Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Segunda-feira, 14 de Janeiro de 2008 - Nº 1902 Edições Anteriores

Maré Legal Terra Caiçara

Região
Quase 90% dos municípios brasileiros não possuem Corpo de Bombeiros

Caraguatatuba
Em Caraguatatuba acontece o Projeto Vida Ativa
Playground da Longevidade na rua da Praia é para 3ª Idade
Aposentados e pensionistas têm direito a passagens interestaduais de graça
Idosos se divertem com atividades nas férias
Idosos enfrentaram a maior inflação nos últimos dois anos
Campanha Verão Limpo começa nesta terça-feira 15 em Caraguá
Carnafolia promete agitar Caraguá no mês de março
Turista é morto ao reagir a assalto

Ilhabela
Manoel Marcos investe mais de 1,5 Milhões de reais em Escola
Sabesp anuncia licitação para obras de coleta e disposição de esgotos
Moradores reclamam de mau cheiro no lixão desativado de Ilhabela


São Sebastião
Correntistas sofrem para utilizar caixas-eletrônicos na Costa Sul
PAT de São Sebastião divulga novas vagas de Emprego
Defesa Civil e Salvamar divulgam cuidados nos acidentes com água-viva
Prefeitura desvia trânsito para realização de obra na Topolândia
Procon recomenda pesquisa de preço para comprar material escolar

Ubatuba
Idosa morre após ser atacada por dois pit bulls
Bikelane na Avenida Leovigildo Dias Vieira começou a funcionar
Segunda etapa do “Interior na Praia” inicia hoje
Programa Onda Consciente apresenta teatro especial no Lázaro
Polícia Rodoviária prende foragido no interior de ônibus
Ubatuba participa do Fórum Social Mundial


Seções
Poesia
Carta do Leitor
Foto do Dia

Notícias da Região Topo

Quase 90% dos municípios brasileiros não possuem Corpo de Bombeiros

Litoral Norte - Apenas 635 municípios do Brasil dispõem de uma brigada do Corpo de Bombeiros Militar, aponta levantamento realizado pela Agência Brasil. Isto representa 11,41% de todo o país, que tem 5.564 municípios, segundo o IBGE.
Em algumas das cidades em que o Corpo de Bombeiros não está presente, cidadãos civis se organizam e formam brigadas de incêndio. Os chamados bombeiros comunitários recebem treinamento para atuar em casos de incêndio e acidentes. Contudo, na maioria dos municípios não existe nenhuma das duas entidades.
Este é o caso de Rio Piracicaba, em Minas Gerais. Na primeira noite do ano oito presos morreram em um incêndio na cadeia do município. Na cidade, com pouco mais de 14 mil habitantes, não há guarnição do Corpo de Bombeiros nem cidadãos treinados para a função de socorrista.
As leis que versam sobre os serviços de bombeiros são estaduais. Não existe legislação federal que trate do assunto. De modo geral, a legislação existente determina apenas que é obrigação do estado prover o serviço, mas não define que uma cidade com um número mínimo de habitantes tenha obrigatoriamente uma brigada militar.
Para o especialista em Segurança Pública Antônio Flávio Testa, da Universidade de Brasília o problema faz com que o estado não consiga garantir cidadania a seus habitantes. “Uma vez que as prefeituras não oferecem uma estrutura adequada e que os Corpos de Bombeiros não estão ali adequados para atender determinadas emergências que não são apenas de incêndios, mas de desastres de trânsitos, acidentes e outras coisas a população fica muito vulnerável e passa a ser um problema estratégico que o estado terá que resolver o mais rápido possível”, analisou.
O Rio de Janeiro é o estado com maior abrangência do Corpo de Bombeiros. Dos 92 municípios existentes, 43 dispõem de uma brigada militar, o que representa quase 47% do total. Para o tenente-coronel Jadyr de São Sabbas, assessor chefe de comunicação social do Corpo de Bombeiros do estado, o alto índice pode ser explicado pelo fato de o Rio de Janeiro ser o principal pólo de turismo nacional e internacional do país.
Realmente o governo do estado tem que promover aquela sensação de segurança para que todos possam ter a liberdade de ir e vir sem que ocorram problemas maiores. Como tem Corpo de Bombeiros presente, o risco diminui e o atendimento aumenta, disse.
O Maranhão apresentou o pior resultado no levantamento da Agência Brasil. Dos 217 municípios do estado, apenas três (1 38%) contam com Corpo de Bombeiros Militar. O coronel Carlos Robério dos Santos, comandante operacional, explica que o atraso da instituição se deve ao processo de emancipação do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar, desde a década de 90.
“Com isso a corporação teve um atraso muito grande e só agora nós estamos lutando e já temos projeto para colocar em mais 3 municípios grandes, industriais e populosos”, afirmou. “Um dos principais problemas do atendimento precário nos municípios do estado nordestino diz respeito preservação de edifícios históricos construídos na época da colonização pelos europeus. Eles construíram esses casarões, esses centros históricos e, com a ausência da corporação, a cidade tem a perder e muito”, avaliou. (Fonte: Imprensa Livre)


Notícias de Caraguatatuba Topo

O Guaruçá Caraguatatuba

Em Caraguatatuba acontece o Projeto Vida Ativa

Caraguatatuba - A Secretaria de Esportes e Recreação de Caraguatatuba, visando à saúde dos moradores, turistas e veranistas, realiza na praça Ton Ferreira, de segunda-feira a sábado, o Projeto Vida Ativa.
O programa teve início no dia 7 de janeiro e irá até 5 de fevereiro. Quem estiver presente em Caraguá poderá aproveitar as aulas de Ginástica Aeróbica, Alongamento, Tae Bo, Tai Shi Chuan e passeio ciclistico gratuitamente.
Essa iniciativa tem como intuito fazer com que as pessoas possam ter algum tipo de atividade nas férias. “Sempre visamos o bem estar, a saúde da população, e com o grande número de turistas que receberemos, achamos interessante dar um pouco mais de qualidade de vida para essas pessoas também. E nada melhor do que poder se exercitar com o visual lindo que temos, perto do mar. Esporte é saúde, essencial nas nossas vidas”, comentou Lelau.
Serviço: segunda, quarta e sexta: das 8h às 10h (Aeróbica e Alongamento); das 17h30 às 18h30 (Passeio Ciclístico – Concentração praça Ton Ferreira); terça, quinta e sábado: das 8h às 10h (Tai Shi Shuan e Tae Bo). (Fonte: Imprensa Livre)

Playground da Longevidade na rua da Praia é para 3ª Idade

Caraguatatuba - A atividade física tomou conta da melhor idade em São Sebastião, com o Playground da Longevidade. O parque criado pelo Fundo Social de Solidariedade tem atraído um grande número de pessoas na Rua da Praia, que buscam mais qualidade de vida. No playground, os idosos podem se exercitar em 12 aparelhos, como o Alongador, Passo Aéreo, Elevação Lateral, Paralelas, Roda Ombros, Pêndulo, Esqui, Poste Flexor, Passo a Passo e Barra Móvel.
Para Silvia Leite da Costa, 77 anos, moradora do Centro, o ambiente já trouxe benefícios para sua saúde. “Descobri esse lugar há pouco tempo e adorei, pois antes não tínhamos isso aqui na Rua da Praia. Diversas dores que eu tinha passei a não sentir mais, e agora posso fazer atividades normais”, explica.
Desenvolvido pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), de Sorocaba, o Playground da Longevidade também existem em outras cidades, como Belo Horizonte, São Carlos, Ribeirão Preto e Rio Claro. Estudos realizados pela mesma instituição de ensino comprovam a eficácia dos equipamentos, que promovem maior mobilidade, equilíbrio e fortalecimento muscular para os idosos.
O uso do espaço, inaugurado em maio de 2007, também pode ser utilizado por adultos, porém o acesso às crianças não é permitido. (Fonte: Imprensa Livre)

Aposentados e pensionistas têm direito a passagens interestaduais de graça

Caraguatatuba - Aposentados e pensionistas com mais de 60 anos e renda de até dois salários mínimos têm direito a passagem de ônibus interestadual gratuita. Para usufruir do benefício, é necessário se cadastrar nos postos de atendimento com carteira de identidade e comprovante de residência. Os postos ficam nos centros de Desenvolvimento Social e nas secretarias municipais de Assistência Social.
O prazo de entrega da carteira é de 30 dias. As pessoas cadastradas que ainda não receberam a carteira podem adquirir as passagens, desde que informem o número do registro e apresentem documento de identificação.
A assessora Maria das Graças Bibas, do Departamento de Proteção Social Especial do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, informou que cada ônibus é obrigado a disponibilizar dois assentos de graça para aposentados ou pensionistas. Esgotados os assentos, eles podem comprar com 50% de desconto e, nesse caso, não há limite desde que seja para uso próprio.
Segundo a assessora, os idosos não precisam ter receio quanto à burocracia. “O procedimento é muito simples e as empresas de transporte, até o momento, não colocaram nenhum empecilho”. Cerca de 47 mil idosos já utilizam o benefício.
“O principal objetivo desse trabalho é proporcionar a essas pessoas o direito de viajar a outros estados para tratamentos médicos”, disse Maria das Graças. Outras informações podem ser obtidas no telefone 0800 7072003. (Fonte: Imprensa Livre)

Idosos se divertem com atividades nas férias

Caraguatatuba - O Fundo Social de Solidariedade segue com algumas aulas do Projeto Atividade no Tebar Praia Clube durante as férias escolares. Além disso, o Pontal da Cruz, que recebe uma extensão do projeto a partir de fevereiro, promove um curso de férias para idosos às sextas-feiras na piscina do bairro.
No Pontal, estão disponíveis aulas de natação e hidroginástica. A secretária de Esportes, Raquel Buzi, explicou os objetivos do curso ministrado no bairro. “O período de férias serve para que eles se sintam estimulados em clima de recreação”.
O retorno integral das modalidades está previsto para o dia 11 de fevereiro, após as férias e reunião de planejamento dos professores da Seesp. Já no dia 15, iniciam as aulas de Natação e Hidroginástica no CAE do Pontal da Cruz.
As inscrições podem ser feitas nos locais de realização do Projeto Atividade. O interessado deve ter mais de 55 anos e ser morador de São Sebastião. As opções esportivas são: caminhada, vôlei adaptado, yoga, dançaterapia, atletismo, alongamento, ginástica adaptada, dança de salão, hidroginástica, jogos de salão (xadrez, damas, baralho) e basquete. (Fonte: Imprensa Livre)

Idosos enfrentaram a maior inflação nos últimos dois anos

Caraguatatuba - O orçamento dos idosos sofreu um duro golpe no ano passado, com a forte disparada nos preços dos alimentos no varejo. É o que revelou a Fundação Getúlio Vargas (FGV), ao anunciar o Índice de Preços ao Consumidor da Terceira Idade (IPC-3i) de 2007, que subiu 5,04% - o mais elevado em dois anos e o dobro da taxa de 2006 (2,26%). O impacto dos alimentos mais caros foi tão grande que o IPC-3i, que é trimestral, acabou fechando o ano passado acima do Índice de Preços ao Consumidor - Brasil (IPC-BR), que mede a inflação no varejo em todas as faixas etárias, e subiu 4,60% em 2007.
Há dez anos que a inflação dos idosos no varejo encerra o ano acima da média anual de elevação de preços, entre consumidores de todas as idades. Os alimentos mais caros também ajudaram a acelerar a taxa do IPC-3i na passagem do terceiro para o quarto trimestre de 2007 (de 1,03% para 1,17%), além de serem responsáveis por 60% do resultado da taxa anual do índice.
Ao detalhar esse cenário, o economista da FGV, André Braz, lembrou que os preços dos alimentos “dispararam” no ano passado, principalmente no segundo semestre de 2007. Safras ruins, problemas climáticos prejudicando a oferta de itens agrícolas e forte demanda por alimentos - tanto no mercado interno quanto externo - foram os fatores que fizeram com que os preços dos alimentos ficassem mais caros no ano passado. Esse cenário, sentido por todos os consumidores brasileiros, de uma maneira geral, teve um impacto profundo no orçamento familiar do idoso.
“O grupo alimentação é o que mais pesa no cálculo do IPC-3i”, disse, explicando que os idosos gastam mais com alimentos do que a média da população, em todas as faixas etárias. Braz observou que, por questões de saúde, os idosos têm um cuidado extra com a comida que consomem, e grande parte de seus gastos são direcionados para o setor de alimentação. Por isso, a oferta reduzida de itens alimentícios importantes na dieta dos mais velhos - como o leite, por exemplo -, foi mais sentida entre os consumidores de mais idade.
Em 2007, os preços dos alimentos subiram 10,93% no âmbito do índice da inflação dos idosos - a mais forte alta em quatro anos e bem acima da deflação de 0,32% apurada em 2006 entre os preços desse setor, no IPC-3i. Entre os alimentos, o destaque de elevação de preços ficou por conta do feijão carioquinha, que subiu 128,48% no ano passado. O impacto mais forte da inflação entre a população idosa não é um fenômeno novo.
Dados da FGV mostram que, no período de 2001 para 2007, o IPC-3i acumula elevação de 64,13%; acima da elevação de 56,97% registrada pelo IPC-BR, no mesmo período. Isso porque, no período, preços de itens de maior peso no orçamento familiar do idoso, como comida e medicamentos, por exemplo, subiram mais do que preços de serviços que têm maior peso no cálculo da inflação do consumidor em todas as faixas etárias, como tarifas e preços administrados.
Em 2007, o consumidor mais idoso teve que lidar com outras elevações de preços expressivas, como a de plano e seguro saúde (6,95%). “Esse item pesa muito no índice, porque os idosos dispensam grande parte do seu orçamento para pagar os planos”, afirmou. O IPC-3i abrange famílias com pelo menos 50% dos indivíduos de 60 anos ou mais de idade, e renda mensal entre 1 e 33 salários mínimos. (Fonte: Imprensa Livre)

Campanha Verão Limpo começa nesta terça-feira 15 em Caraguá
O principal objetivo da Campanha, que em princípio acontecerá em duas praias, é sensibilizar moradores, visitantes e vendedores ambulantes sobre a importância de manter a praia limpa

Caraguatatuba - A Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, iniciará na próxima terça-feira 15, a Campanha Verão Limpo 2008, em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo e a Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental) e outros parceiros.
O programa de conscientização ambiental termina no dia 10 de fevereiro, e a primeira a receber o Verão Limpo 2008 é praia do Aruan. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente de Caraguá, outra praia que será beneficiada com o projeto é a do Indaiá.
O projeto Verão Limpo 2008 contará com dois monitores, que trabalharão nas praias com o recolhimento de micro-lixo (papéis de bala e de cigarro, anel de latas de refrigerante, tampas de garrafa PET, embalagens, palitos de sorvete, entre outros), troca de micro-lixo por kits, entrega de material (panfletos e sacolas de tecido) e conscientização.
De acordo com a Prefeitura de Caraguá, o principal objetivo do projeto é sensibilizar moradores, turistas e vendedores ambulantes, sobre a necessidade de se manter as praias limpas, preservar a vegetação nativa, as praças, as rodovias de acesso ao litoral e todos os espaços públicos, incentivando a prática de hábitos saudáveis no contato com a natureza. (Fonte: PMC)

Carnafolia promete agitar Caraguá no mês de março
O sábado de Aleluia será marcado pelo já tradicional "Carnafolia" em Caraguá. Os ingressos já estão à venda e a renda será em prol do asilo Instituto Pró + Vida

Caraguatatuba - O sábado de Aleluia terá diversão garantida em Caraguatatuba. Dia 22 de março será realizado o já tradicional Carnafolia - o melhor Carnaval fora de época do Litoral Norte, que a cada ano tem recorde de público.
Os ingressos e abadas já estão sendo vendidos na loja Água do Mar e a renda será revertida para o asilo Instituto Pró + Vida. A animação do baile ficará por conta da banda Axé Brasil, com marchinhas carnavalescas, o melhor do axé music e pop/rock.
O evento tem o apoio da Prefeitura Municipal de Caraguatatuba. Compre hoje mesmo seu convite e colabore com o Instituto Pró + Vida. (Fonte: PMC)

Turista é morto ao reagir a assalto

Caraguatatuba - O turista M.J.B., de 48 anos, foi morto por bandidos ao reagir a um assalto que aconteceu na casa em que ele estava com a família, no bairro Indaiá, na noite de sábado.
Segundo a Polícia Militar, por volta das 20hs, três ladrões armados invadiram a residência de veraneio, na rua Pércio Arruda e anunciaram o roubo. O bando chegou a levar celulares, carteiras com documentos de vítimas, relógio e dinheiro.
Segundo a PM, os bandidos ao fugirem da residência foram seguidos pela vítima, que teria reagido ao assalto. No portão da casa havia um quarto integrante da quadrilha, que disparou contra a vítima. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e veio a falecer. O homem era da cidade de São Paulo. Depois de atirarem, os bandidos fugiram. Até a tarde de ontem, ninguém havia sido preso. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Portal da Palmeira

Manoel Marcos investe mais de 1,5 Milhões de reais em Escola
Depois de priorizar os investimentos em educação, Manoel Marcos entrega mais uma escola a população de Ilhabela

Ilhabela - Na ultima quinta-feira, 10, o prefeito de Ilhabela Manoel Marcos de Jesus Ferreira e, o Secretário Municipal de Educação, Professor Antonio Cornélio, estiveram realizando uma visita técnica, nas novas instalações da escola estadual Ana Leite Julião Torres no bairro do Bexiga, na praia Grande, Sul da Ilha.
A Escola Ana Leite Julião Torres, que será inaugurada entre os dias 22 e 23 de fevereiro deste ano, conta com oito salas de aula além de salas para professores, diretoria, secretaria, grêmio estudantil, informática e cursos profissionalizantes. A unidade dispõe ainda de cozinha, refeitório, pátio coberto, banheiros para alunos e professores, inclusive com acessibilidade para portadores de necessidades especiais, além de um elevador.
A unidade de ensino passará a atender com maior eficiência e qualidade, toda a população da região sul de Ilhabela. A obra custará mais de 1,5 milhões de reais aos cofres da Prefeitura.
Presentes na visita a Escola Ana Leite, os vereadores, Jose Jorge Pereira (PTB), Marcio Garcia (PTB), Carlinhos de Nilo (PMDB) e Jadiel Vieira (PTB), além dos secretários municipais, Maria Sônia Ferreira Dias (Cultura), Osvaldo Julião (Finanças), Odair Barbosa (Jurídico) Luiz Lobo (Administração) e a vice-diretora da Escola Ana Leite, Nair Nóbrega.
Além desta, ainda este ano estaremos realizando a entrega de mais uma unidade escolar. A Escola Estadual da Barra Velha, que já conta com verba destinada através de convênio com o Governo do Estado e será iniciada ainda neste semestre. O investimento e da ordem aproximadamente 2 milhões de reais, e o processo para abertura da licitação encontra-se em fase final.
No ano 2000, eram 10 as escolas municipais; hoje, são 21, oito nas comunidades tradicionais. O número de professores passou de 67 para 227 e os alunos de 1.517 passaram a ser 3.247, mais que o dobro.
O prefeito Manoel Marcos trocou as carteiras e cadeiras de todas as escolas da rede municipal, visando atender adequadamente às necessidades dos alunos.
Também foram adquiridos computadores, e o projeto de iniciação à Informática proporciona aos alunos a oportunidade de aprender a usá-lo. Os professores são capacitados em nível superior para melhor atender às necessidades dos alunos, e seus salários estão entre os melhores do Estado.
O transporte escolar voltou a funcionar e hoje, para maior segurança das crianças e tranqüilidade dos pais, os ônibus contam com a presença de monitores.
Kombis e Vans escolares atendem as crianças moradoras de bairros mais distantes, como Jabaquara e Pacoíba, no norte da Ilha, e Borrifos e Sepituba, na região sul, além destes a Prefeitura acaba de adquirir um ônibus escolar com acessibilidade para transporte de portadores de necessidades especiais, e ainda um microônibus com 12 computadores que atenderão os alunos da rede municipal de ensino.
A Merenda Escolar, que também é oferecida em período de férias, é da melhor qualidade. Uma nutricionista foi contratada para desenvolver um cardápio balanceado e, com o sistema self-service, a criança aprende a comer à vontade, porém, sem desperdício.
“Posso afirmar que na Educação, a maior conquista de 2007 foi o Prêmio recebido pelo Ministério da Educação, que alcançamos. Graças a formação constante de nossos professores, pudemos atingir os maiores índices de desenvolvimento da educação básica da região, melhorando o ensino e a qualidade de vida de nossas crianças”, afirmou Manoel Marcos.
O professor Antonio Cornélio, ressaltou a importância da constante avaliação feita com nossos professores, “fazendo com que tenhamos parâmetros para direcionar a Educação no Município, sempre para uma melhor qualidade de ensino de nossos alunos”.
“Além das escolas, construímos creches, como a Creche Dona Terezinha de Jesus Ferreira, na Barra Velha. Durante minha administração foram implantadas 7 novas creches. Hoje atendemos aproximadamente 640 crianças, possibilitando as mães, tranqüilidade para trabalhar, podendo aumentar a renda familiar. Isso é um reflexo dos investimentos, pois quando assumi a prefeitura priorizei a educação e os resultados são visíveis”, finalizou o prefeito Manoel Marcos. (Fonte: PMI)

Sabesp anuncia licitação para obras de coleta e disposição de esgotos
Serão atendidos os bairros do Perequê, Barra Velha, Itaquanduba e Itaguassú

Ilhabela - O prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos de Jesus Ferreira recebeu o comunicado do superintendente da Unidade de Negócios do Litoral Norte da SABESP, engenheiro Benedito Felipe Oliveira Costa, sobre a publicação de licitação das Obras da primeira etapa do sistema de esgotos sanitários, aditado no Diário Oficial Empresarial em 22 de dezembro.
A licitação, no valor de R$ 14 milhões, será realizada através de pregão eletrônico que permanecerá aberto entre os próximos dias 14 e 26.
De acordo com a Sabesp, as obras estão previstas para início no próximo mês de agosto e os trabalhos deverão durar oito meses.
Os bairros atendidos serão: Perequê, Barra Velha Itaguassú e Itaquanduba, todos na região central da cidade. Parte da rede coletora de esgotos já foi implantada no Perequê e na Barra Velha. Além de completar a rede coletora existente, a primeira etapa da obra do Sistema de esgotos sanitários que irá beneficiar cerca de 15 mil pessoas compreenderá em: 08 estações elevatórias; 4 km de emissário por recalque; redes coletoras de esgotos sub-bacia; estação de pré-condicionamento de esgoto; emissário terrestre de 201metros e o submarino com 983 metros e 01 km. de coletor tronco.
O esgoto coletado será levado para uma Estação de Pré Condicionamento que será construída na Rua Joaquim José da Silva, no Bairro do Itaquanduba. Ali o esgoto passará por pré-tratamento e será lançado no Canal de São Sebastião através emissário marinho.
O prefeito Manoel Marcos comemora a notícia e esclarece que desde o início de seu primeiro mandato espera por esta obra, que tanto batalhou junto a SABESP para sua execução. “ Inaugurei muitas obras durante estes sete anos de mandato, esta seria com certeza uma das mais importantes e de maior abrangência em termos de benefícios à população. Seu término se dará após a minha administração, deixo portanto esta herança para o próximo prefeito”. (Fonte: PMI)

Moradores reclamam de mau cheiro no lixão desativado de Ilhabela
O morador do bairro Água Branca, Romeu Persch entrou em contato com o jornal e fez uma reclamação sobre o mau cheiro no bairro por causa da existência de um lixão que já foi desativado.

Ilhabela - No local funcionam um aterro de poda e o centro de triagem do município. O lixão fica próximo às escolas Eva Esperança e José Antônio Verzegnasi.
De acordo com informações de moradores, o cheiro já havia acabado desde que o lixo começou a ser levado para um aterro sanitário em Tremembé, no Vale do Paraíba, mas depois do período de festas o mau cheiro se juntou com a fumaça de um incêndio recente e começou a incomodar novamente.
O aterro de poda sofreu um incêndio espontâneo que começou na manhã do dia 3 deste mês e até hoje deixa vestígios de fumaça. A secretária do Meio Ambiente, Maria Inês Fazzini, explicou que quando pega fogo nesse tipo de local não se apaga, apenas se controla. O incêndio em lixo de poda não pode ser controlado apenas com água, é preciso água e terra para fazer lama.
Romeu Kanno, morador da Água Branca, disse que o cheiro incomoda muito e piorou com o incêndio. Ele explica que no período noturno a situação piora. “A fumaça desce durante a noite por causa das condições climáticas”, contou.
Já Beatriz Carvalho, mãe de duas filhas disse que a fumaça está insuportável e afetou a saúde da família. “Eu estou com rinite e sinusite e minhas filhas não param de coçar o nariz”, reclamou.
A janela do quarto de Beatriz da de frente para o aterro de poda e segundo ela quando acorda a rua está totalmente coberta pela fumaça. “A fumaça cobre a escola, ainda bem que as crianças estão de férias. Meu medo é pegar fogo na escola”, disse.
Para a moradora o ideal seria deixar aquele espaço apenas para aterro e não misturar com centro de triagem do lixo reciclável.
O lixo sempre foi um problema, e o lixão funcionou há mais de 20 anos em Ilhabela até ser transferido para Tremembé em 2004.
A secretária Maria Inês informou que os moradores estão reclamando de um cheiro temporário. Ela argumentou que Ilhabela tem 28 mil habitantes e nessa temporada abrigou e continua abrigando cerca de 100 mil pessoas, o que aumentou consideravelmente a produção de lixo. “As pessoas não ajudam, cada um produz o seu lixo e joga de qualquer jeito nas ruas”.
Todos os dias um caminhão levando 20 toneladas de lixo sai do município e segundo Maria Inês, na temporada estão saindo três caminhões. A produção de lixo diariamente chega a cerca de 15 toneladas. Ela desabafou dizendo que as pessoas não sabem como é difícil lhe dar com esse tipo de problema. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de São Sebastião Topo

São Sebastião Superchic

Correntistas sofrem para utilizar caixas-eletrônicos na Costa Sul

São Sebastião - O balconista Kleber Augusto de Oliveira , morador de Boiçucanga, precisava sacar dinheiro para pagar uma encomenda que havia feito em Boracéia. Cliente do Banco do Brasil (BB), Oliveira foi ao caixa-eletrônico do shopping, mas, na tela, a corriqueira mensagem: “saque não disponível”.
O balconista andou até a praça Elpídio Romão Teixeira, onde um outro caixa-eletrônico do BB está danificado há cerca de cinco meses. A última alternativa no bairro seria um terminal que funciona dentro da agência do banco, mas o local está aberto apenas de segunda à sexta, das 10h às 14h. Como já se passavam das 16h, o jeito foi pegar o carro e sair à procura de algum caixa em outros bairros.
No caminho até Boracéia, uma distância de aproximadamente 20 quilômetros, nenhum caixa eletrônico do BB. Como o estabelecimento onde foi feita a encomenda não trabalhava com cartão, Oliveira seguiu procurando, já no lado de Bertioga, e nada de BB. Somente na Riviera, a 44 quilômetros de Boiçucanga, ele finalmente encontrou um terminal. Mas para sua frustração e irritação, a velha mensagem no alto da tela: “saque não disponível”.
Transtornado, Oliveira foi salvo por um caixa do Banco 24 Horas, no qual ele pôde, enfim, efetuar o saque. “É um desrespeito com a gente que paga altas taxas bancárias e não podemos contar com os serviços do banco quando mais precisamos”, reclama.
A dificuldade sofrida por Oliveira em utilizar os serviços bancários nos terminais não é novidade para os correntistas da Costa Sul. A estudante Carol Dias lembra que no Réveillon o único caixa-eletrônico do Banco Itaú em Boiçucanga ficou sem realizar saques. “Tive que pedir dinheiro emprestado a um parente”, conta. Na mesma data, diversas pessoas reclamaram do problema também no terminal do Itaú em Juquehy. “O pior é que isso não acontece uma vez ou outra. É quase sempre. Sei de amigos que encerraram suas contas, tamanha a insatisfação”, revela Carol.
Sem conseguir retirar dinheiro no caixa do Itaú de Boiçucanga, a comerciante Valéria Matos efetuou uma transferência via Internet para uma conta de outro banco. “Foi a única maneira que encontrei para sacar”, disse. Na operação on-line ela pagou uma taxa de R$ 8.
Sem dinheiro - Na manhã da última sexta-feira o Imprensa Livre conferiu de perto o problema nos caixas-eletrônicos da Costa Sul. No principal shopping de Boiçucanga, onde estão instalados terminais do Bradesco, Banco do Brasil e Banco 24 Horas, apenas o do Bradesco funcionava.
O engenheiro Gerson Lima, da cidade de Joinvile (SC), que está passando férias em São Sebastião, foi um dos clientes prejudicados.“Os bancos deveriam prever o aumento da demanda durante a temporada e abastecer regularmente os caixas para evitar essa situação”, entende.
A paulistana Sandra Ribeiro, também surpreendida com o problema, disse que já havia tentado, sem sucesso, no caixa do Banco do Brasil de Maresias. “Agora não sei o que fazer. Ficar na praia sem dinheiro é duro”, lamenta Sandra.
Em Maresias, constatamos que, de fato, o auto-atendimento do BB apresentava o mesmo problema. A vendedora Rita de Cássia, que trabalha em uma loja ao lado do caixa, afirma que há mais de seis meses o local não disponibiliza saque. “Sei disso porque muita gente vem pedir informação aqui na loja sobre onde tem outro caixa do Banco do Brasil. Tem vezes que nem a impressão de comprovantes funciona”, comenta. Sábado à noite, a reportagem retornou ao shopping de Boiçucanga. Desta vez o caixa do BB estava desligado e as pessoas se aglomeravam na fila do Banco 24 Horas. (Fonte: Imprensa Livre)

PAT de São Sebastião divulga novas vagas de Emprego

São Sebastião - O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT), órgão ligado à Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Humano (Setradh) da Prefeitura de São Sebastião, divulgou nesta sexta-feira (11/1) as vagas disponíveis para emprego no município em diversas áreas.
As ocupações são para açougueiro, padeiro para Costa Sul, motoboy, barman, costureira industrial, cozinheiro de restaurante, manicure, garçom, motorista carreteiro, motorista de ônibus, eletricista de automóvel, técnico de refrigeração (instalação), mecânico de automóvel, acompanhante de idoso para morar, professor de administração, professor de engenharia, churrasqueiro, cabeleireiro, vendedor em domicílio com moto.
Os interessados devem procurar o PAT da região central, localizado na Rua João Cupertino dos Santos, 245, de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h. O telefone para contato é o (12) 3892-4606. Já na Costa Sul, o plantão do PAT fica na Avenida Walkir Vergani, 70, em Boiçucanga, em frente a Polícia Militar. Mais informações pelo telefone (12) 3865-4340.
Carteiras de Trabalho - Também está disponível no PAT, a emissão de carteira de trabalho. Os interessados precisam apresentar duas fotos 3x4 com fundo branco recentes e documento de qualificação civil (identidade, certificado de reservista, carta patente, carteira de identidade militar, certificado de dispensa de incorporação, certidão de nascimento ou casamento). (Fonte: PMSS)

Defesa Civil e Salvamar divulgam cuidados nos acidentes com água-viva

São Sebastião - Apesar do aparecimento de algumas águas-vivas nas praias de São Sebastião, em sua maioria na Costa Sul do município, não houve registros de acidentes com banhistas.
A Defesa Civil do município recomenda o afastamento imediato da água quando notada a presença das medusas. “Nunca se deve tentar pegar a água-viva e nem mesmo tentar tirá-las da água, pois algumas espécies, como a caravela, mais comum aqui no litoral, possuem até três metros de tentáculos”, ressalta Paulo Galeano, chefe da Defesa Civil.
De acordo com informações do 17º Grupamento do Corpo de Bombeiros, Salvamar Paulista, em caso de acidentes o recomendável é lavar o local com água salgada e depois com vinagre para neutralizar o pH do veneno da água-viva. O Tenente Danilo Godoy, do Salvamar, ressalta que o uso de água doce para lavar o local ou mesmo a urina, não é recomendável. “Em nossas viaturas mantemos sempre uma bisnaga de vinagre para prestar os primeiros socorros no caso de acidentes com águas-vivas. Após esses procedimentos, a pessoa deve procurar o posto de saúde mais próximo”, conclui. (Fonte: PMSS)

Prefeitura desvia trânsito para realização de obra na Topolândia

São Sebastião - Nesta sexta-feira (11/1), a Prefeitura de São Sebastião, por meio da Divisão de Tráfego (Ditraf), órgão ligado a Secretaria de Segurança Urbana (Segur), bloqueou o trânsito em um trecho da rua Santiago (até o número 368), localizada no bairro da Topolândia, região central, para a realização de uma obra. O fechamento segue até o dia 30 de janeiro.
No local, segundo a Ditraf, será construída uma nova galeria de água pluvial por uma empresa contratada pela administração municipal. O trânsito da avenida Itatinga, sentido Centro, foi desviado pela rua São Benedito, por onde o motorista deve entrar na rua Guilherme Fernando Costa e, no final dela, acessar novamente a rua Santiago.
Informações pelo telefone (12) 3892.1540 com a Ditraf. (Fonte: PMSS)

Procon recomenda pesquisa de preço para comprar material escolar
O valor cobrado pela matrícula nas escolas particulares também deve ser observado pelos pais

São Sebastião - O Procon (Programa de Orientação e Proteção ao Consumidor) de São Sebastião recomenda aos pais que realizem pesquisa de preço no mercado antes de comprar o material escolar de seus filhos. O órgão também sugere que só sejam adquiridos os produtos necessários, ou seja, os que estiverem na lista fornecida pela escola.
O chefe da Divisão de Atendimento, Marcos Roberto de Souza, alerta ainda para que os consumidores tenham cuidado nas compras a prazo, como verificar se o estabelecimento cobra juros quando o pagamento for parcelado. “Sabemos que há uma grande variação de preço de um comércio para outro. Pedimos para que o consumidor nunca compre na primeira loja que entre”, destaca.
Em 2007, segundo ele, alguns produtos chegaram a ter uma diferença de 500 a 700% entre os estabelecimentos que trabalham com material escolar.
Souza também falou sobre o pagamento da matrícula nos colégios particulares. Muitos deles estão dividindo o valor anual em mais de 12 parcelas e isso está confundindo a cabeça dos pais de alunos. “Não há nenhum impedimento nesta prática, mas não é recomendável porque a maioria dos pais acaba ficando atrapalhada. Isso é uma forma alternativa de cobrança, ou seja, não é obrigatória. Os pais podem negociar outras formas de pagamento”, explica.
Ainda com relação à matrícula, ele disse que geralmente as escolas estipulam o mês de janeiro para realizar o pagamento. “Não há nada de errado nisso, desde que a matrícula não exceda o valor anula do curso”, frisa Marcos Roberto.
O telefone de contato do Procon é o (12) 3892.1639. (Fonte: PMSS)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes Terra Caiçara ACIU

Idosa morre após ser atacada por dois pit bulls

Ubatuba - A idosa Luzia Benedita, de 84 anos, morreu após ser atacada por dois cães da raça pit bull, no quintal da casa em que morava, no bairro Perequê-Açu, no início da noite de sábado.
Ela morava de aluguel na residência dos fundos e os cachorros eram da proprietária do imóvel, M.C.M., de 56 anos, que morava na frente.
Segundo a Polícia Militar, no momento do ataque, não havia ninguém na casa, a idosa estava sozinha. Vizinhos escutaram gritos de socorro e chamaram a polícia, mas quando chegaram, ela já havia morrido por conta das diversas mordidas que levou.
A proprietária dos cães foi presa em flagrante acusada de homicídio culposo – quando não há intenção de matar. M. foi levada à delegacia, mas após pagar fiança em torno de R$ 1 mil, foi libertada e deve responder ao crime em liberdade.
O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) foi acionado, mas segundo a polícia não havia veterinário de plantão. Os animais ficaram presos em uma residência vizinha em que houve o ataque e hoje devem ser encaminhados ao CCZ. O corpo da idosa foi encaminhado, na tarde de ontem, para Taubaté onde os familiares aguardavam para realizar o velório. (Fonte: Imprensa Livre)

Bikelane na Avenida Leovigildo Dias Vieira começou a funcionar

Ubatuba - A “bikelane” que foi implantada pela Prefeitura de Ubatuba em toda a extensão da Avenida Leovigildo Dias Vieira, no bairro do Itaguá, começou a funcionar oficialmente nesta quinta-feira, 9. A partir desta data, quando a obra foi concluída, os motoristas passaram a respeitar a faixa exclusiva para ciclistas, estacionando ao lado desta faixa, onde não houver vagas a 45º. O objetivo desta faixa é ordenar o trânsito, principalmente no período de férias, em que o fluxo de bicicletas, carros e pedestres é intenso.
A bikelane é uma faixa destinada às bicicletas, que fica localizada ao lado de estacionamentos de carros, não prejudicando assim, o número de vagas existentes a 45º. No caso da Avenida Leovigildo, nos trechos onde não há este tipo de vaga, o eixo da pista foi mudado, para que os carros possam ficar estacionados do lado de fora da bikelane.
Outras ciclofaixas - Além da Avenida Leovigildo, estão previstas mais quatro bikelanes em trechos movimentados da cidades. A próxima bikelane, a ser implantada no início de fevereiro, será na Avenida Felix Guizard, desde a ponte que liga a Avenida Iperoig ao bairro, até a orla da praia do Perequê-Açu. Paralelamente, a Rua 15 de novembro, que liga o Itaguá ao Centro, passado pelo bairro Estufa I, também receberá a ciclofaixa.
O próximo bairro contemplado será o Taquaral, com uma bikelane que vai desde a Rodovia Rio Santos até o ponto final do ônibus. Também está prevista uma bikelane para a Avenida Rio Grande do Sul, em toda a sua extensão, até a Praça Tancredo Neves, interligada com a bikelane da Rua 15 de Novembro.
Segundo o prefeito Eduardo Cesar o objetivo do projeto, iniciado com as ruas Thomaz Galhardo e Conceição, é ordenar o fluxo nas regiões onde há grande concentração de moradores, que têm a bicicleta como principal meio de transporte. “Nós queremos proporcionar, tanto aos ciclistas, quanto aos pedestres e motoristas, a maior segurança possível no trânsito, destinando para cada um, o espaço adequado.” (Fonte: PMU)

Segunda etapa do “Interior na Praia” inicia hoje
Nesta segunda-feira, dia 14, chega a segunda turma do projeto “Interior na Praia”, que tem como principal objetivo proporcionar a crianças de ensino público, a oportunidade de conhecer o mar

Ubatuba - Durante a última semana, de 7 a 11, estiveram em Ubatuba cerca de 320 crianças, de oito cidades do interior, que vieram à cidade com o objetivo de conhecer o mar. Os estudantes, com faixa etária de 6 a 11 anos, vieram à cidade por meio do projeto “Interior na Praia”, que tem como principal objetivo trazer crianças da rede pública de ensino para conhecer o mar. Na próxima segunda-feira, 14, chegará mais uma turma de 320 crianças à cidade. Até o fim do mês, cerca 960 crianças terão passado por Ubatuba.
As crianças ficaram alojadas na Escola Municipal Padre José de Anchieta e tiveram uma ampla programação durante a semana em Ubatuba. Os roteiros incluíram, além de idas às praias da região, visitas ao Projeto Tamar, à Fundart e à Pista de Skate. Além disso, aconteceram concursos, interatividades com alunos de Ubatuba e festas.
Crianças das cidades de Redenção da Serra, Rafard, Sabino e Junqueirópolis tiveram também a oportunidade de conhecer e interagir com o comandante do primeiro navio que aportou em Ubatuba, na última quarta-feira, 9. O Capitão Guy Lockwood e o prefeito Eduardo Cesar encontraram com as crianças na Casa do Artesão, no centro da cidade.
Conhecendo o mar - O “Interior na Praia”, promovido pelo Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal (Cepam), em parceria com a prefeitura, que tem como principal objetivo, proporcionar a estas crianças a oportunidade de conhecer o mar.
A professora Ivana Capilupi, da cidade de Rafard, afirma que as crianças adoraram a experiência. “Esta é a primeira vez que a nossa cidade participa do programa e é também a primeira vez que as nossas crianças estão vendo o mar. Estamos achando tudo uma delícia.”
Segundo o prefeito Eduardo Cesar, é uma grande satisfação ter esta parceria com o Governo do Estado e o Cepam. “É uma bela oportunidade que temos de proporcionar às crianças momentos inesquecíveis em nossa cidade. Em contrapartida, nossas crianças também podem conhecer a realidade no interior do Estado. Espero que eles aproveitem cada minuto da viagem e tenham muitas lembranças boas da nossa cidade.”
As cidades visitantes - Nesta primeira semana, vieram crianças das cidades de Catanduva, Espírito Santo do Turvo, Junqueirópolis, Quintana, Rafard, Redenção da Serra, Sabino, e Sagres. Na próxima semana, virão crianças de Altinópolis, Alto Alegre, Cristais Paulistas, Itatinga, Paraíso, Pedra Bela, Pereiras e Pilar do Sul.
Caravanas do Conhecimento - As viagens das crianças de ensino fundamental são realizadas por meio do programa Caravanas do Conhecimento, que conta com duas etapas. A primeira delas é a etapa de verão, chamada “Interior na Praia” e acontece sempre em janeiro, trazendo crianças do interior para o litoral.
A segunda etapa chama-se “Redescobrindo o Interior” e faz o caminho inverso, levando crianças da capital e das cidades litorâneas para o interior do Estado. O Interior na Praia levou, em janeiro de 2007, oito mil crianças para conhecer o mar pela primeira vez, vindas de 190 municípios de todas as regiões do estado.
Patrocínios - Realizado pelo Governo do Estado, através das Secretarias de Economia e Planejamento e da Educação, e pelas Prefeituras Municipais, o Programa é organizado e coordenado pela Fundação Prefeito Faria Lima - Cepam (Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal) com a parceria de órgãos e secretarias estaduais, além do apoio da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo - Sabesp, da Fundação para o Remédio Popular – Furp e da Havaianas (São Paulo Alpargatas S/A). (Fonte: PMU)

Programa Onda Consciente apresenta teatro especial no Lázaro

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba, através das secretarias de Educação e de Meio Ambiente, está apoiando um evento que tem como objetivo sensibilizar os turistas e a comunidade local sobre a importância de conservar o ecossistema marinho. É o Programa Onda Consciente, desenvolvido pelo CEMAR – Centro de Estudos para a Conservação Marinha, que inicia neste sábado, 12, apresentações da peça de teatro “Na Companhia das Baleias”. As apresentações acontecerão no rancho dos pescadores e na Biblioteca do Lázaro.
Além da peça de teatro, para animar o público antes e depois das apresentações, bandas locais farão shows a partir das 10 horas. As apresentações ocorrerão em todos os sábados de janeiro até o carnaval. As apresentações terão como tema central as Baleias-de-Bryde, espécie freqüente nas ilhas do Litoral Norte e ainda pouco conhecida da população em geral.
Além de divulgar o conhecimento sobre a espécie, a baleia é tratada aqui como “espécie-bandeira”, isto é, uma ferramenta para despertar a consciência sobre a importância de manter a qualidade do mar, garantindo a disponibilidade de alimento para as baleias e conseqüentemente, contribuindo para a qualidade de vida das populações humanas. Serão tratados também temas como a importância das Unidades de Conservação para a manutenção da biodiversidade e para a reposição dos estoques pesqueiros. Outro objetivo é valorizar o trabalho dos pescadores locais e promover o seu envolvimento nas questões ambientais. (Fonte: PMU)

Polícia Rodoviária prende foragido no interior de ônibus

Ubatuba – Policiais Rodoviários prenderam o passageiro J.C.L, de 22 anos, por ser procurado da justiça, no interior de um ônibus. A prisão aconteceu durante fiscalização de rotina na altura do km 32, da rodovia Rio – Santos. O jovem foi preso na noite de sexta-feira e encaminhado para a cadeia pública. O ônibus saiu de Guaratinguetá, no Vale do Paraíba, com destino a Parati, e chegou em Ubatuba por volta das 22hs. (Fonte: Imprensa Livre)

Ubatuba participa do Fórum Social Mundial

Ubatuba - No final de Janeiro, milhares de pessoas ao redor do planeta irão marchar, protestar, celebrar e promover discussões em vilas, zonas ruais e centros urbanos em centenas de ações descentralizadas e auto-organizadas. Uma semana de mobilização, culminando em um Dia de Mobilização e Ação Global em 26 de Janeiro para mostrar que um outro mundo é possível.
Nestes mesmos dias, o “velho” mundo se encontrará em Davos para o Fórum Econômico Mundial, reunindo seus economistas e especialistas, suas ideologias e técnicas que produzem violência, exploração, exclusão, pobreza, fome e catástrofes ecológicas, privando a humanidade de seus direitos fundamentais e esgotando os recursos naturais da Terra.
O Fórum Social Mundial é um espaço aberto ao encontro de movimentos sociais, redes, ONGs e outras organizações da sociedade civil que pretendem levantar questões, debater idéias, formular propostas, compartilhar experiências e construir redes de articulação para ação concreta. Estes movimentos se opõem ao mundo dominado pelo capital e por todas as formas de imperialismo e dominação.
Desde o primeiro encontro em 2001, o Fórum Social Mundial se tornou um processo permanente de busca e construção de alternativas às políticas neoliberais.
Nos últimos sete anos, os Fóruns Sociais Mundiais aconteceram sempre no final de Janeiro em diferentes lugares do planeta e esse espírito de diversidade continuará a ser refletido nas atividades planejadas para o Dia de Mobilização e Ação Global de 2008.
Para mostrar que UM OUTRO MUNDO É POSSÍVEL e estruturar uma ação conjunta e organizada várias instituições de Ubatuba organizaram o movimento UBATUBA EM REDE.
No dia 25/01/08 a partir das 15 horas, no calçadão e na Praça Manoel da Nóbrega, as várias instituições estarão mostrando as ações desenvolvidas por essas entidades para a construção de um mundo mais justo, solidário e mais humano.
O objetivo é divulgar, dar visibilidade atrair a participação de novos voluntários, fortalecendo e ampliando o alcance dessas ações.
Também haverá a participação de grupos de rock e de hip hop e a apresentação da peça “Meio Ambiente ou Ambiente Inteiro”, dirigida por Jorge Lee, que aborda questões atuais relacionadas à qualidade de vida.
Venha conhecer e participar.
Dia 25/o1/08 a partir das 15 horas no calçadão
Contatos:
Sonia Bonfim – 3832 4598 – sonia107@itelefonica.com.br
Patrícia Maciel – 9139 5641 – patcavile@gmail.com
Rui A. Grilo – 3833 7701 - ragrilo@terra.com.br


SEMANA DE 11/01 A 17/01/2008
Cine Porto. 3833 2066

"BEE MOVIE-A HISTÓRIA DE UMA ABELHA"
Desenho!!! Dublado!!!
Ás 15:00 hs.

"A BÚSSOLA DE OURO"
Aventura!!! Dublado!!!
Ás 17:00 hs.

"ANTES SÓ QUE MAL CASADO"
Comédia !!!C/ Ben Stiller!!!!
Ás 19:20 hs -21:40 hs.

cineporto@hotmail.com

Poesia Topo

Vento antigo

Há muito tempo que não vejo
uma canoa a vela
igual existia antigamente
usando a força do terralão
para buscar em um instante
a companhia dos botos
e dos ousados navegantes.

Minha avó

Dona Eugênia
com grande ciência
cuidava
da casa
da horta
da fé
e dizia:
- Sem oração
não tem pirão.

 

Félix Cabral

Carta do Leitor
As mensagens, fotos e opiniões  publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As mensagens deverão conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.
Topo

Locais de Exibição

Bom dia. Hoje assisti pela primeira vez a programação deste canal www.marelegal.tv e adorei, realmente vocês estão de parabéns. Ubatuba realmente merece um site como este.
Moro em Mogi das Cruzes, tenho uma casa na Maranduba, uma praia esquecida pela administração local, não tem lixeiras na praia onde o lixo se acumula.
Mas o motivo de meu e-mail é outro, em Mogi sou assinante da Vivax e gostaria muito de assistir ao programa pelo canal local. Por favor estudem esta minha sugestão.
Um abraço e parabéns por essa iniciativa.

Elizabeth Bernardes
Mogi das Cruzes, SP

Mais um importante avanço do turismo de Ubatuba

Prezado Editor. Como ex (sofredor) secretário de turismo desta linda cidade não poderia de parabenizar aos esforços de todos os envolvidos na operação de buscar esta nova e rentável atividade turística através dos navios turísticos. Lembro-me dos esforços do Luiz Bischof, do "Kibe" - Presidente da ACIU, enfim, de vários empresários sérios e honestos, vários políticos (sérios e honestos "ídem"), que sempre acreditaram que a união deste propósito seria recompensado pelo sucesso desta empreitada. E eu, mesmo de longe, não poderia deixar de aplaudir. Parabens Ubatuba!

Sergio Luiz Alves Carvalho
Ex-Secretário de Turismo de Ubatuba
São Paulo, SP

Som na caixa que o Carnaval vem aí

Como ficam os noticiaristas que afirmaram, peremptoriamente, que o navio não vinha? Como fica o mau humor desses? Será que pior? Há, ainda, espaço pra isso? Que tal desarmar as carrancas?! Faz bem à saúde! Que tal ser amigo de Ubatuba? Não é uma boa idéia?
Boa coisa é saberem todos que para mau humor existe remédio, não na farmácia, mas no próprio cérebro. Em farmácia, tem para o fígado, que também ajuda!
A sobriedade na crítica é "bacana", não é mesmo? Todos podemos ter desafetos mas uma cidade não deve pagar por isso.
"...e o barquinho vai..., a tardinha cai..."
... lá, rá, rá...

Pedro Paulo Teixeira Pinto
Ubatuba, SP

Receptivo ou Pousada?

Bom Dia, o navio passou, com ele terminou o mutirão da prefeitura na avenida. Hoje ficamos surpresos com mais dois pontos comerciais no calçadão disputando espaço co ¨N ¨ barracas de operadoras de Escuna, varias barracas de venda de ostras e milho verde, agora estão montando barraca de venda de gelo por R$ 1,00 e com esta foto fiquei na duvida se é um ponto de recepção e informação turistica ou mais uma pousadinha irregular no calçadão, abraços.

Felipe Siqueira
Taubaté, SP

Onde temos bombeiro em Ubatuba?

Fiquei indignada ao receber o carnê de IPTU 2008, pois veio uma TAXA DE BOMBEIRO.
Liguei para Prefeitura e fui informada por um funcionário que essa taxa é obrigatória. Então perguntei: Onde temos um grupamento de incêndio em Ubatuba, onde têm caminhão pipa, bombeiros de verdade??? Só temos aqui, na TEMPORADA, alguns salva-vidas que não são BOMBEIROS (são contratados somente na TEMPORADA para os turistas, pois durante o ano todo, o caiçara pode morrer afogado que não tem UM QUE SEJE para salvá-lo). Se minha casa pegar fogo de onde virá o caminhão PIPA? De Caraguá? Até ele chegar aqui, já estou sem teto. E tive como resposta: essa taxa é para a Prefeitura primeiro arrecadar e depois instalar um grupamento em Ubatuba. É um absurdo, como vamos pagar uma taxa, que temos certeza de que em um ano não vão conseguir instalar um grupamento de incêndio aqui. Sabemos também que no ano que vem o SR EDUARDO CÉSAR poderá não ser não mais Prefeito. Pergunto: para onde irá a arrecadação? Será que essa arrecadação é realmente para bombeiro? Ou será que estamos pagando um certo jornal que foi lançado recentemente, muito caro e que o senhor prefeito diz ter feito com recursos próprios? Como pode um prefeito gastar horrores com jornal, com o salário que ele ganha e dizer que ELE mesmo bancou as despesas? Será que acreditamos em PAPEL NOEL, CEGONHA, COELHINHO DA PÁSCOA? Vamos fingir que sim para acreditarmos também nas promessas do prefeito, que teremos grupamento de incêndio em Ubatuba neste ano, com esses valores arrecadados. SERÁ POSSÍVEL? Ou será para montar mais IGREJAS para os seus fiéis cordeirinhos?? Por que o povo de Ubatuba não se reúne e não paga essa taxa? Pois ouvi muitas reclamações nas filas dos bancos referente a essa cobrança abusiva, absurda, sem sentido, uma facada no povo ubatubense (que coitado já ganha um salário de miséria).
Vamos criticar quando é preciso e elogiar também. Caraguatatuba tem grupamento de incêndio, será que eles pagam essa taxa? Se pagam, pagam com razão. Naquela cidade tem bombeiros. Aqui em Ubatuba, não. Caraguá está muito bonita, cuidada, ou seja, bem administrada. Caraguá teve prefeitos competentes, essa é a diferença. Não estamos falando de administrações anteriores em Ubatuba, e sim, da atual.
Espero que o povo ubatubense se conscientize do que á pagando e veja que o prefeito só está preocupado com a avenida Iperoig, que saiu como foto nos carnês do IPTU. Os bairros Perequê-Açú, Ipiranguinha, Estufas alagam quando chove. Esgotos vão para as ruas, ficam expostos a céu aberto. Por que o Prefeito não olha isso? É preciso sair na TV VANGUARDA o que aconteceu no Perequê-Açú no dia 06/01/2008? Só assim a Secretaria de Obras toma providência, depois de mostrar na TV o que nossa Cidade sofre. E sofre o ano todo. É bonito para sua imagem, Sr. Prefeito? Sair na TV é lindo, mas não dessa maneira, mostrando as PORCARIAS da nossa Cidade.

Otília Campi
Ubatuba, SP

Mais uma taxa para o contribuinte pagar

Até quando nós contribuintes vamos ter que arcar com os desperdícios da gestão publica. Agora criaram taxa bombeiro, como se tivesse carro de bombeiro apropriado para apagar incêndio em nossa cidade. Eu tenho certeza que se pegar fogo na minha casa ela vai ser destruída pelo fogo se depender de bombeiro, pois, que eu saiba não tem carro de bombeiro para apagar incêndios na cidade, e mesmo que tivesse nós já pagamos um imposto predial altíssimo e não deveríamos pagar mais nada, tudo que se faz no poder publico é para onerar cada vez mais o contribuinte, já pensaram se as pessoas assalariadas pudessem fazer a mesma coisa? Quando faltasse dinheiro para pagar as contas simplesmente chegassem para o patrão e diziam: a partir de hoje vou ganhar mais pois o meu salário não está dando para pagar as contas.
É exatamente o que acontece na administração publica, cada vez que falta dinheiro, em vez do administrador procurar verificar o que está acontecendo, se está havendo desperdício do dinheiro público, simplesmente inventa alguma taxa para o contribuinte pagar, assim fica fácil governar. Qualquer pessoa por mais matuto que seja consegue governar assim. Agora inventaram de cobrar zona azul no centro da cidade, alegando que as pessoas vem de carro na cidade e não tem onde estacionar seus carros, pois a vagas estão ocupadas pelos carros dos funcionários das empresas, prejudicando assim o comércio, oras, somente uma pessoa tapada não percebe que isso na verdade é mais uma forma de arrecadar nas costas do cidadão, pois qualquer comerciante "inteligente" e observador vai ver que 90% dos seus clientes são pessoas que andam de bicicleta ou usam o circular para vir a cidade, se o interesse do poder publico fosse realmente melhorar as condições do povo que os elegeu, procuraria fazer mais bicicletários, e melhorar o sistema de transportes coletivos, e não beneficiar meia dúzia de donos de carros que querem vir a cidade resolver problemas bancários e querem ter vagas a sua disposição para estacionar, em detrimento aos funcionários das empresas que provavelmente com muito esforço conseguiram adquirir um veiculo e vão ter que estacioná-los bem longe para que os que tem dinheiro sobrando possam estacionar seus veículos tranquilamente.

Francisco Bueno
Ubatuba, SP

Resposta a "Onde temos bombeiro em Ubatuba?"

É direito de qualquer cidadão se manifestar publicamente a respeito de alguma coisa ou fato.
Porém, é sinal de irresponsabilidade e leviandade falar mal de algo que não se conhece, por ignorância ou apenas por motivação política.
Não entrarei no mérito da taxa, aliás , estou em plena temporada e tenho muito o que fazer, apenas não posso me omitir, como comandante do Posto de Bombeiros Marítimo de Ubatuba, após ler este e-mail, de trazer à luz algumas verdades , contrariando algumas coisas FALSAS que a Sra Otília Campi escreveu,de forma leviana,a respeito de nosso serviço.
Primeiramente, a cidadã demonstra total ignorância em relação ao serviço de Guarda-vidas, que existe DURANTE TODO O ANO no município de Ubatuba, desde 1986. A sede do serviço foi durante 12 anos o terminal turístico e hoje fica situada na R. Guanabara, 18, Perequê-açu; conta com 44 bombeiros guarda-vidas da PMESP, que atendem cerca de 500 ocorrências por ano ( entenda-se muitas pessoas socorridas e salvas). Em número de pessoas salvas no litoral paulista, perdemos apenas para o Guarujá, para se ter uma idéia. Durante a temporada, recebemos REFORÇO de Guarda-vidas, contratados pela Prefeitura (30)e pela Petrobras(25), nossa patrocinadora, e nosso número aumenta consideravelmente para 99 homens. Contamos com 05 embarcações (01 Moto aquática, 03 botes de salvamento infláveis de 12 pés, com motores, e 01 lancha com motor de 90HP) e viaturas ( 02 Unidades de Resgate e Salvamento Aquático - MB Sprinter e outra Land Rover, 01 Kombi , 01 Uno, 01 moto operacional e carretas para transporte de embarcações) . Ao contrário do que a cidadã escreveu, o serviço existe permanentemente, todo o ano. Podem ir lá conhecer, será um prazer. Esta pessoa que escreveu, que não conheço, não procurou sequer essas informações, atacando levianamente o prefeito e envolvendo o nome do Corpo de Bombeiros na intriga. Isso é, no mínimo, vergonhoso. E demonstra também a falta de informação dela. Será que ela mora em Ubatuba mesmo ou só ouviu dizer? Se mora em Ubatuba, será que nunca viu uma viatura nossa ou um de nossos guarda-vidas fazendo a prevenção na praia???
Só peço um pouco de respeito ao serviço que já existe , que salva vidas e que tem uma estatística muito boa, reduzindo ano a ano o número de mortes por afogamento em nossas praias, que são também o maior atrativo turístico de Ubatuba. Também não é justo atacar alguém com mentiras ou "meias-verdades".
Como só o conhecimento afasta a ignorância, espero ajudar com mais algumas informações:
Durante a temporada também são enviadas duas viaturas e efetivo DE OUTRAS CIDADES, de Resgate e combate a incêndios, para nos auxiliar no atendimento de ocorrências, que aumentam de número absurdamente. Após a temporada, esses recursos retornam a suas cidades de origem, pois se trata apenas de um apoio temporário.
A construção do quartel do Corpo de Bombeiros de atendimento a emergências terrestres (basicamente RESGATE e INCÊNDIO) é viável sim, não é nenhum bicho de sete cabeças a construção do quartel, que já está em andamento, para que tenhamos este serviço o ano inteiro em nossa cidade e não tenhamos que esperar vir o socorro de Caraguatatuba, como sempre aconteceu fora de temporada, em todas as administrações até hoje. Eu acredito sim, apesar dessas picuinhas todas, que a cidade terá até meados desse ano o quartel em funcionamento.
Creio também que será uma grande conquista para TODOS, independente de tudo, a cidade ter aqui o seu Posto de Bombeiros de Incêndio ( reforçando para a Sra Otília: o de Salvamento Marítimo já existe e também somos bombeiros). Será excelente para o atendimento pré-hospitalar de acidentados, facilitará as vistorias preventivas, baixará o custo dos seguros da cidade, etc...Só quem já esperou o socorro chegar de Caraguatatuba preso nas ferragens de um carro é que pode dizer qual o valor de ter um quartel em nossa cidade (eu já estive com pessoas nessa situação e é desesperador até para nós, bombeiros). Não desejo para ninguém...
Mas é mais fácil atacar do que procurar saber, não é mesmo?
Um grande abraço, estou à disposição de qualquer pessoa que desejar mais informações, na sede do Posto de Bombeiros de Ubatuba, fone 12 3833-5373 (administrativo).

1º Tenente PM ALEXANDRE RODRIGUES DOS PASSOS
Comandante do Posto de Bombeiros de Ubatuba
" Pela preservação da vida a qualquer custo"

TJ deve declarar inconstitucional taxa de bombeiro
por Silvio Luís de Camargo Saiki

I — A instituição da Taxa de Bombeiro
Diante da dificuldade estatal de manter Corpos de Bombeiros em todos os municípios, o Estado de São Paulo, com base na Lei 684, de 30 de setembro de 1975, [1] autorizou o Poder Executivo Estadual a celebrar convênios de cooperação com municípios para a manutenção de unidades do Corpo de Bombeiros no território das respectivas municipalidades, devendo o Estado fornecer os efetivos (policiais militares do corpo de bombeiros) e as prefeituras locais subsidiar as necessidades materiais para o funcionamento das unidades instaladas.
Com base em acordo celebrado com o Estado de São Paulo, nos termos das disposições acima, a municipalidade de São Sebastião, litoral norte do Estado, por meio da Lei Complementar 79, de 19 de dezembro de 2006, [2] instituiu a "Taxa de Serviços de Bombeiros", visando captar recursos para o Fundo Municipal de Manutenção do Corpo de Bombeiros de São Sebastião, [3] com a finalidade de prover recursos para aquisição de combustíveis, peças e lubrificantes consumidos pelos veículos e equipamentos utilizados na execução dos serviços de bombeiros, bem como para a manutenção da infra-estrutura material e de formação para que o Corpo de Bombeiros desenvolva sua missão de prevenção e combate a incêndio, salvamento, resgate e demais serviços a ele afetos na região.
Segundo os dispositivos da Lei Complementar 79/96, a taxa será lançada anualmente e será "devida pela utilização, efetiva ou potencial, dos serviços de busca e salvamento aquáticos ou terrestres, serviços de proteção e combate a incêndio e de resgate, prestados pelo Corpo de Bombeiros, sendo cobrada, dos respectivos proprietários ou possuidores, em função do potencial calorífico dos imóveis, urbanos e rurais", situados no município de São Sebastião. A base para cálculo levará em conta o potencial calorífico do imóvel, medido em megajoule.

II — Da organização do Estado sobre segurança pública
Segundo dispõe os artigos 139, 141 e 142 da Constituição do Estado de São Paulo, a Segurança Pública é dever do Estado que a manterá por meio de sua polícia, a qual será integrada pelas polícias Civil, Militar e Corpo de Bombeiros. [4] Esta última tem, por sua vez, além de suas atribuições definidas em lei estadual, a execução das atividades de Defesa Civil.
De modo objetivo, a Constituição Paulista, ao estatuir as suas regras de organização, estabeleceu que são atribuições do Estado de São Paulo a disciplina, a organização e o funcionamento dos serviços inerentes à Segurança Pública deste Estado, não cabendo a qualquer outro órgão.
Aos municípios é permitida tão somente a constituição da guarda civil destinada à proteção de seus bens, serviços e instalações, respeitando-se a aplicação da legislação federal. [5]
Especificamente em relação ao Corpo de Bombeiros, a Carta Paulista estabelece que lei estadual prescreva condições para facilitar e estimular a criação de Corpos de Bombeiros Voluntários nos municípios. Sobre isto, importa alertar que a estimulação do voluntariado pelo Estado não implica a delegação de sua atribuição relativa à Segurança Pública, a qual continua sendo seu dever constitucional. O Corpo de Bombeiros presta serviço público propriamente dito e, portanto, privativo do Poder Público, não podendo ser exercido por voluntários. [6]
Evidencia-se, assim, que as municipalidades não possuem competência para prestar serviço de Segurança Pública, pois essa atividade é atribuição reservada ao Estado para preservação da ordem pública e incolumidade das pessoas e do patrimônio. Trata-se de atribuição constitucionalmente indelegável e o voluntariado exerce mera atividade de suporte ao serviço do Estado.
Ademais, os municípios, embora detentores de autonomia política, legislativa, administrativa e financeira devem atender, nos termos dos artigos 111 e 144 da Constituição Paulista, os princípios estabelecidos na Constituição Federal e Estadual, especialmente legalidade, finalidade, motivação e interesse público, não podendo, por isso, legislar sobre matéria exclusiva do Estado.
Por fim, sobre os critérios de repartição das competências, importa destacar que não se aplica ao caso exposto o critério do interesse local dos municípios, [7] pois em matéria de segurança pública não há predominância do interesse municipal sobre o do Estado.

III — Inconstitucionalidade da Taxa de Bombeiro de São Sebastião

III.1 — Inconstitucionalidade por afronta à organização do Estado
Em que pese a louvável finalidade da arrecadação da taxa de bombeiro pelo município de São Sebastião, a sua cobrança é inconstitucional.
Em primeiro plano, destaque-se que, de fato, o município de São Sebastião não detém poder de polícia, não presta e não disponibiliza os serviços de bombeiros ao cidadão-administrado, limitando-se a dar suporte material, nos termos da lei 684/75, ao Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo.
Outro aspecto é que, de direito, a Constituição do Estado de São Paulo estabelece que os municípios não possuem competência para prestar serviço de Segurança Pública, pois essa atividade é atribuição constitucionalmente reservada ao Estado para preservação da ordem pública e incolumidade das pessoas e do patrimônio.
Em remate, esse primeiro panorama já nos revela a inexistência da prestação ou disponibilização dos serviços de Corpo de Bombeiros pelo município de São Sebastião e, ainda, revela também que a impossibilidade jurídica de os municípios do Estado de São Paulo prestarem serviços de bombeiro advém da própria Constituição Estadual. (artigo 144) [8]
Nessa esteira, sob o enfoque jurídico-constitucional, a eventual prestação de serviços inerentes às atividades do Corpo de Bombeiros pelo município de São Sebastião, e eventualmente por outras municipalidades paulistas, configura, por si só, usurpação das atribuições do Estado, caracterizando inconstitucionalidade, de natureza administrativa, dos atos da administração municipal por afrontar os princípios de organização e autonomia do Estado insculpidos nos artigos 111, 139, 141, 142, 144 e inciso II do artigo 160, todos da Constituição Paulista. [9]

III.2 — Inconstitucionalidade tributária propriamente dita

III.2.1 — Hipótese tributária inconstitucional
Ademais, em decorrência dessa circunstância limitativa da competência administrativa dos municípios do Estado de São Paulo, podemos inferir, então, um segundo enfoque, no sentido de que eles também não podem instituir taxas visando captar recursos para a manutenção dos referidos serviços. Há também, por conseqüência, uma limitação constitucional à competência tributária dos municípios [10] para a instituição de taxas que prescrevam como hipótese tributária a prestação de serviços não incluídos em sua atribuição constitucional.
Assim, podemos notar que o poder de tributar por meio de taxas está limitado, vinculado à atribuição constitucional das atividades administrativas do ente político tributante, resultando que a instituição de taxas sobre serviços fora das suas atribuições, juridicamente impossíveis de serem prestados pelos municípios, configura outra inconstitucionalidade, agora de natureza tributária, por infração ao disposto no inciso II do artigo 160 da Constituição do Estado de São Paulo. [11]

III.2.2 — Base de cálculo inconstitucional
Como se não bastasse o apontamento acima, outra ótica revela mais uma inconstitucionalidade da famigerada taxa de bombeiro do município de São Sebastião. A instituição da referida exação também não cumpre a exigência prevista na parte final do inciso II do artigo 160 da Constituição Estado de São Paulo, qual seja a de não se tratar de serviço público específico e divisível.
Segundo os incisos II e III do artigo 79 do Código Tributário Nacional, consideram-se serviços públicos " específicos, quando possam ser destacados em unidades autônomas de intervenção, de unidade, ou de necessidades públicas" e "divisíveis, quando suscetíveis de utilização, separadamente, por parte de cada um dos seus usuários."
Nos termos da Lei Complementar municipal 79/06, a "taxa de serviços de bombeiros" estabelece como base de cálculo, critério mensurável do fato jurídico tributário, o potencial calorífico de cada imóvel em megajoule. Ora, relativamente a gama de serviços prestados pelo Corpo de Bombeiros, esta unidade de medida só serve para medir a especificidade do serviço relativamente a incêndios e, no litoral, como se sabe, a maior ocorrência dos serviços de bombeiros está relacionada com a busca e resgate de vítimas de afogamento, além de outras ocorrências com vítimas de trânsito em auto-estradas.
Por essa forma, ainda que desconsiderássemos as outras inconstitucionalidades acima apontadas, entendemos ausentes os critérios necessários a estabelecer a especificidade e divisibilidade [12] de toda a gama de serviços potencialmente utilizados pelos contribuintes, o que caracteriza mais uma infração ao disposto no inciso II do referido artigo 160 da Constituição Paulista. [13]
Como é cediço, a base de cálculo confirma, infirma ou afirma o critério material da hipótese de incidência tributária. No caso da pretensão do município de São Sebastião, a base de cálculo estipulada em megajoule infirma o critério material, pois revela manifesta incompatibilidade entre o padrão de medida e os serviços dimensionados como hipóteses tributárias. [14]

Postado no Jornal Agito Ubatuba
Por Cesar Prates
http://www.jornalagitoubatuba.com/modules.php?name=News&file=article&sid=673


Ria pra não chorar!

Curiosidades da Prova do ENEM!!!

"O sero mano tem uma missão...."
( A minha, por exemplo, é ter que ler isso! )

"O Euninho já provocou secas e enchentes calamitosas..."
( Levei uns minutos para identificar El Niño...)

"O problema ainda é maior se tratando da camada Diozanio!"
( Eu não sabia que a camada tinha esse nome bonito )

"Enquanto isso os Zoutros... tudo baixo nive..."
( Deus...!! )

"A situação tende a piorar: os madeireiros da Amazônia destroem a Mata Atlântica da região".
( E além de tudo, viajam prá caramba, não? )

"O que é de interesse coletivo de todos nem sempre interessa a ninguém individualmente".
( Entendeu??? Como que não????? )

"Não preserve apenas o meio ambiente e sim todo ele".
( Faz sentido...)

"O grande problema do Rio Amazonas é a pesca dos peixes."
( Puxa, achei que fosse a pesca dos pássaros )

"É um problema de muita gravidez."
( Com certeza... se seu pai usasse camisinha, não leríamos isso! )

"A AIDS é transmitida pelo mosquito AIDES EGIPSIO."
( Vai levar o Oscar essa...)

"Já está muito difícel de achar os pandas na Amazônia."
( Que pena. Também ursos e elefantes sumiram de lá.)

"A natureza brasileira tem 500 anos e já está quase se acabando".
( Foi trazida nas caravelas, certo? )

"O cerumano no mesmo tempo que constrói, também destrói, pois nós temos que nos unir para realizarmos parcerias juntos".
( Me esqueça, não conte comigo! )

"Na verdade, nem todo desmatamento é tão ruim. Por exemplo, o do Aeds Egipte seria um bom beneficácio para o Brasil".
( Vamos trocar as fumaças pelas moto-serras )

"Vamos mostrar que somos semelhantemente iguais uns aos outros".
( Nem tão iguais assim, percebe? )

".... menos desmatamentos , mais florestas arborizadas."
( Concordo! De florestas não arborizadas, basta o Saara! Socorro...)

"... provocando assim a desolamento de grandes expecies raras".
( Vocês não sabiam que os animais também tem depressão?)

"Nesta terra ensi plantando tudo dá".
( Isto deve ser o português arcaico que Caminha escrevia...)

"Isso tudo é devido ao raios ultra-violentos que recebemos todo dia".
( Meu Deus... Haja pára-raio! )

"Tudo isso colaborou com a estinção do micro-leão dourado"
( Quem teria sido o fabricante? Compac? Apple? IBM?)

"Imaginem a bandeira do Brasil. O azul representa o céu, o verde representa as matas, e o amarelo o ouro. O ouro foi roubado e as matas estão quase se indo. No dia em que roubarem nosso céu, ficaremos sem bandeira".
( Ainda bem que temos aquela faixinha onde está escrito "Ordem e Progresso")

"Ultimamente não se fala em outro assunto anonser sobre o araras azuls que ficam sob voando as matas".
( Talvez por terem complexo de urubus!!!! )

"... são formados pelas bacias esfereográficas".
( Imaginem as bacias da BIC )

"Eu concordo em gênero e número igual".

Enviado por
Flávio Médici
Ubatuba, SP

Assista a TV Litoral Virtual
Clique na tela abaixo para iniciar a transmissão
Foto do Dia Topo

Para participar desta seção basta enviar as fotos com crédito do autor e legenda, no tamanho mínimo
de 1024 x 768 pixels com resolução de 72dpi para fotododia@litoralvirtual.com.br.  O envio da foto caracteriza autorizada a sua publicação, assumindo o autor total responsabilidade pela publicação da mesma.

Praia da Santa Rita  ©Emilio Campi

Trilha na Itamambuca
©Márcio Naves

Envie sua foto!

Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor: Emilio Campi

GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

 

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor