Reflexões para uma vida melhor
 
Arquivo

Margareth Bravo
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Os Cavaleiros do Apocalipse IV

“E havendo aberto o quarto selo... e olhei e eis um cavalo amarelo, e o que estava assentado sobre ele tinha por nome morte; e o inferno o seguia; e foi lhe dado poder para matar a quarta parte da terra, com espada, e com fome, e com peste, e com feras da terra”. (Apocalipse 6:7 e 8)

Os cavaleiros do Apocalipse são quatro. Vimos o Cavalo Branco, o Vermelho, o Preto e agora veremos o Amarelo.

Relembramos que a visão de João dos quatro cavaleiros, é uma profecia que simbolicamente nos fala dos diferentes períodos pelos quais passaria a Igreja Cristã em sua trajetória histórica.

O Cavalo Amarelo simboliza o período de completa degradação da Igreja, que teve início no período do Cavalo Vermelho, acentuando-se no período do Cavalo Preto e tornou-se completamente apóstata neste último período. Lentamente ela foi se corrompendo e se contaminando . Os cristãos que outrora obedeciam fielmente a ordem divina: “Ao Senhor Deus adorarás, e só a Ele servirás” , neste período – que é o da Idade Média – eles passaram a praticar ações totalmente contrária ao que Jesus havia ensinado.

Em nome de Deus a Igreja começou a adorar imagens de escultura; a mudar as leis de Deus sob a alegação de ter autoridade para faze-lo; e chegou ao cúmulo de estabelecer a Inquisição, perseguindo, matando e destruindo aqueles que não concordavam com as doutrinas contaminadas que ensinavam. Por isso seu nome era Morte. Foi um período de supremacia da Igreja na Idade Média, pois ela havia conquistado também o mundo político. Misturou paganismo com cristianismo ensinando tradições humanas e mandamentos de homens. Inverteu-se a posição da Igreja, passando de perseguida no primeiro século a perseguidora na Idade Média. Na história universal encontramos fiel registro dessas profecias.

Por trás de tudo isso, estava o próprio Satanás com suas estratégias para enganar e desviar os homens da verdadeira adoração e obediência a Deus. Um dia ele disse que estabeleceria seu trono e seria adorado (ver Isaías 14: 13 e 14). E ele tem conseguido ser adorado através dos séculos, pelas pessoas que consegue desviar da verdadeira adoração ao Criador dos Céus e da Terra.

Mas ao longo da história, apesar da apostasia da Igreja de toda a verdade, sempre houve um pequeno grupo de pessoas fiéis a Deus – um remanescente que continua existindo e que é identificado no Apocalipse.

Margareth Bravo

 Artigos Anteriores

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba
Conheça as cidades do Litoral Norte:
Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba
Home Litoral Virtual - Home Page
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet

info@litoralvirtual.com.br
©1995/2010 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor

Sites do grupo: Litoral Virtual - Jornal Maranduba - PanoTour - Caraguá - Maranduba - Maré Legal - Truckmodelismo Brasil - ECampi