a importância da conservação do Meio Ambiente, além disso, esse evento só demonstra a capacidade que o longboard tem de unir as pessoas em torno de causas justas como essa” destaca o surfista sebastianense Alex leco, que reside em Maresias. Foi a segunda vez que Leco participa da quebra deste recorde. Em 2005, ele, juntamente com Carlos Bahia e Alessandro Abolição quebraram o então recorde mundial com 45 pessoas em uma mesma onda, no Rio de Janeiro.
O evento ainda fez parte da primeira etapa do Campeonato Paulista de Longboard, que teve a quarta colocação de Carlos Bahia, décima de Alessandro Abolição e décima terceira de Alex Leco na longboard, além da quinta e sexta posições na prova de remada com Jefferson Silva e Alex Leco. (Fonte: PMSS)

Jovens dispensados do Serviço Militar prestam juramento à Bandeira em São Sebastião

São Sebastião - No próximo dia 11 de setembro, às 10 h, os jovens sebastianenses dispensados do serviço militar inicial da classe de 1989 participam de cerimônia de Juramento à Bandeira Nacional, no ginásio de esportes José de Souza Gringo (Gringão).
Cerca de 850 jovens se alistaram, dos quais aproximadamente 400 prestarão juramento e receberão o certificado de dispensa.
De acordo com o secretário da Junta do Serviço Militar, Cristiano Gomes dos Santos, os jovens assumirão o compromisso formal de defender a Pátria no caso de necessidade. “Apesar de dispensados, eles estarão sujeitos à convocação em caso de calamidade pública, ou para atender eventuais necessidades de mobilização”, afirma.
A solenidade deve contar com a presença do delegado do Serviço Militar e 1º Tenente, Abel Monteiro da Silva Filho, e o prefeito Dr Juan Garcia.
O certificado militar é valido até os 45 anos de idade, sendo obrigatório para fazer passaporte, inscrição em instituições de ensino superior, prestar concurso público, entre outras exigências. (Fonte: PMSS)

Equipe de basquete de São Sebastião dá show na Liga do Coneleste Paulista

São Sebastião - A equipe sebastianense de basquete masculino infantil disputou no último domingo (2/9), em Jacareí, a segunda rodada da Liga do Coneleste Paulista. Os atletas de São Sebastião deram um show frente às cidades de Taubaté, Guaratinguetá, Jacareí e Pindamonhangaba, com três vitórias em quatro partidas realizadas.
O grupo formado pelos jogadores Bruno Soalheiro, Wilson, Heitor, Jonathan Caldeiras, Jonny, Weverson, Lucas, Cristian, Jonathan, Silas, Danilo, Maicon e Felipe se deu bem na primeira partida. Contra o time de Taubaté, os atletas sebastianenses conseguiram vencer os adversários por 25 a 19, com ampla vantagem técnica. No segundo jogo, a história se repetiu. Com boas jogadas armadas, os jogadores ganharam da equipe de Guaratinguetá por 39 a 27.
Já na terceira partida do dia, a equipe dona da casa dificultou o lado caiçara impedindo que os atletas sebastianenses colocassem o seu ritmo de jogo. Melhor em quadra, os atletas de Jacareí venceram o jogo por 33 a 25.
Na quarta e última disputa do dia, os jogadores de São Sebastião se recuperaram e mostraram que são fortes candidatos ao título da competição, com uma vitória de 29 a 22 sobre o time de Pindamonhanga.
O técnico Ricardo Rosa disse que o grupo tem conseguido os resultados positivos devido ao entrosamento dentro e fora de quadra. “Esses resultados são reflexo de um trabalho de mais de dois anos. Mas os grandes fatores dessas conquistas são a união e o respeito que os atletas têm um pelo outro”, destaca o treinador.
Vale destacar também que não é a primeira vez que os sebastianenses fazem bonito na Liga do Coneleste Paulista. A equipe, que conquistou a categoria mirim do campeonato em 2006 e é apoiada pela Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria de Esportes (Seesp), obteve quatro vitórias na primeira etapa da Liga na cidade de Guaratinguetá, que aconteceu no dia 26 de agosto. A terceira fase da Liga ocorre no dia 23 de setembro em Taubaté.
“Apesar de estarmos obtendo vitórias dentro do campeonato, temos que buscar sempre um crescimento. É isso que vamos fazer com os treinamentos durante essas duas semanas de descanso”, conclui Ricardo. (Fonte: PMSS)

Meninas de São Sebastião vencem Caraguatatuba em amistoso de futebol

São Sebastião - As jogadoras da equipe feminina de futebol sebastianense disputaram na noite do último sábado (1°/9), contra o time de Caraguatatuba, uma partida amistosa realizada no Estádio Municipal Otoniel Santos, em São Sebastião. As meninas mostraram qualidade ao bater as visitantes dentro de casa.
Durante todo o jogo, o time de São Sebastião foi superior dentro de campo, com um bom aproveitamento das jogadas pelas laterais e entradas com profundidade dentro da área. O grande destaque foi a atacante Evelyn Magalhães, que não desperdiçou as chances oferecidas, e colocou três bolas nas redes das adversárias. Ainda deu tempo para a equipe de Caraguatatuba marcar o gol de honra, no entanto, insuficiente para uma reação. No final, o resultado confirmado: 3 a 1 para as atletas sebastianenses.
O técnico Getúlio Honório disse que as jogadoras tiveram aproveitamento técnico muito bom durante todo o amistoso e que a partir de agora, a tendência da equipe é desenvolver cada vez mais. “Foi uma boa partida, pois todas as atletas estiveram com um jogo aplicado e disciplinado taticamente sem oferecer oportunidades para as jogadoras de Caraguá. Percebemos que, com treinamento e disposição, esse grupo pode chegar a rumos mais altos”, ressaltou Honório.
A equipe de futebol feminino sebastianense, composta de 34 atletas com idades que variam entre 14 e 28 anos, é apoiada pela Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria de Esportes (Seesp). (Fonte: PMSS)

São Sebastião está entre os 10 finalistas do Prêmio Sentidos por investir em acessibilidade

São Sebastião - O município de São Sebastião está entre os 10 finalistas do “Prêmio Sentidos” por conta dos investimentos da Prefeitura em acessibilidade. Trata-se de concurso nacional promovido pela Associação de Valorização e Promoção do Excepcional (Avape) para a Revista Sentidos e com apoio da Rádio e Televisão Record S/A.
São Sebastião concorre na categoria menção honrosa para empresas e governo. Dos 10 finalistas, apenas três municípios. O vencedor deve ser anunciado em dois meses, já que todos os classificados ainda receberão visitas da comissão julgadora.
Em 20 de julho de 2005, o prefeito de São Sebastião, Dr. Juan Garcia expediu a portaria 1.039/2005, nomeando uma comissão de estudos com objetivo de encontrar soluções para permitir a acessibilidade das pessoas portadoras de deficiências ou mobilidade reduzida em todo o município. A proposta não era apenas cumprir as normas federais atinentes à matéria, mas sensibilizar comerciantes, empresários, estudantes, servidores, enfim, humanizar a todos de que o direito igualitário previsto na Constituição Federal deve ser exercitado.
O projeto “Cidade para Todos” é uma política pública assumida pelo município de São Sebastião, que promove um conjunto de ações coletivas voltadas para a garantia dos direitos sociais. Hoje, todas as obras da Prefeitura de São Sebastião são adequadas à Lei da Acessibilidade.
Um grande exemplo é a urbanização do aterro e Revitalização da Rua da Praia, que não tem qualquer tipo de obstáculo. Prédios como da nova escola de Boiçucanga, Centro de Saúde Topolândia ou Centro de Apoio Educacional da Vila Amélia seguem os padrões da acessibilidade e contam até mesmo com elevadores. Outros prédios públicos já existentes vêm sendo adaptados à lei.
A Prefeitura e a comissão também têm alertado empresários da cidade sobre a importância de oferecer à acessibilidade. Outra medida é a regularização das calçadas de todo o município. Tudo isso foi mostrado em um dossiê apresentado na inscrição para o Prêmio Sentidos.
Para a presidente da Comissão Municipal de Acessibilidade, Kátia Gomes Severi, estar entre os 10 primeiros significa o reconhecimento do trabalho que a cidade tem feito na questão acessibilidade. “Com estas medidas, além de facilitar a vida dos portadores de deficiências que vivem aqui, também buscamos atingir um novo nicho turístico”. Os vencedores de cada uma das seis categorias participarão do programa Ressoar, da Rede Record de Televisão, e da edição especial da Revista Sentidos. (Fonte: PMSS)

Cidade Portinho atende crianças com risco de serem atropeladas

São Sebastião - Mais de 980 alunos da rede municipal de ensino de São Sebastião vão conhecer nesta semana a “Cidade Portinho”, uma mini-cidade de trânsito onde as crianças aprendem a necessidade de estar atenta às sinalizações e semáforos e, principalmente, à faixa de pedestre. Foram escolhidas cinco unidades escolares para participar da campanha em função dos riscos que os estudantes correm de serem atropelados.
De acordo com a Secretaria de Educação, eles residem em bairros cortados pela rodovia Rio-Santos (SP-55) e precisam atravessar a via para chegar à escola. Na Costa Sul, participam as escolas municipais Henrique Tavares de Jesus, em Barra do Sahy, e a EM Juquehy. Pela Costa Norte estão as unidades escolares da Enseada e do Canto do Mar e pelo Centro a Walfrido Maciel Monteiro, do Morro do Abrigo.
A abertura da campanha foi nesta segunda-feira (3/9) e a Cidade Portinho fica instalado no Centro de Apoio Educação (CAE) do São Francisco, até a próxima quinta-feira (6/9). Durante o início das atividades o prefeito de São Sebastião, Dr. Juan Garcia, falou os 70 alunos do 3º ano da escola de Barra do Sahy sobre a importância deles estarem atentos ao atravessar a rua e a necessidade de ensinar aos colegas que não puderam comparecer. “São 400 alunos na escola e vocês passarão essas mensagens para que eles também fiquem em segurança, assim como orientar os seus pais”.
Antes de passearem pela “Cidade Portinho”, os alunos acompanham uma palestra e se interagem com o instrutor Sidney Barbosa, da Porto Seguro Seguros. Eles aprendem sobre os semáforos, sobre as faixas de pedestres, uso do cinto de segurança, entre outras ações. A aluna Michele Amorin Silva, 9 anos, mostrou estar atenta à questão de trânsito, respondeu e participou de todas as ações.
A Cidade Portinho é uma realização da Prefeitura de São Sebastião, através das secretarias de Educação (Seduc) e Segurança Urbana (Segur), por meio da Divisão de Tráfego (Ditraf), em parceria com a Porto Seguro e o Departamento de Estradas de Rodagens (DER).
Além do passeio pela pista, as crianças puderam conhecer as viaturas da Polícia Rodoviária Estadual. A Cidade recebeu ainda visita das equipes de trânsito de Caraguatatuba e Ubatuba. (Fonte: PMSS)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Terra Caiçara Salete


Fundo Para o Desenvolvimento Sustentável do Litoral Norte

Ubatuba - Preocupado com o destino sócio-econômico e o desenvolvimento das quatro cidades do Litoral Norte, o vereador Charles Medeiros encaminhou ao Governador José Serra, através do Ofício CM 298/07, solicitação de apreciação de proposta para a Criação de Fundo Para O Desenvolvimento Sustentável do Litoral Norte. A proposta visa formar um fundo para investimentos de enfoque regional, já que, segundo o vereador, aumentará consideravelmente o fluxo migratório e a demanda por serviços e obras públicas. Em resposta a solicitação de Medeiros, O Subsecretário de Relacionamento com Municípios da Casa Civil do Estado, Dr. Rubens E. Cury, informa que a matéria foi analisada pela Diretoria de Planejamento Metropolitano e Territorial da Coordenadoria de Planejamento e Avaliação, Órgão da Secretaria de Economia e Planejamento do Estado de São Paulo, onde através de sua consultoria jurídica, esclarece que a matéria deve ser apreciada pelo Governador por ser matéria de competência executiva e que, se ele entender conveniente e oportuno, deve levar adiante e concretizar a pretensão proposta pelo Vereador Charles Medeiros de Ubatuba, devendo neste caso, previamente, instruir os autos com manifestações técnicas e administrativas pertinentes, inclusive sob os aspectos da oportunidade e conveniência e com oitiva dos Municípios requerentes.
"Trata-se de uma competência do Executivo, mas se entender ser viável a análise técnica e sob os aspectos de oportunidade e conveniência, proponho a submissão do presente ao Sr. Secretário de Economia e Planejamento, determinar a instrução dos autos e a adoção das medidas necessárias à concretização da criação do Fundo de Desenvolvimento Sustentável do Litoral Norte", conclui a Procuradora do Estado, Drª. Adélia Maria Cristóvão.
"Uma proposta que nasceu na Câmara Municipal de Ubatuba pode ser um divisor de águas para o Litoral Norte", afirma Charles Medeiros. (Fonte: Assessoria Charles Medeiros)

SPG garante benefícios para moradores do bairro

Ubatuba - A Elektro - Eletricidade e Serviços, estará promovendo uma série de benefícios para toda a comunidade do bairro Guarani. Com a instalação de rede elétrica e a mudança total de rede interna das residências, a comunidade terá a garantia de uma rede com segurança e de melhor qualidade. O projeto desenvolvido pela empresa estará beneficiando não somente essa comunidade, mas também todas as áreas de congelamento da cidade. "Agora o nosso povo terá o que merece. Mas estaremos aguardando mais benefícios, desta vez esperamos que a prefeitura cumpra a parte dela, levando aos nosso moradores o cumprimento de todas as etapas para regularização da área", disse uma moradora.
O bairro que hoje conta com a participação efetiva de todos os eventos em defesa da comunidade através da Sociedade em defesa do Parque Guarani, tem a população com a principal aliada para que todos possam juntos, melhorar a qualidade de vida.
A presdiente Gidalva, discursou durante evento de apresentação da equipe da Elektro no Emei Anchieta, destacando a participação da comunidade e a importância dessa união para alcançar essas conquistas. (Fonte: Assessoria SPG)

Ciccillo lembrará Ubatuba na FIESP
Texto: Celso T. Leite

Ubatuba - A passagem de Ciccillo Matarazzo como prefeito de Ubatuba, de 1964 a 1969, fará parte da mostra em sua homenagem a realizar-se de 16 de fevereiro a 16 de março do próximo ano no Espaço FIESP, na av. Paulista, em São Paulo. O espaço vai abrigar documentos e obras de arte contando a vida do maior mecenas da arte brasileira e enfocará, além do aspecto cultural, sua trajetória como industrial, pioneiro e patrocinador de iniciativas no teatro, cinema e museus com destaque para a criação da Bienal, no Ibirapuera. O prefeito Eduardo César designou representante da Prefeitura para participar da comissão organizadora da mostra que lembrará os 30 anos do falecimento de Ciccillo, cuja gestão como prefeito constituiu-se na sua primeira e única experiência política.
A comissão organizadora é presidida pelo professor Paulo Nathanael Pereira de Sousa, presidente do Conselho de Administração do Centro de Integração Empresa Escola – CIEE e conta com a participação do presidente da Bienal, Manuel Pires da Costa; do representante da família, Giandréa Matarazzo e da FIESP.
Na última reunião, quinta-feira, dia 30, estiveram presentes à reunião da comissão o presidente da Fundart, Pedro Paulo T. Pinto e o jornalista Celso Teixeira Leite se inteirando das decisões e discutindo os detalhes da participação de Ubatuba neste evento de grande repercussão. O material relativo à experiência política em Ubatuba deverá ser utilizado no projeto do memorial que a prefeitura vem desenvolvendo em homenagem ao ex-prefeito.
O conselho curador da Bienal está encarregado de levantar os recursos para a mostra que contará, além da documentação, com exposição de obras de arte da própria Bienal e dos museus, doadas pelo próprio Ciccillo. (Fonte: Fundart)

Ubatuba assina protocolo de intenções para gestão integrada de resíduos no Litoral Norte
Na ocasião também foi comemorado o 10º aniversário do CBH-LN, que contou com a presença do secretário estadual de Meio Ambiente, Xico Graziano, além de diversas outras autoridades e entidades ambientalistas

Ubatuba - O prefeito de Ubatuba, Eduardo Cesar, assinou na manhã desta sexta-feira, 31, o Protocolo de Intenções para a Gestão de Integrada de Resíduos no Litoral Norte. A formalidade ocorreu durante a 3ª Reunião Plenária do Comitê de Bacias Hidrográficas do Litoral Norte (CBH-LN), no Ubatuba Iate Clube.
O documento, que contou com as assinaturas do CBH-LN e das quatro prefeituras da região, propõe o desenvolvimento dos Planos de Resíduos e demais ações visando a gestão integrada, implementação do aterro sanitário regional, usinas de reciclagem ou outras formas de destinação adequada desses resíduos, educação ambiental, fiscalização, proteção e recuperação das áreas já degradadas.
O evento contou com as presenças do Secretário Estadual de Meio Ambiente, Xico Graziano; do prefeito de Ilhabela e presidente do CBH-LN, Manoel Marcos e dos secretários de Meio Ambiente de Caraguatatuba e São Sebastião, além do diretor-executivo da Fundação Florestal, José Amaral Wagner Neto e da coordenadora de Recursos Hídricos da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, Rosa Maria Mancini, entre outras autoridades e entidades ambientalistas.
10 anos de CBH-LN - Na ocasião também foi comemorado o aniversário de 10 anos do CBH-LN. "É uma honra termos o CBH aqui em Ubatuba hoje comemorando uma década de existência. O CBH-LN é um comitê que, nestes dez anos tem desenvolvido muitos projetos e realizações de extrema importância para toda a região", disse o prefeito de Ubatuba, Eduardo Cesar.
O prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos, falou da alegria de comemorar os 10 anos do CBH-LN estando a frente da presidência da instituição: "ser o presidente do CBH-LN é algo que sempre me dá muito prazer e alegria, por poder estar entre pessoas muito importantes para nossa região, um colegiado extremamente representativo, que me fez ter uma visão muito melhor. Nestes dez anos muitas coisas boas aconteceram na nossa região", disse Manoel Marcos, que lembrou também a parceria com Ubatuba para a vinda de cruzeiros marítimos. "O CBH é uma instituição que merece o respeito de todos, pois construiu um espaço de atuação para os interessados no meio ambiente; um espaço construído onde antes o trabalho era desenvolvido de forma isolada", completou o prefeito de Ilhabela.
Força tarefa - O secretário estadual de Meio Ambiente, Xico Graziano, falou sobre a importância de os prefeitos comparecerem às reuniões do CBH: "a presença dos prefeitos é fundamental para a fase que estamos entrando, pois a priorização de investimentos públicos será decidida nos comitês. Entre os projetos estratégicos do Governo do Estado há um para o Litoral Norte, que expressa uma força tarefa no sistema de meio ambiente para tratar desta região, com tanta fragilidade ambiental", disse o secretário estadual, que falou sobre a licença para a estação de tratamento de esgoto de Ilhabela, aterro sanitário regional, resíduos sólidos, loteamentos irregulares e pesca predatória. "Dou minha palavra que estaremos atentos e não vamos permitir o processo de expansão descontrolada na região. Também vamos desenvolver um novo plano de investimento com a Sabesp para toda a região exigindo que as bandeiras vermelhas nas praias comecem a diminuir. É um ponto de honra deste governo que estas coisas aconteçam", acrescentou Xico Graziano.
O evento seguiu com espaço para discussões e a palestra "Caminhos para a Integração da Gestão de Recursos Hídricos com a Gestão Ambiental" (ministrada pelo gerente de outorga e especialista em recursos hídricos da Agência Nacional de Águas, Luciano Meneses Cardoso da Silva). Outra palestra que fez parte dos trabalhos foi sobre área ambiental da Elektro. A reunião terminou com uma confraternização, marcada por um almoço servido aos presentes. (Fonte: PMU)

Participação de Ubatuba na Adventure Sports Fair é notícia em site oficial

Ubatuba - A cidade de Ubatuba foi eleita como um dos destaques na Adventure Sports Fair 2007 no setor de Turismo. A notícia está no site oficial da feira, e pode ser constatada através do endereço www.adventurefair.com.br, acessando o link “Mais Notícias”.
A participação de Ubatuba na feira já mostrou resultados concretos. Na próxima semana, a produção do programa “Caçadores de Aventuras” estará em Ubatuba para a gravação de um especial sobre a cidade. Outra produtora que também afirmou seu compromisso de filmar as praias de Ubatuba foi a “Esporte Clube Ra-tim-bum”. A empresa “Atena de Marketing Esportivo” esteve no estande de Ubatuba e já acertou a realização de uma etapa da “Gaia”, corrida individual de aventura, para o início de 2008.
O secretário municipal de Turismo, Luiz Felipe de Azevedo, adianta que um dos destaques das negociações realizadas durante a feira foi a expedição acertada com a renomada Família Goldschmidt, que irá fazer todo o Trópico de Capricórnio, com partida prevista para o mês de novembro deste ano. “Ubatuba possui uma imagem magnífica no segmento de ecoturismo, esportes de aventura e mergulho. Prova disto são as ações que já estão em curso, todas elas provenientes do trabalho realizado durante a Adventure Sports Fair”, afirma o secretário.
Na opinião do prefeito Eduardo Cesar, a cidade mais uma vez mostra sua potencialidade ao mercado. “Participar de um evento desta magnitude é fundamental. Só que, mais importante do que isto é trazer bons negócios para o município. E aí estão as empresas já a caminho de Ubatuba. Este é o nosso foco no turismo, fomento e profissionalização”, completa o prefeito.
A Adventure Sports Fair 2007 aconteceu entre os dias 22 e 26 de agosto, no pavilhão do Ibirapuera, em São Paulo. No próximo ano, a feira será realizada no Pavilhão de Exposição da Imigrantes e, desde já estão sendo aceitas adesões, as quais podem ser feitas na Secretaria de Turismo pelo telefone. (12) 3833-9007. (Fonte: PMU)

Inscrições para o "V Salão Nacional de Belas Artes" começam esta semana
O Salão será realizado de 26 de outubro a 18 de novembro, no Sobradão do Porto

Ubatuba - A partir do dia 3 de setembro, estarão abertas as inscrições para o V Salão Nacional de Belas Artes, realizado pela Prefeitura de Ubatuba, por meio da Fundação de Arte e Cultura (Fundart). O evento ocorre sempre no mês de outubro, como parte das festividades de aniversário da cidade. O Salão de Belas Artes de Ubatuba pretende reunir o trabalho de artistas nas mais variadas formas, categorias e cidades de todo o país.
O objetivo do evento é promover a educação artística da comunidade, o desenvolvimento e a valorização das Belas Artes. O evento será coordenado pela Associação de Belas Artes de Ubatuba (Abau). “Procuramos reunir no Salão o máximo de obras com qualidade e esperamos reunir também muitos talentos de vários locais do país, fazendo com que o evento cresça ainda mais”, ressalta o presidente da Fundart, Pedro Paulo Teixeira Pinto.
Em sua quinta edição, o Salão será realizado de 26 de outubro a 18 de novembro de 2007, no Salão de Exposições do Sobradão do Porto, localizado à Praça Anchieta, 38, no centro de Ubatuba.
Inscrições - Cada artista poderá inscrever no mínimo duas e no máximo três obras de cada categoria.
O valor da taxa de inscrição é de R$ 10,00 por obra. As fichas poderão ser impressas pelos sites: http://www.fundart.com.br / http://www.abau.com.br , ou retiradas diretamente na Fundart. As inscrições deverão ser preenchidas por completo, à máquina e entregues juntamente com as obras, na Sala do Grupo Setorial de Artes Plásticas da Fundart, que fica na rua Felix Guisard, 6, no centro, das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas. Para mais informações, ligue para (12) 3833-7000 e fale com Paulo Alves.
Regulamento - Podem participar do Salão artistas de todo o Brasil, nas seguintes categorias: Pintura (Acadêmico e Contemporâneo), Desenho e Escultura. As obras devem ser inéditas, não sendo admitidas cópias ou reproduções de outros artistas. As dimensões dos quadros não devem exceder 1,50m X 1,50m, incluindo a moldura. No caso das esculturas, elas devem ter, no máximo, 1,50m de altura e 50 kg. Não serão aceitas obras com mais de 2 anos de criação, ou premiadas em outros salões. Os premiados nos salões anteriores com Medalha de Ouro ou Troféu Jean Batiste Debret, participarão sem passar pela seleção. Os detentores do troféu Debret poderão concorrer apenas aos Prêmios Aquisitivos oferecidos no Salão.
Prêmios - Serão conferidos dois prêmios de aquisição, para melhores obras: Prêmio Prefeitura Municipal de Ubatuba no valor de R$ 4.000,00 e Prêmio Aquisitivo Fundart no valor de R$ 3.000,00. (Fonte: PMU)

Ubatuba define representantes para fase regional do Mapa Cultural Paulista

Ubatuba - Nesta semana Ubatuba definiu os representantes para a fase regional do Mapa Cultura Paulista 2007. A Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba (Fundart) recebeu 14 inscrições durante a fase municipal do Mapa nas áreas de Artes Plásticas, Desenho de Humor e Fotografia. Três artistas foram selecionados para cada modalidade e cada um representará Ubatuba com três obras.
Em Artes Plásticas os selecionados foram: Oswaldo Pires, Carlos Herglotes e Doris Arco Verde. Franklin Espíndola de Oliveira, Raphael Hatt e José Bernardes Almeida Gil representarão Ubatuba em Desenho de Humor. Já em Fotografia, os selecionados para a próxima fase foram: Flávio Sarlo Pizzutto, Vanessa M.P. Villac e Dario Eduardo Chiaverini.
A fase regional acontecerá de 15 de setembro a 14 de outubro, em São José dos Campos. A final do Mapa Cultural acontece em São Paulo, no primeiro semestre do próximo ano.(Fonte: PMU)

Prefeitura de Ubatuba terá plantão durante o feriado de 7 de setembro

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba terá plantão no dia 8 de setembro, sábado, para parcelamento de débitos municipais (IPTU, taxas de alvará, vistorias, multas e outros) inscritos em dívida ativa ou ajuizados. Até o dia 25 de outubro está em vigor no município uma lei de incentivos fiscais. Os plantões aos sábados terão início no dia 8 de setembro e se estenderão até o dia 20 de outubro.
Os plantões funcionarão exclusivamente para parcelamento de débitos. Para ter direito ao benefício, o contribuinte deve estar em dia com todos os tributos deste ano. O contribuinte que estiver em atraso com os tributos poderá optar pelo parcelamento em até 36 vezes, com multa e sem incidência de juros, ou à vista sem qualquer taxa.
Para o parcelamento, o valor das parcelas não poderá ser inferior a R$ 100,00 e será reajustado anualmente pelo IGPM-FGV. Quem optar pelo parcelamento também deverá comprovar a condição de proprietário do imóvel ou nomear um procurador. Para os débitos ajuizados é necessário o pagamento das custas processuais e dos honorários advocatícios. Quem já se beneficiou de outros parcelamentos, e que por qualquer motivo deixou de cumprir o acordo, só poderá obter novo benefício mediante o pagamento de 20% do total do débito atualizado, quando for solicitar o novo parcelamento.
Os plantões aos sábados funcionarão das 9 às 16 horas. A Prefeitura de Ubatuba está localizada na avenida Dona Maria Alves, 865, no centro. Na sexta-feira 7 de setembro, feriado nacional, somente estarão funcionando na Prefeitura os serviços essenciais, como a coleta de lixo. (Fonte: ACIU)

ACIU em parceria com Sebrae oferece palestra sobre associativismo

Ubatuba - Associativismo é o tema da próxima palestra a ser ministrada na Associação Comercial de Ubatuba. A palestra será realizada no 05 de setembro (quarta-feira) às 15h00 na sede administrativa da ACIU, à Rua Dr Esteves da Silva, 51- Centro.
Tendências mundiais, objetivo, definição, viabilidade, formalização do associativismo e exemplos de ações associativistas, como aspectos legais e tributários são alguns dos temas que serão tratados na palestra.
Podem participar todas as pessoas acima de 16 anos interessadas no assunto. Os interessados podem fazer a inscrição no balcão de atendimento da ACIU, ou entrar em contato com a Assessoria de Comunicação da entidade e falar com Cristiane através do telefone 3834 1449.
Inscrição: Duas caixinhas de leite. (Fonte: ACIU)

Ciclo de palestras abordará aspectos da cultura, história e arte de Ubatuba
O evento acontece por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Ubatuba, Fundart e a Universidade de Taubaté (UNITAU)

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba, por meio da Fundação de Arte e Cultura (Fundart), Secretaria Municipal de Educação e em parceria com a Unitau, promove de 3 a 6 de setembro um ciclo de palestras voltado para a arte, história e cultura de Ubatuba. A abertura do evento contará com a exibição da Lira Padre Anchieta e durante o ciclo haverá apresentações culturais, como a lenda do Boi de Conchas, fandango caiçara e camerata de violões.
Para o presidente da Fundart, Pedro Paulo Teixeira Pinto, o ciclo é um trabalho em conjunto de várias instituições que lidam com a Educação no município. “Neste ciclo de palestras reuniremos o que temos de mais importante no município em trabalhos nas áreas de história, cultura e arte”, afirma o presidente.
As palestras acontecem entre os dias 3 e 6 de setembro, no campus da Unitau em Ubatuba, das 19h às 23h.

Confira a programação:

03/09 – segunda-feira
19 horas: Banda Sinfônica Lira “Padre Anchieta”.
19h30: Apresentação do Trabalho “Administrações: Personalidades da nossa História” Caroline Sabina Soares, pós-graduada pela Unitau e Joice Fernandes, graduanda em História pela Unitau.
21 horas: Prof. Dr. Cyro de Barros Rezende, Doutor pela USP, docente da Unitau – “Minorias e Cultura Nacional: uma construção ideológica”.

04/09 – terça-feira
19 horas: Apresentação Cultural: A lenda do Boi de Conchas, com o grupo Guaruçá.
19h30: Caroline Sabina Soares, pós-graduada pela Unitau – “Do Santíssimo à peixada: a Festa de São Pedro Pesador em Ubatuba”.
21 horas: Profª Ms. Rachel Abdala, Mestre pela USP / Unitau – “História Regional: Arte e Cultura”.

05/09 – quarta-feira
19 horas: Apresentação Cultural: Fandango Caiçara (Mário Gato).
20 horas: Exposição de painéis com pesquisas regionais.

06/09 – quinta-feira
19 horas: Apresentação Cultural: Camerata de Violões.
19h30: Prof. Dr.Glauco Barsalini, Doutor pela Unicamp / Regionalismo e Cultura Caipira autor do livro Mazzaropi o Jeca do Brasil.
21 horas: Heyttor Barsalini / Unicamp – Studio Fátima Toledo / peça teatral: “Humor Caipira”. (Fonte: PMU)

Tartaruga aparece morta no Perequê Açu

Ubatuba - Uma tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta), também chamada de tartaruga-mestiça, foi encontrada morta na Praia do Perequê Açu, em Ubatuba. E espécie é uma tartaruga marinha, comum nos mares de todo mundo, que se encontra ameaçada de extinção. A tartaruga foi enterrada próximo ao local onde foi encontrada.

 

   

 

   


FICHA DAS FOTOS
Autor: Mario Trindade
Data: 2/set/2007
Local: Perequê-Açú/ Ubatuba/ SP
Câmara: Fine Pix S 5100


CINEMA - SEMANA DE 31/08 A 13/09/2007

"OS SIMPSONS - O FILME"
Dublado!!!! Comédia !!!!!!
Às 15:00 hs -16:50 hs

"DURO DE MATAR 4.0"
Aventura !!!!!
C/ Bruce Willis!!!!!!!
Às 18:40 hs - 21:00 hs.


cineporto@hotmail.com
Acesse nosso site www.cinemasdolitoral.com.br

Ação Litoral

Poesia Topo

Elias do cavaquinho

Com toda sua humildade
O desconhecido Elias
Ficará para a posteridade
Pois ele é homem grande
Com coração de menino
E é de pouca fala
Pois toda sua eloquência
Está nas cordas do cavaquinho
Que em dia bom soa com alegria
E que só toca chorinho
Quando lhe ataca a nostalgia.
 

Félix Cabral

Carta do Leitor
As mensagens, fotos e opiniões  publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As mensagens deverão conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.
Topo

Livro do Tombo

Ubatuba faz parte de um seleto grupo de Municípios participes da história deste imenso País. Nas terras de Coaquira saiu o primeiro Tratado de Paz das Américas, sem contar da Confederação dos Tamoios comandada por Cunhambebe. Nestes séculos de existência e conflitos, "nossa terra", rica em belezas naturais, agregou história, construiu cultura, produziu artesanato, folclore e gastronomia própria. Nesta construção tivemos os "visitantes"Hans Staden, Anchieta e Nóbrega, e os locais Thomaz Galhardo, Gastão Madeira entre outros.
Com a preocupação de valorizar esse rico patrimônio histórico e cultural, elaborei em 2003 um projeto de lei (Lei nº 2446/03) que institui o Livro do Tombo em Ubatuba, isto é, um inventário de nossos bens materiais e imateriais, realizados em parcerias com órgãos federais, estaduais e municipais, podendo haver o apoio direto da iniciativa privada. Por ser uma cidade com características turísticas, percebi que não só as paisagens deveriam fazer parte de nosso patrimônio, mas também as formas de expressão, os modos de criar, fazer e viver, as criações artísticas, as obras, objetos, os documentos. Somos um dos poucos municípios que possuem ossadas de baleias enterradas, sua exposição certamente será um grande atrativo turístico, alias mais um.
Como o reconhecimento não estava sendo respeitado, com a Lei, proporcionei um dos instrumentos que pode ser utilizada para acautelar e proteger os bens representativos de nosso município, que são marcas de diferentes épocas de nossa história e que dizem respeito a nossa identidade.
Vejo pequenos municípios investirem maciçamente em turismo, pois a catalogação de seus bens ligados ao patrimônio histórico e cultural trouxe novos dividendos e investimentos para o Setor, tornaram-se pequenas potencias gerando emprego e renda á comunidade. Se unirmos as boas idéias á ações concretas e planejadas, Ubatuba tornar se há o tão sonhado Paraíso.

Charles Medeiros
Vereador em Ubatuba

Sim á CPMF

É de conhecimentos de todos o motivo da criação da CPMF, o qual sou a favor pela qualidade da saúde que poderíamos ter neste país, principalmente aos mais desafortunados da vida. Reitero, nesta carta, ao Congresso Nacional, a continuidadeda CPMF, para tão somente, a saúde. Nosso povo morre à mingua nos hospitais, e não há no momento nenhum instrumento legal a cobrir uma possível falta deste aporte financeiroa saúde. O erro foi distribuí-la por outras ações de governo e isto sim, é o que precisa ser revisto. Devemos somar força por sua permanência e brigar para que ela seja integralmente para a saúde, o resto é balela de pão duros ricos e preconceituosos pelos pobres deste país. Será o caos total se o não vencer esta parada.

Maria Chagas Cancellier
Ubatuba, SP

Troca de sucata por feijão

Prezados sócios. Em comemoração ao Dia da Árvore, a SAMJU realizará TROCA DE SUCATA POR FEIJÃO.
Deixe na SAMJU, com nossa secretária Meire, sua doação: macarrão, feijão, arroz, açúcar, mantimentos não perecíveis que serão trocados por sucata. Em troca você receberá uma muda de pau-brasil.
Esta ação acontecerá no dia 22 de setembro, sábado, das 8h às 16hs.
Colabore com o meio ambiente. Colabore com Juquehy.
Contamos com você!

SAMJU
São Sebastião, SP

Pra não dizer que não falei das flores
Renato Nunes

Caminhando e cantando e seguindo a canção
Somos todos iguais braços dados ou não
Vem, vamos embora que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora não espera acontecer
Geraldo Vandré

Algumas pessoas têm falado sobre esperanças agora que entramos na fase pré-eleitoral da vida pública brasileira. Mas o que é isso quando há um corre-corre nas trocas de partido e a busca por novos filiados "bons de voto"?
Nesta época não se discutem planos ou programas, olham-se nomes. É uma correria maluca que constrói e destrói candidatos, obrigatória para aqueles que pretendem concorrer a um cargo eletivo. Pelo país afora o quadro dos competidores deve estar formatado com um ano de antecedência e com todos já na raia, embora as ações dos governos estejam em pleno andamento e algumas ainda por se iniciar.
Se nessa corrida insana um dos competidores for o titular do poder executivo local, sua cidade estará ferrada porque se seu trabalho for bom será apedrejado pelos concorrentes para enfraquecê-lo como candidato. Se for ruim, será trucidado em praça pública. E nós, cidadãos contribuintes, assistimos essa novela de mau gosto que se repete a cada quatro anos.
Outra treta política que nos é apresentada como garantia de bom governo para alimentar esperanças é a tal governabilidade.
O que vem a ser isso? Porque os chefes do Poder Executivo no Brasil têm que andar de mãos e pés atados com o Poder Legislativo, trocando os compromissos de campanha celebrados com a população por pífios acordos pontuais, alguns deles feitos por baixo do pano com parlamentares desconhecidos, eleitos por uma merreca de votos no oceano dos colégios eleitorais constituídos por dezenas de milhares de eleitores? Será que os prefeitos ou mesmo os governadores imaginam que precisarão sempre de novas leis e autorizações para governar? Não lhes bastam as existentes?
Eu explico, fazem isso por miopia política adquirida. Como outros fizeram, farão também. Não se dão conta de que as leis existentes quando articuladas com as respectivas Leis Orgânicas ou Planos Diretores de suas cidades permitem dúzias de prioridades em seus programas de trabalho, todas elas já consagradas pela população através das inúmeras audiências públicas realizadas para legitimar essas leis. Implantá-las e cumpri-las é sua verdadeira tarefa. Pela Constituição da República deve ficar a cargo dos vereadores e dos deputados, além dos avanços da legislação, a importante tarefa de fiscalização dos atos do poder executivo. Esse é o nó, fiscalização é a palavra mágica, permite tudo, para o bem e para o mal.
Quanto mais os governos afirmam que seus acordos com as lideranças partidárias são feitos para garantir a governabilidade, ou seja, para que os procedimentos de fiscalização não os atrapalhem, mais estão propondo arranjos de interesse. O conceito de governabilidade não passa de um engodo, de uma cortina de fumaça. É como se o Executivo dissesse, fica quieto aí, fecha os olhos, vota a favor do governo que eu dou um empreguinho para seus cabos eleitorais. O Mensalão, escancarado devido ao desentendimento ocorrido entre os quarenta ladrões com o Ali Babá, é a comprovação nacional desse desvio ético e político dos dirigentes brasileiros. O pagamento mensal, por baixo do pano e em dinheiro vivo, aos excelentíssimos senhores deputados e senadores é o referendo do Congresso Nacional aos atos do poder executivo. Enganaram a Nação chamando esse referendo de governabilidade. Governabilidade é, portanto, uma forma de calar a boca dos representantes do povo, eleitos para fiscalizar os atos do poder executivo.
Será preciso um estudo mais amplo para entender como começou esse tipo de "fazer política". Creio que foi durante a convivência do Congresso com a ditadura nos anos 70, porém, não é o caso buscar aqui nestes comentários as explicações para isso, mas como seus efeitos viraram um hábito e distorceram procedimentos políticos e administrativos nos estados e municípios, acho que podemos fazer um exercício para ver como isso funciona. Sem pretender ir muito longe para não cansar os leitores, vamos usar como exemplo a aldeia de Iperoig, a nossa velha Vila Nova da Exaltação da Santa Cruz do Salvador de Ubatuba, hoje internacionalmente conhecida apenas como Ubatuba.
Podemos começar em 1989, ano da promulgação da nossa Lei Orgânica. Sua discussão, por determinação constitucional envolveu toda a sociedade sob a coordenação da Câmara Municipal durante o ano todo. Quem tiver a pachorra de consultar essa lei verá que ali tem tudo que pode ou não pode ser feito no município. Diretrizes sobre a política da Saúde, da Educação, dos Transportes, Meio Ambiente, Abastecimento, Uso do Solo, Habitação, etc, etc, etc. Mas, ninguém usa!
Durante os anos 1989 a 1992 foi debatido pela sociedade sob a coordenação do Prefeito o PDDI, Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado, engavetado pela Câmara Municipal em 93, 94, 95, aprovado em fins de 96 e novamente engavetado, desta vez pelo novo Executivo, até auto expirar-se sete anos depois. Caducou. Continha tudo o que poderia ser feito para desenvolver o município em conexão com os postulados, premissas e diretrizes da Lei Orgânica aprovada em 89. Também ninguém usou.
Durante esses anos todos, essas duas grandes leis, estruturais para o desenvolvimento urbano, econômico e social de Ubatuba, respaldadas e legitimadas pela população que compareceu ativamente a dezenas de reuniões e que consumiram centenas de horas de trabalho voluntário e de esperanças das inúmeras organizações e associações de bairro, viraram pó.
Em contrapartida, para não se dizer que o município parou no tempo, a velha lei do uso do solo de 1984, a famosa 711, continuou e continua a ser aplicada até hoje. Mutilada, retalhada, alterada, ignorada, vendida, negociada, espelha física e socialmente em nosso cenário urbano e econômico, o significado da palavra governabilidade. Por ela se compuseram prefeitos, vereadores, empresários e interessados de todo gênero. Uma leitura atenta de suas alterações revela os pontos críticos que determinaram retrocessos na qualidade de vida de nossa cidade. Cenários de alto interesse turístico foram degradados, acentuou-se o caos na ocupação do solo, os espaços públicos foram apropriados por um comércio rudimentar justificado por um assistencialismo eleitoral nocivo ao desenvolvimento do turismo. Enfim, tudo o que todos sabemos e falamos diariamente.
Ao longo desses vinte e três anos da lei 711 essa tal governabilidade emudeceu nossos representantes eleitos para fiscalizar o poder executivo, que fez o que quis e não fez o que devia, e tantas foram que tornaram o município refém do Ministério Público. Melhor por um lado, pois se salvou muita coisa, mas, por outro, até quando, até onde?
Hoje a ex Vila Nova da Exaltação da Santa Cruz do Salvador de Ubatuba tem um novo Plano Diretor. Debatido por toda a comunidade, elaborado à luz das diretrizes da lei federal que regulamenta a política urbana brasileira, aprovado pela Câmara Municipal e sancionado pelo Prefeito em fins de 2006, é um pretexto importante para que as forças políticas e a sociedade busquem em conjunto criar um novo tempo nas relações políticas entre os cidadãos e seus representantes temporários.
Uma das mais importantes medidas determinadas pelo Plano Diretor é a criação do Conselho da Cidade. Nele, os cidadãos estarão oficialmente presentes, independente de partido político ou filiação para propor, aceitar ou rejeitar os atos do poder público. A Câmara de Vereadores e o Prefeito não poderão legalmente caminhar sem a anuência do Conselho da Cidade.
Sua regulamentação se dará juntamente com a edição da nova lei de uso do solo. O andamento desses estudos está lento, já foi adiado o prazo de conclusão. Fala-se que a criação do Conselho da Cidade não interessa, e que por isso a lei de uso do solo está atolada em alguma comissão que não se reúne. Eis o mote para uma ação conjunta suprapartidária que pode se tornar programa e compromisso de candidatos.
O atual momento político apresenta indícios positivos muito importantes no sentido de elevar o tom dos temas de campanha conforme revelam as excelentes notas do PSDB, do PTB e do PT publicadas em seqüência nos últimos dias.
Acho que o Geraldo Vandré tinha razão, "quem sabe faz a hora não espera acontecer..."

Renato Nunes
Ubatuba, SP

Foto do Dia Topo

Para participar desta seção basta enviar as fotos com crédito do autor e legenda, no tamanho mínimo
de 1024 x 768 pixels com resolução de 72dpi para fotododia@litoralvirtual.com.br.  O envio da foto caracteriza autorizada a sua publicação, assumindo o autor total responsabilidade pela publicação da mesma.

Praia da Caçandoca  © Luciano Cancelier

Praia da Caçandoca
©Luciano Cancelier

Envie sua foto!

Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor: Emilio Campi

GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

 

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor